SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 31
Baixar para ler offline
Envelhecimento populacional e transição demográfica
Envelhecimento populacional e transição epidemiológica
ü Prevalência de doenças crônico-degenerativas
Em 2007, cerca de 72% das mortes no Brasil foram
atribuídas as DCNT (doenças cardiovasculares,
doenças respiratórias crônicas, diabetes, câncer e
outras, inclusive doenças renais)
Fonte:	IBGE	
Indicadores	sociodemográficos	(2009)
Envelhecemos da mesma maneira?
Quantidade de Vida X Qualidade de Vida
Fonte:	Folha	de	SP,	2013	
h"p://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2013/06/1288217-idosos-de-sao-paulo-perderam-anos-de-vida-saudavel-na-ul@ma-decada.shtml
ENVELHECIMENTO ATIVO
apnéia	do	sono	
microalbuminúria	
PCO	
hiperuricemia	
dislipidemia	
↑coagulabilidade	
doença		
ateroscleróKca	
NAFLD	
Síndrome	
Metabólica
12
19
36
21
40
32
2020
0
5
10
15
20
25
30
35
40
45
Adulto Jovem Idoso
Massa Magra
Massa gorda
Água intra
Água extra
MODIFICAÇÕES NA COMPOSIÇÃO CORPORAL
ALTERAÇÕES OSTEOARTICULARES
ü  Osteopenia: ↓ Densidade óssea até 30%
ü  Osteoporose: ↓ Densidade óssea maior que 30%
Mensuradas através
da Densitometria
ü  É	o	depósito	de	gorduras	nas	paredes	das	artérias,	que	com	o	passar	
do	tempo	leva	a	formação	de	uma	placa	que	dificulta	a	passagem		do	
sangue	podendo		
	levar	a	um	entupimento	no	local.		
ü  Esta	obstrução	leva	a	diminuição	do	fluxo	de	sangue	para	os	orgãos	
	com	graves	consequências	para	o	coração	e	o	cérebro	
	
ALTERAÇÕES CARDIOVASCULARES
O sedentarismo é
responsável por
54% do risco de morte
por infarto agudo
do miocárdio
O infarto agudo do miocárdio é a
principal causa de morte no mundo
Fisiopatologia do DM2
P P
P
IRS-1
IRS-2
TYR	
GLUT4	
o intracelular
Insulina	
S-S S-S
S-S
Receptor	de	insulina	
α	
α	
β	β	
PI3K	
P
AKT	
EXERCÍCIO
NO	
AMPK	
Ca2+
Mazo,	2005;	Mota	et	al.,	2006	
ü Função Física (FF);
ü Percepção de Dor Corporal (PC);
ü Saúde geral (SG);
ü Vitalidade (V);
ü Função Social (FS);
ü Limitações devido à saúde emocional
ü Limitações devido à saúde física (SF); e
ü Saúde Mental (SM).
PERCEPÇÃO	DA	
QUALIDADE	DE	VIDA	DE	
IDOSOS	ATIVOS
Hallal	et	al.,	2003	
Associação direta com fatores de risco para DCNT’s
IMPACTO FAVORÁVEL DA ATIVIDADE
FÍSICA REGULAR SOBRE MORTALIDADE
Blair	et	al.,	1995		
Tornaram-se		
fisicamente	aKvos	
ManKveram-se	
fisicamente	inaKvos	
Probabilidade	de	Sobrevivência	
Intervalo	de	follow-up
ü Melhora das funções físicas → Impacto na funcionalidade;
ü Promover aumento de redes sociais
ü Preferências, controle de intensidade e frequência semanal	
ü Programa de exercícios físicos generalizados → maior número
de componentes da capacidade funcional;
ü 150 minutos/semana, intensidade moderada
ACSM, 2009	
ü Endorfinas e fatores neurotróficos
Myers et al., 2002
40%
Anos de Seguimento Anos de Seguimento
Saudáveis Pacientes com DCVPercentualdeSobreviventes
PercentualdeSobreviventes
45%
70%
Conclusão:
Sobrevida é PIOR nos indivíduos com
baixa condição aeróbia do que
Naqueles com DCV estabelecida
ü Para cada unidade de aumentado na capacidade funcional
(Mets) há uma redução de 12% na mortalidade por todas as
causas;
ü Atividade física orientada promove maiores benefícios;
ü Aptidão física foi positivamente associada com a saúde
mental e bem-estar psicológico.
Recrutamento predominantemente do metabolismo aeróbio:
ü Reduz significativamente os sintomas depressivos;
(Blumenthal et al., 1999)
ü Adaptações cardiovasculares e ↓Risco DCV:
(Myers et al., 2002)
ü Melhora da percepção global da qualidade de vida;
(Rejeski et al., 2001)
ü Reduz risco de doenças neurodegenerativas
(Cotman & Berchtold, 2002)
Aptidão Cardiorrespiratória
Flexibilidade
Agilidade/ Coordenação
Motora
Resistência de Força
Equilíbrio
É mais perigoso decidir
permanecer sedentário do
que iniciar um programa de
exercício
Há muito mais leitos de
Unidade Coronária no
Brasil do que pacientes
participando de
programas de exercício
supervisionado
Para cada dólar investido em
atividade física regular, há uma
economia de 3,20 dólares em
despesas médicas por ano
O envelhecimento populacional ↓mortalidade e ↑morbidade;
	
Apesar de muitos aspectos ambientais terem sofrido modificações ao
longo do tempo, mudanças no estilo de vida tornaram a população idosa
mais suscetível às DCNT’s	
É possível prevenir a maior parte das DCNT’s por meio de alterações no
estilo de vida contemporâneo
É preciso levar em conta fatores de individualidade biológica para a
elaboração de programas específicos para idosos	
A atividade orientada é mais indicada para idosos e promove benefícios
mais significativos que se refletem na saúde física
O exercício físico regular é uma alternativa de baixo-custo e efetiva na
prevenção de doenças e de dependência funcional, com reflexos
positivos na qualidade de vida de idosos.
OBRIGADA E
ATÉ A
PRÓXIMA!
carlamcnascimento@gmail.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Exercicio Físico No Controle Do Diabetes Mellitus
Exercicio Físico No Controle Do Diabetes MellitusExercicio Físico No Controle Do Diabetes Mellitus
Exercicio Físico No Controle Do Diabetes MellitusLiga de Diabetes UFG
 
Atividade física-e-saúde-slides-3
Atividade física-e-saúde-slides-3Atividade física-e-saúde-slides-3
Atividade física-e-saúde-slides-3Isabel Teixeira
 
Atividade física e seus benefícios
Atividade física e seus benefíciosAtividade física e seus benefícios
Atividade física e seus benefíciosRosa Maria
 
Exercício Físico
Exercício  FísicoExercício  Físico
Exercício Físicoandreleite41
 
instrumentos e técnicas nas medidas motoras e física
instrumentos e técnicas nas medidas motoras e físicainstrumentos e técnicas nas medidas motoras e física
instrumentos e técnicas nas medidas motoras e físicaAmarildo César
 
Slides prescrição de exercícios
Slides prescrição de exercíciosSlides prescrição de exercícios
Slides prescrição de exercíciosAna Lucia Costa
 
consumo-de-oxigenio-no-exercicio
 consumo-de-oxigenio-no-exercicio consumo-de-oxigenio-no-exercicio
consumo-de-oxigenio-no-exercicioHelder Fernando Hfm
 
A importância do exercício físico para uma vida
A importância do exercício físico para uma vidaA importância do exercício físico para uma vida
A importância do exercício físico para uma vidaPatrícia Morais
 
Atividade física e saúde
Atividade física e saúdeAtividade física e saúde
Atividade física e saúdeFatima Costa
 
Benefícios relacionados à atividade física
Benefícios relacionados à atividade físicaBenefícios relacionados à atividade física
Benefícios relacionados à atividade físicaRomero Vitor
 

Mais procurados (20)

Aula 8 exercicio para populacoes especiais
Aula 8    exercicio para populacoes especiaisAula 8    exercicio para populacoes especiais
Aula 8 exercicio para populacoes especiais
 
Exercicio Físico No Controle Do Diabetes Mellitus
Exercicio Físico No Controle Do Diabetes MellitusExercicio Físico No Controle Do Diabetes Mellitus
Exercicio Físico No Controle Do Diabetes Mellitus
 
Atividade física adaptada
Atividade física adaptadaAtividade física adaptada
Atividade física adaptada
 
Sedentarismo
SedentarismoSedentarismo
Sedentarismo
 
Sarcopenia
SarcopeniaSarcopenia
Sarcopenia
 
Atividade fisica na infância
Atividade fisica na infânciaAtividade fisica na infância
Atividade fisica na infância
 
Atividade física-e-saúde-slides-3
Atividade física-e-saúde-slides-3Atividade física-e-saúde-slides-3
Atividade física-e-saúde-slides-3
 
Atividade física e seus benefícios
Atividade física e seus benefíciosAtividade física e seus benefícios
Atividade física e seus benefícios
 
Exercício Físico
Exercício  FísicoExercício  Físico
Exercício Físico
 
instrumentos e técnicas nas medidas motoras e física
instrumentos e técnicas nas medidas motoras e físicainstrumentos e técnicas nas medidas motoras e física
instrumentos e técnicas nas medidas motoras e física
 
Slides prescrição de exercícios
Slides prescrição de exercíciosSlides prescrição de exercícios
Slides prescrição de exercícios
 
consumo-de-oxigenio-no-exercicio
 consumo-de-oxigenio-no-exercicio consumo-de-oxigenio-no-exercicio
consumo-de-oxigenio-no-exercicio
 
A importância do exercício físico para uma vida
A importância do exercício físico para uma vidaA importância do exercício físico para uma vida
A importância do exercício físico para uma vida
 
Atividade física e saúde
Atividade física e saúdeAtividade física e saúde
Atividade física e saúde
 
Benefícios relacionados à atividade física
Benefícios relacionados à atividade físicaBenefícios relacionados à atividade física
Benefícios relacionados à atividade física
 
Alongamento
AlongamentoAlongamento
Alongamento
 
Princípios científicos
Princípios científicosPrincípios científicos
Princípios científicos
 
Slides
Slides Slides
Slides
 
A atividade física como ferramenta para a inclusão
A atividade física como ferramenta para a inclusãoA atividade física como ferramenta para a inclusão
A atividade física como ferramenta para a inclusão
 
Aula 6 Prescricao De Exercicio E Treinamento Fisico
Aula 6   Prescricao De Exercicio E Treinamento FisicoAula 6   Prescricao De Exercicio E Treinamento Fisico
Aula 6 Prescricao De Exercicio E Treinamento Fisico
 

Semelhante a Envelhecimento ativo e prevenção de DCNTs

Depressão na Terceira Idade
Depressão na Terceira IdadeDepressão na Terceira Idade
Depressão na Terceira Idadejoanadebarros
 
Obesidade se torna um fator complexo em pacientes diabeticos e vice versa.
Obesidade se torna um fator complexo em pacientes diabeticos e vice versa.Obesidade se torna um fator complexo em pacientes diabeticos e vice versa.
Obesidade se torna um fator complexo em pacientes diabeticos e vice versa.Van Der Häägen Brazil
 
Dm conceitos, epidemiologia e cuidado nos serviços de saúde
Dm conceitos, epidemiologia e cuidado nos serviços de saúdeDm conceitos, epidemiologia e cuidado nos serviços de saúde
Dm conceitos, epidemiologia e cuidado nos serviços de saúdeadrianomedico
 
Alimentação saudavel
Alimentação saudavelAlimentação saudavel
Alimentação saudavelKeylla Tayne
 
Ministério da saúde lança plano para reduzir mortes por doenças crônicas
Ministério da saúde lança plano para reduzir mortes por doenças crônicasMinistério da saúde lança plano para reduzir mortes por doenças crônicas
Ministério da saúde lança plano para reduzir mortes por doenças crônicasMinistério da Saúde
 
Obesidade e pressão alta obesidade tem inúmeros sintomas e não há identificaç...
Obesidade e pressão alta obesidade tem inúmeros sintomas e não há identificaç...Obesidade e pressão alta obesidade tem inúmeros sintomas e não há identificaç...
Obesidade e pressão alta obesidade tem inúmeros sintomas e não há identificaç...Van Der Häägen Brazil
 
Obesidade periférica desajusta a elegância e compromete saúde humanos com ris...
Obesidade periférica desajusta a elegância e compromete saúde humanos com ris...Obesidade periférica desajusta a elegância e compromete saúde humanos com ris...
Obesidade periférica desajusta a elegância e compromete saúde humanos com ris...Van Der Häägen Brazil
 
Obesidade periférica e intra abdominal o paradoxo do risco em pacientes com e...
Obesidade periférica e intra abdominal o paradoxo do risco em pacientes com e...Obesidade periférica e intra abdominal o paradoxo do risco em pacientes com e...
Obesidade periférica e intra abdominal o paradoxo do risco em pacientes com e...Van Der Häägen Brazil
 
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudávelProjeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudávelSônia Marques
 
Obesidade Exagerada.pptx
Obesidade Exagerada.pptxObesidade Exagerada.pptx
Obesidade Exagerada.pptxArthurCalegari1
 
A Obesidade tem Aumentado Mundialmente com seus Fatores de Risco e Altos Cust...
A Obesidade tem Aumentado Mundialmente com seus Fatores de Risco e Altos Cust...A Obesidade tem Aumentado Mundialmente com seus Fatores de Risco e Altos Cust...
A Obesidade tem Aumentado Mundialmente com seus Fatores de Risco e Altos Cust...Van Der Häägen Brazil
 
3º ano idade como fator de risco e sedentarismo
3º ano idade como fator de risco e sedentarismo3º ano idade como fator de risco e sedentarismo
3º ano idade como fator de risco e sedentarismoTony
 
Doenças Cardiovasculares
 Doenças Cardiovasculares Doenças Cardiovasculares
Doenças CardiovascularesEvenilsonSolza
 

Semelhante a Envelhecimento ativo e prevenção de DCNTs (20)

Palestra sv2
Palestra sv2Palestra sv2
Palestra sv2
 
Pdf dalila de sousa rodrigues
Pdf   dalila de sousa rodriguesPdf   dalila de sousa rodrigues
Pdf dalila de sousa rodrigues
 
Depressão na Terceira Idade
Depressão na Terceira IdadeDepressão na Terceira Idade
Depressão na Terceira Idade
 
Obesidade se torna um fator complexo em pacientes diabeticos e vice versa.
Obesidade se torna um fator complexo em pacientes diabeticos e vice versa.Obesidade se torna um fator complexo em pacientes diabeticos e vice versa.
Obesidade se torna um fator complexo em pacientes diabeticos e vice versa.
 
Tema de vida paulo (1)
Tema de vida paulo (1)Tema de vida paulo (1)
Tema de vida paulo (1)
 
Dm conceitos, epidemiologia e cuidado nos serviços de saúde
Dm conceitos, epidemiologia e cuidado nos serviços de saúdeDm conceitos, epidemiologia e cuidado nos serviços de saúde
Dm conceitos, epidemiologia e cuidado nos serviços de saúde
 
Radiologia
RadiologiaRadiologia
Radiologia
 
Tema de vida paulo (1)
Tema de vida paulo (1)Tema de vida paulo (1)
Tema de vida paulo (1)
 
Alimentação saudavel
Alimentação saudavelAlimentação saudavel
Alimentação saudavel
 
Ministério da saúde lança plano para reduzir mortes por doenças crônicas
Ministério da saúde lança plano para reduzir mortes por doenças crônicasMinistério da saúde lança plano para reduzir mortes por doenças crônicas
Ministério da saúde lança plano para reduzir mortes por doenças crônicas
 
Obesidade e pressão alta obesidade tem inúmeros sintomas e não há identificaç...
Obesidade e pressão alta obesidade tem inúmeros sintomas e não há identificaç...Obesidade e pressão alta obesidade tem inúmeros sintomas e não há identificaç...
Obesidade e pressão alta obesidade tem inúmeros sintomas e não há identificaç...
 
Obesidade periférica desajusta a elegância e compromete saúde humanos com ris...
Obesidade periférica desajusta a elegância e compromete saúde humanos com ris...Obesidade periférica desajusta a elegância e compromete saúde humanos com ris...
Obesidade periférica desajusta a elegância e compromete saúde humanos com ris...
 
Por um cuidado certo - Sociedade Brasileira de Diabetes
Por um cuidado certo - Sociedade Brasileira de DiabetesPor um cuidado certo - Sociedade Brasileira de Diabetes
Por um cuidado certo - Sociedade Brasileira de Diabetes
 
Aspectos gerais do dm
Aspectos gerais do dmAspectos gerais do dm
Aspectos gerais do dm
 
Obesidade periférica e intra abdominal o paradoxo do risco em pacientes com e...
Obesidade periférica e intra abdominal o paradoxo do risco em pacientes com e...Obesidade periférica e intra abdominal o paradoxo do risco em pacientes com e...
Obesidade periférica e intra abdominal o paradoxo do risco em pacientes com e...
 
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudávelProjeto t4 mente em harmonia corpo saudável
Projeto t4 mente em harmonia corpo saudável
 
Obesidade Exagerada.pptx
Obesidade Exagerada.pptxObesidade Exagerada.pptx
Obesidade Exagerada.pptx
 
A Obesidade tem Aumentado Mundialmente com seus Fatores de Risco e Altos Cust...
A Obesidade tem Aumentado Mundialmente com seus Fatores de Risco e Altos Cust...A Obesidade tem Aumentado Mundialmente com seus Fatores de Risco e Altos Cust...
A Obesidade tem Aumentado Mundialmente com seus Fatores de Risco e Altos Cust...
 
3º ano idade como fator de risco e sedentarismo
3º ano idade como fator de risco e sedentarismo3º ano idade como fator de risco e sedentarismo
3º ano idade como fator de risco e sedentarismo
 
Doenças Cardiovasculares
 Doenças Cardiovasculares Doenças Cardiovasculares
Doenças Cardiovasculares
 

Mais de Carla Nascimento

Estudo dirigido histologia
Estudo dirigido   histologiaEstudo dirigido   histologia
Estudo dirigido histologiaCarla Nascimento
 
Fisiologia do exercício sistema cardiovascular
Fisiologia do exercício sistema cardiovascularFisiologia do exercício sistema cardiovascular
Fisiologia do exercício sistema cardiovascularCarla Nascimento
 
Fisiologia do Exercício e Sistema Endócrino
Fisiologia do Exercício e Sistema EndócrinoFisiologia do Exercício e Sistema Endócrino
Fisiologia do Exercício e Sistema EndócrinoCarla Nascimento
 
Tecido conjuntivo, adiposo, cartilaginoso e osseo
Tecido conjuntivo, adiposo, cartilaginoso e osseoTecido conjuntivo, adiposo, cartilaginoso e osseo
Tecido conjuntivo, adiposo, cartilaginoso e osseoCarla Nascimento
 
Aula de histologia tecido epitelial [modo de compatibilidad]
Aula de histologia   tecido epitelial [modo de compatibilidad]Aula de histologia   tecido epitelial [modo de compatibilidad]
Aula de histologia tecido epitelial [modo de compatibilidad]Carla Nascimento
 
Aula de histologia tecido epitelial [modo de compatibilidad]
Aula de histologia   tecido epitelial [modo de compatibilidad]Aula de histologia   tecido epitelial [modo de compatibilidad]
Aula de histologia tecido epitelial [modo de compatibilidad]Carla Nascimento
 
Lista de exercícios fisiologia
Lista de exercícios   fisiologiaLista de exercícios   fisiologia
Lista de exercícios fisiologiaCarla Nascimento
 
Fisiologia aplicada ao exercício fisiologia neuromuscular e bioenergética
Fisiologia aplicada ao exercício   fisiologia neuromuscular e bioenergéticaFisiologia aplicada ao exercício   fisiologia neuromuscular e bioenergética
Fisiologia aplicada ao exercício fisiologia neuromuscular e bioenergéticaCarla Nascimento
 
Celula eucarionte organelas
Celula eucarionte   organelasCelula eucarionte   organelas
Celula eucarionte organelasCarla Nascimento
 
Fundamentos biologicos e bioquímicos unidade 1
Fundamentos biologicos e bioquímicos   unidade 1Fundamentos biologicos e bioquímicos   unidade 1
Fundamentos biologicos e bioquímicos unidade 1Carla Nascimento
 
Fisiologia Neuromuscular, Contração Muscular e Bioenergética do Treinamento
Fisiologia Neuromuscular, Contração Muscular e Bioenergética do TreinamentoFisiologia Neuromuscular, Contração Muscular e Bioenergética do Treinamento
Fisiologia Neuromuscular, Contração Muscular e Bioenergética do TreinamentoCarla Nascimento
 

Mais de Carla Nascimento (14)

Estudo dirigido cardio
Estudo dirigido   cardioEstudo dirigido   cardio
Estudo dirigido cardio
 
Estudo dirigido histologia
Estudo dirigido   histologiaEstudo dirigido   histologia
Estudo dirigido histologia
 
Fisiologia do exercício sistema cardiovascular
Fisiologia do exercício sistema cardiovascularFisiologia do exercício sistema cardiovascular
Fisiologia do exercício sistema cardiovascular
 
Fisiologia do Exercício e Sistema Endócrino
Fisiologia do Exercício e Sistema EndócrinoFisiologia do Exercício e Sistema Endócrino
Fisiologia do Exercício e Sistema Endócrino
 
Tecido conjuntivo, adiposo, cartilaginoso e osseo
Tecido conjuntivo, adiposo, cartilaginoso e osseoTecido conjuntivo, adiposo, cartilaginoso e osseo
Tecido conjuntivo, adiposo, cartilaginoso e osseo
 
Aula de histologia tecido epitelial [modo de compatibilidad]
Aula de histologia   tecido epitelial [modo de compatibilidad]Aula de histologia   tecido epitelial [modo de compatibilidad]
Aula de histologia tecido epitelial [modo de compatibilidad]
 
Aula de histologia tecido epitelial [modo de compatibilidad]
Aula de histologia   tecido epitelial [modo de compatibilidad]Aula de histologia   tecido epitelial [modo de compatibilidad]
Aula de histologia tecido epitelial [modo de compatibilidad]
 
Lista de exercícios fisiologia
Lista de exercícios   fisiologiaLista de exercícios   fisiologia
Lista de exercícios fisiologia
 
Fisiologia aplicada ao exercício fisiologia neuromuscular e bioenergética
Fisiologia aplicada ao exercício   fisiologia neuromuscular e bioenergéticaFisiologia aplicada ao exercício   fisiologia neuromuscular e bioenergética
Fisiologia aplicada ao exercício fisiologia neuromuscular e bioenergética
 
Lista de exercícios
Lista de exercíciosLista de exercícios
Lista de exercícios
 
Aulas 1 e 2
Aulas 1 e 2Aulas 1 e 2
Aulas 1 e 2
 
Celula eucarionte organelas
Celula eucarionte   organelasCelula eucarionte   organelas
Celula eucarionte organelas
 
Fundamentos biologicos e bioquímicos unidade 1
Fundamentos biologicos e bioquímicos   unidade 1Fundamentos biologicos e bioquímicos   unidade 1
Fundamentos biologicos e bioquímicos unidade 1
 
Fisiologia Neuromuscular, Contração Muscular e Bioenergética do Treinamento
Fisiologia Neuromuscular, Contração Muscular e Bioenergética do TreinamentoFisiologia Neuromuscular, Contração Muscular e Bioenergética do Treinamento
Fisiologia Neuromuscular, Contração Muscular e Bioenergética do Treinamento
 

Último

QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirIedaGoethe
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfManuais Formação
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundonialb
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoMary Alvarenga
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 

Último (20)

QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
 
Em tempo de Quaresma .
Em tempo de Quaresma                            .Em tempo de Quaresma                            .
Em tempo de Quaresma .
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 

Envelhecimento ativo e prevenção de DCNTs