Socket 7 - Super Socket
Este é o encaixe utilizado pela maioria dos processadores fabricados 
a até 98. Existem basicamente duas famílias de placa...
Processador K6-III
O K6-III foi um processador x86 fabricado pela AMD, o último e mais 
rápido de todos os processadores Socket 7. Ele acumul...
Em contraste com a concorrente Intel, que usava um cache 
L1 de 32 KB e 128 KB de cache L2 full-speed integrado na 
própri...
ARQUITETURA DO AMD K6-III
Caroline 
Elyabe
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Socket 7 / K6III

268 visualizações

Publicada em

Socket 7 / Processador K6III

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
268
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Socket 7 / K6III

  1. 1. Socket 7 - Super Socket
  2. 2. Este é o encaixe utilizado pela maioria dos processadores fabricados a até 98. Existem basicamente duas famílias de placas mãe com este encaixe. As placas mais antigas, em geral as fabricadas até 97 suportam barramento de apenas 66 MHz e são compatíveis apenas com o Pentium 1 e em geral também com o Pentium MMX, Cytrix 6x86 e o K6 de até 233 MHz. As placas soquete 7 mais modernas, são apelidadas de placas "super- 7" pois suportam barramento de 100 MHz e são compatíveis também com os processadores K6-2 e K6-3 ainda à venda atualmente. Alguns modelos trazem até um slot AGP. Ele possui 321 pinos e pode fornecer voltagens que variam de 2,5 a 3,3 volts.Este soquete aceita todos os processadores Pentium, de 75MHz para cima, o Pentium MMX, além dos processadores da concorrência:K5, K6, K6-2, K6-III, K6-2+, K6-III+, 6X86, 6X86MX, MII, etc.
  3. 3. Processador K6-III
  4. 4. O K6-III foi um processador x86 fabricado pela AMD, o último e mais rápido de todos os processadores Socket 7. Ele acumulou o status de ser o processador X86 mais rápido do mercado no lançamento, e foi altamente competitivo até muito tempo depois. Na concepção, o desenho era simples: ele era um K6-2 com um cache L2 (Level 2) maior. O K6-2 original tinha um cache L1 de 64 KiB e um número muito maior no cache externo (geralmente 512 KiB ou 1 MiB mas variava, dependendo da placa mãe).
  5. 5. Em contraste com a concorrente Intel, que usava um cache L1 de 32 KB e 128 KB de cache L2 full-speed integrado na própria CPU, no caso do (Celeron) ou 512 KiB de cache half-speed externo, nos (Pentium II e Pentium III). O K6-III, entretanto, usava ambos os métodos: ele tinha cache L1 de 64 KB, um grande cache L2 de 256 KB interno (integrado), e um terceiro cache variável integrado na placa-mãe. O desenho dele não era simples: com 21,4 milhões de transistores, era um chip difícil de se produzir com a tecnologia existente em 1999, e o núcleo do K6 não foi designado para ultrapassar os 500 MHz. Ainda sim, o K6-III 400 teve boa aceitação nas vendas, e o K6-III 450 era claramente o chip x86 mais rápido do mercado, ultrapassando com folga os AMD K6-II e os Intel Pentium II.
  6. 6. ARQUITETURA DO AMD K6-III
  7. 7. Caroline Elyabe

×