Introdução ao Curso entrevistador- a Casa Espirita

1.677 visualizações

Publicada em

Introdução ao Curso de Entrevistador.
a Casa Espirita e seus departamentos.
O dialogo fraterno para encaminhamento a assistencia espiritual Responsabilidade,dedicação e amor do tarefeiro

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.677
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
51
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Introdução ao Curso entrevistador- a Casa Espirita

  1. 1. CURSO DE ENTREVISTADOR Departamento de Orientação e Encaminhamento
  2. 4. DEPOE Departamento de Orientação e Encaminhamento
  3. 5. DEPOE Dentro do contexto da Casa Espirita <ul><li>A Porta de Entrada Casa Espirita </li></ul><ul><li>Entrevistamos/entrevistados </li></ul><ul><li>DEPOE – finalidade </li></ul>
  4. 6.   Fé  Sustentação Amor e empatia Recepção Olhar no olhar Calma / atenção Tempo/entrevista Tom A vontade Julgar ou criticar Prepotentes ou tímidos Sem dependência Conhecimento doutrinário Sugerir Tratamento médico Dúvidas Exemplo Despedida Melindre/tarefeiros   Capacitação e Idealização
  5. 7. O TRABALHO EM EQUIPE Engrenagem   Sintonia   Arrumação/material   A equipe
  6. 8. A palavra   Entonação de voz/Assistido   A responsabilidade de ajudar   Envolvimento/Assistido   Direcionar perguntas   Evangelho de Jesus   Despertar ou não
  7. 9. QUEM É NOSSO PÚBLICO Espíritas Não espíritas Sem credo religioso Credos diferentes, credos flutuantes       Graves/simples Aprendizado Outras Casas
  8. 10. CLIENTELA ( casos ) ENVOLVIMENTOS ESPIRITUAIS Ex. obsessão   DESEQUILÍBRIOS EMOCIONAIS Ex.tristeza   DESEQUILÍBRIOS PSIQUICOS Ex. sentimento culpa   DESEQUILÍBRIOS FISICOS Ex. moléstias orgânicas   CONFLITOS EXISTENCIAIS Ex.bens materiais   MEDIUNIDADE Ex. sensibilidade, percepções   TRAUMAS PSICOLÓGICOS Ex. violência
  9. 11. PUBLICO HETEROGÊNEO Cada vez mais um público heterogêneo procura a Casa e Espírita. Precisamos nos capacitar constantemente através do estudo doutrinário,de conhecimentos científicos,de leituras variadas,estando atentos aos acontecimentos, as situações, aos fatos que envolvem o homem e seu cotidiano visualizando-o dentro de um contexto integral (fisiopsicosocial )
  10. 14. CURSO DE ENTREVISTADOR Departamento de Orientação e Encaminhamento

×