SlideShare uma empresa Scribd logo
Intervenção dos Espíritos no mundo Corpóreo
Cap. IX - LE
“Portanto, nós também, pois que estamos rodeados de uma tão
grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço.”
Paulo. ( hebreus cap.12: 1 )
1. Quem são os espíritos?
2. Quando encarnados como se apresentam ?
3. E depois da morte?
4. Nesta sala onde nos encontramos há espíritos ? Quais ?
5. Estamos imersos em algo que não vemos? O que ?
6. Como os espíritos entram em contato conosco?
1. São os seres inteligentes da Criação .
2. Quando encarnado o Espirito reveste-se do períspirito e corpo físico.
3. O Espirito quando desencarnado deixa a veste física e apresenta-se com
seu envoltório fluídico chamado períspirito.
4. Sim . Encarnados e desencarnados.
5. Sim. Ela esta impregnada de Fluido Cósmico Universal.
6. Pelo pensamento, que tem sua sede na mente que procede do ser espiritual
• Os pensamentos (matéria mental) são ideias criadas pelo Espirito. Quando
pensamos, emitimos ondas mentais (eletromagnéticas), que transportam
energia.
• O nosso cérebro é como um aparelho emissor e receptor de ondas mentais.
(pineal) .
• Os pensamentos atravessam a atmosfera em todas as direções e a todo
instante. É, pois, pelo pensamento que nos comunicamos com os Espíritos
e o meio mais eficaz é a prece.
RESPOSTAS:
Esse fluido recebe da vontade uma impulsão; ele é o veículo do
pensamento, como o ar o é do som, com a diferença de que as
vibrações do ar são circunscritas, ao passo que as do fluido
universal se estendem ao infinito.
Dirigido, pois, o pensamento para um ser qualquer, na Terra ou no
espaço, de encarnado para desencarnado, ou vice-versa, uma
corrente fluídica se estabelece entre um e outro, transmitindo de
um ao outro o pensamento, como o ar transmite o som
Fluido Cósmico Universal
Faculdade do espírito
Há nos fluidos, ondas e raios de
pensamentos que se cruzam, sem se
confundirem, como há no ar ondas e
raios sonoros.
Corrente fluídica
Somos seres pensantes,
seres sociais,
altamente influenciáveis.
Vivemos em permuta
constante de
pensamentos
sentimentos,
vibrações .
A química mental vive na base de todas as transformações, porque
realmente evoluímos em profunda comunhão telepática com todos
aqueles encarnados ou desencarnados que se afinam conosco. A.Luiz
1. Afinidade
2. sintonia
telepatia
1. valores e costumes que se assemelham
2. finalidade
Não são sinônimos
Uma ideia esta no ar!
Ideias simultâneas para varias pessoas
(Sono sonho / emancipação da alma)
Telepatia - Ondas pensamentos
Telegrafia humana – Comunicação a
distância entre duas pessoas vivas,
que se evocam reciprocamente.
• Privilégio das almas de escol.
• Desprendimentos da matéria.
• Futura forma comunicação.
• Meio Universal de correspondência.
• O pensamento, criando imagens
fluídicas, se reflete no envoltório
perispiritual como numa chapa de
vidro.
Emissão/ recepção recepção
Pensamento Continuo
Vontade Livre Arbítrio Lei de Causa Efeito
Processos mentais :
consciência /auto percepção/ homo sapiens
• Atenção
• Concentração
• Associação de ideias
• Conjugação de ideias
Após a individualização do Principio inteligente , o Espirito adquiri o
pensamento continuo, desenvolvendo os processos mentais.
Desenvolve :
Emitindo uma ideia, passamos a refletir as que se lhe assemelham,
ideia essa que para logo se corporifica, com intensidade
correspondente à nossa insistência em sustentá-la, mantendo-nos,
assim, espontaneamente em comunicação com todos os que nos
esposem o modo de sentir.
“O mundo é como um espelho, devolve a cada pessoa o reflexo de
seus próprios pensamentos. ”
vontade
Como distinguir os pensamentos ?
Quando um pensamento é sugerido é
como uma voz que vos fala.
Os pensamentos próprios são “em geral”
os que ocorrem no primeiro impulso.
Como distinguir se um pensamento é
sugerido por um bom ou mau espirito?
Examine bem. Os bons espíritos
aconselham somente o bem.
Há uma diferença entre o homem e os
espíritos no cotidiano.
O homem só observa o que está alcance
de sua vista.
Os espíritos podem penetrar no íntimo
das criaturas penetrando fundo em seus
pensamentos ,conhecendo aquilo que o
homem procura esconder de si mesmo.
meu
seu
nossos
“ Orai e vigiai”
amor perdão prece
Pens. positivos
Força moral
Bons exemplos
reconciliação
generosidade
entendimento
fé
Bem
esperança
otimismo
honestidade
Plano Superiores – pensamentos positivos
A mente de cada um, pelas correntes de matéria mental que
exterioriza, eleva-se a gradativa libertação no rumo dos planos
superiores ou estaciona nos planos inferiores, como quem traça vasto
labirinto aos próprios pés. (M. Mediunidade A.Luiz.)
Intervenção dos espíritos no mundo corpóreo
Os espíritos exercem influencia sobre os
acontecimentos da vida?
• Sim
• Nunca fora das leis naturais;
milagres, fenômenos extraordinários
(derrogação leis divinas)
Intervenção oculta
• Encontro casual
• Inspiração
• Atenção para determinado ponto,
situação, lugar
“O homem deve seguir seus próprios impulsos conservando seu
livre arbítrio”
Influencia dos espíritos sobre
acontecimentos da vida
Um raio explodiu e matou um homem
• O homem deveria morrer de raio?
• Os espíritos provocaram o raio?
Resposta
• Raio sobre as arvores faz parte das leis
da natureza
• O raio não foi dirigido para lá porque o
homem lá estava
• O homem foi atraído para essas
circunstancias
“Os espíritos têm influencia sobre a
matéria ,mas para o cumprimento das leis
da natureza, e não para as derrogar”
Influencia x intervenção
Intervenção = ato ou efeito de intervir, ação de agir sobre os outros
Influencia = ingerência, A palavra influência tem origem no latim Influentia
de Influere cujo prefixo in significa “movimento para dentro”
Espíritos levianos e brincalhões
São eles responsáveis os autores pelos pequenos transtornos da
vida?
Eles se comprazem nessas traquinices, que são provas destinadas a
exercitar paciência ,mas se cansam quando nada conseguem.
Entretanto não seria justo responsabiliza-los por todas nossas
frustações, das quais nos somos os principais autores.
Ação dos espíritos sobre fenômenos da natureza
Os fenômenos da natureza, como furacão, tsunami, tempestade, terremoto,
tornado, vulcão... tem como objetivo restabelecer o equilíbrio da harmonia
das forças físicas da natureza, e algumas vezes os fenômenos tem como
razão de ser direta o homem; sendo que nada acontece por acaso, tudo tem
a permissão de Deus, que é a causa primeira de todas as coisas; e Deus é
que permite os espíritos trabalharem nestes fenômenos.
Talismãs
São fatos naturais mal
observados e compreendidos .
Os espíritos são atraídos pelo
pensamento e não pelas
coisas materiais
Estreiteza e fraqueza de
ideias dão azo aos espíritos
inferiores
Poder magnético e dupla vista
são a chave de uma infinidade
de fenômenos .
O conhecimento esclarecido
dessas duas ciências que se
resumem numa só mostram a
realidade das coisas e sua
verdadeira causa pois revela o
que é impossível e que esta
nas leis da Natureza.
Pressentimentos
Definição: É o ato de sentir antecipadamente mais pela emoção
do que pela razão a ocorrência de um fato futuro: suspeita,
desconfiança
Advertência:
• Conselho intimo de um amigo que lhe quer bem
• Intuição da escolha anterior
• Voz do instinto ou impressão de foro intimo  fases
importantes da vida
• Na incerteza
• Orar a Deus  respostas vêm através de outras pessoas
Inspiração Intuição
Visão interior Pensamentos sugeridos
É nessa projeção de forças, a determinarem o compulsório
intercâmbio com todas as mentes encarnadas ou desencarnadas,
que se nos movimenta o Espírito no mundo das formas -- pensamento,
construções substanciais na esfera da alma, que nos liberam o passo
ou no-lo escravizam, na pauta do bem ou do mal de nossa escolha
Patriaespirita.blogspot.com
Aula   intervencao dos espiritos no mundo fisico

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioO homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafio
Graça Maciel
 
Justiça das Aflições
Justiça das AfliçõesJustiça das Aflições
Justiça das Aflições
igmateus
 

Mais procurados (20)

Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
 
O homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioO homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafio
 
Justiça das Aflições
Justiça das AfliçõesJustiça das Aflições
Justiça das Aflições
 
Estudo sobre prece!
Estudo sobre prece!Estudo sobre prece!
Estudo sobre prece!
 
Aborto
Aborto Aborto
Aborto
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
 
Os espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morteOs espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morte
 
Lei de causa e efeito
Lei de causa e efeitoLei de causa e efeito
Lei de causa e efeito
 
Palestra espirita escolha das provas
Palestra espirita escolha das provasPalestra espirita escolha das provas
Palestra espirita escolha das provas
 
Nos domínios da mediunidade aula15
Nos domínios da mediunidade aula15Nos domínios da mediunidade aula15
Nos domínios da mediunidade aula15
 
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
 
Aula espiritos errantes
Aula espiritos errantesAula espiritos errantes
Aula espiritos errantes
 
A Vontade
A VontadeA Vontade
A Vontade
 
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDASINFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
 
Estudando André Luiz Nosso Lar cap. 24 a 33
Estudando André Luiz Nosso Lar cap. 24 a 33Estudando André Luiz Nosso Lar cap. 24 a 33
Estudando André Luiz Nosso Lar cap. 24 a 33
 
Aula 2 - Deus – lili
Aula 2 - Deus – liliAula 2 - Deus – lili
Aula 2 - Deus – lili
 
Mecanismo das comunicações - Afinidade - Sintonia
Mecanismo das comunicações - Afinidade  - SintoniaMecanismo das comunicações - Afinidade  - Sintonia
Mecanismo das comunicações - Afinidade - Sintonia
 
Médiuns e mediunidade!
Médiuns e mediunidade!Médiuns e mediunidade!
Médiuns e mediunidade!
 
O livro dos médiuns - Sistemas
O livro dos médiuns -  SistemasO livro dos médiuns -  Sistemas
O livro dos médiuns - Sistemas
 
Suicidio na visão espirita
Suicidio  na visão espiritaSuicidio  na visão espirita
Suicidio na visão espirita
 

Semelhante a Aula intervencao dos espiritos no mundo fisico

Aula sobre Livro dos Espíritos - Segunda parte - Cap. 9
Aula sobre Livro dos Espíritos - Segunda parte - Cap. 9Aula sobre Livro dos Espíritos - Segunda parte - Cap. 9
Aula sobre Livro dos Espíritos - Segunda parte - Cap. 9
contatodoutrina2013
 
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
José Augusto Vieira
 

Semelhante a Aula intervencao dos espiritos no mundo fisico (20)

Aula sobre Livro dos Espíritos - Segunda parte - Cap. 9
Aula sobre Livro dos Espíritos - Segunda parte - Cap. 9Aula sobre Livro dos Espíritos - Segunda parte - Cap. 9
Aula sobre Livro dos Espíritos - Segunda parte - Cap. 9
 
O médium e a mediunidade no Espiritismo. Reinaldo Barros
O médium e a mediunidade no Espiritismo. Reinaldo BarrosO médium e a mediunidade no Espiritismo. Reinaldo Barros
O médium e a mediunidade no Espiritismo. Reinaldo Barros
 
Roteiro 2 elementos gerais do universo - matéria e espírito
Roteiro 2   elementos gerais do universo - matéria e espíritoRoteiro 2   elementos gerais do universo - matéria e espírito
Roteiro 2 elementos gerais do universo - matéria e espírito
 
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptxCurso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
 
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
 
Mediunidade _ Estudo para Mocidade
Mediunidade _ Estudo para MocidadeMediunidade _ Estudo para Mocidade
Mediunidade _ Estudo para Mocidade
 
Aula Vida Espirita
Aula Vida EspiritaAula Vida Espirita
Aula Vida Espirita
 
Roteiro 1 influência dos espíritos
Roteiro 1   influência dos espíritosRoteiro 1   influência dos espíritos
Roteiro 1 influência dos espíritos
 
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
 
Clarividencia e clariaudiencia
Clarividencia e clariaudienciaClarividencia e clariaudiencia
Clarividencia e clariaudiencia
 
O Perispirito
O PerispiritoO Perispirito
O Perispirito
 
01
0101
01
 
01
0101
01
 
Assistência espiritual, obsessão e desobsessão
Assistência espiritual, obsessão e desobsessãoAssistência espiritual, obsessão e desobsessão
Assistência espiritual, obsessão e desobsessão
 
Aula 1 - Introdução ao Estudo sobre o Mundo Espiritual - Força do Pensameto
Aula 1 - Introdução ao Estudo sobre o Mundo Espiritual - Força do PensametoAula 1 - Introdução ao Estudo sobre o Mundo Espiritual - Força do Pensameto
Aula 1 - Introdução ao Estudo sobre o Mundo Espiritual - Força do Pensameto
 
Aula Introdução a Mediunidade
Aula Introdução a MediunidadeAula Introdução a Mediunidade
Aula Introdução a Mediunidade
 
PENSAMENTO-E-MEDIUNIDADE-SEMINÁRIO-FEB-25-06-2016-ARISMAR.pdf
PENSAMENTO-E-MEDIUNIDADE-SEMINÁRIO-FEB-25-06-2016-ARISMAR.pdfPENSAMENTO-E-MEDIUNIDADE-SEMINÁRIO-FEB-25-06-2016-ARISMAR.pdf
PENSAMENTO-E-MEDIUNIDADE-SEMINÁRIO-FEB-25-06-2016-ARISMAR.pdf
 
Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade
 
Espírito , Materia e Fluidos - Kardec - Espiritismo
Espírito , Materia e Fluidos - Kardec - EspiritismoEspírito , Materia e Fluidos - Kardec - Espiritismo
Espírito , Materia e Fluidos - Kardec - Espiritismo
 
Estudo do livro Roteiro liçãoo 37
Estudo do livro Roteiro liçãoo 37Estudo do livro Roteiro liçãoo 37
Estudo do livro Roteiro liçãoo 37
 

Mais de Ceile Bernardo

Historia do espiritismo
Historia do espiritismoHistoria do espiritismo
Historia do espiritismo
Ceile Bernardo
 
Alegria confiança video
Alegria confiança videoAlegria confiança video
Alegria confiança video
Ceile Bernardo
 

Mais de Ceile Bernardo (20)

Atos dos apostolos
Atos dos apostolosAtos dos apostolos
Atos dos apostolos
 
Aula - Estou de luto
Aula -  Estou de lutoAula -  Estou de luto
Aula - Estou de luto
 
Aula a lei do amor
Aula   a  lei do amorAula   a  lei do amor
Aula a lei do amor
 
Aula bem aventurados os pobres de espirito
Aula   bem aventurados os pobres de espiritoAula   bem aventurados os pobres de espirito
Aula bem aventurados os pobres de espirito
 
Aula Perfeição Moral
Aula  Perfeição MoralAula  Perfeição Moral
Aula Perfeição Moral
 
Aula Lei de Conservação
Aula  Lei de ConservaçãoAula  Lei de Conservação
Aula Lei de Conservação
 
Aula otimismo e fé
Aula  otimismo e féAula  otimismo e fé
Aula otimismo e fé
 
Lei de Reprodução
Lei de ReproduçãoLei de Reprodução
Lei de Reprodução
 
Principio Vital
Principio VitalPrincipio Vital
Principio Vital
 
O homem o Perispirito a Evolução
O homem o Perispirito a EvoluçãoO homem o Perispirito a Evolução
O homem o Perispirito a Evolução
 
Preconceito
Preconceito Preconceito
Preconceito
 
Historia do espiritismo
Historia do espiritismo Historia do espiritismo
Historia do espiritismo
 
Historia do espiritismo
Historia do espiritismoHistoria do espiritismo
Historia do espiritismo
 
Viajores da Eternidade
Viajores da EternidadeViajores da Eternidade
Viajores da Eternidade
 
Curso de Entrevistadores - Sexualidade
Curso de Entrevistadores - SexualidadeCurso de Entrevistadores - Sexualidade
Curso de Entrevistadores - Sexualidade
 
Deus video.
Deus video.Deus video.
Deus video.
 
Elementos gerais do universo video
Elementos gerais do universo videoElementos gerais do universo video
Elementos gerais do universo video
 
Fé e Obras
Fé e Obras Fé e Obras
Fé e Obras
 
Alegria confiança video
Alegria confiança videoAlegria confiança video
Alegria confiança video
 
A familia curso entrevistadores
A familia   curso entrevistadoresA familia   curso entrevistadores
A familia curso entrevistadores
 

Último

Último (8)

Oração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaOração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De Cássia
 
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...
João Calvino e o Cânticos dos Salmos: uma introdução ao pensamento de Calvino...
 
JUIZO FINAL [ DOUTRINA DA ESCATOLOGIA E FIM DOS TEMPOS]
JUIZO FINAL [ DOUTRINA DA ESCATOLOGIA E FIM DOS TEMPOS]JUIZO FINAL [ DOUTRINA DA ESCATOLOGIA E FIM DOS TEMPOS]
JUIZO FINAL [ DOUTRINA DA ESCATOLOGIA E FIM DOS TEMPOS]
 
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxBíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
 
GUIA DE ESTUDO BIBLICO [Teologia sistemática e Vida Cristã]
GUIA DE ESTUDO BIBLICO [Teologia sistemática e Vida Cristã]GUIA DE ESTUDO BIBLICO [Teologia sistemática e Vida Cristã]
GUIA DE ESTUDO BIBLICO [Teologia sistemática e Vida Cristã]
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
 
1- Chuvas de Graça - Hino da Harpa Cristã.ppt
1- Chuvas de Graça - Hino da Harpa Cristã.ppt1- Chuvas de Graça - Hino da Harpa Cristã.ppt
1- Chuvas de Graça - Hino da Harpa Cristã.ppt
 
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 

Aula intervencao dos espiritos no mundo fisico

  • 1. Intervenção dos Espíritos no mundo Corpóreo Cap. IX - LE “Portanto, nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço.” Paulo. ( hebreus cap.12: 1 )
  • 2. 1. Quem são os espíritos? 2. Quando encarnados como se apresentam ? 3. E depois da morte? 4. Nesta sala onde nos encontramos há espíritos ? Quais ? 5. Estamos imersos em algo que não vemos? O que ? 6. Como os espíritos entram em contato conosco?
  • 3. 1. São os seres inteligentes da Criação . 2. Quando encarnado o Espirito reveste-se do períspirito e corpo físico. 3. O Espirito quando desencarnado deixa a veste física e apresenta-se com seu envoltório fluídico chamado períspirito. 4. Sim . Encarnados e desencarnados. 5. Sim. Ela esta impregnada de Fluido Cósmico Universal. 6. Pelo pensamento, que tem sua sede na mente que procede do ser espiritual • Os pensamentos (matéria mental) são ideias criadas pelo Espirito. Quando pensamos, emitimos ondas mentais (eletromagnéticas), que transportam energia. • O nosso cérebro é como um aparelho emissor e receptor de ondas mentais. (pineal) . • Os pensamentos atravessam a atmosfera em todas as direções e a todo instante. É, pois, pelo pensamento que nos comunicamos com os Espíritos e o meio mais eficaz é a prece. RESPOSTAS:
  • 4. Esse fluido recebe da vontade uma impulsão; ele é o veículo do pensamento, como o ar o é do som, com a diferença de que as vibrações do ar são circunscritas, ao passo que as do fluido universal se estendem ao infinito. Dirigido, pois, o pensamento para um ser qualquer, na Terra ou no espaço, de encarnado para desencarnado, ou vice-versa, uma corrente fluídica se estabelece entre um e outro, transmitindo de um ao outro o pensamento, como o ar transmite o som Fluido Cósmico Universal Faculdade do espírito Há nos fluidos, ondas e raios de pensamentos que se cruzam, sem se confundirem, como há no ar ondas e raios sonoros. Corrente fluídica
  • 5. Somos seres pensantes, seres sociais, altamente influenciáveis.
  • 6. Vivemos em permuta constante de pensamentos sentimentos, vibrações .
  • 7. A química mental vive na base de todas as transformações, porque realmente evoluímos em profunda comunhão telepática com todos aqueles encarnados ou desencarnados que se afinam conosco. A.Luiz 1. Afinidade 2. sintonia telepatia 1. valores e costumes que se assemelham 2. finalidade Não são sinônimos
  • 8. Uma ideia esta no ar! Ideias simultâneas para varias pessoas (Sono sonho / emancipação da alma) Telepatia - Ondas pensamentos Telegrafia humana – Comunicação a distância entre duas pessoas vivas, que se evocam reciprocamente. • Privilégio das almas de escol. • Desprendimentos da matéria. • Futura forma comunicação. • Meio Universal de correspondência. • O pensamento, criando imagens fluídicas, se reflete no envoltório perispiritual como numa chapa de vidro. Emissão/ recepção recepção
  • 9. Pensamento Continuo Vontade Livre Arbítrio Lei de Causa Efeito Processos mentais : consciência /auto percepção/ homo sapiens • Atenção • Concentração • Associação de ideias • Conjugação de ideias Após a individualização do Principio inteligente , o Espirito adquiri o pensamento continuo, desenvolvendo os processos mentais. Desenvolve :
  • 10. Emitindo uma ideia, passamos a refletir as que se lhe assemelham, ideia essa que para logo se corporifica, com intensidade correspondente à nossa insistência em sustentá-la, mantendo-nos, assim, espontaneamente em comunicação com todos os que nos esposem o modo de sentir. “O mundo é como um espelho, devolve a cada pessoa o reflexo de seus próprios pensamentos. ” vontade
  • 11. Como distinguir os pensamentos ? Quando um pensamento é sugerido é como uma voz que vos fala. Os pensamentos próprios são “em geral” os que ocorrem no primeiro impulso. Como distinguir se um pensamento é sugerido por um bom ou mau espirito? Examine bem. Os bons espíritos aconselham somente o bem. Há uma diferença entre o homem e os espíritos no cotidiano. O homem só observa o que está alcance de sua vista. Os espíritos podem penetrar no íntimo das criaturas penetrando fundo em seus pensamentos ,conhecendo aquilo que o homem procura esconder de si mesmo. meu seu nossos “ Orai e vigiai”
  • 12. amor perdão prece Pens. positivos Força moral Bons exemplos reconciliação generosidade entendimento fé Bem esperança otimismo honestidade Plano Superiores – pensamentos positivos A mente de cada um, pelas correntes de matéria mental que exterioriza, eleva-se a gradativa libertação no rumo dos planos superiores ou estaciona nos planos inferiores, como quem traça vasto labirinto aos próprios pés. (M. Mediunidade A.Luiz.)
  • 13. Intervenção dos espíritos no mundo corpóreo Os espíritos exercem influencia sobre os acontecimentos da vida? • Sim • Nunca fora das leis naturais; milagres, fenômenos extraordinários (derrogação leis divinas) Intervenção oculta • Encontro casual • Inspiração • Atenção para determinado ponto, situação, lugar “O homem deve seguir seus próprios impulsos conservando seu livre arbítrio”
  • 14. Influencia dos espíritos sobre acontecimentos da vida Um raio explodiu e matou um homem • O homem deveria morrer de raio? • Os espíritos provocaram o raio? Resposta • Raio sobre as arvores faz parte das leis da natureza • O raio não foi dirigido para lá porque o homem lá estava • O homem foi atraído para essas circunstancias “Os espíritos têm influencia sobre a matéria ,mas para o cumprimento das leis da natureza, e não para as derrogar” Influencia x intervenção Intervenção = ato ou efeito de intervir, ação de agir sobre os outros Influencia = ingerência, A palavra influência tem origem no latim Influentia de Influere cujo prefixo in significa “movimento para dentro”
  • 15. Espíritos levianos e brincalhões São eles responsáveis os autores pelos pequenos transtornos da vida? Eles se comprazem nessas traquinices, que são provas destinadas a exercitar paciência ,mas se cansam quando nada conseguem. Entretanto não seria justo responsabiliza-los por todas nossas frustações, das quais nos somos os principais autores.
  • 16. Ação dos espíritos sobre fenômenos da natureza Os fenômenos da natureza, como furacão, tsunami, tempestade, terremoto, tornado, vulcão... tem como objetivo restabelecer o equilíbrio da harmonia das forças físicas da natureza, e algumas vezes os fenômenos tem como razão de ser direta o homem; sendo que nada acontece por acaso, tudo tem a permissão de Deus, que é a causa primeira de todas as coisas; e Deus é que permite os espíritos trabalharem nestes fenômenos.
  • 17. Talismãs São fatos naturais mal observados e compreendidos . Os espíritos são atraídos pelo pensamento e não pelas coisas materiais Estreiteza e fraqueza de ideias dão azo aos espíritos inferiores Poder magnético e dupla vista são a chave de uma infinidade de fenômenos . O conhecimento esclarecido dessas duas ciências que se resumem numa só mostram a realidade das coisas e sua verdadeira causa pois revela o que é impossível e que esta nas leis da Natureza.
  • 18. Pressentimentos Definição: É o ato de sentir antecipadamente mais pela emoção do que pela razão a ocorrência de um fato futuro: suspeita, desconfiança Advertência: • Conselho intimo de um amigo que lhe quer bem • Intuição da escolha anterior • Voz do instinto ou impressão de foro intimo  fases importantes da vida • Na incerteza • Orar a Deus  respostas vêm através de outras pessoas Inspiração Intuição Visão interior Pensamentos sugeridos
  • 19. É nessa projeção de forças, a determinarem o compulsório intercâmbio com todas as mentes encarnadas ou desencarnadas, que se nos movimenta o Espírito no mundo das formas -- pensamento, construções substanciais na esfera da alma, que nos liberam o passo ou no-lo escravizam, na pauta do bem ou do mal de nossa escolha