PropostaNovo Uniforme do C.N.E.  (Região de Setúbal)<br />
Cabeça<br /><ul><li>Chapéu de BP
Manter para Exploradores a Dirigentes ou só para adultos
Panamá
Para Lobitos
Possibilidade de definir ao nível local o uso até Caminheiro</li></li></ul><li>Tronco<br /><ul><li>Lenços
Manter os actuais modelos
Camisa
Manter o actual modelo
Adaptar cor
Melhorar materiais
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Proposta para o novo uniforme do CNE, por parte da Junta Regional de Setúbal

5.433 visualizações

Publicada em

A Junta Regional de Setúbal pretende apresentar proposta concreta da Região a ser votada em Conselho Nacional Plenário.
A proposta foi coordenada pelo Dirigente João Santos, do Agrupamento 555 de Almada e está disponível para debate.
Trata-se de uma proposta devidamente fundamentada, baseada em pressupostos de conforto e de adequação dos tecidos e das cores, às actividades escutistas, mormente tendo em atenção que em muitos momentos, o uniforme não apresenta soluções adequadas, por exemplo ao frio, ao calor, entre muitos outros problemas que todos reconhecemos.

É comum ver um conjunto de escuteiros uniformizados de forma completamente díspare, principalmente em clima de frio ou chuva. Esta proposta pretende dar resposta às preocupações que todos temos expressado ao longo dos anos.

É uma proposta, por isso visa ser trabalhada na Região para ser apresentada e votada no Conselho Regional que se prevê ocorra no próximo dia 8 de Julho.

Publicada em: Educação

Proposta para o novo uniforme do CNE, por parte da Junta Regional de Setúbal

  1. 1. PropostaNovo Uniforme do C.N.E.  (Região de Setúbal)<br />
  2. 2. Cabeça<br /><ul><li>Chapéu de BP
  3. 3. Manter para Exploradores a Dirigentes ou só para adultos
  4. 4. Panamá
  5. 5. Para Lobitos
  6. 6. Possibilidade de definir ao nível local o uso até Caminheiro</li></li></ul><li>Tronco<br /><ul><li>Lenços
  7. 7. Manter os actuais modelos
  8. 8. Camisa
  9. 9. Manter o actual modelo
  10. 10. Adaptar cor
  11. 11. Melhorar materiais
  12. 12. Camisolas de campo
  13. 13. Manter o actual modelo
  14. 14. Parka
  15. 15. Duas peças combinadas
  16. 16. Exterior impermeável
  17. 17. Interior polar (agasalho)
  18. 18. Cada uma das peças pode ser usada autonomamente</li></li></ul><li>Pernas<br /><ul><li>Cinto
  19. 19. Semelhantes aos usados actualmente. Com ou sem mosquetões
  20. 20. Calças / Calções
  21. 21. Bolsos laterais
  22. 22. Perna destacável
  23. 23. Adaptabilidade às condições climáticas
  24. 24. Uma peça, duas opções consoante actividade</li></li></ul><li>Pernas<br /><ul><li>Meias
  25. 25. Algodão, mudar cor
  26. 26. Meia de enchimento quando com bota
  27. 27. Manter jarreteiras
  28. 28. Calçado
  29. 29. Botas
  30. 30. Sapatos de “trecking”</li></li></ul><li>Cores<br /><ul><li>Camisa, Calças/calções e meias
  31. 31. Cores desadequadas às actividades típicas escutistas
  32. 32. Azul destaca-se no campo
  33. 33. Os tons naturais do campo deixam rasto no uniforme
  34. 34. Cor camisa admissível</li></li></ul><li>Cores<br /><ul><li>Tons enquadráveis com o campo
  35. 35. Bege
  36. 36. Caqui
  37. 37. Caqui claro
  38. 38. Caqui escuro
  39. 39. Couro
  40. 40. Verde militar</li></li></ul><li>http://www.bsauniforms.org<br />
  41. 41. Por fim, e porque sempre gostamos de ir beber à fonte, deixamos alguns dos pensamentos de B.P. sobre o Uniforme Escutista, que sempre deverão servir de rumo ao trilho a escolher:<br />O Uniforme indica que pertenceis a uma grande fraternidade espalhada pelo mundo inteiro. Faz-se ideia elevada de um rapaz que usa este uniforme, sabe-se que não é um rapaz qualquer, mas limpo, inteligente, activo, em quem se pode confiar, que cumprirá da melhor vontade as ordens recebidas e será prestável aos outros.<br />WCH, 55<br /> <br />Posso dizer que eu próprio ando sempre de calções, de verão e de inverno, e nunca apanho constipações. A ser essa a razão, também se podia apanhar um resfriamento por andar com a cara e as mãos a descoberto.<br />MFB, 58<br /> <br />Os escuteiros usam as mangas arregaçadas porque isto lhes dá maior liberdade de movimentos, mas isto também é um sinal do seu estado de «Alerta» para qualquer trabalho que possa aparecer.<br />Scouting (BSA), Março 1932<br /> <br />Vejo uma tendência para deixar de usar o chapéu quando se está fardado. Bom, eu sei que se tiverdes o cabelo ripado ou uma melena bem fofa, deve ser muito tentador exibi-lo. Entretanto, isso torna-se um bocado ostensivo para os pobres infelizes que não podem gabar-se de tão bela e farta cabeleira. E mais ainda, não é uniforme.<br />Jamboree, Abril 1929<br />
  42. 42. Questões<br />
  43. 43. Obrigado<br />

×