2ª QUINZENA DE DEZEMBRO DE 2014ANO IX - N.o
228 Tiragem 35 Mil | www.fb.com.br/FolhaItaimCuruca | raleste@gmail.com | Tel....
2ª QUINZENA DE
DEZEMBRO de 2014
Atualidade
ITAIM PAULISTA - F.: 2025-7777 - AV. MARECHAL TITO, 7003
ALPHAVILLE / BARUERI /...
2ª QUINZENA DE
DEZEMBRO de 2014
Comunidade
O Natal chega todos os
anos, à mesma hora, no
mesmo dia. E ainda assim,
previsí...
2ª QUINZENA DE
DEZEMBRO de 2014
Política
Um viajante ia caminhan-
do em solo distante, as mar-
gens de um grande lago de
á...
2ª QUINZENA DE
DEZEMBRO de 2014
Cotidiano
ademyrrodrigues-julhode2014
O PL foi enviado em regi-
me de urgência, nos termos...
2ª QUINZENA DE
DEZEMBRO de 2014
Variedades
O governador Geraldo
Alckmin anunciou nesta se-
gunda-feira, 15, a criação da
S...
2ª QUINZENA DE
DEZEMBRO de 2014
Mulher
Quatro espécies de abe-
lhas sem ferrão estão em
exposição no único zoológico
de in...
2ª QUINZENA DE
DEZEMBRO de 2014
Giro dos Famosos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Folha 228

268 visualizações

Publicada em

Folha

Publicada em: Design
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
268
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Folha 228

  1. 1. 2ª QUINZENA DE DEZEMBRO DE 2014ANO IX - N.o 228 Tiragem 35 Mil | www.fb.com.br/FolhaItaimCuruca | raleste@gmail.com | Tel.: (11) 2031-2364 O Natal chega todos os anos, à mesma hora, no mesmo dia. E ainda assim, previsível como é, nos des- O governador Geraldo Alckmin anunciou nesta se- gunda-feira, 15, a criação da Secretaria de Governo. Saulo de Castro Abreu Filho será o titular da nova pasta, que terá como foco acompanhar os projetos estratégicos do governo. Asecretaria terá duas sub- secretarias: Ações Estratégi- cas e Parceria e Inovações. A primeira terá como missão acompanhar o ritmo de proje- perta, motiva-nos, leva-nos a refletir e a pensar, anima ou entristece-nos. Todos os anos, esta data vem recheada de sensações, emo- ções e sentimentos adversos: felicidade e tristeza, ansiedade e paz, preenchimento e vazio, calor e frio. Com diferentes significa- dos – consoante as pessoas, as histórias... Pág 03 tos e obras do governo esta- dual, bem como monitorar o cronograma de execução e o valor de contratos. “Com a criação da Se- cretaria de Governo, esta- mos extinguindo a de Gestão Pública, cujas atribuições serão divididas entre a de Planejamento e a de Governo. Estamos atravessando um novo momento, que exige eficiência no cumprimento das políticas... Pág 06 O segredo é se deixar levar magia do Natal Governador Alckmin anuncia Saulo de Castro para Secretaria de Governo Casamentos gays represen- tam 0,35% das uniões no Brasil, diz IBGE Governo de SP assina convênio para reflorestar áreas de reservatórios Leia na pag. 04 Leia na pag. 06
  2. 2. 2ª QUINZENA DE DEZEMBRO de 2014 Atualidade ITAIM PAULISTA - F.: 2025-7777 - AV. MARECHAL TITO, 7003 ALPHAVILLE / BARUERI / CAMBUCI / CARAPICUÍBA / CENTRO / FRANCISCO MORATO / FRANCO DA ROCHA / ITAQUERA / JABAQUARA / LIBERDADE / MAIRIPORÃ / MAUÁ / GUARULHOS / PIRITUBA / SANTO AMARO / SANTO ANDRÉ / VILA MARIA Todos juntos fazem um trânsito melhor. Fan 150 ESDI 14/15 a/v 8.020, ou entr. 3.300,+48x199, (t.prazo 12.852,) c/ juros 2,43% a.m. (33,37% a.a.). Bros 150 ESD 14/14 a/v 10.650, ou entr. 2.200,+48x350, (t.prazo 19.000,) capacete e documentação inclusos (somente para motos financiadas, com lacração no Detran e 1ª parcela do IPVA). c/ juros 2,59% a.m. (35,84% a.a.). 500X STANDER 14/15 a/v 26.070, ou entr. 10.080,+48x506, (t.prazo 34.368,) c/ juros 2,43% a.m. (33,37% a.a.). Lead 110 14/14 a/v a partir 6.899, ou entr. 2.720,+48x175,33 (t.prazo 11.135,84) Banco Bradesco c/ juros 2,55% a.m. (35,35% a.a.). Tabela sujeita a alteração sem prévio aviso, conforme política de comercialização da fábrica.Consulte todas as informações em nosso showroom.Promoções válidas somente para os modelos anunciados até o término do estoque (2 unidades de cada).Ofertas não cumulativas com outras Imagens ilustrativas. Reservamos o direito de corrigir possíveis erros gráficos e de digitação. JAPAUTO JAPAUTO www.japauto.com.br BROS 150 ESD completa MENSAIS R$ 350, + ENTRADA CAPACETE E DOCUMENTAÇÃO GRÁTIS Somente para Bros Papai Noel chegou mais cedo. Venha conferir! LEAD110 MENSAIS R$ 175, 33 + ENTRADA FAN 150 ESDi MENSAIS R$ 199, + PEQUENA ENTR. CB 500X STD MENSAIS R$ 506, + ENTRADA Diretor Executivo: Jornalistas (fl): Designer Gráfico Reporter Fotográfico: Redes Sociais: Revisora: Gerente Financeiro: Comercial Distrib./Logistica: 35 mil exemplares Divaldo Rosa Silmara Galvão Nunes-MTb 51.096 Ademir Rodrigues Eduardo Rocha Bruno Barreto Rosa Prof. Suseli Corumba Rosa Ademir Rodrigues Ariane Andrade MULTI - Distrib. de Jornais e Folhetos As matérias publicadas são de exclusiva responsabilidade dos colaboradores e não representam necessariamente a opinião do Jornal. Os nomes dos colaboradores e representantes comerciais não mantém vínculo empregatício com a empresa. REDAÇÃO E PUBLICIDADE Fone/Fax: 2031-2364 / 2513-0928 Av. dos Guachos, 166 - 08030-360 - Vila Curuçá – SP www.aconteceagora.com.br | E-mail: raleste@gmail.com A marca Folha do Itaim existe a 42 anos, sendo 9 anos sob a direção do Grupo Acontece de Jornais e Revistas. CIRCULAÇÃO: Itaim Paulista, Vl Curuçá, Jd Robrú, Alto Tiete (Itaquá, Poá, Ferraz de Vasconcelos e Suzano) Um veículo do GRUPO ACONTECE de Jornais e Revistas Especialistas alertam que é preciso economizar água e evi- tar o desperdício o mais urgente possível. A água é um recurso natural precioso, essencial para a sobrevivência. Milhões de litros de água tratada pingam das torneiras todos os dias e não são utili- Contribua com o meio ambiente e economize água zados no consumo. No Brasil o desperdício de água é muito grande em razão do mau uso deste recurso. Veja abaixo os 10 manda- mentos para evitar o desper- dício: 1 - No Banho: Molhe-se, feche o chuveiro, se ensaboe e depois abra para se enxa- guar. Não fique com o chuveiro aberto. O consumo cairá de 180 para 48 litros. 2 - Ao escovar os dentes: escove os dentes e enxágue a boca com a água do copo. Economize 3 litros de água. 3 - Na descarga: Verifique se a válvula não está com de- feito, aperte-a uma única vez e não jogue lixo ou restos de comida no vaso sanitário. 4 - Na torneira: Uma torneira aberta gasta de 12 a 20 litros/ minuto. Pingando, 46 litros/dia. Isto significa 1.380 litros por mês. Feche bem as torneiras. 5 - Vazamentos: Um buraco de 2 milímetros no encanamen- to desperdiça cerca de 3 caixas d’água de mil litros. 6 – Na caixa d’água: Não a deixe transbordar e mantenha- -a tampada. 7 - Na lavagem de louças: Lavar louças com a torneira aberta, o tempo todo, desper- diça até 105 litros. Ensaboe a louça com a torneira fechada e depois enxágue tudo de uma vez. Na máquina de lavar são gastos 40 litros. Utilize-a somente quando estiver cheia. 8 - Regar jardins e plantas: No inverno, a rega pode ser fei- ta dia sim, dia não, pela manhã ou à noite. Use mangueira com esguicho-revólver ou regador. 9 - Lavar carro: com uma mangueira gasta 600 litros de água. Só lave o carro uma vez por mês, com balde de 10 litros, para ensaboar e enxaguar. Para isso, use a água da sobra da máquina de lavar louça. 10 - Na limpeza de quintal e calçadas use vassoura: Se pre- cisar utilize a água que sai do enxágue da máquina de lavar.
  3. 3. 2ª QUINZENA DE DEZEMBRO de 2014 Comunidade O Natal chega todos os anos, à mesma hora, no mesmo dia. E ainda assim, previsível como é, nos des- perta, motiva-nos, leva-nos a refletir e a pensar, anima ou entristece-nos. Todos os anos, esta data vem recheada de sensações, emoções e sentimentos adversos: felici- dade e tristeza, ansiedade e paz, preenchimento e vazio, calor e frio. Com diferentes significa- dos – consoante as pessoas, as histórias, os passados, o momento atual, o futuro que se aproxima – o Natal provo- ca sentimentos ambivalentes e ambíguos em muitas das pessoas que o vivem. É a saudade que se ins- tala, por todos os Natais pas- sados, felizes, que nunca se irão repetir, nem nunca sairão O segredo é se deixar levar pela magia do Natal da memória. É a expectativa de um novo amanhã (talvez melhor, talvez pior), a incer- teza do que virá os desejos de um futuro melhor. É o re- gresso àqueles que amamos e que nos amam o reatar das ligações significativas. É a curiosidade das prendas a ca- minho, o dar e o receber. É a alegria de reunir a família e/ou a tristeza de reunir a família. É tudo e não é nada. É bom e mau. Positivo e negativo. De todas as festas do ano, o Natal é sem dúvida a que cria maior alteração emocional, quer positiva, quer negativa, em todas as pesso- as que vivem esta época. Mas porquê? Pela importância dada à família? Pela importância dada ao consumo e ao poder de compra? Pelas expecta- tivas altas (às vezes, irrea- listas, até) criadas em torno desta época? Pelo final do ano civil em curso e o início de um novo ano? Por todos estes aspectos e muitos mais... A verdade é que o Natal chega, para alguns de nós, como o momento da verda- de, o “vai ou racha” da rotina que se instalou durante o ano e que não se quer re- petir, uma fase de transição que representa a possibi- lidade de uma mudança para melhor. E enquanto dura esta época festiva, enquanto duram os festejos de Natal, visualizam-se as possibilidades, deixam-se voar os sonhos, sempre na esperança de um amanhã mais meigo, mais recheado e colorido.
  4. 4. 2ª QUINZENA DE DEZEMBRO de 2014 Política Um viajante ia caminhan- do em solo distante, as mar- gens de um grande lago de águas cristalinas. Seu destino era a outra margem. Suspirou profundamente enquanto tentava fixar o olhar no horizonte. A voz de um homem coberto de idade, um barqueiro, quebrou o silêncio momentâneo, oferecendo-se para transportá-lo. O pequeno barco enve- lhecido, no qual a travessia seria realizada, era provido de dois remos de madeira de carvalho. Logo seus olhos perceberam o que pareciam ser letras em cada remo. Ao colocar os pés empoeirados dentro do barco, o viajante pode observar que se tratava de duas palavras, num deles estava entalhada a palavra ACREDITAR e no outroAGIR. Não podendo conter a curiosidade, o viajante per- guntou a razão daqueles Em 2013, ano em que uma resolução do Con- selho Nacional de Justiça (CNJ)determinou que os cartórios realizassem a união civil entre pessoas do mesmo sexo, o país re- gistrou 3.701 casamentos do tipo, apenas 0,35% do total. Deles, 52% foram entre mulheres e 48% entre homens. Os dados são das Estatísticas de Registro Civil 2013, di- vulgadas nesta terça-feira (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pela primeira vez o es- tudo analisou os números As praias são o des- tino de muitas famílias no verão. Mas quando se viaja com crianças adotar certas medidas é fundamental para que o passeio não vire motivo de preocupação. Alguns cuidados começam antes mesmo de pisar na areia. De acordo com San- dra de Oliveira Campos, pediatra da Unifesp (Uni- Casamentos gays representam 0,35% das uniões no Brasil, diz IBGE de casamentos gays no Brasil. Em 14 de maio de 2013, a resolução nº 175 do CNJ obrigou os car- tórios a realizarem casa- mento civil entre pessoas do mesmo sexo e também a converterem a união estável de gays e lésbicas em casamento. Antes, os cartórios poderiam se ne- gar a fazer o casamento. Segundo o levanta- mento, a maioria dos casamentos civis entre pessoas do mesmo sexo foram realizados no Su- deste (2.408) – sendo 80% da região em São Paulo. O estado é o que tem mais registros de casamentos gays no país (1.945), seguido do Rio de Janeiro (211) e Minas Gerais (209). No outro extremo está o Acre, com apenas um registro em todo o ano de 2013. Os sete estados da Região Norte juntos registraram 56 casamentos entre pes- soas do mesmo sexo. A maioria dos casais homossexuais que oficia- lizaram a união em 2013 era formada por pessoas solteiras – tantos entre homens (82,3%) quanto entre mulheres (75,5%). No casamento entre mu- lheres, 24,5% tinham pelo menos uma das cônjuges divorciada ou viúva – en- tre os homens essa pro- porção foi de 17,4%. Casamentos em ge- ral no Brasil. O total de registros de casamento ficou praticamente es- tável entre 2012 e 2013 – aumento de apenas 1,1%. No ano passado, 1.052.477 casais oficia- lizaram a união nos car- tórios do país. Os dados incluem casamentos entre pessoas com 15 anos ou mais. Praia exige atenção redobradas dos pais versidade Federal de São Paulo), a criança precisa se alimentar bem. Nada de estômago vazio antes de ir à praia ou à pisci- na. No cardápio matinal, priorize alimentos leves e saudáveis, como frutas. Outra providência é aplicar protetor solar. De acordo com a SBD (So- ciedade Brasileira de Der- matologia), para serem eficientes, todos os filtros solares devem ser apli- cados 30 minutos antes da exposição ao sol, com uma camada espessa, e reaplicados a cada duas horas, após entrada na água ou transpiração ex- cessiva. Lembre-se de que bebês menores de seis meses não podem usar o produto. Veja Álbum de fotos Mesmo empolgadas com o passeio, crianças precisam descansar entre um período e outro duran- te a exposição solar. “Elas precisam repor as ener- gias. É o momento de se alimentar adequadamente em casa e de se manter longe do sol em horários indevidos. Quanto menor a criança, mais tempo de descanso ela deve ter”, afirma a pediatra Sandra de Oliveira Campos. Cuidados com o sol Fonte de vitamina D, o sol faz bem à saúde da garotada desde que se respeite os horários de exposição: até as 10h e depois das 16h, seja qual for a idade do seu filho, e sempre utilizando filtro solar. Vale dizer que a reaplicação periódica é obrigatória, mesmo para os produtos com fatores de proteção altos. A efi- ciência do protetor ainda depende da aplicação correta, que deve ser feita com atenção em regiões mais vulneráveis a quei- maduras, como orelhas, pés e dobras. Acreditar e Agir nomes originais dados aos re- mos. O barqueiro respondeu pegando o remo chamado ACREDITAR e remando com toda força. O barco, então, começou a dar voltas sem sair do lugar em que estava. Em seguida, pegou o remo AGIR e remou com todo vigor. Novamente o barco girou em sentido oposto, sem ir adiante. Finalmente, o velho bar- queiro, segurando os dois remos, remou com eles si- multaneamente e o barco, impulsionado por ambos os lados, navegou através das águas do lago chegando ao seu destino, a outra margem. Então o barqueiro disse ao viajante: - Esse porto se chama autoconfiança. Simultanea- mente é preciso ACREDITAR e também AGIR para que possamos alcançá-la!
  5. 5. 2ª QUINZENA DE DEZEMBRO de 2014 Cotidiano ademyrrodrigues-julhode2014 O PL foi enviado em regi- me de urgência, nos termos do artigo 26 da Constituição do Estado, e se aprovado, o reajuste passa a valer a partir de 1º de janeiro O governador Geraldo Alckmin encaminhou nesta no dia 4 para a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo o Projeto de Lei Complementar que prevê o reajuste de 10,21% no piso Parceria público-privada prevê investimentos de até R$ 300 milhões. Com base em mapea- mento, estado vai plantar até 40 milhões de mudas. O governo de São Paulo assinou convênio com uma ONG para ter os dados de um mapeamento. The Natu- re Conservancy fez levanta- mento que mostra em quais áreas o reflorestamento ajudaria a melhorar quan- tidade e qualidade da água no Sistema Cantareira e do Alto Tietê. Os dois sistemas são os que mais sofrem com Governo apresenta Projeto de Lei que aumenta em mais de 10% o piso salarial dos servidores paulistas salarial dos servidores públi- cos estaduais da Administra- ção Direta, das Autarquias e da Procuradoria Geral de São Paulo. O estudo técnico realizado para a concessão do abono complementar foi feito pela Secretaria de Gestão Pública e, caso aprovado, deverá beneficiar cerca de 54,7 mil servidores, entre ativos, ina- tivos e pensionistas. Valores A propositura pretende atualizar os valores de piso estipulados para servidores que compõem as três faixas salariais referentes à carga horária de trabalho. Quem exerce a Jornada Completa (40 horas) passará a ganhar R$ 928; aqueles que cum- prem a Jornada Comum (30 horas) receberão R$ 696; já quem executa a Jornada Parcial (20 horas) ganhará R$ 464. Se aprovado esse abono complementar, o piso salarial do funcionalismo público pas- sará de R$ 842 para R$ 928. “Com este projeto de lei que enviamos à Assembleia, asseguramos aos servidores paulistas a mesma porcenta- gem de reajuste aplicada na iniciativa privada. É um es- forço direcionado ao trabalho e desempenho daqueles que fazem de São Paulo o maior Estado da Federação”, des- tacou o governador Geraldo Alckmin. Governo de SP assina convênio para reflorestar áreas de reservatórios a estiagem. Com base nessas infor- mações, o estado vai plantar até 40 milhões de mudas. Cerca de R$ 300 milhões serão investidos, e a maior parte desse dinheiro virá das compensações ambientais que empresas e pessoas físicas têm que pagar ao estado. A recuperação de áreas desmatadas nos mananciais vai aumentar a vida útil dos dois sistemas de abasteci- mento mais importantes de São Paulo, que já perderam 70% da vegetação original.
  6. 6. 2ª QUINZENA DE DEZEMBRO de 2014 Variedades O governador Geraldo Alckmin anunciou nesta se- gunda-feira, 15, a criação da Secretaria de Governo. Saulo de Castro Abreu Filho será o titular da nova pasta, que terá como foco acompanhar os projetos estratégicos do governo. Asecretaria terá duas sub- secretarias: Ações Estratégi- cas e Parceria e Inovações. A primeira terá como missão acompanhar o ritmo de proje- tos e obras do governo esta- dual, bem como monitorar o cronograma de execução e o valor de contratos. “Com a criação da Se- cretaria de Governo, esta- mos extinguindo a de Gestão Pública, cujas atribuições Governador Alckmin anuncia Saulo de Castro para Secretaria de Governo A nova pasta terá duas subsecretarias: Ações Estratégicas e Parceria e Inovações serão divididas entre a de Planejamento e a de Governo. Estamos atravessando um novo momento, que exige efi- ciência no cumprimento das políticas públicas, na entrega de obras e na formulação de aprimoramentos das políticas públicas”, explicou Alckmin. “O doutor Saulo de Castro Abreu Filho tem vasta experi- ência e fez um extraordinário trabalho à frente da Secretaria de Logística e Transportes”, completou o governador. A Unidade de Parceria Público Privada, hoje na Se- cretaria de Planejamento, passa a integrar a Secretaria de Governo. Caberá à pasta fomentar parcerias com o setor privado e organizações sociais, o que permitirá ao Estado ampliar sua capaci- dade de investimento sem aumentar a pressão sobre os recursos do tesouro estadu- al. Com a desaceleração da economia, os próximos anos apontam para uma situação fiscal que exigirá o máximo de criatividade da adminis- tração pública para garantir a continuidade dos programas e ações do Governo. Para reforçar seu papel na atração de investimentos privados, a Secretaria de Governo contará com a ex- periência das agências regu- ladoras do Governo, que a ela ficarão vinculadas: a Artesp (Agência Reguladora de Ser- viços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo) e a Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia). Também ficará ligada à secretaria a Corregedoria Ge- ral da Administração (CGA). Alckmin anunciou ainda a extinção da Secretaria de Gestão Pública, cujas fun- ções serão assumidas pela Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional. Saulo de Castro Abreu Filho é mestre em Direito pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) e atuou como professor na mesma uni- versidade. É procurador de Justiça desde 1987. Depois de assumir várias comarcas em cidades do interior e da Grande São Paulo, passou a titular do 1º Tribunal do Júri da Capital. Foi corregedor geral da Administração do Governo do Estado de São Paulo (1995-2000), presidente da Fundação Estadual do Bem- -Estar do Menor (Febem), atual Fundação Casa (2001), secretário da Segurança Pú- blica (2002-2006) e secretário de Logística e Transportes (2011-2014). Em 2014, foi nomeado secretário-chefe da Casa Civil. O Facebook está final- mente recebendo algumas funções para ajudar você a encontrar não apenas pes- soas e páginas, mas também posts específicos do passado. No exemplo acima, se você procurar pelo casamento de sua amiga Jessica, o app vai buscar posts com as palavras- -chave “Jessica” e “casamen- to” e, com sorte, retornar o resultado que você procura. É estranho pensar que isso não existia até agora. Além disso, o graph search do Facebook também está disponível nas plataformas Facebook finalmente cria uma busca por posts antigos móveis. A partir de agora, você poderá procurar por amigos de seus amigos que trabalham em determinada empresa sem precisar ir até um computador para fazer esta busca. Busca básica por pala- vras-chave em post não é um negócio tão complicado assim. Talvez você não queira se deparar com besteiras pos- tadas há um milhão de anos, mas para aqueles que não têm tanta vergonha assim, o passado está mais próximo do que nunca.
  7. 7. 2ª QUINZENA DE DEZEMBRO de 2014 Mulher Quatro espécies de abe- lhas sem ferrão estão em exposição no único zoológico de insetos do Brasil Crianças adoram insetos. Em geral, os pequenos cur- tem observar e até arriscam pegar esses seres bem meno- res que eles. Mas muitas ve- zes o contato se dá somente por meio de filmes ou livros, porque nas grandes cidades não há tantas oportunidades de contato com a bicharada na vida real. Imagine então poder vê-los de pertinho e sem correr o risco de tomar uma ferroada das abelhas. Essa brincadeira é possível com quatro espécies de abe- lhas sem ferrão, nativas do Estado de São Paulo, que o Instituto Biológico (IB-APTA), reuniu na capital paulista, onde o Instituto mantém o único zoológico de insetos do Brasil. O Planeta Inseto foi criado há quatro anos pelo Instituto Biológico, ligado à Agência Paulista de Tecnolo- gia dosAgronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. Desde sexta-feira, dia 5, o novo espaço, chama- do Recanto das Abelhas, foi incorporado para comemorar o aniversário do Planeta In- seto e oferecer uma opção de diversão durante as férias escolares. O espaço abriga o total de oito colmeias de abelhas. O Planeta Inseto é certificado pela norma ISO 9001:2008 para divulgação científica e cultural em ento- mologia, fica na Vila Mariana, em São Paulo, e é aberto para visitação de terça a do- mingo. As abelhas Jataí, Iraí, Mandaçaía e Uruçu-Amarela compõem o grupo em expo- sição. Além de proporcionar diversão, elas desempenham importante papel para o equi- líbrio ambiental. De acordo com o Diretor-geral do Insti- Comportamentos inade- quados vão desde a postura até a roupa e devem ser evi- tados Construir uma carreira bem sucedida depende de dezenas de fatores, e, entre eles, está o fato de o funcionário ser ou não facilmente adaptável ao universo em que está inserido. No mundo corporativo, existem regras subentendidas que fun- cionam para a grande maioria das empresas, e que, quando não respeitadas, arranham a imagem do empregado. Conheça agora alguns dos comportamentos considera- dos mais inadequados pelos chefes, e evite exercê-los a todo custo. FOFOCA É vista como uma das pio- res coisas do mundo corporati- vo, porque passa a ideia de que o funcionário não é confiável. Evite falar mal dos outros e expor suas vidas e suas con- dutas no trabalho. Além de moralmente condenável, ainda pode custar seu emprego. REDES SOCIAIS EM EXCESSO Ninguém está dizendo que o uso do Facebook, Twitter e outras redes sociais é proibido durante o expediente, mas sim que seu uso deve ser moderado, para evitar que se perca o foco e que a produti- vidade do funcionário caia. O dia a dia dos empregados de grandes companhias costuma ser bastante atribulado, então procure não perder tempo com o que não vai acrescentar nada naquele momento. Acesse as redes, mas saiba gerenciar bem seu tempo para não se prejudicar. FALTA DE PONTUALIDADE Problemas eventuais todo mundo tem, então não se de- sespere se em uma situação ou outra precisar chegar mais tarde ou sair mais cedo do es- critório. O problema é quando estes reajustes no relógio vi- ram algo frequente e interferem Abelhas sem ferrão são nova atração do Planeta Inseto no Instituto Biológico tuto Biológico,Antonio Batista Filho, elas são responsáveis pela polinização de grande parte das espécies vegetais existentes e, portanto, fun- damental para a alimentação humana, além de produzirem mel de excelente qualidade. “Os principais objetivos des- sas atrações estão na difusão de informações acerca da produção de mel pelas abe- lhas sem ferrão e a educação ambiental”, afirma Batista. A iniciativa conta com o apoio da empresa Syngenta. O Pla- neta Inseto está sediado no Museu do Instituto Biológico e possui autorização de manejo e exposição de insetos emi- tida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Re- cursos Naturais Renováveis (IBAMA) e pela Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo. Desde 2010, o Museu já recebeu cerca de 120 mil visitantes. Planeta Inseto Além das abelhas, os vi- sitantes podem ver baratas praticando corrida, lagartas tecendo fio de seda, formigas trabalhando em um sistema organizado e insetos que se assemelham a gravetos. A exposição Planeta Inseto disponibiliza ao público 25 atrações. De forma lúdica e interativa, o público recebe informações sobre o quanto os insetos estão presentes no cotidiano e sua importância para o ambiente, a produção de alimentos e a saúde hu- mana. “Existem mais de um milhão de espécies de insetos conhecidas e acredita-se que há mais outras sete milhões a serem descobertas. Eles representam mais da metade do nosso planeta. Apenas as formigas ocupam 15% do peso da Terra”, afirma Batista. Serviço Museu do Instituto Biológico - Planeta Inseto - R. Dante Pazzanese, 64 - Vila Mariana - São Paulo/SP Funcionamento: De terça a domingo, das 9h às 17h Mais informações: (11) 2613- 9500 / 9400 Os agendamentos podem ser feitos pelo e-mail plane- tainseto@biologico.sp.gov.br ou telefone (11) 2613-9500 / 9400. Fofoqueiro, reclamão, crítico: veja quais são os piores comportamentos dentro de um escritório no coletivo, às vezes atrasando reuniões, telefonemas impor- tantes e afetando as relações de trabalho. Lembre-se tam- bém que a pontualidade inclui a entrega de materiais solicitados pelos chefes e clientes, e que falhar nisso também é ruim para sua imagem. RECLAMAR SEM PARAR Funcionários que criticam sempre a empresa em que trabalham — seja por causa do salário, organização ou pessoal, não importa — são mal vistos em um ambiente corpo- rativo. Se você tem sugestões para melhorar o local em que está inserido, busque os canais oficiais para fazer suas queixas. POSTURA Procure maneirar no uso de palavrões, gírias e no volume que você costuma falar dentro do escritório. Além disso, tente vestir-se de maneira condizente com a profissão que você tem e com o código de etiqueta de sua área. Desta maneira, você será visto pelos chefes como alguém que estará sempre pronto a representar a empresa tanto física quanto verbalmente em qualquer momento que isso seja necessário. FALTA DE ORGANIZAÇÃO Este quesito diz respeito não só à organização do es- paço físico pessoal, como sua mesa de trabalho, por exemplo, mas também à sua agenda. Um bom funcionário sabe priorizar o que é mais urgente, e sabe também armazenar o que po- derá precisar usar mais para a frente, descartando o que é supérfluo. CRÍTICAS EM PÚBLICO Seja você um chefe ou um subordinado, tenha sempre o cuidado de não constranger qualquer colega fazendo críti- cas publicamente. No entanto, se quiser elogiar alguém por uma atitude positiva no ambien- te de trabalho, fique à vontade para fazê-lo na frente dos ou- tros funcionários, porque isso irá demonstrar o quanto você se preocupa em incentivar atitudes construtivas. INTERFERÊNCIA DA VIDA PESSOAL Bom senso é a chave deste tópico. É natural e aceitável que os funcionários atendam seus celulares, respondam emails e conversem com os colegas so- bre o que se passa na sua vida fora do escritório. No entanto, quando isso começa a virar prioridade, e não o trabalho em si, daí se tem um problema.
  8. 8. 2ª QUINZENA DE DEZEMBRO de 2014 Giro dos Famosos

×