Alterações comportamentais, neuroquímicas e   estruturais em modelos experimentais de           plasticidade ontogenetica ...
Pós-docsEQUIPE:                 •Anderson Ribeiro-Carvalho (PNPD - CAPES)                        •Mabel Carneiro Fraga (PA...
LINHAS DE PESQUISA:  1) Mecanismo biológicos do desenvolvimento das assimetrias inter-     hemisféricas cerebrais;  2) Efe...
COMPORTAMENTOS:
HIPERLEPTINEMIA MT:     A             50                    B            20                              *                ...
HIPERLEPTINEMIA PR:
BROMO FINAL LACT.:                                                                                                    25  ...
DESMAME PRECOCE.:      A            10            B             20                   9                           18       ...
NICOTINA ADOLESC.:A                  LCE - TEMPO BA                                                                       ...
Alterações comportamentais, neuroquímicas e estruturaisem modelos experimentais de plasticidade ontogenetica
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Alterações comportamentais, neuroquímicas e estruturaisem modelos experimentais de plasticidade ontogenetica

608 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
608
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Alterações comportamentais, neuroquímicas e estruturaisem modelos experimentais de plasticidade ontogenetica

  1. 1. Alterações comportamentais, neuroquímicas e estruturais em modelos experimentais de plasticidade ontogenetica Alex C. Manhães Prof. Adjunto Laboratório de Neurofisiologia Departamento de Ciências Fisiológicas Instituto de Biologia Roberto Alcântara Gomes Centro Biomédico Universidade do Estado do Rio de Janeiro 2011
  2. 2. Pós-docsEQUIPE: •Anderson Ribeiro-Carvalho (PNPD - CAPES) •Mabel Carneiro Fraga (PAPD - FAPERJ) •Viviane Younes Rapozo (PNPD – CAPES)Alex C. Manhães Doutorandos: •Ana Heloisa de Medeiros (FISCLINEX)Prof. Adjunto •Carla S. de Lima (PGB) •Fernanda B. Nunes Coelho (PGB) •Monique C. S. Guthierrez (FISCLINEX) •Tiago Savignon Cardoso Machado (FISCLINEX) Mestrandos:Cláudio C. Filgueiras •André Luiz Nunes Freitas (FISCLINEX) •Anna Caroline Graça (PGB)Prof. Adjunto •Bruna Messias Lotufo (PGB) •Danielle Paes Branco (FISCLINEX) •Gabrielle Paula Lopes Gonzalez (FISCLINEX) •Juliana de Oliveira Pinto (FISCLINEX) •Natalie Razuck Garrão (FISCLINEX) •Sylvio Claudio Neto (FISCLINEX) Graduandos (ICs): •Ana Carolina Dutra Tavares (Farmácia - UCL) •Bruno da Silva Gonçalves (Biologia - UERJ) •Fabiana Cristina Rodrigues (Biologia - UERJ) •Juliana de Oliveira Silva (Biologia - UERJ)Yael de Abreu-Villaça •Kelvia Carolina Ferreira Rosa (Biologia - UNIRIO)Profa. Adjunto •Renata da Silva Quaresma (Biologia - UERJ) •Victor de Freitas Naiff (Biologia - UERJ) Técnicos: •Andréa Aparecida A. Ferreira (Bióloga – Doutora PGB) •Ulisses Cesar Araujo (Biólogo – Doutor FISCLINEX) •Marlene Vieira (Técnica de Laboratório) •Ulisses Risso Siqueira (Técnico de Laboratório) •Edson Oliveira (Bioterista)
  3. 3. LINHAS DE PESQUISA: 1) Mecanismo biológicos do desenvolvimento das assimetrias inter- hemisféricas cerebrais; 2) Efeitos comportamentais, neuroquímicos e estruturais da exposição à xenobióticos durante a adolescência em modelos experimentais: a) nicotina, b) etanol, c) pesticidas organofosforados, d) ritalina, e) chumbo, f) flúor; 3) Efeitos comportamentais e neuroquímicos da programação metabólica durante o período de amamentação em modelos experimentais: a) hiperleptinemia, b) restrição proteica, c) desnutrição, d) dieta hiperlipídica; 4) Mecanismo biológicos associados ao desenvolvimento e maturação de oligodendrócitos.
  4. 4. COMPORTAMENTOS:
  5. 5. HIPERLEPTINEMIA MT: A 50 B 20 * 18 40 16 14 Nose pokes Latency (s) 30 12 10 20 8 6 10 4 2 0 0 CON LEP CON LEP C 30 AS D 3 25 * 20 2 Entries OA Time OA 15 10 1 5 0 0 CON LEP CON LEP
  6. 6. HIPERLEPTINEMIA PR:
  7. 7. BROMO FINAL LACT.: 25 60 50 * 20 Nose pokes (total) Average latency (s) 40 * 15 30 10 20 10 5 0 1 2 3 4 5 0 Day/Interval CON BRO GROUP CON BRO 75 8 * * 6 50 Time OA (s) Entries OA 4 25 2 0 0 CON BRO CON BRO GROUP GROUP
  8. 8. DESMAME PRECOCE.: A 10 B 20 9 18 8 16 7 14 %Entries OA %Time OA 6 12 5 10 4 8 3 6 2 4 1 2 0 0 C EW C EW C 15 D 250 200 12 Latency (s) 150 Nose pokes 9 100 6 50 3 0 1 2 3 4 5 Day 0 C EW C EW
  9. 9. NICOTINA ADOLESC.:A LCE - TEMPO BA A LAROB - P30 80 250 70 * 200 60 Latência (s)Tempo (s) 50 150 40 30 100 20 50 10 CV - ORIFÍCIOS EXPLORADOS - TOTAL 0 0 18 P30 P75 1 2 3 4 5 16 Idade Dia Número de orifícios 14 12 Controle Nicotina Controle Nicotina 10B B 8 LCE - % TEMPO BA 6 LAROB - P75 4 16 2 250 14 * 0 ** P30 P75 12 200 Idade% de Tempo 10 Latência (s) Controle Nicotina 150 8 6 100 4 2 50 0 P30 P75 0 Idade 1 2 3 4 5 Dia Controle Nicotina Controle Nicotina

×