Trabalho de ap

2.187 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.187
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho de ap

  1. 1. O Planeta Terra<br />Trabalho realizado por:<br />César Sousa, nº6<br />Gonçalo Ferreira, nº11<br />Isabel Cristina, nº12<br />Índice:<br />Página 3 a 5- O interior da Terra: pág. 3- Imagens do Interior da Terra;<br /> pág. 4 e 5- Camadas do interior da Terra.<br /> <br />Página 6 a 7- O exterior da Terra: pág. 6 e 7- Camadas.<br />Página 8- Bibliografia<br /> <br />O interior da Terra:<br />Neste desenho vemos um corte da Terra mostrando suas camadas internas. A região cinza é o núcleo interno, a laranja o núcleo externo, a vermelho o manto inferior e a branco a crosta. <br /> A crosta é subdividida em: <br />Crosta Continental:<br />Menos densa e geologicamente mais antiga e complexa. Normalmente apresenta uma camada superior formada por rochas graníticas e uma inferior de rochas basálticas.   <br />Crosta Oceânica:<br />Comparativamente mais densa e mais jovem que a continental. Normalmente é formada por uma camada homogénea de rochas basálticas.   <br />Secção da crosta continental e oceânica<br />  Litosfera:<br />É uma placa com cerca de 70 km de espessura que suporta os continentes e áreas oceânicas. A Crosta é a camada mais externa dessa porção da Terra. A litosfera é caracterizada por altas velocidades e eficiente propagação das ondas sísmicas, implicando condições naturais de solidez e de rigidez de material. A litosfera é a responsável pelos processos da Tectónica de Placas e pela ocorrência dos terramotos.   <br />Astenosfera:<br />  A Astenosfera, que se estende até 700 km de profundidade, apresenta variações físicas e químicas. É importante assinalar que é o estado não sólido da Astenosfera que possibilita o deslocamento, sobre ela, das placas rígidas da litosfera.  Manto – É uma camada constituída por minerais ricos em silício, ferro e magnésio. Núcleo – É a camada mais profunda, é provavelmente constituída de minério de ferro e um pouco de níquel. Sua temperatura e pressão são altíssimas, 5.000ºC, apresenta um diâmetro médio de 6.500 quilômetros. A terra é divida em: litosfera, astenosfera, mesosfera, núcleo externo e núcleo interno. Mesosfera – É uma espessa camada sólida com densidade muito superior à das rochas encontradas na superfície terrestre. Núcleo – a maior parte do núcleo é chamada de núcleo externo e tem consistência líquida. A outra parte, conhecida como núcleo interno, apresenta minerais sólidos. Minerais – são substâncias sólidas não orgânicas com composição química definida, encontradas naturalmente na crosta terrestre. Rochas – São agregados naturais de incontáveis grãos de minerais ou de mineralóides – substâncias amorfas de ocorrência natural – e podem ser constituídas por um ou mais minerais.<br />Endosfera- Uma das quatro regiões da Terra (litosfera, Astenosfera, mesosfera e Endosfera), compreende o manto e o núcleo. <br /> <br />O Exterior da terra:<br />Camadas:<br />Atmosfera - é uma camada de gases que envolve (nem em todos os casos) um corpo material com massa suficiente. Os gases são atraídos pela gravidade do corpo e são retidos por um longo período de tempo se a gravidade for alta e a temperatura da atmosfera for baixa. Alguns planetas consistem principalmente de vários gases e portanto têm atmosferas muito profundas.<br />O termo atmosfera estelar é usada para designar as regiões externas de uma estrela e normalmente inclui a porção entre a fotosfera opaca e o começo do espaço sideral. Estrelas com temperaturas relativamente baixas podem formar compostos moleculares em suas atmosferas externas. A atmosfera terrestre protege os organismos vivos dos raios ultravioleta e também serve como um estoque ,fazendo com que o gás oxigénio não escape.<br />Litosfera - É a camada sólida mais externa do planeta Terra, constituída por rochas e solo. É também denominada como crosta terrestre.<br />É um dos três principais grandes ambientes físicos da Terra, ao lado da hidrosfera e da atmosfera, que, na sua relação enquanto suportes de vida, constituem a biosfera.<br />Composta pelas rochas ígneas, sedimentares e metamórficas, a litosfera cobre toda a superfície da terra, desde o topo do Monte Evereste até as profundezas das Fossa Marianas. Nas regiões continentais é constituída principalmente por rochas graníticas, ricas em alumínio e silício, também denominada de Sial. Já nas áreas oceânicas predominam as rochas basálticas compostas por minerais ricos em silício e magnésio, denominada de Sima.<br />A estrutura da litosfera vem-se alterando através dos tempos, seja pela acção dos chamados agentes externos, seja pela actuação dos agentes internos: falhas e dobramentos que conduzem à formação de montanhas ou vulcanismos.<br />Resumindo: Litosfera é a camada da Terra localizada na parte externa, é constituída por rochas e solo de níveis variados e composta por grande quantidade de minerais, ficando sobre a Astenosfera.<br />Biosfera é o conjunto de todos os ecossistemas da Terra.<br />Hidrosfera - É a esfera de todas as águas do planeta, os quais formam uma camada descontínua sobre a superfície da Terra.<br />Troposfera - É a camada atmosférica que se estende da superfície da Terra até a base da estratosfera (0 - 7/17 km). Esta camada responde por oitenta por cento do peso atmosférico e é a única camada em que os seres vivos podem respirar normalmente. A sua espessura média é de aproximadamente 12 km, atingindo até 17 km nos trópicos e reduzindo-se para em torno de sete quilómetros nos polos.<br />Estratosfera – Caracteriza-se pelos movimentos de ar em sentido horizontal, fica situada entre 7 e 17 até 50 km de altitude aproximadamente, sendo a segunda camada da atmosfera, compreendida entre a troposfera e a mesosfera, a temperatura aumenta à medida que aumenta a altura (de -50 a 10°C).<br />Mesosfera - É a camada atmosférica onde há um substancial aumento de temperatura chegando até a -90°C em seu topo, está situada entre a estratopausa em sua parte inferior e mesopausa em sua parte superior, entre 50 a 85 km de altitude.<br />Térmosfera ou Ionosfera - Está localizada acima da mesopausa, sua temperatura aumenta com a altitude rápida e monotonicamente até onde a densidade das moléculas é tão pequena e se movem em trajectórias aleatórias tal, que raramente se chocam. <br />Bibliografia:<br />Sites: http://vsites.unb.br/ig/sis/interra.htm<br />

×