O Reino Messiânico 8 - Qualidade de vida

546 visualizações

Publicada em

A continuação do estudo bíblico da doutrina do Reino Messiânico, apresentando a base escriturística que fala do aspecto da qualidade de vida. Para mais conteúdo visite: http://profeciasmessianicas.blogspot.com.br/

Os primeiros estudos podem ser encontrados no blog http://profeciasmessianicas.blogspot.com.br/

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
546
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
94
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Reino Messiânico 8 - Qualidade de vida

  1. 1. 1 A DOUTRINA ESCRITURAL DO REINO MESSIÂNICO “então o deserto se tornará em campo fértil, e o campo fértil será reputado por um bosque.” Isaías 32:15 C) O CARÁTER E AS CARACTERÍSTICAS DO REINO MESSIÂNICO 8) A QUALIDADE DE VIDA Como oitava e última característica do Reino Messiânico apontaremos a qualidade de vida física. Na ordem divina é a última em importância eterna mas não menos importante que as outras sete características. (“para te dar a entender que o homem não viverá só de pão, mas de tudo o que sai da boca do Senhor viverá o homem.” – Deuteronômio 8:3b) Mas é exatamente a promessa mais tangível (frutos, comida e bebida em fartura, água de qualidade, colheitas fáceis e abundantes) que mais despertou o interesse e a atenção dos israelitas ao longo dos últimos quatro mil anos de expectativa messiânica. E não apenas a abundância material e a qualidade de vida excelente são ansiosamente aguardadas por gerações de israelitas, mas também o retorno da dispersão mundial e a vitória sobre os inimigos. Tudo explicitamente prometido repetidas e detalhadas vezes pelos profetas milenares. 8a) O retorno da diáspora “para fazer cessar a TRANSGRESSAÕ” - Daniel 9:24a Na cronologia profética, o primeiro grande evento escatológico que antecipa e prepara o cumprimento dos eventos finais é o fim da dispersão judaica mundial, ou seja, o fim da diáspora. O termo diáspora (em grego clássico: διασπορά, "dispersão") define o deslocamento, normalmente forçado ou incentivado, de grandes massas populacionais originárias de uma zona determinada para várias áreas de acolhimento distintas. O termo "diáspora" é usado com muita frequência para fazer referência à dispersão do povo hebreu no mundo antigo, a partir da destruição do reino do norte e sua capital Samaria pelos assírios em 722 a.C., do exílio na Babilônia no ano 612 a.C. e, especialmente, depois da destruição de Jerusalém em 70 d.C. Esta dispersão foi profetizada 838 anos antes de acontecer por Deus através de Moisés, e ela é consequência da quebra do Contrato (a Aliança Mosaica, a Lei) por parte da nação de Israel:  Deuteronômio 30:20/28:15,63,64/29:24-28 “Quando eu tiver introduzido o meu povo na terra que mana leite e mel, a qual, sob juramento, prometi a seus pais, e, tendo ele comido, e se fartado, e engordado, e houver tornado a outros deuses, e os houver servido, e me irritado, e anulado a minha aliança...Será,
  2. 2. 2 porém, que, se não deres ouvidos à voz do SENHOR, teu Deus, não cuidando em cumprir todos os seus mandamentos e os seus estatutos que, hoje, te ordeno, então, virão todas estas maldições sobre ti e te alcançarão:... Assim como o SENHOR se alegrava em vós outros, em fazer-vos bem e multiplicar-vos, da mesma sorte o SENHOR se alegrará em vos fazer perecer e vos destruir; sereis desarraigados da terra à qual passais para possuí-la. O SENHOR vos espalhará entre todos os povos, de uma até à outra extremidade da terra. Servirás ali a outros deuses que não conheceste, nem tu, nem teus pais; servirás à madeira e à pedra...Por que fez o SENHOR assim com esta terra? Qual foi a causa do furor de tamanha ira? Então, se dirá: Porque desprezaram a aliança que o SENHOR, Deus de seus pais, fez com eles, quando os tirou do Egito; e se foram, e serviram a outros deuses, e os adoraram; deuses que não conheceram e que ele não lhes havia designado. elo que a ira do SENHOR se acendeu contra esta terra, trazendo sobre ela toda a maldição que está escrita neste livro. O SENHOR os arrancou, com ira, de sua terra, mas também com indignação e grande furor, e os lançou para outra terra, como hoje se vê.” É a TRANSGRESSÃO de Israel, a transgressão da Lei. No citado texto de Daniel, a profecia fala que um dos objetivos a serem alcançados dentro do prazo das 70 Semanas, que culmina com o Retorno de Jesus Cristo, é dar fim a transgressão. Neste verso hebraico a palavra traduzida “cessar” é a forma piel do verbo kâlâ’ e tem a força de terminar, tampar, sujeitar firmemente, por fim. A palavra “transgressão” é ha ppesha’ que vem acompanhado do artigo definido (ha), o que aponta para algo específico, uma situação conhecida de coisas. O significado mais óbvio é que o curso de apostasia de Israel e seu perambular pelo planeta chegará ao seu fim dentro do período de 70 setes de anos. A restauração de Israel que Daniel buscava em oração quando recebeu a profecia terá seu cumprimento final neste evento que lhe foi revelado. É abundante o número de profecias que falam desta cessação da dispersão judaica:  Deuteronômio 30:3-5 “Então, o SENHOR, teu Deus, mudará a tua sorte, e se compadecerá de ti, e te ajuntará, de novo, de todos os povos entre os quais te havia espalhado o SENHOR, teu Deus. Ainda que os teus desterrados estejam para a extremidade dos céus, desde aí te ajuntará o SENHOR, teu Deus, e te tomará de lá. O SENHOR, teu Deus, te introduzirá na terra que teus pais possuíram, e a possuirás; e te fará bem e te multiplicará mais do que a teus pais.”  Isaías 11:12 “Naquele dia, o Senhor tornará a estender a mão para resgatar o restante do seu povo, que for deixado, da Assíria, do Egito, de Patros, da Etiópia, de Elão, de Sinar, de Hamate e das terras do mar. E levantará um estandarte entre as nações, e ajuntará os desterrados de Israel, e os dispersos de Judá congregará desde os quatro confins da terra.”  Isaías 27:13 “E será naquele dia que se tocará uma grande trombeta, e os que andavam perdidos pela terra da Assíria, e os que foram desterrados para a terra do Egito, tornarão a vir, (o retorno da diáspora) e adorarão ao Senhor no monte santo em Jerusalém.”  Isaías 32:14,15 “O palácio será abandonado, a cidade populosa ficará deserta (a diáspora)...até que se derrame sobre nós o Espírito lá do alto; então, o deserto se tornará em pomar, e o pomar será tido por bosque” (compare Oséias 3:4 – “Porque os filhos de Israel ficarão por muitos dias sem rei, e sem príncipe, e sem sacrifício, e sem estátua, e sem éfode ou terafim.” / Mateus 23:38,39 – “Eis que a vossa casa vos ficará
  3. 3. 3 deserta. Declaro-vos, pois, que, desde agora, já não me vereis, até que venhais a dizer: Bendito o que vem em nome do Senhor!”)  Isaías 43:5-7 “Não temas, pois, porque sou contigo; trarei a tua descendência desde o Oriente e a ajuntarei desde o Ocidente. Direi ao Norte: entrega! E ao Sul: não retenhas! Trazei meus filhos de longe e minhas filhas, das extremidades da terra, a todos os que são chamados pelo meu nome, e os que criei para minha glória, e que formei, e fiz.”  Isaías 49:6 “Disse mais: Pouco é que sejas o meu servo, para restaurares as tribos de Jacó, e tornares a trazer os preservados de Israel; também te dei para luz dos gentios, para seres a minha salvação até à extremidade da terra.”  Jeremias 23:3 “E eu mesmo recolherei o restante das minhas ovelhas, de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão, e se multiplicarão.”  Ezequiel 11:17-20 “Assim diz o SENHOR Deus: Hei de ajuntá-los do meio dos povos, e os recolherei das terras para onde foram lançados, e lhes darei a terra de Israel. (o retorno da diáspora) Voltarão para ali e tirarão dela todos os seus ídolos detestáveis e todas as suas abominações.”  Ezequiel 20:41 “Com cheiro suave me deleitarei em vós, quando eu vos tirar dentre os povos e vos congregar das terras em que andais espalhados; e serei santificado em vós perante os olhos dos gentios.”  Ezequiel 34:11-13 “Porque assim diz o SENHOR Deus: Eis que eu mesmo procurarei as minhas ovelhas e as buscarei. Como o pastor busca o seu rebanho, no dia em que encontra ovelhas dispersas, assim buscarei as minhas ovelhas; livrá-las-ei de todos os lugares para onde foram espalhadas no dia de nuvens e de escuridão. Tirá-las-ei dos povos, e as congregarei dos diversos países, e as introduzirei na sua terra.”  Ezequiel 36:24 “E vos tomarei dentre os gentios, e vos congregarei de todas as terras, e vos trarei para a vossa terra.”  Ezequiel 37:21 “Dize-lhes pois: Assim diz o Senhor Deus: Eis que eu tomarei os filhos de Israel dentre os gentios, para onde eles foram, e os congregarei de todas as partes, e os levarei à sua terra.”  Ezequiel 38:8,12 “no fim dos anos, virás à terra que se recuperou da espada, ao povo que se congregou dentre muitos povos sobre os montes de Israel, que sempre estavam desolados; este povo foi tirado de entre os povos. Isso a fim de tomares o despojo, arrebatares a presa e levantares a mão contra as terras desertas que se acham habitadas e contra o povo que se congregou dentre as nações, o qual tem gado e bens e habita no meio da terra.”  Ezequiel 39:27-29 “quando eu tornar a trazê-los de entre os povos, e os houver ajuntado das terras de seus inimigos, e tiver vindicado neles a minha santidade perante muitas nações. Saberão que eu sou o SENHOR, seu Deus, quando virem que eu os fiz ir para o cativeiro entre as nações, e os tornei a ajuntar para voltarem à sua terra, e que lá não deixarei a nenhum deles. Já não esconderei deles o rosto, pois derramarei o meu Espírito sobre a casa de Israel, diz o SENHOR Deus.”
  4. 4. 4  Sofonias 3:20 “Naquele tempo vos farei voltar, naquele tempo vos recolherei; certamente farei de vós um nome e um louvor entre todos os povos da terra, quando fizer voltar os vossos cativos diante dos vossos olhos, diz o Senhor.”  Zacarias 10:6 “E fortalecerei a casa de Judá, e salvarei a casa de José, e fá-los- ei voltar, porque me compadeci deles; e serão como se eu não os tivera rejeitado, porque eu sou o Senhor seu Deus, e os ouvirei.” Após a destruição total de todos os inimigos de Israel na Tribulação, os gentios que restarem terão grande benevolência para com Israel, boa vontade esta que já havia sido demonstrada até mesmo durante a perseguição mundial durante o reinado da Besta, ao risco do custo de suas próprias vidas! (Mateus 25:31-40 “sempre que o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.” – este termo “pequeninos” foi tirado pelo Senhor do texto de Zacarias 13:7, termo que se refere ao indivíduo remanescente, que mesmo dentro de uma geração apóstata e incrédula, ainda assim se identifica com Jesus Cristo, passando a ser um indefeso perseguido do ódio.) Da mesma forma que o Senhor tocou os corações dos egípcios para lhes retribuir os salários devidos pelos séculos de escravidão (Êxodo 12:29-36 – “Fizeram, pois, os filhos de Israel conforme à palavra de Moisés, e pediram aos egípcios jóias de prata, e jóias de ouro, e roupas. E o Senhor deu ao povo graça aos olhos dos egípcios, e estes lhe davam o que pediam; e despojaram aos egípcios.” Compare Gênesis 15:13,14: “Sabe, com certeza, que a tua posteridade será peregrina em terra alheia, e será reduzida à escravidão, e será afligida por quatrocentos anos. Mas também eu julgarei a gente a que têm de sujeitar-se; e depois sairão com grandes riquezas.”) da mesma forma, ao final da tribulação o Senhor novamente vai dar graça aos olhos dos gentios tribulacionais remanescentes e estes farão ofertas generosas para reconstrução da nação de Israel, da sua capital Jerusalém e do seu templo, para que ela seja a capital mundial. Até o serviço de transporte do remanescente judaico tribulacional para o encontro com o Messias no Monte das Oliveiras será patrocinado pelos gentios.  Deuteronômio 33:19 “Eles chamarão os povos ao monte; ali apresentarão ofertas de justiça, porque chuparão a abundância dos mares (as riquezas acumuladas pelos povos) e os tesouros escondidos da areia (as riquezas acumuladas pelos judeus).”  Salmos 72:15 “Viverá, e se lhe dará do ouro de Sabá; e continuamente se fará por ele oração, e o bendirão todos os dias.”  Isaías 60:5-16 “Então o verás, e serás iluminado, e o teu coração estremecerá e se alargará; porque a abundância do mar se tornará a ti, e as riquezas dos gentios virão a ti. A multidão de camelos te cobrirá, os dromedários de Midiã e de Efa; todos virão de Sabá; trarão ouro e incenso e publicarão os louvores do SENHOR. Todas as ovelhas de Quedar se reunirão junto de ti; servir-te-ão os carneiros de Nebaiote; para o meu agrado subirão ao meu altar, e eu tornarei mais gloriosa a casa da minha glória. Quem são estes que vêm voando como nuvens e como pombas, ao seu pombal? Certamente, as terras do mar me aguardarão; virão primeiro os navios de Társis para trazerem teus filhos de longe e, com eles, a sua prata e o seu ouro, para a santificação do nome do SENHOR, teu Deus, e do Santo de Israel, porque ele te glorificou. Estrangeiros edificarão (mão de obra qualificada e gratuita)os teus muros, e os seus reis te servirão; porque no meu furor te castiguei, mas na minha graça tive misericórdia de ti.E as tuas portas estarão abertas de contínuo, nem de dia nem de noite se fecharão; para que tragam a ti as riquezas dos gentios, e, conduzidos com elas, os seus reis. Porque a nação e o reino que não te servirem perecerão;
  5. 5. 5 sim, essas nações serão de todo assoladas. A glória do Líbano virá a ti; o cipreste, o olmeiro (gênero de grandes árvores, que compreende várias espécies, e cuja madeira é muito aplicada em construções) e o buxo (arbusto, semelhante à murta, e de que há duas variedades, sendo uma arborescente e empregada em certas obras, e outra rasteira, aplicada a guarnições de jardins como sebes), conjuntamente, para adornarem o lugar (o Burle Marx e o Niemeyer trabalharão de graça e com os melhores materiais!!!) do meu santuário; e farei glorioso o lugar dos meus pés. Também virão a ti, inclinando-se, os filhos dos que te oprimiram; prostrar-se-ão até às plantas dos teus pés todos os que te desdenharam e chamar-te-ão Cidade do SENHOR, a Sião do Santo de Israel. De abandonada e odiada que eras, de modo que ninguém passava por ti, eu te constituirei glória eterna, regozijo, de geração em geração.E mamarás o leite (o excelente fruto final de um trabalho) dos gentios, e alimentar-te-ás ao peito dos reis; e saberás que eu sou o Senhor, o teu Salvador, e o teu Redentor, o Poderoso de Jacó. Por bronze trarei ouro, por ferro trarei prata, por madeira, bronze e por pedras, ferro; farei da paz os teus inspetores e da justiça, os teus exatores.”  Isaías 61:6 “Porém vós sereis chamados sacerdotes do Senhor, e vos chamarão ministros de nosso Deus; comereis a riqueza dos gentios, e na sua glória vos gloriareis.”  Isaías 66:12,20 “Porque assim diz o Senhor: Eis que estenderei sobre ela a paz como um rio, e a glória dos gentios como um ribeiro que transborda; então mamareis, ao colo vos trarão, e sobre os joelhos vos afagarão. E trarão a todos os vossos irmãos, dentre todas as nações, por oferta ao Senhor, sobre cavalos, e em carros, e em liteiras, e sobre mulas, e sobre dromedários, trarão ao meu santo monte, a Jerusalém, diz o Senhor; como quando os filhos de Israel trazem as suas ofertas em vasos limpos à casa do Senhor.”  Miquéias 4:13 “Levanta-te e trilha, ó filha de Sião; porque eu farei de ferro o teu chifre, e de bronze as tuas unhas; e esmiuçarás a muitos povos, e o seu ganho será consagrado ao Senhor, e os seus bens ao Senhor de toda a terra.”  Ageu 2:7 “E farei tremer todas as nações, e virão coisas preciosas de todas as nações, e encherei esta casa de glória, diz o Senhor dos Exércitos.”  Zacarias 14:14 “E também Judá pelejará em Jerusalém, e as riquezas de todos os gentios serão ajuntadas ao redor, ouro e prata e roupas em grande abundância.” 8b) A vitória sobre os inimigos “Suscitem-se os gentios, e subam ao vale de Josafá; pois ali me assentarei para julgar todos os gentios em redor.” - Joel 3:12 A obsessão por ver o cumprimento das profecias messiânicas relacionadas a destruição dos inimigos de Israel entusiasmou tanto aos judeus pelos séculos de expectativa que obliterou o reconhecimento do próprio Messias para sua nação em sua primeira vinda. (João 1:11) A expectativa era que o Messias se apresentasse de forma poderosa e irresistível:
  6. 6. 6  Deuteronômio 33:29 “Bem-aventurado tu, ó Israel! Quem é como tu? Um povo salvo pelo Senhor, o escudo do teu socorro, e a espada da tua majestade; por isso os teus inimigos te serão sujeitos, e tu pisarás sobre as suas alturas.”  Salmos 2:1-5,12 “Por que se enfurecem os gentios e os povos imaginam coisas vãs? Os reis da terra se levantam, e os príncipes conspiram contra o SENHOR e contra o seu Ungido, dizendo: Rompamos os seus laços e sacudamos de nós as suas algemas. Ri-se aquele que habita nos céus; o Senhor zomba deles. Na sua ira, a seu tempo, lhes há de falar e no seu furor os confundirá...Beijai o Filho para que se não irrite, e não pereçais no caminho; porque dentro em pouco se lhe inflamará a ira.”  Salmos 72:8-10 “Domine ele de mar a mar e desde o rio até aos confins da terra. Curvem-se diante dele os habitantes do deserto, e os seus inimigos lambam o pó. Paguem-lhe tributos os reis de Társis e das ilhas; os reis de Sabá e de Sebá lhe ofereçam presentes.”  Salmos 79:10 “Porque diriam os gentios: Onde está o seu Deus? Seja ele conhecido entre os gentios, à nossa vista, pela vingança do sangue dos teus servos, que foi derramado.”  Salmos 110:2,5-7 “O SENHOR enviará de Sião o cetro do seu poder, dizendo: Domina entre os teus inimigos. O Senhor, à tua direita, no dia da sua ira, esmagará os reis. Ele julga entre as nações; enche-as de cadáveres; esmagará cabeças por toda a terra. De caminho, bebe na torrente e passa de cabeça erguida.”  Isaías 13:12 “Farei que os homens sejam mais escassos do que o ouro puro, mais raros do que o ouro de Ofir.”  Isaías 14:2 “E os povos os receberão, e os levarão aos seus lugares, e a casa de Israel os possuirá por servos, e por servas, na terra do Senhor; e cativarão aqueles que os cativaram, e dominarão sobre os seus opressores.”  Isaías 43:4 “Visto que foste precioso aos meus olhos, digno de honra, e eu te amei, darei homens por ti e os povos, pela tua vida.”  Isaías 63:1-4 “Quem é este que vem de Edom, de Bozra, com vestes de vivas cores, que é glorioso em sua vestidura, que marcha na plenitude da sua força? Sou eu que falo em justiça, poderoso para salvar. Por que está vermelho o traje, e as tuas vestes, como as daquele que pisa uvas no lagar? O lagar, eu o pisei sozinho, e dos povos nenhum homem se achava comigo; pisei as uvas na minha ira; no meu furor, as esmaguei, e o seu sangue me salpicou as vestes e me manchou o traje todo. Porque o dia da vingança me estava no coração, e o ano dos meus redimidos é chegado.”  Ezequiel 30:3 “Porque está perto o dia, sim, está perto o dia do Senhor; dia nublado; será o tempo dos gentios”  Ezequiel 38:3,4,6,16, “Assim diz o SENHOR Deus: Eis que eu sou contra ti, ó Gogue. Far-te-ei que te volvas, porei anzóis no teu queixo e te levarei a ti e todo o teu exército, cavalos e cavaleiros, todos
  7. 7. 7 vestidos de armamento completo, grande multidão, com pavês e escudo, empunhando todos a espada... muitos povos contigo...e subirás contra o meu povo de Israel, como nuvem, para cobrir a terra... Chamarei contra Gogue a espada em todos os meus montes, diz o SENHOR Deus; a espada de cada um se voltará contra o seu próximo. Contenderei com ele por meio da peste e do sangue; chuva inundante, grandes pedras de saraiva, fogo e enxofre farei cair sobre ele, sobre as suas tropas e sobre os muitos povos que estiverem com ele.”  Joel 3:7,14 “eis que eu os suscitarei do lugar para onde os vendestes e farei cair a vossa vingança sobre a vossa própria cabeça...Multidões, multidões no vale da decisão; porque o dia do Senhor está perto, no vale da decisão.”  Sofonias 3:8,15 “Esperai-me, pois, a mim, diz o SENHOR, no dia em que eu me levantar para o despojo; porque a minha resolução é ajuntar as nações e congregar os reinos, para sobre eles fazer cair a minha maldição e todo o furor da minha ira; pois toda esta terra será devorada pelo fogo do meu zelo...O SENHOR afastou as sentenças que eram contra ti e lançou fora o teu inimigo. O Rei de Israel, o SENHOR, está no meio de ti; tu já não verás mal algum.”  Zacarias 8:22 “Virão muitos povos e poderosas nações buscar em Jerusalém ao SENHOR dos Exércitos e suplicar o favor do SENHOR.”  Malaquias 4:1 “Pois eis que vem o dia e arde como fornalha; todos os soberbos e todos os que cometem perversidade serão como o restolho; o dia que vem os abrasará, diz o SENHOR dos Exércitos, de sorte que não lhes deixará nem raiz nem ramo.” 8c) A preparação física do planeta “cambaleará a terra como o ébrio” - Isaías 24:1 Como preparação para todo este contexto de condições topográficas, climáticas, hídricas e ambientais que tanto favorecerão e permitirão o cumprimento de tantas promessas de benção agrícola e material (é o cumprimento final do Pacto Palestino prometido a Abraão em Gênesis 12:7, 13:15, e 17:7,8 e celebrado com Moisés em Deuteronômio 30:1-10), haverá o acontecimento em sequência de inúmeras catástrofes que conformarão o cenário físico do planeta para o cumprimento das promessas proféticas.  Isaías 11:15 “O SENHOR destruirá totalmente o braço do mar do Egito, e com a força do seu vento moverá a mão contra o Eufrates, e, ferindo-o, dividi-lo-á em sete canais, de sorte que qualquer o atravessará de sandálias.”  Isaías 13:10,13 “Porque as estrelas e constelações dos céus não darão a sua luz; o sol, logo ao nascer, se escurecerá, e a lua não fará resplandecer a sua luz. Portanto, farei estremecer os céus; e a terra será sacudida do seu lugar, por causa da ira do SENHOR dos Exércitos e por causa do dia do seu ardente furor.”
  8. 8. 8  Isaías 24:19,20,23 “A terra será de todo quebrantada, ela totalmente se romperá, a terra violentamente se moverá. De todo cambaleará a terra como o ébrio, e será movida e removida como a choça de noite; e a sua transgressão se agravará sobre ela, e cairá, e nunca mais se levantará...A lua se envergonhará, e o sol se confundirá quando o SENHOR dos Exércitos reinar no monte Sião e em Jerusalém; perante os seus anciãos haverá glória.”  Ezequiel 38:19,20 “Porque disse no meu zelo, no fogo do meu furor, que, certamente, naquele dia haverá grande tremor sobre a terra de Israel, de tal sorte que os peixes do mar, e as aves do céu, e os animais do campo, e todos os répteis que se arrastam sobre a terra, e todos os homens que estão sobre a face da terra tremerão diante da minha presença; os montes serão deitados abaixo, os precipícios se desfarão, e todos os muros (adeus Burj Dubai, adeus Empire State, adeus Torre Eiffel, adeus Muralha da Chiana, adeus Brasília...) desabarão por terra.”  Joel 2:30,31 e 3:15,16 “Mostrarei prodígios no céu e na terra: sangue, fogo e colunas de fumaça. O sol se converterá em trevas, e a lua em sangue, antes que venha o grande e terrível dia do Senhor...O sol e a lua se escurecem, e as estrelas retiram o seu resplendor. O SENHOR brama de Sião e se fará ouvir de Jerusalém, e os céus e a terra tremerão.”  Zacarias 14:4,6-8,10 “Naquele dia, estarão os seus pés sobre o monte das Oliveiras, que está defronte de Jerusalém para o oriente; o monte das Oliveiras será fendido pelo meio, para o oriente e para o ocidente, e haverá um vale muito grande; metade do monte se apartará para o norte, e a outra metade, para o sul. Acontecerá, naquele dia, que não haverá luz, mas frio e gelo. Mas será um dia singular conhecido do SENHOR; não será nem dia nem noite, mas haverá luz à tarde. Naquele dia, também sucederá que correrão de Jerusalém águas vivas, metade delas para o mar oriental, e a outra metade, até ao mar ocidental; no verão e no inverno, sucederá isto. Toda a terra se tornará como a planície de Geba a Rimom, ao sul de Jerusalém; esta será exaltada e habitada no seu lugar, desde a Porta de Benjamim até ao lugar da primeira porta, até à Porta da Esquina e desde a Torre de Hananel até aos lagares do rei.”
  9. 9. 9  Mateus 24:7,29 “e haverá terremotos em vários lugares...Logo em seguida à tribulação daqueles dias, o sol escurecerá, a lua não dará a sua claridade, as estrelas cairão do firmamento, e os poderes dos céus serão abalados.”  Lucas 21:11,25 “E haverá em vários lugares grandes terremotos, e fomes e pestilências; haverá também coisas espantosas, e grandes sinais do céu...E haverá sinais no sol e na lua e nas estrelas; e na terra angústia das nações, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas.” (tsunamis por todo planeta)  Apocalipse 6:12-14 “E, havendo aberto o sexto selo, olhei, e eis que houve um grande tremor de terra; e o sol tornou-se negro como saco de cilício, e a lua tornou-se como sangue; E as estrelas do céu caíram sobre a terra, como quando a figueira lança de si os seus figos verdes, abalada por um vento forte, e o céu recolheu-se como um pergaminho quando se enrola. Então, todos os montes e ilhas foram movidos do seu lugar.” Como é sabido, a terra está inclinada sobre seu eixo, e o que se crê com estas profecias é que o SENHOR fará uma correção do eixo para sua posição original através de terremotos, em especial este de Apocalipse 6:12-14, que equivale ao de Apocalipse 16:1 e ao de Isaías 24:1. Evento gigantesco e global que ele poeticamente descreveu como “cambalear como o bêbado”. A consequência é que a visão da esfera celeste que temos sobre nossas cabeças (também chamada abóboda celeste) mudará de configuração: constelações que hoje são vistas no hemisfério norte não mais o serão, e constelações que hoje não são vistas no hemisfério sul passarão a ser (talvez até passemos a ver a Ursa Polar...), a sensação que este deslocamento trará aos habitantes tribulacionais do planeta será a de ver o “céu se
  10. 10. 10 enrolando como um pergaminho”, fantástico este Deus não!!! Mexendo em todo o universo e com todos os povos para ser fiel a Israel, seu povo.  Apocalipse 8:5 “E o anjo tomou o incensário, e o encheu do fogo do altar, e o lançou sobre a terra; e houve depois vozes, e trovões, e relâmpagos e terremotos.”  Apocalipse 11:13,19 “E naquela mesma hora houve um grande terremoto, e caiu a décima parte da cidade...E abriu-se no céu o templo de Deus, e a arca da sua aliança foi vista no seu templo; e houve relâmpagos, e vozes, e trovões, e terremotos e grande saraiva.”  Apocalipse 16:18 “E houve vozes, e trovões, e relâmpagos, e houve um grande terremoto, como nunca houve desde que há homens sobre a terra; tal foi este tão grande terremoto.” 8d) A prosperidade Como resultado de tantos fatores conjugados: a reunião da dispersão, a vitória sobre os inimigos e os eventos naturais conduzidos por Deus preparando a terra para receber os israelitas, o resultado só poderia ser um só: prosperidade em todos os sentidos.  Deuteronômio 8:8 “Terra de trigo e cevada, e de vides e figueiras, e romeiras; terra de oliveiras, de azeite e mel.”  Deuteronômio 30:3-5,9,20 “Então, o SENHOR, teu Deus, mudará a tua sorte, e se compadecerá de ti, e te ajuntará, de novo, de todos os povos entre os quais te havia espalhado o SENHOR, teu Deus. Ainda que os teus desterrados estejam para a extremidade dos céus, desde aí te ajuntará o SENHOR, teu Deus, e te tomará de lá. O SENHOR, teu Deus, te introduzirá na terra que teus pais possuíram, e a possuirás (o cumprimento do Pacto Palestino); e te fará bem e te multiplicará mais do que a teus pais...E o Senhor teu Deus te fará prosperar em toda a obra das tuas mãos, no fruto do teu ventre, e no fruto dos teus animais, e no fruto da tua terra para o teu bem; porquanto o Senhor tornará a alegrar-se em ti para te fazer bem, como se alegrou em teus pais...Para que habites na terra que o SENHOR, sob juramento, prometeu dar a teus pais, Abraão, Isaque e Jacó.” (compare Jeremias 32:42)  Salmos 35:27 “O Senhor seja engrandecido, o qual ama a prosperidade do seu servo.”  Salmos 72:16 “Haja na terra abundância de cereais, que ondulem até aos cimos dos montes; seja a sua messe (ganho, colheita, lucro) como o Líbano, e das cidades floresçam os habitantes como a erva da terra.”  Salmos 122:7 “Reine paz dentro de teus muros e prosperidade nos teus palácios.”  Salmos 147:14 “estabeleceu a paz nas tuas fronteiras e te farta com o melhor do trigo.”
  11. 11. 11  Isaías 4:2 “Naquele dia o renovo do Senhor será cheio de beleza e de glória; e o fruto da terra excelente e formoso para os que escaparem de Israel.”  Isaías 7:21-25 “Naquele dia, sucederá que um homem manterá apenas uma vaca nova e duas ovelhas, e será tal a abundância de leite que elas lhe darão, que comerá manteiga; manteiga e mel comerá todo o restante no meio da terra. Também, naquele dia, todo lugar em que houver mil vides, do valor de mil siclos de prata, será para espinheiros e abrolhos. (1 siclo = 15 gramas de prata = R$19,00, então uma vide valerá R$19.000,00 e mil vides R$19.000.000,00...e isto será desprezível, pífio, insignificante – compare 2 Crônicas 9:20: “Também todas as taças do rei Salomão eram de ouro, e todos os vasos da casa do bosque do Líbano, de ouro puro; a prata reputava-se por nada nos dias de Salomão.” - se era assim nos dias daquele que tipificava a Jesus Cristo, o grande Rei, imaginem nos dias do próprio Grande Rei!) Com flechas e arco se entrará aí, porque os espinheiros e abrolhos cobrirão toda a terra. Quanto a todos os montes, que os homens costumam sachar, para ali não irás por temeres os espinhos e abrolhos; serão para pasto de bois e para serem pisados de ovelhas.”  Isaías 29:17,18 “Porventura, dentro em pouco não se converterá o Líbano em pomar, e o pomar não será tido por bosque?  Isaías 33:6 “E haverá estabilidade nos teus tempos.”  Isaías 35:1,2,5-7 “O deserto e a terra se alegrarão; o ermo exultará e florescerá como o narciso. Florescerá abundantemente, jubilará de alegria e exultará; deu-se-lhes a glória do Líbano, o esplendor do Carmelo e de Sarom; eles verão a glória do SENHOR, o esplendor do nosso Deus...pois águas arrebentarão no deserto, e ribeiros, no ermo. A areia esbraseada se transformará em lagos, e a terra sedenta, em mananciais de águas; onde outrora viviam os chacais, crescerá a erva com canas e juncos.”  Isaías 51:3 “Porque o SENHOR tem piedade de Sião; terá piedade de todos os lugares assolados dela, e fará o seu deserto como o Éden, e a sua solidão, como o jardim do SENHOR.”  Isaías 58:12 “Os teus filhos edificarão as antigas ruínas; levantarás os fundamentos de muitas gerações e serás chamado reparador de brechas e restaurador de veredas para que o país se torne habitável.”  Isaías 65:9,10,19-22 “Farei sair de Jacó descendência e de Judá, um herdeiro que possua os meus montes; e os meus eleitos herdarão a terra e os meus servos habitarão nela. Sarom servirá de campo de pasto de ovelhas, e o vale de Acor, de lugar de repouso de gado (isto equivale a dizer, comparando Sarom e Acor, com lugares nobres e bem valorizados porque também o são na Palestina, que seria como transformar a Praça da Savassi ou os imóveis de Mônaco – que estão entre os mais valorizados do mundo – em lugares para o gado pastar, deitar e ruminar e deixar os seus estrumes...), para o meu povo que me buscar. E exultarei por causa de Jerusalém e me alegrarei no meu povo, e nunca mais se ouvirá nela nem voz de choro nem de clamor. Não haverá mais nela criança para viver poucos dias, nem velho que não cumpra os seus; porque morrer aos cem anos é morrer ainda jovem, e quem pecar só aos cem anos será amaldiçoado. Eles edificarão casas e nelas habitarão; plantarão vinhas e comerão o seu fruto. Não edificarão para que outros habitem; não plantarão para que outros comam; porque a longevidade do meu povo será como a da árvore, e os meus eleitos desfrutarão de todo as obras das suas próprias mãos.”
  12. 12. 12  Jeremias 31:5,12,14 “Ainda plantarás vinhas nos montes de Samaria; plantarão os plantadores e gozarão dos frutos...Hão de vir e exultar na altura de Sião, radiantes de alegria por causa dos bens do SENHOR, do cereal, do vinho, do azeite, dos cordeiros e dos bezerros; a sua alma será como um jardim regado, e nunca mais desfalecerão...Saciarei de gordura a alma dos sacerdotes, e o meu povo se fartará com a minha bondade, diz o SENHOR.”  Ezequiel 34:14,15 “Eis que eu mesmo procurarei as minhas ovelhas e as buscarei...apascentá-las-ei nos montes de Israel, junto às correntes e em todos os lugares habitados da terra. Apascentá-las-ei de bons pastos, e nos altos montes de Israel será a sua pastagem; deitar-se-ão ali em boa pastagem e terão pastos bons nos montes de Israel. Eu mesmo apascentarei as minhas ovelhas e as farei repousar, diz o SENHOR Deus.”  Ezequiel 36:8,28-30,33-36 “Mas vós, ó montes de Israel, vós produzireis os vossos ramos e dareis o vosso fruto para o meu povo de Israel, o qual está prestes a vir...Habitareis na terra que eu dei a vossos pais; vós sereis o meu povo, e eu serei o vosso Deus. Livrar-vos-ei de todas as vossas imundícias; farei vir o trigo, e o multiplicarei, e não trarei fome sobre vós. Multiplicarei o fruto das árvores e a novidade do campo, para que jamais recebais o opróbrio da fome entre as nações...Assim diz o SENHOR Deus: No dia em que eu vos purificar de todas as vossas iniquidades, então, farei que sejam habitadas as cidades e sejam edificados os lugares desertos. Lavrar-se-á a terra deserta, em vez de estar desolada aos olhos de todos os que passam. Dir-se-á: Esta terra desolada ficou como o jardim do Éden; as cidades desertas, desoladas e em ruínas estão fortificadas e habitadas. Então, as nações que tiverem restado ao redor de vós saberão que eu, o SENHOR, reedifiquei as cidades destruídas e replantei o que estava abandonado. Eu, o SENHOR, o disse e o farei.”  Ezequiel 47:1,7-12 “o homem me fez voltar à entrada do templo, e eis que saíam águas de debaixo do limiar do templo, para o oriente; porque a face da casa dava para o oriente, e as águas vinham de baixo, do lado direito da casa, do lado sul do altar...eis que à margem do rio havia grande abundância de árvores, de um e de outro lado. Então, me disse: Estas águas saem para a região oriental, e descem à campina, e entram no mar Morto, cujas águas ficarão saudáveis. Toda criatura vivente que vive em enxames viverá por onde quer que passe este rio, e haverá muitíssimo peixe, e, aonde chegarem estas águas, tornarão saudáveis as do mar, e tudo viverá por onde quer que passe este rio. Junto a ele se acharão pescadores; desde En-Gedi até En-Eglaim haverá lugar para se estenderem redes; o seu peixe, segundo as suas espécies, será como o peixe do mar Grande, em multidão excessiva. Mas os seus charcos e os seus pântanos não serão feitos saudáveis; serão deixados para o sal. Junto ao rio, às ribanceiras, de um e de outro lado, nascerá toda sorte de árvore que dá fruto para se comer; não fenecerá a sua folha, nem faltará o seu fruto; nos seus meses, produzirá novos frutos, porque as suas águas saem do santuário; o seu fruto servirá de alimento, e a sua folha, de remédio.”  Joel 2:18-26 “Então, o SENHOR se mostrou zeloso da sua terra, compadeceu-se do seu povo e, respondendo, lhe disse: Eis que vos envio o cereal, e o vinho, e o óleo, e deles sereis fartos, e vos não entregarei mais ao opróbrio entre as nações...Não temas, ó terra, regozija-te e alegra-te, porque o SENHOR faz grandes coisas. Não temais, animais do campo, porque os pastos do deserto reverdecerão, porque o arvoredo dará o seu fruto, a figueira e a vide produzirão com vigor. Alegrai-vos, pois, filhos de Sião, regozijai-vos no SENHOR, vosso Deus, porque ele vos dará em justa medida a chuva; fará descer,
  13. 13. 13 como outrora, a chuva temporã e a serôdia. As eiras se encherão de trigo, e os lagares transbordarão de vinho e de óleo...Comereis abundantemente, e vos fartareis, e louvareis o nome do SENHOR, vosso Deus, que se houve maravilhosamente convosco; e o meu povo jamais será envergonhado.”  Joel 3:18 “E há de ser que, naquele dia, os montes destilarão mosto, e os outeiros manarão leite, e todos os rios de Judá estarão cheios de águas; sairá uma fonte da Casa do SENHOR e regará o vale de Sitim.”  Amós 3:13,14 “Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que o que lavra segue logo ao que ceifa, e o que pisa as uvas, ao que lança a semente; os montes destilarão mosto, e todos os outeiros se derreterão. Mudarei a sorte do meu povo de Israel; reedificarão as cidades assoladas e nelas habitarão, plantarão vinhas e beberão o seu vinho, farão pomares e lhes comerão o fruto.”  Zacarias 1:17 “Clama outra vez, dizendo: Assim diz o Senhor dos Exércitos: As minhas cidades ainda aumentarão e prosperarão; porque o Senhor ainda consolará a Sião e ainda escolherá a Jerusalém.”  Zacarias 8:12 “Porque haverá semente de prosperidade; a vide dará o seu fruto, e a terra dará a sua novidade, e os céus darão o seu orvalho; e farei que o restante deste povo herde tudo isto.”  Mateus 5:5 “Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra.” 8e) A saúde “Amado, desejo que te vá bem em todas as coisas, e que tenhas saúde, assim como bem vai a tua alma.” - 3 João 1:2 Este é o coração de Deus: a benção integral, que inclui a saúde física e a ausência de enfermidades naquele que é o objeto máximo do seu amor, o homem, sua imagem e semelhança. Da mesma forma que a saúde era uma promessa aos israelitas da antiga aliança, igualmente as bênçãos decorrentes da obediência se mantêm na vigência da Nova Aliança com Israel.  Êxodo 15:26 “Se ouvires atento a voz do SENHOR, teu Deus, e fizeres o que é reto diante dos seus olhos, e deres ouvido aos seus mandamentos, e guardares todos os seus estatutos, nenhuma enfermidade virá sobre ti, das que enviei sobre os egípcios; pois eu sou o SENHOR, que te sara.” – Aqui temos a revelação do SENHOR a Israel como o “Jehová Rafa”, o Deus que cura, o Deus que sara, o Deus que mantém a integridade física e a saúde.  Êxodo 23:25 “Servireis ao SENHOR, vosso Deus, e ele abençoará o vosso pão e a vossa água; e tirará do vosso meio as enfermidades.”  Deuteronômio 30:9 “O SENHOR, teu Deus, te dará abundância em toda obra das tuas mãos, no fruto do teu ventre...” (ou seja, haverá saúde genética entre os descendentes israelitas milenários - e claro, por extensão a todos os seres humanos milenários e até aos animais– não nascerão mais crianças com problemas mentais, ou físicos, ou com qualquer outra síndrome ou aberração cromossômica: de Down, ou de Alport, ou de Brugada, ou de Cockayne, ou de Crouzon, ou de Cri Du Chat, ou de Dandy Walker SDW, ou de Dubin-Johnson, ou de EhlersDanos, ou de Kelley-Seegmiller, ou de Klinefelter, ou de
  14. 14. 14 Marfan, ou de Miller-Dieker, ou de PraderWili, ou de Rett, ou de Sanfilippo, ou de Stickler, ou de Treacher Collins, ou de Turner, ou de Usher, ou de Waardenburg, ou de Williams Beuren SW ou de...)  Salmos 102:3 “Ele é quem perdoa todas as tuas iniquidades; quem sara todas as tuas enfermidades.”  Provérbios 3:7,8 “Não sejas sábio aos teus próprios olhos; teme ao SENHOR (e como já estudamos, o Reino Messiânico se caracterizará por abundância de excelência espiritual e temor do SENHOR) e aparta-te do mal; será isto saúde para o teu corpo e refrigério, para os teus ossos.”  Provérbios 4:20-22 “Filho meu, atenta para as minhas palavras; aos meus ensinamentos inclina os ouvidos. Não os deixes apartar-se dos teus olhos; guarda-os no mais íntimo do teu coração, (e como já estudamos, o Reino Messiânico se caracterizará por abundância de excelência espiritual e temor do SENHOR) porque são vida para quem os acha e saúde, para o seu corpo.”  Provérbios 17:22 “O coração alegre (e como já estudamos também, o Reino Messiânico se caracterizará por abundância de alegria)é bom remédio, mas o espírito abatido faz secar os ossos.”  Isaías 29:18 “Naquele dia, os surdos ouvirão as palavras do livro, e os cegos, livres já da escuridão e das trevas, as verão.”  Isaías 35:5,6 “Então, se abrirão os olhos dos cegos, e se desimpedirão os ouvidos dos surdos; os coxos saltarão como cervos, e a língua dos mudos cantará.”  Isaías 30:19 / 61:2,3 / 65:19 / Jeremias 35:12 / Ezequiel 28:24 “Porque o povo habitará em Sião, em Jerusalém; não chorarás mais; certamente se compadecerá de ti, à voz do teu clamor e, ouvindo-a, te responderá.” / “a consolar os tristes...a ordenar acerca dos tristes de Sião que se lhes dê glória em vez de cinza, óleo de gozo em vez de tristeza, vestes de louvor em vez de espírito angustiado; a fim de que se chamem árvores de justiça, plantações do Senhor, para que ele seja glorificado.” / “E exultarei por causa de Jerusalém e me alegrarei no meu povo, e nunca mais se ouvirá nela nem voz de choro nem de clamor.” / “a sua alma será como um jardim regado “ / “E a casa de Israel nunca mais terá espinho que a fira, nem espinho que cause dor, entre os que se acham ao redor deles e que os desprezam; e saberão que eu sou o Senhor DEUS.” (ou seja, no Reino Messiânico não haverá necessidade de terapeutas, psicólogos ou psiquiatras para tratar distúrbios emocionais, depressão, bulimia ou anorexia ou pois ele não mais existirão)  Isaías 65:20,22 “Não haverá mais nela criança para viver poucos dias, nem velho que não cumpra os seus; porque morrer aos cem anos é morrer ainda jovem... porque a longevidade do meu povo será como a da árvore.” (ou seja, prevalecerá a longevidade, centenas e centenas de anos de existência física, e para que haja longevidade é necessário que haja saúde e qualidade de vida)  Jeremias 33:6 “eis que lhe trarei a ela saúde e cura e os sararei”

×