SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Ficha Informativa/Trabalhonº2


                              A Arte Românica



O Românico é um estilo artístico surgido nos finais do século X e inícios do século
XI, e que se prolonga até ao século XIII, nalgumas zonas da Europa Ocidental.

O seu nome foi-lhe atribuído pelos historiadores de arte devido às influências
romanas.

A arquitectura desta época apresenta-se sempre com uma forte carga simbólica,
formas e linhas simples e puras, com a utilização repetitiva de elementos
construtivos. A sua austeridade convida ao recolhimento, à humildade perante
Deus. Suporta, normalmente, outras expressões artísticas, como a pintura e a
escultura, que lhe oferecem um acentuado carácter pedagógico, com o intuito de
dirigir o indivíduo a uma sabedoria universal: a verdade da fé.
Foi no final do séc. XI que a igreja românica atingiu a sua forma definitiva. A
planta em forma de cruz latina — alusão simbólica à imagem de cristo na cruz .
As construções reflectem um clima de insegurança e de instabilidade política e as
igrejas serviam de casas de Deus e de local de abrigo e de refúgio.
As populações, extremamente religiosas, tudo investem na edificação de pequenas
igrejas rurais ou de grandes sés.
Profundamente enraizado junto dos pobres, o Cristianismo oferecia à gente pobre
a única luz num mundo de trevas. A única esperança de redenção e consolo para
uma vida marcada pelas dificuldades e pela submissão.




Sé de Coimbra



            Responde no teu caderno às seguintes questões:

ProfªCarla teixeira                                                        Página 1
Ficha Informativa/Trabalhonº2

Lê o documento:


  Grande parte das riquezas acumuladas por reis e senhores durante o saque da
  reconquista foi investida em construções religiosas. Isso explica o grande número de
  catedrais, abadias, igrejas paroquiais e capelas construídas na Idade Média, num país
  relativamente pobre como era Portugal.

                                                Oliveira Marques, História de Portugal




1-Explica a construção de um grande número de edifícios religiosos na Europa
na Idade Média.
2-Relaciona o aparecimento do Românico com a época em que surgiu.



3-Faz a legenda das gravuras:




ProfªCarla teixeira                                                                  Página 2
Ficha Informativa/Trabalhonº2




3-Faz a legenda da planta da Igreja:




ProfªCarla teixeira                                   Página 3
Ficha Informativa/Trabalhonº2




A____________________________


B____________________________


C_____________________________

D_____________________________

E______________________________

F_____________________________


G_____________________________




4-Identifica as figuras:




ProfªCarla teixeira                                   Página 4
Ficha Informativa/Trabalhonº2




Fig. A___________________           Fig.B________________________




Fig. C_________________________      Fig. D_______________________




5-Observa a figura:




ProfªCarla teixeira                                                 Página 5
Ficha Informativa/Trabalhonº2




5.1-Identifica na figura os elementos da arquitectura românica.

___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
________________________________________________________________

6-Observa as figuras:




Fig A                                                    FIG.B

6.1-A escultura reproduzida nas fig A e B decoram espaços diferentes das igrejas
medievais. Identifica-os

_____________________________________________________________
_____________________________________________________________

6.2-Explica a função da escultura nos edifícios medievais.

_____________________________________________________________
_____________________________________________________________
_____________________________________________________________
_____________________________________________________________


ProfªCarla teixeira                                                      Página 6
Ficha Informativa/Trabalhonº2


7-Completa o quadro:

                               Arte Românica
        Século



   Tipo de planta:



      Decoração



   Tipo de paredes



  Tipo de edifícios



        Função




ProfªCarla teixeira                                   Página 7

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A posição geográfica de portugal continental e insular
A posição geográfica de portugal continental e insularA posição geográfica de portugal continental e insular
A posição geográfica de portugal continental e insulardomplex123
 
Portugal na 1ª guerra mundial
Portugal na 1ª guerra mundialPortugal na 1ª guerra mundial
Portugal na 1ª guerra mundialSusana Simões
 
O Renascimento - 8ºano
O Renascimento - 8ºanoO Renascimento - 8ºano
O Renascimento - 8ºanoVasco Pires
 
Neoclassicismo em portugal
Neoclassicismo em portugalNeoclassicismo em portugal
Neoclassicismo em portugalAna Barreiros
 
Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"Ana Barreiros
 
Teste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 brunoTeste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 brunoDelfina Sousa
 
Ficha de Avaliação - 6º Ano - As Invasões Francesas/ A revolução Liberal de 1822
Ficha de Avaliação - 6º Ano - As Invasões Francesas/ A revolução Liberal de 1822Ficha de Avaliação - 6º Ano - As Invasões Francesas/ A revolução Liberal de 1822
Ficha de Avaliação - 6º Ano - As Invasões Francesas/ A revolução Liberal de 1822maria.antonia
 
Teste 6 descobrimentos
Teste 6 descobrimentosTeste 6 descobrimentos
Teste 6 descobrimentosAna Pereira
 
teste-3-10f-gv-farsa-de-ines-pereira.docx
teste-3-10f-gv-farsa-de-ines-pereira.docxteste-3-10f-gv-farsa-de-ines-pereira.docx
teste-3-10f-gv-farsa-de-ines-pereira.docxIsabelVieira2093
 
Teste de História 8º ano- Porto Editora
Teste de História 8º ano- Porto EditoraTeste de História 8º ano- Porto Editora
Teste de História 8º ano- Porto EditoraZé Mário
 
B.1 teste diagnóstico a queda da monarquia e a i república (1)
B.1 teste diagnóstico   a queda da monarquia e a i república (1)B.1 teste diagnóstico   a queda da monarquia e a i república (1)
B.1 teste diagnóstico a queda da monarquia e a i república (1)Marta Pereira
 
A Expansão marítima
A Expansão marítimaA Expansão marítima
A Expansão marítimacattonia
 
Ulisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de AvaliaçãoUlisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de AvaliaçãoA. Simoes
 
A Crise do Séc. XIV
A Crise do Séc. XIVA Crise do Séc. XIV
A Crise do Séc. XIVCarlos Vieira
 
Ficha 1 cultura do mosteiro
Ficha 1  cultura do mosteiroFicha 1  cultura do mosteiro
Ficha 1 cultura do mosteiroCarla Teixeira
 
A Arquitectura do Ferro no século XIX
A Arquitectura do Ferro no século XIXA Arquitectura do Ferro no século XIX
A Arquitectura do Ferro no século XIXJorge Almeida
 
Teste4 10ºano 10-11-correcão
Teste4 10ºano 10-11-correcãoTeste4 10ºano 10-11-correcão
Teste4 10ºano 10-11-correcãoCarlos Ferreira
 

Mais procurados (20)

A posição geográfica de portugal continental e insular
A posição geográfica de portugal continental e insularA posição geográfica de portugal continental e insular
A posição geográfica de portugal continental e insular
 
Portugal na 1ª guerra mundial
Portugal na 1ª guerra mundialPortugal na 1ª guerra mundial
Portugal na 1ª guerra mundial
 
O Renascimento - 8ºano
O Renascimento - 8ºanoO Renascimento - 8ºano
O Renascimento - 8ºano
 
Neoclassicismo em portugal
Neoclassicismo em portugalNeoclassicismo em portugal
Neoclassicismo em portugal
 
Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"
 
Teste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 brunoTeste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 bruno
 
Ficha de Avaliação - 6º Ano - As Invasões Francesas/ A revolução Liberal de 1822
Ficha de Avaliação - 6º Ano - As Invasões Francesas/ A revolução Liberal de 1822Ficha de Avaliação - 6º Ano - As Invasões Francesas/ A revolução Liberal de 1822
Ficha de Avaliação - 6º Ano - As Invasões Francesas/ A revolução Liberal de 1822
 
Teste 6 descobrimentos
Teste 6 descobrimentosTeste 6 descobrimentos
Teste 6 descobrimentos
 
teste-3-10f-gv-farsa-de-ines-pereira.docx
teste-3-10f-gv-farsa-de-ines-pereira.docxteste-3-10f-gv-farsa-de-ines-pereira.docx
teste-3-10f-gv-farsa-de-ines-pereira.docx
 
Teste de História 8º ano- Porto Editora
Teste de História 8º ano- Porto EditoraTeste de História 8º ano- Porto Editora
Teste de História 8º ano- Porto Editora
 
B.1 teste diagnóstico a queda da monarquia e a i república (1)
B.1 teste diagnóstico   a queda da monarquia e a i república (1)B.1 teste diagnóstico   a queda da monarquia e a i república (1)
B.1 teste diagnóstico a queda da monarquia e a i república (1)
 
O Terramoto de 1755
O Terramoto de 1755O Terramoto de 1755
O Terramoto de 1755
 
A Expansão marítima
A Expansão marítimaA Expansão marítima
A Expansão marítima
 
Manuelino
ManuelinoManuelino
Manuelino
 
Ulisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de AvaliaçãoUlisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de Avaliação
 
A Crise do Séc. XIV
A Crise do Séc. XIVA Crise do Séc. XIV
A Crise do Séc. XIV
 
Ficha 1 cultura do mosteiro
Ficha 1  cultura do mosteiroFicha 1  cultura do mosteiro
Ficha 1 cultura do mosteiro
 
A Arquitectura do Ferro no século XIX
A Arquitectura do Ferro no século XIXA Arquitectura do Ferro no século XIX
A Arquitectura do Ferro no século XIX
 
Teste4 10ºano 10-11-correcão
Teste4 10ºano 10-11-correcãoTeste4 10ºano 10-11-correcão
Teste4 10ºano 10-11-correcão
 
Teste romanos
Teste romanosTeste romanos
Teste romanos
 

Destaque

Portugal no século XIII
Portugal no século XIIIPortugal no século XIII
Portugal no século XIIIcruchinho
 
A revolução de 1383 85
A revolução de 1383 85A revolução de 1383 85
A revolução de 1383 85cruchinho
 
Arquitetura românica
Arquitetura românicaArquitetura românica
Arquitetura românicaAna Barreiros
 
Ficha de trabalho nº1 resoluçao
Ficha de trabalho nº1  resoluçaoFicha de trabalho nº1  resoluçao
Ficha de trabalho nº1 resoluçaoNelson Rolo
 
Arte Romanica
Arte RomanicaArte Romanica
Arte Romanicatorga
 
Ficha formativa Cultura do Mosteiro
Ficha formativa Cultura do MosteiroFicha formativa Cultura do Mosteiro
Ficha formativa Cultura do MosteiroAna Barreiros
 
HIST: Ficha Formativa de História
HIST: Ficha Formativa de HistóriaHIST: Ficha Formativa de História
HIST: Ficha Formativa de História7F
 
Teste de avaliação
Teste de avaliaçãoTeste de avaliação
Teste de avaliaçãoJoão Couto
 
Arte Gótica e Arte Românica
Arte Gótica e Arte Românica   Arte Gótica e Arte Românica
Arte Gótica e Arte Românica Filipa Silva
 
Ficha formativa roma
Ficha formativa romaFicha formativa roma
Ficha formativa romaAna Barreiros
 
Escultura e pintura românica
Escultura e pintura românicaEscultura e pintura românica
Escultura e pintura românicaAna Barreiros
 
7o. ano- - Arte Românica
7o. ano-  - Arte Românica7o. ano-  - Arte Românica
7o. ano- - Arte RomânicaArtesElisa
 

Destaque (20)

Portugal no século XIII
Portugal no século XIIIPortugal no século XIII
Portugal no século XIII
 
A revolução de 1383 85
A revolução de 1383 85A revolução de 1383 85
A revolução de 1383 85
 
Arquitetura românica
Arquitetura românicaArquitetura românica
Arquitetura românica
 
Ficha de trabalho nº1 resoluçao
Ficha de trabalho nº1  resoluçaoFicha de trabalho nº1  resoluçao
Ficha de trabalho nº1 resoluçao
 
Românico
RomânicoRomânico
Românico
 
Arte Romanica
Arte RomanicaArte Romanica
Arte Romanica
 
Ficha formativa Cultura do Mosteiro
Ficha formativa Cultura do MosteiroFicha formativa Cultura do Mosteiro
Ficha formativa Cultura do Mosteiro
 
HIST: Ficha Formativa de História
HIST: Ficha Formativa de HistóriaHIST: Ficha Formativa de História
HIST: Ficha Formativa de História
 
Teste de avaliação
Teste de avaliaçãoTeste de avaliação
Teste de avaliação
 
O românico
O românicoO românico
O românico
 
Arte Gótica e Arte Românica
Arte Gótica e Arte Românica   Arte Gótica e Arte Românica
Arte Gótica e Arte Românica
 
Historia 7 ano
Historia 7 anoHistoria 7 ano
Historia 7 ano
 
Ficha formativa roma
Ficha formativa romaFicha formativa roma
Ficha formativa roma
 
Império romano
Império romanoImpério romano
Império romano
 
Escultura e pintura românica
Escultura e pintura românicaEscultura e pintura românica
Escultura e pintura românica
 
Friso CronolóGico
Friso CronolóGicoFriso CronolóGico
Friso CronolóGico
 
7o. ano- - Arte Românica
7o. ano-  - Arte Românica7o. ano-  - Arte Românica
7o. ano- - Arte Românica
 
Românico
RomânicoRomânico
Românico
 
Exercício Grécia 7º ano
Exercício Grécia 7º anoExercício Grécia 7º ano
Exercício Grécia 7º ano
 
Ficha história
Ficha históriaFicha história
Ficha história
 

Semelhante a Arte Românica - Estilo Artístico dos Sécs. X-XIII

A cultura do palco ficha 2
A cultura do palco  ficha 2A cultura do palco  ficha 2
A cultura do palco ficha 2Carla Teixeira
 
Hist8 ficha avaliacao_2
Hist8 ficha avaliacao_2Hist8 ficha avaliacao_2
Hist8 ficha avaliacao_2DacosttOCosta1
 
98427120 ficha-de-avaliacao-portugal-no-sec-xiii-2-hgp-5º-ano
98427120 ficha-de-avaliacao-portugal-no-sec-xiii-2-hgp-5º-ano98427120 ficha-de-avaliacao-portugal-no-sec-xiii-2-hgp-5º-ano
98427120 ficha-de-avaliacao-portugal-no-sec-xiii-2-hgp-5º-anoBruno Santos
 
FICHA DE HISTÓRIA - 5.º ano.docx
FICHA DE HISTÓRIA - 5.º ano.docxFICHA DE HISTÓRIA - 5.º ano.docx
FICHA DE HISTÓRIA - 5.º ano.docxBelmiramolar
 
Ficha de revisões 1ª prova global
Ficha de revisões 1ª prova globalFicha de revisões 1ª prova global
Ficha de revisões 1ª prova globalCarla Teixeira
 
hgp5_ficha_avaliacao_2a (1).pdf
hgp5_ficha_avaliacao_2a (1).pdfhgp5_ficha_avaliacao_2a (1).pdf
hgp5_ficha_avaliacao_2a (1).pdfClara Martinho
 
Proposta Correção - mód IV
Proposta Correção  - mód IVProposta Correção  - mód IV
Proposta Correção - mód IVteresagoncalves
 
O antigo regime, o absolutismo , o barroco[1]
O antigo regime, o absolutismo , o barroco[1]O antigo regime, o absolutismo , o barroco[1]
O antigo regime, o absolutismo , o barroco[1]Vera Duarte
 
Formacao portugal 5ano
Formacao portugal 5anoFormacao portugal 5ano
Formacao portugal 5anoPatrícia Dias
 
02_03_Valores vivências e quotidiano.pdf
02_03_Valores vivências e quotidiano.pdf02_03_Valores vivências e quotidiano.pdf
02_03_Valores vivências e quotidiano.pdfVítor Santos
 
hgpa5_ficha_avaliacao_c1_v1 (4).docx
hgpa5_ficha_avaliacao_c1_v1 (4).docxhgpa5_ficha_avaliacao_c1_v1 (4).docx
hgpa5_ficha_avaliacao_c1_v1 (4).docxClube Milporquês
 

Semelhante a Arte Românica - Estilo Artístico dos Sécs. X-XIII (20)

A cultura do palco ficha 2
A cultura do palco  ficha 2A cultura do palco  ficha 2
A cultura do palco ficha 2
 
História 8º Renascimento, Reforma e Contrarreforma
História 8º Renascimento, Reforma e ContrarreformaHistória 8º Renascimento, Reforma e Contrarreforma
História 8º Renascimento, Reforma e Contrarreforma
 
Hist8 ficha avaliacao_2
Hist8 ficha avaliacao_2Hist8 ficha avaliacao_2
Hist8 ficha avaliacao_2
 
8 ano.docx
8 ano.docx8 ano.docx
8 ano.docx
 
historia.pdf
historia.pdfhistoria.pdf
historia.pdf
 
98427120 ficha-de-avaliacao-portugal-no-sec-xiii-2-hgp-5º-ano
98427120 ficha-de-avaliacao-portugal-no-sec-xiii-2-hgp-5º-ano98427120 ficha-de-avaliacao-portugal-no-sec-xiii-2-hgp-5º-ano
98427120 ficha-de-avaliacao-portugal-no-sec-xiii-2-hgp-5º-ano
 
Hgp6 ficha 1a
Hgp6 ficha 1aHgp6 ficha 1a
Hgp6 ficha 1a
 
mh8_fich_aval_61.docx
mh8_fich_aval_61.docxmh8_fich_aval_61.docx
mh8_fich_aval_61.docx
 
FICHA DE HISTÓRIA - 5.º ano.docx
FICHA DE HISTÓRIA - 5.º ano.docxFICHA DE HISTÓRIA - 5.º ano.docx
FICHA DE HISTÓRIA - 5.º ano.docx
 
Ficha de revisões 1ª prova global
Ficha de revisões 1ª prova globalFicha de revisões 1ª prova global
Ficha de revisões 1ª prova global
 
hgp5_ficha_avaliacao_2a (1).pdf
hgp5_ficha_avaliacao_2a (1).pdfhgp5_ficha_avaliacao_2a (1).pdf
hgp5_ficha_avaliacao_2a (1).pdf
 
Proposta Correção - mód IV
Proposta Correção  - mód IVProposta Correção  - mód IV
Proposta Correção - mód IV
 
O antigo regime, o absolutismo , o barroco[1]
O antigo regime, o absolutismo , o barroco[1]O antigo regime, o absolutismo , o barroco[1]
O antigo regime, o absolutismo , o barroco[1]
 
8o ano 2019 Apostila arte no Brasil colonial
8o ano 2019 Apostila arte no Brasil colonial 8o ano 2019 Apostila arte no Brasil colonial
8o ano 2019 Apostila arte no Brasil colonial
 
teste de historia 6
teste de historia 6teste de historia 6
teste de historia 6
 
Formacao portugal 5ano
Formacao portugal 5anoFormacao portugal 5ano
Formacao portugal 5ano
 
Ae nvt5 teste_5_b
Ae nvt5 teste_5_bAe nvt5 teste_5_b
Ae nvt5 teste_5_b
 
02_03_Valores vivências e quotidiano.pdf
02_03_Valores vivências e quotidiano.pdf02_03_Valores vivências e quotidiano.pdf
02_03_Valores vivências e quotidiano.pdf
 
Arte Gótica
Arte GóticaArte Gótica
Arte Gótica
 
hgpa5_ficha_avaliacao_c1_v1 (4).docx
hgpa5_ficha_avaliacao_c1_v1 (4).docxhgpa5_ficha_avaliacao_c1_v1 (4).docx
hgpa5_ficha_avaliacao_c1_v1 (4).docx
 

Mais de Carla Teixeira

A civilização industrial no séc XIX.ppt
A civilização industrial no séc XIX.pptA civilização industrial no séc XIX.ppt
A civilização industrial no séc XIX.pptCarla Teixeira
 
1-guerra-mundial-esic.ppt
1-guerra-mundial-esic.ppt1-guerra-mundial-esic.ppt
1-guerra-mundial-esic.pptCarla Teixeira
 
a polis no mundo grego.ppt
a polis no mundo grego.ppta polis no mundo grego.ppt
a polis no mundo grego.pptCarla Teixeira
 
O tempo das reformas religiosas parte 1
O tempo das reformas religiosas parte 1O tempo das reformas religiosas parte 1
O tempo das reformas religiosas parte 1Carla Teixeira
 
Arte renascentista parte 3
Arte renascentista  parte 3Arte renascentista  parte 3
Arte renascentista parte 3Carla Teixeira
 
A reforma religiosa parte 2
A reforma religiosa  parte 2A reforma religiosa  parte 2
A reforma religiosa parte 2Carla Teixeira
 
A reforma católica e a contra reforma- parte 1
A reforma católica e a contra  reforma- parte 1A reforma católica e a contra  reforma- parte 1
A reforma católica e a contra reforma- parte 1Carla Teixeira
 
A contra reforma parte 3
A contra reforma  parte 3A contra reforma  parte 3
A contra reforma parte 3Carla Teixeira
 
A contra reforma parte 2
A contra reforma   parte 2A contra reforma   parte 2
A contra reforma parte 2Carla Teixeira
 
A arte renascentista parte 2
A arte renascentista parte 2A arte renascentista parte 2
A arte renascentista parte 2Carla Teixeira
 
O rococó e o neoclássico parte 1
O rococó e o neoclássico parte 1O rococó e o neoclássico parte 1
O rococó e o neoclássico parte 1Carla Teixeira
 
Revolução francesa módulo 7
Revolução francesa  módulo 7Revolução francesa  módulo 7
Revolução francesa módulo 7Carla Teixeira
 
Ficha de trabalho nº 1
Ficha de trabalho nº 1Ficha de trabalho nº 1
Ficha de trabalho nº 1Carla Teixeira
 
Revolução francesa módulo 7
Revolução francesa  módulo 7Revolução francesa  módulo 7
Revolução francesa módulo 7Carla Teixeira
 
Revolução francesa 2
Revolução francesa 2Revolução francesa 2
Revolução francesa 2Carla Teixeira
 
Revolução francesa parte 3
Revolução francesa parte 3Revolução francesa parte 3
Revolução francesa parte 3Carla Teixeira
 
Revolução francesa 2
Revolução francesa 2Revolução francesa 2
Revolução francesa 2Carla Teixeira
 

Mais de Carla Teixeira (20)

A civilização industrial no séc XIX.ppt
A civilização industrial no séc XIX.pptA civilização industrial no séc XIX.ppt
A civilização industrial no séc XIX.ppt
 
1-guerra-mundial-esic.ppt
1-guerra-mundial-esic.ppt1-guerra-mundial-esic.ppt
1-guerra-mundial-esic.ppt
 
a polis no mundo grego.ppt
a polis no mundo grego.ppta polis no mundo grego.ppt
a polis no mundo grego.ppt
 
O tempo das reformas religiosas parte 1
O tempo das reformas religiosas parte 1O tempo das reformas religiosas parte 1
O tempo das reformas religiosas parte 1
 
Arte renascentista parte 3
Arte renascentista  parte 3Arte renascentista  parte 3
Arte renascentista parte 3
 
Arte renascentista
Arte renascentistaArte renascentista
Arte renascentista
 
A reforma religiosa parte 2
A reforma religiosa  parte 2A reforma religiosa  parte 2
A reforma religiosa parte 2
 
A reforma católica e a contra reforma- parte 1
A reforma católica e a contra  reforma- parte 1A reforma católica e a contra  reforma- parte 1
A reforma católica e a contra reforma- parte 1
 
A contra reforma parte 3
A contra reforma  parte 3A contra reforma  parte 3
A contra reforma parte 3
 
A contra reforma parte 2
A contra reforma   parte 2A contra reforma   parte 2
A contra reforma parte 2
 
A arte renascentista parte 2
A arte renascentista parte 2A arte renascentista parte 2
A arte renascentista parte 2
 
O rococó e o neoclássico parte 1
O rococó e o neoclássico parte 1O rococó e o neoclássico parte 1
O rococó e o neoclássico parte 1
 
Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2
 
Neoclássico parte3
Neoclássico parte3Neoclássico parte3
Neoclássico parte3
 
Revolução francesa módulo 7
Revolução francesa  módulo 7Revolução francesa  módulo 7
Revolução francesa módulo 7
 
Ficha de trabalho nº 1
Ficha de trabalho nº 1Ficha de trabalho nº 1
Ficha de trabalho nº 1
 
Revolução francesa módulo 7
Revolução francesa  módulo 7Revolução francesa  módulo 7
Revolução francesa módulo 7
 
Revolução francesa 2
Revolução francesa 2Revolução francesa 2
Revolução francesa 2
 
Revolução francesa parte 3
Revolução francesa parte 3Revolução francesa parte 3
Revolução francesa parte 3
 
Revolução francesa 2
Revolução francesa 2Revolução francesa 2
Revolução francesa 2
 

Arte Românica - Estilo Artístico dos Sécs. X-XIII

  • 1. Ficha Informativa/Trabalhonº2 A Arte Românica O Românico é um estilo artístico surgido nos finais do século X e inícios do século XI, e que se prolonga até ao século XIII, nalgumas zonas da Europa Ocidental. O seu nome foi-lhe atribuído pelos historiadores de arte devido às influências romanas. A arquitectura desta época apresenta-se sempre com uma forte carga simbólica, formas e linhas simples e puras, com a utilização repetitiva de elementos construtivos. A sua austeridade convida ao recolhimento, à humildade perante Deus. Suporta, normalmente, outras expressões artísticas, como a pintura e a escultura, que lhe oferecem um acentuado carácter pedagógico, com o intuito de dirigir o indivíduo a uma sabedoria universal: a verdade da fé. Foi no final do séc. XI que a igreja românica atingiu a sua forma definitiva. A planta em forma de cruz latina — alusão simbólica à imagem de cristo na cruz . As construções reflectem um clima de insegurança e de instabilidade política e as igrejas serviam de casas de Deus e de local de abrigo e de refúgio. As populações, extremamente religiosas, tudo investem na edificação de pequenas igrejas rurais ou de grandes sés. Profundamente enraizado junto dos pobres, o Cristianismo oferecia à gente pobre a única luz num mundo de trevas. A única esperança de redenção e consolo para uma vida marcada pelas dificuldades e pela submissão. Sé de Coimbra Responde no teu caderno às seguintes questões: ProfªCarla teixeira Página 1
  • 2. Ficha Informativa/Trabalhonº2 Lê o documento: Grande parte das riquezas acumuladas por reis e senhores durante o saque da reconquista foi investida em construções religiosas. Isso explica o grande número de catedrais, abadias, igrejas paroquiais e capelas construídas na Idade Média, num país relativamente pobre como era Portugal. Oliveira Marques, História de Portugal 1-Explica a construção de um grande número de edifícios religiosos na Europa na Idade Média. 2-Relaciona o aparecimento do Românico com a época em que surgiu. 3-Faz a legenda das gravuras: ProfªCarla teixeira Página 2
  • 3. Ficha Informativa/Trabalhonº2 3-Faz a legenda da planta da Igreja: ProfªCarla teixeira Página 3
  • 5. Ficha Informativa/Trabalhonº2 Fig. A___________________ Fig.B________________________ Fig. C_________________________ Fig. D_______________________ 5-Observa a figura: ProfªCarla teixeira Página 5
  • 6. Ficha Informativa/Trabalhonº2 5.1-Identifica na figura os elementos da arquitectura românica. ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ ________________________________________________________________ 6-Observa as figuras: Fig A FIG.B 6.1-A escultura reproduzida nas fig A e B decoram espaços diferentes das igrejas medievais. Identifica-os _____________________________________________________________ _____________________________________________________________ 6.2-Explica a função da escultura nos edifícios medievais. _____________________________________________________________ _____________________________________________________________ _____________________________________________________________ _____________________________________________________________ ProfªCarla teixeira Página 6
  • 7. Ficha Informativa/Trabalhonº2 7-Completa o quadro: Arte Românica Século Tipo de planta: Decoração Tipo de paredes Tipo de edifícios Função ProfªCarla teixeira Página 7