SETEMBRO, 2010 | SÃO PAULO<br />
Instruções gerais (hidden slide):<br />Instruções aos palestrantes: Complete este slide para que o TrackOwner avalie a seq...
Nível Técnico: 300
Audiência foco: Profissionais que atuam na área de comunicações unificadas
Objetivos (quais são as três principais mensagens que você gostaria que a audiência absorva):
1 Avaliar a importância da interoperabilidade
2  Compartilhar nossos princípios de orientação e atividades
3 Descrever  o realizado até hoje e ressaltar as novas capacidades
Sequência da sua apresentação (incluindo as demos):</li></ul>O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interopera...
CÓDIGO DA SESSÃO:UNC302<br />Interop: Voz, vídeo, conferência e mensagens instantâneas<br />Bruno Estrozi				Jorge DiazAcc...
Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por de...
Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por de...
O desafio da interoperabilidadeInterop é a coisa certa de se fazer, mas não é fácil<br />Uma batalha difícil: conviver com...
O desafio da interoperabilidadeO que significa na verdade o “interop”?<br />Vamos dissecar de forma arbitraria:<br />Inter...
Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por de...
Microsoft UC: InteroperabilidadepordefiniçãoDicas e formas<br />Escutar os clientes<br />Identificar e priorizar o ambient...
Microsoft UC: Interoperabilidade por definiçãoDescrição dos protocolos<br />Referências de normativas de cada protocolo us...
Microsoft UC: Interoperabilidade por definiçãoCompromissos da indústria<br />Participação e suporte em vários fóruns<br />...
Microsoft UC: Interoperabilidade por definiçãoOpen Interoperability Program – http://technet.microsoft.com/ucoip<br />Test...
Microsoft UC: Interoperabilidade por definiçãoDispositivos optimizados – http://technet.microsoft.com/en-us/bb970310.aspx<...
Unified Communications Interoperability Forum (UCIF)<br />BREVE<br />
Anunciando o recém criado UCIFMicrosoft é um dos membros fundadores<br />Anunciando o recém criado UCIF<br />Aliança de fo...
Anunciando o recém criado UCIF Destinado para os cenários de interoperabilidade de UC<br />Missão da UCIF: habilitar a int...
Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por de...
Investimentosprincipais do OCS 2007 R2Com investimentosprincipaiseminteropemamarelo<br />Voz/telefonia:<br />Team calls, h...
Communications Server: Interoperabilidade em açãoRiqueza e alcance<br />Capacidades entre plataformas desktop<br />Cliente...
Communications Server: Interoperabilidade em ação Riqueza e alcance – novidades para Lync Server 2010<br />Colaboração até...
Communications Server: Interoperabilidade em ação Presença e IM<br />Federação de presença Interdomain com soluções de ter...
Novas capacidades para interoperabilidade presença no Lync Server 2010<br />ANUNCIANDO<br />
Communications Server: Interoperabilidade em ação Presença – novo para Lync Server 2010 (disponível depois do RTM)<br />Ly...
Communications Server: InteroperabilidadeemaçãoAudio-Video<br />Três fases<br />Antes: Registro básico de um gateway ou en...
Communications Server: Interoperabilidade de VideoRoteiro<br />W14<br />Logo<br />Enriquecido, chamadas multiplicadas de a...
Communications Server: Interoperabilidade de VideoArquitetura Interop<br />H.263 Video<br />UC Video endpoints<br />SRTP<b...
Communications Server: Interoperabilidade de Video Arquitetura Interop – Polycom<br />UC Video endpoints<br />Meeting Cons...
Interoperabilidade de Media entre Communications Server and Windows Live Messenger<br />
Communications Server: Interoperabilidade em ação Interoperabilidade  de A/V entre CS e WLM<br />Federação de Media entre ...
Communications Server: Interoperabilidade em ação Voz/telefone – novidade no Lync Server 2010<br />Media by-pass do Mediat...
Communications Server: Interoperabilidade PBX Interoppor gateway em R2<br />OIP<br />Media<br />Gateway<br />OCS Pool<br /...
Communications Server: Interoperabilidade PBX Interoppor gateway emLync Server 2010 com media bypass<br />W14 OIP<br />Med...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Lync 2010 - Interop: Voz, vídeo, conferência e mensagens instantâneas

2.994 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.994
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
172
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lync 2010 - Interop: Voz, vídeo, conferência e mensagens instantâneas

  1. 1. SETEMBRO, 2010 | SÃO PAULO<br />
  2. 2. Instruções gerais (hidden slide):<br />Instruções aos palestrantes: Complete este slide para que o TrackOwner avalie a sequência da sua apresentação, tópicos cobertos, integração das demos e alinhamento do conteúdo com a descrição e nível da sessão. <br /><ul><li>Título: Interoperabilidade com o Microsoft Communications Server "14": Voz, vídeo, conferencia e mensagens instantâneas
  3. 3. Nível Técnico: 300
  4. 4. Audiência foco: Profissionais que atuam na área de comunicações unificadas
  5. 5. Objetivos (quais são as três principais mensagens que você gostaria que a audiência absorva):
  6. 6. 1 Avaliar a importância da interoperabilidade
  7. 7. 2 Compartilhar nossos princípios de orientação e atividades
  8. 8. 3 Descrever o realizado até hoje e ressaltar as novas capacidades
  9. 9. Sequência da sua apresentação (incluindo as demos):</li></ul>O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por definição<br />Princípios e processos<br />Compromissos e programas<br />Anunciando: Unified Communications InteroperabilityForum<br />Microsoft Communications Server: interoperabilidade em ação<br />Riqueza e alcance<br />Presença e mensagens instantâneas<br />Audio-Video<br />Telefonia e conferencias<br />Conclusão e P&R<br />
  10. 10. CÓDIGO DA SESSÃO:UNC302<br />Interop: Voz, vídeo, conferência e mensagens instantâneas<br />Bruno Estrozi Jorge DiazAccount Technology Strategist Microsoft Technologies Chief<br />2S Inovações Tecnológicas SERVIEX<br />http://brunoestrozi.com.brhttp://br.jpdg.cl<br />
  11. 11. Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por definição<br />Princípios e processos<br />Compromissos e programas<br />Anunciando: Unified Communications InteroperabilityForum<br />Microsoft Communications Server: interoperabilidade em ação<br />Riqueza e alcance<br />Presença e mensagens instantâneas<br />Audio-Video<br />Telefonia e conferencias<br />Conclusão e P&R<br />
  12. 12. Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por definição<br />Princípios e processos<br />Compromissos e programas<br />Anunciando: Unified Communications InteroperabilityForum<br />Microsoft Communications Server: interoperabilidade em ação<br />Riqueza e alcance<br />Presença e mensagens instantâneas<br />Áudio-Vídeo<br />Telefonia e conferencias<br />Conclusão e P&R<br />
  13. 13. O desafio da interoperabilidadeInterop é a coisa certa de se fazer, mas não é fácil<br />Uma batalha difícil: conviver com terceiros <br />Sempre fechado desde a instalação<br />Trancado de forma vertical (mainframe)<br />Protocolos e APIs sem documentar<br />Plataforma instalada – difícil ensinar coisas novas para um cachorro velho<br />Construir proativa mente produtos interoperáveis no futuro: desafio tecnológico<br />Muitos “standards”, muitas interpretações, fabricantes que gostam de criar normas fechadas como desculpa para continuar blindado.<br />Nenhum esforço das empresas pela interoperabilidade, somente alguns isolados<br />Empresas e clientes precisam da interoperabilidade<br />Habilitar novas características e economias<br />Exigências do mercado objetivos éticos devem orientar os fornecedores<br />Oportunidade para a liderança do negócio<br />
  14. 14. O desafio da interoperabilidadeO que significa na verdade o “interop”?<br />Vamos dissecar de forma arbitraria:<br />Interoperabilidade: 1+1 = 1.5<br />Soluções diferentes que trabalham juntas com características básicas<br />Convivência pacífica, o mais comum<br />Exemplo: PBX tradicional interoperando com QSIG ou SIP<br />Integrado: 1+1 = 3<br />Soluções feitas de forma especial para que cada uma seja potenciada<br />Construído para ser integrado desde o nascimento, usando uma plataforma comum<br />Exemplo: Integração entre contact center e CRM <br />Unificado, Convergente: Uma plataforma para a maioria/toda suas necessidades<br />Sistema que suporta tudo o que a Empresa precisa numa forma integrada<br />Inteiramente ampliável para uma integração, e sempre pronta para uma interoperabilidade<br />
  15. 15. Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por definição<br />Princípios e processos<br />Compromissos e programas<br />Anunciando: Unified Communications InteroperabilityForum<br />Microsoft Communications Server: interoperabilidade em ação<br />Riqueza e alcance<br />Presença e mensagens instantâneas<br />Áudio-Vídeo<br />Telefonia e conferencias<br />Conclusão e P&R<br />
  16. 16. Microsoft UC: InteroperabilidadepordefiniçãoDicas e formas<br />Escutar os clientes<br />Identificar e priorizar o ambiente de interoperabilidade importantes baseados nas necessidades e do feedback do cliente<br />Fazer da interoperabilidade uma parte importante do processo de desenvolvimento<br />Dar prioridade no cenário de interoperabilidade como uma característica principal do produto – definindo critério de entregas e estabelecendo testes alinhados<br />Entregando todas as modalidades da integração do Microsoft UC com os processos do negócio<br />Entregar capacidades entre plataformas diferentes – riqueza e alcance<br />Engajar as empresas<br />Participar nas iniciativas que descrevem como aplicar os standards para cenários técnicos específicos<br />Estimular o desenvolvimento de soluções que sejam interoperáveis desde seu desenho<br />Abrigar um ecossistema de parceiros saudáveis<br />Entregar documentação dos protocolos<br />Habilitar uma plataforma que se estenda por APIs<br />Habilitar, suportar e estimular parceiros<br />
  17. 17. Microsoft UC: Interoperabilidade por definiçãoDescrição dos protocolos<br />Referências de normativas de cada protocolo usado para enviar pacotes na rede entre Communicator e outros produtos da Microsoft, na conformidade dos Princípios da Interoperabilidade<br />Publicados no MSDN, p.e.<br />http://msdn.microsoft.com/en-us/library/cc307432.aspx<br />35 documentos, 1800+ páginas de documentos<br />O primeiro foi no 4 de Abril de 2008, o último em 30 de Abril de 2010 (inclui material do Lync Server 2010)<br />Fóruns e outras formas de ajuda<br />
  18. 18. Microsoft UC: Interoperabilidade por definiçãoCompromissos da indústria<br />Participação e suporte em vários fóruns<br />SIPForum, SIPit, IETF Martini workgroup, etc<br />Trabalho para especificações de interoperabilidade da indústria<br />Ex: SIPconnect 1.1 (SIP trunking)<br />Grupo de trabalho estabelecido em 2008<br />Avaya, Broadsoft, CableLabs, Cbeyond, Microsoft e Siemens. SIPconnect 1.1 vai ter uma quantidade de melhoras, mas se pode esperar um direcionamento na segurança, claridade com a identidade do usuario, TCP vs UDP SIP, e estandares de media. – Chris Gatch, CTO, Cbeyond<br />
  19. 19. Microsoft UC: Interoperabilidade por definiçãoOpen Interoperability Program – http://technet.microsoft.com/ucoip<br />Testes e qualificação de soluções de terceiros para interoperar com Microsoft UC<br />Testes independentes por laboratórios de terceiros baseados nos padrões abertos documentados<br />Alcance enriquecido de programa<br />SIP-PSTN gateways<br />Direct SIP com IP-PBX<br />SIP trunking com operadoras<br />
  20. 20. Microsoft UC: Interoperabilidade por definiçãoDispositivos optimizados – http://technet.microsoft.com/en-us/bb970310.aspx<br />Garante uma excelente qualidade de experiência para os usuários, fortalece um modelo de competividade horizontal no negócio<br />Mais de 50 dispositivos “otimizados para Communicator” de 12 fornecedores<br />Periféricos Áudio USB:<br />Headsets, handsets, speakerphones<br />Com ou sem fio<br />De escritório ou nômade<br />Várias ofertas de preços<br />Webcam USB<br />Incluindo de alta definição<br />Telefones IP Standalone<br />PCs<br />
  21. 21. Unified Communications Interoperability Forum (UCIF)<br />BREVE<br />
  22. 22. Anunciando o recém criado UCIFMicrosoft é um dos membros fundadores<br />Anunciando o recém criado UCIF<br />Aliança de fornecedores sem fins de lucro<br />Aberto para todos os hardware de UC, fornecedores de software, proveedores de serviços e operadores de redes (Não é um clube exclusivo)<br />Fundadores:<br />HP, Juniper Networks, LifeSize/Logitech, Microsoft e Polycom<br />Contribuintes:<br />Acme Packet, Aspect, AudioCodes, Broadcom, Brocade, Broadsoft, ClearOne, Jabra, Plantronics, RADVISION, Siemens Enterprise Communications e Teliris<br />Fundado em Abril de 2010<br />
  23. 23. Anunciando o recém criado UCIF Destinado para os cenários de interoperabilidade de UC<br />Missão da UCIF: habilitar a interoperabilidade de cenários de UC baseados nos standards existentes<br />Não é um outro corpo de standards<br />Interoperabilidade e proteção do investimento dos clientes é o principal objetivo<br />UCIF é agnóstico em termos de plataformas<br />UCIF vai definir planes de testes, protocolos de testes avançados e facilitar a verificação dos mesmos para os membros de cenários e soluções de UC<br />Marca de Certificação<br />Única para o UCIF, uma marca de certificação vai ser desenvolvida para uso de membros fornecedores, como um sinal para os clientes de que o cenário ou solução cumpre os requerimentos de interoperabilidade da UCIF<br />
  24. 24. Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por definição<br />Princípios e processos<br />Compromissos e programas<br />Anunciando: Unified Communications InteroperabilityForum<br />Microsoft Communications Server: interoperabilidade em ação<br />Riqueza e alcance<br />Presença e mensagens instantâneas<br />Áudio-Vídeo<br />Telefonia e conferencias<br />Conclusão e P&R<br />
  25. 25. Investimentosprincipais do OCS 2007 R2Com investimentosprincipaiseminteropemamarelo<br />Voz/telefonia:<br />Team calls, huntgroups, basic ACD com MoH e IVR<br />Cenários Boss-Admin, calldelegation, admin e attendant console<br />Melhor qualidade de áudio:<br />Fastercall setup, melhoras no media stack, menor latência, standard CNG<br />G.711 para Mediation Server ou LAN<br />Media resiliency sem perda de sinal<br />Mais opções de conectividade:<br />Direct SIP para IP-PBX<br />SIP trunking para operadoras<br />Mobilidade:<br />Convergência de celulares: um só número, um só voice mail<br />Melhoras do desempenho<br />Suporte para uma variedade de plataformas de dispositivos<br />Plataforma:<br />Primeira plataforma com Signaling, Media e Speech<br />CodeGallery: webservice construído no topo da API administrada.<br />Integração com Workflow<br />Infraestrutura:<br />64 bits OS, Windows Server 2008, SQL Server 2008<br />Melhoras em CDR, monitoring, archiving<br />Topologia simplificada, mais funções mas menos servidores<br />Melhoras nas funções do edge<br />CWA: compartilhar escritorio, call-me-back<br />Colaboração:<br />PSTN audioconferencing bridge com PIN (incl. autenticação forte)<br />Vídeo HD e VGA<br />Persistentgroup chat<br />P2P e multiparty RDP desksharing<br />Presencefederation com Cisco, IBM<br />XMPP gateway<br />Videointerop (HP, Polycom, Tandberg…)<br />
  26. 26. Communications Server: Interoperabilidade em açãoRiqueza e alcance<br />Capacidades entre plataformas desktop<br />Clientes enriquecidos para Windows e MacOS<br />Office for Mac 2011 vai continuar com suporte para OCS/Lync Server 2010<br />Silverlight/browser basedreachclients (exploradores e plataformas suportadas para o Silverlight)<br />Clientes de terceiros para o Linux (Pidgin plugin, HW phones…)<br />Communicator Mobile numa variedade de plataforma de dispositivos<br />Windows Mobile<br />Nokia S40, S60 (lançado em Maio 2010)<br />http://www.prnewswire.com/news-releases/microsoft-communicator-mobile-for-nokia-debuts-92841594.html<br />Motorola RAZR v3xx<br />Clientes de terceiros para RIM, iPhone, Android, Etc.<br />
  27. 27. Communications Server: Interoperabilidade em ação Riqueza e alcance – novidades para Lync Server 2010<br />Colaboração até com pessoas que não têm communicator<br />Se você pode ver uma página web, pode entrar numa reunião<br />Usuários de Mac e Linux podem organizar e apresentar uma reunião<br />Pode ir facilmente de uma chamada de telefone para uma interação online<br />
  28. 28. Communications Server: Interoperabilidade em ação Presença e IM<br />Federação de presença Interdomain com soluções de terceiros:<br />Cisco UnifiedPresence Server 7.x (lançado em 3Q08)<br />http://www.cisco.com/en/US/docs/voice_ip_comm/cups/7_0/english/integration_notes/federation/Overview_chapter.pdf<br />IBM Sametime 8.0.2 GW com HF3 (lançado em 4Q09)<br />http://www-01.ibm.com/support/docview.wss?uid=swg21393043<br />Microsoft OCS XMPP gateway (lançamento inicial para OCS 2007 R2 em 4Q09)<br />Disponível sem custo adicional de licenças<br />Entrega presença e IM com redes XMPP: Jabber 5.4, GoogleTalk<br />http://communicationsserverteam.com/archive/2009/10/02/620.aspx<br />http://communicationsserverteam.com/archive/2009/10/01/588.aspx<br />Função suportada no Lync Server 2010, características adicionais sendo consideradas<br />
  29. 29. Novas capacidades para interoperabilidade presença no Lync Server 2010<br />ANUNCIANDO<br />
  30. 30. Communications Server: Interoperabilidade em ação Presença – novo para Lync Server 2010 (disponível depois do RTM)<br />Lync Server 2010 introduz uma administração da presença fácil para terceiros – GET e SET<br />Habilita a publicação da presença para infraestrutura de terceiros e PBX para o Lync Server 2010 (assim como trazer a presença do Lync Server 2010)<br />Facilita uma experiência integrada de presença<br />Usa os verbos standards do SIP como SUBSCRIBE e PUBLISH, e formato PIDF (RFC 3863)<br />Superior ao CSTA:<br />Mais estados de presença do que “Em uma ligação”<br />Sem trade-off de características<br />Topologias simples<br />Muitos contribuintes e/ou subscritores<br />Operadora de celular<br />GET-presence&SET-Presence<br />IP-PBX<br />CS14<br />
  31. 31. Communications Server: InteroperabilidadeemaçãoAudio-Video<br />Três fases<br />Antes: Registro básico de um gateway ou endpoint com “lowest common denominator” P2P interop<br />Agora: Capacidades mais enriquecidas, habilitação de firewall transversal e chamadas seguras<br />Com W14: interop simples com endpoints de salas de vídeo atuando com toda a sua capacidade, como endpoind CS de alta qualidade<br />Microsoft licenciou a tecnologia, entregou toda a documentação e suporte para os parceiros<br />VideoconferencingInteroperability White Paper<br />http://technet.microsoft.com/en-us/office/ocs/cc836454.aspx<br />
  32. 32. Communications Server: Interoperabilidade de VideoRoteiro<br />W14<br />Logo<br />Enriquecido, chamadas multiplicadas de alta qualidade entre OC e a solução do parceiro:<br />RTVideo – CIF, VGA, HD<br />Suporte de CCCP para AVMCU<br />Agora<br />Segurança através de firewalls entre OC e a solução do parceiro:<br />Firewall transversal (ICE v19)<br />Secure calls (SRTP)<br />Chamadas básicas P2P entre OC e a solução do parceiro:<br />SIP registration<br />Publicação da presença<br />H.263 interop<br />Autentificação NTLM<br />Widebandaudio<br />Securesignaling (TLS)<br />
  33. 33. Communications Server: Interoperabilidade de VideoArquitetura Interop<br />H.263 Video<br />UC Video endpoints<br />SRTP<br />[MS-SIP]<br />Meeting Console<br />R2 Communicator<br />ICE v19<br />TLS<br />OCS R2 Pool (s)<br />Federated<br />Company<br />CCCP<br />EdgeServers<br />MCUs<br />Registrar<br />RTVideo<br />Registrar<br />ISDN and H.323<br />Traditional Video Conference <br />Endpoints<br />SIP Video Conference Endpoints<br />MCU<br />
  34. 34. Communications Server: Interoperabilidade de Video Arquitetura Interop – Polycom<br />UC Video endpoints<br />Meeting Console<br />Communicator<br />CS Pool (s)<br />Federated<br />Company<br />EdgeServers<br />MCUs<br />Registrar<br />Registrar<br />Virtual Rooms <br />ISDN and H.323<br />RMX<br />Legacy + <br />telepresence<br />HDX<br />
  35. 35. Interoperabilidade de Media entre Communications Server and Windows Live Messenger<br />
  36. 36. Communications Server: Interoperabilidade em ação Interoperabilidade de A/V entre CS e WLM<br />Federação de Media entre Lync Server 2010 e a próxima geração do WLM (W4)<br />P2P wideband áudio e HD vídeo<br />Clientes com Standard CAL qualifica para a federação de media com WLM sem custos extras<br />Notas:<br />Requer Communicator “14” e WLM W4 (prox. ger.)<br />Somente P2P, sem encriptação ou colaboração por enquanto<br />
  37. 37. Communications Server: Interoperabilidade em ação Voz/telefone – novidade no Lync Server 2010<br />Media by-pass do Mediation Server com alguns IP-PBX<br />Vai simplificar as topologias interop<br />Novas capacidades dos gateways do “CS” 14<br />Basic gateways<br />Media by-pass do Mediation Server (p.e. direct media Communicator para o GW)<br />SRTP, requerimentos de qualidade de media<br />Precisará de upgrade de software para os gateways qualificados para R2<br />SurvivableBranchAppliances<br />Inclui suporte para SIP trunking<br />Capacidades de formatos de novos números<br />Elimina a necessidade de reformatar através de um GW ou IP-PBX<br />Simplifica a interop com IP-PBX (menos/sem necessidades de novas regras) e provedores de acesso PSTN<br />
  38. 38. Communications Server: Interoperabilidade PBX Interoppor gateway em R2<br />OIP<br />Media<br />Gateway<br />OCS Pool<br />PBX TDM<br />MediationServer<br />Media<br />Signaling<br />OCS end-points<br />PBX end-points<br />
  39. 39. Communications Server: Interoperabilidade PBX Interoppor gateway emLync Server 2010 com media bypass<br />W14 OIP<br />Media<br />Gateway<br />CS14 Pool<br />with MSrole<br />PBX TDM<br />MediationServer<br />Media<br />Signaling<br />CS14 end-points<br />PBX end-points<br />
  40. 40. Communications Server: Interoperabilidade PBX Interop com Direct SIP para IP-PBX em R2<br />OIPqualifiedIP-PBX <br />OCS Pool<br />MediationServer<br />Media<br />Signaling<br />OCS end-points<br />PBX end-points<br />
  41. 41. Communications Server: Interoperabilidade PBX Interoppor Direct SIP para IP-PBX emLync Server 2010 com media bypass<br />OIPqualifiedIP-PBX<br />capable ofbypass<br />CS14 PoolcomMS role<br />Media<br />Signaling<br />CS14 end-points<br />PBX end-points<br />
  42. 42. Communications Server: Interoperabilidade em ação Implementação de Voz: Lync Server 2010 entrega o que escolhe (1/3)<br />PSTN<br />Use o Lync Server 2010 para substituiralgumas ou todos os PABX e criar uma solução de UC completa<br />Exemplo de clientes:Sprint, Lionbridge, Royal Dutch Shell<br />O que: Todos os usuários são migrados do PABX para o Communications Server (com DID)<br />Porque: Para substituição de um PABX velho ou desatualizado<br />Como: interoperabilidade com IP-PBX existente durante a migração e coexistência: OIP DirectSIP ou GW<br />Pros: simplicidade, economia<br />Contra: solução pouco adotada<br />Bob<br />Bob<br />Alice<br />Alice<br />
  43. 43. Communications Server: Interoperabilidade em ação Implementação de Voice: Lync Server 2010 entrega o que escolhe (2/3)<br />PSTN<br />Use Lync Server 2010 para melhorar (complementar/overlay) a PBX<br />Cliente de exemplo: AT Kearney<br />O que: implementar Enterprise Voice mas continuam usando a PBX<br />Porque: o cliente não está pronto para eliminar os telefones PBX mas quer aproveitar os benefícios do UC<br />Como: opção de reenvio la linha PBX para o Communicator ou (menos confortável) toques simultâneos; OIP interoperability; SET-presence<br />Pros: mudança pouco drástica; facilita a transição para o usuário<br />Contras: pouco simples; DID extra; pouca vantagem econômica<br />DID1 forwardedto DID2<br />Bob’s desk<br />DID1<br />Bob anywhere<br />DID2<br />
  44. 44. Communications Server: Interoperabilidade em ação Implementação de Voice: Lync Server 2010 entrega o que escolhe (3/3)<br />Use Lync Server 2010 para adicionar IM, presença e conferência para o PBX<br />Exemplo de cliente: Intel<br />O que: implementação do CS para tudo menos Enterprise Voice; voz = PBX<br />Porque: cliente não estava pronto para VoIP ou queria manter a solução atual, mas queria economizar com as conferências áudio e web do Lync Server 2010<br />Como: Nova característica “Joinfrom” automaticamente fazia tocar o telefone PBX; OIP interoperability; SET-presence<br />Pros: começa economizando com conferencias de áudio, tendo a opção de tranquilamente adicionar o Enterprise Voice no futuro<br />Contras: Não entrega todas as capacidades do UC como o uso remoto<br />
  45. 45. Interoperabilidade do Microsoft UCAgenda<br />O desafio da interoperabilidade<br />Microsoft UC: Interoperabilidade por definição<br />Princípios e processos<br />Compromissos e programas<br />Anunciando: Unified Communications InteroperabilityForum<br />Microsoft Communications Server: interoperabilidade em ação<br />Riqueza e alcance<br />Presença e mensagens instantâneas<br />Áudio-Vídeo<br />Telefonia e conferencias<br />Conclusão e P&R<br />
  46. 46. ConclusãoEstratégia e investimentos da Microsoft na interoperabilidade da UC<br />Interoperabilidade é fundamental para a aproximação com Microsoft<br />Interopby design<br />UCIF<br />Nós interoperamos hoje para cumprir (virtualmente) todas as suas necessidades<br />Presença e IM; Áudio-vídeo; Telefonia<br />Lync Server 2010 faz a interop mais fácil<br />Cenários enriquecidos; mais interop de vídeo; topologias de interop fáceis com IP-PBX…<br />Faça o Download do RC agora!http://technet.microsoft.com/en-us/evalcenter/ff808407.aspx<br />
  47. 47. Por favor preencha a avaliação<br />
  48. 48. © 2010 Microsoft Corporation. All rights reserved. Microsoft, Windows, Windows Vista and other product names are or may be registered trademarks and/or trademarks in the U.S. and/or other countries.<br />The information herein is for informational purposes only and represents the current view of Microsoft Corporation as of the date of this presentation. Because Microsoft must respond to changing market conditions, it should not be interpreted to be a commitment on the part of Microsoft, and Microsoft cannot guarantee the accuracy of any information provided after the date of this presentation. MICROSOFT MAKES NO WARRANTIES, EXPRESS, IMPLIED OR STATUTORY, AS TO THE INFORMATION IN THIS PRESENTATION.<br />

×