O Poder Do Amor (Primeiros Capítulos)

97.187 visualizações

Publicada em

Autor:
Carlos Torres e Sueli Zanquim
Editora:
Editora Era de Ouro
ISBN:
978-85-907038-1-5
Ano:
2012
Edição:
1
Número de páginas:
132
Sinopse:
Existe uma força invísivel que tudo mantém e tudo constrói. Um sentimento extraordinário que pode dissolver todos os medos e todas as mazelas que possam estar fazendo mal a você. Esse poder é o Amor. Ele pode estar adormecido, mas através da leitura deste livro, certamente ele despertará novamente em sua vida. Através do Amor, você conquistará tudo o que deseja e verá seus sonhos maiores se realizando em glória na Terra.

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
97.187
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
85.445
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
37
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Poder Do Amor (Primeiros Capítulos)

  1. 1. Carlos Torres & Sueli Zanquim O PODER DO AMOR __________________________________ 2
  2. 2. Publicação: Editora Era de Ouro Editor: Carlos Torres Produção e Capa: Equipe Técnica Era de Ouro Revisão: Sueli Zanquim Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil) _______________________________________________________ ________________________________________ * Proibida a reprodução total ou parcial desta obra, de qualquer forma ou por qualquer meio eletrônico, mecânico, inclusive por meio de processos xerográficos, incluindo ainda o uso da internet, sem a permissão expressa dos autores e da Editora, na pessoa de seu editor. (Lei n. 9.610 de 19.02.1998). Era de Ouro – www.leidaatracao.com.br 3
  3. 3. De: ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ Para: ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ ________________________________________ 4
  4. 4. 5
  5. 5. Índice Introdução ........................................................ 10 O Individualismo ............................................. 18 Amar o próximo ............................................... 32 A Montanha ..................................................... 36 Sonho de Deus .................................................. 38 Gratidão............................................................ 41 Dicas ....................... Erro! Indicador não definido. Solidão e Saudade . Erro! Indicador não definido. Permissão............... Erro! Indicador não definido. Encontro com Osíris ............ Erro! Indicador não definido. Harmonia............... Erro! Indicador não definido. Dicas ....................... Erro! Indicador não definido. Escola da Vida....... Erro! Indicador não definido. Dicas ....................... Erro! Indicador não definido. Breve Receita......... Erro! Indicador não definido. Vida ........................ Erro! Indicador não definido. Servidores do Amor ............. Erro! Indicador não definido. Ísis do Egito ........... Erro! Indicador não definido. Decisão ................... Erro! Indicador não definido. Confiança............... Erro! Indicador não definido. Mente Sã ................ Erro! Indicador não definido. Ação ....................... Erro! Indicador não definido. Amizades ............... Erro! Indicador não definido. Calma ..................... Erro! Indicador não definido. Poder de Escolha... Erro! Indicador não definido. Confiança............... Erro! Indicador não definido. 6
  6. 6. Mensagens elevativas........... Erro! Indicador não definido. Informações Adicionais:.................................. 45 “É impossível alguém contemplar o céu e não acreditar na existência do Arquiteto do Universo.” DO UNIVERSO.” 7
  7. 7. Lord Melquesedeque “Amor infinito é a única verdade.” 8
  8. 8. 9
  9. 9. Introdução Este livro tem como objetivo principal, elevar a sua vibração através das lembranças reais que movimentam sua própria vida, sua vontade, seu entusiasmo, sua perseverança e reativar o amor que vibra dentro do seu coração. Deixe a tristeza e o desânimo para lá, pois é chegado o momento de se desprender de tudo que lhe deixa descontente na vida. Pode até pensar que são os fatos negativos que estão lhe desviando das boas oportunidades que existem pelo caminho, mas se esquece que eles nunca guiam a sua vida, o que direciona e eleva o ser humano é o amor e não a dor, a coragem e não o medo, a confiança e não o desamparo. 10
  10. 10. É hora de reativar o amor em sua plenitude, para que ele se torne novamente o leme da embarcação da sua vida. Com ele, você poderá chegar protegido (a), onde desejar. Sem ele, pode ficar à deriva a qualquer momento ou a mercê dos ventos e das tempestades que possam surgir pelo caminho. O amor é o que potencializa a vida, como se fosse a vela de uma embarcação, ele absorve o vento e o potencializa, transformando-o em energia e levando o barco adiante até onde precisa chegar. Através da força poderosa do amor nada poderá lhe deter. Além de se tornar uma pessoa extremamente forte e decidida, através da prática do amor, você passa a ter o poder de atrair as pessoas que lhe ajudarão a conquistar o que veio neste mundo conquistar, com o auxílio infalível da Lei da Atração, a mais eficiente e maravilhosa força do Universo. A Lei da Atração e o Poder do Amor são capazes de canalizar e realizar tudo aquilo que você vibra, lá no fundo do seu coração. A Lei da Atração diz que tudo acontece através das pessoas, nada acontece isoladamente, como também nada cai do céu sem um motivo ou um propósito específico, como se fosse um milagre ou uma mágica. Tudo vem através das pessoas e o que faz esse papel, ou seja, que tem a propriedade de atração, é exatamente a vibração do amor incondicional, o amor puro, a ética universal. 11
  11. 11. Através da prática do amor, da não violência, da ética e da cosmoética, do não julgamento, do compartilhamento mútuo, da humildade, da solidariedade e da compaixão, sua vibração pessoal, ou seja, sua vibração padrão se torna extremamente elevada. Dessa forma você se transforma numa pessoa vibracionalmente forte, ou seja, uma pessoa poderosa. -Você acredita que as pessoas más são poderosas? Que as pessoas mentirosas e criminosas são poderosas? Que os corruptos, os enganadores e os que se dão bem através de atos ilícitos, são poderosos? Aparentemente sim, eles pensam que são poderosos, mas não são, pois não existe poder algum onde não há amor, tudo isso é apenas ilusão e utopia da matéria. As almas dessas pessoas são vazias e suas vibrações vibram na frequência do desamor, da discórdia e da desarmonia. Perdoemos todos eles, pois realmente eles não sabem o que fazem. Se conhecessem a verdadeira força do amor e da ética, que no fundo são a mesma coisa, jamais fariam o que fazem. Se fossem realmente espertos e soubessem o poder que a honestidade possui, optariam por praticar a honestidade em suas vidas, pois tudo que é retirado ilicitamente de alguém, um dia deverá ser devolvido a outrem. 12
  12. 12. Assim funciona a ética universal, o amor universal e a justiça divina. Na presença do amor nada e nem ninguém pode lhe impedir, nada pode vencê-lo (a), pois na presença do amor, vibra-se a mais alta frequência do Universo, a mesma frequência vibracional que mantém as órbitas e os ritmos de todos os planetas, de todas as estrelas, de todas as galáxias e mantém tudo o que existe no Universo, em permanente estado de levitação. É o amor que faz tudo isso. O Amor é realmente a mais poderosa força do Universo. Aquele que vibra na frequência elevada do amor, está isento e protegido contra qualquer contratempo e contra os infortúnios originados do medo, da ganância, da corrupção e das mazelas da ignorância, pois está vibrando na frequência neutra da ética e da boa moral, na frequência da eterna atenção e da eterna oração de proteção, ou seja, ressoa na mesma frequência neutra do Criador, na frequência neutra do Amor. Aquele que vive na frequência neutra do amor, vive o que chamamos de estado de “Deus Homem”. 13
  13. 13. “Para se compreender totalmente o significado da palavra sabedoria é necessário antes compreender completamente o significado da palavra Amor. Não há como obter qualquer sabedoria, sem a prática do amor .” Este livro agora é seu, ele pode servir como um livro de consultas para lhe ajudar em suas escolhas no seu dia a dia, ou então, como um guia para fortalecer seus pensamentos sempre que necessário. Poderá carregá-lo para onde desejar e transformá-lo em seu companheiro para todas as 14
  14. 14. horas. Pode também presentear alguém que você realmente goste e que deseja ver crescer e evoluir na vida, através da força do positivismo e da ética e do amor. Agindo dessa forma, certamente estará participando da egrégora evolutiva do planeta e colaborando exponencialmente com a alma do mundo, a Alma Mundi. Não se esqueça, amor não tem nada a ver com competição, acumulação de conhecimento ou sabedoria individual. Amor verdadeiro se conquista através do compartilhamento mútuo, através da ação direta e elevativa entre as pessoas, através da gratidão e da vontade de ver o outro crescer junto com você. A idéia da evolução solitária não faz sentido algum para a Lei do Amor. Somos seres destinados a viver coletivamente e por essa razão, a evolução humana sempre ocorrerá de forma coletiva e compartilhada. Somente a convivência eleva o espírito humano. Tanto a evolução material quanto a evolução espiritual, estão totalmente atreladas ao coletivo, nunca ao individual. A convivência, como a própria palavra já diz, significa, viver com outras pessoas. O outro sempre será o ponto de chegada e o ponto de partida do ser humano, queira ele ou não. 15
  15. 15. “A Lei do Amor diz que: Uma pessoa só existe por que existem outras pessoas.” Comece a praticar a partir de hoje o amor verdadeiro em sua vida. A primeira dica é: Ao invés de querer ser mais esperto (a) que os outros e querer sempre se dar bem, opte por ajudar e cooperar com aquele que convive ao seu lado e precisa da sua ajuda, seja no trabalho, em seu círculo de amizades ou dentro da sua própria casa. Quebre um grande paradigma e comece a enxergar o outro como se fosse uma extensão da sua própria vida e tente ajudá-lo da melhor forma que puder. Como já dissemos, agindo dessa maneira, estará colaborando e participando da gigantesca egrégora vibracional de bem estar, que rege o Universo inteiro, a verdadeira fonte da prosperidade. O amor é uma energia que não podemos ver, mas podemos sentir. Uma energia 16
  16. 16. que pode mudar a sua vida e a vida de todos os que vivem ao seu redor. A egrégora do amor é infinita e não precisa necessariamente estar ligada a alguma religião. A religião do amor universal, é a verdadeira religião do homem. Aquela que não teme a Deus e vibra em função do bem estar de todos. Amor infinito é realmente a única verdade. Não existe nada mais forte ou superior a ele. “Amar não é somente olhar um para o outro, é olhar juntos na mesma direção.” 17
  17. 17. O Individualismo O individualismo desenfreado e o egoísmo que vemos crescer cada dia mais em nossa sociedade, são as causas originais das nossas maiores ansiedades, da competitividade sem limites, da frustração surda que nos deixa cada vez mais inquietos e nervosos, nos deixando muitas vezes perdidos, sem compreender para onde realmente estamos indo. Todas as mazelas que os seres humanos estão experimentando e vivenciando na atualidade, vêm de encontro com a falta de amor e a valorização do individualismo. Há realmente um vácuo, um grande vazio, vibrando dentro das pessoas em todos os lugares do mundo, um vazio que nos impede de vibrar plenamente o amor dentro de nossos corações. -Mas o que será isso? Na verdade, isso não quer dizer que o amor está em falta no mundo, nem que ele esteja 18
  18. 18. em processo de extinção, como também não quer dizer que estamos fadados a viver num mundo caótico e sem amor. O amor não está em falta e nunca estará, o amor é uma energia abundante e está presente em tudo o que existe. O amor é o fluído que tudo mantém e tudo sustenta, ele está presente em todos os lugares e o tempo todo. Para onde mirarmos nossos olhares, veremos a presença atuante do amor. Não o amor como estamos acostumados a ver na televisão e nos contos de fadas, descrevendo o encontro de duas pessoas apaixonadas, mas sim o amor como a mais bela das manifestações do grande Amor Universal. O amor incondicional, o amor que cria e possibilita a vida. 19
  19. 19. “Se existe uma energia que tudo criou que sustenta tudo o que existe no Universo e no Cosmos, que mantém os movimentos e os ritmos dos planetas e das estrelas, que mantém todos os corpos levitando no espaço sideral, dentro do sangue negro de Deus, essa energia só pode se chamar Amor.” 20
  20. 20. Amor é própria vida. Onde há vida, há amor. Por mais estranho e filosófico que isso possa parecer, essa é a mais pura verdade. Não há nada no Universo que tenha sido criado pela força do ódio, da raiva, da violência ou através do sofrimento. Se alguém lhe disser que o ódio, o desamparo, o desprezo, a rejeição e a falta de amor, criam alguma coisa, esqueça, deixe de lado essa ideia, pois a pessoa que lhe disser isso, está totalmente enganada. Esqueça tudo o que lhe disseram até hoje sobre o poder do mal, do medo e do sofrimento. Essas afirmações são equivocadas e não são condizentes com os ditames e os mandamentos das hierarquias espirituais que comandam a vida humana. A apologia ao mal e a violência são somente ilusões, uma forma de condicionamento mental, que têm como objetivo principal, baixar a frequência vibracional das pessoas e transformálas em pessoas pouco ativas ou totalmente passivas, ou seja, pessoas sem qualquer vontade de ação e muito menos, de reação. A grande palavra de ordem, a palavra espiritual que regerá o próximo milênio se chama Ação, e não passividade. As pessoas terão de agir para ajudar a transformar o mundo em um lugar amoroso e realmente próspero para todos que aqui vierem viver. 21
  21. 21. -Mas por que algumas pessoas precisam manter outras pessoas em baixa vibração e passivas? Simples. Porque uma pessoa que não consegue agir, com o passar do tempo, acaba se tornando uma pessoa refém, uma pessoa medrosa, uma pessoa que prefere que os outros façam o que ela mesma precisa fazer, uma pessoa condicionada e vulnerável ao comando de terceiros. Uma pessoa passiva, opta sempre por terceirizar os problemas e as soluções coletivas, ela sempre prefere deixar que outros ajam por ela. Esse é o princípio básico para se manter o poder sobre uma população. Em resumo, uma pessoa com medo, se torna uma pessoa passiva e uma pessoa passiva se torna facilmente dominável e condicionável. Compreende? O homem descobriu a milhares de anos que o medo é uma enorme fonte de poder. Quanto mais medo a população tiver, mais poder eles possuirão. Felizmente temos boas notícias. O mundo está mudando e as pessoas já não aceitam mais o medo como condição para suas vidas. Felizmente elas estão despertando de seus sonos profundos e descobrindo que o verdadeiro poder vem sim através do amor e não do medo. 22
  22. 22. “O poder através do medo é uma fonte criadora de carma e o poder através do amor é uma fonte criadora de dharma.” Terceirizar a sua missão pessoal, não é um ato de amor, é um ato de omissão. Omissão se baseia nas premissas do medo e da não ação, ou seja, a omissão se relaciona mais com a passividade do que com a atividade e a passividade não é condizente com os ditames do novo mundo que se inicia. O medo é algo que aprendemos a valorizar desde a nossa infância. Devemos sim, ter medo de altura, pois se cairmos poderemos realmente nos machucar. Devemos sim, ter medo de animais peçonhentos, porque eles são perigosos e podem nos causar graves danos. Devemos temer o fogo, porque ele pode nos queimar. Devemos temer as coisas corriqueiras do mundo físico, porém isso já faz parte do instinto humano, não precisamos mais aprender sobre isso, essas informações já 23
  23. 23. estão instituídas em nosso DNA e em nossa mente racional. -Você já viu um filhote de passarinho ter medo de altura? Logicamente não. A mãe pássaro não precisa ensinar ao seu filhote para ele não ter medo de altura. O instinto animal, ou seja, o conhecimento do reino animal, já traz consigo essa informação, pois esse tipo de informação já faz parte do instinto deles, há milhões de anos. Quando o filhote cria asas, ele se levanta e sai voando sem medo da altura. -Mas o que isso tem a ver conosco, seres humanos? O problema é que, há milhares de anos nos ensinaram que devemos temer a vida e que precisamos lutar com unhas e dentes para sobreviver, ao invés de amar o mundo e viver intensamente confiantes em Deus e na abundância do Universo. Pior do que isso, muitos foram ensinados a temer a Deus, pois Deus é um ser magnânimo que julga e castiga. Que Ele está lá em cima no céu, sentado em seu trono com um tridente nas mãos, olhando para as suas criaturas, pronto para julgá-las e castigá-las. Um verdadeiro absurdo! Se não bastasse isso, nos ensinaram também, que devemos temer o outro, porque o 24
  24. 24. outro, mesmo sendo nosso semelhante, deve ser visto sempre como um inimigo em potencial. E como nos ensinaram nos últimos tempos a vivermos num mundo globalizado e competitivo, então, quanto menos pessoas estiverem em nosso caminho, impedindo a nossa tão desejada vitória, melhor. Não é? Infelizmente, nos ensinaram dessa forma e aceitamos esses ensinamentos, aceitamos a ideia de que vencer na vida, significa vencer o outro e mais, além de vencer o outro, precisamos também, vencê-lo perante os outros. -Essas ideias não parecem uma loucura arcaica e totalmente primitiva? Não só parecem como são loucuras. Infelizmente esqueceram de nos dizer que isso tudo é uma grande mentira. Deveriam nos ensinar que vencer significa vencer a nós próprios, vencer nossos próprios medos e nossos próprios limites, pois essa sim é a causa maior da maioria dos sofrimentos atuais das pessoas. Sim, o problema maior das pessoas são elas mesmas. As pessoas não conseguem compreender a si próprias e por esse motivo não conseguem compreender seus medos e vencê-los. Precisamos vencer esses medos e essas culpas que carregamos a vida inteira nas costas, e que geralmente não conseguimos domálos, os mesmos medos que na maioria das vezes não revelamos a ninguém e acabamos guardando lá no fundo das gavetas das nossas consciências. 25
  25. 25. Deveriam nos ensinar que a vitória tem o mesmo significado que liberdade e que a liberdade não está somente ligada à fugaz vontade de ir e vir, de comprar ou não comprar alguma coisa que se deseja ou de poder escolher isso ou aquilo sem a interferência de outras pessoas. Aprendemos que liberdade está ligada a ideia de estarmos livres dos outros e livres para fazer o que bem entendemos. Essa ideia é muito limitante e pouco inteligente. Liberdade verdadeira não é somente isso, liberdade significa ter a consciência lúcida e viver sob o prisma do livre pensamento. Liberdade significa, viver consigo mesmo (a), livre de qualquer conflito emocional interno e livre da interferência maléfica dos medos pessoais que tanto incomodam e atrapalham as nossas vidas. “Enquanto você conviver com seus medos, não poderá ser uma pessoa realmente livre.” Todas as pessoas possuem seus medos secretos. Não existe nenhum ser vivente na Terra que não sofra e que não tenha problemas íntimos para serem resolvidos. Desde o mais rico, o mais poderoso, até o mais miserável indigente, 26
  26. 26. têm suas provações a passar. Ninguém está livre disso aqui na Terra, pois ainda vivemos num mundo de provações. Mas quando ultrapassarmos as fronteiras nebulosas do mundo das provações e seguirmos rumo às delícias do mundo das regenerações, aí sim, as pessoas começarão a nascer na Terra, isentas de provações. Esse momento está próximo, pois estamos vivenciando o início de uma Era de Ouro na Terra. Uma pessoa só pode se considerar realmente livre quando não mais estiver guerreando consigo mesma e quando alcançar a paz interior e não mais se preocupar com suas próprias mazelas e seus medos mais íntimos. Como já diziam os antigos sacerdotes tibetanos: a pessoa que vence seus maiores medos, vence o mundo, e quem vence o mundo, pode se considerar não só uma pessoa vitoriosa, mas pode se considerar muito mais do que isso, pode se considerar uma pessoa realmente livre. Você deve estar se perguntando: -Porque essa introdução sobre a individualidade e a necessidade de vencer meus próprios medos? Dizemos isso para que compreenda que só se pode vencer e derrotar o medo através do amor, somente o amor pode dissolver as mazelas que corroem a alma humana. Sim, o Amor tem esse incrível poder. Ainda não compreendemos a magnitude dessa força que tudo comanda, mas aos poucos vamos 27
  27. 27. entendo, vivenciando e experimentando suas propriedades maravilhosas. É estranho ver como ainda continuamos a valorizar o mal, as dificuldades e o lado negativo das coisas, das pessoas e de tudo o que está ao nosso redor, como a inveja, a raiva, o julgamento, a discórdia e o constante desejo pelo fracasso alheio. Sim, na maioria do tempo, ainda somos seres humanos hipócritas. Se utilizássemos toda a energia que gastamos desejando o “insucesso dos outros”, para ajudá-los a crescer e conquistar o que desejam o mundo certamente seria muito melhor do que ele é. Seríamos agraciados de verdade, pelas delícias da bem aventurança, pois estaríamos sem dúvida, trabalhando em função do bem maior. Mas ainda não conseguimos vibrar coletivamente, ainda somos extremamente individualistas, por mais que tentemos ainda o egoísmo se sobressai, pois essa ainda é a vibração predominante no planeta. A boa notícia é que o ser humano está começando a vislumbrar um novo mundo e já está tentando instituir uma forma de viver uma nova vida, que de alguma forma esteja inserida no contexto de uma sociedade compartilhada. Ainda não compreendemos o poder que juntos, nós temos, estamos ainda, teimosamente, optando por seguir caminhando e lutando pela vida, sozinhos, como se 28
  28. 28. estivéssemos vivendo numa guerra e numa batalha diária. Essa é uma prática egoísta e está fundamentada no fato de não acreditarmos na força do amor e do compartilhamento, ou seja, no simples fato de ainda não acreditarmos no outro como o nosso semelhante. Infelizmente, esse paradigma que foi criado há milênios atrás, ainda se mantém vivo na sociedade moderna, principalmente na sociedade ocidental, que é muito mais severa e cruel, do ponto de vista mental e psicológico. Para os ocidentais e atualmente, para uma boa parte dos orientais, “o outro” ainda é visto como uma ameaça e por esse motivo precisamos nos defender dele o tempo todo. Compreende? Para instalarmos o amor verdadeiro em nossas vidas, precisamos começar a acreditar no outro, na boa vontade e no poder da bem aventurança do homem. O poder do amor é o poder do compartilhamento mútuo, o poder de acreditar na soma através da divisão, na vontade de conviver e de fazer parte de uma comunidade mundial solidária. O poder do amor é algo exponencialmente fabuloso e não pode estar ligado a ideia do individualismo, da solidão, da vitória individual ou de qualquer conquista egóica que se valha. 29
  29. 29. Não se esqueça que não se pode vencer nesta vida sozinho (a), não há como alcançar qualquer vitória nesta vida, sozinho (a). Até mesmo para nascer, precisamos dos nossos pais, não é? A lei do amor diz que estamos condicionados a nascer do outro, viver para o outro e morrer pelo outro. Deus criou o mundo assim, dual e complementar, com gêneros contrários e diferentes entre si, justamente para podermos nos relacionar, aprender e evoluir com as pessoas. As pessoas são nada mais, nada menos, do que espelhos que refletem a nossa própria condição. -Quer descobrir quem você realmente é e como você se comporta? Não é difícil de descobrir. Não precisa se olhar no espelho, basta olhar para as pessoas com quem convive a maior parte do tempo: seus amigos, seus familiares, seus companheiros de trabalho. Verá que eles são no fundo, seus próprios espelhos, pois todos eles se baseiam em você e você se baseia neles. É uma troca de referências e de exemplos. O outro é sempre a referência, o reflexo, a ideia, a forma, o molde e o exemplo. “Diga-me com quem tu andas e te direis quem és”! 30
  30. 30. Estamos fadados a viver coletivamente e por isso a ideia de vida individual, solitária e egoísta está fadada a se tornar uma ideia em franca extinção. Num futuro próximo, o individualismo se tornará algo totalmente primitivo, uma ideia ultrapassada e totalmente em desuso. “Geralmente a Lei do Amor contraria a matemática e diz que: Dividir, às vezes significa somar.” 31
  31. 31. Amar o próximo Amar o próximo como a nós mesmos, é o grande ensinamento que o mestre um dia nos ensinou. Infelizmente ainda não conseguimos compreender em sua essência, todos os ensinamentos que ele nos deixou em vida, na Terra Santa, há mais de 2.000 anos atrás, através das suas parábolas. Jesus veio com esse propósito, queria nos ensinar como viver no amor e na ética divina. Ele foi e é o maior exemplo de Amor na Terra. “O exemplo é sem dúvida, o maior de todos os credos.” 32
  32. 32. Hoje, os cristãos ao redor do mundo têm Jesus como a referência de homem perfeito, um verdadeiro exemplo. É compreensível que as pessoas da época e até mesmo nós, nos dias atuais, não compreendamos ainda os seus mais diversos ensinamentos. Jesus foi um mestre de sabedoria que desceu a Terra, um avatar, e certamente, era muito difícil para ele, falar a língua dos homens. Sua linguagem era extremamente evoluída e logicamente pouco compreensível para os habitantes da antiga Jerusalém. (Ainda hoje temos dificuldades de compreendê-lo na íntegra) A linguagem que um mestre evoluído como Jesus utilizava, não era igual à linguagem dos homens, era uma linguagem muito elaborada e sábia, sempre frequenciada na mais pura vibração do Amor e pouco acessível para os seres humanos, uma linguagem evoluída demais, uma linguagem futurista, que os antigos homens de Jerusalém certamente não compreendiam. Quando ele dizia para amarmos o próximo como a nós mesmos, certamente se referia sobre ativar o poder que existe dentro de cada um de nós, e que, através dele, poderíamos fazer coisas extraordinárias como, por exemplo, precipitar milagres na Terra. Numa interpretação universal, Jesus estaria dizendo que nunca conseguiremos reativar sozinhos, o grande poder do homem, o poder do Amor. No entanto, quando descobrirmos como 33
  33. 33. ativá-lo e utilizá-lo, poderemos nos transformar em verdadeiros alquimistas da alma, em verdadeiros magos, pessoas capazes de realizar e manifestar os sonhos de Deus na Terra, pessoas capazes de transformar sonhos em realidade, capazes de transformar dor em amor, ignorância em sabedoria, medo em fé e guerra em paz universal. Se o Mestre estivesse vivendo nesta época atual, certamente ele viria para nos dizer que precisamos urgentemente entrar em sintonia com o coletivo e dar um passo em direção ao próximo, pois somente assim o Amor verdadeiro, que ele tanto desejava ensinar, começaria a brotar de verdade em nosso mundo, e através dele poderíamos transformar todo o planeta. O amor ao próximo é o próprio amor incondicional ou o amor unificado. O amor coletivo, ainda está por vir, ainda não conhecemos a sua magnitude, só conseguimos enxergar por enquanto, algumas fagulhas iluminando isoladamente determinados pontos do planeta. Não tem problema que ainda sejam somente fagulhas isoladas, o importante é que em breve, através da força do compartilhamento mútuo, que está se instalando ao redor de todo o planeta e a ânsia pela liberdade de grande parte da humanidade, o Amor e o Bem se farão presentes e comandarão o terceiro milênio em Glória, conforme desejam todos os avataras, mestres de 34
  34. 34. sabedoria e governantes do mundo espiritual que nos regem. O plano superior é o plano que tudo comanda, o extraordinário mundo das ideias e dos ideais, a nossa grande casa, a nossa morada primordial. Que a luz da verdade invada a sua alma e a partir de agora, ilumine seus caminhos para todo o sempre. Seja bem vindo (a) a Era de Ouro, a Era do Amor. 35
  35. 35. A Montanha -Você está com dificuldade em compreender a magnitude da vida e os propósitos maiores de Deus? Então, vá ao topo de uma montanha e quando chegar lá em cima, sente-se em uma pedra e comece a olhar a vida por outro ângulo. Tente enxergar e valorizar tudo o que Deus criou e lhe deixou de presente. Lá do alto, poderá compreender a dimensão da vida que é tão limitada aqui embaixo. Temos o péssimo hábito de vislumbrar e valorizar somente o que está ao alcance de nossas mãos e o que está acessível e visível em nossa zona de conforto. Quando nos colocamos fora dos padrões conhecidos e permitimos ousar, somos agraciados com uma das experiências mais ímpares de nossas vidas: o despertar da 36
  36. 36. consciência, o esclarecimento, a lucidez e a compreensão da vida eterna. Somente quando caminharmos rumo ao desconhecido, chegaremos mais próximos do Criador e perceberemos como muitas vezes nos distanciamos Dele, pelo simples fato de não confiarmos e não praticarmos a verdadeira fé. Somos partes interligadas de algo humanamente inimaginável. A perfeição divina é incompreensível aos olhos carnais, mas se permitirmos enxergar com os olhos ocultos da consciência, veremos que somos Unos em essência e filhos da magnífica força do Amor Universal. Somos na realidade, Um em essência. Então, façamos a nossa parte e nos libertemos desse imenso abismo que nós mesmos criamos, e com a permissão de nossos corações e almas libertas, unimo-nos num único propósito: A Vida, o grande sonho que um dia Deus sonhou. “Se querem buscar a Deus, devem buscá-lo lá dentro, pois lá fora jamais o encontrarão.” Paracelso (1493 -1541) 37
  37. 37. Sonho de Deus “Viver é participar do sonho de Deus.” -Quer compreender importância da vida? melhor a Pare por alguns segundos sua leitura e preste atenção na sua respiração, no movimento do seu tórax e nos batimentos do seu coração. Depois de sentir seus próprios ritmos e pulsações, pare de respirar por alguns segundos. Segure a respiração até não aguentar mais e depois volte a respirar. Faça esse exercício. -Por que fazer isso? Porque toda pessoa precisa experimentar a vivência do “não respirar”, a fim 38
  38. 38. de compreender o valor da sua própria vida, para compreender que seu espírito é puro amor, que o espírito é quem comanda a sua mente e o seu corpo. O espírito é a própria manifestação da vida. -Mas onde está meu espírito? Seu espírito vive no astral superior, a casa da verdade, a casa do amor, o mundo espiritual. Seu espírito é a própria vida. Vida e Deus são a mesma coisa. Você não está vivendo a sua vida, você está vivendo a vida de Deus, você está dentro das entranhas de Deus. Ele é você e você é Ele. Compreende? Não há diferença entre você e Ele. São a mesma coisa. Quando você respira, é Deus que está respirando, quando você pensa, é Deus que está pensando, quando você deseja, é Deus que está desejando, quando você sonha, no fundo está sonhando o sonho que um dia Ele sonhou e tornou realidade. Enquanto você vive, você está vivendo a vida Dele. Se a vida tem um propósito, esse propósito é manter a própria vida, o propósito da vida é manter vivo o sonho que um dia Deus sonhou. Viver é estar participando do sonho de Deus, por isso, o sonho nunca pode acabar. 39
  39. 39. “Compreender que somos partículas de Deus e que não estamos desligados Dele, é a melhor forma de começarmos a eliminar o individualismo e o egoísmo em nossas vidas.” 40
  40. 40. Gratidão Tudo aquilo que você é ou pretende ser, deve às pessoas que lhe ajudaram um dia, nesta vida. Como já dissemos, não se pode conquistar nada neste mundo sozinho (a) e por esse motivo a gratidão deve ser compreendida como sendo a fonte da verdadeira felicidade, a fonte que jorra o elixir do amor incondicional, durante toda eternidade. Agradecer por estar vivo é o primeiro passo que qualquer indivíduo precisa dar se almeja conquistar algo na vida. -Que tal começar hoje mesmo agradecendo aqueles que lhe deram oportunidades e abriram portas para você um dia? Parece difícil fazer isso? Consegue se lembrar deles? 41
  41. 41. Não precisa agradecer pessoalmente, basta abrandar o seu coração e agradecê-los mentalmente e em silêncio. Você só precisa empregar a verdade, a boa intenção e o amor para fazer isso. Acredite, se agradecer e perdoar verdadeiramente, estará criando algo poderoso, um sentimento com eficaz e forte vibração, vibração amorosa que brotará do fundo do seu coração e atravessará até a mais grossa das montanhas rochosas que possam existir, chegando até o coração daqueles que lhe ajudaram de alguma forma, nesta vida. Eles certamente não poderão ouvir ver ou saber o que você está fazendo, mas sentirão as altas vibrações de gratidão que emanará do fundo do seu coração. Depois de agradecer, perdoe-os por qualquer coisa que tenham feito e que ainda esteja vibrando em sua mente, em forma de raiva, rancor, tristeza e angústia. Esqueça qualquer tipo de dor ou sofrimento que essas pessoas possam ter lhe causado um dia. Lembre-se que todo lado ruim tem seu lado bom e que mesmo no sofrimento e na dor, você amadureceu e cresceu. -Sabia que o perdão também é uma das formas de manifestação do amor? 42
  42. 42. “Se um dia tiver que escolher entre o mundo e o amor. Lembre-se: Se escolher o mundo, ficará sem o amor, mas se escolher o amor, com ele você conquistará o mundo.” 43
  43. 43. Conheça a coleção completa GoodBooks dos mesmos autores. ___________________________ * A Lei da Atração é marca registrada. Todos os direitos das obras são reservados aos autores. É proibida qualquer publicação ou cópia sem prévia autorização dos mesmos. 44
  44. 44. Informações Adicionais: Site Oficial www.leidatracao.com.br Blog Oficial: http://leidaatracao.blogspot.com Facebook Oficial: Carlos Torres & Sueli Zanquim Canal Oficial no Youtube: http://www.youtube.com/user/SZANQUIM Twitter: @cttorres Fale com os autores: leidaatracao@terra.com.br 45

×