Anelideos moluscos

2.758 visualizações

Publicada em

Material Professora Adriana

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.758
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.126
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
42
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Anelideos moluscos

  1. 1. Colégio Espírito Santo Disciplina de Ciências Prof.ª Adriana Caetano Sarmento
  2. 2. ANELÍDEOS Características gerais: •Têm o corpo comprido, cilíndrico, mole e formado por ‘anéis’. •Podem viver no mar, na água e na terra; •Trocam gases com o meio através da parede de seu corpo, que é bem fina; •Locomovem-se por filamentos chamados cerdas.
  3. 3. POLIQUETAS Anelídeos marinhos com numerosas cerdas e respiração branquial.
  4. 4. OLIGOQUETAS Anelídeos com poucas cerdas, que têm respiração cutânea; Com sistema digestório longo (da boca ao ânus); Com circulação fechada (sangue circula nos corações e vasos sanguíneos)
  5. 5. Com sentidos pouco desenvolvidos; Hermafroditas; Possui uma região mais grossa no corpo chamada clitelo; Reprodução sexuada por fecundação cruzada (uma fecunda a outra).
  6. 6. HIRUDÍNEOS Anelídeos sem cerdas, que vivem na terra ou na água e têm respiração cutânea; São hermafroditas e apresentam reprodução sexuada por fecundação cruzada. Os representantes são os sanguessugas, considerados ectoparasitas hematófagos.
  7. 7. MOLUSCOS Caracterizam-se por possuir corpo mole, sendo que muitos são protegidos por uma concha. Atualmente são conhecidas mais de 150 mil espécies de moluscos e podemos encontrá-las no mar, na água doce ou em terra firme. Os moluscos mais conhecidos são: as ostras, caramujos, lesmas, mexilhões, caracóis, lulas e polvos.
  8. 8. Apresentam o corpo dividido em cabeça, pé e massa visceral. Na cabeça desses animais podemos encontrar os órgãos dos sentidos e uma boca que possui uma estrutura parecida com uma língua cheia de pequenos dentes muito afiados que chamamos de rádula. Com a rádula, os moluscos conseguem raspar os alimentos, transformando-os em pequenas partículas que são enviadas para o estômago.
  9. 9. A massa visceral é o local onde se encontram todos os órgãos do animal. Revestindo a massa visceral há uma camada repleta de glândulas produtoras da concha, presente em alguns moluscos. O pé é o responsável pelos movimentos e ele pode ser usado para cavar, rastejar ou nadar. No polvo e na lula os tentáculos fazem o papel de pé.
  10. 10. A maioria respira através de brânquias; Outros Realizam a respiração pulmonar, ou seja, respiram através de pulmões; Alguns fazem a respiração cutânea, ou seja, respiram pela superfície do corpo. Os moluscos que respiram através de brânquias vivem exclusivamente na água, como os polvos e as lulas. Já os que conseguem respirar através de pulmões são alguns moluscos terrestres, como os caracóis e caramujos; E os que têm respiração cutânea são as lesmas. A ostra responsável por produzir as pérolas ; a produção ocorre em razão da entrada de um corpo estranho, como grãos de areia, no corpo do animal, que produz várias camadas de madrepérola ao redor desse corpo estranho para que ele não a machuque.
  11. 11. Gastrópodes São moluscos que possuem tentáculos contráteis e carapaça em formato de espiral. Outra característica é a superfície achatada do apoio. Exemplos: caramujo e algumas espécies de lesmas.
  12. 12. Pelecípodes ou Bivalves São os moluscos aquáticos com presença de cabeça não diferenciada. Possuem concha dupla. Exemplos: mariscos, ostras e mexilhões
  13. 13. Cefalópodes Estes moluscos não possuem concha. Os olhos são desenvolvidos e seus tentáculos possuem ventosas. Exemplos: lulas e polvos.

×