Recuperação de Física<br />Centro Educacional 03<br />Alunos: Matheus Gustavo (34); Jhonatan da Hora (20); Bárbara (04); B...
Vetores<br />» CONCEITO «<br />Um vetor é um segmento de reta orientado utilizado para definir uma grandeza vetorial<br />...
Lancamento horizontal<br />‘<br />» CONCEITO «<br />A partir de um ponto situado a uma altura h, acima do solo, o móvel é ...
Movimento circular<br />» MOVIMENTO CIRCULAR UNIFORME (MCU) «<br />1. A trajetória é uma circunferência. 2. A velocidade v...
Movimento circular<br />» MOVIMENTO CIRCULAR UNIFORMEMENTE VARIADO (MCUV) «<br />1. A trajetória é uma circunferência. 2. ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Recuperação de fisica

1.244 visualizações

Publicada em

;D

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.244
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Recuperação de fisica

  1. 1. Recuperação de Física<br />Centro Educacional 03<br />Alunos: Matheus Gustavo (34); Jhonatan da Hora (20); Bárbara (04); Bruna (06); Matheus Barros (32);<br />Matheus Batista (33).<br />Série/Turma: 1º B<br />
  2. 2. Vetores<br />» CONCEITO «<br />Um vetor é um segmento de reta orientado utilizado para definir uma grandeza vetorial<br />que é uma grandeza que além do módulo, é determinado por uma direção e sentido.<br />» MÓDULO<br />É o tamanho do vetor ou o valor da grandeza que ele representa.<br />» DIREÇÃO<br />Corresponde à posição ocupada pela reta suporte do vetor.<br />» SENTIDO<br />É a posição da seta do vetor, para onde ele aponta.<br />Ex.:<br />Exemplo de vetores: a figura representa um cruzamento de ruas, tal que você, situado em O, pode realizar os deslocamentos indicados pelos vetores d1, d2, d3, e d4. Diferenciando estes vetores segundo suas características, tem-se que:<br />Os vetores d1 e d3 têm a mesma direção, mesmo módulo, e sentidos opostos. <br />Os vetores d2 e d4 têm a mesma direção, módulos diferentes e sentidos opostos. <br />Os vetores d1 e d2 têm o mesmo módulo, direções e sentidos diferentes. <br />Os vetores d3 e d4 têm módulos, direções e sentidos diferentes. <br />
  3. 3. Lancamento horizontal<br />‘<br />» CONCEITO «<br />A partir de um ponto situado a uma altura h, acima do solo, o móvel é lançado horizontalmente e percorre uma trajetória parabólica, que pode ser construída utilizando-se a composição de dois movimentos independentes: a) Movimento horizontal – Nesse movimento, o corpo percorre espaços iguais (designados por L, na figura) em tempos iguais: movimento uniforme (velocidade constante). <br />Importante: para corpos lançados da mesma altura, o tempo de queda é o mesmo, independente das massas dos corpos e de suas velocidades horizontais de lançamento (desprezando-se os efeitos do ar). Aplicação 01. Uma bolinha rola por toda a extensão de uma mesa horizontal de 5m de altura e a abandona com uma velocidade horizontal de 12m/s. Calcule o tempo de queda e a distância do pé da mesa ao ponto onde cairá a bolinha (g = 10m/s2). Solução: Calculemos, inicialmente, o tempo de queda, considerando apenas o movimento vertical (queda livre – MUV acelerado): <br />Considerando agora o movimento horizontal (uniforme), teremos: <br />(o corpo cairá a 12m do pé da mesa). É importante lembrarmos que o tempo de queda não irá depender da velocidade horizontal de lançamento.<br />
  4. 4. Movimento circular<br />» MOVIMENTO CIRCULAR UNIFORME (MCU) «<br />1. A trajetória é uma circunferência. 2. A velocidade vetorial é constante em módulo e variável em direção e sentido. 3. A aceleração tangencial é nula. 4. A aceleração centrípeta é constante em módulo e variável em direção e sentido. <br />Funções horárias escalar e angular (de fase): <br />A função horária do espaço, para um MCU de raio 2m, é S = 5 + 4 t (SI). Determine: a) A função horária de fase.   <br />b) As velocidades escalar e angular do movimento. Das funções horárias do espaço e da fase, respectivamente, retiramos:    c) As acelerações tangencial e centrípeta para esse movimento.   <br />
  5. 5. Movimento circular<br />» MOVIMENTO CIRCULAR UNIFORMEMENTE VARIADO (MCUV) «<br />1. A trajetória é uma circunferência. 2. A velocidade vetorial é variável em módulo, direção e sentido. 3. A aceleração tangencial é constante em módulo, mas é variável em direção e sentido. 4. A aceleração centrípeta é variável em módulo, direção e sentido. <br />Movimento uniformemente acelerado:<br />Movimento uniformemente retardado:<br />

×