Vestígios romanos em Santa maria da Feira

4.506 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.506
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.458
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vestígios romanos em Santa maria da Feira

  1. 1.  A fundação do castelo de Santa Maria da Feira perde-se no tempo. A dinâmica da romanização ibérica exigiu fortalezas de maior ou menor importância, como castros e castrejos, pelo que parece lícito supor que fossem os romanos quem primeiro alicerçou o originário monumento que, segundo se pensa, consistira num templo fortificado. Tal suposição fundamenta-se nas três aras romanas cujas mensagens traduzem as honras aos deuses Tueraeus e Bandevelugus Toiarecus . Poderemos fundamentar-nos também num arco romano, existente ao fim da praça de armas, precedendo a porta principal da torre de menagem, cujas características nos apontam cerca de vinte séculos de história...
  2. 2.  Entre os vestígios arqueológicos encontrados evidenciam-se um forno de cozer pão, a parte superior de uma coluna com o seu capitel, algumas mós e curtos vestígios de tijolo e telha. As escavações reforçam as teses de presença dos romanos no Castro, não só pelas construções retangulares que foram acrescentadas às arredondadas, bem como por todas as técnicas de construção e decoração tipicamente romanas.
  3. 3. Castro de Fiães - localização
  4. 4.  Escavado no início dos anos setenta, o "Castro de Fiães" ergue-se no topo do Monte de Santa Maria de Fiães, nas proximidades da localidade do mesmo nome. A maioria dos artefactos encontrados confirma a prevalência do período correlativo à ocupação romana. Além dos vestígios de algumas estruturas, de aspeto tardio, existem fragmentos de cerâmica romana, nomeadamente de luxo, como a terra sigillata, de um dolium (recipiente cerâmico de grandes dimensões destinado a conservar e transportar alimentos) e de vestígios de materiais de construção, como no caso das tegulae, ou seja, de fragmentos de telha retangular.
  5. 5. Calçada de acessoao Monte Redondoem Fiães. Calçada de Airas, S.João de Ver Calçada da Estrada Real no extremo de Ferradal, Fiães.
  6. 6.  No concelho de Santa Maria da Feira, algumas estradas seguem parte do traçado das Vias Romanas. Alguns exemplos: Souto Redondo, Fiães (continua pela Rua do Areeiro, onde entronca no CM1064, estrada que vem da EN1, segue à esquerda e logo em frente entra na Rua da Estrada Romana seguindo até ao único troço que resta da Estrada Real com a calçada original em seixos rolados) Airas, S. João de Ver (a Estrada Real segue até à ao Largo de Airas, milha L?, onde subsistem uns 50 m em calçada. http://viasromanas.planetaclix.pt/#listaoutros
  7. 7. Pesquisa realizada porAna Catarina, 5ºB Janeiro de 2012

×