Apresentação Projecto Catapulta

1.318 visualizações

Publicada em

Descrição de objectivos, actividades, parcerias do projecto Catapulta E5G, promovido pelo Movimento SOS RACISMO.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.318
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Projecto Catapulta

  1. 1. ESCOLHAS 5ª GERAÇÃO
  2. 2. ASSOCIAÇÃOPROMOTORA/GESTORASOS Racismo existe desde 1990 e propõe uma sociedade mais•justa, igualitária e intercultural, onde todos nacionais e estrangeiroscom qualquer tom de pele, possam usufruir dos mesmos direitos decidadania.É uma associação sem fins lucrativos, com estatuto de utilidade•pública desde 1996.
  3. 3. CONSÓRCIOGrupo Musical de Miragaia, Associação Cultural e Recreativa•Junta de Freguesia da Sé•Instituto Português do Desporto e Juventude•Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano•Comissão de Crianças e Jovens em Risco - Porto Ocidental•Federação Nacional de Associações Juvenis•PPIISD/Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti•Espaço T - Associação para o Apoio à Integração Social e Comunitária•
  4. 4. OUTRAS PARCERIASINFORMAIS (ATÉ AOMOMENTO)PSP•Confederação – Núcleo de Investigação Teatral•Ass. Portugal Moçambique – Espaço Moçambique•Associação de Solidariedade da Zona das Fontainhas•ATL – Centro Social e Cultural da Sé•
  5. 5. EQUIPAInês Carvalho – Educadora Social (Coordenação)•Joana Alves dos Santos – Formadora Centro Inclusão Digital•Pedro Ferreira – Formador de Audiovisuais e Intervenção Cultural•
  6. 6. A PROPOSTA
  7. 7. AMBIÇÕES... O Projecto Catapulta pretende apoiar jovens da Freguesia da Sé no seu percurso escolar mas também proporcionar vivências que colaborem para a construção de competências sociais e pessoais úteis no seu percurso de vida.  Minorar as problemáticas associadas à desocupação da faixa etária com que nos propomos trabalhar (11-24 anos)  Promover o sucesso escolar através de actividades de apoio às tarefas educativas e do envolvimento de pais no processo de ensino- aprendizagem.
  8. 8.  Através deste projecto pretende-se ainda:  Envolver a comunidade de forma inter-geracional e fazer um registo audiovisual do património material e imaterial da Sé.  Qualificar os jovens para actividades profissionais com potencial tendo em conta as actividades económicas crescentes na cidade do Porto (por exemplo, o turismo).  Incentivar as iniciativas formais e informais dos jovens:  De carácter empreendedor e potencial de criação de posto de trabalho;  Ou que correspondem à dinamização de projectos de associativismo juvenil.
  9. 9. OBJECTIVO GERAL Promover a inclusão social de jovens da freguesia da Sé e zonas adjacentes, apoiando-os na construção do seu percurso escolar ou profissional e desenvolver as suas competências pessoais e sociais, valorizando a sua origem e identidade.
  10. 10. 1.1. OBJECTIVOESPECÍFICO Combater o insucesso escolar e abandono escolar e promover a reintegração escolar e/ou profissional.  Promover a diminuição da desocupação  Promover a corresponsabilização dos pais no processo educativo tendo em vista o sucesso escolar.  Encaminhar para a escola, emprego ou formação profissional
  11. 11. 1.2. OBJECTIVOESPECÍFICO Promover a cidadania activa através do desenvolvimento competências pessoais, sociais e profissionais.  Desenvolver competências pessoais e/ou sociais e/ou cognitivas e/ou morais.  Desenvolver competências artísticas e/ou culturais e /ou desportivas.  Desenvolver competências na área das TIC.
  12. 12. 1.3. OBJECTIVOESPECÍFICO Dinamizar o território da freguesia da Sé visando a construção de pontes os jovens e os restantes membros da comunidade, explorando a tradição e a contemporaneidade presentes no espaço público.  Desenvolver competências de cidadania e/ou participação cívica.  Promover a diminuição de estereótipos relacionados com o território e/ou etnia e/ou género e/ou religião e/ou de ordem sexual.
  13. 13. AS MEDIDAS - ASACTIVIDADES
  14. 14. MEDIDA IVisa  Gabinete “Orienta-te”contribuirpara a  Espaço “Apoio-te”inclusão  Dinâmicas e jogos cooperativosescolar epara a  Mediação familiareducaçãonão formal.
  15. 15. MEDIDA IIVisa  Workshops de desenvolvimento de competências para acontribuir empregabilidadepara aformação  Identificação e Encaminhamento para o GIP (Junta Sé)profissionaleempregabili-dade
  16. 16. MEDIDA IIIVisa  Ateliers temáticoscontribuirpara a  Workshops de Formação de Público para as Artesdinamização  Companhia de Teatro Juvenilcomunitáriae cidadania.  Espaço Música  Participação nas organizações da comunidade  Histórias de Vida”  Laboratório Audiovisual “Passado e Presente”  Documentário “As mulheres da Sé”
  17. 17. MEDIDA IVCom  Curso de Iniciação às TICcaráctertransversal e  Actividades Pedagógicas no CID@Formacumulativo  Uso Autónomo do equipamento TICàs restantemedidas, pot  Espaço Literacia Digitalenciando-ase visa apoiar  Certificação TICa inclusãodigital.
  18. 18. MEDIDA VVisa apoiar  Apoio ao desenvolvimento de Projectos dos gruposo informais de jovensempreende-dorismo e a  Workshop de Orientação para a produção de projectos.capacitaçãodos jovens.  “Associa-te” – Orientação e formação para o associativismo  Prestação de serviços de proximidade  Workshops e experiências com empreendedores  Desenvolvimento de Projecto Jovem  Gabinete de Apoio à Criação de Empresa
  19. 19. GABINETE “ORIENTA-TE” Encaminhamento para formação escolar e profissional Horário: Quarta-feira * 15h30’-16h30’
  20. 20. ESPAÇO “APOIO-TE” Explicações individuais e em grupo, apoio aos trabalhos de casa, extensão de conteúdos Horário: Todos os dias da semana * 16h30’ – 18h00’. Quarta- feira das 16h30’ – 19h00’
  21. 21. DINÂMICAS E JOGOSCOOPERATIVOS Actividades de carácter livre que procurarão abordar as questões comportamentais, de relacionamento, de valores, etc. do grupo. Horário: Segunda-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 18h00’ – 20h00’
  22. 22. MEDIAÇÃO FAMILIAR Atendimento de familiares, reuniões com professores, alunos e familiares, visita domiciliária e à escola. Horário: Terça-feira * 09h30’ – 13h00’ e Quinta-feira * 09h00’ – 13h00’
  23. 23. WS DE DESENV. DECOMPETÊNCIAS PARA AEMPREGABILIDADEDesenvolvimento de competências informais necessárias ao mundo do trabalho. Pode incluir a participação em intercâmbios juvenis ou outras iniciativas. Horário: Quarta-feira * 14h00’ – 15h30’
  24. 24. IDENTIFICAÇÃO EENCAMINHAMENTO PARA OGIP Identificação de jovens que necessitem a formação proporcionada pelo GIP instalado na junta de freguesia da Sé. Horário: Terça-feira * 18h00’ – 19h00’
  25. 25. ATELIERS TEMÁTICOS Actividades livres de acordo com desejos expressos pelo grupo, propostas de voluntários, complementaridade com outras actividades nomeadamente de carácter artístico. Horário: Segunda-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 18h00’ – 20h00’
  26. 26. WORKSHOP DE FORMAÇÃODE PÚBLICO PARA AS ARTES Sessões teórico-práticas à volta das diversas artes para capacitar os jovens para apreciar criticamente os objectos culturais. Visitas aos bastidores dos espaços culturais. Frequência de espectáculos, exposições, performance, concertos, etc. Horário: Segunda-feira * 21h00’-22h30’
  27. 27. COMPANHIA DE TEATROJUVENIL Constituição de grupo interessado em participar em actividades de expressão dramática evoluindo gradualmente para uma companhia juvenil de teatro. Horário: Terças e quintas feiras * 18h00’-19h30’
  28. 28. ESPAÇO MÚSICA Formação musical em vários instrumentos. Horário: Sábados * 10h00’-12h30’
  29. 29. PARTICIPAÇÃO NASORGANIZAÇÕES DACOMUNIDADEVisitas a associações e organizações de carácter social na zona de intervenção, participação nessas estruturas revitalizando-as e colaborando nas suas actividades. Horário: Terça-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 14h00’-16h30’
  30. 30. HISTÓRIAS DE VIDA Projecto que visa conhecer melhor a população autóctone, imigrante e visitantes de passagem da Sé através de estudos de caso concretizados a partir de entrevistas e vários suportes audio-visuais. Visa a elaboração de produtos finais de carácter sociológico-artístico. Horário: Quinta-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 14h00’-16h30’
  31. 31. LABORATÓRIO AUDIOVISUAL“PASSADO E PRESENTE” Projecto de desenvolvimento de competências relacionadas com o audiovisual que pretende retratar pessoas e espaços que fazem a ponte entre o passado e o presente do território de intervenção. Horário: Sexta-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 14h00’-16h30’
  32. 32. DOCUMENTÁRIO “JOVENSREALIZADORES RETRATAM AS MULHERESDA SÉ” Documentário multimédia, realizado pelos jovens, sobre as vivências das mulheres da Sé. Horário: Sexta-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 14h00’-16h30’
  33. 33. USO AUTÓNOMO DOEQUIPAMENTO TIC Utilização livre do equipamento e ferramentas de Tecnologias da Informação e Comunicação. Horário: Consultar horário de funcionamento do CID@Forma
  34. 34. ESPAÇO LITERACIA DIGITAL Actividades de competências críticas em ambiente digital, e- governence, etc. Horário: Consultar horário de funcionamento do CID@Forma
  35. 35. CURSO DE INICIAÇÃO ÀS TIC Plano de ensino-aprendigazem orientado para as ferramentas básicas de TIC. Horário: Consultar horário de funcionamento do CID@Forma
  36. 36. CERTIFICAÇÃO TIC Certificação de acordo com as parcerias estabelecidas com o Programa Escolhas (Cisco, Microsoft, outros...) Horário: Consultar horário de funcionamento do CID@Forma
  37. 37. ACTIVIDADES PEDAGÓGICASNO CID@FORMA Utilização de ferramentas digitais que colaborem para o sucesso escolar e concretização de trabalhos/tarefas escolares ou para a aprendizagem de novos conteúdos por iniciativa dos jovens. Horário: Consultar horário de funcionamento do CID@Forma
  38. 38. APOIO AO DESENV. DE PROJ. DOSGRUPOS INFORMAIS DE JOVENS Identificação de projectos/iniciativas/eventos que os jovens já realizem ou queiram realizar para que estes adquiram, com o apoio da Equipa, um carácter mais organizado, de maior potencial, alcance e autonomia. Horário: Terça-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 14h00’-16h30’
  39. 39. WS DE ORIENTAÇÃO PARA APRODUÇÃO DE PROJECTOS Workshops de metodologia de projecto que devem apoiar os projectos “Histórias de Vida”, “Passado e Presente” e “Jovens realizadores retratam as Mulheres da Sé” Horário: Quinta-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 14h00’-16h30’
  40. 40. "ASSOCIA-TE" ORIENT. EFORMAÇÃO PARA OASSOCIATIVISMOFormação variada sobre a constituição de associações, boas práticas em associativismo, participação voluntária, gestão de associações, etc... Horário: Terça-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 14h00’-16h30’
  41. 41. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DEPROXIMIDADE De acordo com as competências e capacidades dos jovens envolvidos no projecto, prestar alguns serviços à comunidade, nomeadamente à população mais idosa. Horário: Sexta-feira * 11h00’-13h00’
  42. 42. WORKSHOPS EEXPERIÊNCIAS COMEMPREENDEDORESVisita a empresas, conversas informais com empresários/empreendedores, palestras com empresários/empreendedores, estágios de curta duração em negócios locais e outras empresas sedeadas na cidade do Porto. Horário: Terça-feira (pontualmente e em alternância com outras actividades) * 14h00’-16h30’
  43. 43. DESENVOLVIMENTO DEPROJECTO JOVEM Desenvolvimento de projecto para o “Concurso Anual de Ideias”. Horário: A definir de acordo com o grupo de jovens.
  44. 44. GABINETE DE APOIO ÀCRIAÇÃO DE EMPRESA Identificação de projectos/ideias dos jovens com potencial para a criação de empresas viáveis - apoio na construção do projecto, pesquisa de apoios e concursos de empreendedores. Horário: Segunda-feira * 14h00’ – 16h30’
  45. 45. OS PARCEIROS - OSCONTRIBUTOS
  46. 46. JUNTA DE FREGUESIA DA SÉ Disponibiliza sala e equipamento para as actividades do projecto. Colocará à disposição de todos os participantes directos e indirectos o Gabinete de Inserção Profissional que dinamiza. A assistente social da Junta trabalhará em conjunto com a equipa técnica para identificação e resolução de problemas. Proporciona rede wireless às actividades dinamizadas no espaço cedido para a junta para as actividades lúdico-pedagógicas, de apoio escolar e instalação do CID@Forma. Faz a divulgação das actividades do projecto por todos os meios ao seu alcance.
  47. 47. GRUPO MUSICAL DEMIRAGAIA Disponibiliza o seu espaço na Rua da Arménia para encontros, exposições, espectáculos nomeadamente no auditório de teatro e uma sala polivalente de convívio para os eventos de maior dimensão. Disponibiliza um dos seus técnicos (de teatro) para sessões semanais com os participantes e propõe-se construir com eles uma Companhia de Teatro Juvenil. Disponibiliza um dos seus técnicos (de música) para sessões semanais com os participantes. Contribui para a programação do “WS de Formação de Públicos para as Artes”. Faz a divulgação das actividades do projecto por todos os meios ao
  48. 48. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DEALEXANDRE HERCULANO Dispõe-se a receber iniciativas que se dirijam a toda a comunidade escolar produzidas no âmbito do projecto. A equipa Catapulta acompanhará as reuniões daequipa técnica no sentido de encontrar solução para todas as situações relacionadas com o percurso escolar dos participantes. Convida a equipa Catapulta a promover sessões de mediação familiar. Faz a divulgação das actividades do projecto por todos os meios ao seu alcance.
  49. 49. COMISSÃO DE CRIANÇAS EJOVENS EM RISCO Encaminha crianças e jovens assinalados residentes no território para as actividades do projecto. Faz a divulgação das actividades do projecto por todos os meios ao seu alcance.
  50. 50. INSTITUTO PORTUGUÊS DODESPORTO E JUVENTUDE Disponibilizará técnicos para ateliers: Fotografia e Pintura Cede instalações e equipamentos para usufruto do projecto. Receberá jovens ao abrigo do programa Cuida-te. Colocará ao dispor a rede de voluntários e os serviços prestados aos jovens que o IPDJ dinamiza. Disponibiliza acesso à documentação do FDTI Faz a divulgação das actividades do projecto por todos os meios ao seu alcance.
  51. 51. FEDERAÇÃO NACIONAL DEASSOCIAÇÕES JUVENIS Coloca à disposição do projecto salas do seu espaço "Casa das Associações" na Rua Mouzinho da Silveira para actividades pontuais nomeadamente aquelas que dizem respeito à formação para o associativismo. Faz a divulgação das actividades do projecto por todos os meios ao seu alcance.
  52. 52. ESCOLA SUPERIOR DEEDUCAÇÃO DE PAULAFRASSINETTI Promove estágios curriculares dos alunos de Licenciatura em Educação Social neste projecto. Disponibiliza aconselhamento técnico-científico na produção de documentos elaborados pela equipa técnicos do projecto (diagnósticos, inquéritos, relatórios, entre outros). Propõem professores da escola para formações. Dá acesso à sua biblioteca e demais materiais didácticos e pedagógicos. Faz a divulgação das actividades do projecto por todos os meios ao seu alcance.
  53. 53. ESPAÇO T Disponibiliza o espaço de Galeria na Rua do Sol para eventuais mostras e exposições realizadas pelos jovens participantes. Faz encaminhamento de utentes, apoia em acções de informação e/ou divulgação, colabora na dinamização de actividades lúdicas e/ou formativas. Propõe-se encaminhar jovens para programas de intercâmbio nacional e internacional Faz a divulgação das actividades do projecto por todos os meios ao seu alcance.
  54. 54. Parceiros: Agrupamento de Escolas de Alexandre Herculano - Porto

×