SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Classe e estilo de vida Roberto Mosca Junior
Posição de classe Ao analisar a posição de classe tradicionalmente os sociólogos analisam: posição de mercado, relações com meios de produção e ocupação
Posição de classe sociólogos mais contemporâneos, como Bourdieu: avalia a posição de classe do indivíduo não apenas quanto a economia e ao emprego mas leva em consideração fatores culturais como estilo de vida e padrões de consumo
Estilo de vida os símbolos e os sinais relacionadas ao consumodesempenham um papel cada vez mais importante no cotidiano.  As identidades individuais estruturam-se em maior escala, em torno das escolhas de estilo de vida - como o modo de vestir, o que comer, como cuidar do corpo e onde relaxar,  e menos em torno de indicadores mais tradicionais como emprego.
Capital cultura e econômico O sociólogo francês Pierre Bourdieu entende  que os grupos de classe são identificáveis de acordo com seus níveis variados de capital cultural e capital econômico (La Distinction, 1986). Cada vez mais, os indivíduos distinguem-se uns dos outros não com base em fatores econômicos ou ocupacionais, mas pelos gostos culturais e pelas atividades de lazer, sendo auxiliados, , nesse processo, pela proliferação de mercadores de necessidades,
Mercadorias simbólicas o número cada vez maior de pessoas que lidam com a apresentação e a representação de mercadorias e serviços – quer sejam esses simbólicos ou  verdadeiros  Anunciantes, , marqueteiros, designer de moda, consultores de estilo, designers de interiores,personaltrainers, terapeutas e webpagedesigner
Gostos e estilos de vida todos influenciam os gostos culturais e promovem as escolhas de estilo de vida entre uma comunidade de consumidores de ampla expansão Com isso, então, podemos dizer que Bourdieu afirma que as divisões de classe podem ser associadas ao estilo de vida e padrões de consumo distintos.
Taxonomia de Classe social Dessa forma , citando agrupamento dentro da classe média,  segundo Savage et al, podemos citar três setores, com base em gostos culturais  e “bens”.
Servidores públicos Os profissionais de serviço público -  os quais possuem um alto capital cultural  e um baixo  capital econômico. Estes tendem a buscar  estilos de vida saudáveis, ativos, que envolvam exercícios, baixo consumo de  álcool e participação em atividades culturais e comunitárias.
Gerentes e burocratas Os gerentes e burocratas – em contraste, tipificam-se, por padrões “indistintos” de consumo que implicam médios ou baixos  níveis de exercício,  pouco empenho em atividades culturais e uma preferência por estilos tradicionais nos móveis da casa e na moda.
Pós modernos Os Pós-modernos – busca estilo de vida que careça de qualquer princípio definidor e que possa trazer , lada a lado,  elementos que não faça parte do gosto tradicional. Assim,  andar a cavalo e um interesse por literatura clássica podem vir acompanhados de uma fascinação por esporte radicais, como alpinismo, e uma paixão por raves e Extasy.
Classes e estilo de vida. De um modo geral, seria mais difícil questionar o fato que a estratificação dentro de classes, assim como entre as classes, acaba dependendo não apenas das diferenças ocupacionais, mais de diferenças em consumo e estilo de vida.  O que se confirma observando tendências existentes dentro da sociedade como um todo
Homogeneização dos gostos A rápida expansão da economia de prestação de serviços e da industria de entretenimento e de lazer, por exemplo, reflete uma ênfase do consumo dentro dos países industrializados.
Sociedade de massa As sociedades modernas passaram a ser sociedades consumistas, ajustadas a aquisição de bens materiais. Em certo aspecto uma sociedade consumista é uma “sociedade de massa”, na qual a diferença de classe são, até certo ponto, ignoradas; desse maneira pessoas vindas de diferente meios podem assistir a programa de TV semelhantes ou comprar roupas nas mesmas lojas de grife.
Diversidade de gostos Porém, as diferenças de classe também podem se intensificar com as variações de estilo de vida e de gostos Contudo, mesmo tendo em mente essas mudanças, é impossível ignorar o papel crítico  que os fatores econômicos que os fatores econômicos desempenham na reprodução das desigualdades sociais. Na maioria dos casos os indivíduos que sofrem de privações materiais e sociais extremas não estão nesta situação por escolherem este estilo de vida, mais tais circunstâncias são forçadas por fatores relacionados à estrutura econômica e ocupacional.
Questão 1: "É terrível dizer isso, mas com muita freqüencia as roupas mais empolgantes são as das pessoas mais pobres" Estilista Christian Lacroix na Vogue, abril de 1994. “Cada vez mais, os indivíduos distinguem-se uns dos outros não com base em fatores econômicos ou ocupacionais, mas pelos gostos culturais e pelas atividades de lazer, sendo auxiliados, , nesse processo, pela proliferação de mercadores de necessidades, o número cada vez maior de pessoas que lidam com a apresentação e a representação de mercadorias e serviços –quer sejam esses simbólicos ou  verdadeiros – para consumo dentro do sistema capitalista.”  Bourdieu, sociólogo francês. Qual a relação entre a frase com a  função do estilista Lacroix do ponto de vista do conceito de classe social em Bourdieu?
Questão 2: "Acordo toda manhã, pulo no chuveiro, olho para o símbolo e ele me sacode para o dia. É para me lembrar a cada dia de como tenho de agir, isto é, 'Just do it' ” Empresário da internet de 24 anos Carmine Colletion sobre sua decisão de tatuar a logo da Nike no seu umbigo, dezembro de 1997. Esta frase  está  usando um conceito de classe social baseado num perspectiva Bourdiana porquê? justifique:
Questão 2 : A resposta será a soma dos números associados às alternativas corretas. Para esta questão, preencha sempre dois alvéolos: um na coluna das dezenas e um na coluna das unidades, conforme exemplo ao lado: questão 13, resposta 09 (soma das alternativas 01 e 08). 01) Apresenta uma concepção que valoriza o emprego , o mercado, e as relações com meios de produção e ocupação. 02) Avalia a posição de classe do indivíduo não apenas, ou mesmo essencialmente, quanto a economia e ao emprego  leva em consideração fatores culturais como estilo de vida e padrões de consumo. 04) As identidades individuais estruturam-se em maior escala, em torno das escolhas de estilo de vida - como o modo de vestir, o que comer, como cuidar do corpo e onde relaxar,  08) Está fundado em torno de indicadores mais tradicionais como emprego. 16) Está fundado mais pelos gostos culturais e pelas atividades de lazer. (   )
Capital econômico ou capital cultural? A tira ao lado de André Dhamer, explicita um lamento, preconceituoso, proferido pelo personagem, de ausência de de um capital cultural, por parte da família de negros, este lamento  está baseado em um  princípio de pertencimento de classe que reivindica : fatores econômicos ou ocupacionais.  gostos culturais e pelas atividades de lazer.  economia e ao emprego posição de mercado  relações com meios de produção e ocupação

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Papéis e estatutos sociais
Papéis e estatutos sociaisPapéis e estatutos sociais
Papéis e estatutos sociaisNúriaa Gourgel
 
Socialização e cultura
Socialização e culturaSocialização e cultura
Socialização e culturaSergio Grunbaum
 
Indivíduo e Sociedade
Indivíduo e SociedadeIndivíduo e Sociedade
Indivíduo e Sociedadecarlosbidu
 
A contribuição da sociologia para a interpretação da realidade social
A contribuição da sociologia para a interpretação  da realidade socialA contribuição da sociologia para a interpretação  da realidade social
A contribuição da sociologia para a interpretação da realidade socialMarcela Marangon Ribeiro
 
As metodologias de investigação em sociologia e ciências sociais
As metodologias de investigação em sociologia e ciências sociaisAs metodologias de investigação em sociologia e ciências sociais
As metodologias de investigação em sociologia e ciências sociaisCatarina Alexandra
 
Poder da mídia na contemporaneidade
Poder da mídia na contemporaneidadePoder da mídia na contemporaneidade
Poder da mídia na contemporaneidadeLaércio Góes
 
Indústria Cultural
Indústria CulturalIndústria Cultural
Indústria CulturalMunis Pedro
 
A Escolha de uma Profissão
A Escolha de uma ProfissãoA Escolha de uma Profissão
A Escolha de uma ProfissãoCassia Dias
 
Introdução à Sociologia
Introdução à SociologiaIntrodução à Sociologia
Introdução à SociologiaAlison Nunes
 
A sociedade de consumo
A sociedade de consumoA sociedade de consumo
A sociedade de consumoHelena Fonseca
 
Sociologia Introdutória
Sociologia Introdutória Sociologia Introdutória
Sociologia Introdutória Rene Lins
 
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedadehomago
 
Sociologia ii aula 1 - Cultura e Sociedade
Sociologia ii   aula 1 - Cultura e SociedadeSociologia ii   aula 1 - Cultura e Sociedade
Sociologia ii aula 1 - Cultura e SociedadeCarmem Rocha
 

Mais procurados (20)

Papéis e estatutos sociais
Papéis e estatutos sociaisPapéis e estatutos sociais
Papéis e estatutos sociais
 
Classe e estilo de vida
Classe e estilo de vidaClasse e estilo de vida
Classe e estilo de vida
 
Socialização e cultura
Socialização e culturaSocialização e cultura
Socialização e cultura
 
Indivíduo e Sociedade
Indivíduo e SociedadeIndivíduo e Sociedade
Indivíduo e Sociedade
 
história da sociologia
   história da sociologia   história da sociologia
história da sociologia
 
A contribuição da sociologia para a interpretação da realidade social
A contribuição da sociologia para a interpretação  da realidade socialA contribuição da sociologia para a interpretação  da realidade social
A contribuição da sociologia para a interpretação da realidade social
 
As metodologias de investigação em sociologia e ciências sociais
As metodologias de investigação em sociologia e ciências sociaisAs metodologias de investigação em sociologia e ciências sociais
As metodologias de investigação em sociologia e ciências sociais
 
Poder da mídia na contemporaneidade
Poder da mídia na contemporaneidadePoder da mídia na contemporaneidade
Poder da mídia na contemporaneidade
 
Sociologia - Aula Introdutória
Sociologia - Aula IntrodutóriaSociologia - Aula Introdutória
Sociologia - Aula Introdutória
 
Indústria Cultural
Indústria CulturalIndústria Cultural
Indústria Cultural
 
Multiculturalismo
MulticulturalismoMulticulturalismo
Multiculturalismo
 
A Escolha de uma Profissão
A Escolha de uma ProfissãoA Escolha de uma Profissão
A Escolha de uma Profissão
 
Introdução à Sociologia
Introdução à SociologiaIntrodução à Sociologia
Introdução à Sociologia
 
A sociedade de consumo
A sociedade de consumoA sociedade de consumo
A sociedade de consumo
 
Sociologia Introdutória
Sociologia Introdutória Sociologia Introdutória
Sociologia Introdutória
 
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
1 ano sociologia as relações entre indivíduo e sociedade
 
Sociologia ii aula 1 - Cultura e Sociedade
Sociologia ii   aula 1 - Cultura e SociedadeSociologia ii   aula 1 - Cultura e Sociedade
Sociologia ii aula 1 - Cultura e Sociedade
 
Consumismo
ConsumismoConsumismo
Consumismo
 
PAP: Truques e Dicas
PAP: Truques e DicasPAP: Truques e Dicas
PAP: Truques e Dicas
 
Max weber
Max weberMax weber
Max weber
 

Destaque

Destaque (13)

Obesidade
ObesidadeObesidade
Obesidade
 
Obesidade
ObesidadeObesidade
Obesidade
 
Obesidade
ObesidadeObesidade
Obesidade
 
Obesidade X Sociedade
Obesidade X SociedadeObesidade X Sociedade
Obesidade X Sociedade
 
Obesidade
ObesidadeObesidade
Obesidade
 
Obesidade
ObesidadeObesidade
Obesidade
 
Globalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vidaGlobalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vida
 
Consumo e estilos de vida
Consumo e estilos de vidaConsumo e estilos de vida
Consumo e estilos de vida
 
Slides obesidade
Slides obesidadeSlides obesidade
Slides obesidade
 
Slide pronto
Slide prontoSlide pronto
Slide pronto
 
Sistema respiratorio slides da aula
Sistema respiratorio slides da aulaSistema respiratorio slides da aula
Sistema respiratorio slides da aula
 
Passo a passo para baixar slides
Passo a passo para baixar slidesPasso a passo para baixar slides
Passo a passo para baixar slides
 
Apresentação de slides pronto
Apresentação de slides prontoApresentação de slides pronto
Apresentação de slides pronto
 

Semelhante a Classe e Estilo De Vida

Sociogia o ambiente-riscos e incertezas.
Sociogia o ambiente-riscos e incertezas.Sociogia o ambiente-riscos e incertezas.
Sociogia o ambiente-riscos e incertezas.turma12c1617
 
Consumismo e o ambiente
Consumismo e o ambienteConsumismo e o ambiente
Consumismo e o ambienteturma12c1617
 
Moda vestuário símbolo de distinção na contemporaneidade
Moda vestuário símbolo de distinção na contemporaneidadeModa vestuário símbolo de distinção na contemporaneidade
Moda vestuário símbolo de distinção na contemporaneidadeLucinea Lima Lacerda
 
A moda no século xxi para além da distinção artigo aline
A moda no século xxi para além da distinção artigo   alineA moda no século xxi para além da distinção artigo   aline
A moda no século xxi para além da distinção artigo alineDouglas Evangelista
 
“DESNATURALIZANDO O GOSTO: UMA DISCUSSÃO SOBRE A OBRA “A DISTINÇÃO – CRÍTICA ...
“DESNATURALIZANDO O GOSTO: UMA DISCUSSÃO SOBRE A OBRA “A DISTINÇÃO – CRÍTICA ...“DESNATURALIZANDO O GOSTO: UMA DISCUSSÃO SOBRE A OBRA “A DISTINÇÃO – CRÍTICA ...
“DESNATURALIZANDO O GOSTO: UMA DISCUSSÃO SOBRE A OBRA “A DISTINÇÃO – CRÍTICA ...Douglas Evangelista
 
Comportamentodoconsumidor atualizado-100524091833-phpapp02
Comportamentodoconsumidor atualizado-100524091833-phpapp02Comportamentodoconsumidor atualizado-100524091833-phpapp02
Comportamentodoconsumidor atualizado-100524091833-phpapp02Aline Rossi
 
Comportamento do Consumidor e as Mídias Digitais
Comportamento do Consumidor e as Mídias Digitais Comportamento do Consumidor e as Mídias Digitais
Comportamento do Consumidor e as Mídias Digitais Rebecca Lyrio
 
tcc_NOVAS PERSPECTIVAS DO CONSUMO OS REFLEXOS DA FRAGMENTAÇÃO DO SUJEITO
tcc_NOVAS PERSPECTIVAS DO CONSUMO OS REFLEXOS DA FRAGMENTAÇÃO DO SUJEITOtcc_NOVAS PERSPECTIVAS DO CONSUMO OS REFLEXOS DA FRAGMENTAÇÃO DO SUJEITO
tcc_NOVAS PERSPECTIVAS DO CONSUMO OS REFLEXOS DA FRAGMENTAÇÃO DO SUJEITOGuilherme Vianna Bertola
 
Moda, Segmentação e Posicionamento - Rafael Körbes
Moda, Segmentação e Posicionamento - Rafael KörbesModa, Segmentação e Posicionamento - Rafael Körbes
Moda, Segmentação e Posicionamento - Rafael Körbesalinevonahnt
 
MODA COMUNICADORA (como ela reflete o ser)
MODA COMUNICADORA (como ela reflete o ser)MODA COMUNICADORA (como ela reflete o ser)
MODA COMUNICADORA (como ela reflete o ser)Brenda Goedert
 
Geografia as tendencias de consumismo da sociedade brasileira contemporanea...
Geografia   as tendencias de consumismo da sociedade brasileira contemporanea...Geografia   as tendencias de consumismo da sociedade brasileira contemporanea...
Geografia as tendencias de consumismo da sociedade brasileira contemporanea...Gustavo Soares
 
Segmentação de Público no Monitoramento de Mídias Sociais
Segmentação de Público no Monitoramento de Mídias SociaisSegmentação de Público no Monitoramento de Mídias Sociais
Segmentação de Público no Monitoramento de Mídias SociaisAndréa Castro
 
CONSUMIDORES DIFERENTES, ESCOLHAS CONSCIENTES: A CAMINHO DA SOCIEDADE DO BEM-...
CONSUMIDORES DIFERENTES, ESCOLHAS CONSCIENTES: A CAMINHO DA SOCIEDADE DO BEM-...CONSUMIDORES DIFERENTES, ESCOLHAS CONSCIENTES: A CAMINHO DA SOCIEDADE DO BEM-...
CONSUMIDORES DIFERENTES, ESCOLHAS CONSCIENTES: A CAMINHO DA SOCIEDADE DO BEM-...Monique Lima
 
Desigualdades e identidades sociais
Desigualdades e identidades sociaisDesigualdades e identidades sociais
Desigualdades e identidades sociaisturma12c1617
 
Comportamento do consumidor atualizado
Comportamento do consumidor   atualizadoComportamento do consumidor   atualizado
Comportamento do consumidor atualizadoDawison Calheiros
 

Semelhante a Classe e Estilo De Vida (20)

Comportamento do consumidor online
Comportamento do consumidor online Comportamento do consumidor online
Comportamento do consumidor online
 
Sociogia o ambiente-riscos e incertezas.
Sociogia o ambiente-riscos e incertezas.Sociogia o ambiente-riscos e incertezas.
Sociogia o ambiente-riscos e incertezas.
 
Consumismo e o ambiente
Consumismo e o ambienteConsumismo e o ambiente
Consumismo e o ambiente
 
Moda vestuário símbolo de distinção na contemporaneidade
Moda vestuário símbolo de distinção na contemporaneidadeModa vestuário símbolo de distinção na contemporaneidade
Moda vestuário símbolo de distinção na contemporaneidade
 
A moda no século xxi para além da distinção artigo aline
A moda no século xxi para além da distinção artigo   alineA moda no século xxi para além da distinção artigo   aline
A moda no século xxi para além da distinção artigo aline
 
“DESNATURALIZANDO O GOSTO: UMA DISCUSSÃO SOBRE A OBRA “A DISTINÇÃO – CRÍTICA ...
“DESNATURALIZANDO O GOSTO: UMA DISCUSSÃO SOBRE A OBRA “A DISTINÇÃO – CRÍTICA ...“DESNATURALIZANDO O GOSTO: UMA DISCUSSÃO SOBRE A OBRA “A DISTINÇÃO – CRÍTICA ...
“DESNATURALIZANDO O GOSTO: UMA DISCUSSÃO SOBRE A OBRA “A DISTINÇÃO – CRÍTICA ...
 
Comportamentodoconsumidor atualizado-100524091833-phpapp02
Comportamentodoconsumidor atualizado-100524091833-phpapp02Comportamentodoconsumidor atualizado-100524091833-phpapp02
Comportamentodoconsumidor atualizado-100524091833-phpapp02
 
Economia.pptx
Economia.pptxEconomia.pptx
Economia.pptx
 
MERCADO DE MODA
MERCADO DE MODAMERCADO DE MODA
MERCADO DE MODA
 
cultura, estratégia e poder
cultura, estratégia e podercultura, estratégia e poder
cultura, estratégia e poder
 
Comportamento do Consumidor e as Mídias Digitais
Comportamento do Consumidor e as Mídias Digitais Comportamento do Consumidor e as Mídias Digitais
Comportamento do Consumidor e as Mídias Digitais
 
tcc_NOVAS PERSPECTIVAS DO CONSUMO OS REFLEXOS DA FRAGMENTAÇÃO DO SUJEITO
tcc_NOVAS PERSPECTIVAS DO CONSUMO OS REFLEXOS DA FRAGMENTAÇÃO DO SUJEITOtcc_NOVAS PERSPECTIVAS DO CONSUMO OS REFLEXOS DA FRAGMENTAÇÃO DO SUJEITO
tcc_NOVAS PERSPECTIVAS DO CONSUMO OS REFLEXOS DA FRAGMENTAÇÃO DO SUJEITO
 
Moda, Segmentação e Posicionamento - Rafael Körbes
Moda, Segmentação e Posicionamento - Rafael KörbesModa, Segmentação e Posicionamento - Rafael Körbes
Moda, Segmentação e Posicionamento - Rafael Körbes
 
MODA COMUNICADORA (como ela reflete o ser)
MODA COMUNICADORA (como ela reflete o ser)MODA COMUNICADORA (como ela reflete o ser)
MODA COMUNICADORA (como ela reflete o ser)
 
Geografia as tendencias de consumismo da sociedade brasileira contemporanea...
Geografia   as tendencias de consumismo da sociedade brasileira contemporanea...Geografia   as tendencias de consumismo da sociedade brasileira contemporanea...
Geografia as tendencias de consumismo da sociedade brasileira contemporanea...
 
Segmentação de Público no Monitoramento de Mídias Sociais
Segmentação de Público no Monitoramento de Mídias SociaisSegmentação de Público no Monitoramento de Mídias Sociais
Segmentação de Público no Monitoramento de Mídias Sociais
 
CONSUMIDORES DIFERENTES, ESCOLHAS CONSCIENTES: A CAMINHO DA SOCIEDADE DO BEM-...
CONSUMIDORES DIFERENTES, ESCOLHAS CONSCIENTES: A CAMINHO DA SOCIEDADE DO BEM-...CONSUMIDORES DIFERENTES, ESCOLHAS CONSCIENTES: A CAMINHO DA SOCIEDADE DO BEM-...
CONSUMIDORES DIFERENTES, ESCOLHAS CONSCIENTES: A CAMINHO DA SOCIEDADE DO BEM-...
 
Desigualdades e identidades sociais
Desigualdades e identidades sociaisDesigualdades e identidades sociais
Desigualdades e identidades sociais
 
Comportamento do consumidor atualizado
Comportamento do consumidor   atualizadoComportamento do consumidor   atualizado
Comportamento do consumidor atualizado
 
Consumo global
Consumo globalConsumo global
Consumo global
 

Mais de roberto mosca junior

Trabalho e sociedade fordismo e toyotismo
Trabalho e sociedade   fordismo e toyotismoTrabalho e sociedade   fordismo e toyotismo
Trabalho e sociedade fordismo e toyotismoroberto mosca junior
 
Cultura, ideologia e indústria cultural
Cultura, ideologia e indústria culturalCultura, ideologia e indústria cultural
Cultura, ideologia e indústria culturalroberto mosca junior
 
Questões de Antropologia (livro)
Questões de Antropologia (livro)Questões de Antropologia (livro)
Questões de Antropologia (livro)roberto mosca junior
 
Aula de revisão de conteúdo – 8º ano
Aula de revisão de conteúdo – 8º anoAula de revisão de conteúdo – 8º ano
Aula de revisão de conteúdo – 8º anoroberto mosca junior
 
Aula de revisão de conteúdo – 7º ano
Aula de revisão de conteúdo – 7º anoAula de revisão de conteúdo – 7º ano
Aula de revisão de conteúdo – 7º anoroberto mosca junior
 
Racismo e miscigenação, democracia racial.
Racismo e miscigenação, democracia racial.Racismo e miscigenação, democracia racial.
Racismo e miscigenação, democracia racial.roberto mosca junior
 
Aula preconceito e discriminação
Aula preconceito e discriminaçãoAula preconceito e discriminação
Aula preconceito e discriminaçãoroberto mosca junior
 
Mosca viu correção de atividade - texto de apoio movimentos sociais
Mosca viu correção de atividade - texto de apoio movimentos sociaisMosca viu correção de atividade - texto de apoio movimentos sociais
Mosca viu correção de atividade - texto de apoio movimentos sociaisroberto mosca junior
 
Constituição da república federativa do brasil
Constituição da república federativa do brasilConstituição da república federativa do brasil
Constituição da república federativa do brasilroberto mosca junior
 
texto de apoio movimentos sociais e correção do ED
texto de apoio movimentos sociais e correção do EDtexto de apoio movimentos sociais e correção do ED
texto de apoio movimentos sociais e correção do EDroberto mosca junior
 

Mais de roberto mosca junior (20)

Trabalho e sociedade fordismo e toyotismo
Trabalho e sociedade   fordismo e toyotismoTrabalho e sociedade   fordismo e toyotismo
Trabalho e sociedade fordismo e toyotismo
 
Trabalho e sociedade
Trabalho e sociedadeTrabalho e sociedade
Trabalho e sociedade
 
Cultura, ideologia e indústria cultural
Cultura, ideologia e indústria culturalCultura, ideologia e indústria cultural
Cultura, ideologia e indústria cultural
 
Questões de Antropologia (livro)
Questões de Antropologia (livro)Questões de Antropologia (livro)
Questões de Antropologia (livro)
 
Questões de antropologia_01
Questões de antropologia_01Questões de antropologia_01
Questões de antropologia_01
 
Antropologia alteridade
Antropologia alteridadeAntropologia alteridade
Antropologia alteridade
 
Aula de revisão de conteúdo – 8º ano
Aula de revisão de conteúdo – 8º anoAula de revisão de conteúdo – 8º ano
Aula de revisão de conteúdo – 8º ano
 
Aula de revisão de conteúdo – 7º ano
Aula de revisão de conteúdo – 7º anoAula de revisão de conteúdo – 7º ano
Aula de revisão de conteúdo – 7º ano
 
RASCISMO CIENTIFICO
RASCISMO CIENTIFICORASCISMO CIENTIFICO
RASCISMO CIENTIFICO
 
Racismo e miscigenação, democracia racial.
Racismo e miscigenação, democracia racial.Racismo e miscigenação, democracia racial.
Racismo e miscigenação, democracia racial.
 
Aula preconceito e discriminação
Aula preconceito e discriminaçãoAula preconceito e discriminação
Aula preconceito e discriminação
 
Revisão 3º tri
Revisão 3º triRevisão 3º tri
Revisão 3º tri
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
 
Discussão doc. "Atrásdaporta"
Discussão doc. "Atrásdaporta"Discussão doc. "Atrásdaporta"
Discussão doc. "Atrásdaporta"
 
Mosca viu correção de atividade - texto de apoio movimentos sociais
Mosca viu correção de atividade - texto de apoio movimentos sociaisMosca viu correção de atividade - texto de apoio movimentos sociais
Mosca viu correção de atividade - texto de apoio movimentos sociais
 
Etnocentrismo e relativismo
Etnocentrismo e relativismoEtnocentrismo e relativismo
Etnocentrismo e relativismo
 
Constituição da república federativa do brasil
Constituição da república federativa do brasilConstituição da república federativa do brasil
Constituição da república federativa do brasil
 
texto de apoio movimentos sociais e correção do ED
texto de apoio movimentos sociais e correção do EDtexto de apoio movimentos sociais e correção do ED
texto de apoio movimentos sociais e correção do ED
 
Movimentos sociais
Movimentos sociaisMovimentos sociais
Movimentos sociais
 
Aula 25 09_14
Aula 25 09_14Aula 25 09_14
Aula 25 09_14
 

Último

Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxIsabelaRafael2
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfPastor Robson Colaço
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 anoandrealeitetorres
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundonialb
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 

Classe e Estilo De Vida

  • 1. Classe e estilo de vida Roberto Mosca Junior
  • 2. Posição de classe Ao analisar a posição de classe tradicionalmente os sociólogos analisam: posição de mercado, relações com meios de produção e ocupação
  • 3. Posição de classe sociólogos mais contemporâneos, como Bourdieu: avalia a posição de classe do indivíduo não apenas quanto a economia e ao emprego mas leva em consideração fatores culturais como estilo de vida e padrões de consumo
  • 4. Estilo de vida os símbolos e os sinais relacionadas ao consumodesempenham um papel cada vez mais importante no cotidiano. As identidades individuais estruturam-se em maior escala, em torno das escolhas de estilo de vida - como o modo de vestir, o que comer, como cuidar do corpo e onde relaxar, e menos em torno de indicadores mais tradicionais como emprego.
  • 5. Capital cultura e econômico O sociólogo francês Pierre Bourdieu entende que os grupos de classe são identificáveis de acordo com seus níveis variados de capital cultural e capital econômico (La Distinction, 1986). Cada vez mais, os indivíduos distinguem-se uns dos outros não com base em fatores econômicos ou ocupacionais, mas pelos gostos culturais e pelas atividades de lazer, sendo auxiliados, , nesse processo, pela proliferação de mercadores de necessidades,
  • 6. Mercadorias simbólicas o número cada vez maior de pessoas que lidam com a apresentação e a representação de mercadorias e serviços – quer sejam esses simbólicos ou verdadeiros Anunciantes, , marqueteiros, designer de moda, consultores de estilo, designers de interiores,personaltrainers, terapeutas e webpagedesigner
  • 7. Gostos e estilos de vida todos influenciam os gostos culturais e promovem as escolhas de estilo de vida entre uma comunidade de consumidores de ampla expansão Com isso, então, podemos dizer que Bourdieu afirma que as divisões de classe podem ser associadas ao estilo de vida e padrões de consumo distintos.
  • 8. Taxonomia de Classe social Dessa forma , citando agrupamento dentro da classe média, segundo Savage et al, podemos citar três setores, com base em gostos culturais e “bens”.
  • 9. Servidores públicos Os profissionais de serviço público - os quais possuem um alto capital cultural e um baixo capital econômico. Estes tendem a buscar estilos de vida saudáveis, ativos, que envolvam exercícios, baixo consumo de álcool e participação em atividades culturais e comunitárias.
  • 10. Gerentes e burocratas Os gerentes e burocratas – em contraste, tipificam-se, por padrões “indistintos” de consumo que implicam médios ou baixos níveis de exercício, pouco empenho em atividades culturais e uma preferência por estilos tradicionais nos móveis da casa e na moda.
  • 11. Pós modernos Os Pós-modernos – busca estilo de vida que careça de qualquer princípio definidor e que possa trazer , lada a lado, elementos que não faça parte do gosto tradicional. Assim, andar a cavalo e um interesse por literatura clássica podem vir acompanhados de uma fascinação por esporte radicais, como alpinismo, e uma paixão por raves e Extasy.
  • 12. Classes e estilo de vida. De um modo geral, seria mais difícil questionar o fato que a estratificação dentro de classes, assim como entre as classes, acaba dependendo não apenas das diferenças ocupacionais, mais de diferenças em consumo e estilo de vida. O que se confirma observando tendências existentes dentro da sociedade como um todo
  • 13. Homogeneização dos gostos A rápida expansão da economia de prestação de serviços e da industria de entretenimento e de lazer, por exemplo, reflete uma ênfase do consumo dentro dos países industrializados.
  • 14. Sociedade de massa As sociedades modernas passaram a ser sociedades consumistas, ajustadas a aquisição de bens materiais. Em certo aspecto uma sociedade consumista é uma “sociedade de massa”, na qual a diferença de classe são, até certo ponto, ignoradas; desse maneira pessoas vindas de diferente meios podem assistir a programa de TV semelhantes ou comprar roupas nas mesmas lojas de grife.
  • 15. Diversidade de gostos Porém, as diferenças de classe também podem se intensificar com as variações de estilo de vida e de gostos Contudo, mesmo tendo em mente essas mudanças, é impossível ignorar o papel crítico que os fatores econômicos que os fatores econômicos desempenham na reprodução das desigualdades sociais. Na maioria dos casos os indivíduos que sofrem de privações materiais e sociais extremas não estão nesta situação por escolherem este estilo de vida, mais tais circunstâncias são forçadas por fatores relacionados à estrutura econômica e ocupacional.
  • 16. Questão 1: "É terrível dizer isso, mas com muita freqüencia as roupas mais empolgantes são as das pessoas mais pobres" Estilista Christian Lacroix na Vogue, abril de 1994. “Cada vez mais, os indivíduos distinguem-se uns dos outros não com base em fatores econômicos ou ocupacionais, mas pelos gostos culturais e pelas atividades de lazer, sendo auxiliados, , nesse processo, pela proliferação de mercadores de necessidades, o número cada vez maior de pessoas que lidam com a apresentação e a representação de mercadorias e serviços –quer sejam esses simbólicos ou verdadeiros – para consumo dentro do sistema capitalista.” Bourdieu, sociólogo francês. Qual a relação entre a frase com a função do estilista Lacroix do ponto de vista do conceito de classe social em Bourdieu?
  • 17. Questão 2: "Acordo toda manhã, pulo no chuveiro, olho para o símbolo e ele me sacode para o dia. É para me lembrar a cada dia de como tenho de agir, isto é, 'Just do it' ” Empresário da internet de 24 anos Carmine Colletion sobre sua decisão de tatuar a logo da Nike no seu umbigo, dezembro de 1997. Esta frase está usando um conceito de classe social baseado num perspectiva Bourdiana porquê? justifique:
  • 18. Questão 2 : A resposta será a soma dos números associados às alternativas corretas. Para esta questão, preencha sempre dois alvéolos: um na coluna das dezenas e um na coluna das unidades, conforme exemplo ao lado: questão 13, resposta 09 (soma das alternativas 01 e 08). 01) Apresenta uma concepção que valoriza o emprego , o mercado, e as relações com meios de produção e ocupação. 02) Avalia a posição de classe do indivíduo não apenas, ou mesmo essencialmente, quanto a economia e ao emprego leva em consideração fatores culturais como estilo de vida e padrões de consumo. 04) As identidades individuais estruturam-se em maior escala, em torno das escolhas de estilo de vida - como o modo de vestir, o que comer, como cuidar do corpo e onde relaxar, 08) Está fundado em torno de indicadores mais tradicionais como emprego. 16) Está fundado mais pelos gostos culturais e pelas atividades de lazer. ( )
  • 19. Capital econômico ou capital cultural? A tira ao lado de André Dhamer, explicita um lamento, preconceituoso, proferido pelo personagem, de ausência de de um capital cultural, por parte da família de negros, este lamento está baseado em um princípio de pertencimento de classe que reivindica : fatores econômicos ou ocupacionais. gostos culturais e pelas atividades de lazer. economia e ao emprego posição de mercado relações com meios de produção e ocupação