Tendencias 2011 suvinil

5.568 visualizações

Publicada em

Publicada em: Design, Turismo, Tecnologia
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.568
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tendencias 2011 suvinil

  1. 1. CADERNO DE 2011TENDÊNCIAS
  2. 2. Existe um lugar especial onde ossonhos ficam ainda mais coloridos e o tempo passa deliciosamente mais devagar.Um lugar desejado e perfeitamente imaginado.É o melhor lugar do mundo. É sua casa, seu orgulho.
  3. 3. Nossos desejos são os agentes mobilizadores de nossas histórias de vidas. Desejos que flutuam nesta sociedade pós-moderna, onde o imperativo tecnológico é o instante, momento de começo e fim. Uma era múltipla e singular, que re-conceitua o viver e a maneira deenxergar o mundo. Desejos que também resgatam raízes no momento em que olhos se abrem e percebem gestos contagiantes e prazerosos pela sintonia de estar próximo ao outro. Gesto da essência, que se propaga numa onda envolvente de atitudes positivas. Desejos que transcendem e “realizam-se” de maneiras inimagináveis, criatividade expressa por indivíduos autores de sua nova condição histórica: você é o que desejar ser! O CADERNO DE TENDÊNCIAS 2011 INTERPRETA TEMAS QUE MOVEM OS INDIVÍDUOS, TODOS NÓS, ATRAVÉS DE 3 PROPOSTAS: REAL, no qual experimentamos uma pausa para a essência e o essencial BINÁRIO, que nos coloca frente aos paradigmas da ditadura tecnológica. IMAGINÁRIO, passaporte de uma viagem sem limites, para a criatividade e diversão. SUVINIL O CONVIDA A SE CONECTAR NAS PRÓXIMAS PÁGINAS.
  4. 4. t e ndê nc ia .1 PERCEBEMOS QUE PASSADO, PRESENTE E FUTURO PODERIAM FAZER PARTE DE DIFERENTES MUNDOS. CENÁRIOS FRAGMENTADOS QUE ILUSTRAM NOSSAS VIDAS E NOS DESAFIAM A CRESCER. ESTA NOVA DÉCADA MERECE UMA PAUSA PARA BUSCAR EM NOSSA BIBLIOTECA, BAGAGEM EMOCIONAL PARA O VIVER CONTEMPORÂNEO.
  5. 5. Ao longo do tempo, tudo foi vivido com a maior intensidade, muitos foram os desejos realizados e os aprendizados eternizados. O maior deles rompe em coragem pela busca do essencial, através de um olhar interior à raiz daquilo que nos torna humanos. Deparamo-nos com um sentimento de posse e de responsabilidade por nós mesmos, pelo mundo que herdamos, por este viver cosmopolita. Essa nova questão social que floresce nos implica a agir diferente, dar outro passo e conquistar um novo luxo através da simplicidade, do compartilhar o tempo, do criar e co-criar. RENASCE O SENTIDO DO VIVER, DO MÁXIMO BEM-ESTAR. FOTO ARQUIVO SUVINIL A GENTE TRANSFORMAFOTO FELIPE AGUILLAR Projeto colaborativo que faz uso das cores para promover mudanças dentro de uma comunidade.
  6. 6. PASSADO PRESENTE FUT Ambientes ou objetos que incorporam o passado, o presente e o futuro. Aproveitar-se da TECNOLOGIA para PRESERVAR O PASSADO através de sua reinterpretação estética, com olhar no contemporâneo, imprime uma ABORDAGEM FUTURÍSTICA.
  7. 7. URO Aquecer com emoções e simplificar o bem-estar, personalização. Ambientes INCLUSIVOS, esculpidos do jeito certo para o “com_viver”.
  8. 8. Elementos milenarescomo madeira, feltro,pelo, osso e couro.Materiais encorpados,ENTRELAÇADOS,macramê, crochê, franja,corda. Fragmentos quese unem em mosaicos,patchwork.
  9. 9. Rosa Debutante D225 Flan de Pêssego S090 Cereja R242CORES Tremoço C138 RETRO COM OLHAR MODERNO A presença do cinza sinaliza Verde-Garrafa acolhimento e conforto, E052 tranquilidade que remete a leve nostalgia. Neutros também têm importância Mar Caribenho E068 pela simplicidade e ingenuidade do conceito. Destaque para um vermelho Lago Congelado profundo, Cereja, que imprime C331 drama para paleta. Nimbus D336 Petit Gâteau P369 Aroma de Café F101
  10. 10. ten dência.2 É O MUNDO ON = OFF A NOVA DÉCADA INAUGURA A COMPLETA CONECTIVIDADE E MOBILIDADE. COMEÇO E FIM CONFUNDEM-SE E O “SEU LUGAR” PASSA A SER TODO E QUALQUER LUGAR. ACESSO ILIMITADO COMPARTILHA A ROTA DOS CHAMADOS NÔMADES URBANOS. Num teclar de dedos, um novo elemento se insere em nossa natureza. Chamado “código binário”, o mesmo igualou-se em importância a água, a terra, ao ar e ao fogo. Ele vaga por aí, numa nuvem qualquer, fictícia, porém estrutural da contemporaneidade. Essa simples combinação entre 1 e 0 causou a maior revolução na chamada sociedade pós-moderna, consolidando a era da velocidade, da memória RAM, dos bits, KB, MB, GB, TB...
  11. 11. Essa evolução tecnológica desencadeia mudanças sociais, aprimorando nossas vidas e imprimindo movimento a tudo. Gerações nativas digitais emconvivência com centenários são os extremos desse mundo que se comunica numa relação 24/7/365.
  12. 12. UMA NOVA RELAÇÃO COM O É a introdução da MUNDO É INAUGURADA LIQUIDEZ, na qual aquilo que chega a nós,COM O DESPERTAR DO TECNOLÓGICO. no momento seguinte e na mesma rapidez, se esvai, escorre e não é apreendido. TECNOLOGIA EXTREMADA, Wi-Fi, 3D, touch screen, full connected, emotional clothing, 3D printing, comunicação pervasiva.
  13. 13. AMBIENTES FLUIDOS, de livre acesso, interativos,expressando leveza e movimento.
  14. 14. Transparência do vidro,tecidos voluptuosos,microtexturas,estampas difusas, brilhodo metal, alumínio. DESIGN ORGÂNICO, FORMAS FACETADAS E DIGITAL PRINTING
  15. 15. Sibéria Rosedal F141 Champagne Eternidade Bege D016 C140 Pergaminho P208CimentoD387 Cordilheira dos Andes F108 CORES Interpretação da ciência, desse boom tecnológico, expresso em cores claras, Pandeiro luminosas e éteras como os OFF-WHITES E149 e as SOFT COLORS. Em contraste, a incerteza sobre o fututo está explícita nas cores esfumaçadas. Cores metalizadas são reflexo desse cenário high tech, com destaque para a Céu de Brigadeiro D077 cor azul acinzentado, SIBÉRIA.
  16. 16. endê ncia.3t RA E ESC APA PA . A DE QU A FANTASIA REALID UNDO D OM OMOS ID ADE, S RIATIV TEMPO . -NO S DA C N OSSO RIAMO ES DE VIDA APROP AUTOR E UMA ISTAS E RRAR D AÇÕES PRO TAGON ÉO DESGA S SENS RDADE R NOV A AIS... ES TA LIBE A BOREA SURRE PARA S S MAIS ÁTICA SONHO PRAGM R NOS E VIAJA
  17. 17. Escapismo que revigora, introduz o lúdico, a magia e transporta as emoções a este cenário alegórico, ilusório e cool. Um momento mais doce, mais saboroso de viver, no qual a s criatividade nos apresenta o ida lor co es or mundo de possibilidades, ouv e -f c s de Novas variedade a diversão de uma viagem sem limites. Uma realidade visionária, que ilustra que a única certeza é a deque nada, nem de perto, será Répli como conhecemos. ca d e Ig E por isso, cair no mundo da reja R fantasia é antecipar o futuro. uss a esc ulp dai Autofalantes com no inse ge tos lo e - Ha flo r bi res di nI g ce Fes tiv ita al liz ad as em 3D e escul pidos em aço inoxidá vel . SER F ICÇÃO E R EAL. EIXARÁ D UAL JÁ É IENTÍFICA D O VIRT ICÇÃO C AF
  18. 18. Uma fusão entre tsdamer Platz em Berl im inada do Po ura ilum A OLOGI Cobert TECNARTE E seria o mundo da fantasia, se não fosse pura realidade.
  19. 19. Imagens contrastantes, intensas e audaciosas pigmentam o cenário em que atuamos e criam surpresas chocantes. A transposição dos limites desafia o design tradicional e viajar além das ideias é o passo inicial. Ambientes lúdicos, estimulantes,SENS ORIAIS fazem parte da gama de oportunidades que podem ser desenhadas.
  20. 20. ELH OSNEONDESESTRUTURADOS ÁFICOS JOGO S DE ESP OS S OBJET O HOLOG R S GRÁFIC LED EFEITO S ELE MENTO CRE TO A E CON POLA RIZAD MO CRISTA LLUZ S CO EE LE MENTO NTR CH O QUE E CO RES HIPNÓTICAS, estimulantes da criatividade e da imaginação. Saturadas e intensas. Destaque para a adocicada MAGENTA, e a criativa cor AMARELO PAVÃO.
  21. 21. Sodalita P343Acácia-MimosaD026 Rosa Mosqueta R113Azul GlacialE333 Hortelã R044Pôr do SolR266 Azul Retrô P334MagentaR228 Amarelo Pavão P294Aurora BorealR354
  22. 22. Tre m oç Acácaminho o cia •C - 138 M im Pô r do o sa • D 026 Sodas l• R 26 CORES 6 ALARANJADOS Be g e AMARELOS e• C1 40 Fl a n de Os tons apresentam luminosidade mediana, Pê ss e mantendo a sensação de go • S naturalidade. 090 O Amarelo Pavão é a cor mais provocativa deste grupo. Am ar elo Pa v ão • P 29 4 Ro se d al •F C or 1 41 d il h sa D e b u t a n te • Ro D2 eir Ma ad ge 25 n os A ta •R n d es • F 1 228 08 C er eja P • OFF-WHITES er R2 ga VERMELHOS 42 m in e SOFT COLORS ho • P20 8 Os tons variam entre rosados Cores ligeiras e voláteis que saturados e adocicados a vermelhos suavemente são tingidas alaranjados, iluminados, como a cor como a cor Rosedal, com Rosa Mosqueta. nuance vermelha. Et e Ro rn sa id M ad os Aro e• qu m e ta a D 01 de • R 11 3 6 Ca fé • F 101
  23. 23. Lag Ve r oC de Ho - on r te ge lã Ga la d o rra A zu •R lG fa • 04 l • C 331 4 E052 ac ial • E3 33 AZUIS Ma rC Os tons circulam entre ar o aquoso e o celeste, A zu ib e VERDES lR e nh o sendo que podem trô • E0 68 Os tons seguem estar mais limpos ou • P3 34 uma tendência mais fechados. O azul de cores naturais Céu de Brigadeiro e os verdes reflete a infinitude azulados estão tecnológica. mais intensos, Cé u como o Mar d Ni m bu e Caribenho. Br i ga s• d e ir D3 36 o • D 0 77 VIOLETAS Além do violeta tradicional Aurora Boreal, uma tonalidade mais impregnada por azul, Sod também saturada, compõe a tendência. ali t a• P3 43 Au ro r a B o re a l • R 3 5 4 C ha m pPe t it G ag ne â te au NEUTROS METALIZADOS • P36 9 Tons naturais tradicionais Máxima representação do tecnológico compartilham o espaço com cinzas está simbolizada pelas cores Sibéria esfumaçados, pigmentados com verde (metálico azul acinzentado) e Champagne ou lilás, como a cor Pandeiro. (metalizado amarelo cremoso). Pa n de Sib ér i ro i •E a 14 9 Cim en t o •D 387
  24. 24. EFEITOSDECORATIVOS
  25. 25. TROQUE A ROUPA DAS SUASPAREDES Estilo é algo orgânico, em constante mutação. Ano após ano, as tendências se mesclam e se sobrepõem, despertando novos desejos. Em 2011, a mistura equilibrada do REAL com o SIMBÓLICO e o IMAGINÁRIO, nos inspirou a criar grandes inovações absolutamente únicas e diferentes entre si. Deixe-se seduzir pela suavidade da seda, que confere um toque macio, brilhante e muito sofisticado a qualquer ambiente. Experimente também dar uma aparência de calor e acolhimento às paredes, de um jeito absolutamente ecológico e diferenciado. SURPREENDA-SE COM OS NOVOS EFEITOS DECORATIVOS SUVINIL
  26. 26. acolhimento CALORMADEIRA Capoeira • C172Madeira é moradia. É proteção e segurança.Onipresente na arquitetura e na decoração porsua variedade e responsável por inúmeros efeitose estilos, a madeira aquece, acolhe e vibra. Toda Cordilheira dos Andes • F108essa energia agora ganha às paredes, de um jeito Amarelo Pavão • F141ecológico e inovador: efeito Suvinil Madeira. Mogno • R174
  27. 27. SEDAErva Doce • A410 Uva • B183 Vitória-Régia • B186 Linho • B414 A seda é uma fibra natural obtida a partir dos casulos do bicho-da-seda desde 2700 a.C, suavidade pelos chineses. Por sua maciez e delicadeza, foi considerada a mercadoria mais valiosa da China por CLASSE vários séculos. Felizmente, hoje os mistérios da seda são acessíveis à decoração e à arquitetura na criação de ambientes elegantes e diferenciados. Agora, toda a suavidade da seda chega também às paredes.
  28. 28. SEDAPASSO A PASSO EFEITOS DECORATIVOS LISTA DE MATERIAIS FUNDO EFEITO • Suvinil Acrílico Toque de Seda Branco • Suvinil Acrílico Metalizado • Rolo de lã de carneiro • Bandeja para tinta • Bandeja para tinta • Tecido de algodão macio que não solte fiapos (camiseta de malha) FUNDO 1 Com o rolo de lã de carneiro, aplique 2 Após 24 horas a superfície estará de duas a três demãos de Suvinil Toque completamente seca e pronta para de Seda branco sobre a superfície, receber o efeito seda. respeitando o intervalo de secagem. EFEITO 3 Divida a parede 4 Coloque o 5 Crie o efeito em planos de 1m Suvinil Acrílico tocando de largura. Metalizado em suavemente O produto tem uma bandeja, o tecido uma secagem molhe o tecido sobre a mais rápida, por no produto e superfície, isso é preciso retire o excesso fazendo trabalhar em na lateral da movimentos planos menores bandeja. irregulares. para obter o acabamento ideal. 6 Vá mudando a mão de direção para que o tecido não crie uma mancha regular DICAS sobre a superfície. • Se quiser, pode usar um fundo colorido para criar outros efeitos, • Antes de iniciar a pintura, a superfície deve estar corretamente preparada, limpa, seca e livre de partículas soltas. • Dilua corretamente os produtos de acordo com as instruções do rótulo da embalagem antes da aplicação. • Isole as paredes laterais com fita crepe antes de começar o trabalho.
  29. 29. MADEIRA LISTA DE MATERIAIS FUNDO EFEITO • Suvinil Massa Corrida • Desempenadeira e espátula • Suvinil Texturatto Especial na cor • Flanela para polimento • Suvinil Látex Maxx ou Suvinil de aço desejada • Lixa d’água grana 280 ou 320 Acrílico Fosco na cor branca • Lixas para massa grana 150 ou 180 • Trincha larga de 4 polegadas ou maior • Esponja macia • Rolo de lã de carneiro ou • Bandeja ou caçamba para pintura • Ferramenta para o efeito madeira • Cera incolor pastosa para pisos, trincha • Fita crepe mármores, madeira FUNDO Obs.: Em paredes já pintadas e 1 Aplique, se necessário, 2 a 3 2 Aplique com o auxílio do rolo de lã ou da trincha, 2 a 3 masseadas, recomendamos efetuar demãos de Suvinil Massa Corrida demãos do Suvinil Látex Maxx ou Suvinil Acrílico Fosco um leve lixamento e remoção do com o auxílio da desempenadeira na cor branco, respeitando o intervalo de secagem. pó com um pano úmido. Logo em e da espátula de aço. Aguardar pelo menos 24 horas, antes de iniciar o seguida aplicar Suvinil Látex Maxx ou processo de pintura do efeito madeira. Suvinil Acrílico Fosco. EFEITO 3 Divida a 4 Com a trincha larga 5 Logo em seguida, com o superfície em aplique, como se fosse produto úmido, repasse a planos de uma tinta comum, trincha larga em movimentos aproximada- uma camada uniforme verticais de cima para baixo mente 1,00m do Suvinil Texturatto sucessivamente formando de largura. Especial, diluído em água pequenos veios. na proporção de 15% a Obs: Este processo tem que ser rápido 20%. Aplique 1 demão. para que o Texturatto não seque. 6 Deixe secar esta demão por pelo menos 6 horas. Com a parede seca, 7 Deixe secar por no mínimo aplique com a trincha uma segunda demão do produto diluída em 15%, e 6 horas. Faça um leve lixa- logo após utilize a ferramenta do efeito madeira para obter o efeito. mento uniforme de toda a superfície, com a lixa d’água Obs.: Deixe espaços entre 5 a 10cm, entre uma passada e outra da ferramenta do grana 280 ou 320, afim efeito madeira. O Suvinil Texturatto Especial, é um produto bastante absorvente, de remover um pouco da por isto, certifique-se de que a primeira demão esteja totalmente coberta com parte superior do produto, a segunda. ATENÇÃO para o uso correto da ferramenta, vide imagem ao lado de como utilizar e em que direção. deixada na aplicação. 8 Remova o pó 9 Com o auxílio de uma esponja DICAS com uma macia, aplique a cera pastosa • Na aplicação do Texturatto • Verifique na embalagem as vassoura de pelos uniformemente e sem Especial, procure deixar a camada instruções de diluição e tempo de ou pano seco. pressão, fazendo movimentos aplicada o mais uniforme possível. secagem. circulares. Deixe secar por uns • A superfície a ser aplicada, deve • Isole as paredes laterais com 5 minutos. estar o mais lisa possível, com fita crepe antes de começar o Obs.: Não use panos Com a flanela, faça o acabamento de massa corrida trabalho. umedecidos, pois irá polimento da superfície até ou massa acrílica. manchar o produto. • O ideal é aplicar o efeito em 2 atingir o brilho desejado. • Durante o processo de lixamento pessoas, para que o produto não use sempre máscara para pó. seque rapidamente.
  30. 30. EFEITOS DECORATIVOS SUVIINIL SEDA Erva Doce • A410 PÁTINA Roxo Atemporal • E358 MADEIRA Capoeria • C172 AÇO ESCOVADO Cyber • A187 CAMURÇA Lenha • E168 PALHA Bambu • B178 MÁRMORE Telhado • R116 LUNAR Chocolate • D182 CONCRETO Prata Envelhecido • D164 JEANS LAVADO Índigo Blue • R085 BAMBU Fruta-do- conde • D304 JEANS Escuridão • R151 LINHO Mostarda Dijon • R036 LISTRAS CRAQUELADO Madagascar • B188 FUNDO MAGNÉTICO Saia de Crepe • Z029 Para maiores informações acesse: www.suvinil.com.br/efeitos
  31. 31. CRÉDITOS Design by Studio Tord Boontje for Philips Design by Studio Tord Boontje Photography by Phil Sayer courtesy of Marsden Woo Gallery Vaso Árvore, Oferenda Objetos© Fluid Vase, 2010, Supabold© Sofa Circle, UNStudio© Ben van Berkel and Caroline Bos with Khoi Tran, Thomas de Vries, Job Mouwen. Dance Palace, 2009, UNStudio© Collector’s Loft, 2010, UNStudio© Iwan Baan Design by Studio Tord Boontje Photography by Pelle Crépin Design by Studio Tord Boontje for Moroso
  32. 32. TENDÊNCIAS 2011 Conceito: Karina Walter Agradecimentos: Anderson Mancini Leonardo Gomes Ribeiro EFEITOS DECORATIVOS 2011 Conceito: Karina Mônaco Agradecimentos: Claudio Felipe Diotaiuti Erica Taguti Maria Lúcia de Azevedo AGÊNCIA Viewcomm ComunicaçãoSAC 08000-11-7558www.suvinil.com.br

×