Desequilíbrio dos ecossistemas Bruno, Eduardo, Rúben

785 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
785
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Desequilíbrio dos ecossistemas Bruno, Eduardo, Rúben

  1. 1. Desequilíbrio dos Ecossistemas Espécies invasoras Bruno Pereira nº4 Eduardo Sêco nº9 Rúben Rodrigues nº20
  2. 2. O que são espécies invasoras?  Espécie que se expande naturalmente, sem interações naturais ou semi naturais, crescendo descontroladamente e produzindo alterações significativas ao nível da composição, estrutura ou processos dos ecossistemas.  As principais consequências são:  Extinção das espécies nativas  Competição pelo alimento entre as espécies nativas e invasoras, levando à diminuição do alimento  Redução da biodiversidade
  3. 3. Como é que as invasões podem acontecer?  Ainda que as invasões possam acontecer de maneira natural, e de fato já aconteceram inúmeras vezes na história da Terra, as atividades e movimentações humanas vêm desempenhando, em tempos históricos, o maior papel na introdução, em praticamente todas as regiões do mundo, de espécies exóticas que se tornaram invasivas, um processo que recentemente vem se acelerando tanto que assumiu a dimensão de crise global, gerando extensas repercussões negativas no equilíbrio ecológico, na economia, na sociedade e na cultura.
  4. 4. Quais são os aspectos negativos que as espécies invasoras provocam?  Além do declínio ou extinção de espécies nativas, as invasões acarretam prejuízos em colheitas, degradação de florestas, solos e pastagens, favorecem a disseminação de doenças e pragas, e, perturbando os ciclos físicos, químicos, biológicos e climáticos, afetam todos os serviços ambientais oferecidos pela natureza, que são fundamentais para a vida humana.
  5. 5. Com o tempo , o que é que as espécies invasoras se podem vir a tornar?  Ao contrário de outros problemas ambientais que se podem diluir e amenizar com o tempo, as invasões muitas vezes tornam-se espécies dominantes e as consequências negativas tendem a agravar-se à medida que a sua adaptação se completa. O combate às invasoras nem sempre é possível e, quando se tenta revela ser um procedimento altamente complexo, difícil e nem sempre garante bons resultados, podendo ocorrer efeitos adversos imprevistos.
  6. 6. Espécies invasoras em Portugal .  Em Portugal continental, ao longo dos dois últimos séculos, e especialmente nas últimas décadas, o número de espécies exóticas (incluindo espécies casuais, naturalizadas e invasoras) tem aumentado muito, ascendendo atualmente a cerca de 670 espécies, o que corresponde a aproximadamente 18% da flora nativa. Nos arquipélagos da Madeira e dos Açores, o número de espécies exóticas é também muito elevado. Das espécies exóticas referidas para Portugal, várias são consideradas invasoras (em Portugal continental aproximadamente 8% das espécies exóticas têm comportamento invasor) constituindo uma séria ameaça para os ecossistemas.
  7. 7. Portugal Tipos de espécies invasivas em Portugal.
  8. 8. Invertebrados  Caranguejo-peludo-chinês - Eriocheir sinensis  Lagostim-vermelho - Procambarus clarkii  Amêijoa asiática - Corbicula fluminea Anfíbios Xenopus laevis - Rã-de-unhas-africana
  9. 9. Peixes  Gambusia holbrooki - Gambúsia  Lepomis gibbosus - Perca-sol  Carassius auratus - Peixe-vermelho  Cichlasoma facetum - Chanchito  Cyprinus carpio - Carpa  Esox lucius - Lúcio  Fundulus heteroclitus - Fúndulo  Micropterus salmoides - Achigã
  10. 10. Aves  francolim-negro - Francolinus francolinus  faisão-resplandecente - Lophophorus impejanus  faisão - Phasianus colchicus  Família Anatidae  cisne-negro - Cygnus atratus  pato-ferrão - Plectropterus gambensis  ganso-do-índico - Anser indicus  pato-de-rabo-alçado-americano - Oxyura jamaicensis
  11. 11. Plantas  Acacia baileyana  Acacia cyanophylla  Acacia cyclops  Acacia dealbata  Acacia decurrens  Acacia karroo  Acacia longifolia  Acacia mearnsii  Acacia melanoxylon
  12. 12. Conclusão  A prevenção é a melhor forma de combater as invasões. Mas se não for possível, a medida mais recomendada é a erradicação, esta deve ser iniciada preferencialmente assim que forem notados os primeiros sinais da invasão, pois mais tarde a propagação da espécie pode ficar inteiramente fora de controlo.
  13. 13. Bibliografia  Vários autores(2014) Espécie invasora. Recurso online http://pt.wikipedia.org/wiki/Esp%C3%A9cie_invasora  Vários autores(2014)Espécie invasora. Recurso online http://invasoras.uc.pt/  Escola virtual(2013)Espécie invasora. Recurso online http://www.escolavirtual.pt/assets/conteudos/downloads/8cn/ cn80907pdf01.pdf?width=965&height=600

×