Di planejamento aula01

1.205 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.205
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
551
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Di planejamento aula01

  1. 1. Complemento  do  Design  Interior   Planejamento   Aula  01   Centro  Universitário  Planalto  –  UNIPLAN   Design  de  Interiores   Prof.  Carla  Freitas  
  2. 2.  Elaborar  o  programa  de  necessidades     O  programa  de  necessidades  consiste  na  coleta  de  informações  do   cliente  tendo  em  vista  suas  necessidades  e  esGlo  de  vida,  pode  ser   chamado  de  “briefing”.    Etapa  importante  para  o  posterior  desenvolvimento  do  conceito   do  projeto.   Início  do  processo  de  projetação   Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br  
  3. 3.     O   designer   deve   elaborar   uma   entrevista   com   o   cliente   com   o   objeGvo  de  determinar  o  que  é  necessário  ao  projeto,  realizando  um   perfil  do  esGlo  de  vida  do  cliente  o  mais  preciso  e  detalhado  possível.       É   úGl   aplicar   um   quesGonário   para   ajudar   a   determinar   a   quanGdade  de  moradores  da  casa,  quanto  tempo  passam  em  casa,   como  e  onde  gostam  de  descansar,  fazer  refeições,  trabalhar,  assisGr   TV  ou  ouvir  música,  cozinhar  e  receber  convidados.  E  ainda  se  existe   algum   morador   com   necessidades   especiais,   ou   com   mobilidade   reduzida.     Início  do  processo  de   projetação   Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br  
  4. 4. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br   Exercício  01     Elaborar  um  quesGonário  para  a  primeira  entrevista  com  seu   cliente.  Entregar  em  folha  A4,  digitada.   Início  do  processo  de  projetação  
  5. 5. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br     Começa   com   o   levantamento   das   informações   gráficas   dos   ambientes,  ou  seja,  medições  do  espaços  e  posterior  desenho  em   escala  de  cada  cômodo       A   seguir   inicia-­‐se   uma   análise   rigorosa   dos   ambientes,   marcando   por   exemplo,   pontos   de   energia   e   lógica,   telefone   entradas   e   saídas   de   água   /   esgoto.   Deve-­‐se   marcar   também   alturas,   verificar   a   existência   de   forros,   sancas,   ropadés   e   frisos.   Observar   a   orientação   solar   e   a   qualidade   e   intensidade   da   iluminação   natural.   Além   de   outras   informações   que   o   designer   achar  perGnente  para  o  diagnósGco.   Diagnós9co  dos  ambientes  
  6. 6. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br   Muitas   vezes   é   necessário   realizar   estudos   prévios   antes   de   construir  os  desenhos  de  conceito  do  projeto.  No  caso  de  hotéis  ou   restaurantes,   por   exemplo,   uma   parte   muito   importante   do   processo  de  formulação  de  idéias  é  a  visitação  a  estabelecimentos   semelhantes  para  a  observação  do  espaço,  do  layout,  do  esGlo  e  da   idenGdade   coorporaGva.   Também   nos   projetos   residenciais   pode   ser   necessário   pesquisas   sobre   períodos   arquitetônicos   ou   sobre   temas  ou  esGlos  específicos  que  o  cliente  tenha  solicitado.   Diagnós9co  dos  ambientes  
  7. 7. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br    IdenGficar  o  esGlo  do  seu  cliente  ou  que  ele  tem  em  mente  para   o  projeto.  O  designer  pode  pedir  ao  seu  cliente  que  apresente  na   reunião   da   primeira   entrevista   e   elaboração   do   programa   de   necessidades   imagens   de   revistas   que   ele   goste   para   ajudar   na   compreensão  dos  gostos  dele.   Diagnós9co  dos  ambientes  
  8. 8. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br    “Cada  designer  de  interiores  tem  seu  próprio  método  criaGvo  para   atender   as   necessidades   do   cliente.   Alguns   profissionais   baseiam   o   processo   criaGvo   em   um   fato   concreto   e   trabalham   principalmente   com   a   análise   do   projeto.   O   designer   de   interiores   pode   solicitar   ao   cliente,   por   exemplo,   três   palavras   que   transmitam   as   caracterísGcas   desejadas,  como  leveza,  elegância  e  conforto.”   Formulação  do  Conceito  
  9. 9. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br     “Outros   profissionais   podem   buscar   inspiração   nos   elementos   naturais  próprios  do  local  onde  o  imóvel  se  localiza,  talvez  colocando   um  punhado  de  folhas,  terra  ou  pedras  do  jardim  sobre  sua  mesa  de   trabalho   para   captar   texturas.   Por   outro   lado,   os   próprios   dados   obGdos  no  programa  de  necessidades  podem  servir  como  ponto  de   parGda  para  o  desenvolvimento  do  conceito  do  projeto.”   Formulação  do  Conceito  
  10. 10. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br   Assim   determinadas   cores,   formas   ou   acabamentos   de   um   dos   cômodos,   ou   algum   objeto   do   cliente,   como   um   tapete,   uma   pintura  ou  um  adorno,  também  podem  servir  como  inspiração  para   o   conceito   do   projeto.   No   entanto   ao   estabelecer   o   conceito   do   projeto,   o   designer   deve   levar   em   consideração   as   limitações   de   fatores  como  o  orçamento,  o  próprio  imóvel  e  o  esGlo  de  vida  do   cliente.   Formulação  do  Conceito  
  11. 11. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br   Exercício  02     Elaborar  painéis  conceituais  sobre  o  tema  ou  esGlo  arquitetônico   que  se  deseja  adotar  para  o  projeto.  Painéis  em  cartolina  ou   impressos  em  tamanho  A3.   Formulação  do  Conceito  
  12. 12. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br   Formulação  do  Conceito  
  13. 13. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br   Formulação  do  Conceito  
  14. 14. Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br   Formulação  do  Conceito  
  15. 15. Formulação  do  Conceito   Prof.  Carla  Freitas  |  estudio@caliandradesenhos.com.br|  www.caliandradesenhos.com.br  

×