A I G RE JA DE J ESU S C R I S TO D O S S A N TO S D O S Ú LT I M O S D I A S • O U T U B RO DE 2011                      ...
Pelo Dom e Poder de Deus, de Simon Dewey   O Livro de Mórmon, trazido à luz pelo Profeta         Destina-se a mostrar aos ...
A Liahona,                                                                             Outubro de 2011                    ...
10     ARTIGOS                                 22 Quem Escreveu o Livro              38 O Livro de Mórmon:         6 O Pro...
OUTUBRO DE 2011 VOL. 64 Nº 10                                                                                   A LIAHONA ...
MENSAGEM DA PRIMEIR A PRESIDÊNCIA                                                                                         ...
“pelo poder do Espírito Santo” (ver Morôni 10:4–5).                      ENSINAR USANDO ESTA MENSAGEM                     ...
OProfetaJoseph Smith: TRADUTOR DO        LIVRO DE MÓRMON       O                 Livro de Mórmon é um inigualável livro   ...
1. Em 1820, um rapaz de qua-                                                                         3. Passaram-se três a...
D    esde 1830, milhões de pessoas já leram o Livro de Mórmon         e se filiaram à Igreja de Jesus Cristo dos Santos do...
de Morôni feita a todos os que buscam honestamente a ver-           verdadeiras; e se perguntardes com um coração sincero ...
Élder                                                                                                                     ...
ser?” pergunta Ele retoricamente. Eis Sua            própria vida ao nos empenharmos para nos                             ...
“Eu sou a luz e a vida do mundo”, decla-         Transmitiu-lhes alguns dos ensinamen-         O própriorou Ele à multidão...
Logo depois, pediu      E dirigindo-se à multidão, disse-lhes: Olhai   mandamentos, tornamo-nos mais semelhan-   que as cr...
A História   DO LIVRO DE   MÓRMON   Quais são os aconte­   cimentos descritos   no Livro de Mórmon?   Use estas gravuras  ...
DEUS, DE WALTER RANE; DETALHE DE ABINÁDI DIANTE DO REI NOÉ, DE ARNOLD FRIBERG © 1951 IRI; ENTRAR NO REBANHO DE DEUS, DE WA...
Amon, filho de Mosias,   converteu muitos lamani-        O capitão Morôni escreveu   tas depois de defender os       o est...
Após Sua Ressurrei-                                                                                                       ...
CRONOLOGIA DO LIVRO                                  600 a.C.                                                            5...
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)

2.411 visualizações

Publicada em

A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.411
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
54
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Liahona outubro de 2011 - (andrecarlonisud.blogspot.com)

  1. 1. A I G RE JA DE J ESU S C R I S TO D O S S A N TO S D O S Ú LT I M O S D I A S • O U T U B RO DE 2011 O LIVRO DE MÓRMON: OUTRO TESTAMENTO DE JESUS CRISTO
  2. 2. Pelo Dom e Poder de Deus, de Simon Dewey O Livro de Mórmon, trazido à luz pelo Profeta  Destina-se a mostrar aos remanescentes da casaJoseph Smith, é uma tradução do registro de placas de Israel as grandes coisas que o Senhor fez porantigas “escrito por mandamento e também pelo seus antepassados; e para que possam conhecer osespírito de profecia e de revelação — Escrito e convênios do Senhor e saibam que não foram rejei-selado e escondido para o Senhor, a fim de que tados para sempre — E também para convencer osnão fosse destruído — Para ser revelado pelo dom judeus e os gentios de que Jesus é o Cristo” (páginae poder de Deus, a fim de ser interpretado — (…) de rosto do Livro de Mórmon).
  3. 3. A Liahona, Outubro de 2011 4 46Bem-Vindo a Esta Edição Especial MENSAGENS Poucos assuntos merecem uma edição inteira, mas o Livro de Mórmoné um deles. Nesta edição, profetas do passado e da atualidade, bem como 4 Mensagem da Primeira Presidência: Promessasmembros de todo o mundo, testificam desse volume único de escrituras. Preciosas do Livro deSuas origens são miraculosas. Ele é uma prova tangível da Restauração. É Mórmona pedra angular de nossa religião. E foi escrito para nossos dias — ensina Presidente Thomas S. Monsona doutrina de Cristo com clareza e simplicidade para revigorar nossa fé e 46 Mensagem dasfortalecer nossa família. Professoras Visitantes: Embora você não vá encontrar muitas das seções habituais da revista Se Não DuvidarmosA Liahona, a Mensagem da Primeira Presidência (página 4) e a Mensa- NA CAPAgem das Professoras Visitantes (página 46) estão presentes. Essas mensa- Primeira capa: Ilustração fotográfica: Johngens e todos os demais artigos trazem testemunhos e ensinamentos do Luke; Para que Saibais, de Gary Kapp, cortesia do casal David Larsen; reproduçãoLivro de Mórmon. proibida. Última capa: Imagem de Cristo, de Heinrich Hofmann, cortesia de C. Harrison Convidamo-lo a estudar esta edição em espírito de oração, ponderar Conroy Co.as mensagens no coração e partilhá-las — bem como partilhar o Livro deMórmon — com os outros. Outubro de 2011 1
  4. 4. 10 ARTIGOS 22 Quem Escreveu o Livro 38 O Livro de Mórmon: 6 O Profeta Joseph Smith: de Mórmon? O trabalho de profetas antigos, Fortalecer Nossa Fé em Jesus Cristo Tradutor do Livro de Mórmon um compilador inspirado e Élder Neil L. Andersen Um jovem inculto tornou-se, pelo poder de Deus, o inspirado um tradutor dos últimos dias O Livro de Mórmon convida a tradutor do “livro mais correto trouxeram à luz o Livro de nós e a nossa família a abraçar (…) da Terra”. Mórmon. a fé no Senhor Jesus Cristo, o que ajudará nossa família a 10 O que o Livro de Mórmon 24 O Livro de Mórmon: Uma progredir. Ensina sobre o Amor de Deus Testemunha Juntamente Élder Russell M. Nelson com a Bíblia 47 Música: Dois Mil Jovens Aqui encontramos quatorze Guerreiros Deseja renascer espiritualmente doutrinas ensinadas na Bonnie Hart Murray e Janice e ganhar a capacidade de Bíblia para as quais o Livro de Kapp Perry amar como Deus ama? O Livro Mórmon traz um testemunho de Mórmon explica como. adicional. 48 Ensinamentos para 16 A História do Livro 28 Como Estudar o Nossos Dias Profetas e apóstolos vivos de Mórmon Livro de Mórmon abordam verdades do Livro de Este artigo pode ajudá-lo a Élder D. Todd Christofferson Mórmon que podem guiar-nos ensinar aos filhos histórias Três motivos para estudar este hoje. importantes deste livro de volume único de escrituras e escrituras. três maneiras de fazê-lo. 52 O Livro de Mórmon — 20 Cronologia 32 O Sonho de Leí: A Pedra Angular de Nossa Religião do Livro de Agarrar-se à Presidente Ezra Taft Benson Mórmon Barra de Ferro Este discurso clássico, proferido Esquema visual Élder David A. Bednar há 25 anos, contém um teste- sobre os principais O sonho de Leí nos munho e conselhos atemporais povos, dos jareditas em ensina como podemos sobre o Livro de Mórmon. 2200 a.C. ao fim da civili- agarrar-nos à palavra zação nefita em 420 d.C. de Deus. 59 Um Trabalho Sagrado David A. Feitz Um simples gesto foi uma lição para mim sobre o respeito que devemos ter pelo caráter sagrado do Livro de Mórmon.2 A Liahona
  5. 5. OUTUBRO DE 2011 VOL. 64 Nº 10 A LIAHONA 09690 05960 Revista Oficial em Português de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias A Primeira Presidência: Thomas S. Monson, Henry B. Eyring e Dieter F. Uchtdorf Quórum dos Doze Apóstolos: Boyd K. Packer, L. Tom Perry, Russell M. Nelson, Dallin H. Oaks, M. Russell Ballard, Richard G. Scott, Robert D. Hales, Jeffrey R. Holland, David A. Bednar, Quentin L. Cook, D. Todd Christofferson e Neil L. Andersen Editor: Paul B. Pieper Consultores: Keith R. Edwards, Christoffel Golden Jr., Per G. Malm Diretor Administrativo: David L. Frischknecht Diretor Editorial: Vincent A. Vaughn Diretor Gráfico: Allan R. Loyborg Gerente Editorial: R. Val Johnson Gerentes Editoriais Assistentes: Jenifer L. Greenwood, Adam C. Olson Editores Associados: Susan Barrett, Ryan Carr Equipe Editorial: Brittany Beattie, David A. Edwards, Matthew D. Flitton, LaRene Porter Gaunt, Larry Hiller, Carrie Kasten, Jennifer Maddy, Lia McClanahan, Melissa Merrill, 66 Michael R. Morris, Sally J. Odekirk, Joshua J. Perkey, Chad E. Phares, Jan Pinborough, Janet Thomas, Paul VanDenBerghe, Marissa A. Widdison, Melissa Zenteno Diretor Administrativo de Arte: J. Scott Knudsen Diretor de Arte: Scott Van Kampen60 Caso Deseje Mesmo 76 Perguntas Frequentes sobre Gerente de Produção: Jane Ann Peters Diagramadores Seniores: C. Kimball Bott, Thomas S. Child, Colleen Hinckley, Eric P. Johnsen, Scott M. Mooy Saber, Saberá o Livro de Mórmon Equipe de Diagramação e Produção: Collette Nebeker Aune, Howard G. Brown, Julie Burdett, Reginald J. Christensen, Kim Élder Walter F. González Respostas simples para pergun- Fenstermaker, Kathleen Howard, Denise Kirby, Ginny J. Nilson, Ty Pilcher Quatro maneiras de sabermos tas que as pessoas costumam Pré-Impressão: Jeff L. Martin que o Livro de Mórmon foi fazer sobre o Livro de Mórmon. Diretor de Impressão: Craig K. Sedgwick Diretor de Distribuição: Evan Larsen inspirado por Deus. 80 Um Testemunho, A Liahona:65 Pôster: Uma Voz do Pó Diretor Responsável: André Buono Silveira um Convênio e uma Produção Gráfica: Eleonora Bahia Editor: Luiz Alberto A. Silva (Reg. 17.605) Testemunha Tradução: Edson Lopes66 Uma Chama a Arder Élder Jeffrey R. Holland Assinaturas: Marco A. Vizaco © 2011 Intellectual Reserve, Inc. Todos os direitos reservados. Dentro de Mim Testifico deste livro com tanta Impresso no Brasil. Michael R. Morris certeza quanto se eu tivesse, O texto e o material visual encontrado na revista A Liahona podem ser copiados para uso eventual, na Igreja ou no lar, não para uso O dia em que Eduardo com as Três e as Oito Testemu- comercial. O material visual não poderá ser copiado se houver qualquer restrição indicada nos créditos constantes da obra. Contreras aprendeu a ler nhas, visto as placas de ouro. As perguntas sobre direitos autorais devem ser encaminhadas para Intellectual Property Office, 50 East North Temple Street, também foi o dia em que Salt Lake City, UT 84150, USA; e-mail: cor-intellectualproperty@ adquiriu um testemunho do LDSchurch.org. REGISTRO: Está assentado no cadastro da DIVISÃO DE CENSURA Livro de Mórmon. DE DIVERSÕES PÚBLICAS, do D.P.F., sob nº 1151-P209/73, de68 Como o Livro de Mórmon acordo com as normas em vigor. “A Liahona”, © 1977 de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, acha-se registrada sob o número 93 do Livro B, nº Mudou Minha Vida 1, de Matrículas e Oficinas Impressoras de Jornais e Periódicos, Membros testificam como o conforme o Decreto nº 4857, de 9-11-1930. Impressa no Brasil por Prol — Editora Gráfica — Avenida Papaiz, 581 — Jardim das Livro de Mórmon os ajudou Nações — Diadema — CEP 09931-610 – SP. ASSINATURAS: A assinatura deverá ser feita pelo telefone 0800- a encontrar respostas, consolo 130331 (ligação gratuita); pelo e-mail distribuicao@LDSchurch.org; e conversão. pelo fax 0800-161441 (ligação gratuita); ou correspondência para a Caixa Postal 26023, CEP 05599-970 — São Paulo — SP.72 Para Todas as Línguas Preço da assinatura anual para o Brasil: R$ 6,30. Preço do exemplar avulso em nossas lojas: R$ 0,90. Para o exterior: exemplar avulso: US$ 1.50; assinatura: US$ 10.00. As mudanças de endereço e Povos devem ser comunicadas indicando-se o endereço antigo e o novo. Lia McClanahan NOTÍCIAS DO BRASIL: envie para NoticiasLocais@LDSchurch.org. Para os santos dos últimos dias Envie manuscritos e perguntas para: Liahona, Room 2420, do mundo inteiro, nada se 50 East North Temple Street, Salt Lake City, UT 84150-0024, compara a ter o Livro de Muitas das gravuras desta edição USA; ou mande e-mail para: Liahona@LDSchurch.org. A “Liahona”, termo do Livro de Mórmon que significa “bússola” Mórmon em seu idioma incluem uma representação da ou “guia”, é publicada em albanês, alemão, armênio, bislama, liahona que Leí recebeu. As liahonas búlgaro, cambojano, cebuano, chinês, coreano, croata, materno. dinamarquês, esloveno, espanhol, estoniano, fijiano, finlandês, não estão escondidas e talvez não francês, grego, húngaro, holandês, indonésio, inglês, islandês, sejam exatamente iguais à que apa- italiano, japonês, letão, lituano, malgaxe, marshallês, mongol, norueguês, polonês, português, quiribati, romeno, russo, samoano, rece acima, mas você e sua família sueco, tagalo, tailandês, taitiano, tcheco, tonganês, ucraniano, podem achar divertido descobrir urdu e vietnamita. (A periodicidade varia de um idioma para outro.) quantas liahonas conseguem encon- trar nas páginas desta edição.
  6. 6. MENSAGEM DA PRIMEIR A PRESIDÊNCIA Presidente Thomas S. Monson Promessas Preciosas DO LIVRO DE MÓRMON H á muitos anos, encontrava-me à cabeceira de um suplicou para conhecer a verdade e, por meio do Livro de jovem pai que estava entre a vida e a morte. A Mórmon, ouviu a resposta a sua pergunta. esposa, transtornada, e os dois filhos do casal tam- O Livro de Mórmon contém muitas outras promessas, bém estavam por perto. Ele segurou minha mão e, com inclusive promessas de paz, liberdade e bênçãos se “apenas um olhar de súplica, disse: “Bispo, sei que estou prestes [servirmos] ao Deus da terra, que é Jesus Cristo” (Éter 2:12). a morrer. Diga-me o que vai acontecer com meu espírito Em suas páginas lemos a promessa de “felicidade sem depois”. fim” para aqueles “que guardam os mandamentos de Orei em silêncio pedindo orientação celestial e avistei Deus. Pois eis que são abençoados em todas as coisas, em sua mesa de cabeceira a combinação tríplice das escri- tanto materiais como espirituais” (Mosias 2:41). turas. Peguei o livro e comecei a folheá-lo. Subitamente Em suas páginas está a promessa de “incomensurável me dei conta de que, sem querer, chegara ao capítulo 40 alegria” para quem se tornar “um instrumento nas mãos de de Alma, no Livro de Mórmon. Li as seguintes palavras Deus” para resgatar Seus filhos preciosos (Alma 28:8; 29:9). para ele: Em suas páginas está a promessa de que a Israel dis- “Eis que me foi dado saber por um anjo que o espírito persa será coligada — um trabalho no qual estamos envol- de todos os homens, logo que deixa este corpo mortal (…) vidos por meio de nosso grandioso trabalho missionário é levado de volta para aquele Deus que lhes deu vida. mundial (ver 3 Néfi 16; 21–22). E (…) o espírito daqueles que são justos será recebido Em suas páginas está a promessa de que se orarmos num estado de felicidade, que é chamado paraíso, um ao Pai no nome sagrado de Jesus Cristo nossa família será estado de descanso, um estado de paz, onde descansará abençoada (ver 3 Néfi 18:21). de todas as suas aflições e de todos os seus cuidados e Ao estudarmos suas páginas presenciaremos o cumpri- tristezas” (Alma 40:11–12). mento da promessa de que “haverá em [nossa] vida e em Continuei a ler sobre a Ressurreição e com isso o rosto [nossa] casa mais do Espírito do Senhor, uma determinação daquele jovem homem brilhou e um sorriso esboçou-se mais firme de obedecer a Seus mandamentos e um teste- em seus lábios. Ao terminar a visita, despedi-me dessa munho mais forte da realidade viva do Filho de Deus”.1 família tão querida. E as páginas do Livro de Mórmon trazem a promessa Pouco tempo depois, vi a esposa e os filhos no funeral. de que, por meio da oração, da real intenção e da fé em Sempre me lembro daquela noite em que um homem Cristo, poderemos conhecer a veracidade dessas promessas4 A Liahona
  7. 7. “pelo poder do Espírito Santo” (ver Morôni 10:4–5). ENSINAR USANDO ESTA MENSAGEM Com os demais profetas modernos, testifico da vera- Nas escrituras “encontramos os princípios cidade deste que é o “mais correto de todos os livros da da verdade que solucionarão todos os pro- Terra”,2 sim, o Livro de Mórmon, outro testamento de Jesus blemas e dificuldades que se apresentem Cristo. Sua mensagem é para o mundo inteiro e leva seus à família humana” (Ensino, Não Há Maior leitores ao conhecimento da verdade. Presto testemunho Chamado, 2009, p. 51). Ao deixar com aILUSTRAÇÃO FOTOGRÁFICA: CHRISTINA SMITH de que o Livro de Mórmon muda a vida das pessoas. Que família a mensagem do Presidente Monson, todos nós o leiamos e releiamos. E, com alegria, prestemos peça-lhes que prestem atenção às “promessas testemunho de suas promessas preciosas a todos os filhos preciosas” identificadas por ele no Livro de de Deus. ◼ Mórmon. Se desejar, fale de uma promessa NOTAS do Livro de Mórmon que tenha sido significa- 1. Gordon B. Hinckley, “Um Testemunho Vibrante e Verdadeiro”, A Liahona, agosto de 2005, p. 3. tiva em sua vida. 2. Ensinamentos dos Presidentes da Igreja: Joseph Smith, 2007, p. 68. Outubro de 2011 5
  8. 8. OProfetaJoseph Smith: TRADUTOR DO LIVRO DE MÓRMON O Livro de Mórmon é um inigualável livro de escrituras. Embora tenha sido escrito por profetas antigos, não chegou a nós da mesma forma que a Bíblia. A Bíblia, em grande parte, foi registrada em pergaminhos, no Velho Mundo, na forma de livros separados que foram copiados por escribas ao longo de séculos. Somente no Século IV d.C. é que esses livros inde- pendentes foram reunidos e começaram a circular como o volume único a que hoje chamamos de Bíblia Sagrada. O Livro de Mórmon, por outro lado, foi escrito no Novo Mundo, em placas de metal, por profe- tas antigos, cujos textos foram resumidos basica- mente por um único profeta — Mórmon (daí o título) — , no Século V d.C., em um registro único gravado em placas de ouro. Posteriormente, seu filho Morôni enterrou as placas no local onde permaneceram até 1827, quando Morôni, como ser ressuscitado, as entregou a um jovem chamado Joseph Smith. Segue-se a história de como Joseph recebeu, traduziu e publicou o registro hoje intitulado O Livro de Mórmon: Outro Testamento de Jesus Cristo. O próprio Salvador testificou sobre a vera- cidade desse livro de escrituras (ver D&C 17:6).6 A Liahona
  9. 9. 1. Em 1820, um rapaz de qua- 3. Passaram-se três anos,A PARTIR DA ESQUERDA: IRMÃO JOSEPH, DE DAVID LINDSLEY © 1998; JOSEPH SMITH BUSCA SABEDORIA NA BÍBLIA, DE DALE KILBOURN © 1975 IRI; A PRIMEIRA VISÃO DE torze anos, chamado Joseph durante os quais Joseph Smith, morava perto de Smith contou sua experiên-JOSEPH SMITH, DE GREG OLSEN, REPRODUÇÃO PROIBIDA; FOTOGRAFIA DE CENA DE JOSEPH SMITH: PROFETA DA RESTAURAÇÃO, DE MATTHEW REIER © IRI Palmyra, Nova York. Embora cia a muitas pessoas — e fosse jovem, preocupava-se foi perseguido por isso. Ele com sua situação perante escreveu: “[Embora] eu fosse Deus e estava confuso com as odiado e perseguido por dizer afirmações de várias religiões que tivera uma visão, isso era cristãs que buscavam conver- verdade; e (…) fui levado a sos contestando os ensinamen- pensar em meu coração: Por tos das demais. Impelido por que perseguir-me por contar seu estudo da Bíblia, Joseph a verdade? Tive realmente decidiu procurar sabedoria uma visão; e quem sou eu perguntando a Deus, que “a para opor-me a Deus, ou por todos dá liberalmente, e o não que pensa o mundo fazer-me lança em rosto” (Tiago 1:5), negar o que realmente vi? e foi orar num bosque perto Porque eu tivera uma visão; de sua casa. eu sabia-o e sabia que Deus 2. Ao ajoelhar-se para orar, um resplandecente pilar de luz o sabia e não podia negá-la” repousou sobre ele. Nesse pilar de luz, ele viu dois Seres: o Pai (Joseph Smith—História 1:25). e o Filho. O Pai Celestial manifestou-Se, dizendo: “Este é Meu Filho Amado. Ouve-O!” (Joseph Smith—História 1:17). O Senhor disse a Joseph que não se filiasse a nenhuma das igrejas existen- tes, pois nenhuma delas era verdadeira, mas Joseph recebeu a promessa de que “a plenitude do evangelho [lhe] seria dada a conhecer no futuro”.1 Outubro de 2011 7
  10. 10. D esde 1830, milhões de pessoas já leram o Livro de Mórmon e se filiaram à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, devido ao testemunho do Salvador prestado no Livro de Mórmon. O livro também é uma prova de que Joseph Smith foi um profeta de Deus e de que o Salvador está à frente de Sua Igreja hoje. Milhões de pessoas já puseram à prova a promessa 6. Como costumava aconte- cer nas áreas rurais naquela época, Joseph Smith pratica- mente não tinha instrução formal. Para auxiliá-lo na tra-4. Em 21 de setembro de 1823, dução, Deus lhe concedeu umJoseph estava orando quando antigo instrumento de tradu-seu quarto no sótão se encheu ção chamado Urim e Tumim.de luz e um anjo chamado Também foi abençoado comMorôni lhe apareceu. Morôni a ajuda de escreventes quefalou a Joseph a respeito de anotavam o que ele ditavaescritos de profetas antigos. ao traduzir. Esses escreventesO registro, gravado em placas incluíam sua esposa, Emma;de ouro, estava enterrado Martin Harris, um fazendeironum monte próximo. Joseph próspero; e Oliver Cowdery,foi informado de que viria a um professor. A maior partetraduzi-lo. do trabalho de tradução foi concluída menos de três meses depois de Oliver começar a servir como escrevente. Emma descreveu como era servir de escrevente para Joseph: “Nenhum homem poderia ter ditado o conteúdo 5. Por fim, em 22 de setembro de 1827, as placas foram confia- dos manuscritos a não ser por das a Joseph. Ele as retirou de uma caixa de pedra que estava inspiração. Afinal, quando lhe enterrada embaixo de uma grande rocha, numa colina perto de servi de escrevente, [Joseph] Palmyra, Nova York. ditava para mim por horas a8 A Liahona
  11. 11. de Morôni feita a todos os que buscam honestamente a ver- verdadeiras; e se perguntardes com um coração sincero e com dade e constataram que é real. “Eu vos exorto a perguntardes real intenção, tendo fé em Cristo, ele vos manifestará a verdade a Deus, o Pai Eterno, em nome de Cristo, se estas coisas não são delas pelo poder do Espírito Santo” (Morôni 10:4).A PARTIR DA ESQUERDA: O ANJO MORÔNI APARECE A JOSEPH SMITH: TOM LOVELL © 2003 IRI; FOTOGRAFIA DE CENA DE JOSEPH SMITH — PROFETA DA RESTAURAÇÃO: MATTHEW REIER © IRI; FOTOGRAFIA DE CENA DEJOSEPH SMITH — PROFETA DA RESTAURAÇÃO: JOHN LUKE © IRI; PELO DOM E PODER DE DEUS: SIMON DEWEY; DETALHE DE QUADRO DE WILLIAM MAUGHAN © 1998; FOTOGRAFIA: CRAIG DIMOND © IRI; FOTOGRAFIA fio e, ao voltar das refeições ou 7. Durante os dezoito meses 8. Em agosto de 1829, Joseph 9. Em 6 de abril de 1830, cerca outras interrupções, ele reto- em que as placas ficaram em contratou Egbert B. Grandin, de 60 pessoas reuniram-se mava o trabalho exatamente seu poder, Joseph não foi o dono de uma gráfica em Pal- numa casa de madeira em onde parara, sem nem sequer único a vê-las ou a manuseá- myra, Nova York, para publicar Fayette, Nova York. Lá, con- olhar o manuscrito ou pedir las. Três homens — Oliver o livro. Martin Harris hipotecou forme orientado pelo Senhor que lhe lesse algum trecho”.2 Cowdery, David Whitmer e sua fazenda para custear a Jesus Cristo, Joseph Smith Joseph explicou a relevân- Martin Harris — testificaram impressão e, em 26 de março organizou formalmente a cia da tradução do Livro de formalmente que o anjo de 1830, o Livro de Mórmon Igreja do Salvador. Restaurou-a Mórmon: “Pelo poder de Deus, Morôni lhes mostrou as placas foi posto à venda. como fora organizada no prin- traduzi o Livro de Mórmon de ouro e que sabiam que elas cípio, dirigida por apóstolos a partir de hieróglifos cujo tinham sido “traduzidas pelo e profetas autorizados a falar conhecimento estava perdido dom e poder de Deus, porque em nome de Deus. Posterior- para o mundo, e nesse aconte- assim [lhes fora] declarado por mente, uma revelação conce- cimento maravilhoso, eu, um sua voz”. Outros oito homens dida a Joseph Smith deu nome jovem inculto, estava sozinho também testificaram ter visto e à Igreja: A Igreja de JesusDE CENA DE JOSEPH SMITH — PROFETA DA RESTAURAÇÃO: MATTHEW REIER © IRI para combater, com uma nova manuseado as placas de ouro.4 Cristo dos Santos dos Últimos revelação, a sabedoria do Dias (ver D&C 115:4). ◼ mundo e a ignorância multipli- NOTAS cada de dezoito séculos”.3 1. Joseph Smith, History of the Church [História da Igreja], vol. 4, p. 536. 2. Entrevista concedida por Emma Smith a Joseph Smith III, em fevereiro de 1879, em Saints’ Herald, 1º de outubro de 1879, p. 290. 3. Ensinamentos dos Presidentes da Igreja: Joseph Smith, 2007, pp. 64–65. 4. Ver “Depoimento de Três Teste- munhas” e “Depoimento de Oito Testemunhas”, na introdução do Livro de Mórmon. Outubro de 2011 9
  12. 12. Élder Russell M. Nelson Do Quórum dos Doze Apóstolos DEUS O QUE O LIVRO DE MÓRMON ENSINA SOBRE O AMOR DE Alguns dos exemplos mais sublimes do amor do Senhor estão registrados no Livro de Mórmon. A maioria dos cristãos tem conhecimento pessoas do Livro de Mórmon que fizeram esse dos atributos de Jesus Cristo conforme convênio, o rei Benjamim anunciou: “E agora, descritos na Bíblia. Maravilham-se por causa do convênio que fizestes, sereis com o amor que Ele demonstrou pelos pobres, chamados progênie de Cristo, filhos e filhas enfermos e oprimidos. Aqueles que se consi- dele, porque eis que neste dia ele vos gerou deram discípulos Dele também se empenham espiritualmente; pois dizeis que vosso coração para seguir Seu exemplo e acatar a exortação se transformou pela fé em seu nome; portanto de Seu apóstolo bem-amado: “Amemo-nos uns nascestes dele e vos tornastes seus filhos eCRISTO APARECE NO HEMISFÉRIO OCIDENTAL, DE ARNOLD FRIBERG © 1995 IRI aos outros; porque o amor é de Deus; e qual- suas filhas” (Mosias 5:7). quer que ama é nascido de Deus e conhece a Em segundo lugar, o próprio Salvador Deus. (…) Porque Deus é amor” (I João 4:7–8). ensina que alcançamos o poder de tornarmo- Esse conceito é explicado com mais cla- nos mais semelhantes a Ele ao recebermos as reza no Livro de Mórmon. Ele descreve como ordenanças do evangelho: “Ora, este é o man- alguém nasce de Deus e como adquire o damento: Arrependei-vos todos vós, confins poder de amar como Ele ama. Identifica três da Terra; vinde a mim e sede batizados em princípios-chave que trazem o poder do amor meu nome, a fim de que sejais santificados de Deus a nossa vida. recebendo o Espírito Santo, para comparecer- Primeiramente, o Livro de Mórmon ensina des sem mancha perante mim no último dia” que exercer fé em Cristo e fazer convênio (3 Néfi 27:20). com Ele de guardar Seus mandamentos são a Em terceiro lugar, Ele nos exorta a seguir chave para renascermos espiritualmente. Às Seu exemplo: “Que tipo de homens devereis Outubro de 2011 11
  13. 13. ser?” pergunta Ele retoricamente. Eis Sua própria vida ao nos empenharmos para nos resposta: “Em verdade vos digo que devereis tornarmos mais semelhantes ao Senhor. ser como eu sou” (3 Néfi 27:27). Ele deseja Foi Seu amor por Leí e pela família de Leí verdadeiramente que nos tornemos mais — e o amor deles por Ele — que os levou semelhantes a Ele. para as Américas, sua terra prometida, onde Alguns dos exemplos mais sublimes de Seu prosperaram.1 amor estão registrados no Livro de Mórmon. Foi o amor de Deus por nós que O levou Esses exemplos podem aplicar-se em nossa séculos atrás a mandar os profetas nefitas manterem registros sagrados de seu povo. Inúmeras lições desses registros dizem res- UM PROFETA TESTIFICA peito a nossa salvação e exaltação. Esses ALMA BATIZA NAS ÁGUAS DE MÓRMON, DE ARNOLD FRIBERG “O Livro de Mórmon foi revelado pelo ensinamentos agora estão a nosso alcance no dom e poder de Deus. Ele fala como a Livro de Mórmon. Esse texto sagrado é uma voz que clama do pó em testemunho do amostra tangível do amor de Deus por todos Filho de Deus. Ele fala de Seu nascimento, os Seus filhos do mundo inteiro.2 de Seu ministério, de Sua Crucificação e Foi o amor de Cristo por Suas “outras Ressurreição e de Seu aparecimento aos justos na terra de ovelhas” que O levou ao Novo Mundo.3 No Abundância, no continente americano. Livro de Mórmon aprendemos que gran- Ele é algo tangível que pode ser manuseado, que pode des desastres naturais se abateram sobre o ser lido, que pode ser testado. Ele leva em seu interior Novo Mundo após a morte do Senhor no uma promessa de sua origem divina. Milhões de pessoas Velho Mundo. Houve também três dias de colocaram-no à prova e descobriram que ele é um registro escuridão. Em seguida, o Senhor glorificado sagrado e verdadeiro.” e ressuscitado desceu do céu e ministrou ao Presidente Gordon B. Hinckley (1910–2008), “As Grandes Coisas Que Deus Revelou”, A Liahona, maio de 2005, p. 80. povo do Novo Mundo. CONHECER O AMOR S ou membro novo de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e para mim o Livro de Mórmon é mais do que um simples livro. É uma prova concreta de que o Pai Celestial nos ama. É uma prova de que os santos do passado nos amavam e queriam que voltássemos para casa. É uma prova de que o plano de felicidade de Deus existe e é perfeito. Saber que esse livro é verdadeiro é saber que o Pai Celestial e Seu Filho vivem. É saber que a vida é bela e eterna. É saber que se continuarmos a dar o melhor de nós e a nos arrependermos quando cairmos, sempre seremos perdoados. É conhecer o verdadeiro sig- nificado da família. É saber que nunca perderemos um ente querido, pois ele está a nossa espera. É conhecer as bênçãos do Pai Celestial. É ter a reconfortante certeza de que, por piores que sejam as tempestades a caminho, podemos enfrentá-las, pois são para nosso benefício. É saber que o Espírito Santo é nosso companheiro constante. Em essência, é conhecer o amor em todas as suas expressões. Emma Adesanya, Irlanda12 A L i a h o n a
  14. 14. “Eu sou a luz e a vida do mundo”, decla- Transmitiu-lhes alguns dos ensinamen- O própriorou Ele à multidão, “e bebi da taça amarga tos básicos que deixara também com Seus Salvador ensinaque o Pai me deu e glorifiquei o Pai, discípulos do Velho Mundo. Curou os enfer- que alcançamostomando sobre mim os pecados do mundo” mos. Ajoelhou-Se e orou ao Pai usando o poder de nos(3 Néfi 11:11). palavras tão contundentes e sagradas que Em seguida, proporcionou-lhes uma não puderam ser registradas. Sua oração tornarmos seme-das experiências mais íntimas que alguém foi tão arrebatadora que quem a ouviu foi lhantes a Ele aopoderia ter com Ele. Convidou-os para tomado de imensa alegria. Subjugado pelo recebermos astocar a ferida em Seu lado e as marcas amor que sentia pelo povo e pela fé que eles ordenanças dodos cravos em Suas mãos e Seus pés, para tinham Nele, o próprio Jesus chorou. Profe- evangelho.que soubessem com certeza que Ele é tizou sobre a obra de Deus nos séculos que“o Deus de Israel e o Deus de toda a Terra antecederiam o advento prometido de Suae [foi] morto pelos pecados do mundo” Segunda Vinda.4(3 Néfi 11:14). Logo depois, pediu que as crianças fossem Jesus deu então a Seus discípulos a autori- levadas até Ele.dade para batizar, conferir o dom do Espírito “E pegou as criancinhas, uma a uma,Santo e administrar o sacramento. Conferiu- e abençoou-as e orou por elas ao Pai.lhes o poder de estabelecer Sua Igreja entre E depois de haver feito isso, choroueles, dirigida por doze discípulos. de novo; Outubro de 2011 13
  15. 15. Logo depois, pediu E dirigindo-se à multidão, disse-lhes: Olhai mandamentos, tornamo-nos mais semelhan- que as crianças para vossas criancinhas. tes a Ele. Aumentamos nosso círculo pessoal E ao olharem, lançaram o olhar ao céu e de amor ao estendermos a mão a todas as fossem levadas até viram os céus abertos e anjos descendo dos nações, tribos e línguas. Ele. “E pegou as céus, como se estivessem no meio de fogo; Com profunda gratidão por Sua vida criancinhas, uma e eles desceram e cercaram aqueles peque- exemplar, podemos tornar a seguinte escri- a uma, e aben- ninos (…) e os anjos ministraram entre eles” tura nosso padrão: “Rogai ao Pai, com toda a çoou-as e orou por (3 Néfi 17:21–24). energia de vosso coração, que sejais cheios elas ao Pai.” Tal é a pureza e o poder do amor de desse amor que ele concedeu a todos os Deus, conforme revelados no Livro de que são verdadeiros seguidores de seu Mórmon. Filho, Jesus Cristo; que vos torneis os filhos Nestes últimos dias, nós que temos o [e filhas] de Deus; que quando ele aparecer, privilégio de ter o Livro de Mórmon, de ser sejamos como ele, porque o veremos como membros da Igreja do Senhor, de ter Seu ele é” (Morôni 7:48).5 ◼ evangelho e de guardar Seus mandamentos NOTAS conhecemos um pouco do amor infinito de 1. Ver 1 Néfi 17:35–44; Mosias 7:20; Alma 9:9–11; 3 Néfi 5:20–22. Deus. Sabemos tornar Seu amor nosso pró- 2. Ver a página de rosto do Livro de Mórmon; 1 Néfi prio amor. Ao nos tornarmos Seus discípulos 13:35–41; 2 Néfi 33:4; Mosias 1:2–7; Mórmon 8:13–41. 3. Ver João 10:16; 3 Néfi 15:11–24. verdadeiros, adquirimos a capacidade de 4. Ver 3 Néfi 11–14; 18–20. amar como Ele ama. Ao guardarmos Seus 5. Comparar com I João 3:1–3. RECONHECER O PODER DO SALVADOR Q uando me filiei à Igreja em meu primeiro ano de faculdade, senti-me bem em relação às mudanças que comecei a fazer em minha vida e constatei o quanto o evangelho a melhorara. Contudo, logo percebi que meu passado estava prejudicando qualquer pro- gresso que eu poderia fazer. Como eu poderia ser um instrumento nas mãos do Pai Celestial para ajudar a edificar Seu reino já que eu fizera escolhas tão ruins no passado? Foi então que, certo dia, abri o Livro de Mórmon na última página. Li as palavras de despedida de Morôni: “Sim, vinde a Cristo, sede aperfeiçoados nele e negai-vos a toda iniquidade; e se vos negardes a toda iniquidade e amardes a Deus com todo o vosso poder, mente e força, então sua graça vos será suficiente; e por sua graça podeis ser perfeitos em Cristo; e se pela graça de Deus fordes perfeitos em Cristo, não podereis, de modo algum, negar o poder de Deus” (Morôni 10:32). Fixei o olhar nessas palavras. Senti o Espírito con- JESUS CRISTO VISITA AS AMÉRICAS, DE JOHN SCOTT firmar-me sua veracidade. Percebi que eu vinha limitando o poder de Deus ao achar que Ele não poderia me utilizar de qualquer forma que Ele julgasse conveniente. Decidi que, dali em diante, eu não ia “negar o poder de Deus”, mas aceitaria meu pas- sado e aguardaria com ansiedade o futuro. Quanto mais me concentrava em meu futuro em vez do passado e confiava na graça santificadora de Jesus Cristo, mais sentia o amor do Salvador por mim e ficava mais feliz comigo mesma. Christy Pettey, Washington, EUA14 A L i a h o n a
  16. 16. A História DO LIVRO DE MÓRMON Quais são os aconte­ cimentos descritos no Livro de Mórmon? Use estas gravuras para aprender sobre os profetas e as his­ tórias deste mara­ vilhoso volume de escrituras. 1 2 3 4 O Livro de Mórmon começa Leí mandou os filhos volta- O Senhor deu a Leí uma bús- O Senhor mandou Néfi cons- com um profeta chamado rem para buscar as escritu- sola chamada Liahona para truir um barco para levar Leí. Ele advertiu o povo ras que estavam em placas guiar sua família no deserto a família de Leí à terra da iníquo de Jerusalém e de latão. Esses registros rumo à terra prometida promissão. Néfi obedeceu ao chamou-o ao arrependi- continham a história de seus (ver 1 Néfi 16). pai e ao Senhor, mas Lamã e mento, mas não foi ouvido. antepassados e outras coisas Lemuel não (ver 1 Néfi 17). O Senhor mandou Leí levar que o Senhor os instruíra a a família, inclusive a esposa, escrever. Leí e Néfi cuidaram Saria, e os filhos — Lamã, bem dessas placas. Também Lemuel, Sam e Néfi — para escreveram em placas de o deserto (ver 1 Néfi 1–2). metal acontecimentos impor- tantes para sua família (ver 1 Néfi 3–5).16 A L i a h o n a
  17. 17. DEUS, DE WALTER RANE; DETALHE DE ABINÁDI DIANTE DO REI NOÉ, DE ARNOLD FRIBERG © 1951 IRI; ENTRAR NO REBANHO DE DEUS, DE WALTER RANE; ALMA, LEVANTA-TE, DE WALTER RANE; OS QUADROS DE WALTER RANE FORAM GENTILMENTE CEDIDOS PELO MUSEU DE HISTÓRIA DA IGREJAÀ ESQUERDA: ILUSTRAÇÃO FOTOGRÁFICA DE ROBERT CASEY; DETALHE DE LEÍ VIAJA PERTO DO MAR VERMELHO, DE GARY SMITH; OBEDECI À VOZ DO ESPÍRITO, DE WALTER RANE: LEÍ E A LIAHONA, DE JOSEPH BRICKEY; NÉFI REPREENDE OS IRMÃOS REBELDES, DE ARNOLD FRIBERG © 1951 IRI;À DIREITA: LEÍ E SEU POVO CHEGAM À TERRA PROMETIDA, DE ARNOLD FRIBERG© 1951 IRI; TRATARAM-ME COM RUDEZA, DE WALTER RANE; NÉFI ESCREVE NAS PLACAS DE OURO, DE PAUL MANN © 1988; ELEVEI A VOZ ATÉ QUE CHEGOU AOS CÉUS, DE WALTER RANE; A SERVIÇO DE VOSSO Lamã e Lemuel continuaram a desobedecer ao pai e ao Depois da morte de Leí e Senhor. Seus descendentes Néfi, outras pessoas, como são conhecidos como lamani- Jacó, irmão de Néfi, ficaram Leí e sua família navegaram tas. Néfi continuou a obede- encarregadas de escrever para a terra prometida no cer ao pai e ao Senhor. Seus ensinamentos e eventos Enos orou para ser perdoado navio que construíram (ver descendentes são chamados importantes nas placas de seus pecados e de fato o 1 Néfi 18). de nefitas (ver 2 Néfi 4–5). (ver Jacó 1). foi (ver Enos 1). 5 6 7 8 9 10 11 12 O rei Benjamim construiu Um rei iníquo chamado Noé Alma fugiu da corte do rei Alma, filho de Alma, não uma torre para ensinar mandou matar o profeta Noé, ensinou o evangelho a era obediente. Ele e seus o evangelho a seu povo Abinádi. Mas os ensinamen- outras pessoas e batizou-as amigos, os filhos de Mosias, (ver Mosias 2–6). tos de Abinádi resultaram (ver Mosias 18). eram iníquos. Então um anjo na conversão de um dos chamou-os ao arrependi- sacerdotes de Noé, chamado mento. Alma e os filhos de Alma (ver Mosias 11–17). Mosias arrependeram-se e passaram o restante de sua vida pregando o evangelho (ver Mosias 27–28). Outubro de 2011 17
  18. 18. Amon, filho de Mosias, converteu muitos lamani- O capitão Morôni escreveu tas depois de defender os o estandarte da liberdade e Um profeta lamanita cha- rebanhos do rei Lamôni e lutou para defender a liber- Helamã comandou um exér- mado Samuel profetizou conquistar sua confiança dade de seu povo (ver Alma cito de 2.000 jovens justos. que Jesus Cristo nasceria em (ver Alma 17–19). 46, 48). (ver Alma 53, 56–58). breve (ver Helamã 13–16). 13 14 15 16 19 20 21 22 Um menino de dez anos Antes de morrer, Mórmon Antes de morrer, Morôni O Pai Celestial e Jesus Cristo chamado Mórmon foi entregou as placas a seu enterrou as placas num lugar visitaram Joseph Smith e escolhido para escrever nas filho Morôni. Morôni era um chamado Cumora. Cerca de disseram-lhe que nenhuma placas quando chegasse à general do exército. Foi o 1.400 anos depois de Morôni igreja da época era verda- idade adulta. Aos 24 anos, último nefita sobrevivente enterrar as placas, um deira e completa. Joseph começou a reunir as histórias de uma grande batalha entre menino de 14 anos chamado ajudaria a restaurar a verda- mais importantes de todos os lamanitas e os nefitas (ver Joseph Smith orou para deira Igreja de Jesus Cristo os registros num conjunto Mórmon 6, 8). saber qual igreja estava certa (ver Joseph Smith—História de placas de metal (ver (ver Joseph Smith—História 1:17–20). Mórmon 1). 1:5–16).18 A L i a h o n a
  19. 19. Após Sua Ressurrei- ção, Ele visitou os Bem longe dali, em Belém, nefitas e lamanitasMORÔNI ENTERRA AS PLACAS, DE TOM LOVELL © IRI; OS DESEJOS DE MEU CORAÇÃO II, DE WALTER RANE; À DIREITA: RESSUSCITOU, DE DEL PARSON; CRISTO E AS CRIANÇAS DO LIVRO DE MÓRMON, DE DEL PARSON © 1995; O ANJO MORÔNI APARECEÀ ESQUERDA: AMON DEFENDE OS REBANHOS DO REI LAMÔNI, DE ARNOLD FRIBERG © 1951 IRI; APROXIMEM-SE, DE WALTER RANE, CORTESIA DO MUSEU DE HISTÓRIA DA IGREJA; DOIS MIL JOVENS A CAMINHO DA BATALHA, DE ARNOLD FRIBERG, COR- justos. Ensinou-lhesTESIA DO MUSEU DE HISTÓRIA DA IGREJA; SAMUEL, O LAMANITA, PROFETIZA, DE ARNOLD FRIBERG © 1951 IRI; MÓRMON COMPILA AS PLACAS, DE TOM LOVELL © IRI; FIQUEI SOZINHO, DE WALTER RANE, CORTESIA DO MUSEU DE HISTÓRIA DA IGREJA; Jesus Cristo nasceu. Ele ensi- nou Seu evangelho, curou e Seu evangelho, abençoou as pessoas e esta- curou-os e aben- beleceu Sua Igreja. Depois çoou-os, tal como foi crucificado e ressuscitou fizera em Jerusalém. (ver 3 Néfi 1, 8–10). (ver 3 Néfi 11–28).A JOSEPH SMITH, DE TOM LOVELL © 2003 IRI; O MONTE CUMORA, DE JON MCNAUGHTON; JOSEPH SMITH TRADUZ O LIVRO DE MÓRMON, DE DEL PARSON © 1996 IRI 17 18 23 24 25 Morôni apareceu a Joseph Quando tinha 21 anos, Pelo poder de Deus, Joseph Smith e falou-lhes das Joseph Smith foi ao Monte Smith traduziu o que estava placas enterradas. Quando Cumora e retirou as pla- escrito nas placas. Publicou tivesse mais idade, Joseph cas do local onde Morôni essa tradução: chama-se Smith teria acesso às placas as enterrara (ver Joseph o Livro de Mórmon (ver a e as traduziria (ver Joseph Smith—História 1:59). página de rosto e a introdu- Smith—História 1:27–54). ção do Livro de Mórmon). ◼ Outubro de 2011 19
  20. 20. CRONOLOGIA DO LIVRO 600 a.C. 500 a.C. 400 a.C. 300 a.C. 200 a.C. 175 a.C. 150 a.C. 125 a.C. 1 JAREDITAS 4 MULEQUITAS MULEQUE ÉTER BENJAMIM MOSIAS2 5 MOSIAS1 1 JAREDITAS 2 NEFITAS Este grupo deixou a Torre de Babel e chegou às Américas por volta de 2200 a.C. Floresce- JAROM ÔMNI ram até cerca de ENOS JACÓ NÉFI 600 a.C., quando guer- ras exterminaram todos com exceção de Coriân- LEÍ tumr (ver Éter 1–15). 3 LAMANITAS ABINÁDI 7 ALMA1 6 ZÊNIFE NOÉ LÍMI LEMUEL LAMÃ 2 NEFITAS 3 LAMANITAS 4 MULEQUITAS 5 MOSIAS1 6 ZÊNIFE O grupo de Leí saiu de Depois da morte Muleque, filho do rei Por volta de 225 a.C. Por volta de 200 a.C. Jerusalém por volta de de Leí, os iníquos Zedequias, saiu de Jeru- os nefitas tinham-se Zênife, um nefita, levou 600 a.C. e foi para as ficaram do lado salém à frente do grupo tornado iníquos, assim um grupo para o sul Américas. Aos poucos sua de seu filho Lamã e por volta de 587 a.C. e Mosias1 conduziu um a fim de tentar reaver posteridade dividiu-se. passaram a ser cha- migrou para as Américas. grupo de nefitas justos terras nefitas. Assim Após a morte de Leí, mados de lamanitas Acharam Coriântumr até Zaraenla e uniu-se que Zênife e seu grupo os justos seguiram seu (ver 2 Néfi 5). (ver Ômni 1:14–21). aos mulequitas. Eles se chegaram, foram escra- filho Néfi rumo ao norte. autodenominaram nefi- vizados pelos lamanitas. Ficaram conhecidos como tas. Mosias1 tornou-se Algum tempo depois, nefitas (ver 1 Néfi 1–22; seu rei justo. O rei Ben- o rei Mosias2 mandou 2 Néfi 1–5). jamim era filho dele (ver Amon em busca do Ômni 1:12–23). grupo, e Amon conver- teu o rei Lími (ver Mosias 7; 9–22).20 A L i a h o n a

×