SlideShare uma empresa Scribd logo

A igreja que somos, a igreja que queremos ser.

As sete igrejas da Ásia do Apocalipse fazendo uma comparação com a igreja atual.

1 de 31
Baixar para ler offline
A igreja que somos, a igreja que queremos ser.
APOCALIPSE 1.11
que dizia: O que
vês, escreve-o
num livro, e
envia-o às sete
igrejas: a Éfeso, a
Esmirna, a
Pérgamo, a
Tiatira, a Sardes, a
Filadélfia e a
Laodicéia.
ALGUNS FATOS
• QUEM FOI JOÃO?
• ONDE ESTAVA E PORQUE ESTAVA EM UMA
ILHA? (AP. 1.9)
• QUANDO ESCREVEU O LIVRO?
• QUAL O CONTEXTO HISTÓRICO?
• ONDE SE LOCALIZA A REGIÃO DAS IGREJAS
HOJE?
• QUAL FOI O PROPÓSITO DE ESCREVER PARA
AS IGREJAS DA ÁSIA E PARA QUEM?
Escreve, pois, as coisas que tens visto, e as que
são, e as que depois destas hão de suceder.
Apocalipse 1:19
A igreja que somos, a igreja que queremos ser.
A igreja que somos, a igreja que queremos ser.
Anúncio

Recomendados

Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Maduraguestc5d870
 
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,Felicio Araujo
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoErberson Pinheiro
 
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp0155647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01
55647979 casadosparasempre-100603144245-phpapp01Autonoma
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneMárcio Martins
 
Série Igreja A igreja que queremos ser
Série Igreja   A igreja que queremos serSérie Igreja   A igreja que queremos ser
Série Igreja A igreja que queremos serEid Marques
 
Discipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidadeDiscipulado um-a-um crescimento com qualidade
Discipulado um-a-um crescimento com qualidadeChristian Lepelletier
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Discipulado: uma necessidade urgente!
Discipulado: uma necessidade urgente!Discipulado: uma necessidade urgente!
Discipulado: uma necessidade urgente!Viva a Igreja
 
Vencendo as obras da carne - Pecados relacionais
Vencendo as obras da carne - Pecados relacionaisVencendo as obras da carne - Pecados relacionais
Vencendo as obras da carne - Pecados relacionaisMichel Plattiny
 
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroEdnilson do Valle
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblicovalmarques
 
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de DeusOs Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de DeusIBMemorialJC
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Quebrando paradigmas 1
Quebrando paradigmas 1Quebrando paradigmas 1
Quebrando paradigmas 1PedroVitalino1
 
O tribunal de cristo e os galardões
O tribunal de cristo e os galardõesO tribunal de cristo e os galardões
O tribunal de cristo e os galardõesMárcio Martins
 
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5Albérico Henrique
 
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelLição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelÉder Tomé
 
Estudos vocação e ministério
Estudos  vocação e ministérioEstudos  vocação e ministério
Estudos vocação e ministérioJoel Silva
 
Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadeIBMemorialJC
 
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOAPOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOBispoAlberto
 
Vaso novo ou vaso quebrado
Vaso novo ou vaso quebradoVaso novo ou vaso quebrado
Vaso novo ou vaso quebradodimas campos
 
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espíritoLição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espíritoErberson Pinheiro
 
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito   02 - amor, aleria. pazO fruto do espírito   02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. pazCleudson Corrêa
 

Mais procurados (20)

Discipulado: uma necessidade urgente!
Discipulado: uma necessidade urgente!Discipulado: uma necessidade urgente!
Discipulado: uma necessidade urgente!
 
Vencendo as obras da carne - Pecados relacionais
Vencendo as obras da carne - Pecados relacionaisVencendo as obras da carne - Pecados relacionais
Vencendo as obras da carne - Pecados relacionais
 
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
 
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de DeusOs Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
 
Quebrando paradigmas 1
Quebrando paradigmas 1Quebrando paradigmas 1
Quebrando paradigmas 1
 
Aprendendo com os erros de sansão
Aprendendo com os erros de sansãoAprendendo com os erros de sansão
Aprendendo com os erros de sansão
 
O tribunal de cristo e os galardões
O tribunal de cristo e os galardõesO tribunal de cristo e os galardões
O tribunal de cristo e os galardões
 
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
Todos os versículos da bíblia sobre dízimos e ofertas 6.5
 
Santificação
SantificaçãoSantificação
Santificação
 
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelLição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
 
Estudos vocação e ministério
Estudos  vocação e ministérioEstudos  vocação e ministério
Estudos vocação e ministério
 
Educação cristã
Educação cristãEducação cristã
Educação cristã
 
Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de Santidade
 
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOAPOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
 
Santidade
SantidadeSantidade
Santidade
 
Vaso novo ou vaso quebrado
Vaso novo ou vaso quebradoVaso novo ou vaso quebrado
Vaso novo ou vaso quebrado
 
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espíritoLição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
Lição 1- As obras da carne e o fruto do espírito
 
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito   02 - amor, aleria. pazO fruto do espírito   02 - amor, aleria. paz
O fruto do espírito 02 - amor, aleria. paz
 

Destaque

Marcas de uma igreja que agrada a deus
Marcas de uma igreja que agrada a deusMarcas de uma igreja que agrada a deus
Marcas de uma igreja que agrada a deusRaquel Tessari
 
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)Daniel Junior
 
Qual é a nossa função no corpo da igreja?
Qual é a nossa função no corpo da igreja?Qual é a nossa função no corpo da igreja?
Qual é a nossa função no corpo da igreja?Leandro Sales
 
Sê o exemplo
Sê o exemploSê o exemplo
Sê o exemploADPC109
 
Temperamentos transformados - melancólicos
Temperamentos transformados -  melancólicosTemperamentos transformados -  melancólicos
Temperamentos transformados - melancólicosRodrigo Alcantara
 
Um Jovem De Vida Exemplar
Um Jovem De Vida ExemplarUm Jovem De Vida Exemplar
Um Jovem De Vida ExemplarPaulistana
 
Estudo BíBlico Ser E Fazer DiscíPulos, Eis A MissãO
Estudo BíBlico Ser E Fazer DiscíPulos, Eis A MissãOEstudo BíBlico Ser E Fazer DiscíPulos, Eis A MissãO
Estudo BíBlico Ser E Fazer DiscíPulos, Eis A MissãOguestd0fe75
 
Temperamento Controlado pelo Espirito Santo
Temperamento Controlado pelo Espirito SantoTemperamento Controlado pelo Espirito Santo
Temperamento Controlado pelo Espirito SantoRobson Soares Urschei
 
Mandamentos da Mutualidade - Um Estudo para EBD
Mandamentos da Mutualidade - Um Estudo para EBDMandamentos da Mutualidade - Um Estudo para EBD
Mandamentos da Mutualidade - Um Estudo para EBDMárcio Melânia
 
Uma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibradaUma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibradaMoisés Sampaio
 
Curto Cirucuito - Palestra Para Jovens Evangélicos.
Curto Cirucuito - Palestra Para Jovens Evangélicos.Curto Cirucuito - Palestra Para Jovens Evangélicos.
Curto Cirucuito - Palestra Para Jovens Evangélicos.Cristiano Marinho Maciel
 
Discipulado na Prática
Discipulado na PráticaDiscipulado na Prática
Discipulado na PráticaNarlea Walkyse
 

Destaque (20)

Marcas de uma igreja que agrada a deus
Marcas de uma igreja que agrada a deusMarcas de uma igreja que agrada a deus
Marcas de uma igreja que agrada a deus
 
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
Estudo Bíblico 1 Coríntios - Estudo 3 (power point)
 
Qual é a nossa função no corpo da igreja?
Qual é a nossa função no corpo da igreja?Qual é a nossa função no corpo da igreja?
Qual é a nossa função no corpo da igreja?
 
Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma
 
Sê o exemplo
Sê o exemploSê o exemplo
Sê o exemplo
 
Personalidade carater ou teperamento
Personalidade   carater ou teperamentoPersonalidade   carater ou teperamento
Personalidade carater ou teperamento
 
Relacionamento interpessoal
Relacionamento interpessoalRelacionamento interpessoal
Relacionamento interpessoal
 
Temperamentos
TemperamentosTemperamentos
Temperamentos
 
Temperamentos transformados - melancólicos
Temperamentos transformados -  melancólicosTemperamentos transformados -  melancólicos
Temperamentos transformados - melancólicos
 
Um Jovem De Vida Exemplar
Um Jovem De Vida ExemplarUm Jovem De Vida Exemplar
Um Jovem De Vida Exemplar
 
Estudo BíBlico Ser E Fazer DiscíPulos, Eis A MissãO
Estudo BíBlico Ser E Fazer DiscíPulos, Eis A MissãOEstudo BíBlico Ser E Fazer DiscíPulos, Eis A MissãO
Estudo BíBlico Ser E Fazer DiscíPulos, Eis A MissãO
 
Temperamento Controlado pelo Espirito Santo
Temperamento Controlado pelo Espirito SantoTemperamento Controlado pelo Espirito Santo
Temperamento Controlado pelo Espirito Santo
 
Personalidade Fleumático e o Cristão
Personalidade Fleumático e o CristãoPersonalidade Fleumático e o Cristão
Personalidade Fleumático e o Cristão
 
Mandamentos da Mutualidade - Um Estudo para EBD
Mandamentos da Mutualidade - Um Estudo para EBDMandamentos da Mutualidade - Um Estudo para EBD
Mandamentos da Mutualidade - Um Estudo para EBD
 
Comunhão e mutualidade
Comunhão e  mutualidadeComunhão e  mutualidade
Comunhão e mutualidade
 
Tiatira, a Igreja Tolerante
Tiatira, a Igreja ToleranteTiatira, a Igreja Tolerante
Tiatira, a Igreja Tolerante
 
Uma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibradaUma vida cristã equilibrada
Uma vida cristã equilibrada
 
9. epístola de paulo 1' coríntios
9. epístola de paulo 1' coríntios9. epístola de paulo 1' coríntios
9. epístola de paulo 1' coríntios
 
Curto Cirucuito - Palestra Para Jovens Evangélicos.
Curto Cirucuito - Palestra Para Jovens Evangélicos.Curto Cirucuito - Palestra Para Jovens Evangélicos.
Curto Cirucuito - Palestra Para Jovens Evangélicos.
 
Discipulado na Prática
Discipulado na PráticaDiscipulado na Prática
Discipulado na Prática
 

Semelhante a A igreja que somos, a igreja que queremos ser.

Escrevendo o apocalipse.
Escrevendo o apocalipse.Escrevendo o apocalipse.
Escrevendo o apocalipse.nenzin1
 
AS SETE IGREJAS DO APOCALIPSE
AS SETE IGREJAS DO APOCALIPSEAS SETE IGREJAS DO APOCALIPSE
AS SETE IGREJAS DO APOCALIPSELourenil Ferreira
 
Livro- 7 IGREJA DO APOCALIPSE -BIBLIA SAGRADA
Livro- 7 IGREJA DO APOCALIPSE -BIBLIA SAGRADALivro- 7 IGREJA DO APOCALIPSE -BIBLIA SAGRADA
Livro- 7 IGREJA DO APOCALIPSE -BIBLIA SAGRADAELIAS OMEGA
 
Livro As 7 Igrejas Do Apocalipse.
Livro As 7 Igrejas Do Apocalipse.Livro As 7 Igrejas Do Apocalipse.
Livro As 7 Igrejas Do Apocalipse.Silva Gonçalves
 
Pérgamo - A Igreja que Fraquejou
Pérgamo - A Igreja que FraquejouPérgamo - A Igreja que Fraquejou
Pérgamo - A Igreja que FraquejouIBMemorialJC
 
1 reavivamento e-reforma
1 reavivamento e-reforma1 reavivamento e-reforma
1 reavivamento e-reformagildiney
 
“Andeis como sábios”
“Andeis como sábios”“Andeis como sábios”
“Andeis como sábios”JUERP
 
A importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptxA importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptxCesarArajo2
 
apocalipse ou mundo em transicao.pptx
apocalipse ou mundo em transicao.pptxapocalipse ou mundo em transicao.pptx
apocalipse ou mundo em transicao.pptxHenrique Vieira
 
MALAQUIAS_2
MALAQUIAS_2MALAQUIAS_2
MALAQUIAS_2Enerliz
 
15-dia-26ago14-apostasia-da-igreja-atual1.pptx
15-dia-26ago14-apostasia-da-igreja-atual1.pptx15-dia-26ago14-apostasia-da-igreja-atual1.pptx
15-dia-26ago14-apostasia-da-igreja-atual1.pptxTiago Silva
 

Semelhante a A igreja que somos, a igreja que queremos ser. (20)

Escrevendo o apocalipse.
Escrevendo o apocalipse.Escrevendo o apocalipse.
Escrevendo o apocalipse.
 
APOCALIPSE 2.pptx
APOCALIPSE 2.pptxAPOCALIPSE 2.pptx
APOCALIPSE 2.pptx
 
AS SETE IGREJAS DO APOCALIPSE
AS SETE IGREJAS DO APOCALIPSEAS SETE IGREJAS DO APOCALIPSE
AS SETE IGREJAS DO APOCALIPSE
 
O livro das revelacoes
O livro das revelacoesO livro das revelacoes
O livro das revelacoes
 
Livro- 7 IGREJA DO APOCALIPSE -BIBLIA SAGRADA
Livro- 7 IGREJA DO APOCALIPSE -BIBLIA SAGRADALivro- 7 IGREJA DO APOCALIPSE -BIBLIA SAGRADA
Livro- 7 IGREJA DO APOCALIPSE -BIBLIA SAGRADA
 
Livro As 7 Igrejas Do Apocalipse.
Livro As 7 Igrejas Do Apocalipse.Livro As 7 Igrejas Do Apocalipse.
Livro As 7 Igrejas Do Apocalipse.
 
TESSALONICENSES
TESSALONICENSESTESSALONICENSES
TESSALONICENSES
 
Pérgamo - A Igreja que Fraquejou
Pérgamo - A Igreja que FraquejouPérgamo - A Igreja que Fraquejou
Pérgamo - A Igreja que Fraquejou
 
Apocalipse 2
Apocalipse 2Apocalipse 2
Apocalipse 2
 
Apocalipse 2
Apocalipse 2Apocalipse 2
Apocalipse 2
 
1 reavivamento e-reforma
1 reavivamento e-reforma1 reavivamento e-reforma
1 reavivamento e-reforma
 
“Andeis como sábios”
“Andeis como sábios”“Andeis como sábios”
“Andeis como sábios”
 
Separação
SeparaçãoSeparação
Separação
 
A importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptxA importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptx
 
apocalipse ou mundo em transicao.pptx
apocalipse ou mundo em transicao.pptxapocalipse ou mundo em transicao.pptx
apocalipse ou mundo em transicao.pptx
 
Ir a igreja ou ser a igreja
Ir a igreja ou ser a igrejaIr a igreja ou ser a igreja
Ir a igreja ou ser a igreja
 
MALAQUIAS_2
MALAQUIAS_2MALAQUIAS_2
MALAQUIAS_2
 
Apocalipse 003
Apocalipse   003Apocalipse   003
Apocalipse 003
 
15-dia-26ago14-apostasia-da-igreja-atual1.pptx
15-dia-26ago14-apostasia-da-igreja-atual1.pptx15-dia-26ago14-apostasia-da-igreja-atual1.pptx
15-dia-26ago14-apostasia-da-igreja-atual1.pptx
 
A Igreja Espiritual.ppt
A Igreja Espiritual.pptA Igreja Espiritual.ppt
A Igreja Espiritual.ppt
 

Mais de Cleide Corrêa

Mensagem Missionária - A visão de Pedro e a conversão de Cornélio
Mensagem Missionária - A visão de Pedro e a conversão de CornélioMensagem Missionária - A visão de Pedro e a conversão de Cornélio
Mensagem Missionária - A visão de Pedro e a conversão de CornélioCleide Corrêa
 
Romanos Lição 13 - Cristãos exemplares
 Romanos Lição 13 - Cristãos exemplares Romanos Lição 13 - Cristãos exemplares
Romanos Lição 13 - Cristãos exemplaresCleide Corrêa
 
Romanos Lição 12 - As autoridades e a posição do crente
Romanos Lição 12 - As autoridades e a posição do crenteRomanos Lição 12 - As autoridades e a posição do crente
Romanos Lição 12 - As autoridades e a posição do crenteCleide Corrêa
 
Romanos Lição 11 - Cuidado com os fracos na fé
Romanos Lição 11 - Cuidado com os fracos na féRomanos Lição 11 - Cuidado com os fracos na fé
Romanos Lição 11 - Cuidado com os fracos na féCleide Corrêa
 
Romanos Lição 10 - Israel no plano de deus
Romanos Lição 10 - Israel no plano de deusRomanos Lição 10 - Israel no plano de deus
Romanos Lição 10 - Israel no plano de deusCleide Corrêa
 
Atos Lição 4 - Resistindo às investidas do inimigo
Atos Lição 4 - Resistindo às investidas do inimigoAtos Lição 4 - Resistindo às investidas do inimigo
Atos Lição 4 - Resistindo às investidas do inimigoCleide Corrêa
 
Atos Lição 3 - Em nome de Jesus Cristo
Atos Lição 3 - Em nome de Jesus CristoAtos Lição 3 - Em nome de Jesus Cristo
Atos Lição 3 - Em nome de Jesus CristoCleide Corrêa
 
Atos Lição 2 - Cheios do Espírito Santo
Atos Lição 2 - Cheios do Espírito SantoAtos Lição 2 - Cheios do Espírito Santo
Atos Lição 2 - Cheios do Espírito SantoCleide Corrêa
 
Atos Lição 1 - Resgatando a visão missionária
Atos Lição 1 - Resgatando a visão missionáriaAtos Lição 1 - Resgatando a visão missionária
Atos Lição 1 - Resgatando a visão missionáriaCleide Corrêa
 
Lição 9 - Bênçãos sem medida
Lição 9 - Bênçãos sem medidaLição 9 - Bênçãos sem medida
Lição 9 - Bênçãos sem medidaCleide Corrêa
 
Lição 8 - Esperança, intercessão e eleição
Lição 8 - Esperança, intercessão e eleiçãoLição 8 - Esperança, intercessão e eleição
Lição 8 - Esperança, intercessão e eleiçãoCleide Corrêa
 
Lição 7 - A graça produz vida nova
Lição 7 -  A graça produz vida novaLição 7 -  A graça produz vida nova
Lição 7 - A graça produz vida novaCleide Corrêa
 
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificaçãoRomanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificaçãoCleide Corrêa
 
Romanos lição 2 - Desvios morais - ontem e hoje
Romanos lição 2 - Desvios morais - ontem e hojeRomanos lição 2 - Desvios morais - ontem e hoje
Romanos lição 2 - Desvios morais - ontem e hojeCleide Corrêa
 
Romanos lição 1 - Apresentando o Evangelho
Romanos lição 1  - Apresentando o EvangelhoRomanos lição 1  - Apresentando o Evangelho
Romanos lição 1 - Apresentando o EvangelhoCleide Corrêa
 

Mais de Cleide Corrêa (15)

Mensagem Missionária - A visão de Pedro e a conversão de Cornélio
Mensagem Missionária - A visão de Pedro e a conversão de CornélioMensagem Missionária - A visão de Pedro e a conversão de Cornélio
Mensagem Missionária - A visão de Pedro e a conversão de Cornélio
 
Romanos Lição 13 - Cristãos exemplares
 Romanos Lição 13 - Cristãos exemplares Romanos Lição 13 - Cristãos exemplares
Romanos Lição 13 - Cristãos exemplares
 
Romanos Lição 12 - As autoridades e a posição do crente
Romanos Lição 12 - As autoridades e a posição do crenteRomanos Lição 12 - As autoridades e a posição do crente
Romanos Lição 12 - As autoridades e a posição do crente
 
Romanos Lição 11 - Cuidado com os fracos na fé
Romanos Lição 11 - Cuidado com os fracos na féRomanos Lição 11 - Cuidado com os fracos na fé
Romanos Lição 11 - Cuidado com os fracos na fé
 
Romanos Lição 10 - Israel no plano de deus
Romanos Lição 10 - Israel no plano de deusRomanos Lição 10 - Israel no plano de deus
Romanos Lição 10 - Israel no plano de deus
 
Atos Lição 4 - Resistindo às investidas do inimigo
Atos Lição 4 - Resistindo às investidas do inimigoAtos Lição 4 - Resistindo às investidas do inimigo
Atos Lição 4 - Resistindo às investidas do inimigo
 
Atos Lição 3 - Em nome de Jesus Cristo
Atos Lição 3 - Em nome de Jesus CristoAtos Lição 3 - Em nome de Jesus Cristo
Atos Lição 3 - Em nome de Jesus Cristo
 
Atos Lição 2 - Cheios do Espírito Santo
Atos Lição 2 - Cheios do Espírito SantoAtos Lição 2 - Cheios do Espírito Santo
Atos Lição 2 - Cheios do Espírito Santo
 
Atos Lição 1 - Resgatando a visão missionária
Atos Lição 1 - Resgatando a visão missionáriaAtos Lição 1 - Resgatando a visão missionária
Atos Lição 1 - Resgatando a visão missionária
 
Lição 9 - Bênçãos sem medida
Lição 9 - Bênçãos sem medidaLição 9 - Bênçãos sem medida
Lição 9 - Bênçãos sem medida
 
Lição 8 - Esperança, intercessão e eleição
Lição 8 - Esperança, intercessão e eleiçãoLição 8 - Esperança, intercessão e eleição
Lição 8 - Esperança, intercessão e eleição
 
Lição 7 - A graça produz vida nova
Lição 7 -  A graça produz vida novaLição 7 -  A graça produz vida nova
Lição 7 - A graça produz vida nova
 
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificaçãoRomanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
 
Romanos lição 2 - Desvios morais - ontem e hoje
Romanos lição 2 - Desvios morais - ontem e hojeRomanos lição 2 - Desvios morais - ontem e hoje
Romanos lição 2 - Desvios morais - ontem e hoje
 
Romanos lição 1 - Apresentando o Evangelho
Romanos lição 1  - Apresentando o EvangelhoRomanos lição 1  - Apresentando o Evangelho
Romanos lição 1 - Apresentando o Evangelho
 

Último

Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNilson Almeida
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxRodrigoTavares484059
 
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptxMarta Gomes
 
Novena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNovena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNilson Almeida
 
A Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioA Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioNilson Almeida
 
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptxLição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptxCelso Napoleon
 
Limpeza Espiritual 21 Dias Arcanjo Miguel
Limpeza Espiritual 21 Dias Arcanjo MiguelLimpeza Espiritual 21 Dias Arcanjo Miguel
Limpeza Espiritual 21 Dias Arcanjo MiguelNilson Almeida
 
Novena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNovena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNilson Almeida
 
Orações Cristãs Diárias
Orações Cristãs DiáriasOrações Cristãs Diárias
Orações Cristãs DiáriasNilson Almeida
 
Lição 7 - O Ministério da Igreja - 18fev2024.pptx
Lição 7 - O Ministério da Igreja - 18fev2024.pptxLição 7 - O Ministério da Igreja - 18fev2024.pptx
Lição 7 - O Ministério da Igreja - 18fev2024.pptxCelso Napoleon
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdfSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdfjoseciceroroberto197
 
Oração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeOração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeNilson Almeida
 
Apresentação Programação Agenda Semanal Igreja Moderno Branco Verde Roxo ...
Apresentação Programação Agenda Semanal Igreja Moderno Branco Verde Roxo ...Apresentação Programação Agenda Semanal Igreja Moderno Branco Verde Roxo ...
Apresentação Programação Agenda Semanal Igreja Moderno Branco Verde Roxo ...advbrunomoretti
 

Último (20)

Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada Conceição
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
 
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
 
Novena A São José
Novena A São JoséNovena A São José
Novena A São José
 
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
4.2.3 - Ressurreição da carne - Paraíso - Inferno - Pugatório.pptx
 
Novena De Santa Marta
Novena De Santa MartaNovena De Santa Marta
Novena De Santa Marta
 
Novena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNovena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De Cristo
 
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdfCarta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
 
A Couraça De São Patrício
A Couraça De São PatrícioA Couraça De São Patrício
A Couraça De São Patrício
 
Orações Vocacionais
Orações VocacionaisOrações Vocacionais
Orações Vocacionais
 
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptxLição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
Lição 8 - A Disciplina na Igreja - .pptx
 
Limpeza Espiritual 21 Dias Arcanjo Miguel
Limpeza Espiritual 21 Dias Arcanjo MiguelLimpeza Espiritual 21 Dias Arcanjo Miguel
Limpeza Espiritual 21 Dias Arcanjo Miguel
 
Novena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNovena De Santa Teresinha
Novena De Santa Teresinha
 
Orações Cristãs Diárias
Orações Cristãs DiáriasOrações Cristãs Diárias
Orações Cristãs Diárias
 
Orações Vocacionais
Orações VocacionaisOrações Vocacionais
Orações Vocacionais
 
Lição 7 - O Ministério da Igreja - 18fev2024.pptx
Lição 7 - O Ministério da Igreja - 18fev2024.pptxLição 7 - O Ministério da Igreja - 18fev2024.pptx
Lição 7 - O Ministério da Igreja - 18fev2024.pptx
 
Invocação À Luz
Invocação À LuzInvocação À Luz
Invocação À Luz
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdfSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS - PDF.pdf
 
Oração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeOração Da Sobriedade
Oração Da Sobriedade
 
Apresentação Programação Agenda Semanal Igreja Moderno Branco Verde Roxo ...
Apresentação Programação Agenda Semanal Igreja Moderno Branco Verde Roxo ...Apresentação Programação Agenda Semanal Igreja Moderno Branco Verde Roxo ...
Apresentação Programação Agenda Semanal Igreja Moderno Branco Verde Roxo ...
 

A igreja que somos, a igreja que queremos ser.

  • 2. APOCALIPSE 1.11 que dizia: O que vês, escreve-o num livro, e envia-o às sete igrejas: a Éfeso, a Esmirna, a Pérgamo, a Tiatira, a Sardes, a Filadélfia e a Laodicéia.
  • 3. ALGUNS FATOS • QUEM FOI JOÃO? • ONDE ESTAVA E PORQUE ESTAVA EM UMA ILHA? (AP. 1.9) • QUANDO ESCREVEU O LIVRO? • QUAL O CONTEXTO HISTÓRICO? • ONDE SE LOCALIZA A REGIÃO DAS IGREJAS HOJE? • QUAL FOI O PROPÓSITO DE ESCREVER PARA AS IGREJAS DA ÁSIA E PARA QUEM?
  • 4. Escreve, pois, as coisas que tens visto, e as que são, e as que depois destas hão de suceder. Apocalipse 1:19
  • 8. IGREJA EM ÉFESO – Ap. 2. 2 a 7 Conheço as tuas obras, e o teu trabalho, e a tua perseverança; sei que não podes suportar os maus, e que puseste à prova os que se dizem apóstolos e não o são, e os achaste mentirosos; e tens perseverança e por amor do meu nome sofreste, e não desfaleceste. Tenho, porém, contra ti que deixaste o teu primeiro amor. Lembra-te, pois, donde caíste, e arrepende-te, e pratica as primeiras obras; e se não, brevemente virei a ti, e removerei do seu lugar o teu candeeiro, se não te arrependeres. Tens, porém, isto, que aborreces as obras dos nicolaítas, as quais eu também aborreço. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas. Ao que vencer, dar-lhe-ei a comer da árvore da vida, que está no paraíso de Deus.
  • 9. QUANDO UMA IGREJA PERDE O ENTUSIASMO? - Perder o entusiasmo é achar que tudo está bom, tanto faz; - A pessoa não “vibra” com as boas notícias, nem se “espanta” com más; - A pessoa vive num estado de inércia, uma falta de movimento total, uma preguiça inesgotável.
  • 10. IGREJA CARACTERÍSTICA ÉFESO Século 1 PERDEU O ENTUSIASMO ESMIRNA Ano 100 a 313 PERSEGUIDA
  • 11. IGREJA EM ESMIRNA – Ap. 2. 9 e 10 Conheço a tua tribulação e a tua pobreza {mas tu és rico}, e a blasfêmia dos que dizem ser judeus, e não o são, porém são sinagoga de Satanás. Não temas o que hás de padecer. Eis que o Diabo está para lançar alguns de vós na prisão, para que sejais provados; e tereis uma tribulação de dez dias. Sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida.
  • 13. QUANDO SOMOS PERSEGUIDOS? - Por leis feitas por homens que ferem as Leis de Deus; As leis contém heresias que ditam valores para a sociedade diferentes dos valores cristãos; - Pela mídia televisiva e pela internet que tenta incutir na mente das pessoas que os valores cristãos estão ultrapassados, sugere também que também que todo pastor é “ladrão” por causa dos dízimos dos cristãos e tenta de toda forma prejudicar a igreja com reportagens maliciosas.
  • 14. Mateus 5:11 Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa. Romanos 5:3-4 E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência, E a paciência a experiência, e a experiência a esperança.
  • 15. IGREJA CARACTERÍSTICA ÉFESO Século 1 PERDEU O ENTUSIASMO ESMIRNA Ano 100 a 313 PERSEGUIDA PÉRGAMO Século 4, 5 e 6 DAR OUVIDOS A FALSOS PROFETAS
  • 16. IGREJA EM PÉRGAMO – Ap. 2. 13 a 17 Sei onde habitas, que é onde está o trono de Satanás; mas reténs o meu nome e não negaste a minha fé, mesmo nos dias de Antipas, minha fiel testemunha, o qual foi morto entre vós, onde Satanás habita. Entretanto, algumas coisas tenho contra ti; porque tens aí os que seguem a doutrina de Balaão, o qual ensinava Balaque a lançar tropeços diante dos filhos de Israel, introduzindo-os a comerem das coisas sacrificadas a ídolos e a se prostituírem. Assim tens também alguns que de igual modo seguem a doutrina dos nicolaítas. Arrepende-te, pois; ou se não, virei a ti em breve, e contra eles batalharei com a espada da minha boca. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas. Ao que vencer darei do maná escondido, e lhe darei uma pedra branca, e na pedra um novo nome escrito, o qual ninguém conhece senão aquele que o recebe.
  • 17. IGREJA CARACTERÍSTICA ÉFESO Século 1 PERDEU O ENTUSIASMO ESMIRNA Ano 100 a 313 PERSEGUIDA PÉRGAMO Século 4, 5 e 6 DAR OUVIDOS A FALSOS PROFETAS TIATIRA Século 6 ao 15 TOLERANTE AO PECADO
  • 18. IGREJA EM TIATIRA – Apocalipse 2:18-28 Conheço as suas obras, o seu amor, a sua fé, o seu serviço e a sua perseverança, e sei que você está fazendo mais agora do que no princípio. No entanto, contra você tenho isto: você tolera Jezabel, aquela mulher que se diz profetisa. Com os seus ensinos, ela induz os meus servos à imoralidade sexual e a comerem alimentos sacrificados aos ídolos. Dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua imoralidade sexual, mas ela não quer se arrepender. Por isso, vou fazê-la adoecer e trarei grande sofrimento aos que cometem adultério com ela, a não ser que se arrependam das obras que ela pratica. Matarei os filhos dessa mulher.
  • 19. Então, todas as igrejas saberão que eu sou aquele que sonda mentes e corações, e retribuirei a cada um de vocês de acordo com as suas obras. Aos demais que estão em Tiatira, a vocês que não seguem a doutrina dela e não aprenderam, como eles dizem, os profundos segredos de Satanás, digo: não porei outra carga sobre vocês; tão- somente apeguem-se com firmeza ao que vocês têm, até que eu venha. Àquele que vencer e fizer a minha vontade até o fim darei autoridade sobre as nações. "Ele as governará com cetro de ferro e as despedaçará a um vaso de barro“ Eu lhes darei a mesma autoridade que recebi autoridade de meu Pai. Também lhe darei a estrela da manhã.
  • 20. - Se diz Cristã mas não se diferencia das práticas dos incrédulos. As pessoas continuam a praticar as mesmas coisas que praticavam antes de serem crentes; - Não tem certeza da fé que seguem, não leem a palavra de Deus, são levados por vento de doutrina uns até começam a seguir outras religiões ou seitas. QUANDO A IGREJA DÁ OUVIDO A FALSOS MESTRES E TOLERA O PECADO?
  • 21. I Co. 5.11 / 6.10 / 10.28a / II Co. 11. 13 a 15 / Gl. 1 6 a 8 Mas agora estou lhes escrevendo que não devem associar-se com qualquer que, dizendo-se irmão, seja imoral, avarento, idólatra, caluniador, alcoólatra ou ladrão. Com tais pessoas vocês nem devem comer. nem ladrões, nem avarentos, nem alcoólatras, nem caluniadores, nem trapaceiros (Ap. 21.8) herdarão o Reino de Deus. Mas se alguém lhe disser: "Isto foi oferecido em sacrifício", não coma,... Pois tais homens são falsos apóstolos, obreiros enganosos, fingindo-se apóstolos de Cristo. Isto não é de admirar, pois o próprio Satanás se disfarça de anjo de luz. Portanto, não é surpresa que os seus servos finjam que são servos da justiça. O fim deles será o que as suas ações merecem.
  • 22. Admiro-me de que vocês estejam abandonando tão rapidamente aquele que os chamou pela graça de Cristo, para seguirem outro evangelho que, na realidade, não é o evangelho. O que ocorre é que algumas pessoas os estão perturbando, querendo perverter o evangelho de Cristo. Mas ainda que nós ou um anjo do céu pregue um evangelho diferente daquele que lhes pregamos, que seja amaldiçoado! (Anátema)
  • 23. IGREJA CARACTERÍSTICA ÉFESO Século 1 PERDEU O ENTUSIASMO ESMIRNA Ano 100 a 313 PERSEGUIDA PÉRGAMO Século 4, 5 e 6 DAR OUVIDOS A FALSOS PROFETAS TIATIRA Século 6 ao 15 TOLERANTE AO PECADO SARDES Século 17 E 18 DESATENTA
  • 24. IGREJA EM SARDES – Apocalipse 3:2-6 Esteja atento! Fortaleça o que resta e que estava para morrer, pois não achei suas obras perfeitas aos olhos do meu Deus. Lembre-se, portanto, do que você recebeu e ouviu; obedeça e arrependa-se. Mas se você não estiver atento, virei como um ladrão e você não saberá a que hora virei contra você. No entanto, você tem aí em Sardes UNS POUCOS que não contaminaram as suas vestes. Eles andarão comigo, vestidos de branco, pois são dignos. O vencedor será igualmente vestido de branco. Jamais apagarei o seu nome do livro da vida, mas o reconhecerei diante do meu Pai e dos seus anjos. .
  • 25. - Ficar desatento é não vigiar: I PEDRO 5.8: Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar; - Ficar desatento é dar mais atenção às coisas do mundo do que as coisas de Deus; - Igreja desatenta/distraída, não ora, não lê a Bíblia, não estuda a Bíblia, perde o foco e não evangeliza, não é organizada. QUANDO A IGREJA É DESATENTA?
  • 26. IGREJA CARACTERÍSTICA ÉFESO Século 1 PERDEU O ENTUSIASMO ESMIRNA Ano 100 a 313 PERSEGUIDA PÉRGAMO Século 4, 5 e 6 DAR OUVIDOS A FALSOS PROFETAS TIATIRA Século 6 ao 15 TOLERANTE AO PECADO SARDES Século 17 e 18 DESATENTA FILADÉLFIA Século 18 e 19 FIEL
  • 27. IGREJA EM FILADÉLFIA - Apocalipse 3:8-12 Conheço as tuas obras; eis que diante de ti pus uma porta aberta, e ninguém a pode fechar; tendo pouca força, guardaste a minha palavra, e não negaste o meu nome. Eis que eu farei aos da sinagoga de Satanás, aos que se dizem judeus, e não são, mas mentem: eis que eu farei que venham, e adorem prostrados a teus pés, e saibam que eu te amo. Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra. Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa. A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, e dele nunca sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém, que desce do céu, do meu Deus, e também o meu novo nome.
  • 28. A IGREJA FIEL - É entusiasmada / motivada; - É perseguida, mas firme na fé; - Não tolera o pecado; - Não aceita falsas doutrinas; - Não faz negócios, nem se ajunta com pessoas escarnecedoras da palavra de Deus; - É atenta à obra do Senhor, evangelizar é seu foco, tem amor pela obra missionária; - É viva! - Faz tudo para a Glória de Deus!
  • 29. IGREJA CARACTERÍSTICA ÉFESO Século 1 PERDEU O ENTUSIASMO ESMIRNA Ano 100 a 313 PERSEGUIDA PÉRGAMO Século 4, 5 e 6 DAR OUVIDOS A FALSOS PROFETAS TIATIRA Século 6 ao 15 TOLERANTE AO PECADO SARDES Século 17 e 18 DESATENTA FILADÉLFIA Século 18 e 19 FIEL LAODICÉIA Era presente SOBERBA E MORNA
  • 30. IGREJA EM LAODICÉIA - Apocalipse 3:15-21 Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; quem dera foras frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca. Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta; e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu; Aconselho-te que de mim compres ouro provado no fogo, para que te enriqueças; e roupas brancas, para que te vistas, e não apareça a vergonha da tua nudez; e que unjas os teus olhos com colírio, para que vejas. Eu repreendo e castigo a todos quantos amo; sê pois zeloso, e arrepende-te. Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo. Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono.