Metacognição e ensino de PLE

1.646 visualizações

Publicada em

Apresenta a metacognição como instrumento útil na construção de aquisição de PLE

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.646
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
47
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Metacognição e ensino de PLE

  1. 1. Do caos à luz: Abordagem colaborativa e metacognição como instrumentos de capacitação na produção textual de alunos de PEC-G.
  2. 2. Estratégias de cognição (Oxford, 1990) <ul><li>Praticar uma LE: repetir, reconhecer, usar frases prontas e/ou expressões idiomáticas </li></ul><ul><li>Analisar e Refletir: transferir palavras, conceitos ou estruturas de uma língua para outra </li></ul><ul><li>Construir base para o Insumo: Fazer anotações e destacar informações no texto. </li></ul>
  3. 3. Estratégias de Compensação Superar limitações na produção oral e escrita <ul><li>usa a língua materna, dicionários, mímicas/gestos </li></ul><ul><li>evita comunicação parcial ou total </li></ul><ul><li>ajusta ou aproxima a mensagem </li></ul><ul><li>inventa palavras na língua-alvo </li></ul><ul><li>usa circunlocução ou sinonímia no novo idioma </li></ul>
  4. 4. Estratégias Metacognitivas (Flavell, 1987) <ul><li>Concentra-se em sua aprendizagem: associação do novo conteúdo a experiências passadas </li></ul><ul><li>Organiza e planeja: estabelece metas e objetivos </li></ul><ul><li>Avalia: estabelece auto-monitoramento e avaliação </li></ul>
  5. 5. Contexto: Alunos do PEC- G Nacionalidade Nº de Alunos Nigerianos 05 Gaboneses 02 Cubanos 01*
  6. 6. <ul><li>1ª Produção Textual </li></ul><ul><li>01/08/2006 </li></ul><ul><li>Tópicos: </li></ul><ul><li>A posse de arma de fogo influi na segurança de quem a possui? </li></ul><ul><li>Você concorda com a proibição da venda de armas? </li></ul>
  7. 7. Procedimentos: <ul><li>1. Discussão em sala de aula desenvolvendo mapa lexical; </li></ul><ul><li>2. Obter a opinião de dois colegas brasileiros sobre o assunto; </li></ul><ul><li>3. Reportar em sala a opinião dos colegas; </li></ul><ul><li>4. Redigir o texto. </li></ul>
  8. 8. Sujeito A : Prezado Senhor Deputado: Gostaria de falar sobre o porte de armas no Brasil. Se proibir os porte de armas, ajude a custódia das pessoas porque todo mundo saberá que ninguém tem as armas ao lado das pessoas que já treinaram para usar e quando tiverem os problemas, não terão mais opção mas vão para as juridições necessárias. Quando as pessoas brigarem,
  9. 9. Ninguém pensará de matar a outra porque não tem arma e nosso país será em tranquilo. Isso reduzirá a corrupção e diminuirá a violência do Brasil. Se proibir os portes das armas, reduzirá os problemas mais do que aumentará. Atenciosamente, XXXX
  10. 10. Sujeito B: Arma é uma coisa que usa para segurança, proteção, pagar os animais e.t.c. O arma é para destruição, as armas são usar quando “guerra” entre dois pais, os policiais também usa os amars para pagar os ladrão e assaltente, tambem as pessoa usa para matar animais. As pessoas que usa as armas é Policia, Militar, Caçador, Marinheiro e.t.c.
  11. 11. Ações de recuperação <ul><li>Trabalhar a auto-estima, seguindo a linha de “i+1/2”. </li></ul><ul><li>Exercícios que trabalham a cognição de alta ordem. </li></ul><ul><li>Produção de pequenos textos sempre antecedidos de modelos. </li></ul><ul><li>Cópia da correção dos textos ( em alguns casos, re-escritura) </li></ul>
  12. 12. “ Copiar é o processo em que o aluno desenvolve seu raciocínio e se percebe. Ao se copiar se acrescenta percepções sólidas que contribuem para a formação humana do aprendiz.” (CHATEAU, J. 1978): Os grandes pedagogistas
  13. 13. <ul><li>Adotou-se a abordagem colaborativa, na qual os alunos trabalham em conjunto, isto é, colaborativamente, produzindo um conhecimento mais profundo e, ao mesmo tempo, deixam de ser independentes para se tornarem interdependentes (PALLOF e PRATT, 2002, p. 141). </li></ul>
  14. 14. <ul><li>conhecimento compartilhado : a valorização do universo do conhecimento prévio, das experiências pessoais, línguas, estratégias e culturas que os alunos e os professores trazem para a situação de aprendizagem;  </li></ul><ul><li>aprendizagem mediada pelos autores e ações que se constroem nesses espaços (professores como mediadores); </li></ul><ul><li>   </li></ul>Características da abordagem colaborativa ( Totten, S., Sills, T., Digby, A., & Russ, P. (1991)).
  15. 15. <ul><li>valorização das diversidades e das diferenças (gênero, etnia, classe social, estilos e ritmos de aprendizagem,..., enfim as histórias pessoais  e as trajetórias sociais); </li></ul><ul><li>construção de significações e resignificações no processo de aprendizagem </li></ul>
  16. 16. Exercícios de Cognição de Alta Ordem (Vygotsky, 1978). <ul><li>fazer inferências (sobre informações que estão apenas sugeridas no texto ou que envolvem uma gama de conhecimentos anteriores sobre o assunto tratado) </li></ul><ul><li>exercer controle ou monitoramento do que está sendo compreendido. </li></ul>
  17. 17. Inferências <ul><li>baseadas no léxico ou herdadas diretamente do conhecimento de mundo que está estocado em conteúdos explícitos de palavras do texto (palavras-conteúdo, substantivos, adjetivos e principais verbos) </li></ul><ul><li>situações novas, que não casam diretamente com nenhuma informação contida nos itens léxicos, mas são produto de mecanismos de processamento mais complexos. </li></ul>
  18. 18. Extraímos um trecho do livro &quot;Em Busca da China Moderna&quot; de Jonathan D.Spence. Há algumas palavras embaralhadas, coloque-as na ordem correta. Exemplos de exercícios de alta ordem
  19. 19. <ul><li>&quot;Antes mesmo que todas as forças do Guomindang dentro da China fossem elinadasmi , Mao Zedong cumpriu sua claderação sobre &quot; derpen para um lado&quot;, indo à União Soviética para se encontrar com Stalin. Ele chegou a osMcou em 16 de dezembro de 1949, pouco antes do sepgétumoasi aniversário do líder soviético. Era a primeira sãocurin de Mao fora das fronteiras chinesas. Ele não nhecocia os países que ...” </li></ul>A Guerra da Coréia
  20. 20. Diga de outro modo: 1.Depois de levar anos observando 2. Mantenha-se sóbrio. 3. Segure o bocejo. 4. Numa escala maior. 5. Ele estava rindo, mas não se sentia feliz. 6. Ele saiu sem dizer aonde ia.
  21. 21. Produção Textual Final 23/10/2006 Você vai ouvir uma notícia sobre o pão francês. Escreva um texto sobre este assunto, baseando-se nas informações do aúdio. Sujeito A: Os brasileiros estão acostumados a comer pão francês e agora podem comer pães mais saudáveis,
  22. 22. deliciosos e baratos. A partir do dia 20 de outubro será obrigatório em todo o país que as padarias vendam o pão francês por quilo, pois numa consulta pública aberta que durou 6 meses, 7,34% dos consumidores disseram pela internet e cartas que preferem a venda do pão francês por quilo e não por peça e, com certeza, eles têm razão.
  23. 23. Sujeito B: O Brasil é o maior consumidor de pão francês. Todo mundo come pão francês Nesse país porque eles são baratos, deliciosos e mais fáceis de preparar. Os brasileiros têm uma cultura ou tradição de comer comidas mais leves. Hoje é obrigatório vender pães por quilo em todo o país. Uma instituição chamada Instituição Nacional, realizou uma pesquisa para os cidadões brasileiros
  24. 24. Sobre a questão dos pães serem vendidos por quilo ou por unidade. A pesquisa foi feita através da internet e por cartas: 60% dos consumidores disseram que é melhor vender os pães por quilo. A diretora da Instituição, senhora Maria, disse que as padarias têm que vender os pães por quilo.
  25. 25. Conclusões <ul><li>A utilização de uma abordagem direcionada as competências metalingüísticas(Flavell & Wellman,1977) demonstrou ser eficaz no que diz respeito a regulação do progresso cognitivo dos alunos de PEC-G </li></ul>
  26. 26. <ul><li>Os alunos passaram a demonstrar maior nível de compreensão em relação as tarefas e a aplicar e alterar conscientemente estratégias de estudo. </li></ul><ul><li>O uso da abordagem colaborativa permitiu que ocorresse auto-controle cognitivo, ou seja, os alunos exercitavam “ajustamentos” enquanto realizavam suas </li></ul>
  27. 27. O professor passou a funcionar como mediador na aprendizagem e agir como promotor da internalização gradual (Vygotsky,1978) até que os alunos assumissem o controle da própria atividade. tarefas e nas revisões necessárias a verificação dos resultados obtidos (Dewey,1959; Zeichener, 1994) .
  28. 28. <ul><li>limites das competências </li></ul><ul><li>lingüísticas e sociais, os alunos desenvolveram aptidões de auto-regulação e acomodação lingüística. </li></ul><ul><li>O uso de técnicas metacognitivas e da abordagem colaborativa promoveram um envolvimento ativo dos aprendizes no processo de aquisição de PLE. </li></ul><ul><li>Após um período de repetidas experiências que criticavam, avaliavam e ampliavam os </li></ul>

×