Apoio domicilário - Apresentação proj. solidario zeca

320 visualizações

Publicada em

Projecto solidário Este nosso projecto nasce dos ideais e preocupações partilhados por uma equipa que marca a diferença pela dedicação com que trabalha.

A necessidade de fazermos mais, faz-nos acreditar que este projecto será a peça onde muitas outras encaixarão.

É precisamente por acreditarmos, que vos convidamos a fazer parte desta família e a conhecer esta equipa.

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
320
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apoio domicilário - Apresentação proj. solidario zeca

  1. 1. Projecto Solidário no Apoio Domiciliário
  2. 2. Projecto : Solidário dos 8 aos 80A concretização de um sonho profissional mostrou-nos que temos poucasmãos para ajudar aqueles que se cruzam diáriamente com o nosso caminho. Por isso desenhámos este projecto, e é com a ajuda do nosso amigo Zeca que o vamos desenvolver.
  3. 3. O nosso projectoEste nosso projecto nasce dos ideais epreocupações partilhados por umaequipa que marca a diferença peladedicação com que trabalha.A necessidade de fazermos mais, faz-nosacreditar que este projecto será a peçaonde muitas outras encaixarão. É precisamente por acreditarmos, que O que nós realmente gostavamos de fazer,vos convidamos a fazer parte desta era de alguma forma conseguir ajudarfamília e a conhecer esta equipa. casos sociais como os que fomos encontrando ao longo deste nosso, ainda curto, caminho. Situações de desespero, solidão, fome, frio e tantas outras para as quais não temos palavras, mas para a quais podemos, todos juntos, ter solução.
  4. 4. Como podemos ajudar Existemdiversas formasde ajudar e nósvamos explicar oito pequenos passos que podemos dar.
  5. 5. Se em casa tem coisas que não está a utilizar,mas que a outros pode ajudar, dê e verá que osorriso de quem recebe a si lhe dará bem-estar. Quando não temos para dar, podemos angariar. Aos nossos familiares, amigos e vizinhos há que falar.Se tem tempo livre e coisas gosta de criartambém pode ajudar. Se conhece casos de pessoas que precisam de ajuda, basta indicar.
  6. 6. Explicar a quem não sabe, a importância deajudar. Para podermos ajudar, será preciso nos conhecer, se mais não poder fazer, divulgar é apenas falar … a quem precisa e a quem quer dar.Se não temos coisas para dar, a nossacompanhia podemos disponibilizar. Quando a solidão e a pobreza nos trazem tristeza, a alegria temos que recuperar.
  7. 7. Como nos vamos organizarDepois de identificarmos os nossos passos para ajudar é necessário sabercomo nos vamos organizar.Dividimos o trabalho em 3 grandes grupos: Angariação Identificação Execussão• Ajudas Técnicas • Pessoas Isoladas • Brindes• Mobiliário • Familias Carênciadas • Artesanato• Electrodomésticos • Associações Solidárias • Peq. Objectos Decoração• Produtos de Higiéne • Lares e Centros de Dia • Peq. Reparações Domésticas• Vestuário e Agasalhos • Companhia• Bens Alimentares
  8. 8. Angariação Produtos de Vestuário e Bens Ajudas Técnicas Eletrodomésticos Mobiliário Higiene Agasalhos Alimentares•Cadeiras Rodas •Fraldas •Lençóis •Leite •Frigoríficos •Mesas Refeição•Andarilhos •Resguardos •Almofadas •Farinhas •Fogão •Cadeiras•Camas Articuladas •Cremes •Cobertores •Massas •Maq. Lavar Roupa •Roupeiros•Colchões Anti- •Esponjas •Casacos •Arroz •Microondas •Cómodas Escaras •Escovas de Dentes •Roupa e Calçado •Cereais •Varinha Mágica •Camas Criança•Barras de Apoio •Champoos •Babetes •Azeite •Secador Cabelo •Etc.•Cadeiras de •Gel de Banho •Meias •Óleo •Aquecedores Repouso •Etc. •Etc. •Açúcar •Etc.•Cadeiras de Banho •Bolachas•Utensilios de •Enlatados Refeição•Almofadas para assentos•Calcanheiras•Etc.
  9. 9. Identificação Famílias Associações Lares Pessoas Isoladas Carênciadas e Centros de Dia• Famílias com poucos • Pessoas que vivam • Associações de recursos financeiros sozinhas, com Solidariedade, Lares e e/ou que tenham dificuldades de Centros de Dia pessoas dependentes mobilização, impedio-as centrados no bem-estar ao seu encargo, de realizar as das pessoas, com crianças, idosos ou actividades de vida dificuldades em doentes. diária. adquirir equipamentos ou alimentos.
  10. 10. Execussão Brindes e Peq. Objectos Peq. Reparações Companhia Artesanato Decoração Domésticas• As recordações • Para as casas • Para melhores • O que melhor um desta campanha alegrar, pequenos condições dar, nas voluntário pode solidária têm de se objectos vamos casas de quem mais oferecer? A sua manter, por isso angariar. precisa,pequenas companhia para um vamos ter de fazer reparações iremos sorriso de alguém artigos para realizar. ver. oferecer.• Pequenas obras de arte vamos realizar para quem mais precisa poder ajudar.
  11. 11. Tratamento de Acompanhamento Informação Casos OrganizaçãoRecolha Doações Sessões de Trabalho Distribuição Doações
  12. 12. Como nos podem contactar INFO@DEGRAUSDAVIDA.PT 265 234 399 | 925 985 411 Rua. António José Baptista, 106 Loja 102 - Setúbal WWW.DEGRAUSDAVIDA.PT Licença Funcionamento 18/2011
  13. 13. Uma união de coração

×