Módulo 4 – Cultura do Mosteiro
Arte Paleocristã e Bizantina
Carlos Jorge Canto Vieira
ARTE PALEOCRISTÃ
2Prof. Carlos Vieira
• Arte Paleocristã
– conjunto de manifestações artísticas dos primeiros cristãos;
– decorreram aproximadamente entre o ano...
• Características
– grande dispersão geográfica -> grande diversidade regional;
– subsistência de traços estruturais comun...
ARQUITECTURA
5Prof. Carlos Vieira
• Grande preocupação
– procura de uma tipologia para o templo cristão;
– Adopção de duas funções:
• morada de Deus e recin...
• As primeiras igrejas seguem dois modelos principais:
– planta basilical, em cruz latina, com três ou cinco naves separad...
Arte Paleocristã
• Modelo mais
característico
– foi o de planta basilical
de três naves, que só se
impôs como dominante
a ...
Arte Paleocristã
• Decoração
– exteriormente eram pobres e muito austeras
– interiormente possuíam uma decoração pictórica...
Prof .Carlos Vieira 10
Arte Paleocristã
Reconstituição da antiga
Basílica de São Pedro do
Vaticano, Roma, 324
Prof .Carlos Vieira 11
Arte Paleocristã
Reconstituição da antiga
Basílica de São Pedro do
Vaticano, Roma, 324
Prof .Carlos Vieira 12
Arte Paleocristã
Reconstituição da antiga
Basílica de São Pedro do
Vaticano, Roma, 324
Prof .Carlos Vieira 13
Arte Paleocristã
Reconstituição da antiga
Basílica de São Pedro do
Vaticano, Roma, 324
• Outras tipologias
– os baptistérios - edifícios sagrados destinados à celebração
do baptismo;
– os mausoléus - túmulos.
...
Prof .Carlos Vieira 15
Arte Paleocristã
Prof .Carlos Vieira 16
Arte Paleocristã
Mausoléu de Santa
Constança, Roma, 354
Prof .Carlos Vieira 17
Arte Paleocristã
Mausoléu de Santa
Constança, Roma, 354
Prof .Carlos Vieira 18
Arte Bizantina
Mausoléu de Gala Placídia, Sec. V
Ravena, Itália
Prof .Carlos Vieira 19
Arte Paleocristã
PINTURA
20Prof. Carlos Vieira
Arte Paleocristã
• Catacumbas
– eram os locais que serviam de cemitério subterrâneo aos
primeiros aderentes do cristianism...
• Características I
– Tem origem nas catacumbas
• pinturas eram mais pobres e
simples - falta de rigor
anatómico e menor
n...
• Características II
– utilizada na decoração dos
interiores das igrejas:
• frescos de cores suaves;
• Temas:
– episódios ...
• Características III
– Composições planas e
lineares, sem qualquer noção de
perspectiva:
• as figuras eram
simplificadas,...
Arte Paleocristã
• Catacumbas
11-03-2014 Carlos Vieira 25
Bom pastor Adão e Eva
Arte Paleocristã
• Catacumbas
11-03-2014 Carlos Vieira 26
A Virgem e o Menino Pão e Peixe
ESCULTURA
27Prof. Carlos Vieira
Arte Paleocristã
• 2 grandes áreas:
– Sarcófagos
– Estátuas
28
O Bom Pastor
Catacumba de Domitilia
Séc. III d. C.
Museus d...
Prof .Carlos Vieira 29
ARTE BIZANTINA
30Prof. Carlos Vieira
• Origens
– cidade de Bizâncio (ex- Constantinopla), fundada por
Constantino, tornou-se, nos primeiros séculos da Era Cris...
ARQUITECTURA BIZANTINA
32Prof. Carlos Vieira
• Características
– Utilização do arco, da abóbada e da cúpula, do plano
centrado, de forma quadrada ou em cruz grega, com...
Prof .Carlos Vieira 34
Arte Bizantina
Igreja de Santa Sofia de Constantinopla ou Hagia Sophia (Sagrada Sabedoria),
Turquia...
Arte Bizantina
Prof .Carlos Vieira 35
Igreja de Santa Sofia
Corte Transversal
Arte Bizantina
Prof .Carlos Vieira 36
Igreja de Santa Sofia
Planta
Arte Bizantina
Prof .Carlos Vieira 37
Igreja de Santa Sofia
Interior
Arte Bizantina
Prof .Carlos Vieira 38
Prof .Carlos Vieira 39
Arte Bizantina
Igreja de São Vital de Ravena, Itália, séc. VI
Prof .Carlos Vieira 40
Arte Bizantina
Igreja de São Vital de Ravena, Itália, séc. VI
MOSAICOS
41Prof. Carlos Vieira
42
Arte Bizantina
Mausoléu de Gala Placídia, - Interior
Ravena, Itália
43
Arte Bizantina
"O Bom Pastor“ (mosaico)
mausoléu de Galla Placidia, Ravena, Itália, séc. V
44
Arte Bizantina
Imperador Justiniano e o seu séquito
S. Vitale de Ravena, Itália, séc. VI
45
Arte Bizantina
Imperatriz Teodora e o seu séquito
S. Vitale de Ravena, Itália, séc. VI
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cultura do Mosteiro - Arte paleocristã e bizantina

12.276 visualizações

Publicada em

Cultura do Mosteiro - Arte paleocristã e bizantina

Publicada em: Educação
0 comentários
17 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
12.276
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
25
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
17
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cultura do Mosteiro - Arte paleocristã e bizantina

  1. 1. Módulo 4 – Cultura do Mosteiro Arte Paleocristã e Bizantina Carlos Jorge Canto Vieira
  2. 2. ARTE PALEOCRISTÃ 2Prof. Carlos Vieira
  3. 3. • Arte Paleocristã – conjunto de manifestações artísticas dos primeiros cristãos; – decorreram aproximadamente entre o ano 200 e o séc. VI da Era Cristã, correspondendo ao período de expansão do Cristianismo. Prof .Carlos Vieira 3 Arte Paleocristã
  4. 4. • Características – grande dispersão geográfica -> grande diversidade regional; – subsistência de traços estruturais comuns: • a utilização dos modelos estilísticos da Roma clássica; • uso de novas formas técnicas e estéticas oriundas das zonas periféricas do império, sobretudo das províncias do Oriente; • subordinação a um novo espírito e a uma nova temática: – a do Cristianismo que impôs uma iconografia retirada das Sagradas Escrituras e um sentido doutrinal e pastoral às artes decorativas. Prof .Carlos Vieira 4 Arte Paleocristã
  5. 5. ARQUITECTURA 5Prof. Carlos Vieira
  6. 6. • Grande preocupação – procura de uma tipologia para o templo cristão; – Adopção de duas funções: • morada de Deus e recinto de culto; • um local de encontro e reunião da comunidade dos fiéis, impondo assim novas exigências funcionais e de espaço. Prof .Carlos Vieira 6 Arte Paleocristã
  7. 7. • As primeiras igrejas seguem dois modelos principais: – planta basilical, em cruz latina, com três ou cinco naves separadas por arcadas e/ou colunatas e cobertas por tectos de armação de madeira; – planta centrada, de influência helenística e oriental, com formas circulares, octogonais ou em cruz grega, e coberturas em cúpula e meias cúpulas. • Em ambos os modelos sobressai a preocupação em destacar as linhas cruciformes (em forma de cruz). Prof .Carlos Vieira 7 Arte Paleocristã
  8. 8. Arte Paleocristã • Modelo mais característico – foi o de planta basilical de três naves, que só se impôs como dominante a partir do séc. V, no Ocidente, influenciando toda a evolução artística seguinte, até ao Românico. Prof .Carlos Vieira 8
  9. 9. Arte Paleocristã • Decoração – exteriormente eram pobres e muito austeras – interiormente possuíam uma decoração pictórica, a fresco ou em mosaicos, de belas e vivas cores. Prof .Carlos Vieira 9
  10. 10. Prof .Carlos Vieira 10 Arte Paleocristã Reconstituição da antiga Basílica de São Pedro do Vaticano, Roma, 324
  11. 11. Prof .Carlos Vieira 11 Arte Paleocristã Reconstituição da antiga Basílica de São Pedro do Vaticano, Roma, 324
  12. 12. Prof .Carlos Vieira 12 Arte Paleocristã Reconstituição da antiga Basílica de São Pedro do Vaticano, Roma, 324
  13. 13. Prof .Carlos Vieira 13 Arte Paleocristã Reconstituição da antiga Basílica de São Pedro do Vaticano, Roma, 324
  14. 14. • Outras tipologias – os baptistérios - edifícios sagrados destinados à celebração do baptismo; – os mausoléus - túmulos. adoptaram a planta centrada com uma das portas orientada a leste e outra a poente com enormes cúpulas sobre a sala central Prof .Carlos Vieira 14 Arte Paleocristã
  15. 15. Prof .Carlos Vieira 15 Arte Paleocristã
  16. 16. Prof .Carlos Vieira 16 Arte Paleocristã Mausoléu de Santa Constança, Roma, 354
  17. 17. Prof .Carlos Vieira 17 Arte Paleocristã Mausoléu de Santa Constança, Roma, 354
  18. 18. Prof .Carlos Vieira 18 Arte Bizantina Mausoléu de Gala Placídia, Sec. V Ravena, Itália
  19. 19. Prof .Carlos Vieira 19 Arte Paleocristã
  20. 20. PINTURA 20Prof. Carlos Vieira
  21. 21. Arte Paleocristã • Catacumbas – eram os locais que serviam de cemitério subterrâneo aos primeiros aderentes do cristianismo; – Importantes pois revelam as primeiras pinturas murais; – É na constante aspiração ao Paraíso que o ritual funerário do enterro, e a consequente manutenção da sepultura, vai ser o elemento chave das primeiras representações da arte cristã. 11-03-2014 Carlos Vieira 21
  22. 22. • Características I – Tem origem nas catacumbas • pinturas eram mais pobres e simples - falta de rigor anatómico e menor naturalismo; • pouca variação cromática, com uso predominante do vermelho e do verde e muito raramente do azul. Prof .Carlos Vieira 22 Arte Paleocristã
  23. 23. • Características II – utilizada na decoração dos interiores das igrejas: • frescos de cores suaves; • Temas: – episódios do Novo Testamento (baptismo de Cristo, Cristo Bom Pastor, Cristo rodeado pelos Apóstolos ou pelos quatro Evangelistas e Cristo em ascensão); – elementos decorativos vegetalistas, delimitados por linhas geométricas de cor. Prof .Carlos Vieira 23 Arte Paleocristã
  24. 24. • Características III – Composições planas e lineares, sem qualquer noção de perspectiva: • as figuras eram simplificadas, com gestos formais e simbólicos • a expressão dos rostos era dada através dos olhos grandes e olhar penetrante. Prof .Carlos Vieira 24 Arte Paleocristã
  25. 25. Arte Paleocristã • Catacumbas 11-03-2014 Carlos Vieira 25 Bom pastor Adão e Eva
  26. 26. Arte Paleocristã • Catacumbas 11-03-2014 Carlos Vieira 26 A Virgem e o Menino Pão e Peixe
  27. 27. ESCULTURA 27Prof. Carlos Vieira
  28. 28. Arte Paleocristã • 2 grandes áreas: – Sarcófagos – Estátuas 28 O Bom Pastor Catacumba de Domitilia Séc. III d. C. Museus do Vaticano Sarcófago de Junius Bassus Séc. IV d. C. Museus do Vaticano
  29. 29. Prof .Carlos Vieira 29
  30. 30. ARTE BIZANTINA 30Prof. Carlos Vieira
  31. 31. • Origens – cidade de Bizâncio (ex- Constantinopla), fundada por Constantino, tornou-se, nos primeiros séculos da Era Cristã, o centro de uma nova cultura, ao mesmo tempo que Roma sucumbia; – Esta nova cultura foi protagonista de um esplendor que teve origem no universo estilístico do Oriente; – Foi aqui que se fundiram as correntes de pensamento do helenismo; – A arte bizantina sintetizou as fontes estético-artísticas do Egipto. o judaísmo e do cristianismo; Prof .Carlos Vieira 31 Arte Bizantina
  32. 32. ARQUITECTURA BIZANTINA 32Prof. Carlos Vieira
  33. 33. • Características – Utilização do arco, da abóbada e da cúpula, do plano centrado, de forma quadrada ou em cruz grega, com cúpula central e absides laterais; – Mistura de elementos construtivos da arte romana com o clima místico das construções orientais. – Exteriormente: • possuíam volumes irregulares que conferiam aos edifícios uma maior originalidade. – Interiormente: • eram decoradas com mosaicos, pinturas a fresco, azulejos e colunas de inspiração grega e romana. Prof .Carlos Vieira 33 Arte Bizantina
  34. 34. Prof .Carlos Vieira 34 Arte Bizantina Igreja de Santa Sofia de Constantinopla ou Hagia Sophia (Sagrada Sabedoria), Turquia, séc. VI
  35. 35. Arte Bizantina Prof .Carlos Vieira 35 Igreja de Santa Sofia Corte Transversal
  36. 36. Arte Bizantina Prof .Carlos Vieira 36 Igreja de Santa Sofia Planta
  37. 37. Arte Bizantina Prof .Carlos Vieira 37 Igreja de Santa Sofia Interior
  38. 38. Arte Bizantina Prof .Carlos Vieira 38
  39. 39. Prof .Carlos Vieira 39 Arte Bizantina Igreja de São Vital de Ravena, Itália, séc. VI
  40. 40. Prof .Carlos Vieira 40 Arte Bizantina Igreja de São Vital de Ravena, Itália, séc. VI
  41. 41. MOSAICOS 41Prof. Carlos Vieira
  42. 42. 42 Arte Bizantina Mausoléu de Gala Placídia, - Interior Ravena, Itália
  43. 43. 43 Arte Bizantina "O Bom Pastor“ (mosaico) mausoléu de Galla Placidia, Ravena, Itália, séc. V
  44. 44. 44 Arte Bizantina Imperador Justiniano e o seu séquito S. Vitale de Ravena, Itália, séc. VI
  45. 45. 45 Arte Bizantina Imperatriz Teodora e o seu séquito S. Vitale de Ravena, Itália, séc. VI

×