DEVERES DOS PAIS EM RELAÇÃO Á
EDUCAÇÃO DOS FILHOS
A EDUCAÇÃO , DIREITO DE
TODOS E DEVER DO ESTDO E
DA FAMÍLIA (CF, ART.205),
RECLAMA ATENÇÃO DOS PAIS,
POIS ESTES TÊM O DEV...
 TAIS NORMAS CONSTITUCIONAIS
ENCONTRAM-SE NO CÓDIGO CIVIL E NO
ESTATUTO DA CRIANÇA E DO
ADOLESCENTE OUTRAS DISPOSIÇÕES ,
...
DEVER DOS PAIS, QUALQUER QUE
SEJA O ESTADO CIVIL DOS MESMOS,
SERVINDO A NORMA INSCULPIDA NO
ARTIGO 231, INCISO IV, DO CÓD...
 CRIAR É TAMBÉM EDUCAR, DE SORTE QUE
O PRIMEIRO SERIA UM DEVER GENÉRICO
DO QUAL O SEGUNDO SERIA UMA DE SUAS
ESPÉCIES. EDU...
 ESTE OFERTAR DE UM PROCESSO EDUCATIVO,
DEVER DOS PAIS, ENCONTRAR LIMITES NAS
CONDIÇÕES DE SEU OFERECIMENTO, QUE DEVE
SE ...
 NO QUE CONCERNE À ESCOLARIDADE, O
PRINCIPAL DEVER CONSISTE EM MATRICULAR OS
FILHOS NA REDE REGULAR DE ENSINO (ECA,
ART.5...
 DEFLUI DO ARTIGO , 129, INCISO V, DO ECA QUE OS
PAIS, ALÉM DA MATRÍCULA, TÊM O DEVER DE
ACOMPANHAR A FREQUÊNCIA E O
APRO...
EVIDENTE QUE AS CONDIÇÕES DOS
PAIS DEVEM SER CONSIDERADAS,
PORQUANTO NINGUÉM É OBRIGADO A
DAR O QUE NÃO POSSUI, DE MODO
Q...
A família é o primeiro espaço onde
cada indivíduo se insere e o qual
ajuda na promoção de o ser pessoa.
É neste contexto ...
LEONARDA CARVALHO
ESCOLA BOM JESUS DA LAPA
Deveresdospaisemrelaoeducaodos 130418034615-phpapp02
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Deveresdospaisemrelaoeducaodos 130418034615-phpapp02

99 visualizações

Publicada em

Os deveres dos Pais na Educação dos Filhos

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
99
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Deveresdospaisemrelaoeducaodos 130418034615-phpapp02

  1. 1. DEVERES DOS PAIS EM RELAÇÃO Á EDUCAÇÃO DOS FILHOS
  2. 2. A EDUCAÇÃO , DIREITO DE TODOS E DEVER DO ESTDO E DA FAMÍLIA (CF, ART.205), RECLAMA ATENÇÃO DOS PAIS, POIS ESTES TÊM O DEVER DE ASSISTIR , CRIAR E EDUCAR OS FILHOS MENORES ( CF, ART.229)
  3. 3.  TAIS NORMAS CONSTITUCIONAIS ENCONTRAM-SE NO CÓDIGO CIVIL E NO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE OUTRAS DISPOSIÇÕES , VALENDO LEMBRAR QUE AOS PAIS, ENQUANTO TITULRES DO PÁTRIO PODER, COMPETE-LHES, QUANTO A PESSOA DOS FILHOS DIRIGIR-LHES A CRIAÇÃO E EDUCAÇÃO ( CC, ART. 384 UNCISO I), AFIRMADO NO ECA QUE AOS MESMOS INCUBE O DEVER DE SUSTENTO, GUARDA E EDUCAÇÃO DOS FILHOS MENORES ( ART. 22 )
  4. 4. DEVER DOS PAIS, QUALQUER QUE SEJA O ESTADO CIVIL DOS MESMOS, SERVINDO A NORMA INSCULPIDA NO ARTIGO 231, INCISO IV, DO CÓDIGO CIVIL, RELACIONADA ÁS OBRIGAÇÕES DOS CÔNJUGES, APENAS COMO REFERÊNCIA A POSSIBILITAR SANÇÃO DECORRENTE DA FALTA DE CUMPRIMENTO DE UM DOS VALORES FUNDAMENTAIS DO CASAMENTO DO QUAL RESULTE PROLE.
  5. 5.  CRIAR É TAMBÉM EDUCAR, DE SORTE QUE O PRIMEIRO SERIA UM DEVER GENÉRICO DO QUAL O SEGUNDO SERIA UMA DE SUAS ESPÉCIES. EDUCAR, POR OUTRO LADO, EM SENTIDO AMPLO, NO PROPÓSITO DE TRANSMITIR E POSSIBILITAR CONHECIMENTOS, DESPERTANDO VALORES E HABILITANDO O FILHO PARA OS ENFRENTAR DESAFIOS DO COTIDIANO. A EDUCAÇÃO, NESTE SENTIDO VIABILIZARIA O DESENVOLVIMENTO MENTAL, MORAL ESPIRITUAL E SOCIAL DA CRIANÇA E DO ADOLESENTE.
  6. 6.  ESTE OFERTAR DE UM PROCESSO EDUCATIVO, DEVER DOS PAIS, ENCONTRAR LIMITES NAS CONDIÇÕES DE SEU OFERECIMENTO, QUE DEVE SE PAUTAR PELO RESPEITO Á LIBERDADE E DIGNIDADE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE ( ECA, ART. 3º) TAL OBSERVAÇÃO SE FAZ NECESSÁRIA PORQUE , SE EDUCAR TAMBÉM É CORRIGIR, DE MODO QUE O ERRO SEJA AFASTADO, A CORREÇÃO IMPLANTADA AO DIREITO-DEVER DE EDUCAÇÃO NÃO PODE IR AO PONTO DE VIOLAR OUTROS DIREITOS FUNDAMENTAIS, COMO INTEGRIDADE FÍSICA OU A SAÚDE DO FILHO, ENCONTRANDO BALIZAS NOS DELITOS DE MAUS-TRATOS, LESÕES CORPORAIS ETC.
  7. 7.  NO QUE CONCERNE À ESCOLARIDADE, O PRINCIPAL DEVER CONSISTE EM MATRICULAR OS FILHOS NA REDE REGULAR DE ENSINO (ECA, ART.55) , VALENDO LEMBRAR QUE CONSTITUI CRIME DE ABANDONO INTELECTUAL, PUNIDO COM DETENÇÃO DE 15 DIAS A UM MÊS, OU MULTA, DEIXAR , SEM JUSTA CAUSA, DE PROVER A INSTRUÇÃO PRIMÁRIA DE FILHO EM IDADE ESCOLAR ( CP, ART.246 ). EXCLUEM A ILICITUDE DA CONDUTA SITUAÇÕES REVELADORAS DE MISÉRIA, POBREZA, GRAVES DIFICULDADES FINANCEIRAS, FALTA DE VAGAS EM ESTABELECIMENTOS PÚBLICOS ETC. , PORQUANTO, COMO É ÓBVIO, NÃO HOUVE OMISSÃO DOLOSA.
  8. 8.  DEFLUI DO ARTIGO , 129, INCISO V, DO ECA QUE OS PAIS, ALÉM DA MATRÍCULA, TÊM O DEVER DE ACOMPANHAR A FREQUÊNCIA E O APROVEITAMENTO ESCOLAR DO FILHO. O MERO COLOCAR NA ESCOLA NÃO ELIDE A OBRIGAÇÃO DOS PAIS, RECLAMANDO A LEI ATUAÇÃO NO SENTIDO DE GARANTIR A PERMANÊNCIA , BEM COMO NO DE OBSERVAR E PARTICIPAR DA EVOLUÇÃO ESCOLAR DA CRIANÇA OU ADOLESCENTE, AVALIANDO SEUS PROGRESSOS INDIVIDUAIS E ESTIMULANDO-OS PARA QUE O ESTUDO LHE SEJA RENDOSO.
  9. 9. EVIDENTE QUE AS CONDIÇÕES DOS PAIS DEVEM SER CONSIDERADAS, PORQUANTO NINGUÉM É OBRIGADO A DAR O QUE NÃO POSSUI, DE MODO QUE EVENTUAIS OMISSÕES SEJAM AFERIDAS À LUZ DO CASO CONCRETO. A ATRIBUIÇÃO DE DESÍDIO (preguiça, desleixo) DEVE SER PONDERADA COMO NEGLIGÊNCIA INDESCULPÁVEL, DESCASO PARA QUAL INEXISTE QUALQUER DESCULPA.
  10. 10. A família é o primeiro espaço onde cada indivíduo se insere e o qual ajuda na promoção de o ser pessoa. É neste contexto que ele se conscientiza dos seus papéis primários e onde se inicia o processo de socialização primária, que o leva à articulação com a comunidade.
  11. 11. LEONARDA CARVALHO ESCOLA BOM JESUS DA LAPA

×