Como o webwriting pode ajudar o e-commerce

874 visualizações

Publicada em

Aconteceu no dia 30/07 um webinar sobre webwriting e e-commerce.

O evento uniu o e-commerce a dicas de webwriting para ajudar os profissionais de e-commerce criarem uma conexão com os usuários e diferenciarem suas marcas pela qualidade e foco no usuário.

Se você perdeu o webinar "Como o webwriting pode ajudar no e-commerce", dê um olhada nos slides para ter boas ideias para dar um banho de webwriting à sua loja virtual.

Qualquer dúvida ou informação: curso@enricocardoso.com.br.

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
874
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
155
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Como o webwriting pode ajudar o e-commerce

  1. 1. O que é webwriting pra você?
  2. 2. O que não é webwriting... Webrwiting não pode ser traduzido como redação online, porque não se trata apenas de uma técnica de redação. Webwriting não pode ser traduzido como jornalismo online. O jornalismo online é que é o ramo do webwriting dedicado a produção de notícias online. Webwriting não pode ser entendido como SEO de conteúdo, porque não visa apenas otimizar o conteúdo, mas sim torná-lo amigável ao leitor. ... afinal, o que é webwriting?
  3. 3. Webwrinting é o conjunto de técnicas que auxiliam na distribuição de conteúdo informativo em ambientes digitais. A função do webwriting é realizar o casamento perfeito entre o conteúdo relevante que irá chamar a atenção dos leitores e ao mesmo tempo escolher corretamente as palavras chaves, tags, que irão compor o texto usando ferramentas de SEO.
  4. 4. Benefícios do webwriting 1. Otimização da página de produto focada no desejo de compra do usuário. 2. Criação de páginas de produto únicas, evitando conteúdo duplicado. 3. Otimização de conteúdo com técnicas mais valorizadas pelos buscadores. 4. Produção de conteúdo focado em 2 frentes: leitores e buscadores. 5. Fazer o conteúdo ser lido, compartilhado, espalhado e comprado.
  5. 5. Os princípios do webwriting
  6. 6. Persuasão Seu discurso precisa estar bem amarrado em argumentos sólidos. Portanto, dê atenção ao que está escrevendo, valorize sempre o gancho emocional com o leitor, explicite o seu ponto de vista e crie credibilidade. Ao final do seu texto, o leitor deve saber muito bem o que fazer. Chame-o para a ação.
  7. 7. Objetividade Vá direito ao ponto, sem rodeios, sem meias palavras, sem falsas promessas. Pense sempre se as informações estão completas, se faltaria algum aspecto a ser abordado, se existe informação em excesso. Não enrole o leitor!
  8. 8. Visibilidade Dê destaque às informações mais importantes – é por conta delas que o leitor está ali e, se você não dar ênfase a elas, eles vão sair da sua página. Mostre o que precisa ser mostrado, destaque, em listas ou numericamente, o que o leitor quer ler.
  9. 9. Navegabilidade Guie o usuário como um guia turístico. Primeiro capture a curiosidade do usuário, depois a atenção e aí sim o interesse do usuário. Somente depois disso, deixe que ele saiba mais sobre você. O título do link deve ser o título da página de destino.
  10. 10. Conclusão 1. Os leitores varrem a página em formato de F (o que chamamos de leitura escaneada). 2. O leitor busca por informações no topo do site e só se aprofunda se tiver algo de interesse pela página. 3. Imagens são responsáveis por mais de 40% da atenção de leitores e usuários. 4. A leitura na web segue o fluxo da escrita: da direita para a esquerda. 5. As pessoas precisam se interessar pelo que você escreveu em poucos segundos, senão abandonam a sua página.
  11. 11. As falhas do conteúdo no e-commerce
  12. 12. descrição de produtos TOTALMENTE robotizada
  13. 13. Cadê o apelo emocional para o cliente? Os benefícios para o cliente? Os ganchos emocionais para o cliente?
  14. 14. Cadê o apelo emocional para o cliente? Os benefícios para o cliente? Os ganchos emocionais para o cliente?
  15. 15. Cadê o apelo emocional para o cliente? Os benefícios para o cliente? Os ganchos emocionais para o cliente?
  16. 16. falta de apelo emocional para a compra
  17. 17. É isso que da contratar um sobrinho para fazer o design de um website. Qual o nível de confiança ou credibilidade um website desse passa?
  18. 18. WTF?!
  19. 19. Poucas empresas educam seus clientes para compras dela
  20. 20. falta de incentivos. “o que tem pra mim?”
  21. 21. Troca grátis, entrega expressa, parcelamento e frete grátis são diferenciais?
  22. 22. Qual a melhor maneira de recuperar um cliente que comprou e não compra há algum tempo?
  23. 23. 10% de desconto é diferencial?
  24. 24. Mostre os diferenciais da sua marca ensinando o cliente a usar o seu produto.
  25. 25. Qual o incentivo a sua empresa da aos usuários para capturar seu e-mail?
  26. 26. O fator encontra bilidade
  27. 27. En.con.tra.bi.li.da.de É a facilidade de localização de informações, serviços na web. Tanto para os usuários que estão dentro do website quanto para quem está buscando informações em buscadores.
  28. 28. Você sabe com quem está falando? Qual é o perfil do seu leitor?
  29. 29. Perfil do usuário de internet no Brasil
  30. 30. Os acessos ultrapassaram 88 milhões em janeiro/2013.
  31. 31. Brasil é o TERCEIRO país em número de usuários ativos na internet.
  32. 32. Vendas de tablets mais que triplicou Em 2012.
  33. 33. Varejistas investirão 55 bilhões de dólares em marketing móvel até 2015.
  34. 34. Gasto mundial com publicidade móvel atingirá 11,4 bilhões de dólares neste ano.
  35. 35. onde está o seu cliente no meio disso tudo?
  36. 36. porque o webwriting pode ajudar no e-commerce
  37. 37. como deveria ser?
  38. 38. criando conteúdo com foco no usuário
  39. 39. o que o seu potencial cliente espera do seu produto? 2 como o seu produto pode beneficiar o cliente? 3 por que o cliente deve comprar de você? quais são os estímulos que seu usuário valoriza? 5 quem é o seu cliente? 6 como se conectar com seu cliente?
  40. 40. uma nova maneira de descrever o produto
  41. 41. As pessoas não estão se importando sobre como é o seu produto, suas características, ou seus detalhes técnicos. Clientes querem produtos. Não são especialistas no produto e, por isso, não querem saber seus mínimos detalhes, suas mínimas especificações. As pessoas querem saber como nossos produtos se encaixam nas vidas delas e, como podemos torna-las melhores. O resto é DETALHE.
  42. 42. vídeo: o valor da criatividade agrega a um projeto. Como aumentar o preço de venda apenas melhorando a sua descrição.
  43. 43. criando conexão emocional com o leitor
  44. 44. a metáfora da cebola
  45. 45. CHAMADA CONTEÚDO GENÉRICO CONTEÚDO EXPANDIDO CONTEÚDO RESTRITO IMAGEM E AUDIO/VÍDEO
  46. 46. criando títulos matadores
  47. 47. o que você precisa saber sobre títulos
  48. 48. como escrever títulos 1. Dê preferência utilize a palavra-chave principal no título do artigo. 2. Evite utilizar grandes títulos. Seja direto. Evoque as emoções do seu produto logo após o título 3. Títulos curtos ajudam na exibição completa quando listados no Google, enquanto títulos grandes acabam não aparecem completamente nos buscadores. Nome do produto é uma coisa. Serial number, código de barras e outros detalhes são irrelevantes. 5. Faça perguntas polêmicas. Isso desperta a curiosidade das pessoas.
  49. 49. MAS... nada disso vai funcionar se você não souber contar histórias!
  50. 50. são as histórias que dão sentido às nossas vidas.
  51. 51. as histórias colocam nosso cérebro para trabalhar...
  52. 52. o que fazer agora?
  53. 53. webwriting e e-commerce 1. Crie uma história para o seu produto. Diga não a sua especificação técnica, mas sim como seu produto se encaixa na vida do seu cliente. 2. Alimente essa história com fotos e vídeos. Quantos mais sentidos do usuário estimularmos, melhor resultado. 3. Diga para quem é o produto. Não tenha medo de dizer que é para X e não para Y. 4. Utilize mídias sociais, e-mail marketing para incentivar o usuário com descontos e call to actios. (convide seus amigos e ganhe; compartilhe e ganhe). 5. Crie título objetivo e subtítulo atrativo (que ressalva os benefícios do produto) para envolver o consumidor online.
  54. 54. dê um banho de webwriting no seu e-commerce!
  55. 55. Muito Obrigado! Enrico Cardoso curso@enricocardoso.com.br

×