Fluxo de energia e ciclo de matéria<br />Ciências Naturais – 8ºano<br />
<ul><li>Autotrófricos – seres vivos capazes de produzir a sua própria matéria orgânica a partir dos constituintes inorgâni...
<ul><li>Heterotróficos – seres vivos que precisam de consumir matéria orgânica para obter energia e nutrientes.</li></ul>F...
<ul><li>O conjunto de seres vivos de uma comunidade que se alimentam e servem de alimento uns aos outros constitui uma cad...
Nas diferentes cadeias alimentares podemos encontrar, normalmente, três tipos de categorias de seres vivos: produtores, co...
<ul><li>Os produtores são seres vivos capazes de produzir o seu próprio alimento; são também designados autotróficos. Ocup...
<ul><li>Os consumidores são seres vivos heterotróficos que se alimentam directa ou indirectamente da matéria orgânica prod...
<ul><li>Consumidores primários ou consumidores de 1ª ordem – são herbívoros e alimentam-se exclusivamente dos produtores. ...
<ul><li>Consumidores secundários ou de 2ª ordem – designam-se predadores ou carnívoros e substituem à custa dos herbívoros...
<ul><li>Os decompositores são seres vivos heterotróficos que transformam a matéria orgânica, de que se alimentam, em matér...
<ul><li>São os decompositores que se asseguram o retorno progressivo ao solo da matéria mineral, sendo esta utilizada pelo...
Consumidores <br />1ª ordem<br />Consumidores<br />2ª ordem<br />Produtores<br />Decompositores<br />
<ul><li>Em cada comunidade, existem várias cadeias alimentares interligadas que constituem uma rede ou teia alimentar.</li...
Realiza as <br />actividades<br />Da página 58<br />Do teu manual<br />
<ul><li>O fluxo de energia, partindo do sol, atinge todos os níveis tróficos de um ecossistema. No entanto, apenas uma par...
Energia contida nas folhas<br />Ao alimentar-se, o coelho obtém a energia contida nos tecidos das folhas. No entanto, o co...
<ul><li>Nos ecossistemas, a matéria orgânica circula dos produtores para os consumidores e regressa ao solo, sob a forma d...
Realiza as <br />actividades <br />Da página 63<br />Do teu manual<br />
<ul><li>Os ecossistemas são dinâmicos e encontram-se em constante alteração. O ambiente físico - químico sofre mudanças pr...
<ul><li>O processo de colonização, como o verificado em Surtsey, no qual as comunidades se vão substituindo umas às outras...
<ul><li>A comunidade pioneira é uma comunidade simples que vai sendo substituída por uma série de comunidades mais complex...
Solo<br />Rocha Mãe<br />Comunidade <br />Pioneira<br />Comunidades Intermédias<br />Comunidade <br />Clímax<br />	Tempo (...
<ul><li>Os ecólogos dividem as sucessões ecológicas em dois tipos:</li></ul>Sucessão ecológica primária – ocorre quando o ...
<ul><li>Sucessão ecológica secundária – ocorre quando o local sofre novo povoamento, devido ao facto de a comunidade anter...
Realiza as<br />Actividades da<br />Página 67<br />Do teu manual<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fluxo de energia e ciclo de matéra

1.648 visualizações

Publicada em

Fluxo de energia e ciclo de matéria

Publicada em: Educação, Tecnologia, Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.648
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
0
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
70
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fluxo de energia e ciclo de matéra

  1. 1. Fluxo de energia e ciclo de matéria<br />Ciências Naturais – 8ºano<br />
  2. 2. <ul><li>Autotrófricos – seres vivos capazes de produzir a sua própria matéria orgânica a partir dos constituintes inorgânicos que existem no meio ambiente, utilizando a energia luminosa como forma de energia externa.</li></ul>Fluxo de energia e ciclo de matéria<br />
  3. 3. <ul><li>Heterotróficos – seres vivos que precisam de consumir matéria orgânica para obter energia e nutrientes.</li></ul>Fluxo de energia e ciclo de matéria<br />
  4. 4. <ul><li>O conjunto de seres vivos de uma comunidade que se alimentam e servem de alimento uns aos outros constitui uma cadeia alimentar ou cadeia trófica.</li></ul>Cadeias Alimentares<br />
  5. 5. Nas diferentes cadeias alimentares podemos encontrar, normalmente, três tipos de categorias de seres vivos: produtores, consumidores e decompositores.<br />
  6. 6. <ul><li>Os produtores são seres vivos capazes de produzir o seu próprio alimento; são também designados autotróficos. Ocupam o 1º nível trófico.</li></ul>Cadeias Alimentares (produtores)<br />
  7. 7. <ul><li>Os consumidores são seres vivos heterotróficos que se alimentam directa ou indirectamente da matéria orgânica produzida pelos produtores. </li></ul>Cadeias Alimentares (consumidores)<br />
  8. 8. <ul><li>Consumidores primários ou consumidores de 1ª ordem – são herbívoros e alimentam-se exclusivamente dos produtores. Ocupam o 2º nível trófico.</li></ul>Cadeias Alimentares (consumidores)<br />
  9. 9. <ul><li>Consumidores secundários ou de 2ª ordem – designam-se predadores ou carnívoros e substituem à custa dos herbívoros. Ocupam o 3º nível trófico.</li></ul>Cadeias Alimentares (consumidores)<br />
  10. 10. <ul><li>Os decompositores são seres vivos heterotróficos que transformam a matéria orgânica, de que se alimentam, em matéria mineral, que é devolvida ao solo.</li></ul>Cadeias Alimentares (decompositores)<br />
  11. 11. <ul><li>São os decompositores que se asseguram o retorno progressivo ao solo da matéria mineral, sendo esta utilizada pelos produtores que sintetizam de novo matéria orgânica. Assim, no nosso planeta existe uma circulação contínua de matéria orgânica e mineral, processada através de cadeias alimentares.</li></ul>Cadeias alimentares (decompositores)<br />
  12. 12. Consumidores <br />1ª ordem<br />Consumidores<br />2ª ordem<br />Produtores<br />Decompositores<br />
  13. 13. <ul><li>Em cada comunidade, existem várias cadeias alimentares interligadas que constituem uma rede ou teia alimentar.</li></ul>Teias Alimentares<br />
  14. 14.
  15. 15. Realiza as <br />actividades<br />Da página 58<br />Do teu manual<br />
  16. 16. <ul><li>O fluxo de energia, partindo do sol, atinge todos os níveis tróficos de um ecossistema. No entanto, apenas uma parte da energia disponível, num nível trófico, é transferida para o nível trófico seguinte. De facto, uma grande parte da energia contida nos alimentos ingeridos é gasta, pelos seres vivos, em actividades vitais, como, por exemplo, na respiração e na reprodução, enquanto que outra é desperdiçada em excreções.</li></ul>Fluxo de energia<br />
  17. 17. Energia contida nas folhas<br />Ao alimentar-se, o coelho obtém a energia contida nos tecidos das folhas. No entanto, o coelho não ingere algumas parte da folha.<br />Da energia contida nos alimentos ingeridos, uma parte é excretada e grande parte é utilizada nas suas actividades vitais.<br />Energia contida nas<br />Folhas não ingeridas.<br /> Energia perdida nas<br />excreções <br />A energia contida na matéria orgânica que constitui o organismo do coelho pode ser transferida para o nível trófico seguinte.<br />Energia gasta em actividades vitais<br />Energia armazenada no organismo do coelho<br />
  18. 18. <ul><li>Nos ecossistemas, a matéria orgânica circula dos produtores para os consumidores e regressa ao solo, sob a forma de matéria mineral, pela acção dos decompositores. No solo, esta matéria mineral fica disponível para os produtores, ocorrendo um novo ciclo.</li></ul>Ciclo de matéria<br />
  19. 19.
  20. 20. Realiza as <br />actividades <br />Da página 63<br />Do teu manual<br />
  21. 21. <ul><li>Os ecossistemas são dinâmicos e encontram-se em constante alteração. O ambiente físico - químico sofre mudanças provocadas e acompanhadas pela sucessão de diferentes comunidades.</li></ul>Sucessão ecológica<br />
  22. 22. <ul><li>O processo de colonização, como o verificado em Surtsey, no qual as comunidades se vão substituindo umas às outras, num determinado local ao longo do tempo, até se atingir um equilíbrio dinâmico, designa-se sucessão ecológica. As espécies pioneiras são as primeiras a instalar-se no local. </li></ul>Sucessão ecológica<br />
  23. 23. <ul><li>A comunidade pioneira é uma comunidade simples que vai sendo substituída por uma série de comunidades mais complexas, até à instalação de uma comunidade perfeitamente adaptada ao ambiente ao local em que se insere. Esta comunidade, a última a instalar-se, caracterizada por uma organização complexa e populações estáveis e equilibradas, designa-se comunidade clímax.</li></ul>Sucessão ecológica<br />
  24. 24. Solo<br />Rocha Mãe<br />Comunidade <br />Pioneira<br />Comunidades Intermédias<br />Comunidade <br />Clímax<br /> Tempo (dezenas de anos)<br />
  25. 25. <ul><li>Os ecólogos dividem as sucessões ecológicas em dois tipos:</li></ul>Sucessão ecológica primária – ocorre quando o local colonizado estava anteriormente despromovido de Vida, como no caso da ilha de Surtsey.<br />Sucessões Ecológicas<br />
  26. 26. <ul><li>Sucessão ecológica secundária – ocorre quando o local sofre novo povoamento, devido ao facto de a comunidade anterior ter sido destruída, total ou parcialmente, por algum factor, como catástrofes naturais ou através da acção do Homem. Na Natureza, este é o fenómeno mais frequente.</li></ul>Sucessões Ecológicas<br />
  27. 27.
  28. 28. Realiza as<br />Actividades da<br />Página 67<br />Do teu manual<br />

×