Revista Digital - Planejamento

8.543 visualizações

Publicada em

Era vontade do cliente ter uma revista da marca que atingisse todos os stakeholders - clientes, admiradores, interessados no mercado, colabordores internos e terceirzados. A ideia era testar o modelo impresso primeiramente de forma online para ver se valia a pena o investimento.

Surgiu aí a oportunidade de ir além do tradicional e pouco acessível modelo de pageflip no meio digital. O interesse era mostrar que todo aquele conteúdo poderia funcionar, de forma inteligente junto ao planejamento macro. Algo que amarrasse as estratégias de conteúdo, mídias sociais, mídia online, compartilhamento, SEO e métricas a um canal de relacionamento com a cara da marca.

Revista Digital - Planejamento

  1. 1. revista digitalPLANEJAMENTO por CAROL REINE 2011
  2. 2. cenário
  3. 3. 1 Criação de um canal de conteúdo [revista]. 4 O público-alvo envolve segmentos distintos. [clientes, prospects, colaboradores e leitores de oportunidade.] 2 O formato inicial sugerido foi uma revista online com 5 Análise de conteúdo que se adeque a pageflip. A intenção pluralidade do inicial era testar no público-alvo e se meio digital o formato destaque no meio que seria impresso digital. [se diferenciar da posteriormente. concorrência.] 3 Análise de outros formatos mais adequados para 6 Divulgar qualidades e produtos de forma não-invasiva. o meio digital. [fidelizar, converter vendas, branding]necessidadescenário REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  4. 4. rossi Revista Rossi tecnisa Blog Oficial Tecnisa Formato: revista impressa Formato: blog corporativo Periodicidade: trimestral Periodicidade: 5 posts por Páginas: 84 (média) semana Tiragem: 45 mil Público-alvo: A/B Público-alvo: A/B - parceiros renda + R$8mil e clientes [blog] “homens e mulheres Digital: flash - pageflip acima dos 25 anos interessados no mercado imobiliário” [formspring tecnisa] cyrela Revista Cyrela mrv Revista MRV Formato: revista impressa Formato: revista impressa Periodicidade: trimestral Periodicidade: bimestral Público-alvo: A/B Tiragem: 20 mil Digital: PDF Público-alvo: C+/C/D+ Digital: PDF Revista MRV Online Formato: portal notícias Periodicidade: bimestral gafisa Revista Gafisa Way Público-alvo: classe média, classe média baixa Formato: revista impressa [não contempla todos os assuntos da Periodicidade: trimestral revista impressa.] Público-alvo: A/B Digital: PDFconcorrênciacenário REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  5. 5. objetivo
  6. 6. Criar de um canal de conteúdo com a cara da MASB, atendendo a pluradidade de públicos, mas com identidade definida, envolvente e original. Uma revista com formato totalmente adaptado ao meio digital, aproveitando as potencialidades de otimização que a web oferece. [ Fortalecer a identidade da MASB como marca de produtos imobiliários. [ Fidelizar o público pela relevância do conteúdo relacionado. [ Sinergia entre informação e projeção de produtos MASB. [ Conquistar novos clientes [com novas vendas]. [ Prolongar o relacionamento com quem já é cliente. [ Envolver os colaboradores no mercado imobiliário do jeito MASB.onde vamos chegarobjetivo REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  7. 7. FOR MA TOcenário REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  8. 8. leitura reprodução de revista off revista blog Em uma reprodução de revista em Já no formato revista blog, a leitura é ambiente online é feita de forma linear dinâmica, interativa e com maior grau e hermética, impessoal. de personalização. [pdf] [flash] o compartilhamento de cada página é indexada conteúdos específicos nas separadamente de redes sociais é ineficiente. forma mais eficiente. o conteúdo tem dificuldades micro-compartilhamento ou impossibilidades em ser de conteúdos facilita a indexado. repetição da visibilidade da marca.simulação x adaptaçãoformato REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  9. 9. leitura revista em flash revista em PDF revista blog [simulando o folhear, [arquivo para download com [“magazine blog” - uma algumas vezes com páginas uma embaixo da outra, revista cujo conteúdo é animações interativas do às vezes com presença de apresentado como adaptação conteúdo.] páginas duplas.] de elementos de blogs.]HIPERTEXTUALIDADE apenas para a mesma edição entre todo tipo de conteúdo apenas para a mesma edição interno, externo e mídias [linkabilidade] e alguns conteúdos externos. e alguns conteúdos externos. auxiliares. maior diálogo entre o canal e o INTERATIVIDADE limitada a intervenções. não. leitor. MULTIMIDIALIDADE [convergência de mídias] texto, imagem, audio, vídeo. limitada. texto, imagem, áudio, vídeo. PERSONALIZAÇÃO não. possível. [customização] limitada. INSTANTANEIDADE [atualização contínua] muito limitada. não. possível.simulação x adaptaçãoformato REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  10. 10. referênciaadaptaçãoformato REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  11. 11. conteúdo
  12. 12. revista jornal [ Periodicidade definida [mensal, trimestral, semestral] [ Urgência na divulgação. Diferencial em dar o “furo” e ser o primeiro. [ Matérias mais extensas, com conteúdos mais densos e elaborados. [especiais, guias] [ Maioria das matérias mais enxuta, com pouca ilustração. [ Conteúdo opinativo, com opiniões e explicações de experts na área. [ Conteúdo mais neutro, informativo pela agilidade. nosso modelo é híbrido Textos curtos com } Textos elaborados Guias reunindos Drops de + + + poucas mídias para com mais mídias vários textos sobre o conteúdo e mídias aumentar o fluxo de auxiliares para aumentar assunto para melhor variadas para atualizações e mostrar a relevância e melhorar a indexação e complementar os tendências do momento. indexação. relevância dos links. textos curtos.modeloconteúdo REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  13. 13. morar economia e burocracias descomplicadas residência localização condomínioseções sustentabilidadeconteúdo REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  14. 14. posts economiaresidência localização condomínio sustentabilidade e burocracias descomplicadas Nosso público é plural, gêneros de forma neutra. Evitaremos a abordagem excessivamente feminina recorrente em canais do mesmo tipo. Ter um conteúdo que os homens se sintam à vontade de ler e compartilhar. } por isso é importante ser um canal que respeite os NE CES S IDA DE S moralidade criatividade espontaneidade solução de problemas ausência de preconceitos aceitação dos fatos orgulho confiança prestígio conquista respeito dos outros respeito aos outros amizade ESTIMA família Desenvolver os temas adaptando-os às mais diversas necessidades das pessoas. intimidade sexual saúde corpo emprego recursos moralidade família propriedade Sinergia entre o SEGURANÇA calendário defiltros comida respiração água sono excreção homeostase sexo lançamentos MASB e o conteúdo abordado.conteúdo REVISTA DIGITAL por carol reine 2011
  15. 15. é isso! carolreine planejamento contato@carolreine.com.br 23/maio/2011

×