SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 39
80 ANOS DE COOPERATIVISMO
   De 1931 a 1935.
  Cooperativa de
    Hortaliças.
  De 1935 a 1949.
Cooperativa Agrícola
     do Acará.
 De 1949 em diante
Cooperativa Agrícola
Mista de Tomé-açu.
LOCALIZAÇÃO




     Região Amazônica – Norte do Brasil –
    Estado do Pará – Município de Tomé-Açu
          - 230 Km da capital Belém
Quadro Funcional
ANO    COLABORADORES     Capital Social (2010)
2001        102          R$ 1.084.244, 39
2002        106        Poupança de Cooperados
2003        109                (2010)
2004        113            R$ 499.991,48
2005        115
                             Ativo (2010)
2006        122
                          R$ 21.704.129,72
2007        128
2008        131
                        Cooperados(2010)
2009        130
                              125
2010        125
QUADRO DO MOVIMENTO BRUTO
                ANUAL.
 16.000.000,00


 14.000.000,00




                                                  2 – Agroindústria ; 2010
 12.000.000,00


 10.000.000,00




                                                                                                                       2 – Agroindústria ; 2009
   8.000.000,00


   6.000.000,00




                                                                                                   1 – Produto; 2009
                       1 – Produto; 2010




   4.000.000,00


   2.000.000,00


              0,00
                                  2010                                                                       2009
1 – Produto          5.546.635,92                                                                7.551.666,10
2 – Agroindústria    15.624.166,86                                                               11.813.097,55


                                           1 – Produto                       2 – Agroindústria
PRODUTOS:
 POLPAS DE FRUTAS TROPICAIS
PIMENTA-DO-REINO
Cacau
Óleos vegetais
Centro de produção de mudas
Centro de produção de composto
   orgânico dos resíduos das
         agroindústrias.
ESSES COMPOSTOS
  RETORNAM AO
     CAMPO
Nossa área de produção
   está concentrada
   Em um ambiente
     Considerado
  AMBIENTALMENTE
         Hostil
Há mais de 30 anos os cooperados da
                CAMTA
   utilizam o plantio diversificado,
  hoje conhecido como SISTEMAS
   AGROFLORESTAIS DE TOMÉ-
            AÇU(SAF-TA)
SAF-TA
Valorização do trabalho
        feminino
Reuniões freqüentes
Cursos práticos
Oficinas de trabalho
Trabalhos artesanais
Bio jóias   Tingimento natural
Preocupação sucessória
Preparando os jovens
Busca de cooperações.
Transferência de tecnologia
Dia de campo
CONVÊNIO DE PESQUISA
 CAMTA/CEPLAC/PMTA
CONVÊNIO DE PESQUISA
CAMTA/NATURA/FINEP/EMBRAPA
TÍTULOS E CONQUISTAS

 UMA   DAS COOPERATIVAS MAIS
  ANTIGAS DO BRASIL.
 UMA DAS MAIORES COOPERATIVA
  DO RAMO AGROPECUÁRIO DO
  NORTE DO BRASIL.
 REFERÊNCIA NACIONAL E
  INTERNACIONAL.
EM 2010
 1º LUGAR A NÍVEL NACIONAL
  “PRÊMIO CELSO FURTADO”
        Na categoria.
DESENVOLVIMENTO REGIONAL
 PARA O DESENVOLVIMENTO
         NACIONAL
Sustentabilidade
Ambiental                            Tripo bottom line




                Econômica


                 “Uma sociedade sustentável é aquela que
                      satisfaz as suas necessidades
               sem diminuir as possibilidades das gerações
 Social              futuras de satisfazer as delas”
                              Lester Brown, fundador do Worldwatch Institute
O capitalismo
 A humanidade já descobriu que não é o
  modelo ideal para nossa sociedade.
 Centralização do poder de decisão.
 Vemos protestos em plena Wall Street
  que é o próprio berço do capitalismo.
Sabe ganhar. Porém não sabe dividir.
Não se importa com quem perde ou
  não sabe ganhar.
O SOCIALISMO
 É o modelo econômico que sabe
  distribuir, porém não sabe ganhar.
 O ganho se concentra em poder de uma
  minoria.
 As     tomadas     de   decisões   são
  centralizadas
O cooperativismo
 É o melhor modelo de gestão.
É democrático.
 Compartilha dividendos de forma justa.
Compartilha conhecimento.
Não cresce sozinho.
Não decide sozinho.
A possibilidade de errar é bem menor.
Todos ganham.
Fortalece todos integrantes da cadeia.
COOPERATIVISMO É
PARTICIPAÇÃO COLETIVA.
COOPERATIVISMO NIVELA AS
      DIFERENÇAS
PARA SER UM
    BOM
COOPERATIVISTA:


    NUNCA
  PERGUNTAR
   O QUE A
 COOPERATIVA
PODE FAZER POR
     MIM?


  E SIM O QUE     OBRIGADO
DEVO FAZER PELA    ARIGATO
 COOPERATIVA?

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Dia 2 - Cooperativismo para a sustentabilidade econômica e social dos sistemas agroflorestais - 80 anos de cooperativismo na Amazônia e 62 anos de CAMTA - Francisco Wataru Sakaguchi

Cooperativas Agropecuarias
Cooperativas AgropecuariasCooperativas Agropecuarias
Cooperativas Agropecuariascgf1234
 
Apresentação mineiros26.0 5
Apresentação mineiros26.0 5Apresentação mineiros26.0 5
Apresentação mineiros26.0 5cgf1234
 
Aula3 Prof. Fernanda
Aula3 Prof. FernandaAula3 Prof. Fernanda
Aula3 Prof. FernandaMatheus Yuri
 
Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela
Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e PelaCampanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela
Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pelaalantygel
 
Agricultura familiar acesso a serviços financeiros – desafios e perspectiva...
Agricultura familiar   acesso a serviços financeiros – desafios e perspectiva...Agricultura familiar   acesso a serviços financeiros – desafios e perspectiva...
Agricultura familiar acesso a serviços financeiros – desafios e perspectiva...agro_SEBRAE
 
Operação Seca
Operação SecaOperação Seca
Operação Secapegovbr
 
Comitê Integrado de Enfrentamento à Estiagem | Operação Seca
Comitê Integrado de Enfrentamento à Estiagem | Operação SecaComitê Integrado de Enfrentamento à Estiagem | Operação Seca
Comitê Integrado de Enfrentamento à Estiagem | Operação Secapegovbr
 
Apresentação apimec sul – resultados 3t09
Apresentação apimec sul – resultados 3t09Apresentação apimec sul – resultados 3t09
Apresentação apimec sul – resultados 3t09Juliana Arutin
 
Apresentação apimec sul – resultados 3t09
Apresentação apimec sul – resultados 3t09Apresentação apimec sul – resultados 3t09
Apresentação apimec sul – resultados 3t09rikepler
 
Gestão do agronegócio - a hora e a vez dos administradores
Gestão do agronegócio - a hora e a vez dos administradoresGestão do agronegócio - a hora e a vez dos administradores
Gestão do agronegócio - a hora e a vez dos administradoresÉrlei José de Araújo
 
Gestão do agronegócio a hora e a vez dos administradores
Gestão do agronegócio a hora e a vez dos administradoresGestão do agronegócio a hora e a vez dos administradores
Gestão do agronegócio a hora e a vez dos administradoresÉrlei Araújo
 
120711 07-wbeef-sust-mário-wolf
120711 07-wbeef-sust-mário-wolf120711 07-wbeef-sust-mário-wolf
120711 07-wbeef-sust-mário-wolfAgroTalento
 
Aplicacao agrotoxicos manual
Aplicacao agrotoxicos manualAplicacao agrotoxicos manual
Aplicacao agrotoxicos manualPaulo Heroncio
 
UV30 Luminoous Apresentação Oficial 2015
UV30 Luminoous Apresentação Oficial 2015UV30 Luminoous Apresentação Oficial 2015
UV30 Luminoous Apresentação Oficial 2015UV30 Luminoous
 

Semelhante a Dia 2 - Cooperativismo para a sustentabilidade econômica e social dos sistemas agroflorestais - 80 anos de cooperativismo na Amazônia e 62 anos de CAMTA - Francisco Wataru Sakaguchi (20)

Cooperativas Agropecuarias
Cooperativas AgropecuariasCooperativas Agropecuarias
Cooperativas Agropecuarias
 
Apresentação mineiros26.0 5
Apresentação mineiros26.0 5Apresentação mineiros26.0 5
Apresentação mineiros26.0 5
 
Aula3 Prof. Fernanda
Aula3 Prof. FernandaAula3 Prof. Fernanda
Aula3 Prof. Fernanda
 
Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela
Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e PelaCampanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela
Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela
 
Agricultura familiar acesso a serviços financeiros – desafios e perspectiva...
Agricultura familiar   acesso a serviços financeiros – desafios e perspectiva...Agricultura familiar   acesso a serviços financeiros – desafios e perspectiva...
Agricultura familiar acesso a serviços financeiros – desafios e perspectiva...
 
Operação Seca
Operação SecaOperação Seca
Operação Seca
 
Coco[1]
Coco[1]Coco[1]
Coco[1]
 
Cadeia da mandioca
Cadeia da mandiocaCadeia da mandioca
Cadeia da mandioca
 
Comitê Integrado de Enfrentamento à Estiagem | Operação Seca
Comitê Integrado de Enfrentamento à Estiagem | Operação SecaComitê Integrado de Enfrentamento à Estiagem | Operação Seca
Comitê Integrado de Enfrentamento à Estiagem | Operação Seca
 
Apresentação apimec sul – resultados 3t09
Apresentação apimec sul – resultados 3t09Apresentação apimec sul – resultados 3t09
Apresentação apimec sul – resultados 3t09
 
Apresentação apimec sul – resultados 3t09
Apresentação apimec sul – resultados 3t09Apresentação apimec sul – resultados 3t09
Apresentação apimec sul – resultados 3t09
 
Andef
AndefAndef
Andef
 
Gestão do agronegócio - a hora e a vez dos administradores
Gestão do agronegócio - a hora e a vez dos administradoresGestão do agronegócio - a hora e a vez dos administradores
Gestão do agronegócio - a hora e a vez dos administradores
 
Gestão do agronegócio a hora e a vez dos administradores
Gestão do agronegócio a hora e a vez dos administradoresGestão do agronegócio a hora e a vez dos administradores
Gestão do agronegócio a hora e a vez dos administradores
 
120711 07-wbeef-sust-mário-wolf
120711 07-wbeef-sust-mário-wolf120711 07-wbeef-sust-mário-wolf
120711 07-wbeef-sust-mário-wolf
 
Aplicacao agrotoxicos manual
Aplicacao agrotoxicos manualAplicacao agrotoxicos manual
Aplicacao agrotoxicos manual
 
Maria Luiza
Maria LuizaMaria Luiza
Maria Luiza
 
UV30 Luminoous Apresentação Oficial 2015
UV30 Luminoous Apresentação Oficial 2015UV30 Luminoous Apresentação Oficial 2015
UV30 Luminoous Apresentação Oficial 2015
 
1 projeto cooepaomio (2)
1  projeto cooepaomio (2)1  projeto cooepaomio (2)
1 projeto cooepaomio (2)
 
Industria rural e_mundo_virtual_(3)
Industria rural e_mundo_virtual_(3)Industria rural e_mundo_virtual_(3)
Industria rural e_mundo_virtual_(3)
 

Mais de cbsaf

Cbsaf reduzido
Cbsaf reduzidoCbsaf reduzido
Cbsaf reduzidocbsaf
 
22 metodoseproedimentosdelevantamentodecampopara
22 metodoseproedimentosdelevantamentodecampopara22 metodoseproedimentosdelevantamentodecampopara
22 metodoseproedimentosdelevantamentodecampoparacbsaf
 
Paulo guilherme cabral mma
Paulo guilherme cabral mmaPaulo guilherme cabral mma
Paulo guilherme cabral mmacbsaf
 
Paulo augusto lobato emater
Paulo augusto lobato ematerPaulo augusto lobato emater
Paulo augusto lobato ematercbsaf
 
Sergio aparecido bb
Sergio aparecido bbSergio aparecido bb
Sergio aparecido bbcbsaf
 
Joao luis guadagnin mda
Joao luis guadagnin mdaJoao luis guadagnin mda
Joao luis guadagnin mdacbsaf
 
22iidamir
22iidamir22iidamir
22iidamircbsaf
 
22robertmiller
22robertmiller22robertmiller
22robertmillercbsaf
 
24zaresoares
24zaresoares24zaresoares
24zaresoarescbsaf
 
24ricardoscoles
24ricardoscoles24ricardoscoles
24ricardoscolescbsaf
 
24marceloarcoverde
24marceloarcoverde24marceloarcoverde
24marceloarcoverdecbsaf
 
24lucianarocha
24lucianarocha24lucianarocha
24lucianarochacbsaf
 
24jorgevivan
24jorgevivan24jorgevivan
24jorgevivancbsaf
 
24cleidetavares
24cleidetavares24cleidetavares
24cleidetavarescbsaf
 
24casemiro
24casemiro24casemiro
24casemirocbsaf
 
24andregolcalves
24andregolcalves24andregolcalves
24andregolcalvescbsaf
 
23leonardosorice
23leonardosorice23leonardosorice
23leonardosoricecbsaf
 
Robert miller simposio 3.1
Robert miller simposio 3.1Robert miller simposio 3.1
Robert miller simposio 3.1cbsaf
 
Helio umemura simposio 2.1
Helio umemura simposio 2.1Helio umemura simposio 2.1
Helio umemura simposio 2.1cbsaf
 
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiuttiCompressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutticbsaf
 

Mais de cbsaf (20)

Cbsaf reduzido
Cbsaf reduzidoCbsaf reduzido
Cbsaf reduzido
 
22 metodoseproedimentosdelevantamentodecampopara
22 metodoseproedimentosdelevantamentodecampopara22 metodoseproedimentosdelevantamentodecampopara
22 metodoseproedimentosdelevantamentodecampopara
 
Paulo guilherme cabral mma
Paulo guilherme cabral mmaPaulo guilherme cabral mma
Paulo guilherme cabral mma
 
Paulo augusto lobato emater
Paulo augusto lobato ematerPaulo augusto lobato emater
Paulo augusto lobato emater
 
Sergio aparecido bb
Sergio aparecido bbSergio aparecido bb
Sergio aparecido bb
 
Joao luis guadagnin mda
Joao luis guadagnin mdaJoao luis guadagnin mda
Joao luis guadagnin mda
 
22iidamir
22iidamir22iidamir
22iidamir
 
22robertmiller
22robertmiller22robertmiller
22robertmiller
 
24zaresoares
24zaresoares24zaresoares
24zaresoares
 
24ricardoscoles
24ricardoscoles24ricardoscoles
24ricardoscoles
 
24marceloarcoverde
24marceloarcoverde24marceloarcoverde
24marceloarcoverde
 
24lucianarocha
24lucianarocha24lucianarocha
24lucianarocha
 
24jorgevivan
24jorgevivan24jorgevivan
24jorgevivan
 
24cleidetavares
24cleidetavares24cleidetavares
24cleidetavares
 
24casemiro
24casemiro24casemiro
24casemiro
 
24andregolcalves
24andregolcalves24andregolcalves
24andregolcalves
 
23leonardosorice
23leonardosorice23leonardosorice
23leonardosorice
 
Robert miller simposio 3.1
Robert miller simposio 3.1Robert miller simposio 3.1
Robert miller simposio 3.1
 
Helio umemura simposio 2.1
Helio umemura simposio 2.1Helio umemura simposio 2.1
Helio umemura simposio 2.1
 
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiuttiCompressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
Compressed cbsa fs-acai_silas_mochiutti
 

Dia 2 - Cooperativismo para a sustentabilidade econômica e social dos sistemas agroflorestais - 80 anos de cooperativismo na Amazônia e 62 anos de CAMTA - Francisco Wataru Sakaguchi