Introdução a teologia aula 4

402 visualizações

Publicada em

aula da faecad

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
402
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Introdução a teologia aula 4

  1. 1. FACULDADE EVANGÉLICA DAS ASSEMBLEIAS DE DEUS (FAECAD) INSTITUTO BÍBLICO DAS ASSEMBLEIAS DE DEUS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO (IBADERJ) INSTITUTO DE ENSINO TEOLÓGICO DE PETRÓPOLIS (IETEP) INTRODUÇÃO A TEOLOGIA AULA 4
  2. 2. O TEÓLOGO “Quem é o Teólogo?*” Teólogo é todo aquele que pensa ou fala sobre Deus, de maneira que, todos nós somos teólogos e a pergunta é que tipo de teólogos somos? bons ou maus teólogos? Sobre isso Sawyer afirma: “Toda vez que pensamos em Deus, envolvemo-nos com a teologia.” *Pg 17 - Uma Introdução e Teologia
  3. 3. O TEÓLOGO “3 Maneiras de fazer teologia?*” Henrique Cristiano José Matos aponta para três maneiras de se fazer Teologia: • Teologia Popular (Com discurso espontâneo a partir da experiência da vida cotidiana) • Teologia Profissional (Com discurso científico e com base no Método Teológico) • Teologia Pastoral (Com discurso diretamente ligado a Prática Cotidiana da comunidade com objetivo da evangelização *Pgs 20 e 21 - Estudar Teologia Iniciação e Método
  4. 4. O TEÓLOGO “3 aspectos do labor teológico*” (Com base nos modelos da teologia em Sawyer) Os Três aspectos do trabalho do teólogo são o de guardião da verdade, cientista e contextualizador, em relação a isso, Sawyer nos faz um alerta: “Esses três fatores estão presentes tanto no estudo individual do Teólogo quanto na comunidade teológica. Se cometermos o erro de enfatizar um desses fatores, em detrimento dos outros dois, o resultado poderá ser um grande mal-entendido e acirrados debates entre os teólogos.” *Pg 27 - Uma Introdução e Teologia
  5. 5. O TEÓLOGO “3 aspectos do labor teológico*” (O TEÓLOGO COMO GUARDIÃO DA VERDADE) Nesse aspecto a verdade encontrada em Deus deve ser preservada através da evangelização e do discipulado, onde a verdade vai passando para gerações seguintes, nesse sentido Sawyer afirma. “A sucessão apostólica, como entendida no princípio, não se referia à transmissão da autoridade espiritual dos apóstolos, e sim á doutrina apostólica, que era passada de geração a geração.** *Pg 27 - Uma Introdução e Teologia REFERÊNCIA BÍBLICA 2 Tm 2. 2 - Jd 3 **Pg 41 - Uma Introdução e Teologia
  6. 6. O TEÓLOGO “3 aspectos do labor teológico*” (O TEÓLOGO COMO CIENTISTA) Nesse aspecto o teólogo é um investigador da verdade, de forma racional e crítica. nesse sentido Agostinho afirma. “Longe de nós pensar que Deus possa odiar em nós aquela faculdade pela qual nos criou superiores ao resto dos animais. Longe de nós pensar que a fé nos incita a recusar ou a deixar de buscar a razão, pois nem mesmo poderíamos crer se não tivéssemos almas racionais... Tu, caríssimo, ora intensa e fielmente para o Senhor te dê o entendimento. Assim, ser-te-ão frutuosas as advertências que de fora te oferece a inteligência dos mestres doutores.” *Pg 44 - Uma Introdução e Teologia **Pg 21 - Estudar Teologia Iniciação e MétodoREFERÊNCIA BÍBLICA 1 Pe 3. 15
  7. 7. O TEÓLOGO “3 aspectos do labor teológico*” (O TEÓLOGO COMO CONTEXTUALIZADOR) Apesar da imutabilidade da mensagem de Deus, o teólogo deve fazer a releitura desta mensagem, para sua comunidade e Nesse aspecto Sawyer afirma. “A contextualização refere-se á tradução do imutável evangelho do Reino em formas verbais significativas para povos em suas respectivas culturas e dentro de sua situação existencial específica.” *Pg 60 - Uma Introdução e Teologia REFERÊNCIA BÍBLICA 1 Co 9. 20 - 22
  8. 8. OBRIGADOOBRIGADO Professor Carlos Alexandre Ribeiro Dorte E-mail: professorcarlosdorte@yahoo.com.br (24) 98843-4098 Carlos Alexandre Ribeiro Dorte

×