Arte na Idade Antiga

4.818 visualizações

Publicada em

Material de apoio para aulas de história da arte contendo aspectos da arte na antiguidade, abrangendo> Egito, Grécia e Roma.

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.818
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
489
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
177
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Arte na Idade Antiga

  1. 1. CARLA CAMUSO - 2014 Da invenção da escrita (3.000 a.C. até a queda do Império Romano do Ocidente 476 d.C)
  2. 2. LOCALIZAÇÃO
  3. 3. Finalidade Funerária
  4. 4. INTERIOR DA PIRAMIDE
  5. 5. Pintura do interior
  6. 6. TUTAKAMON  O túmulo de Tutakamon foi encontrado em 1922 intacto contendo todos os seus pertences. Por isso, a fama.
  7. 7. LIVRO DOS MORTOS “Saida para a luz do dia”
  8. 8. Coletânea de textos creditados ao deus Thot “Para chegar ao Amenti, era preciso cruzar os 21 pilares, passar pelas 15 entradas, cruzar 7 salas para chegar ao Saguão das Duas Verdades onde seu coração, frente a Osíris e aos 42 juízes vai ser pesado. Caso o julgamento fosse favorável ao morto, Hórus o conduzia ao trono de Osíris que indicava seu lugar no reino além da morte. Se o morto estivesse cheio de pecados, seria comido pelo Ammut, o devorador de mortos, então adeus vida eterna.”
  9. 9. Alma egípcia  Ka - Corpo vital  Ba – ligação ao eterno  Khu – intelecto  Saahu – espirito  EB – caráter  Ren – nome  Khat – corpo mortal
  10. 10. ESFINGE Escultura monolítica – Protege o túmulo do Faraó
  11. 11. Detalhe da Cabeça da esfinge - contemporâneamente
  12. 12. HIPOGEU Túmulo subterrâneo destinado ao povo
  13. 13. MASTABAS Túmulos de reis e nobres
  14. 14. TEMPLOS Hipostilos - "teto sustentado por colunas"
  15. 15. Obeliscos Colocado a frente dos templos para materializar a luz solar
  16. 16. “Os mais antigos relógios de sol que se tem notícia são os gigantescos obeliscos egípcios, datados a 3.500 a.C. em sua construção. Funcionavam como grandes relógios de sol em lugares públicos.” http://www.fcnoticias.com.br /
  17. 17. Pintura
  18. 18. LEI DA FRONTALIDADE  Perdurou por pelo menos 3 mil anos quase sem alteração.  Os egípcios artistas, não usavam a criatividade, nem expressavam sentimentos, nem reproduziam a realidade. Apenas obedeciam REGRAS.
  19. 19. Papiro Egípcio
  20. 20. PEDRA DA ROSETTA Bloco de granito com inscrições em grego, egípcio demótico e hieróglifo. Auxiliou a decodificar os hieróglifos
  21. 21. Baixo relevo - escrita hieróglifa
  22. 22. LIBERDADE REALIDADE ANTROPOCENTRISMO
  23. 23. Evolução da arte grega PERÍODOS  GEOMÉTRICO - decoração  ARCAICO - escultura e pintura  CLÁSSICO - escultura  HELENÍSTICO - escultura e arquitetura
  24. 24. Geométrico - 900 a 700 a.C
  25. 25. ARCAICO  Inspiração da produção egípcia. 700 a.C a 500 a.C
  26. 26. Escultura masculina Kouros (rapaz ou homem jovem) – cintura fina e ombros largos, posição frontal.
  27. 27. Escultura feminina Kore (moça ou mulher jovem) – rosto triangular, túnica comprida e o peso do corpo distribuídos igualmente sobre as pernas.
  28. 28. PINTURA Cena de vendedor de vasilhas
  29. 29. Cena de um espetáculo teatral
  30. 30. Hercules e o touro – Eristeu,Cérbero e Hércules
  31. 31. CLÁSSICO 500-300 a.C  Objetivo: copiar fielmente a figura humana  O rosto ganhou expressividade e realismo  Ênfase no movimento e na ação e o estudo das proporções.
  32. 32. “Efebo de Crítios” Cabeça ligeiramente voltada para o lado e o corpo não apoia mais nas pernas.
  33. 33. Guerreiro
  34. 34. Estatua de Zeus
  35. 35. Discóbolo de Míron Contraposto – posição na qual a escultura se apoiava totalmente numa perna mostrando o equilíbrio e a distribuição do peso.
  36. 36. Apolo
  37. 37. Artistas gregos  Policleto  Míron  Fídias  Lisipo PRAXÍTELES
  38. 38. Helenístico 300 a 01 a.C  As esculturas eram representadas não apenas de acordo com a idade e personalidade, mas também segundo as emoções e o estado de espírito.
  39. 39. Laoconte e seus filhos
  40. 40. Velha bêbada
  41. 41. Vitória de Samotrácia
  42. 42. Arquitetura– Construção de templos -Templo de Palas Atenas
  43. 43. Coríntia – o capitel era formado com folhas de acanto e quatro espirais simétricas, muito usado no lugar do capitel jônico, de um modo a variar e enriquecer aquela ordem. Sugere luxo e ostentação.
  44. 44. Dórico Jônico Coríntio
  45. 45. Cariátides – colunas jônicas diferenciadas
  46. 46. Arte Romana Guerra Púnica (146 a.C) ao séc. IV d.C.
  47. 47. INFLUÊNCIAS arte etrusca (na técnica), arte grega (na decoração) arte oriental (na monumentalidade). Adaptação das influências ao gosto nacional criando um estilo próprio.
  48. 48. ARQUITETURA A contribuição mais original da arte romana: ARCO E A ABÓBADA. Valorização do espaço interno e na compreensão da dupla importância, estética e estrutural.
  49. 49. ARQUITETURA Características gerais  Senso de utilitarismo  Diversidade de estilos  Grandiosidade  Predomínio do caráter sobre a beleza
  50. 50. Colunas Adotaram as ordens gregas acrescentando duas novas ordens: a toscana e a compósita. O estilo toscano era uma espécie de ordem dórica sem estrias na fuste. Estilo compósito, o capitel foi criado a partir da mistura de elementos jônicos e coríntios. O Pantheon romano - detalhe em maquete da antiga Roma. TEMPLOS
  51. 51. Planta retangular Teto de duas águas, vestíbulo profundo com colunas livres Escada na fachada dando acesso ao pódio ou à base.
  52. 52. Basílica A basílica destinava-se a operações comerciais e a atos judiciários, reuniões e leitura de editos. A basílica tinha uma planta retangular Basílica Giulia
  53. 53. Termas Banhos de diversas finalidades – higiene corporal, terapia – saunas, ginásio, piscina, pórticos e jardins. As mais famosas são as termas de Caracala que, para além de casas de banho, eram equipadas com bibliotecas, salas de leitura e conversação e um teatro.
  54. 54. Teatros e Anfiteatros Construídos sobre uma estrutura de pilares e abóbadas, possuíam: • uma cávea semicircular (espaço reservado à plateia), • uma orquestra pequena (local destinado às danças, músicos e coros) às vezes ocupada por assentos, • um palco maior com fundo de alvenaria.
  55. 55. Como seria o Coliseu na Antiguidade
  56. 56. O coliseu nos dias atuais
  57. 57. Teatro de Marcelus
  58. 58. Arcos de Triunfo Homenagear os imperadores e generais vitoriosos. Arco de Septimio SeveroArco de Tito – (81 d.C)
  59. 59. A coluna triunfal Ao mesmo tempo um monumento comemorativo e funerário. A mais famosa é a de Trajano: Seu friso em espiral narra os feitos do Imperador em baixo relevos no fuste
  60. 60. Detalhe da Coluna de Trajano
  61. 61. PINTURA •Temática variada: cenas de retratos, animais e cenas da vida quotidiana. A maior inovação da pintura romana, comparada com a grega, foi o desenvolvimento das paisagens, incorporando técnicas de perspectiva e profundidade.
  62. 62. Afresco
  63. 63.  Pinturas triunfais Descreviam entradas triunfais após vitórias militares, representando episódios das batalhas e das cidades e regiões conquistadas.
  64. 64. Escultura O retrato em busto desfrutou de posição privilegiada, ocupando os espaços públicos e privados das cidades Busto do 1º imperador Romano Augustus Busto Imperatriz Livia
  65. 65. Materiais Mármore, bronze, barro, pedra, madeira Busto do Imperador Adriano
  66. 66. Imperador Vespasiano – Construiu o Coliseu Imperador Tito – finalizou o Coliseu
  67. 67. Detalhe de um alto relevo sobre as vitórias dos soldados romanos e seus saques nas cidades tomadas.

×