TODO MUNDO ODEIA O HOUSE. MAS, NO FINAL DO DIA, TODO       MUNDO QUERIA SER PARECIDO COM ELE!
Você sabia que House foi influenciado por           Sherlock Holmes?
éú             ê        à    çã           çã         ã                        Ó                          à                ...
á       ê    é
é   ó   ó       ã            í
ÃÍ ÇÃ
E, nesse caso, literalmente.House não tem medo dedesafiar     pacientes     efamiliares e, convenceu atéa um pai remover u...
á  Pensar e fazer as coisas do mesmo jeito não vai fazer você alcançar resultados diferentes. Você sempre será o mesmo med...
êAfinal todo mundo que é original eexpressa suas opiniões, ideias eteorias será polêmico. Fale o quevocê pensa, seja since...
é                                                . Sim, se House fosse um ser medíocre,    que buscasse apenas coisas medi...
ó                    . Em termos de medicina – e    empreendedorismo – nada é absoluto. Por isso, aprender a assumir os ri...
êA solução não vai aparecer quandovocê quer. A ideia mirabolante donegócio não vai aparecer sóporque você precisa.Às vezes...
. Sim! O problema pode ser o foco, mas você tem que manter o   foco na solução. O diagnóstico de um médico, ou de um empre...
. Issomesmo. Você precisa estar focado em diagnosticaro problema e, pra isso, precisa aprender ainvestigar. Sem investigar...
. Sem criatividade  você não sai do chão, não consegue pensarfora do quadrado, nem imaginar as coisas em  outro cenário. Q...
ã                     . Não se limite à realidade; não se limite às teorias, àsideias de outros. pensar no todo e fazer an...
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
House e a Revolução do Empreendedorismo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

House e a Revolução do Empreendedorismo

976 visualizações

Publicada em

Slides do webinar "Dr. House e a Revolução do Empreendedorismo" realizada pelo CINEBusiness que mostra os traços de empreendedorismo da personalidade do médico mais controverso de todos os tempos.

0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
976
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
91
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
26
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

House e a Revolução do Empreendedorismo

  1. 1. TODO MUNDO ODEIA O HOUSE. MAS, NO FINAL DO DIA, TODO MUNDO QUERIA SER PARECIDO COM ELE!
  2. 2. Você sabia que House foi influenciado por Sherlock Holmes?
  3. 3. éú ê à çã çã ã Ó à é
  4. 4. á ê é
  5. 5. é ó ó ã í
  6. 6. ÃÍ ÇÃ
  7. 7. E, nesse caso, literalmente.House não tem medo dedesafiar pacientes efamiliares e, convenceu atéa um pai remover uma partedo cérebro de seu filho.Ele não respeita vaidades,muito menos a fé de seuspacientes.Se você veio no meuhospital, para ser tratadopor mim, vai se submeter àminha loucura. Eu sou o Deusaqui!“Se você fala com Deus,você é religioso. Mas, seDeus fala com você, você éum psicótico.
  8. 8. á Pensar e fazer as coisas do mesmo jeito não vai fazer você alcançar resultados diferentes. Você sempre será o mesmo medíocre se pensar da mesma maneira e fazer tudo de maneira superficial. Tire a bunda da cadeira, procure mais, faça melhor e, lembre-se: “não é Lupus. Nunca é Lupus”.
  9. 9. êAfinal todo mundo que é original eexpressa suas opiniões, ideias eteorias será polêmico. Fale o quevocê pensa, seja sincero.Ao ser autêntico e original, você serápolêmico. Ao ser autêntico e originalvocê irá atrair pessoas autênticas eoriginais e afastará aquelas que nãotem nada a ver com você. Isso, nadamais é do segmentação de mercado.Escolha uma linguagem. Escolha umamaneira de comunicar. Escolha umtom. Use isso para afastar quem nãotem nada a ver com você e, praatrair quem tem a ver com os seusideais.Não agrade ninguém, tenha umapersonalidade e seja coerente comela. Você irá atrair as pessoas certas.“Estou nessa. Estilo Rambo”.
  10. 10. é . Sim, se House fosse um ser medíocre, que buscasse apenas coisas medianas, sua equipe seria a extensão disso. Mas, éjustamente por ser um médico brilhante é que ele consegue atrair pessoas tão ou mais peculiares do que ele. Apesar de ser o gênio da medicina de diagnóstico, o elevado padrão da sua equipe só poderá ir até o patamar que ele permitir. “Perseverança não é igual a merecimento.
  11. 11. ó . Em termos de medicina – e empreendedorismo – nada é absoluto. Por isso, aprender a assumir os riscos eresponsabilidades daquilo que faz por que acreditamos é uma grande virtude. Quantas vezes House já foi chamado de louco pelas suas ideias e comportamentos alucinados quando estava convencido de algo? Quantas vezes ele jogou a responsabilidade em outros? E, quantas vezes ele estava totalmente errado. Assuma os riscos, faça aquilo que acredita. “Você não pode ter sempre aquilo que quer”.
  12. 12. êA solução não vai aparecer quandovocê quer. A ideia mirabolante donegócio não vai aparecer sóporque você precisa.Às vezes, você pode estar jogandovídeo-game, dormindo ou mesmofazendo algo que não tenha nada aver com a o problema que asolução surge como um estalo.Mas, lembre-se: isso não vaiacontecer se você não tiver amente aberta para o que estáacontecendo ao seu redor.Portanto, seja paciente, atento àtudo e entenda que tudo é questãodas peças se encaixarem, ou seja:tempo. “Nós somos o que aspessoas acham que nós somos”.
  13. 13. . Sim! O problema pode ser o foco, mas você tem que manter o foco na solução. O diagnóstico de um médico, ou de um empreendedor é na solução, não no problema. Portanto, pense na solução pro problema, não noproblema. Nenhum problema pode ser maior que a sua solução. “Quase morrer não muda nada. Morrer muda tudo”.
  14. 14. . Issomesmo. Você precisa estar focado em diagnosticaro problema e, pra isso, precisa aprender ainvestigar. Sem investigar, você não vai conseguirestudar as causas, as reações, as variáveis e aspossibilidades do seu negócio. Foco nainvestigação. É ela que te leva até o resultado.“Os sintomas nunca mentem”.
  15. 15. . Sem criatividade você não sai do chão, não consegue pensarfora do quadrado, nem imaginar as coisas em outro cenário. Quantas vezes House estava fazendo algo simples e descobriu um diagnóstico de alguma doença? Ou melhor, quantas vezes ele se permitiu tocar música, ver TV ou fazer alguma coisa pra relaxar e soltar a cabeça para que a criatividade surgisse e com ela viessem boas ideias?! Um empreendedor sem boas ideias não é ninguém. Por isso ouse soltar as amarras e ser livre para pensar... “Pessoas não mudam”.
  16. 16. ã . Não se limite à realidade; não se limite às teorias, àsideias de outros. pensar no todo e fazer analogias. Empreendedorismo não tem regrasprontas. Permita-se princípios, nem nada. Pense como quiser, afinal é a única coisaque nos permite ser infinito é a imaginação. “A realidade está quase sempre errada”.

×