Curso de Estudos Europeus       Jean Monnet    Fontes de informação      europeia em linha
IntroduçãoFonte de informação:   «Documento original, crónica,    testemunho, etc. a partir do qual são    tratados os el...
IntroduçãoAs fontes de informação podem ser:    primárias «livros, publicações em serie, relatórios científicos     e téc...
IntroduçãoDocumento:   «qualquer conteúdo, seja qual for o seu    suporte (documento escrito em suporte    papel ou elect...
IntroduçãoMateriais Didáticos:   «Todo e qualquer meio ou instrumento utilizado    no ensino e na formação».Material Didá...
Fontes de informação europeia em linha  Portal EUROPA  Instituições Europeias  Agências europeias  Órgãos interinstitucion...
O Portal EuropaEuropa, o portal da União Europeia• http://europa.euAcesso à informação europeia em linha• Instituições e ó...
O Portal EuropaEstrutura de informação organizada em 7 áreas:•   Como funciona a União Europeia        Para além de lhe e...
O Portal EuropaEstrutura de informação organizada em 7 áreas:•   Participe!        Diga de sua justiça! Entre num debate ...
Instituições e órgãos da UE• Conselho Europeu [http://www.european-  council.europa.eu] – define as orientações políticas ...
Instituições e órgãos da UE•   Tribunal de Justiça [http://curia.europa.eu] – assegura o cumprimento    da legislação euro...
Agências europeias•   Agências e órgãos de regulamentação – agências especializadas    e descentralizadas criadas para apo...
Agências europeias• Agências de execução – Agências criadas nos  termos do Regulamento (CE) nº 58/2003 para efeitos  da at...
Órgãos interinstitucionais• Equipa de resposta a emergências informáticas  (CERT) – Compete ao CERT ajudar a gerir as  ame...
Órgãos interinstitucionais• Serviço das Publicações da União Europeia (Serviço das  Publicações) [http://publications.euro...
Bases de Dados Europeias• Bases de dados – por tema (Portal Europa)  http://europa.eu/documentation/order-  publications/d...
Outros sítios relevantes• Eurostat – Serviço de estatística da UE  http://epp.eurostat.ec.europa.eu/• Eurobarómetro (Opini...
Outros formatos• Siga a UE nas redes sociais  http://europa.eu/take-part/social-  media/index_pt.htm• Blogues  http://euro...
Material didático•   A UE em diapositivos    [http://europa.eu/abc/euslides/index_pt.htm]    Estas páginas contêm uma séri...
Universo Internet CIEJD• Portal Eurocid – Informação europeia em língua  portuguesa  http://www.eurocid.pt• Biblioteca dig...
Obrigado pelavossa atenção.            © Carlos Medeiros, 2012
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fontes de informação europeia e recursos pedagógicos em linha

445 visualizações

Publicada em

Conjunto de dispositivos utilizados para a comunicação intitulada «Fontes de informação europeia e recursos pedagógicos em linha» proferida na 1ª edição do Curso de Estudos Europeus Jean Monnet, organizado pela Escola Superior de Gestão e Tecnologia – Instituto Politécnico de Santarém, com o apoio do Programa de Aprendizagem ao Longo da Vida e do Centro de Informação Europe Direct de Santarém em 2012.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Fontes de informação europeia e recursos pedagógicos em linha

  1. 1. Curso de Estudos Europeus Jean Monnet Fontes de informação europeia em linha
  2. 2. IntroduçãoFonte de informação:  «Documento original, crónica, testemunho, etc. a partir do qual são tratados os elementos para determinados estudos e investigações. (…) As fontes de informação podem ser constituídas por material dactilografado, impresso ou audiovisual, bases de dados informatizadas, registos bibliográficos de bibliotecas, etc., instituições e pessoas.» FARIA, Maria Isabel; PERICÃO, Maria da Graça, co-aut. – Dicionário do livro. Coimbra: Almedina, 2008. ISBN 978-972-40-3499-7. p. 564. © Carlos Medeiros, 2012
  3. 3. IntroduçãoAs fontes de informação podem ser:  primárias «livros, publicações em serie, relatórios científicos e técnicos, actas de congressos, programas de investigação, teses, etc., cujo conteúdo é a primeira consequência da actividade do intelecto»;  secundárias «que contém dados e informação sobre fontes primárias (revistas de títulos e de resumos, bibliografias, catálogos de bibliotecas, guias bibliográficos, repertórios, anuários, directórios, etc.)» e;  terciárias como obras especializadas que cobrem «um conjunto de conhecimentos ou explicações concisas relacionadas com temas, autores, trabalhos, associações, recursos, etc. (…) As obras de referência tais como as enciclopédias, os dicionários e os repertórios são consideradas fontes terciárias.» FARIA, Maria Isabel; PERICÃO, Maria da Graça, co-aut. – Dicionário do livro. Coimbra: Almedina, 2008. ISBN 978-972-40-3499-7. p. 564. © Carlos Medeiros, 2012
  4. 4. IntroduçãoDocumento:  «qualquer conteúdo, seja qual for o seu suporte (documento escrito em suporte papel ou electrónico, registo sonoro, visual ou audiovisual) sobre assuntos relativos às políticas, acções e decisões da competência da instituição em causa». Regulamento (CE) 1049/2001 do Parlamento Europeu e do Conselho, de 30 de Maio de 2001, relativo ao acesso do público aos documentos do Parlamento Europeu, do Conselho e da Comissão. «J.O.C.E. L». 145 (31-05-2001). 0257-7771. p. 43 – 48. © Carlos Medeiros, 2012
  5. 5. IntroduçãoMateriais Didáticos:  «Todo e qualquer meio ou instrumento utilizado no ensino e na formação».Material Didático Multimédia:  «Meios ou instrumentos utilizados em ensino e em formação de forma organizada e complementar, combinando dois ou mais suportes (escrito, áudio, vídeo ou informático), de modo a diversificar os modos de expressão e os discursos utilizados em acções de ensino e de formação, em regime presencial ou a distância». Terminologia de Formação Profissional, Alguns Conceitos Base III - CIME – 2001. © Carlos Medeiros, 2012
  6. 6. Fontes de informação europeia em linha Portal EUROPA Instituições Europeias Agências europeias Órgãos interinstitucionais Bases de dados europeias Outros sítios relevantes Outros formatos Material didático Universo Internet CIEJD © Carlos Medeiros, 2012
  7. 7. O Portal EuropaEuropa, o portal da União Europeia• http://europa.euAcesso à informação europeia em linha• Instituições e órgãos• Integração europeia• Política de transparênciaDisponível nas 23 línguas oficiais da UEUtilizadores:• Estudantes• Administrações públicas• Gabinetes de estudos © Carlos Medeiros, 2012
  8. 8. O Portal EuropaEstrutura de informação organizada em 7 áreas:• Como funciona a União Europeia  Para além de lhe explicarem o objetivo da UE e o papel das várias instituições, estas páginas dão informações sobre as finanças da UE, as suas bases jurídicas, as suas políticas e atividades [http://europa.eu/about-eu/index_pt.htm];• Políticas e atividades da União Europeia  Os países da UE delegaram-lhe algumas das suas competências legislativas em determinadas áreas políticas, como a agricultura e as pescas. Noutras áreas, como a cultura, a decisão política é partilhada pela UE e os governos nacionais. Descubra mais informações sobre as atividades da UE, bem como sobre as possibilidades de financiamento e subvenções [http://europa.eu/policies-activities/index_pt.htm];• Viver na União Europeia  Informações e conselhos jurídicos para quem vive, trabalha ou estuda no estrangeiro, incluindo acesso aos cuidados de saúde e direitos dos consumidores [http://europa.eu/eu-life/index_pt.htm]; © Carlos Medeiros, 2012
  9. 9. O Portal EuropaEstrutura de informação organizada em 7 áreas:• Participe!  Diga de sua justiça! Entre num debate em linha, responda a uma consulta pública ou veja e comente os nossos blogues e vídeos [http://europa.eu/take-part/index_pt.htm];• Publicações e documentos  Ligações que dão acesso a documentos da UE, desde atos jurídicos a registos históricos, aos mais recentes inquéritos e sondagens de opinião às bibliotecas e centros documentação que os albergam. Explicações sobre a terminologia da UE, glossários e conselhos sobre como escrever sobre a UE. Possibilidade de encomendar publicações na EU Bookshop [http://europa.eu/documentation/index_pt.htm ];• Espaço dos média  Mantenha-se informado sobre a atualidade da UE. A UE disponibiliza uma grande variedade de material e serviços gratuitos como fotografias, vídeos, ficheiros áudio e alertas RSS [http://europa.eu/media-centre/index_pt.htm];• Ligações rápidas para…  Seleção de ligações para empresas, ONG, escolas, universidades, candidatos a emprego e crianças [http://europa.eu/quick- links/index_pt.htm]. © Carlos Medeiros, 2012
  10. 10. Instituições e órgãos da UE• Conselho Europeu [http://www.european- council.europa.eu] – define as orientações políticas gerais da UE, mas não tem poder para adotar legislação. Dirigido pelo seu Presidente, atualmente Herman Van Rompuy [http://www.european-council.europa.eu/the- president.aspx], e composto pelos Chefes de Estado ou de Governo e pelo Presidente da Comissão, reúne-se durante um ou dois dias, pelo menos, de seis em seis meses;• Parlamento Europeu [http://www.europarl.europa.eu] – diretamente eleito, representa os cidadãos da UE;• Conselho da União Europeia [http://www.consilium.europa.eu] – representa os governos nacionais e cuja presidência é assumida rotativamente pelos Estados-Membros [http://eu2012.dk/];• Comissão Europeia [http://ec.europa.eu] – vela pela defesa dos interesses da UE no seu todo. © Carlos Medeiros, 2012
  11. 11. Instituições e órgãos da UE• Tribunal de Justiça [http://curia.europa.eu] – assegura o cumprimento da legislação europeia;• Tribunal de Contas [http://eca.europa.eu] – fiscaliza o financiamento das atividades da UE;• Comité Económico e Social Europeu [http://www.eesc.europa.eu] – representa a sociedade civil, os empregadores e os trabalhadores;• Comité das Regiões [http://www.cor.europa.eu/] – representa as entidades regionais e locais;• Banco Europeu de Investimento [http://www.eib.europa.eu] – financia projetos de investimento da UE e ajuda PME através do Fundo Europeu de Investimento [http://www.eif.org/];• Banco Central Europeu [http://www.ecb.int] – responsável pela política monetária europeia;• Serviço Europeu para a Ação Externa [http://eeas.europa.eu/] – dá apoio ao Alto Representante da União Europeia para a Política Externa e de Segurança Comum, atualmente Catherine Ashton [http://eeas.europa.eu/ashton/index_en.htm], que preside o Conselho dos Negócios Estrangeiros e dirige a política externa e de segurança comum, garantindo a sua coerência e coordenação com a ação externa da UE. © Carlos Medeiros, 2012
  12. 12. Agências europeias• Agências e órgãos de regulamentação – agências especializadas e descentralizadas criadas para apoiar os EM e os cidadãos. São a resposta à necessidade de fazer face a novas tarefas de carácter jurídico, técnico e/ou científico:  Agências estratégicas [http://europa.eu/agencies/regulatory_agencies_bodies/policy_agencies/i ndex_pt.htm]  Agências de Política Externa e de Segurança Comum [http://europa.eu/agencies/regulatory_agencies_bodies/security_agencies /index_pt.htm]  Agências de cooperação policial e judiciária em matéria penal [http://europa.eu/agencies/regulatory_agencies_bodies/pol_agencies/inde x_pt.htm]• Agências e organismos da EURATOM – Órgãos criados para apoiar os objetivos do Tratado EURATOM que procura coordenar os programas de investigação dos EM com vista à utilização pacífica da energia nuclear, contribuir para a partilha do conhecimento, das infraestruturas e do financiamento da energia nuclear e para garantir o aprovisionamento energético em condições de segurança. [http://europa.eu/agencies/euratom_agencies/index_pt.htm] © Carlos Medeiros, 2012
  13. 13. Agências europeias• Agências de execução – Agências criadas nos termos do Regulamento (CE) nº 58/2003 para efeitos da atribuição de determinadas tarefas relacionadas com a gestão de um ou mais programas comunitários. Estas agências, criadas por um determinado período de tempo, devem estar localizadas na sede da Comissão Europeia (Bruxelas ou Luxemburgo). [http://europa.eu/agencies/executive_agencies/inde x_pt.htm]• Órgãos de supervisão do sector financeiro – Em janeiro de 2011 foram criados três órgãos europeus de supervisão do sector financeiro a fim de prevenir o aparecimento de riscos que ameacem a estabilidade do sistema financeiro. [http://europa.eu/agencies/financial_supervisory_bo dies/index_pt.htm] © Carlos Medeiros, 2012
  14. 14. Órgãos interinstitucionais• Equipa de resposta a emergências informáticas (CERT) – Compete ao CERT ajudar a gerir as ameaças aos sistemas informáticos das instituições da UE, apoiando as equipas de segurança informática de cada instituição da UE e assegurando a ligação com os seus homólogos do sector público nos países da UE. [http://cert.europa.eu/]• Escola Europeia de Administração (EEA) – A EEA foi criada a 10 fevereiro 2005 para oferecer formação profissional em determinadas áreas específicas aos funcionários comunitários. Os cursos estão abertos aos funcionários de todas as instituições da UE, contribuindo assim para a divulgação de valores comuns, a promoção de uma melhor compreensão entre funcionários das instituições e a realização de economias de escala. [http://europa.eu/eas/index_en.htm] © Carlos Medeiros, 2012
  15. 15. Órgãos interinstitucionais• Serviço das Publicações da União Europeia (Serviço das Publicações) [http://publications.europa.eu/index_pt.htm] – Este serviço é a editora das instituições da UE, sendo responsável pela publicação e distribuição, em papel ou em suporte digital, de todas as publicações oficiais da UE:  legislação [http://eur-lex.europa.eu/];  publicações [http://bookshop.europa.eu/pt/home/];  contratos públicos [http://ted.europa.eu/];  actividades de investigação e desenvolvimento [http://cordis.europa.eu/].• Serviço Europeu de Selecção do Pessoal das Comunidades Europeias (EPSO) – O EPSO iniciou as suas actividades em janeiro de 2003. Tem por missão preparar os concursos e exames destinados a seleccionar e a contratar pessoal para todas as instituições da UE, o que é mais eficaz do que a organização de concursos de recrutamento por cada instituição. [http://europa.eu/epso/index_pt.htm ] © Carlos Medeiros, 2012
  16. 16. Bases de Dados Europeias• Bases de dados – por tema (Portal Europa) http://europa.eu/documentation/order- publications/databases-subject/index_pt.htm  A base de dados EUR-Lex [http://eur- lex.europa.eu/pt/index.htm] oferece acesso gratuito ao direito da União Europeia e a outros documentos de caráter público.  A base de dados PRELEX [http://ec.europa.eu/prelex/apcnet.cfm?CL=pt#] acompanha todos os documentos oficiais (Propostas, Recomendações, Comunicações) transmitidos pela Comissão ao legislador (Conselho - Parlamento), bem como a outras instituições e órgãos.  O portal N-Lex [http://eur-lex.europa.eu/n- lex/index_pt.htm] fornece resultados de pesquisa directamente provenientes das bases de dados nacionais e uma descrição do conteúdo e das opções de pesquisa de cada base de dados nacional (campos de pesquisa e diferentes tipos de actos legislativos nacionais).  RAPID – Base de dados de comunicados de imprensa [http://europa.eu/rapid/searchAction.do]. © Carlos Medeiros, 2012
  17. 17. Outros sítios relevantes• Eurostat – Serviço de estatística da UE http://epp.eurostat.ec.europa.eu/• Eurobarómetro (Opinião pública) – Inquéritos e estudos sobre assuntos europeus (desde 1973) http://ec.europa.eu/public_opinion/index_en.htm• A sua voz na Europa – ponto de acesso único a consultas, fóruns de debates e outras ferramentas http://ec.europa.eu/yourvoice/index_pt.htm• Centre Virtuel de la Connaissance sur lEurope (CVCE) http://www.cvce.eu/ © Carlos Medeiros, 2012
  18. 18. Outros formatos• Siga a UE nas redes sociais http://europa.eu/take-part/social- media/index_pt.htm• Blogues http://europa.eu/take-part/blogs/index_pt.htm• EU Tube http://www.youtube.com/eutube• Listas de distribuição e alertas RSS, Podcasts e Vodcasts http://ec.europa.eu/avservices/rss/rssfeeds.cfm?s itelang=en © Carlos Medeiros, 2012
  19. 19. Material didático• A UE em diapositivos [http://europa.eu/abc/euslides/index_pt.htm] Estas páginas contêm uma série de diapositivos em que se explica o que é a União Europeia, o que faz e como funciona.• Espaço dos professores [http://europa.eu/teachers- corner/index_pt.htm] Materiais pedagógicos gratuitos para o ensino primário e secundário• Espaço dos mais novos [http://europa.eu/kids- corner/index_pt.htm] Jogos e passatempos sobre a UE• Europa GO! [http://europa.eu/europago/welcome.jsp] Seleção de jogos e passatempos para os mais pequenos• Ambiente – Para os professores (arquivado em 1/12/2011) [http://ec.europa.eu/clima/sites/campaign/schools/teachers_pt.htm] Guia e materiais para preparar aulas sobre ambiente• Multilinguismo [http://ec.europa.eu/languages/index_pt.htm] Informações sobre a política de línguas na UE e conselhos para professores e alunos sobre a aprendizagem de línguas• SCIENTIX [http://www.scientix.eu/] Comunidade para o ensino das ciências na Europa © Carlos Medeiros, 2012
  20. 20. Universo Internet CIEJD• Portal Eurocid – Informação europeia em língua portuguesa http://www.eurocid.pt• Biblioteca digital Infoeuropa – Biblioteca nacional de referência em assuntos europeus https://infoeuropa.eurocid.pt• Facebook http://www.facebook.com/CentrodeInformacaoEu ropeiaJacquesDelors• Trabalhar na UE http://www.trabalharnauniãoeuropeia.eu © Carlos Medeiros, 2012
  21. 21. Obrigado pelavossa atenção. © Carlos Medeiros, 2012

×