Europa e Europeus - Germânicos

700 visualizações

Publicada em

Conjunto de dispositivos utilizados para o acompanhamento pedagógico da Unidade Curricular «Europa e Europeus» integrada no Programa de Estudos 2015/2016 da Dalian University of Foreign Languages com a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
700
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Europa e Europeus - Germânicos

  1. 1. Programa de Estudos 2015/2016 Dalian University of Foreign Languages Carlos Medeiros Europa e Europeus
  2. 2. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 GERMÂNICOS Povos Germânicos (190-200 milhões):  Alemães + Austríacos + Suíços alemães + Luxemburgueses (+90 milhões)  Ingleses (+45 milhões)  Escandinavos (+22 milhões)  Holandeses + Flamengos (+22 milhões)  Frísios (+1,5 milhão) 2
  3. 3. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 VIKINGS  Viking (do nórdico antigo víkingr) ou viquingue é um termo habitualmente usado para se referir aos exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos (escandinavos) que invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte a partir do final do século VIII até ao século XI.  A imagem popular dos vikings continua a apresentá-los como caricaturas, mas a fama dos vikings de brutos e violentos ou intrépidos aventureiros devem muito ao mito moderno que ganhou forma no início do século XX. A imagem histórica dos vikings mudou ao longo dos tempos e hoje admite-se o seu contributo na tecnologia marítima e na construção de cidades.  A expansão dos Vikings foi o resultado de problemas de excesso de população escandinava e do conhecimento da navegação entretanto obtida. Os vikings desenvolveram o barco-longo que devido ao seu baixo calado poderia navegar nos rios mas que pela sua construção robusta poderia superar as tempestades do Atlântico. 3
  4. 4. 4 https://commons.wikimedia.org/wiki/Category:Viking_ships?uselang=pt#/media/File:Drakkar_(Larousse_-_detail_-_complete_ship)_A_Brun.jpg DRAKKAR (navio-dragão): designação dada às embarcações vikings que tinham como características uma cabeça de dragão na proa, conjugavam velas e remos, podiam navegar em águas rasas e profundas e utilizado para o transporte de soldados e mercadorias nas conquistas.
  5. 5. 5 Os Vikings usaram os seus famosos drakkar para viajar do extremo oriente, como Constantinopla e o rio Volga, na Rússia, até o extremo ocidente, como a Islândia, Groenlândia e Terra Nova, e até o sul da Península Ibérica. Este período de expansão viking - conhecido como "era viking" - constitui uma importante parte da história medieval da Escandinávia, Grã-Bretanha, Irlanda e da Europa em geral. dada às embarcações vikings que tinham como características uma cabeça de dragão na proa, conjugavam velas e remos, podiam navegar em águas rasas e profundas e utilizado para o transporte de soldados e mercadorias nas conquistas. https://www.pinterest.com/pin/483996291176316651/
  6. 6. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 MITOLOGIA NÓRDICA  ODIN – Pai de todos, protetor dos poetas, dos guerreiros, dos estadistas e o Deus da morte, da Guerra e da Magia. Carrega a lança Gungnir que nunca erra o alvo e que no cabo, tem runas gravadas, que ditam a preservação da lei. Cavalga o garanhão de oito patas Sleiphir e reúne guerreiros para lutarem com ele. Conquistou as runas (alfabeto nórdico), para a humanidade através de um ato de sacrifício pessoal e trocou o seu olho direito por sabedoria. Seu dia: quarta-feira.  THOR – Deus do trovão, filho de Odin. Sua arma, o martelo de pedra Mijollnir. Thor é invocado nas mágicas rúnicas como força vingadora. Casou-se com Sif, Deusa do trigo. Seu dia: quinta-feira.  ASGARD – É o reino dos deuses. Em Asgard está situada Valhalla, o palácio dos guerreiros mortos em batalha. Também numa região de Asgard está Vanaheim, a terra dos Vanir e Alfheim, a terra dos Elfos Luminosos. Em Asgard estão também os palácios de cada um dos deuses, bem como Gladsheim, o grande santuário na Planície de Ida. 6 http://distante.no.sapo.pt/mitnordica.htm VIKINGS
  7. 7. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 7 https://pt.wikipedia.org/wiki/Runas VIKINGS RUNAS (Alfabeto Nórdico)  As runas são um conjunto de alfabetos relacionados que usam letras características (ou rúnicas), usadas para escrever nas línguas germânicas, principalmente na Escandinávia e nas ilhas Britânicas.  As inscrições rúnicas mais antigas datam de cerca do ano 150. Estes caracteres têm sido encontrados em pedras rúnicas (pedra erguida, contendo inscrições em caracteres rúnicos), ossos, peças de madeira, pergaminhos e placas metálicas.  As runas podem ser consideradas como uma antiga forma de escrita da Europa do Norte. Existe uma versão escandinava conhecida como Futhark (acrónimo das suas primeiras seis letras: 'F', 'U' 'Th', 'A', 'R', e 'K') e uma versão anglo-saxónica conhecida como Futhorc (deriva também das primeiras letras).  Este alfabeto foi substituído pelo alfabeto latino devido à cristianização por volta do século VI na Europa central e no século XI na Escandinávia.
  8. 8. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 GERMÂNICOS  Povos Escandinavos □ Suécia □ Dinamarca □ Noruega □ Islândia □ Ilhas Feroé □ Finlândia 8
  9. 9. ESCANDINAVOS 9
  10. 10. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ESCANDINAVOS  A Escandinávia é uma região geográfica e histórica do norte da Europa e que abrange a Dinamarca, a Suécia e a Noruega. No sentido estrito, inclui-se na Escandinávia a Noruega, a Suécia (que formam a península Escandinava) e, devido aos laços históricos e linguísticos com aqueles países, também a Dinamarca.  A Dinamarca costuma ser incluída nas definições mais estritas do termo devido à semelhança linguística e étnica mas também por haver possuído, até o século XVII, territórios na península Escandinava, caso da Escânia (hoje território integrado na Suécia). Outro fator importante foram as uniões pessoais entre as coroas dinamarquesa, norueguesa e sueca ao longo da história.  Em geografia física, no entanto, a Dinamarca é considerada parte da planície setentrional europeia e não da península Escandinava.  Num sentido mais amplo, o termo pode também abranger a Finlândia, as ilhas Feroé e a Islândia. 10
  11. 11. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ESCANDINAVOS 11 Vermelho - sentido mais estrito: Suécia, Noruega e Dinamarca Laranja - sentido ampliado: Finlândia e Islândia Amarelo - sentido mais amplo: Gronelândia e Svalbard
  12. 12. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  13. 13. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 DINAMARCA E OS DINAMARQUESES  Capital: Copenhaga □ Cidade mais populosa: Copenhaga  Língua oficial: Dinamarquês  Governo: Monarquia constitucional parlamentar  Área: 42.921 km²  População: 5.627.235 habitantes  Densidade: 129,2 habitantes/km²  PIB (dados Eurostat – 2013): 257.444,0 M € □ Moeda: Coroa dinamarquesa  Emprego (dados 2013): □ Taxa de Desemprego: 6,0% 13
  14. 14. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 Os Dinamarqueses são um povo escandinavo que falam o dinamarquês, uma língua germânica. A maioria dos dinamarqueses vivem na Dinamarca. O que caracteriza os dinamarqueses como povo?  Muitos estrangeiros que vivem na Dinamarca acham que os dinamarqueses são abertos e recetivos. Outros podem chamá-los de reservados, especialmente durante os longos meses de inverno.  Para muitos dinamarqueses, a palavra hygge é essencial para descrever algo que só encontra nos dinamarqueses. A palavra pode ser traduzida como ‘aconchego’ ou ‘convívio’ e reflete o sentido de comunidade e a sensação de segurança que surge quando os dinamarqueses passam bons momentos juntos com as pessoas das quais gostam. 14 DINAMARCA E OS DINAMARQUESES http://denmark.dk/pt/encontre-os-dinamarqueses/
  15. 15. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 DINAMARCA E OS DINAMARQUESES Os velhos e grandes…  Provavelmente todos, em algum momento, ouviram o conto de fadas do patinho feio que cresceu e se tornou num belo cisne. Hans Christian Andersen é, sem dúvida, o mais famoso dinamarquês de todos os tempos, graças aos seus contos de fadas mágicos, adorados pelas crianças e adultos no mundo inteiro. Os seus contos foram traduzidas em mais de 150 línguas.  Outros dinamarqueses realmente grandes incluem o físico Niels Bohr, que ganhou o Prémio Nobel em 1922, e o filósofo Søren Kierkegaard, que ficou conhecido como o paido existencialismo.  O design dinamarquês, exemplificado por Arne Jacobsen, também ganhou considerável respeito e aprovação internacional. Os arquitetos dinamarqueses são internacionalmente aclamados, sendo o mais famoso provavelmente Jørn Utzon que desenhou a Sydney Opera House. …e os novos e grandes  A Dinamarca também possui tradições cinematográficas fortes e notórias. A partir dos anos 80, diretores como Lars von Trier e Gabriel Axel tornaram-se expoentes do cinema de vanguarda. Ganharam vários prémios internacionais por desafiarem e explorarem os limites tradicionais da produção cinematográfica . E, em 2011, a diretora dinamarquesa Susanne Bier recebeu um Oscar por “Em um Mundo Melhor”.  Nos últimos anos, uma nova geração de Grandes Dinamarqueses destacaram-se internacionalmente. Em especial, Bjarke Ingels, arquiteto de grande sucesso, e Rene Redzepi, chef do melhor restaurante do mundo, Noma, chamam frequentemente a atenção pelos seus modos novos e únicos de pensar a arquitetura e a gastronomia. 15 http://denmark.dk/pt/encontre-os-dinamarqueses/grandes-dinamarqueses/
  16. 16. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 DINAMARCA E OS DINAMARQUESES  Gastronomia: □ Risengrød (arroz-doce com leite, açúcar, canela e com manteiga) é conhecido como o prato que o Pai Natal e os seus duendes comem.  Cultura: □ Design dinamarquês – O estilista dinamarquês Finn Juhl é considerado o “pai” do design dinamarquês e que se tornou mundialmente conhecido depois de ter projetado a sala do Conselho de Segurança das Nações Unidas.  Desporto nacional: □ Futebol □ Vela  Religião: □ Protestante 16
  17. 17. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  18. 18. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 SUÉCIA E OS SUECOS  Capital: Estocolmo □ Cidade mais populosa: Estocolmo  Língua oficial: Sueco  Governo: Monarquia constitucional parlamentar  Área: 438.743 km²  População: 9.644.864 habitantes  Densidade: 20 habitantes/km²  PIB (dados Eurostat – 2013): 430.258,0 M € □ Moeda: Coroa sueca  Emprego (dados 2013): □ Taxa de Desemprego: 8,1% 18
  19. 19. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 SUÉCIA E OS SUECOS  Os suecos são um povo escandinavo que fala o sueco, uma línguas germânica. A maioria vive na Suécia e nos países nórdicos.  Num sentido mais abrangente, são suecos todos aqueles que têm a cidadania sueca, incluindo os imigrantes naturalizados suecos, assim como os cidadãos que falem línguas minoritárias oficiais na Suécia.  O país ocupa o 4.º lugar do mundo no IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), depois da Islândia, Dinamarca e Noruega. É considerado um dos países com melhor nível de vida hoje em dia, apresentando um dos mais baixos níveis de desigualdade socioeconómico do mundo. 19
  20. 20. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 SUÉCIA E OS SUECOS Os Prémios Nobel são atribuídos, anualmente, a 10 de Dezembro, data de aniversário da morte do seu mentor Alfred Nobel, a todas as pessoas que contribuíram para o bem da Humanidade, por meio de pesquisas pioneiras, da invenção de técnicas importantes ou pelos contributos que forneceram à sociedade. Deste modo, os laureados são personalidades que durante um ano se distinguem em áreas como: a paz; a química e a física; a medicina e a literatura. Os Prémios Nobel da Química, Física, Medicina e Literatura, assim como o Prémio em Ciências Económicas são atribuídos na Cerimónia de Entrega dos Prémios Nobel, que tem lugar no Stockholm Concert Hall, na Suécia. Organizada anualmente pela Fundação Nobel, esta cerimónia é presidida pelo Rei Carlos Gustavo da Suécia, que à semelhança do seu congénere norueguês, entrega os prémios aos seus vencedores. 20
  21. 21. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 SUÉCIA E OS SUECOS  Gastronomia: □ smörgåsbord, um buffet com várias iguarias  Cultura: □ A Suécia tem muitos autores de reconhecimento mundial, incluindo August Strindberg, Astrid Lindgren e os Prémio Nobel Selma Lagerlöf e Harry Martinson (7 Prémios Nobel de Literatura foram dados a suecos). □ Os artistas mais conhecidos do país são pintores como Carl Larsson e Anders Zorn e os escultores Tobias Sergel e Carl Milles. □ Entre 1920 e 1980, o cineasta Ingmar Bergman e as atrizes Greta Garbo e Ingrid Bergman tornaram-se pessoas notáveis no cinema. Mais recentemente, os filmes de Lasse Hallström têm recebido reconhecimento internacional.  Desporto nacional: □ Futebol □ Snowboard  Religião: □ Protestante 21
  22. 22. https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/5/56/Un-belarus.png
  23. 23. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 NORUEGA E OS NORUEGUESES  Capital: Oslo □ Cidade mais populosa: Oslo  Língua oficial: Norueguês  Governo: Monarquia constitucional parlamentar  Área: 385.155 km²  População: 5.136.700 habitantes  Densidade: 12 habitantes/km²  PIB (dados Eurostat – 2013): 282.174,0 M € □ Moeda: Coroa norueguesa  Emprego (dados 2013): □ Taxa de Desemprego: 3,6% 23
  24. 24. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 NORUEGA E OS NORUEGUESES  Os Noruegueses são um povo da Escandinávia e falam a língua norueguesa, uma das línguas germânicas.  A maioria dos noruegueses vive na Noruega.  A Noruega mantém o modelo social escandinavo, baseado na saúde universal, no ensino superior gratuito e num regime abrangente de previdência social.  A Noruega foi classificada como o melhor país do mundo em desenvolvimento humano em todos os relatórios desde 2001 (com dados referentes entre 1999 e 2010). Em 2009, o país foi novamente classificado pela ONU como o melhor país do mundo para se viver.  A Noruega também foi avaliada como o país mais pacífico do mundo numa pesquisa realizada em 2007 pelo Índice Global da Paz. 24
  25. 25. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 NORUEGA E OS NORUEGUESES Gastronomia: □ Como uma nação de agricultores e pescadores, a Noruega é famosa pela diversidade e simplicidade de sua culinária, muitas vezes associada ao bacalhau. Batatas e diversos tipos de peixes, pães, bagas, cereais e queijos são consumidos no país.  Cultura: □ Igreja de madeira de Urnes (construção viking) – Património Mundial UNESCO □ Prémio Nobel da Paz é atribuído em Oslo □ Entre os noruegueses famosos incluem-se o dramaturgo Henrik Ibsen; os exploradores Roald Amundsen, Fridtjof Nansen e Thor Heyerdahl, os pintores Edvard Munch, o compositor do romantismo Edvard Grieg, a banda de música pop internacional A-ha e os romancistas Bjørnstjerne Bjørnson, Knut Hamsun e Sigrid Undset, vencedores do Prémio Nobel de Literatura em 1903,1920 e 1928, respetivamente.  Desporto nacional: □ Esqui cross-country | Patinagem de velocidade  Religião: □ Protestante 25
  26. 26. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  27. 27. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 FINLÂNDIA E OS FINLANDESES  Capital: Helsínquia □ Cidade mais populosa: Helsínquia  Língua oficial: Finlandês e sueco  Governo: República parlamentar  Área: 338.435 km²  População: 5.451.270 habitantes  Densidade: 15 habitantes/km²  PIB (dados Eurostat – 2013): 205.178,0 M € □ Moeda: Euro  Emprego (dados 2013): □ Taxa de Desemprego: 8,1% 27
  28. 28. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 FINLÂNDIA E OS FINLANDESES  O termo finlandês refere-se ao grupo étnico historicamente associado com a Finlândia, bem como a todos os habitantes daquele país.  Os finlandeses têm um sentido de identidade nacional bastante forte. Esta identidade tem raízes na história do país – em especial nas façanhas realizadas durante as guerras e nos feitos heroicos no âmbito do desporto – e é hoje em dia estimulada pelo orgulho no sucesso das companhias de high-tech (tecnologia de ponta) finlandesas.  Os finlandeses sabem melhor ouvir do que falar, e interromper a pessoa que está a falar é considerada como uma falta de educação. O silêncio é visto como uma parte da comunicação, e os finlandeses não se importam se houverem pausas na conversa. Fala-se sem pressa, mesmo na língua materna (muitos estrangeiros riem-se do ritmo, no qual são lidas as notícias na televisão), e embora muitos finlandeses sejam competentes em várias línguas estrangeiras, podem achar o ritmo da língua falada um pouco cansativo. 28 http://www.finlandia.org.pt/public/default.aspx?nodeid=39526&contentlan=17&culture=pt-PT
  29. 29. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 FINLÂNDIA E OS FINLANDESES  Gastronomia: □ Usam frequentemente produtos cereais e bagas  Cultura: □ Ragnar Granit – Prémio Nobel de Medicina (1967) □ Igreja Antiga de Petäjävesi, Património Mundial pela UNESCO  Desporto nacional: □ Automobilismo □ Hóquei no gelo  Religião: □ Protestante 29
  30. 30. https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Map_of_Iceland.svg
  31. 31. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ISLÂNDIA E OS ISLANDESES Capital: Reiquiavique □ Cidade mais populosa: Reiquiavique  Língua oficial: Islandês  Governo: República parlamentar  Área: 103.000 km²  População: 403.367 hab.  Densidade: 3,1 hab./km²  PIB (dados Eurostat – 2010): 9.494,8 M € □ Moeda: Coroa Islandesa  Emprego (dados 2013): □ Taxa de Desemprego: 8,1% 31
  32. 32. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ISLÂNDIA E OS ISLANDESES  Os islandeses são um povo escandinavo, formando uma nação e sendo nativos da Islândia.  A17 de junho de 1944, os islandeses tornaram-se independentes (da Dinamarca), instituindo a república islandesa. A matriz genética dos islandeses compõe-se de cerca de 60 a 80% dos colonos de origem nórdica (principalmente Noruega Ocidental) e o restante de escravos celtas trazidos das Ilhas Britânicas.  A Islândia possui uma sociedade desenvolvida e tecnologicamente avançada cuja cultura é baseada no património cultural das nações nórdicas. A herança cultural do país inclui a cozinha tradicional islandesa, a poesia e as sagas islandesas medievais.  Nos últimos anos, a Islândia tornou-se uma das nações mais ricas e desenvolvidas do mundo, tendo sido classificada pela ONU como o terceiro país mais desenvolvido do mundo.  Em 2008, no entanto, o sistema bancário do país falhou, provocando uma crise económica, o que fez com que o país perdesse várias posições na lista dos países com maior PIB per capita e provocasse uma agitação política que levou à antecipação das eleições parlamentares. 32
  33. 33. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016  Gastronomia: □ A culinária da Islândia está baseada no peixe, na carne de carneiro, e nos produtos lácteos, podendo ser notada uma influência dinamarquesa e norueguesa. Um dos pratos mais populares é o Þorramatur. □ Como ingredientes básicos, são frequentemente usado o carneiro, o bacalhau, o hadoque, o lagostim, o salmão, o caviar, o tubarão-da-Groenlândia, a aguardente da Islândia, o iogurte skyr, a truta ártica e o lagópode-branco.  Cultura: □ Islandeses famosos são a cantora pop Björk, vencedora do Polar Music Prize, a banda rock Sigur Rós e o romancista Halldór Laxness, vencedor do Prémio Nobel da Literatura em 1955. □ São ainda cidadãos islandeses o antigo campeão mundial de xadrez Bobby Fischer que adquiriu a nacionalidade a 21 de Março de 2005, e o pianista Vladimir Ashkenazy que adotou a nacionalidade islandesa no ano de 1972.  Desporto nacional: □ Futebol □ Golfe  Religião: □ Protestante 33 ISLÂNDIA E OS ISLANDESES
  34. 34. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 GERMÂNICOS  Povos Germânicos □ Alemanha □ Áustria □ Suíça □ Holanda □ Luxemburgo □ Reino Unido □ Bélgica (Valónia) 34
  35. 35. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  36. 36. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ALEMANHA E OS ALEMÃES Capital: Berlim □ Cidade mais populosa: Berlim  Língua oficial: Alemão  Governo: República federal parlamentar  Área: 357.051 km²  População: 80 780 000 habitantes (2014)  Densidade: 229 hab/km²  PIB (dados Eurostat – 2014): 2,904 mil Milhões € □ Moeda: Euro 36
  37. 37. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ALEMANHA E OS ALEMÃES O conceito de germânico como uma identidade étnica distinta foi referido inicialmente por Estrabão, que identificou um grupo bárbaro no norte da Europa, que não era celta. Foi, no entanto, Posidónio o primeiro a utilizar o nome, cerca de 80 AC: Os GERMANI à tarde servem à mesa carne assada com leite, e bebem o seu vinho não diluído.  No que respeita às origens étnicas, um povo ou grupo de povos entre 1.700 a 600 AC partilhavam uma cultura comum e residiam no norte da Alemanha e no sul da Escandinávia durante o final da Idade do Bronze (Idade do Bronze Nórdica). 37
  38. 38. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ALEMANHA E OS ALEMÃES Povo com vocação filosófica: Hegel, Kant, Leibniz, Nieztsche, Schopenhauer, Jaspers, Heidegger, …  Alemães – povo mais conservador e cauteloso da Europa.  Temperamento alemão: conservadorismo; conformismo; consenso; continuidade; condescendência. A sua preponderância reflete a natureza tradicionalmente autoritária da vida familiar alemã.  Ao alemães receiam uma sociedade sem ordem nem organização (…). Isto explica uma extraordinária escravidão a princípios hierárquicos profundamente enraizados e a regras e regulamentos em geral.  A tendência para o perfeccionismo está solidamente ancorada na psicologia alemã. Richard Hill – Nós, Europeus 38
  39. 39. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ALEMANHA E OS ALEMÃESCiência e Tecnologia  O Prémio Nobel foi concedido a 103 laureados alemães.  O trabalho de Albert Einstein e Max Planck foi crucial para a fundação da física moderna, que Werner Heisenberg e Max Born desenvolveram.  O engenheiro aeroespacial von Braun criou o primeiro foguete espacial e, na NASA, desenvolveu o foguete Saturno V, que abriu o caminho para o sucesso do programa Apollo dos Estados Unidos.  O trabalho de Alexander von Humboldt como um cientista e explorador natural foi fundamental para a biogeografia.  A Alemanha tem sido o lar de muitos famosos inventores e engenheiros: □ Johannes Gutenberg, inventor da impressão por caracteres móveis; □ Hans Geiger, o criador do contador Geiger; □ Inventores, engenheiros e industriais alemães, tais como o Conde Ferdinand von Zeppelin, Gottlieb Daimler, Rudolf Diesel, Hugo Junkers, Robert Bosch, Wilhelm Maybach e Karl Benz ajudaram a dar forma moderna a tecnologia do automóvel e do transporte aéreo. 39
  40. 40. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ALEMANHA E OS ALEMÃESCultura  A Alemanha é conhecida como Das Land der Dichter und Denker (A terra dos poetas e pensadores). Desde 2006 que o país adotou o lema: Terra das Ideias.  Na Alemanha, os estados são encarregados das instituições culturais: □ Existem 240 teatros subsidiados, centenas de orquestras sinfónicas, milhares de museus e mais de 25.000 bibliotecas espalhadas pelos 16 estados. □ Os museus alemães recebem mais de 91 milhões de visitantes por ano; 20 milhões assistem peças nos teatros e óperas, enquanto 3,6 milhões escutam as grandes orquestras sinfónicas, todos os anos.  Alguns dos compositores de música clássica mais importantes são alemães: Georg Philipp Telemann, Johann Sebastian Bach, Ludwig van Beethoven, Johannes Brahms, Felix Mendelssohn, Robert Schumann, Richard Wagner, Richard Strauss e Carl Orff.  Destaque também na pintura: Albrecht Dürer no Renascimento e Max Ernst no Surrealismo. E na arquitetura com o movimento Bauhaus fundado por Walter Gropius e com Mies van der Rohe que criou a fachada de vidro para os arranha- céus. 40
  41. 41. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ALEMANHA E OS ALEMÃESCultura  A influência da filosofia alemã é significativa tendo contribuído decisivamente para a filosofia ocidental desde a Idade Média: □ contribuições de Leibniz para o racionalismo; □ idealismo alemão clássico por Kant, Hegel, Schelling e Fichte; □ formulação da teoria comunista por Karl Marx e Friedrich Engels; □ composição de pessimismo metafísico de Schopenhauer; □ o perspetivismo de Nietzsche; □ a fenomenologia de Husserl; □ os trabalhos sobre o ser de Heidegger; □ as teorias sociais de Habermas.  A literatura alemã é conhecida através de autores como Goethe, Schiller, Erich Maria Remarque, Thomas Mann, Berthold Brecht, Hermann Hesse, Heinrich Böll e Günter Grass. As coleções de contos publicadas pelos Irmãos Grimm popularizaram o folclore alemão. 41
  42. 42. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ALEMANHA E OS ALEMÃESCulinária  A carne de porco (mais popular), de bovino e de aves são as principais variedades de carne consumidas pelos alemães. A carne é muitas vezes comida em forma de salsicha – mais de 1.500 tipos de salsicha são produzidos na Alemanha.  Na Alemanha, o pão é sem duvida o alimento básico. Encontramos em toda a Alemanha cerca de 400 qualidades e 1.200 variedades de pães.  Um legume muito apreciado pelos alemães é a couve o que originou a alcunha habitual dos alemães – Kraut (couves). A couve branca ou repolho, tem também um papel importante na cozinha alemã (Chucrute ou, em alemão, Sauerkraut).  A bebida alcoólica nacional é a cerveja. O consumo de cerveja na Alemanha encontra-se entre os mais altos do mundo correspondendo a 116 litros por ano. As variedades de cerveja incluem Alt, Bock, Dunkel, Kölsch, Lager, Malzbier, Pils e Weizenbier. 42
  43. 43. 43
  44. 44. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ALEMANHA E OS ALEMÃES Com Hitler assiste-se à derradeira tentativa de constituição de um império na Europa.  Em 1942, altura em que o «Grande Reich» alemão atinge o maior poder, a expansão territorial abrange um conjunto de territórios que vão da Alsácia-Lorena à Posnânia, do Schleswig aos Sudetas e à Áustria.  A este espaço acrescentam-se os protetorados: a Boémia-Morávia, o governo geral da Polónia e dos territórios de Leste, antigos territórios soviéticos. Há ainda os territórios ocupados (Noruega, Dinamarca, Holanda, Bélgica, França do Norte e do Oeste, Jugoslávia e Grécia) e os Estados satélites (Croácia, Eslováquia, Hungria e Roménia). A invenção da Europa como continente (I) de João Ferrão, JANUS 2005 44
  45. 45. 45 Europa – Alemanha Nazi e territórios ocupados, 1942, http://thelandofmaps.tumblr.com/image/109706644690
  46. 46. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  47. 47. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ÁUSTRIA E OS AUSTRÍACOS Capital: Viena □ Cidade mais populosa: Viena  Língua oficial: Alemão  Governo: □ República federal parlamentar  Área: 83.879 km²  População: 8.507.786 habitantes  Densidade: 100 hab/km²  Densidade: 229 hab/km²  PIB (dados Eurostat – 2014): 329,296 mil milhões € □ Moeda: Euro 47
  48. 48. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ÁUSTRIA E OS AUSTRÍACOS Os austríacos pertencem a um grupo nacional étnico criado a partir da República da Áustria e dos Estados antecessores (Arquiducado da Áustria, Império Austríaco, Império Austro-húngaro) e que compartilham uma cultura e ascendência austríacas.  As origens da Áustria remontam ao Império Romano, quando o Reino Nórico, de origem celta, foi conquistado pelos romanos por volta de 15 a.C. e, mais tarde, tornou-se na província romana Nórica cuja área abrangia a maior parte da Áustria atual.  Em 788, o rei franco Carlos Magno conquistou a área e introduziu o cristianismo. Sob a dinastia dos Habsburgo, a Áustria tornou-se uma das grandes potências da Europa. Em 1867, a Áustria integra o Império Austro-húngaro. 48
  49. 49. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 ÁUSTRIA E OS AUSTRÍACOS Gastronomia: □ A culinária austríaca foi influenciada pela Hungria, República Checa, Itália e Alemanha . É conhecida internacionalmente pelos doces e massas folhadas. Alguns dos pratos mais famosos são: schnitzel vienense (escalope de vitela panado); spätzle (massas); apfelstrudel (folhado de massa leve e fofa recheado com maçã); sachertorte (delicioso bolo de chocolate).  Cultura: □ Muitos dos mais famosos compositores eruditos do mundo nasceram na Áustria, entre os quais Mozart, Haydn, Schubert, Bruckner, Mahler, a família Strauss, Schönberg, Webern e Berg. Outros compositores foram atraídos para a Áustria devido aos Habsburgo: Beethoven, von Weber e Brahms. □ A Áustria foi também o lugar de nascimento de Wittgenstein e Popper, dois dos mais renomados filósofos do séc. XX, assim como dos biólogos Mendel e Lorenz e do engenheiro Porsche. A Áustria foi também onde nasceu o médico e neurologista Freud, os escritores Schnitzler, Zweig, Kafka, Musill, Rilke e Handke e o pintor Klimt. □ O folclore regional tirolês é caracterizado pelo uso, pelos homens de coletes de cores vivas, geralmente vermelho, um cinto austríaco, um chapéu com uma pena e meias brancas de linho, associada ao famoso iodelei tirolês (forma de canto que utiliza sílabas fonéticas, criando um som que muda rápida e repetidamente. É uma onomatopeia, palavra cuja sonoridade imita a voz, ruídos de objetos ou animais).  Desporto nacional: □ Futebol | Ski alpino | Automobilismo (Lauda)  Religião: □ Cristianismo 49
  50. 50. http://www.nationsonline.org/maps/switzerland-admin-map.jpg
  51. 51. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 SUÍÇA E OS SUÍÇOS  Capital: Berna □ Cidade mais populosa: Zurique  Língua oficial: Alemão, Francês, Italiano e Romanche  Governo: República parlamentar  Área: 41.285 km²  População: 7.866.500 habitantes  Densidade: 186 hab/km²  PIB (estimativa 2014 CIA World Factbook – 2014): 661,4 mil milhões € □ Moeda: Franco Suíço 51
  52. 52. https://pt.wikipedia.org/wiki/Su%C3%AD%C3%A7a#/media/File:Sprachen_CH_2000_EN.svg
  53. 53. http://www.swissinfo.ch/por/l%C3%ADnguas-e-trabalho_idiomas-falados-na-su%C3%AD%C3%A7a/35939412
  54. 54. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 SUÍÇA E OS SUÍÇOS  A mentalidade dos suíços é sobretudo pró-europeia. Mesmo não integrando a EU, os suíços (francófonos) têm ideias europeias: liberdade, tolerância e pluralismo. Também se diz que os suíços são conservadores e que a sua visão da Europa é diferente. Porém, muito dos valores europeus são uma herança suíça, um dos primeiros países a adotar uma democracia moderna.  No dia-a-dia, os suíços preferem coisas pequenas e não são esbanjadores. Mas são sobretudo marcados pela pontualidade, precisão e perfecionismo. É assim que funciona a máquina económica, política e social. Tudo é regulado e perfeito pois cada suíço sabe que o dinheiro pago em impostos é investido em infraestruturas como caminhos-de-ferros, estradas, hospitais, escolas, etc.  A responsabilidade e o civismo são notados a todos os níveis: desde a segurança rodoviária até às escolas, passando pela maneira de ser, de comunicar, entre outros.  Este civismo acaba também por se sentir nos referendos, modelo de democracia direta que faz da Suíça um dos países mais democratas do Mundo. 54
  55. 55. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 SUÍÇA E OS SUÍÇOS  Gastronomia: □ A gastronomia típica helvética é influenciada pelas cozinhas próximas como a francesa, alemã e italiana. Os suíços, tal como os franceses, produzem queijo para o raclette que é derretido e servido com batatas cozidas e pickles. Nos cantões alemãs, encontra-se o rösti feito de batatas cozidas e raladas em forma de panqueca, misturada com manteiga, bacon, cebolas, entre outros ingredientes. □ A fondue é preparada de várias formas, sendo que a moitié-moitié (partes iguais de queijo Gruyère e Vacherin) é a mais popular.  Cultura: □ Carl Gustav Jung - médico, psiquiatra e psicólogo e Paul Klee – pintor são dos suíços mais famosos, a par de Roger Federer, tenista de exceção. □ Existe nos Alpes suíços têm usado um instrumento de comunicação especial: a trompa alpina. O som que produz pode ser ouvido até 10 Km, ecoando pelos vales dos Alpes.  Desporto nacional: □ Futebol | Ténis  Religião: □ Cristianismo 55
  56. 56. http://www.bestswissbrands.com/de/#start
  57. 57. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  58. 58. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 HOLANDA E OS HOLANDESES  Capital: Haia □ Cidade mais populosa: Amsterdão  Língua oficial: Holandês  Governo: □ Monarquia constitucional  Área: 41.528 km²  População: 16.570.613 habitantes  Densidade: 395 hab/km²  PIB (dados Eurostat – 2014): 662,770 mil Milhões € □ Moeda: Euro 58
  59. 59. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 HOLANDA E OS HOLANDESES Os neerlandeses formam o grupo étnico predominante nos Países Baixos. São geralmente vistos como um povo germânico.  Os neerlandeses são os seres humanos mais altos, uma realidade que se pode explicar por condições ambientais favoráveis, mas também pela seleção natural. As mulheres medem em média 1,71 metros e os homens 1,84. Mas nem sempre foi assim. Nos últimos 150 anos, os holandeses cresceram 20 centímetros. Como termo de comparação, no mesmo período, os norte-americanos aumentaram seis centímetros.  Há duas línguas oficiais, ambas germânicas, o neerlandês, usada pela maioria da população, e o frísio; esta utilizada apenas na província setentrional da Frísia.  É um dos países com melhor qualidade de vida do mundo, fator pelo qual possuí um dos melhores IDH da Europa e do mundo, sustentado numa forte política de assistência social e direitos considerados essenciais, como educação, saúde e segurança. 59
  60. 60. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 HOLANDA E OS HOLANDESES A Holanda (ou Países Baixos) são um país densamente povoado conhecido pelos: □ moinhos de vento, □ tulipas, □ tamancos de madeira, □ cerâmica de Delft, □ Queijos Edam e Gouda, □ pintores, □ bicicletas e;  pelos valores tradicionais e virtudes civis, tais como a sua tolerância social com uma posição liberal em relação à homossexualidade, drogas, prostituição, eutanásia e aborto. 60 A porcelana de Delft ("Delft Blue") é produzida na cidade holandesa com o mesmo nome desde o século XVII. Entre 1600 e 1800, essa porcelana era muito popular entre as famílias ricas que adquiriam e exibiam as suas coleções. Apesar do nome "porcelana", utilizado pelos seus criadores, a porcelana de Delft não era feita do barro utilizado na verdadeira porcelana, mas sim de barro revestido com um esmalte de latão após ser cozido. Apesar disso, a porcelana de Delft obteve uma enorme popularidade. Chegaram a existir 33 fábricas em Delft no seu período áureo.
  61. 61. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 HOLANDA E OS HOLANDESES Gastronomia: □ O ingrediente mais habitual da cozinha holandesa é a batata, acompanhando normalmente pratos com carne ou vegetais. O peixe é também muito consumido, dos quais se destaca a enguia que se serve fumada e o arenque conservado em salmoura e que se come cru. □ O queijo é também importante, casos do suave e cremoso Gouda e do Edam, denominado às vezes como queijo de bola, por ter um cobertura de cera vermelha e uma forma esférica. □ As cervejas holandesas mais conhecidas são de produção nacional e bem conhecidas no mundo: Heineken e Amstel, ambas de sabor suave. Existe também na Holanda a tradição de produção local de cerveja, típica nos países do norte da Europa.  Cultura: □ Pintura – durante o séc. XVII, época que ficou conhecida como a era dos mestres neerlandeses: Rembrandt van Rijn, Johannes Vermeer, Jan Steen e Jacob van Ruysdael. Nos séc. XIX e XX , destacam-se Vincent van Gogh e Piet Mondriaan. M.C. Escher é um artista gráfico de referência. □ Na filosofia, o país deu ao Renascimento Erasmo de Roterdão; mais tarde, a tolerância religiosa permitiu que os talentos de Baruch de Espinoza e René Descartes se desenvolvessem.  Desporto nacional: □ Futebol  Religião: □ Protestante 61
  62. 62. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  63. 63. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 LUXEMBURGO E OS LUXEMBURGUESES  Capital: Cidade do Luxemburgo □ Cidade mais populosa: Cidade do Luxemburgo  Língua oficial: Luxemburguês, Alemão e Françês  Governo: Monarquia constitucional  Área: 2.586 km²  População: 549.680 habitantes  Densidade: 212 hab/km²  PIB (dados Eurostat – 2014): 49,428 mil Milhões EUR □ Moeda: Euro 64
  64. 64. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 LUXEMBURGO E OS LUXEMBURGUESES  O Luxemburgo está no ponto de encontro entre a Europa Latina e a Europa Germânica, coexistindo costumes e tradições de cada uma destas influências. Os habitantes de Luxemburgo são denominados luxemburgueses. A população autóctone é de origem germânica, com alguns elementos celtas.  Desde 1984, o luxemburguês divide com o alemão e o francês a condição de língua oficial do Luxemburgo. É falada por cerca de 300.000 pessoas neste país. O luxemburguês pertence ao grupo de idiomas do alto alemão, como o alemão atual. Mas é mais do que um dialeto do alemão, pois adotou várias palavras do francês.  Para a maioria dos luxemburgueses, é a língua da criatividade. A literatura floresce modestamente. É usada em todos os locais: em casa, escolas, tribunais, parlamento. É uma marca da identidade e do orgulho étnico dos luxemburgueses.  Houve aumento da população imigrante no século XX, devido à chegada de imigrantes a partir da Bélgica, França, Alemanha, Itália e Portugal, com a maioria proveniente deste último país.  O Luxemburgo caracteriza-se por ter o maior PNB (Produto Nacional Bruto) per capita do mundo com 61 220 dólares, além de baixas taxas de inflação e de desemprego. 65
  65. 65. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 LUXEMBURGO E OS LUXEMBURGUESES  Gastronomia: □ Na gastronomia luxemburguesa há a destacar a morcela, as salsichas de origem luxemburguesa, a carne de porco fumada com feijões, a truta, o caranguejo, os queijos, a pastelaria e os chocolates. □ Em relação às bebidas, a cerveja luxemburguesa e os vinhos nacionais são outro atrativo, em especial o Moselle ou os vinhos de Château de Beaufort.​ □ Num país com tanta floresta, não é de estranhar pratos típicos como o guisado de lebre ou o presunto das Ardenas (jambon d’Ardennes). Outras especialidades típicas são pratos à base de peixes de água doce frescos como a truta e o lúcio.  Cultura: □ O país tem dado ao mundo alguns artistas de renome internacional, incluindo os pintores Joseph Kutter e Michel Majerus, bem como o fotógrafo Edward Steichen. A exposição The Family of Man (Steichen) tornou-se residente em Clervaux e integra o Programa Memória do Mundo da UNESCO.  Desporto nacional: □ Futebol | Ciclismo  Religião: □ Catolicismo 66
  66. 66. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  67. 67. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 REINO UNIDO E OS BRITÂNICOS  Capital: Londres □ Cidade mais populosa: Londres  Língua oficial: Inglês  Governo: Sistema parlamentarista e Monarquia constitucional  Área: 244 820 km²  População: 64 308 261 hab.  Densidade: 263 hab/km²  PIB (dados Eurostat – 2014): 2,223 mil Milhões € □ Moeda: Libra Esterlina 68
  68. 68. 69 Grã-Bretanha, Inglaterra ou Reino Unido? https://www.epochtimes.com.br/gra-bretanha-inglaterra-ou-reino-unido/#.VlzW8vnhDVe
  69. 69. 70 Territórios britânicos ultramarinos https://pt.wikipedia.org/wiki/Territ%C3%B3rios_brit%C3%A2nicos_ultramarinos
  70. 70. 71 IMPÉRIO BRITÂNICO Foi o maior império da história e, por mais de um século, foi a principal potência mundial. Em 1922, o Império Britânico atingia cerca de 458 milhões de pessoas, um quarto da população do mundo na época e abrangia mais de 31,7 milhões de Km2, quase um quarto da área total da Terra. Razão para que se dissesse que "o sol nunca se põe no Império Britânico“. https://pt.wikipedia.org/wiki/Imp%C3%A9rio_Brit%C3%A2nico
  71. 71. 72 Commonwealth of Nations A Commonwealth of Nations (Comunidade das Nações), normalmente referida como Commonwealth, é uma organização intergovernamental composta por 53 Estados membros independentes. Todas os Estados membros da organização, com exceção de Moçambique e do Ruanda, faziam parte do Império Britânico. https://pt.wikipedia.org/wiki/Imp%C3%A9rio_Brit%C3%A2nico
  72. 72. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 INGLATERRA E OS INGLESES O Reino Unido é um Estado unitário e uma monarquia constitucional que tem Isabel II como chefe de Estado. O monarca do Reino Unido também atua como chefe de Estado de outros quinze países da Commonwealth, colocando o Reino Unido numa união pessoal com esses países.  Os ingleses são uma nação e grupo étnico da Europa setentrional, geralmente associados à Inglaterra e à língua inglesa. A maioria dos ingleses vive na Inglaterra, a maior nação do Reino Unido.  No século V, a atual Inglaterra foi invadida pelos anglo-saxões, originários do norte da Alemanha e Dinamarca. Isso representou o fim do Império Romano na região.  Os ingleses atuais são descendentes dos povos celtas que povoaram as Ilhas Britânicas à mais de 10 mil anos mas os invasores anglo-saxões impuseram sua língua e sua cultura. Os ingleses atuais resultam de uma mistura única dos seguintes povos: □ Anglos, povo germânico ocidental, muito significativo na formação étnica da população; □ Saxões, povo germânico ocidental, muito significativo na formação étnica da população; □ Jutos, povo germânico ocidental, muito significativo na formação étnica da população; □ Bretões, povo celta, muito significativo na formação étnica da população; □ Normandos, povo germânico setentrional, significante na formação étnica da população; □ Frísios, povo germânico ocidental, uma menor contribuição (menos do que 0,25%); □ Vikings, povo germânico setentrional, uma menor contribuição (menos do que 0,25%); □ Francos, povo germânico ocidental, uma menor contribuição (menos do que 0,25%); □ Romanos, povo latino, uma menor contribuição (menos do que 0,25%). 73
  73. 73. 74 MUNDO ANGLÓFONO Os países a azul escuro tem a maior parte da população que fala o inglês. As nações onde o inglês é uma língua oficial, mas não é falado pela maioria da população, estão a azul claro. O inglês é uma das línguas oficiais da UE e da ONU. A língua inglesa espalhou-se pelo mundo (principalmente devido ao Império Britânico) e tornou-se a língua dos negócios. Em todo o mundo, é utilizada como segunda língua mais do que qualquer outra. https://pt.wikipedia.org/wiki/Reino_Unido
  74. 74. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 INGLESES  O dramaturgo William Shakespeare é um dos escritores mais famosos do mundo. Os escritores mais conhecidos são as irmãs Brontë (Charlotte, Emily e Anne), Agatha Christie, Jane Austen, Mary Shelley, Arthur C. Clarke, George Orwell, Charles Dickens, H.G. Wells, Sir Arthur Conan Doyle, J. K. Rowling , e J. R. R. Tolkien. Nos poetas destacam- se Thomas Hardy, John Milton, Alfred Tennyson, Rudyard Kipling, Dylan Thomas, Lord Byron, John Keats, William Blake e William Wordsworth.  Na música clássica encontram-se os compositores Henry Purcell, Edward Elgar e Benjamin Britten. O Reino Unido produziu muitos grupos de Rock famosos: Beatles, Rolling Stones, Led Zeppelin, David Bowie, The Who, The Clash, Pink Floyd, Yes, Gentle Giant, Emerson, Lake & Palmer, Van der Graaf Generator, Soft Machine, Black Sabbath, Queen, Jethro Tull, Genesis, Cream, Deep Purple, Sex Pistols, Oasis, Radiohead, e mais recentemente, One Direction, Adele, Coldplay, Franz Ferdinand, Arctic Monkeys e Muse. 75 https://pt.wikipedia.org/wiki/Ingleses
  75. 75. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 INGLESES CIÊNCIA E TECNOLOGIA  Um dos maiores teóricos britânicos dos séc. XVII/XVIII é Isaac Newton, cujas leis de movimento e da gravitação universal são a pedra angular da ciência moderna. Charles Darwin, no séc. XIX, formulou a teoria da evolução por seleção natural, fundamental para a biologia moderna. Mais recentemente, Stephen Hawking tem desenvolvido teorias importantes nos campos da astrofísica e física quântica, nomeadamente, na pesquisa sobre buracos negros.  As principais descobertas científicas do séc. XVIII incluem o hidrogénio por Henry Cavendish, no séc. XX a penicilina, por Alexander Fleming e a estrutura do DNA por Francis Crick e outros.  Entre os principais projetos de engenharia no século: □ XVIII – a locomotiva a vapor por Richard Trevithick e Andrew Vivian.; □ XIX – o motor elétrico por Michael Faraday, a lâmpada incandescente por Joseph Swan e o telefone por Alexander Graham Bell; □ XX - a primeira televisão do mundo, criada por John Logie Baird, o motor a jato inventado por Frank Whittle, a base do computador moderno por Alan Turing e a WWW por Tim Berners-Lee.  Entre 2004 e 2008, o Reino Unido produziu 7% dos trabalhos de pesquisa científica do mundo e teve uma participação de 8% em citações científicas, terceira e segunda posições mais altas do mundo, respetivamente (depois de Estados Unidos e China). 76
  76. 76. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 INGLATERRA E OS INGLESES Gastronomia: □ Pratos típicos: fish and chips, originalmente uma comida de rua urbana, servida num jornal e comida com sal e vinagre de malte; bangers and mash, salsichas com puré de batata; porridge, papa de flocos de aveia cozidos em água, servida com leite frio ou natas e que pode ser acompanhada com doces de fruta.  Cultura: □ West End, em Londres, é a principal zona de teatros britânica. Andrew Lloyd Weber, um compositor de teatro musical do séc. XX, tem sido referido como "o compositor de maior sucesso comercial da história". Das suas obras, destacam-se O Fantasma da Ópera, Cats, Jesus Christ Superstar e Evita, que se têm mantido em cena anos e anos e que alcançaram a Broadway, além de adaptações cinematográficas.  Desporto nacional: □ Alguns dos principais desportos: futebol, ténis, râguebi, golfe, boxe, remo e críquete, foram inventados e/ou substancialmente desenvolvidos no Reino Unido.  Religião: □ Anglicana 77
  77. 77. UNIDANADIVERSIDADE.EuropeanUnion,2015.ISBN978-92-79-43765-6DOI10.2765/19989
  78. 78. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 BÉLGICA E OS BELGAS  Capital: Bruxelas □ Cidade mais populosa: Bruxelas  Língua oficial: Neerlandês, francês e alemão  Governo: Monarquia constitucional e Democracia Federal  Área: 30.528 km²  População: 11 203 992 habitantes  Densidade: 367 hab/km²  PIB (dados Eurostat – 2014): 402,027 mil Milhões € □ Moeda: Euro 79
  79. 79. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 BÉLGICA E OS BELGAS  A Gália Belga, uma província do Império Romano na parte norte da Gália era habitada pelos belgas, uma mistura de povos celtas e germânicos, antes de invasão romana em 100 AC.  A imigração gradual de francos, uma tribo germânica, durante o século V levou a área ao domínio dos reis merovíngios. Uma mudança gradual de poder durante o século VIII levou o reino dos francos a evoluir para o Império Carolíngio.  Ocupando a fronteira cultural entre a Europa germânica e a Europa latina, a Bélgica é o lar de dois principais grupos linguísticos: os flamengos, falantes do holandês, e os valões, que falam francês, além de um pequeno grupo de cidadãos que falam alemão.  A Região de Bruxelas, oficialmente bilingue, é um enclave de maioria francófona na Região flamenga e tem 10% da população.  A diversidade linguística da Bélgica e conflitos políticos e culturais são refletidos na história política e no complexo sistema de governo do país. 80
  80. 80. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 BÉLGICA E OS BELGAS 81
  81. 81. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 BÉLGICA E OS BELGAS Gastronomia:  A Bélgica é famosa pela cerveja, chocolate, waffles e batatas fritas com maionese ou mostarda. O prato nacional é Moules Frites (mexilhões com batatas fritas).  Um alimento típico belga é o gaufre (em holandês, wafel e, em francês, gaufre), que é uma massa de farinha, leite e ovos tostada numa chapa quadriculada de ferro. Os gaufres belgas mais típicos têm cobertura apenas de açúcar de confeiteiro.  Marcas de chocolate belgas, como Neuhaus, Leonidas e Godiva são famosas, bem como alguns produtores independentes, como Burie e Del Rey em Antuérpia e Mary's em Bruxelas.  A Bélgica produz mais de 1100 variedades de cerveja. A cerveja trappiste Westvleteren Brewery é classificada de forma recorrente como a melhor cerveja do mundo. A maior cervejaria do mundo em volume de produção é a Anheuser-Busch InBev em Lovaina. 82
  82. 82. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 BÉLGICA E OS BELGAS Cultura:  O escritor belga mais famoso é Georges Simenon, criador de Jules Maigret. Natural de Liège, é o 4.º autor de língua francesa mais traduzido no mundo.  Georges Prosper Remi, nasceu em Bruxelas, mais conhecido como Hergé, criou Tintim. Outro desenhista de histórias aos quadradrinhos franco-belga foi Peyo (1928-1992), o criador dos Schtroumpfs (em Portugal, "Estrumpfes“).  O país, especialmente Flandres, tem uma grande tradição na pintura: □ Peter Paul Rubens (1577-1640), um dos mais importantes pintores da história da arte, não nasceu na Bélgica (nasceu em Siegen, na Alemanha) mas, por ter passado a maior parte de sua vida em Antuérpia, costuma ser incluído entre os pintores belgas; □ Antoon van Dyck (1599-1641) nasceu em Antuérpia, onde foi discípulo de Rubens; □ Jan van Eyck (1390-1441) é o mais célebre dos primitivos pintores flamengos; □ Pieter Bruegel o velho (1525/1530-1569), assim como Rubens, não nasceu na Bélgica (nasceu provavelmente em Breda, Holanda), mas é considerado um pintor flamengo por ter passado a maior parte de sua vida em Bruxelas; □ Mais recentemente, destaca-se o valão René Magritte (1898-1967), um dos mais importantes pintores surrealistas. 83 https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/5/56/Un-belarus.png
  83. 83. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 A EUROPA E OS EUROPEUS Ideia de Europa □ Revisitar conceitos fundamentais  Mosaico cultural da Europa □ Identidade europeia, grupos e minorias étnicos(as), cultura e território □ Composição do mosaico europeu  Os Latinos | Os Gregos | Os Turcos | Os Eslavos | Os Húngaros | Os Bálticos | Os Germânicos | Os Celtas | As minorias nacionais, transnacionais e autóctones □ Diásporas  Os Europeus no Mundo (colonialismo) | Outros povos na Europa (imigração)  A União Europeia – a construção de uma nova Europa □ Objetivos e valores da construção europeia □ Os pais fundadores e os marcos históricos  Estados-Membros (alargamento) □ Instituições europeias □ Políticas comuns □ Relações externas 84
  84. 84. FCSH-UNL/DALIAN 2015/2016 85 A EUROPA E OS EUROPEUSBIBLIOGRAFIA BRAUDEL, Fernand (dir.) – A Europa. Lisboa : Terramar, 1996. BRITO, Raquel Soeiro de, et al. – Países, povos e continentes : Lexicoteca : 1º v.: Europa, Próximo Oriente, Norte de África. [Lisboa] : Círculo de Leitores, 1989. FERRÃO, João – Dinâmicas culturais na Europa. [Em linha]. URL: http://www.janusonline.pt/2005/2005.html in: Janus 2005: anuário de relações exteriores José Manuel Fernandes, dir. (2004) p. 76-119. - Lisboa : UA, 2004. HILL, Richard – Nós, Europeus, Lisboa: Edições ASA, 2001. RODRIGUES, Pedro Caldeira; PÚBLICO – Atlas da Europa : a geografia do continente através dos tempos. [Lisboa] : Público, 2001. WOLFF, Stefan – Ethnic Minorities in Europe: The Basic Facts. [s.l.]: European Centre for Minority Issues, 2008. [Em linha] http://www.stefanwolff.com/publications/ethnic-minorities-in- europe SÍTIOS INTERNET Centro de Informação Europeia Jacques Delors – Eurocid. [Em linha]. URL: www.eurocid.pt Eurominority – Eurominority. [Em linha]. URL: www.eurominority.eu União Europeia – Europa [Em linha]. URL: http://europa.eu/ Wikipedia – Grupo étnico [Em linha]. URL: https://pt.wikipedia.org/wiki/Grupo_%C3%A9tnico Wikipedia – Grupos étnicos da Europa [Em linha]. URL: https://pt.wikipedia.org/wiki/Grupos_%C3%A9tnicos_da_Europa BLOGUE DE ACOMPANHAMENTO MEDEIROS, Carlos Ribeiro – Geografia da Europa. [Em linha]. URL: http://geografiadaeuropa.blogspot.pt/

×