Reter Talentos em Tempos de Crise

1.240 visualizações

Publicada em

Reter Talentos em Tempos de Crise

Publicada em: Negócios

Reter Talentos em Tempos de Crise

  1. 1. Rosa Silva Reter Talentos em Tempos de Crise 15 de Março 2012Rosa Silva . Grupo Egor . . 15 de Março 2012 Centro Congressos do Estoril Centro Congressos do Estoril
  2. 2. Reter Talentos em Tempos de Crise1. Evolução histórica do Capital nas Organizações2. Afinal o que é o Talento?3. Gerir o talento em Tempos de Crise4. Desafios do Gestor de Recursos Humanos Rosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  3. 3. Evolução histórica do Capital nas Organizações Era Era Agrícola Era Industrial ConhecimentoRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  4. 4. Transição Estratégica Nova • Um Diploma • Monopólios Economia • Preservação do Emprego • Formação ao Longo da Vida • Salário • Competição • Valor baseado em • Criação de Emprego – Equipamentos Empreendedorismo • Enfase na Padronização • «Ownership» • Poder do Vendedor • Valor baseado no Intelectual Velha • Enfase na Escolha • Poder do Cliente EconomiaRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  5. 5. Recursos Fundamentais da Organização Sistemas e processos Marca e reputação Propriedade Intelectual CAPITAL Investimentos ORGANIZACIONAL Clientes Factoring Alianças Caixa Fornecedores Devedores Sociedade CAPITAL CAPITAL CAPITAL DE FINANCEIRO HUMANO RELACIONAMENTO Criatividade Competências Conhecimento Inovação CAPITAL FÍSICO Hardware Equipamentos Planta, imóveis... Adaptado de: ICS Intellectual Capital ServicesRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  6. 6. Valor de Mercado da Empresa CapitalFinanceiro CapitalHumanoRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  7. 7. Capital Intelectual "A cultura, sob todas as formas de arte e de pensamento, através dos séculos, capacitou o Homem a ser menos escravizado.“ MalrauxRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  8. 8. Talento, alguns Mitos…o Talento é coisa de Génioo Para cultivar um talento basta que haja um bom plano de Desenvolvimento e de Incentivoso A Gestão do talento consiste em manter uma lista de Colaboradores com alto potencial, que podem vir a ocupar determinados cargos no futuroo Existe um prazo de validade para se desenvolver um talentoRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  9. 9. Talento – o que é? Talento • Elevada Performance • Aptidão desenvolvida pela Competência APTIDÃO Competência • Experiência, Conhecimentos, Atitudes • Adquirida COMPETÊNCIA Aptidão • Emerge naturalmente TALENTO • Inata (talento não desenvolvido) ALTO DESEMPENHORosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  10. 10. Talento – o que é? “É diferente ter-se talento ou ter-se sucesso. O talento é uma coisa extremamente inclusiva, todos nós temos. O sucesso nem todos têm.“ Malcolm GladwellRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  11. 11. Portugal tem Talento CIÊNCIA Hélder Almeida Santos, João Lobo Antunes – Neurocirurgião premiado pela Fundação conceituado em termos mundiais, foi o Talento, desenvolveu o seu primeiro médico a implantar o olho doutoramento na Faculdade de eletrónico num invisual, em 1983. Engenharia Química, na Universidade Tecnológica de Helsínquia, uma das mais cotadas nos "rankings" europeus e mundiaisRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  12. 12. Portugal tem Talento CULTURA Mariza, tem sido presença regular em palcos Sofia Escobar, foi escolhida como o Carnegie Hall, em Nova Iorque, o Walt entre milhares de candidatos Disney Concert Hall, em Los Angeles, o Lobero para o papel de principal do Theater, em Santa Bárbara, a Salle Pleyel, em Paris, a Ópera de Sydney ou o Royal Albert Hall. O jornal famoso espetáculo “O britânico The Guardan considerou-a «uma diva da Fantasma da Ópera”. música do mundo».Rosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  13. 13. Portugal tem Talento António Horta Osório, concluiu o MBA GESTÃO no INSEAD, tendo ganho o Prémio Henry Ford II, para o Melhor Aluno. Ganhou um Best Leader Award e em Novembro de 2010 Domingos foi nomeado Presidente do Lloyds Banking Almeida Group, mantendo o lugar de Administrador Não-Executivo do Banco de Inglaterra, a título pessoal. D.A. TêxteisRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  14. 14. Como reconhecer um Talento? • Aprendem rapidamente • Apostam na aprendizagem contínua • Movem-se por uma Missão • Procuram concretizar as suas ações na perfeição • Auto motivam-se • Tem momentos de oscilação • São focados em Resultados • Procuram processos de trabalho inteligentesTop Talents / Total Staff - Low Performers= Coeficiente de TalentoRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  15. 15. Capital Intelectual80% das Pessoas que são consideradas Talentosestão insatisfeitas com o seu emprego atualpelas seguintes razões: Falta de trabalho estimulante, desafiante …Falta de ReconhecimentoNão vêm perspetivas de crescimentoTem líderes pouco preparadosRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  16. 16. Porque «fogem» os melhores Executivos? • Insatisfação com a estratégia da companhia • Sentimento de frustração profissional na carreira • Não reconhecimento imediato dos resultados pela chefia • Regras obscuras de promoção • Falta de oportunidades de desenvolvimento • Ausência de critérios claros para a avaliação de desempenho • Política salarial que não estimula os executivos a lutar pelos objetivos gerais da companhia Fonte: Hay GroupRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  17. 17. O que fazer com o Talento em Tempos de CRIsE? Reter o talento ou desligá-lo? Corta-se por igual? Saem os piores ? Ou os melhores, porque são mais caros? E quando a crise acabar?Rosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  18. 18. Retenção de Talentos • Atratividade para outrasVantagens Desvantagens • + Comprometimento organizações e/ou a • Clima Positivo necessidade de procura • Estão adaptados e de novas oportunidades permitem que a • Não ter a certeza que organização passe pela precisamos deste Talento crise de forma + estável • Os Programas de • A empresa assegura um Retenção se não futuro com profissionais orçamentados podem mais preparados para os representar um novos desafios investimento elevadoRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  19. 19. Demissão de Talentos Desvantagens • Processo de demissão Vantagens • Redução de Custos no longo prazo poderá ser elevado • Em Programas de demissão • Oportunidade para voluntária é frequente quem é demitido de serem os mais talentosos a refletir sobre a sua procurar novos desafios Carreira • As demissões indiscriminadas podem traduzir-se em custos efetivos no negócioRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  20. 20. Processo de Retenção Identificar o Desenhar Contexto de Planos Mercado Talento PersonalizadosRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  21. 21. Fatores de Retenção Alinhamento com ValoresRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  22. 22. Alinhamento com Valores • Os Talentos devem sentir-se envolvidos nas decisões importantes – estimule uma gestão participativa • Invista no talento promovendo Planos de Formação individualizados • É preciso contemplá-los de forma financeira, social e psicológica para que realizem as suas metas • Os líderes devem ter como prioridade a aposta no Talento das suas Equipas • Reforce a Identidade Corporativa (iniciativas de responsabilidade social)Rosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  23. 23. Estratégias em Tempos de CRIsE• Avaliação de Desempenho numa ótica 360º - cultive uma cultura de transparência e justiça que promova a Meritocracia• Corte na “Gorduras” - não esqueça a ética e a assertividade• Flexibilidade Laboral ( horários flexíveis, reajuste às tarefas)• Crise para uns, oportunidade para outros – há profissionais experientes no mercado a um valor inferior• Mas, não troque os seus Talentos por outros menos dispendiosos, lembre-se do investimento de integração• Promova a Delegação de poderes, gradual e sustentada expondo o Talento a novos desafios• Coaching e Mentoring (apostando nos skills com maior empregabilidade)• Torne a sua Empresa atrativa para o MercadoRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  24. 24. Talento – o que é? A principal estratégia da empresa será de atrair, reter, desenvolver eaproveitar ao máximo o talento humano,que será cada vez mais, a principal vantagem competitiva. Rosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  25. 25. Desafios do Gestor de Recursos Humanos Passado Tendência Foco na Redução de Custos Foco na Criação de Valor Gestor de Informação Gestor de Conhecimento Especialista de RH Conhecedor do Negócio Focado na Atividade Contribuir para o Negócio Guardião das Regras Conselheiro Reativo – Status Quo Proativo – Agente da Mudança Gestor de Formação Desenvolvimento de Competências Atuação “Soft” Responsável pelo Impacto Centrado no País Orientação Global Centrado no Produto Orientado para Soluções Processo Simples Processo Complexo Competição “Coopetição”Rosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  26. 26. Desafios do Gestor de Recursos Humanos COMUNICAÇÃO . COOPERAÇÃO . COLABORAÇÃO . COMPROMETIMENTO• Vincular à Missão e à Visão • Foco no Cliente e nos • Metas negociadas e• Promover a Ética e Resultados compartilhadas Responsabilidade • Orientação para Soluções • Feedback Regular• Foco no Conhecimento flexíveis e inovadoras • Inteligência e Talento para• Fomentar o equilíbrio entre a • Agilidade no Processo de agregar valor vida pessoal e profissional Mudança • Auto atualização e Satisfação• Estimular soluções mais • Aumentar a atratividade da no Trabalho criativas para reforçar o organização • Cultivar a Meritocracia: Top commitment Performers AltoPessoas Mercado Desempenho AS PESSOAS PODEM AMPLIAR OU LIMITAR AS FORÇAS E FRAQUEZAS DA ORGANIZAÇÃO, DEPENDE DE COMO AS POTENCIAMOS Rosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  27. 27. Rosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  28. 28. Talento – o que é? "Há uma coisa muito escassa, muito mais distante, muito mais rara que o talento. É o talento para reconhecer o talento.“ HubbardRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril
  29. 29. Talento – o que é? Obrigada! rosa.silva@egor.ptRosa Silva . Grupo Egor . 15 de Março 2012 . Centro Congressos do Estoril

×