SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
A família cristã no século XXI
2º Trimestre de 2013

A SEXUALIDADE E A FAMÍLIA
Lição 9

“E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de
Deus o criou; macho e fêmea os criou” (Gn 1.27).
Gênesis 1. 27
Jeitos de Amar
by Adélia Prado
Uma personagem põe-se a lembrar da mãe, que era
danada de braba, mas esmerava-se na hora de fazer
dois molhos de cachinhos no cabelo da filha, para
que ela fosse bonita pra escola.
"Meu Deus, quanto jeito que tem de ter amor".
É comovente porque é algo que a gente esquece:
milhões de pequenos gestos são maneiras de amar.
Beijos e abraços são provas mais eloqüentes,
exigem retribuição física, são facilidades do corpo.
Porém há diversos outras demonstrações mais sutis.
Mexer no cabelo, pentear os cabelos, tal como
aquela mãe e aquela filha, tal como namorados
fazem, tal como tanta gente faz: cafunés.
Amigas colorindo o cabelo da outra, cortando
franjas, puxando rabos de cavalo, rindo soltas.
Quanto jeito que há de amar.
Flores colhidas na calçada, flores compradas, flores
feitas de papel, desenhadas, entregues em datas
nada especiais: "lembrei de você".
É este o único e melhor motivo para azaléias,
margaridas, violetinhas.
Quanto jeito que há de amar.
Um telefonema pra saber da saúde, uma oferta de
carona, um elogio, um livro emprestado, uma carta
respondida, uma mensagem pelo celular, repartir o
que se tem, cuidados para não magoar, dizer a
verdade quando ela é salutar, e mentir, sim, com
carinho, se for para evitar feridas e dores desnecessárias.
Quanto jeito que há de amar.
Uma foto mantida ao alcance dos olhos, uma
lembrança bem guardada, fazer o prato predileto de
alguém e botar uma mesa bonita, levar o cachorro
pra passear, chamar pra ver a lua, dar banho em
quem não consegue fazê-lo só, ouvir os velhos,
ouvir as crianças, ouvir os amigos, ouvir os parentes, ouvir.
Quanto jeito que há de amar.
Orar por alguém, vestir roupa nova pra
homenagear, trocar curativos, tirar pra dançar, não
espalhar segredos, puxar o cobertor caído, cobrir,
visitar doentes, velar, sugerir cidades, filmes, cds,
brinquedos, brincar...
Quanto jeito que há.
I– Questões sobre a sexualidade
II – O valor da pureza sexual antes do casamento
III – O sexo que bíblia condena
I– Questões sobre a sexualidade
1. Um mundo dominado pelo erotismo. Vivemos  numa  sociedade  marcada  por  um 
erotismo  tão  maligno  e  ímpio,  que  não  poupa  sequer  as  crianças.  Nossas  famílias, 
principalmente  as  crianças,  estão  sendo  expostas  à  exploração  do  sexo  de  modo 
intenso  e  irresponsável.  Infelizmente  há  cristãos,  inclusive  obreiros,  que,  utilizando-se 
indevidamente da internet tornam-se vítimas da pornografia. O fácil acesso a esse tipo 
de  material  vem  roubando  a  alegria  da  salvação  de  muita  gente.  Portanto,  tomemos 
cuidado com o que vemos no computador (leia Sl 101.3).
2. Fornicação é pecado. Não  querendo  Deus  que  o  homem  vivesse  só,  deu-lhe  uma 
esposa (Gn 2.18). Por isso, o Cântico dos Cânticos de Salomão exalta o relacionamento 
sexual  não entre  solteiros,  mas  entre  um  homem  e  uma  mulher devidamente  casados 
(Ct 4.1-12; Ef 5.22-25). Isso significa que o sexo antes ou fora do casamento desagrada 
a Deus. E quem vive na prática do pecado não herdará o Reino de Deus (Ef 5.5).
3. Prazer no casamento. Muita gente acha que o relacionamento sexual entre marido e 
mulher  tem  como  único  objetivo  a  procriação.  Isso  é  um  erro.  Na  Bíblia,  encontramos 
vários textos que incentivam o casal a desfrutar das alegrias conjugais. Em Provérbios 
5.18-23,  os  cônjuges  são  exortados  a  usufruírem  da  intimidade  matrimonial.  Por  outro 
lado,  o  homem  é  advertido  contra  “a  mulher  estranha”,  a  adúltera.  Em  seguida,  é 
incentivado a valorizar a união matrimonial e santa, exaltando sempre a monogamia, a 
fidelidade e o amor (Ec 9.9; Ct 4.1-12; 7.1-9).
 
II – O valor da pureza sexual antes do casamento
1. No Antigo Testamento. A  Bíblia  exalta  a  pureza  na  vida  de  um 
jovem  (Sl  119.9-11).  Aliás,  esse  texto  é  indispensável  a  todo  servo 
de  Deus.  As  leis  sobre  a  castidade  eram  rigorosas.  Se  uma  jovem, 
por  exemplo,  tivesse  relações  sexuais  antes  do  casamento  era 
apedrejada  até  à  morte  (Dt  22.20,21),  e  o  sacerdote  só  poderia  se 
casar com uma virgem (Lv 21.13,14), demostrando que em Israel, a 
virgindade era necessária e valorizada por todos (Gn 34.7).
2. Em o Novo Testamento. Doutrinando  os  coríntios  sobre  a 
fidelidade a Cristo, Paulo faz alusão ao valor da virgindade: “Porque 
estou zeloso de vós com zelo de Deus; porque vos tenho preparado 
para vos apresentar como uma virgem pura a um marido, a saber, a 
Cristo”  (2Co  11.2).  Por  conseguinte,  a  pureza  sexual  em  o  Novo 
testamento  é  tanto  para  o  homem  quanto  para  a  mulher.  Ambos 
devem manter-se castos e virgens até o casamento.
 
III – O sexo que bíblia condena
1. A prática do homossexualismo. No princípio, o Criador não uniu dois “machos” 
nem  duas  “fêmeas”.  A  Bíblia  é  clara:  “E  criou  Deus  o  homem  à  sua  imagem;  à 
imagem  de  Deus  o  criou;  macho  e  fêmea  os  criou”  (Gn  1.27).  Mais  adiante, 
acrescenta o texto bíblico: “E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja 
só; far-lhe-ei uma adjutora que esteja como diante dele” (Gn 2.18). Tais passagens 
mostram que Deus criou apenas dois gêneros bem distintos: homem e mulher. Isto 
significa que o homossexualismo é pecado. Não resta dúvida! É um pecado de tal 
forma abominável que até mesmo o dinheiro proveniente de tal prática não deve ser 
introduzido  na  Casa  de  Deus:  “Não  trarás  salário  de  prostituição  nem  preço  de 
sodomita à Casa do Senhor, teu Deus, por qualquer voto; porque uma e outra coisa 
são igualmente abomináveis ao Senhor, teu Deus” (Dt 23.18 — ARA).
Cumpre  ressaltar,  aqui,  que  não  admitimos  qualquer  tipo  de  violência  contra  os 
homossexuais.  Mesmo  porque,  cumpre-nos  ganhá-los  para  Jesus.  E,  graças  a 
Deus,  há  muitos  ex-homossexuais  que,  hoje,  servem  fielmente  ao  Senhor  (1Co 
6.11).
A familia e a sexualidade
A familia e a sexualidade

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblicoNatalino das Neves Neves
 
A FamíLia Cristã
A FamíLia CristãA FamíLia Cristã
A FamíLia Cristãrenaapborges
 
A necessidade e a urgência do culto doméstico
A necessidade e a urgência do culto domésticoA necessidade e a urgência do culto doméstico
A necessidade e a urgência do culto domésticoMoisés Sampaio
 
Lição 06 A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
Lição 06  A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013Lição 06  A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
Lição 06 A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013João Paulo Silva Mendes
 
Ibadep a familia crista
Ibadep   a familia cristaIbadep   a familia crista
Ibadep a familia cristaRicardo819
 
Lição 8 missão de marido, esposa e filhos
Lição 8   missão de marido, esposa e filhosLição 8   missão de marido, esposa e filhos
Lição 8 missão de marido, esposa e filhosJoanilson França Garcia
 
Sexo, uma Dádiva Divina_2019 LBJ Lição 6
Sexo, uma Dádiva Divina_2019 LBJ Lição 6Sexo, uma Dádiva Divina_2019 LBJ Lição 6
Sexo, uma Dádiva Divina_2019 LBJ Lição 6Natalino das Neves Neves
 
Escola Bíblica Dominical - Lição 9 Revista Dez Mandamentos
 Escola Bíblica Dominical - Lição 9  Revista Dez Mandamentos Escola Bíblica Dominical - Lição 9  Revista Dez Mandamentos
Escola Bíblica Dominical - Lição 9 Revista Dez Mandamentosinfogod
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
A família e cristã
A família e cristãA família e cristã
A família e cristãAsafe Maia
 
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIALBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIANatalino das Neves Neves
 
O divórcio lição 07 para ebd
O divórcio   lição 07 para ebdO divórcio   lição 07 para ebd
O divórcio lição 07 para ebdjoseph2012sky
 
LBJ LIÇÃO 4 - Preparando-se para construir uma família
LBJ LIÇÃO 4 - Preparando-se para construir uma famíliaLBJ LIÇÃO 4 - Preparando-se para construir uma família
LBJ LIÇÃO 4 - Preparando-se para construir uma famíliaNatalino das Neves Neves
 

Mais procurados (20)

2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
2013_2 tri - lição 2 - o casamento bíblico
 
A FamíLia Cristã
A FamíLia CristãA FamíLia Cristã
A FamíLia Cristã
 
A necessidade e a urgência do culto doméstico
A necessidade e a urgência do culto domésticoA necessidade e a urgência do culto doméstico
A necessidade e a urgência do culto doméstico
 
Lição 06 A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
Lição 06  A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013Lição 06  A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
Lição 06 A Infidelidade Conjugal - Lições Bíblicas CPAD 2º Trimestre de 2013
 
Ibadep a familia crista
Ibadep   a familia cristaIbadep   a familia crista
Ibadep a familia crista
 
Casamento familia
Casamento familiaCasamento familia
Casamento familia
 
Lição 8 missão de marido, esposa e filhos
Lição 8   missão de marido, esposa e filhosLição 8   missão de marido, esposa e filhos
Lição 8 missão de marido, esposa e filhos
 
Sexo, uma Dádiva Divina_2019 LBJ Lição 6
Sexo, uma Dádiva Divina_2019 LBJ Lição 6Sexo, uma Dádiva Divina_2019 LBJ Lição 6
Sexo, uma Dádiva Divina_2019 LBJ Lição 6
 
A família sob ataque
A família sob ataqueA família sob ataque
A família sob ataque
 
Lição 6 - O Papel do Marido na Família
Lição 6 - O Papel do Marido na FamíliaLição 6 - O Papel do Marido na Família
Lição 6 - O Papel do Marido na Família
 
Família cristã saudável
Família cristã saudávelFamília cristã saudável
Família cristã saudável
 
A mulher virtuosa
A mulher virtuosaA mulher virtuosa
A mulher virtuosa
 
Lição o divórcio
Lição   o divórcioLição   o divórcio
Lição o divórcio
 
Escola Bíblica Dominical - Lição 9 Revista Dez Mandamentos
 Escola Bíblica Dominical - Lição 9  Revista Dez Mandamentos Escola Bíblica Dominical - Lição 9  Revista Dez Mandamentos
Escola Bíblica Dominical - Lição 9 Revista Dez Mandamentos
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
 
Lição 7 - O Papel da Esposa na Família
Lição 7 - O Papel da Esposa na FamíliaLição 7 - O Papel da Esposa na Família
Lição 7 - O Papel da Esposa na Família
 
A família e cristã
A família e cristãA família e cristã
A família e cristã
 
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIALBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
LBJ LIÇÃO 3 - AS DIFERENTES MUDANÇAS SOCIAIS NA FAMÍLIA
 
O divórcio lição 07 para ebd
O divórcio   lição 07 para ebdO divórcio   lição 07 para ebd
O divórcio lição 07 para ebd
 
LBJ LIÇÃO 4 - Preparando-se para construir uma família
LBJ LIÇÃO 4 - Preparando-se para construir uma famíliaLBJ LIÇÃO 4 - Preparando-se para construir uma família
LBJ LIÇÃO 4 - Preparando-se para construir uma família
 

Destaque (20)

Redes sociais e sexualidade
Redes  sociais e sexualidadeRedes  sociais e sexualidade
Redes sociais e sexualidade
 
Sexualidade na adolescência
Sexualidade na adolescênciaSexualidade na adolescência
Sexualidade na adolescência
 
SOCIOLOGIA SEXUALIDADE
SOCIOLOGIA SEXUALIDADESOCIOLOGIA SEXUALIDADE
SOCIOLOGIA SEXUALIDADE
 
Sexualidade
SexualidadeSexualidade
Sexualidade
 
A lógica de Deus x a lógica dos homens 1 dom quaresma
A lógica de Deus x a lógica dos homens   1 dom quaresmaA lógica de Deus x a lógica dos homens   1 dom quaresma
A lógica de Deus x a lógica dos homens 1 dom quaresma
 
Sexualidade
SexualidadeSexualidade
Sexualidade
 
Homem Maduro (04 2008)
Homem Maduro (04 2008)Homem Maduro (04 2008)
Homem Maduro (04 2008)
 
O homem espiritual
O homem espiritualO homem espiritual
O homem espiritual
 
Dia do homem
Dia do homemDia do homem
Dia do homem
 
Escoladeservosout09
Escoladeservosout09Escoladeservosout09
Escoladeservosout09
 
3. a natureza essencial do homem
3. a natureza essencial do homem3. a natureza essencial do homem
3. a natureza essencial do homem
 
O Homem No Mundo
O Homem No MundoO Homem No Mundo
O Homem No Mundo
 
Profetas menores lição 2 - Oséias
Profetas menores   lição 2 - OséiasProfetas menores   lição 2 - Oséias
Profetas menores lição 2 - Oséias
 
Apres Compos Sexualidade
Apres Compos SexualidadeApres Compos Sexualidade
Apres Compos Sexualidade
 
Lição 9 - Etica Cristã e Sexualidade
Lição 9 - Etica Cristã e SexualidadeLição 9 - Etica Cristã e Sexualidade
Lição 9 - Etica Cristã e Sexualidade
 
Sexualidade à Luz Da Doutrina EspíRita
Sexualidade à Luz Da Doutrina EspíRitaSexualidade à Luz Da Doutrina EspíRita
Sexualidade à Luz Da Doutrina EspíRita
 
Escravos
EscravosEscravos
Escravos
 
Perturbações sexuais
Perturbações sexuaisPerturbações sexuais
Perturbações sexuais
 
Matrimônio e sexualidade
Matrimônio e sexualidadeMatrimônio e sexualidade
Matrimônio e sexualidade
 
Lição 3 criação do homem e da mulher b
Lição 3 criação do homem e da mulher bLição 3 criação do homem e da mulher b
Lição 3 criação do homem e da mulher b
 

Semelhante a A familia e a sexualidade

3 casamento sob a otica de deus
3   casamento sob a otica de deus3   casamento sob a otica de deus
3 casamento sob a otica de deusPIB Penha
 
A Família Cristã e a Sexualidade
A Família Cristã e a Sexualidade A Família Cristã e a Sexualidade
A Família Cristã e a Sexualidade yosseph2013
 
Lição 4 - Orientações Bíblicas sobre a Intimidade do casal
Lição 4 - Orientações Bíblicas sobre a Intimidade do casalLição 4 - Orientações Bíblicas sobre a Intimidade do casal
Lição 4 - Orientações Bíblicas sobre a Intimidade do casalÉder Tomé
 
Sexualidadeereformisso markdriscoll-121116120935-phpapp01
Sexualidadeereformisso markdriscoll-121116120935-phpapp01Sexualidadeereformisso markdriscoll-121116120935-phpapp01
Sexualidadeereformisso markdriscoll-121116120935-phpapp01Michel Jonas Gonçalves
 
Um amor abundante, um leito viçoso em pdf
Um amor abundante, um leito viçoso em pdfUm amor abundante, um leito viçoso em pdf
Um amor abundante, um leito viçoso em pdfPr Ismael Carvalho
 
Para os pais e para os filhos, conselhos do eterno
Para os pais e para os filhos, conselhos do eternoPara os pais e para os filhos, conselhos do eterno
Para os pais e para os filhos, conselhos do eternoOaidson Silva
 
O Casamento - Deus entre os homens (Memorial de Deus) Sermão
O Casamento - Deus entre os homens (Memorial de Deus) SermãoO Casamento - Deus entre os homens (Memorial de Deus) Sermão
O Casamento - Deus entre os homens (Memorial de Deus) SermãoLuanna Eroles
 
Lição 6 a infidelidade conjugal
Lição 6  a infidelidade conjugalLição 6  a infidelidade conjugal
Lição 6 a infidelidade conjugalSilas Rodrigues
 
Sexualidade e reformissão mark driscoll
Sexualidade e reformissão   mark driscollSexualidade e reformissão   mark driscoll
Sexualidade e reformissão mark driscollwww.osEXgays.com
 
Lição 6 (jovens)- Relacionamento sentimental
Lição 6 (jovens)- Relacionamento sentimentalLição 6 (jovens)- Relacionamento sentimental
Lição 6 (jovens)- Relacionamento sentimentalboasnovassena
 
Ebook casamento familia
Ebook casamento familiaEbook casamento familia
Ebook casamento familiaEliezer Rabelo
 
Familia e Educacao Como Fundamentos Para a Paz
Familia e Educacao Como Fundamentos Para a PazFamilia e Educacao Como Fundamentos Para a Paz
Familia e Educacao Como Fundamentos Para a PazChristian Lepelletier
 
Amoris Laetitia Cap 1 À luz da Palavra.pptx
Amoris Laetitia Cap 1 À luz da Palavra.pptxAmoris Laetitia Cap 1 À luz da Palavra.pptx
Amoris Laetitia Cap 1 À luz da Palavra.pptxMartin M Flynn
 
Namoro na adolescência
Namoro na adolescênciaNamoro na adolescência
Namoro na adolescênciaCarlos Franco
 
Relacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãosRelacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãosArsky
 

Semelhante a A familia e a sexualidade (20)

Advertências contra o adultério
Advertências contra o adultérioAdvertências contra o adultério
Advertências contra o adultério
 
3 casamento sob a otica de deus
3   casamento sob a otica de deus3   casamento sob a otica de deus
3 casamento sob a otica de deus
 
A Família Cristã e a Sexualidade
A Família Cristã e a Sexualidade A Família Cristã e a Sexualidade
A Família Cristã e a Sexualidade
 
Lição 4 - Orientações Bíblicas sobre a Intimidade do casal
Lição 4 - Orientações Bíblicas sobre a Intimidade do casalLição 4 - Orientações Bíblicas sobre a Intimidade do casal
Lição 4 - Orientações Bíblicas sobre a Intimidade do casal
 
Sexualidadeereformisso markdriscoll-121116120935-phpapp01
Sexualidadeereformisso markdriscoll-121116120935-phpapp01Sexualidadeereformisso markdriscoll-121116120935-phpapp01
Sexualidadeereformisso markdriscoll-121116120935-phpapp01
 
Um amor abundante, um leito viçoso em pdf
Um amor abundante, um leito viçoso em pdfUm amor abundante, um leito viçoso em pdf
Um amor abundante, um leito viçoso em pdf
 
Para os pais e para os filhos, conselhos do eterno
Para os pais e para os filhos, conselhos do eternoPara os pais e para os filhos, conselhos do eterno
Para os pais e para os filhos, conselhos do eterno
 
Familias imperfeitas 2
Familias imperfeitas 2Familias imperfeitas 2
Familias imperfeitas 2
 
O Casamento - Deus entre os homens (Memorial de Deus) Sermão
O Casamento - Deus entre os homens (Memorial de Deus) SermãoO Casamento - Deus entre os homens (Memorial de Deus) Sermão
O Casamento - Deus entre os homens (Memorial de Deus) Sermão
 
Namorar ou ficar
Namorar ou ficarNamorar ou ficar
Namorar ou ficar
 
Lição 6 a infidelidade conjugal
Lição 6  a infidelidade conjugalLição 6  a infidelidade conjugal
Lição 6 a infidelidade conjugal
 
Sexualidade e reformissão mark driscoll
Sexualidade e reformissão   mark driscollSexualidade e reformissão   mark driscoll
Sexualidade e reformissão mark driscoll
 
Incondicional
IncondicionalIncondicional
Incondicional
 
Curso de férias: Namoro
Curso de férias: NamoroCurso de férias: Namoro
Curso de férias: Namoro
 
Lição 6 (jovens)- Relacionamento sentimental
Lição 6 (jovens)- Relacionamento sentimentalLição 6 (jovens)- Relacionamento sentimental
Lição 6 (jovens)- Relacionamento sentimental
 
Ebook casamento familia
Ebook casamento familiaEbook casamento familia
Ebook casamento familia
 
Familia e Educacao Como Fundamentos Para a Paz
Familia e Educacao Como Fundamentos Para a PazFamilia e Educacao Como Fundamentos Para a Paz
Familia e Educacao Como Fundamentos Para a Paz
 
Amoris Laetitia Cap 1 À luz da Palavra.pptx
Amoris Laetitia Cap 1 À luz da Palavra.pptxAmoris Laetitia Cap 1 À luz da Palavra.pptx
Amoris Laetitia Cap 1 À luz da Palavra.pptx
 
Namoro na adolescência
Namoro na adolescênciaNamoro na adolescência
Namoro na adolescência
 
Relacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãosRelacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãos
 

Mais de Carlos Alexandre Ribeiro Dorte

Aula de características gerais dos seres vivos ensino médio
Aula de características gerais dos seres vivos ensino médioAula de características gerais dos seres vivos ensino médio
Aula de características gerais dos seres vivos ensino médioCarlos Alexandre Ribeiro Dorte
 

Mais de Carlos Alexandre Ribeiro Dorte (20)

1° trimestre 2018 lição 8 pr. carlos alexandre
1° trimestre 2018 lição 8 pr. carlos alexandre1° trimestre 2018 lição 8 pr. carlos alexandre
1° trimestre 2018 lição 8 pr. carlos alexandre
 
Genética
GenéticaGenética
Genética
 
4° trimestre 2017 lição 12 pr. carlos alexandre
4° trimestre 2017 lição 12 pr. carlos alexandre4° trimestre 2017 lição 12 pr. carlos alexandre
4° trimestre 2017 lição 12 pr. carlos alexandre
 
Correção de exercícios (Répteis) 7° ano APOEMA
Correção de exercícios (Répteis) 7° ano APOEMACorreção de exercícios (Répteis) 7° ano APOEMA
Correção de exercícios (Répteis) 7° ano APOEMA
 
Cristologia
CristologiaCristologia
Cristologia
 
Subsídio da lição 5 adultos
Subsídio da lição 5 adultosSubsídio da lição 5 adultos
Subsídio da lição 5 adultos
 
Subsídio da lição 3 juvenis
Subsídio da lição 3 juvenisSubsídio da lição 3 juvenis
Subsídio da lição 3 juvenis
 
Lição 1 juvenis 3° trimestre 2017
Lição 1 juvenis 3° trimestre 2017Lição 1 juvenis 3° trimestre 2017
Lição 1 juvenis 3° trimestre 2017
 
Fermentação
FermentaçãoFermentação
Fermentação
 
Fotossíntese
FotossínteseFotossíntese
Fotossíntese
 
Noite astronômica
Noite astronômicaNoite astronômica
Noite astronômica
 
Eclesiastes
EclesiastesEclesiastes
Eclesiastes
 
Cantares
CantaresCantares
Cantares
 
Provérbios
ProvérbiosProvérbios
Provérbios
 
Aula de características gerais dos seres vivos ensino médio
Aula de características gerais dos seres vivos ensino médioAula de características gerais dos seres vivos ensino médio
Aula de características gerais dos seres vivos ensino médio
 
Introdução a teologia aula 4
Introdução a teologia aula 4Introdução a teologia aula 4
Introdução a teologia aula 4
 
Introdução a teologia aula 3
Introdução a teologia aula 3Introdução a teologia aula 3
Introdução a teologia aula 3
 
Introdução a teologia aula 2
Introdução a teologia aula 2Introdução a teologia aula 2
Introdução a teologia aula 2
 
Introdução a teologia aula 1
Introdução a teologia aula 1Introdução a teologia aula 1
Introdução a teologia aula 1
 
História e os objetivos da escola bíblica dominical
História e os objetivos da escola bíblica dominicalHistória e os objetivos da escola bíblica dominical
História e os objetivos da escola bíblica dominical
 

Último

Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoRicardo Azevedo
 
10 Orações Para Honrar São José Operário
10 Orações Para Honrar São José Operário10 Orações Para Honrar São José Operário
10 Orações Para Honrar São José OperárioNilson Almeida
 
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptxGestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptxSebastioFerreira34
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaWillemarSousa1
 
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JAhenrygabrielsilvarib
 
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptxhenrygabrielsilvarib
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxCelso Napoleon
 
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EMicheleRosa39
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...silvana30986
 

Último (10)

Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
 
10 Orações Para Honrar São José Operário
10 Orações Para Honrar São José Operário10 Orações Para Honrar São José Operário
10 Orações Para Honrar São José Operário
 
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptxGestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
 
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
 
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.pptFluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
 
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
 
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
 

A familia e a sexualidade

  • 1. A família cristã no século XXI 2º Trimestre de 2013 A SEXUALIDADE E A FAMÍLIA Lição 9 “E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; macho e fêmea os criou” (Gn 1.27). Gênesis 1. 27
  • 2. Jeitos de Amar by Adélia Prado Uma personagem põe-se a lembrar da mãe, que era danada de braba, mas esmerava-se na hora de fazer dois molhos de cachinhos no cabelo da filha, para que ela fosse bonita pra escola. "Meu Deus, quanto jeito que tem de ter amor". É comovente porque é algo que a gente esquece: milhões de pequenos gestos são maneiras de amar. Beijos e abraços são provas mais eloqüentes, exigem retribuição física, são facilidades do corpo. Porém há diversos outras demonstrações mais sutis. Mexer no cabelo, pentear os cabelos, tal como aquela mãe e aquela filha, tal como namorados fazem, tal como tanta gente faz: cafunés. Amigas colorindo o cabelo da outra, cortando franjas, puxando rabos de cavalo, rindo soltas.
  • 3. Quanto jeito que há de amar. Flores colhidas na calçada, flores compradas, flores feitas de papel, desenhadas, entregues em datas nada especiais: "lembrei de você". É este o único e melhor motivo para azaléias, margaridas, violetinhas. Quanto jeito que há de amar. Um telefonema pra saber da saúde, uma oferta de carona, um elogio, um livro emprestado, uma carta respondida, uma mensagem pelo celular, repartir o que se tem, cuidados para não magoar, dizer a verdade quando ela é salutar, e mentir, sim, com carinho, se for para evitar feridas e dores desnecessárias.
  • 4. Quanto jeito que há de amar. Uma foto mantida ao alcance dos olhos, uma lembrança bem guardada, fazer o prato predileto de alguém e botar uma mesa bonita, levar o cachorro pra passear, chamar pra ver a lua, dar banho em quem não consegue fazê-lo só, ouvir os velhos, ouvir as crianças, ouvir os amigos, ouvir os parentes, ouvir. Quanto jeito que há de amar. Orar por alguém, vestir roupa nova pra homenagear, trocar curativos, tirar pra dançar, não espalhar segredos, puxar o cobertor caído, cobrir, visitar doentes, velar, sugerir cidades, filmes, cds, brinquedos, brincar... Quanto jeito que há.
  • 5. I– Questões sobre a sexualidade II – O valor da pureza sexual antes do casamento III – O sexo que bíblia condena
  • 6. I– Questões sobre a sexualidade 1. Um mundo dominado pelo erotismo. Vivemos  numa  sociedade  marcada  por  um  erotismo  tão  maligno  e  ímpio,  que  não  poupa  sequer  as  crianças.  Nossas  famílias,  principalmente  as  crianças,  estão  sendo  expostas  à  exploração  do  sexo  de  modo  intenso  e  irresponsável.  Infelizmente  há  cristãos,  inclusive  obreiros,  que,  utilizando-se  indevidamente da internet tornam-se vítimas da pornografia. O fácil acesso a esse tipo  de  material  vem  roubando  a  alegria  da  salvação  de  muita  gente.  Portanto,  tomemos  cuidado com o que vemos no computador (leia Sl 101.3). 2. Fornicação é pecado. Não  querendo  Deus  que  o  homem  vivesse  só,  deu-lhe  uma  esposa (Gn 2.18). Por isso, o Cântico dos Cânticos de Salomão exalta o relacionamento  sexual  não entre  solteiros,  mas  entre  um  homem  e  uma  mulher devidamente  casados  (Ct 4.1-12; Ef 5.22-25). Isso significa que o sexo antes ou fora do casamento desagrada  a Deus. E quem vive na prática do pecado não herdará o Reino de Deus (Ef 5.5). 3. Prazer no casamento. Muita gente acha que o relacionamento sexual entre marido e  mulher  tem  como  único  objetivo  a  procriação.  Isso  é  um  erro.  Na  Bíblia,  encontramos  vários textos que incentivam o casal a desfrutar das alegrias conjugais. Em Provérbios  5.18-23,  os  cônjuges  são  exortados  a  usufruírem  da  intimidade  matrimonial.  Por  outro  lado,  o  homem  é  advertido  contra  “a  mulher  estranha”,  a  adúltera.  Em  seguida,  é  incentivado a valorizar a união matrimonial e santa, exaltando sempre a monogamia, a  fidelidade e o amor (Ec 9.9; Ct 4.1-12; 7.1-9).  
  • 7. II – O valor da pureza sexual antes do casamento 1. No Antigo Testamento. A  Bíblia  exalta  a  pureza  na  vida  de  um  jovem  (Sl  119.9-11).  Aliás,  esse  texto  é  indispensável  a  todo  servo  de  Deus.  As  leis  sobre  a  castidade  eram  rigorosas.  Se  uma  jovem,  por  exemplo,  tivesse  relações  sexuais  antes  do  casamento  era  apedrejada  até  à  morte  (Dt  22.20,21),  e  o  sacerdote  só  poderia  se  casar com uma virgem (Lv 21.13,14), demostrando que em Israel, a  virgindade era necessária e valorizada por todos (Gn 34.7). 2. Em o Novo Testamento. Doutrinando  os  coríntios  sobre  a  fidelidade a Cristo, Paulo faz alusão ao valor da virgindade: “Porque  estou zeloso de vós com zelo de Deus; porque vos tenho preparado  para vos apresentar como uma virgem pura a um marido, a saber, a  Cristo”  (2Co  11.2).  Por  conseguinte,  a  pureza  sexual  em  o  Novo  testamento  é  tanto  para  o  homem  quanto  para  a  mulher.  Ambos  devem manter-se castos e virgens até o casamento.  
  • 8. III – O sexo que bíblia condena 1. A prática do homossexualismo. No princípio, o Criador não uniu dois “machos”  nem  duas  “fêmeas”.  A  Bíblia  é  clara:  “E  criou  Deus  o  homem  à  sua  imagem;  à  imagem  de  Deus  o  criou;  macho  e  fêmea  os  criou”  (Gn  1.27).  Mais  adiante,  acrescenta o texto bíblico: “E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja  só; far-lhe-ei uma adjutora que esteja como diante dele” (Gn 2.18). Tais passagens  mostram que Deus criou apenas dois gêneros bem distintos: homem e mulher. Isto  significa que o homossexualismo é pecado. Não resta dúvida! É um pecado de tal  forma abominável que até mesmo o dinheiro proveniente de tal prática não deve ser  introduzido  na  Casa  de  Deus:  “Não  trarás  salário  de  prostituição  nem  preço  de  sodomita à Casa do Senhor, teu Deus, por qualquer voto; porque uma e outra coisa  são igualmente abomináveis ao Senhor, teu Deus” (Dt 23.18 — ARA). Cumpre  ressaltar,  aqui,  que  não  admitimos  qualquer  tipo  de  violência  contra  os  homossexuais.  Mesmo  porque,  cumpre-nos  ganhá-los  para  Jesus.  E,  graças  a  Deus,  há  muitos  ex-homossexuais  que,  hoje,  servem  fielmente  ao  Senhor  (1Co  6.11).