EM DESENVOLVIMENTO

Proposta de Dissertação
      Mestrando: Francisco B C Rasia
   Orientador: Prof. Eduardo Leite Krüger
Apresentação


                        Técnico em Edificações (CEFET-PR)
                        Arquitetura e Urbanismo (U...
Área do conhecimento
PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL:
Aspectos físico-ambientais do planejamento
             urbano e regi...
Título da dissertação
Simulação e análise da circulação do ar nas
     avenidas estruturais em Curitiba




              ...
Palavras-chave
    ENVI-met; Climatologia urbana;
Planejamento urbano; Qualidade do ar




                 5
Introdução
Desde os anos 1970, a urbanização de Curitiba tem
sido dirigida ao longo de quatro eixos estruturais,
sistemas ...
Introdução: Eixos estruturais




  Fonte: SUGA 2005   7
Introdução: Clima da camada limite
O estudo do clima nessa camada enfoca fenômenos
atmosféricos que ocorrem em altitudes d...
Problema de pesquisa

Inicialmente projetadas e implantadas nos anos
1970, as vias estruturais precedem a discussão
contem...
Problema de pesquisa

•   Os fluxos (intensidade e frequência) de vento nos
    eixos estruturais de Curitiba são suficiente...
Problema de pesquisa


 Quais as configurações urbanas – distanciamento
entre prédios, altura das edificações, orientação da...
Objetivo geral


  Diagnosticar as condições de ventilação e
dispersão de poluentes nos eixos estruturais
  de Curitiba em...
Objetivos específicos
• Validar o modelo ENVI-met como ferramenta preditiva de
circulação de ar em cânions urbanos;
• Busca...
Justificativa

•   Traçar um perfil ambiental das vias estruturais;

•   Subsídio ao planejamento urbano: revisão das leis
 ...
Metodologia

•A pesquisa será do tipo aplicada, com objetivo
exploratório. A pesquisa bibliográfica visará o
estabeleciment...
Metodologia
• Projeto em andamento: Conforto em
   Espaços Abertos

• Medição de dados climáticos e
   entrevista com tran...
Metodologia




Foto: Francisco Rasia, 2009   17
Fotos: Francisco Rasia, 2009   18
Metodologia: instrumentos
• Duas pequenas estações
   meteorológicas Onset Hobo

• Sensores:
  • Temperatura e umidade
  •...
Metodologia: modelo numérico

•   Modelo proposto: ENVI-met 3 (Michael Bruse e
    equipe, Universidade de Mainz, Alemanha...
Metodologia: etapas


•   Etapa 1 (E1): modelagem de um ponto da Rua XV
    de Novembro, usando os dados já coletados,
   ...
Cronograma




    22
Principais Referências
ALI TOUDERT, F. Dependence of Outdoor Thermal Comfort on Street Design in Hot
and Dry Climate. 224f...
Principais Referências
SAD DE ASSIS, E. RAMOS, J. G. L. GONÇALVES DE SOUZA, R.V. CORNACCHIA,
G. M. M. Aplicação de dados d...
Dissertações do PPGTE
                     defendidas

97ª Defesa de Dissertação (Setembro/2002)
Autor(a): Paulo Rolando d...
Dissertações do PPGTE
                     defendidas

177ª Defesa de Dissertação (Setembro/2005)
Autor(a): Mauro Suga
Tít...
Obrigado.
    chico.ix@terra.com.br
http://www.slideshare.net/chicorasia




                 27
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Francisco Rasia - PPGTE - projeto de dissertação

1.588 visualizações

Publicada em

Apresentação de projeto de dissertação.

EM DESENVOLVIMENTO

Publicada em: Tecnologia, Imóveis
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.588
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Francisco Rasia - PPGTE - projeto de dissertação

  1. 1. EM DESENVOLVIMENTO Proposta de Dissertação Mestrando: Francisco B C Rasia Orientador: Prof. Eduardo Leite Krüger
  2. 2. Apresentação Técnico em Edificações (CEFET-PR) Arquitetura e Urbanismo (UFPR) Fotógrafo Téssera Companhia de Dança da UFPR Arquiteto (iX arquitetura) Loop Le Monkey - visualista 1994 1997 2003 2009 2
  3. 3. Área do conhecimento PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL: Aspectos físico-ambientais do planejamento urbano e regional 3
  4. 4. Título da dissertação Simulação e análise da circulação do ar nas avenidas estruturais em Curitiba 4
  5. 5. Palavras-chave ENVI-met; Climatologia urbana; Planejamento urbano; Qualidade do ar 5
  6. 6. Introdução Desde os anos 1970, a urbanização de Curitiba tem sido dirigida ao longo de quatro eixos estruturais, sistemas trinários que concentram a infraestrutura de transporte de massa (ônibus expressos). Embora novos polos de urbanização tenham surgido em Curitiba nos últimos anos, a importância das vias estruturais como elementos direcionadores do crescimento urbano ainda se mantém. 6
  7. 7. Introdução: Eixos estruturais Fonte: SUGA 2005 7
  8. 8. Introdução: Clima da camada limite O estudo do clima nessa camada enfoca fenômenos atmosféricos que ocorrem em altitudes de 100m a 1km, distâncias horizontais de até cinquenta quilômetros e em períodos de um dia (OKE 1978) Segundo o modelo proposto por Oke, as vias estruturais podem ser consideradas fontes lineares de poluentes. A dispersão dessas substâncias pode ser negativamente afetada pelas condições microclimáticas dentro dos cânions urbanos, onde potencialmente ocorrem condições de estagnação dos fluxos de ar e aumento da concentração de poluentes. 8
  9. 9. Problema de pesquisa Inicialmente projetadas e implantadas nos anos 1970, as vias estruturais precedem a discussão contemporânea sobre a sustentabilidade – mas, ainda assim, incorporam estratégias ainda relevantes (diversidade de uso, concentração de infra-estrutura). Face à renovação da discussão da sustentabilidade e de posse de novo ferramental teórico e analítico, poder-se-ia avaliar os limites de sustentação desse modelo de urbanização. 9
  10. 10. Problema de pesquisa • Os fluxos (intensidade e frequência) de vento nos eixos estruturais de Curitiba são suficientes para a garantia de salubridade e adequada dispersão dos poluentes oriundos do tráfego de veículos nessas vias? • Qual o limite de saturação da capacidade de dispersão de poluentes nos eixos estruturais? • O modelo ENVI-met pode ser utilizado para predição desses fluxos, sendo uma ferramenta a ser incorporada no cotidiano do planejamento urbano? 10
  11. 11. Problema de pesquisa Quais as configurações urbanas – distanciamento entre prédios, altura das edificações, orientação das edificações e orientação das vias em relação aos ventos dominantes – que poderiam garantir a dispersão adequada de poluentes nas estruturais? 11
  12. 12. Objetivo geral Diagnosticar as condições de ventilação e dispersão de poluentes nos eixos estruturais de Curitiba em função de seus atributos urbanísticos quanto à manutenção de qualidade de vida dos usuários e moradores. 12
  13. 13. Objetivos específicos • Validar o modelo ENVI-met como ferramenta preditiva de circulação de ar em cânions urbanos; • Buscar uma correlação entre as condições mesoclimáticas (estação SIMEPAR) e microclimáticas (dentro dos cânions), através de análise de sensitividade; • Simular condições climáticas típicas (séries históricas concatenadas no ano climático de referência TRY) e seu impacto sobre as condições de vento dentro dos cânions; • Comparar as condições simuladas com os valores recomendáveis para a garantia de salubridade, limites de retirada e deposição de poluentes; 13
  14. 14. Justificativa • Traçar um perfil ambiental das vias estruturais; • Subsídio ao planejamento urbano: revisão das leis de uso do solo no setor estrutural, novos modos de transporte, reconversão desses espaços; • Complementar os trabalhos em desenvolvimento no PPGTE sobre conforto térmico em espaços abertos; • Integrar-se a um esforço maior de avaliação de ferramentas numéricas para planejamento urbano. 14
  15. 15. Metodologia •A pesquisa será do tipo aplicada, com objetivo exploratório. A pesquisa bibliográfica visará o estabelecimento de um referencial teórico para a análise de microclimas. •A pesquisa abrangerá trabalho de campo (coleta de dados de direção e velocidade de vento) e simulações computacionais, utilizando aqui modelos numéricos devidamente calibrados. 15
  16. 16. Metodologia • Projeto em andamento: Conforto em Espaços Abertos • Medição de dados climáticos e entrevista com transeuntes • R XV de Novembro, Pça Generoso Marques, R Saldanha Marinho 16 Foto: Francisco Rasia, 2009
  17. 17. Metodologia Foto: Francisco Rasia, 2009 17
  18. 18. Fotos: Francisco Rasia, 2009 18
  19. 19. Metodologia: instrumentos • Duas pequenas estações meteorológicas Onset Hobo • Sensores: • Temperatura e umidade • Piranômetro • Termômetros de globo • Anemômetro (direção horizontal e velocidade do vento) 19 Fonte: http://www.microdaq.com
  20. 20. Metodologia: modelo numérico • Modelo proposto: ENVI-met 3 (Michael Bruse e equipe, Universidade de Mainz, Alemanha) • Freeware, MS Windows Fonte: BRUSE 2009 20 Fonte: BRUSE 2009
  21. 21. Metodologia: etapas • Etapa 1 (E1): modelagem de um ponto da Rua XV de Novembro, usando os dados já coletados, aferição do modelo, simulação - projeto piloto; • Etapa 2 (E2): modelagem dos pontos selecionados nos eixos estruturais, coleta de dados in loco, aferição do modelo, simulação (ano meteorólogico típico) e análise dos resultados. 21
  22. 22. Cronograma 22
  23. 23. Principais Referências ALI TOUDERT, F. Dependence of Outdoor Thermal Comfort on Street Design in Hot and Dry Climate. 224f. Tese – Meteorologischen Institutes der Universität Freiburg. Universität Freiburg, Freiburg, 2005. Disponível em <http://www.freidok.uni- freiburg.de/volltexte/2078/pdf/Diss_Freidok_Ali_Toudert_Fazia.pdf> BROWN, G. Z. DEKAY, M. Sol, vento & luz: estratégias para o projeto de arquitetura. 2. ed. Porto Alegre : Bookman 2004. BRUSE, M. ENVI-met website. http://www.envi-met.com. KRÜGER, E. L. Comparações entre temperaturas medidas e preditas em cânion urbano – utilização da ferramenta de modelagem de clima urbano “CAT”. In: ENCONTRO NACIONAL SOBRE CONFORTO NO AMBIENTE CONSTRUÍDO, IX, 2007, Ouro Preto. Anais... Florianópolis : UFSC, 2007. p. 969-980. 23
  24. 24. Principais Referências SAD DE ASSIS, E. RAMOS, J. G. L. GONÇALVES DE SOUZA, R.V. CORNACCHIA, G. M. M. Aplicação de dados do clima urbano no desenvolvimento de planos diretores de cidades mineiras. In: ENCONTRO NACIONAL SOBRE CONFORTO NO AMBIENTE CONSTRUÍDO, IX, 2007, Ouro Preto. Anais... Florianópolis : UFSC, 2007. p. 152-161. SUGA, M. Avaliação do potencial de aproveitamento de luz natural em cânions urbanos: estudo realizado nos eixos estruturais de curitiba. 213f. Dissertação – Programa de Pós-Graduação em Tecnologia. Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2005. Disponível em <http://www.ppgte.ct.utfpr.edu.br/ dissertacoes/2005/Suga.pdf> OKE, T. R. Boundary layer climates. Nova York : Methuen, 1978. U.S. DHEW. Air Quality Criteria for Photochemical Oxidants. National Air Poll. Control Admin., U.S. Public Health Service, Publication No. AP-63, 1970. 24
  25. 25. Dissertações do PPGTE defendidas 97ª Defesa de Dissertação (Setembro/2002) Autor(a): Paulo Rolando de Lima Título: Uma análise dos parâmetros de uso e ocupação do solo na promoção da sustentabilidade urbana Orientador(a): Prof. Dr. Eduardo Leite Krüger 154ª Defesa de Dissertação (Novembro/2004) Autor(a): Francine Aidie Rossi Título:  Análise da influência da ocupação do solo na variação da temperatura em diferentes localidades da cidade de Curitiba Orientador: Prof. Dr. Eduardo Leite Krüger 25
  26. 26. Dissertações do PPGTE defendidas 177ª Defesa de Dissertação (Setembro/2005) Autor(a): Mauro Suga Título: Avaliação do potencial de aproveitamento de luz natural em cânions urbanos: estudo realizado nos eixos estruturais de Curitiba Orientador: Prof. Dr. Eduardo Leite Krüger 180ª Defesa de Dissertação (Setembro/2005) Autor(a): Lucimeire Pessoa de Lima Título: Clima e forma urbana: métodos de avaliação do efeito das condições climáticas locais nos graus de conforto térmico e no consumo de energia elétrica em edificações. Orientador: Prof. Dr. Eduardo Leite Krüger 26
  27. 27. Obrigado. chico.ix@terra.com.br http://www.slideshare.net/chicorasia 27

×