INTRODUÇÃO AO XADREZ
Professora Célia Cristina Marachini
Público alvo: alunos do 4º e 5º ano do ensino
fundamental.
Objetivo: Iniciar-se nos estudos do jogo de
xadrez, sua históri...
História do Xadrez
• Existem muitas versões sobre a origem do
Xadrez, mas sabe-se que é de procedência
indiana e se propag...
MITOLOGIA DA HISTÓRIA DO XADREZ
Há milhares de anos,
Caissa, uma jovem
deusa estava tendo
previsões de como seria
o futuro...
Sua criação parecia ser uma espécie de jogo de
estratégia. Conseguia-se distinguir dando uma
simples olhada, que tratava-s...
Cada exército era composto por 8 peões, 2 torres, 2
cavalos, e bispos, um rei e uma rainha.
Os peões receberam da deusa a habilidade de
andar 2 casas na sua primeira caminhada, mas
receberam a maldição que os impos...
As torres receberam a vida e a habilidade de poder
fazer o roque, mas foram amaldiçoadas a só poderem
andar na horizontal....
Os cavalos receberam a habilidade de poder saltar
por cima das muralhas inimigas ou das próprias
muralhas, mas receberam a...
Os bispos foram empregados igualmente como no
tempo da inquisição, mas desta vez eles não
matam pessoas pela religião e si...
A dama ou rainha foi feita como o espelho da
deusa, sendo assim a mais poderosa de todo o jogo
e a única que não recebeu n...
O rei foi criado para parecer igual aos generais de
guerra que logo iriam surgir. Sua inspiração nos generais
é simples, p...
Depois de criado, a jovem deusa resolveu esconder o
seu jogo em algum lugar antes que seus pais o vissem e
o destruíssem. ...
Referências bibliográficas
• Fritsch, Evans – Apostila do II Curso de Iniciação
ao Xadrez – 2007.
• Shenk, David – O Jogo ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Introdução ao xadrez

436 visualizações

Publicada em

Aula para iniciar os estudos de xadrez com a breve apresentação da história do esporte, a mitologia e as peças do jogo.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
436
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Introdução ao xadrez

  1. 1. INTRODUÇÃO AO XADREZ Professora Célia Cristina Marachini
  2. 2. Público alvo: alunos do 4º e 5º ano do ensino fundamental. Objetivo: Iniciar-se nos estudos do jogo de xadrez, sua história e seus elementos, uma vez que o jogo em si expõe o aluno a situações em que precisa, a cada momento avaliar situações, planejar adequada e equilibradamente, verificar hipóteses e tomar decisões além de relacionar-se éticamente com os outros alunos, dentro de limites de tempo e conduta previamente combinados e de experimentar o acerto e erro.
  3. 3. História do Xadrez • Existem muitas versões sobre a origem do Xadrez, mas sabe-se que é de procedência indiana e se propagou entre os árabes, no século VII, por intermédio da Pérsia. • Na Idade Média, os árabes transmitiram os conhecimentos aos europeus, principalmente aos italianos e espanhóis. • No fim do século XVI começaram os primeiros campeonatos de Xadrez. • No Brasil, o xadrez chegou com D. João em 1808. • O Xadrez é um dos jogos com mais aficionados, que acompanham os campeonatos mundiais organizados desde 1948.
  4. 4. MITOLOGIA DA HISTÓRIA DO XADREZ Há milhares de anos, Caissa, uma jovem deusa estava tendo previsões de como seria o futuro, pensando nisso, ela resolveu criar um jogo.
  5. 5. Sua criação parecia ser uma espécie de jogo de estratégia. Conseguia-se distinguir dando uma simples olhada, que tratava-se de dois exércitos (Brancos e Negros) que tentavam matar uns aos outros.
  6. 6. Cada exército era composto por 8 peões, 2 torres, 2 cavalos, e bispos, um rei e uma rainha.
  7. 7. Os peões receberam da deusa a habilidade de andar 2 casas na sua primeira caminhada, mas receberam a maldição que os impossibilitou de matar os soldados adversários que estivessem na sua frente e deixando-os matar apenas os que estivessem na sua diagonal
  8. 8. As torres receberam a vida e a habilidade de poder fazer o roque, mas foram amaldiçoadas a só poderem andar na horizontal. O roque é quando seu rei pede defesa e anda duas casas para o lado em que a torre desejada estiver e a mesma andar 2 casas passando pelo rei e ficando ao seu lado.
  9. 9. Os cavalos receberam a habilidade de poder saltar por cima das muralhas inimigas ou das próprias muralhas, mas receberam a maldição de só poder locomover-se/atacar em L.
  10. 10. Os bispos foram empregados igualmente como no tempo da inquisição, mas desta vez eles não matam pessoas pela religião e sim pela cor. Devido a sua grande crueldade receberam a maldição de só poderem se locomover-se/atacar na diagonal.
  11. 11. A dama ou rainha foi feita como o espelho da deusa, sendo assim a mais poderosa de todo o jogo e a única que não recebeu nenhuma maldição.
  12. 12. O rei foi criado para parecer igual aos generais de guerra que logo iriam surgir. Sua inspiração nos generais é simples, pois os mesmos mandam soldados para a guerra sem a menor importância se eles irão retornar vivos. Uma maldição lhe foi lançada para impedir que ele se aproxime uma casa do rei adversário.
  13. 13. Depois de criado, a jovem deusa resolveu esconder o seu jogo em algum lugar antes que seus pais o vissem e o destruíssem. Caissa não sabia onde seria um bom local para escondê-lo, então resolveu jogá-lo em qualquer lugar da Terra. O jogo foi lançado e caiu na Índia. Quando os indianos descobriram o jogo ficaram impressionados, tentaram jogá-lo de várias maneiras mas sempre havia uma discordância entre os jogadores. Certo dia resolveram fazer algumas regras que deveriam ser respeitadas por qualquer um que o joga. Passaram-se muitos anos desde que Caissa havia lançado o xadrez na Terra. Então a deusa resolveu pegar seu jogo de volta e mostrá-lo aos seus pais, mas quando soube que o jogo era muito conhecido e jogado, ela resolveu proteger o jogo deixando-o assim definitivamente na Terra.
  14. 14. Referências bibliográficas • Fritsch, Evans – Apostila do II Curso de Iniciação ao Xadrez – 2007. • Shenk, David – O Jogo Imortal – Jorge Zahar Editor – 2007. • Imagens da internet

×