Pesquisa de autor - Procução Audiovisual I

252 visualizações

Publicada em

Pesquisa de autor para a UC de Produção Audiovisual I da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro - 2012/2013

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
252
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
94
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pesquisa de autor - Procução Audiovisual I

  1. 1. Comunicação e MultimédiaUniversidade de Trás-os-Montes e Alto Douro João Botelho Cláudia Vieira – 54601 Produção Audiovisual I
  2. 2. Sinopse:• A curta retrata a vida de dois amigos, juntos desde a infância. Chegados à adolescência, começam a deparar-se com alguns momentos da vida difíceis e ao que esses podem levar. Um dos amigos, opta pelo caminho das drogas, talvez o caminho mais “feliz” para muitos adolescentes nos dias de hoje. O outro amigo, ao deparar-se com as experiências do seu amigo de infância deixa-se levar pela influência de ser importante e popular como o outro. Habitua-se a cenários degradantes e depara-se com atitudes que até então achava impossíveis, como o facto de que com isto, todos são capazes de pisar quem mais gostam para atingir os seus fins.
  3. 3. Biografia:Nome: João BotelhoData e Local de Nascimento: 11 deMaio de 1949 – Lamego, PortugalEstudos: Cinema no ConservatórioNacional; Engenharia Mecânica naUniversidade de Coimbra.Profissão: Cineasta
  4. 4. Curiosidades: Foi cineclubista, no Porto e em Coimbra, onde dirigiu oCITAC. Crítico de cinema na Gazeta da Semana e na revista M, dasquais foi fundador. Iniciou-se como realizador em 1976 e foicasado com a jornalista Leonor Pinhão, tendo com ela três filhos:Francisco, António e Joana Pinhão Botelho.É actualmente comendador da Ordem do Infante D. Henrique (9 deJunho de 2005). João Botelho, em declarações ao jornal Diário de Notíciasem Outubro de 2012, avançou que o seu próximo projecto serátransformar a obra literária “Os Maias” de Eça de Queirós, emfilme.
  5. 5. Filmografia:• O Alto do Cobre (1976) | Curta-metragem• Um Projecto de Educação Popular (1976) | Curta-metragem• Os Bonecos de Santo Aleixo (1977) | Documentário de longa-metragem• Alexandre Rosa (1978) | Curta-metragem com Jorge Alves da Silva• Conversa Acabada (1980) | Estreia no Festival de Cannes, Quinzena dos Realizadores• Um Adeus Português (1985) | Estreia no Festival de Londres, do Rio de Janeiro – Tucano de Ouro -, New Film, New Directing, MOMA New York, Forum de Berlim• Tempos Difíceis (1987) | Estreia no Festival de Veneza, selecção oficial, competição – prémio da crítica italiana -, Festival de Nova Iorque, Lincoln Centre• No Dia dos Meus Anos (1991) | Encomenda RTP/ARTE sobre os 4 elementos; estreia no Festival de Locarno, selecção oficial, fora de competição• Aqui na Terra (1993) | Festival de Veneza, selecção oficial, competição; filme seleccionado para o dia da Europa, exibição simultânea na Alemanha, França e Portugal• Três Palmeiras (1994) | Encomenda de Lisboa 94, Capital Europeia da Cultura; estreia no Festival de Cannes, Quinzena dos Realizadores• 13 Filmes X 3’ (1996) | para Trio de Quattro, RTP
  6. 6. Filmografia(cont.):• Tráfico (1998) | Estreia no Festival de Veneza, selecção oficial, competição• Se a Memória Existe (1999) | Vídeo digital, 30’ – encomenda para o 25º aniversário do 25 de Abril; estreia no Festival de Veneza, novos territórios• Quem És Tu? (2001) | Festival de Veneza, selecção oficial, competição; Prémio Mimo Rotella para a melhor contribuição artística da Bienal de Veneza• As Mãos e as Pedras (2001) | Vídeo digital 12’ - Filme de abertura de Porto 2001, Capital Europeia da Cultura• A Mulher que Acreditava ser Presidente dos Estados Unidos da América | Estreia no Festival de Cannes, Quinzena dos Realizadores, filme de abertura• A Luz na Ria Formosa (2005) | Documentário, vídeo digital 50’ - Festival Doc Lisboa e selecção oficial de Torino Film Festival, Cinéma de Reel, Paris, Viennal da Áustria e Festival di Popolo, Florença.
  7. 7. Filmografia(cont.):• O Fatalista (2005) | Estreia no Festival de Veneza, selecção oficial, competicção; Festival de Toronto, Sevilha, Mostra de São Paulo, etc.• A Baleia Branca, Uma Ideia de Deus (2006) | Documentário de 50’, vídeo digital sobre uma encenação do Moby Dick de Melville.• A Terra Antes do Céu (2007) | Documentário de 50’, vídeo digital para o centenário do nascimento de Miguel Torga• Corrupção (2007) | Filme não assinado por divergências com o produtor.• A Corte do Norte (2009) | Estreia no New York Film Festival, Menção Honrosa no Festival Internazionale del Film Di Roma• Filme do Desassossego (2010)
  8. 8. Título: Quem és Tu ?Ano: 2001
  9. 9. Título: O FatalistaAno: 2005
  10. 10. Título: Filme do DesassossegoAno: 2010
  11. 11. Prémios:• Em 1985, ganhou o "Tucano de Ouro" para Melhor Realizador no Festival do Rio por Um Adeus Português.• Nomeado para os Globos de Ouro em 1999 para Melhor Realizador e Melhor Filme pelo filme Tráfico.• Prémio "OCIC Promotional Award, Forum of New Cinema" pelo filme Um Adeus Português no Festival de Berlim, 1986.• Prémio do Público para A Corte do Norte, no Caminhos do Cinema Português 2009.• Menção Honrosa para A Corte do Norte no Festival de Roma, em 2008.• Vários prémios e nomeações no Festival de Veneza:• Nomeado para Leão de Ouro pelos filmes O Fatalista in 2005, Quem És Tu? in 2001 and Tráfico in 1998.• Vencedor do "Prémio da Fundação Mimmo Rotella" pelo filme Quem És Tu? em 2001 e uma "Menção Honorável - Prémio FIPRESCI" em 1988 por Tempos Difíceis.
  12. 12. Participações especiais emFestivais:• Membro do Júri do 29º Festival de São Paulo, São Paulo, Brasil, de 21 de Outubro a 3 de Novembro de 2005.• Membro do Júri do 27º Three Continents Festival, de 22 a 29 de Novembro de 2005 em Nantes, França.• Foi-lhe prestado um tributo no Festival Cinéma du Réel em Paris (França) em Março de 2006.• Foi-lhe igualmente prestada uma homenagem no Festival Internacional du Film de La Rochelle (França) em Junho e Julho de 1999.
  13. 13. Conclusão:• Com a elaboração deste trabalho, fiquei a conhecer os trabalhos de um bom cineasta português. Ganhei também curiosidade em conhecer melhor os seus filmes e relaciono-o com o meu projecto final, porque começou a sua carreira nas curtas-metragens, passando a um documentário de longa-metragem e chegando aos filmes.
  14. 14. Webgrafia:• http://pt.wikipedia.org/wiki/João_Botelho• http://www.imdb.com/name/nm0098439/• http://www.dn.pt/inicio/artes/interior.aspx?content_id=2808 195&seccao=Cinema

×