 A Codevasf é uma empresa pública vinculada
ao Ministério da Integração Nacional que
promove o desenvolvimento e a revita...
 Localização: Município de Petrolina (PE), no
Submédio São Francisco
 Área irrigável: 2.418 hectares
 Área ocupada: 1.8...
A Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE,
3ª/EPB, localiza-se a cerca de 42 Km da cidade
de Petrolina-PE, no Perímetro Ir...
• Estruturação da cadeia produtiva da Tilápia, através
do fomento dos Arranjos Produtivos Locais de
Piscicultura, com a as...
 Articulação de ações Interinstitucionais para o
desenvolvimento, adaptação e transferência de
tecnologia de produção de ...
 Laboratórios de reprodução artificial de peixes;
 44 viveiros para alevinos, com área de 3,46 ha;
 12 viveiros para re...
 3 técnicos de nível superior;
 1 técnico de nível médio;
 3 auxiliares de campo;
 6 vigilantes; totalizando 13 funcio...
 Aristichthys nobilis (Carpa Cabeça Grande);
 Ctenopharyngodon idella (Carpa Capim);
 Cyprinus carpio (Carpa Comum);
 ...
 O pacamã (Lophiosilurus alexandri) é um peixe
típico da bacia do rio São Francisco.
 Apresenta elevado rendimento de fi...
 Segundo Luz et al. (2011), não apresenta
dimorfismo sexual, o que dificulta o trabalho com
a sua reprodução;
 Esta se d...
 Segundo o chefe do 3ª/CIB, o engenheiro de
pesca Rozzanno Figueiredo, a iniciativa visa
estimular e apoiar a criação de ...
 “Os peixamentos são feitos com espécies nativas
como piau, pacamã e curimatã. Para a inclusão
produtiva, o objetivo é es...
 Para ações de inclusão produtiva na área de
atuação do 3ª/CIB, as espécies de maior
produção são tilapia, carpa e tambaq...
 Perímetro Irrigado de Bebedouro
CEP. 56.300-000 - Petrolina - Pernambuco
Fone: (0.xx.87) 3862-2255
E-mail: zzanno@ig.com...
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB

781 visualizações

Publicada em

A Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB, localiza-se a cerca de 42 Km da cidade de Petrolina-PE, no Perímetro Irrigado de Bebedouro, e tem como principais ações:

- propagação artificial de espécies de peixes nativos e exóticos de valor ecológico e comercial para recomposição da ictiofauna nativa do rio São Francisco e para a piscicultura no semi-árido nordestino;

- estruturação da cadeia produtiva da Tilápia, através do fomento dos Arranjos Produtivos Locais de Piscicultura, com a assistência técnica e capacitação de pescadores produtores ribeirinhos para a Gestão de Projetos de Piscicultura, fornecimento de alevinos e matrizes de tilápia de linhagem melhorada geneticamente e incentivo a ações associativistas para piscicultores da região e;

-articulação de ações Interinstitucionais (UNIVASF/EMBRAPA/SEBRAE/RIDE/CHESF) para o desenvolvimento, adaptação e transferência de tecnologia de produção de espécies de importância ecológica e econômica da Bacia do São Francisco.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
781
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Visita Técnica a Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB

  1. 1.  A Codevasf é uma empresa pública vinculada ao Ministério da Integração Nacional que promove o desenvolvimento e a revitalização das bacias dos rios São Francisco;  Parnaíba, Itapecuru e Mearim com a utilização sustentável dos recursos naturais e estruturação de atividades produtivas para a inclusão econômica e social.
  2. 2.  Localização: Município de Petrolina (PE), no Submédio São Francisco  Área irrigável: 2.418 hectares  Área ocupada: 1.892 hectares (1.034 ha – lotes familiares; 858 ha – lotes empresariais)  Investimento até 2009: R$ 20.479.982,86  Dados da infraestrutura: 31 km de canais; 45 km de estradas; 64 km de drenos; 5 estações de bombeamento  Início de funcionamento: 1968  Início da cogestão: 1998
  3. 3. A Estação de Piscicultura de Bebedouro-PE, 3ª/EPB, localiza-se a cerca de 42 Km da cidade de Petrolina-PE, no Perímetro Irrigado de Bebedouro, e tem como principais ações:  propagação artificial de espécies de peixes nativos e exóticos de valor ecológico e comercial para recomposição da ictiofauna nativa do rio São Francisco e para a piscicultura no semi-árido nordestino;
  4. 4. • Estruturação da cadeia produtiva da Tilápia, através do fomento dos Arranjos Produtivos Locais de Piscicultura, com a assistência técnica e capacitação de pescadores produtores ribeirinhos para a Gestão de Projetos de Piscicultura; • Fornecimento de alevinos e matrizes de tilápia de linhagem melhorada geneticamente e incentivo a ações associativistas para piscicultores da região e;
  5. 5.  Articulação de ações Interinstitucionais para o desenvolvimento, adaptação e transferência de tecnologia de produção de espécies de importância ecológica e econômica da Bacia do São Francisco;  UNIVASF, EMBRAPA, SEBRAE, RIDE, CHESF.
  6. 6.  Laboratórios de reprodução artificial de peixes;  44 viveiros para alevinos, com área de 3,46 ha;  12 viveiros para reprodutores e matrizes, com área de 6 há;  3 viveiros para engorda experimental, com 3 ha; totalizando 59 viveiros, com área de 12,46 ha
  7. 7.  3 técnicos de nível superior;  1 técnico de nível médio;  3 auxiliares de campo;  6 vigilantes; totalizando 13 funcionários;
  8. 8.  Aristichthys nobilis (Carpa Cabeça Grande);  Ctenopharyngodon idella (Carpa Capim);  Cyprinus carpio (Carpa Comum);  Prochilodus argenteus (Curimatã Pacu);  Colossoma macropomum (Tambaqui);  Myleus micans (Pacu);  Oreochromis niloticus (Tilápia do Nilo);  Pseudoplatystoma corruscans (Surubim);  Leporinus melanopleura (Piau);  Lophiosilurus alexandri (Pacamã).
  9. 9.  O pacamã (Lophiosilurus alexandri) é um peixe típico da bacia do rio São Francisco.  Apresenta elevado rendimento de filé, sua carne é bastante apreciada e não apresenta espinhos intramusculares (TENÓRIO et al., 2006; LUZ & SANTOS, 2008; SOUZA et al., 2010; SEABRA, 2010);
  10. 10.  Segundo Luz et al. (2011), não apresenta dimorfismo sexual, o que dificulta o trabalho com a sua reprodução;  Esta se dá através de desova parcelada, apresenta ovos adesivos e cuidado parental (SATO et al., 2003; LUZ et al., 2011).
  11. 11.  Segundo o chefe do 3ª/CIB, o engenheiro de pesca Rozzanno Figueiredo, a iniciativa visa estimular e apoiar a criação de peixes, proporcionando alternativas de trabalho e renda a milhares de piscicultores das áreas de atuação da empresa, além de ajudar na recomposição da ictiofauna do rio.
  12. 12.  “Os peixamentos são feitos com espécies nativas como piau, pacamã e curimatã. Para a inclusão produtiva, o objetivo é estimular a produção de peixes garantindo ocupação e renda às famílias beneficiadas”, lembrou Rozzanno.
  13. 13.  Para ações de inclusão produtiva na área de atuação do 3ª/CIB, as espécies de maior produção são tilapia, carpa e tambaqui.  Municípios como Petrolina, Dormentes, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, Serrita, Cabrobó dentre outros além de municípios de estados vizinhos, como Conceição do Canindé, no Piauí, foram atendidos, em 2014, pelo 3ª/CIB, com a doação dos alevinos.
  14. 14.  Perímetro Irrigado de Bebedouro CEP. 56.300-000 - Petrolina - Pernambuco Fone: (0.xx.87) 3862-2255 E-mail: zzanno@ig.com.br

×