E     R ÇS E                               NCONT OAÕ E NAR DE                                      SÃ PA O, 0 .F V 12     ...
QUE SOM                                               M OSHabitat para a                     O que HPH Brasil faz?Humanida...
QUE SOM                                                       M OSConstruímos E REFORMAMOS MORADIAS PARA FAMÍLIAS DE 3 A 5...
QUE SOM                                                          M OS                   Solução: recursos                 ...
Ç S M E HOR BIT CIONA                             AÕ E E M L IAHA A     L    OFERTA DE CRÉDITO E RECURSOS MOBILIZADOS PARA...
PRINCIPA R SUL A                                                       IS E T DOSRECONHECIMENTO E VISIBILIDADE DA IMPORTÂN...
PRINCIPA DE F                                             IS SAIOSPRINCIPAIS DESAFIOS DA ORGANIZAÇÃO PARA REALIZAR,MANTER ...
COM T NCIA                                                  PE     S ARTICULAÇÃO PARA REALIZAÇÃO EM PARCERIA ASSISTÊNCIA...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Habitat para a Humanidade - I Encontro Ações da Rede

1.333 visualizações

Publicada em

Apresentação: Habitat para Humanidade - Ações na Rede Clube da Reforma

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.333
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
640
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Habitat para a Humanidade - I Encontro Ações da Rede

  1. 1. E R ÇS E NCONT OAÕ E NAR DE SÃ PA O, 0 .F V 12 O UL 3 E .20HABITAT PARA A HUMANIDADE BRASILJULIANA MORETTIVANESSA TERAMOTO HIGAHTTP://WWW.HABITATBRASIL.ORG.BR/
  2. 2. QUE SOM M OSHabitat para a O que HPH Brasil faz?Humanidade Desenvolvimento Local e Comunitário + SOLUÇÕESBrasil HABITACIONAIS (execução, assistência técnica e trabalhoMissão: promover o social)desenvolvimento comunitário e Serviços financeiros (acesso aa moradia adequada para crédito e a subsídiosfamílias em situação de governamentais)vulnerabilidade Educação financeirasocioeconômica Assistência jurídica para acesso à segurança da posseÉ uma afiliada da rede Habitatfor Humanity (+ de 80 países), Promoção, Defesa e Incidênciacom mais de 500.000 soluções Políticahabitacionais no mundo Voluntariado
  3. 3. QUE SOM M OSConstruímos E REFORMAMOS MORADIAS PARA FAMÍLIAS DE 3 A 5 SALÁRIOSMÍNIMOS– EM PARCERIA COM GOVERNOS, EMPRESAS PRIVADAS, INDIVÍDUOS, ONGS E ENTIDADES– BAHIA, PERNAMBUCO E SÃO PAULO
  4. 4. QUE SOM M OS Solução: recursos financeiros com assistência técnica do arquiteto social para orientar a Desenvolvimento Local e reforma/melhoria. Comunitário + SOLUÇÕES HABITACIONAIS (execução, assistência técnica e trabalho social) Serviços financeiros (acesso a crédito e a subsídios governamentais) Educação financeira Assistência jurídica para acesso à segurança da posseProblema: falta Promoção, Defesa e Incidênciade revestimento, Políticapouca Voluntariadoventilação =umidade internae problemasrespiratórios.
  5. 5. Ç S M E HOR BIT CIONA AÕ E E M L IAHA A L OFERTA DE CRÉDITO E RECURSOS MOBILIZADOS PARA REFORMAS COM ASSISTÊNCIA TÉCNICA SUBSIDIADA PROGRAMA ARRUMANDO A CASA• MUSTARDINHA – PERNAMBUCO• BARREIROS, PALMARES E ÁGUA PRETA – PERNAMBUCO• MATA ESCURA E CALABETÃO – BAHIA• BOMBA DO HEMETÉRIO - PERNAMBUCO• JARDIM VALE DAS FLORES - TABOÃO DA SERRA – SÃO PAULO• HELIÓPOLIS – SÃO PAULO
  6. 6. PRINCIPA R SUL A IS E T DOSRECONHECIMENTO E VISIBILIDADE DA IMPORTÂNCIA DA ASSISTÊNCIA TÉCNICA;• 880 MELHORIAS HABITACIONAIS NOS PROJETOS EM SP, PE E BA, SENDO 180 EM TABOÃO DA SERRA-SP.• ENVOLVIMENTO DE APROXIMADAMENTE 400 VOLUNTÁRIOS AMPLIANDO O VINCULO COM A CAUSA;
  7. 7. PRINCIPA DE F IS SAIOSPRINCIPAIS DESAFIOS DA ORGANIZAÇÃO PARA REALIZAR,MANTER OU AMPLIAR AS AÇÕES DE MELHORIA HABITACIONALREALIZAÇÃO DE ANALISES DE MERCADOS LOCAIS (DEMANDA EOFERTA);DEFINIÇÃO DE PRODUTOS E SERVIÇOS ACESSÍVEIS,ESTANDARIZADOS E QUE RESPONDAM DE FORMA ADEQUADA ÀSNECESSIDADES HABITACIONAIS;MOBILIZAÇÃO DE RECURSOS QUE SIRVAM PARA SUBSIDIARPARTE DAS INTERVENÇÕES; SE SE PRETENDE ALCANÇAR OS MAISVULNERÁVEIS;ARTICULAÇÃO DAS INTERVENÇÕES DE REFORMAS COM OUTRASINICIATIVAS E AÇÕES PÚBLICAS E PRIVADAS EM CADACOMUNIDADE.
  8. 8. COM T NCIA PE S ARTICULAÇÃO PARA REALIZAÇÃO EM PARCERIA ASSISTÊNCIA TÉCNICA ACESSÍVEL ÀS FAMÍLIAS ASSOCIAÇÃO DE MORADORES DO JARDIM VALE DAS FLORES

×