SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
15/11/2023, 07:56 Unicesumar - Ensino a Distância
about:blank 1/2
ATIVIDADE 3 - GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA - 54/2023
Período:13/11/2023 08:00 a 01/12/2023 23:59 (Horário de Brasília)
Status:ABERTO
Nota máxima:0,50
Gabarito:Gabarito não está liberado!
Nota obtida:
1ª QUESTÃO
15/11/2023, 07:56 Unicesumar - Ensino a Distância
about:blank 2/2
“O mercado brasileiro de energia solar parece pronto para assumir a forma de um mercado fotovoltaico
maduro, após os resultados do leilão A-4, realizado na última quarta-feira, que resultou em uma baixa
surpreendente no preço da tecnologia solar.
O preço médio final de todos os projetos de energia solar selecionados na licitação, efetivamente, alcançou
um preço de 118 reais (US $ 35,2) / MWh. Este preço não só caiu em 62,2% do preço máximo fixado para o
fotovoltaico no leilão, que foi 312 reais (US $ 93,4) / MWh, mas também de 18,6% comparado ao preço final
do leilão realizado em dezembro, que viu os projetos solares atingirem um preço médio de R $ 145,78 (US $
43,6) / MWh.
Embora um resultado abaixo de US $ 40 pudesse ser considerado provável, um preço final US $ 5 mais
baixo não teria sido uma aposta fácil, mesmo para o analista mais experiente do mercado brasileiro de
renováveis. “Na verdade, esperávamos uma redução de preço, mas não tão acentuada, o que foi uma
surpresa positiva, uma vez que coloca o Brasil entre os países que podem produzir energia solar fotovoltaica
a menos de US $ 40 por MWh”, disse a pv magazine o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE),
Luiz Augusto Barroso.
Segundo ele, esse patamar de preço pode permanecer constante ou até mesmo diminuir para os próximos
leilões, seguindo a tendência mundial. “Este patamar de preço além de contribuir para redução das tarifas
de eletricidade, evidencia que os investidores conseguem retorno financeiro, uma vez que as ofertas
seguem uma lógica econômica, refletindo em um produto comercial e com engenharia financeira,
desenvolvido pelos investidores”, ele acrescentou.”
Fonte: https:www.epe.gov.br/pt/imprensa/epe-na-midia/o-mercado-fotovoltaico-brasileiro-esta-
amadurecendo-mais-rapido-que-o-esperado. Acesso: 3 nov. 2023.
Como visto no texto exposto sobre a queda do preço da tecnologia cada vez mais baixa tem atraído cada
vez mais a geração distribuída residencial. Imagine que um cliente queira implantar um sistema fotovoltaico
na sua casa e você tem a missão de apresentar uma alternativa para ele. Para isso siga os próximos passos:
a) Apresente os tipos de geração on grid e off grid e explique por que em sistemas residenciais é mais
comum e mais adequado sistemas on grid.
​
b) Imagine que o painel que você trabalha tem uma as dimensões ativas de 1920x930 mm de comprimento
e largura, encontre quanto de potência que um painel geraria com uma irradiação de sol pleno (1000
W/m2), com um rendimento de 18,3%.
c) Uma maneira de determinar a potência do seu sistema é utilizar o consumo da unidade (C) onde será
instalado e a irradiação do local no ângulo igual a altitude (Irr) e com o fator de performance do sistema
(F=0,85).
A unidade onde será instalado tem o consumo médio de 218 kWh/mês e uma irradiação no ângulo igual a
altitude (retirado pelo site da CRESEB http://www.cresesb.cepel.br/ nas coordenadas de Ilha Solteira - SP) de
5,39 kWh/m2.dia. Encontre a potência necessária para o sistema (P(Wp)) para essa unidade.
d) Utilizando o resultado das alternativas b e c, encontre o número de painéis necessários para chegar na
potência necessária do sistema (lembrando que o número de painéis tem que ser necessariamente inteiro).
ALTERNATIVAS
Nenhum arquivo enviado.

Mais conteúdo relacionado

Último

AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxAE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxConsultoria Acadêmica
 
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAMMODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAMCassio Rodrigo
 
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024Consultoria Acadêmica
 
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024Consultoria Acadêmica
 
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais PrivadosGestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais PrivadosGuilhermeLucio9
 
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfAulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfMateusSerraRodrigues1
 
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxResistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxjuliocameloUFC
 

Último (7)

AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxAE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
 
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAMMODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
 
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
 
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
 
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais PrivadosGestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
 
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfAulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
 
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxResistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
 

ATIVIDADE 3 - GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA - 542023.pdf

  • 1. 15/11/2023, 07:56 Unicesumar - Ensino a Distância about:blank 1/2 ATIVIDADE 3 - GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA - 54/2023 Período:13/11/2023 08:00 a 01/12/2023 23:59 (Horário de Brasília) Status:ABERTO Nota máxima:0,50 Gabarito:Gabarito não está liberado! Nota obtida: 1ª QUESTÃO
  • 2. 15/11/2023, 07:56 Unicesumar - Ensino a Distância about:blank 2/2 “O mercado brasileiro de energia solar parece pronto para assumir a forma de um mercado fotovoltaico maduro, após os resultados do leilão A-4, realizado na última quarta-feira, que resultou em uma baixa surpreendente no preço da tecnologia solar. O preço médio final de todos os projetos de energia solar selecionados na licitação, efetivamente, alcançou um preço de 118 reais (US $ 35,2) / MWh. Este preço não só caiu em 62,2% do preço máximo fixado para o fotovoltaico no leilão, que foi 312 reais (US $ 93,4) / MWh, mas também de 18,6% comparado ao preço final do leilão realizado em dezembro, que viu os projetos solares atingirem um preço médio de R $ 145,78 (US $ 43,6) / MWh. Embora um resultado abaixo de US $ 40 pudesse ser considerado provável, um preço final US $ 5 mais baixo não teria sido uma aposta fácil, mesmo para o analista mais experiente do mercado brasileiro de renováveis. “Na verdade, esperávamos uma redução de preço, mas não tão acentuada, o que foi uma surpresa positiva, uma vez que coloca o Brasil entre os países que podem produzir energia solar fotovoltaica a menos de US $ 40 por MWh”, disse a pv magazine o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Luiz Augusto Barroso. Segundo ele, esse patamar de preço pode permanecer constante ou até mesmo diminuir para os próximos leilões, seguindo a tendência mundial. “Este patamar de preço além de contribuir para redução das tarifas de eletricidade, evidencia que os investidores conseguem retorno financeiro, uma vez que as ofertas seguem uma lógica econômica, refletindo em um produto comercial e com engenharia financeira, desenvolvido pelos investidores”, ele acrescentou.” Fonte: https:www.epe.gov.br/pt/imprensa/epe-na-midia/o-mercado-fotovoltaico-brasileiro-esta- amadurecendo-mais-rapido-que-o-esperado. Acesso: 3 nov. 2023. Como visto no texto exposto sobre a queda do preço da tecnologia cada vez mais baixa tem atraído cada vez mais a geração distribuída residencial. Imagine que um cliente queira implantar um sistema fotovoltaico na sua casa e você tem a missão de apresentar uma alternativa para ele. Para isso siga os próximos passos: a) Apresente os tipos de geração on grid e off grid e explique por que em sistemas residenciais é mais comum e mais adequado sistemas on grid. ​ b) Imagine que o painel que você trabalha tem uma as dimensões ativas de 1920x930 mm de comprimento e largura, encontre quanto de potência que um painel geraria com uma irradiação de sol pleno (1000 W/m2), com um rendimento de 18,3%. c) Uma maneira de determinar a potência do seu sistema é utilizar o consumo da unidade (C) onde será instalado e a irradiação do local no ângulo igual a altitude (Irr) e com o fator de performance do sistema (F=0,85). A unidade onde será instalado tem o consumo médio de 218 kWh/mês e uma irradiação no ângulo igual a altitude (retirado pelo site da CRESEB http://www.cresesb.cepel.br/ nas coordenadas de Ilha Solteira - SP) de 5,39 kWh/m2.dia. Encontre a potência necessária para o sistema (P(Wp)) para essa unidade. d) Utilizando o resultado das alternativas b e c, encontre o número de painéis necessários para chegar na potência necessária do sistema (lembrando que o número de painéis tem que ser necessariamente inteiro). ALTERNATIVAS Nenhum arquivo enviado.