Caio Maximino Laboratório de Neurociências e Comportamento Laboratório de Neuroendocrinologia
A resposta aguda ao álcool segue uma curva de Yerkes-Dodson Dose Atividade
A resposta aguda ao álcool segue uma curva de Yerkes-Dodson © 2002 American College of Neuropsychopharmacology
A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção
A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção <ul><li>Animais adultos. </li></ul><ul><li>Distribuição v...
A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção © 2009 Elsevier Ltd.
A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção
A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção <ul><li>Animais adultos. </li></ul><ul><li>Exposição a um...
A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção © 2006 Elsevier Ltd.
A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção © 2006 Elsevier Ltd.
Um efeito similar pode ser observado em larvas (6 d.p.f.)
Um efeito similar pode ser observado em larvas (6 d.p.f.) <ul><li>Larvas (6 d.p.f.). </li></ul><ul><li>Locomoção em campo ...
Um efeito similar pode ser observado em larvas (6 d.p.f.) © 2009 Elsevier Ltd.
A resposta aguda ao álcool é altamente similar em diferentes espécies <ul><li>A  Drosophila  mutante  cheapdate  sugere qu...
Adenilato ciclase 5 Sunahara e Taussig, “Isoforms of mammalian adenylyl cyclase: Multiplicities of signaling” © 2002 NPG L...
ERK/MAPK Free et al., “Synaptic transmission: Intracellular signaling” © 2007 John Wiley & Sons
MÉTODOS & RESULTADOS <ul><li>Ethanol-modulated camouflage response screen in zebrafish uncovers a novel role for cAMP and ...
Sujeitos <ul><li>Larvas (6 d. p. f.) da cepa AB. </li></ul><ul><li>Larvas  fan  (background AB x Tübingen). </li></ul><ul>...
Genotipagem da mutação  fan <ul><li>Painel de 2976 embriões  fan. </li></ul><ul><li>Mutação nonsense no primeiro éxon do g...
 
 
fan   induz produção de AMPc em células HEK293
Detecção de fosfo-ERK <ul><li>Anticorpo anti-ERK fosforilada em diluição 1:1000. </li></ul><ul><li>Análise de secções do c...
 
 
 
 
 
Ensaios para captação e metabolismo do etanol <ul><li>Imersão de 120 larvas (AB ou  fan ) em etanol 3% v.v. </li></ul><ul>...
 
Ensaios comportamentais <ul><li>Resposta pigmentar:  Exposição a luz ambiente por ~20 min.; medida de saturação dos melanó...
Resposta de camuflagem  in vivo
Resposta de camuflagem  in vitro
 
Atividade locomotora
Atividade locomotora
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ethanol-modulated camouflage response screen in zebrafish uncovers a novel role for cAMP and ERK signaling in behavioral sensitivity to ethanol

1.012 visualizações

Publicada em

Ethanol-modulated camouflage response screen in zebrafish uncovers a novel role for cAMP and ERK signaling in behavioral sensitivity to ethanol

Publicada em: Saúde e medicina, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.012
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ethanol-modulated camouflage response screen in zebrafish uncovers a novel role for cAMP and ERK signaling in behavioral sensitivity to ethanol

  1. 1. Caio Maximino Laboratório de Neurociências e Comportamento Laboratório de Neuroendocrinologia
  2. 2. A resposta aguda ao álcool segue uma curva de Yerkes-Dodson Dose Atividade
  3. 3. A resposta aguda ao álcool segue uma curva de Yerkes-Dodson © 2002 American College of Neuropsychopharmacology
  4. 4. A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção
  5. 5. A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção <ul><li>Animais adultos. </li></ul><ul><li>Distribuição vertical eliciada pela novidade. </li></ul><ul><li>Exposição aguda ou crônica (0.3% v.v.). </li></ul><ul><li>Medidas: Latência, freqüência e duração das transições à porção superior do aquário, movimentos erráticos (“ansiedade”); distância total percorrida e velocidade média (“atividade”) </li></ul>
  6. 6. A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção © 2009 Elsevier Ltd.
  7. 7. A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção
  8. 8. A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção <ul><li>Animais adultos. </li></ul><ul><li>Exposição a um modelo de predador. </li></ul><ul><li>Exposição aguda (0.25-1.0% v.v.) ou crônica (0.25% v.v. por 2 semanas). </li></ul><ul><li>Medidas: distância em relação ao modelo (“ansiedade”), distância total percorrida (“atividade”). </li></ul>
  9. 9. A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção © 2006 Elsevier Ltd.
  10. 10. A resposta aguda ao álcool implica em ansiólise e hiperlocomoção © 2006 Elsevier Ltd.
  11. 11. Um efeito similar pode ser observado em larvas (6 d.p.f.)
  12. 12. Um efeito similar pode ser observado em larvas (6 d.p.f.) <ul><li>Larvas (6 d.p.f.). </li></ul><ul><li>Locomoção em campo aberto. </li></ul><ul><li>Exposição aguda (1-4% v.v.). </li></ul><ul><li>Medida: atividade locomotora no claro e no escuro. </li></ul>
  13. 13. Um efeito similar pode ser observado em larvas (6 d.p.f.) © 2009 Elsevier Ltd.
  14. 14. A resposta aguda ao álcool é altamente similar em diferentes espécies <ul><li>A Drosophila mutante cheapdate sugere que a sinalização por AMPc é necessária para suprimir a sensibilidade comportamental ao álcool (Moore et al 1998). </li></ul><ul><li>Camundongos knocked-out dos genes que codificam as isoformas 1 ou 8 da adenilato ciclase apresentam maior sedação em resposta ao álcool (Maas et al. 2005). </li></ul>
  15. 15. Adenilato ciclase 5 Sunahara e Taussig, “Isoforms of mammalian adenylyl cyclase: Multiplicities of signaling” © 2002 NPG Ltd.
  16. 16. ERK/MAPK Free et al., “Synaptic transmission: Intracellular signaling” © 2007 John Wiley & Sons
  17. 17. MÉTODOS & RESULTADOS <ul><li>Ethanol-modulated camouflage response screen in zebrafish uncovers a novel role for cAMP and ERK signaling in behavioral sensitivity to ethanol </li></ul>
  18. 18. Sujeitos <ul><li>Larvas (6 d. p. f.) da cepa AB. </li></ul><ul><li>Larvas fan (background AB x Tübingen). </li></ul><ul><li>DNA genômico extraído de 20 larvas AB e 20 larvas fan , e ampliado com PCR e primers para D. rerio . </li></ul>
  19. 19. Genotipagem da mutação fan <ul><li>Painel de 2976 embriões fan. </li></ul><ul><li>Mutação nonsense no primeiro éxon do gene para AC5. </li></ul><ul><li>Hibridização in situ indica que a AC5 é expressa no cérebro de larvas AB normais. </li></ul>
  20. 22. fan induz produção de AMPc em células HEK293
  21. 23. Detecção de fosfo-ERK <ul><li>Anticorpo anti-ERK fosforilada em diluição 1:1000. </li></ul><ul><li>Análise de secções do cérebro de larvas AB normais e mutantes. </li></ul><ul><li>Tratamento com PD98059 (inibidor da MEK), 0 ou 50 μ M. </li></ul>
  22. 29. Ensaios para captação e metabolismo do etanol <ul><li>Imersão de 120 larvas (AB ou fan ) em etanol 3% v.v. </li></ul><ul><li>Retirada de 40 larvas após 4, 10 ou 16 min. </li></ul><ul><li>Larvas homogeneizadas em 500 μ L de Tris-HCl 50 mM; homogenatos centrifugados a 14000 rpm (4° C por 20 min.) </li></ul><ul><li>Kit de ensaio de etanol (Diagnostic Chemicals Ltd.) </li></ul>
  23. 31. Ensaios comportamentais <ul><li>Resposta pigmentar: Exposição a luz ambiente por ~20 min.; medida de saturação dos melanócitos. </li></ul><ul><li>Atividade locomotora: velocidade instantânea de deslocamento em campo aberto (5 x 4 x 2 cm). </li></ul>
  24. 32. Resposta de camuflagem in vivo
  25. 33. Resposta de camuflagem in vitro
  26. 35. Atividade locomotora
  27. 36. Atividade locomotora

×