DIÁRIO DE S. PAULO - SEGUNDA-FEIRA / 30 DE NOVEMBRO DE 201512
esportes
BRASILEIRÃO / SPORT X CORINTHIANS
MarlonCosta/Futur...
2 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Atualidades
Circulação: São Miguel, ITAQUERA, vILA Jacuí,
jd. hele...
3JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Destaque Local
O Grupo Acontece de Jor-
nais e Revista promoveu um
...
4 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Comunidade
Confira os serviços que se-
rão prestados
Unidade será ...
5JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Politica
Na última sexta-feira cerca
de 80 lideranças dos diretório...
6 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Politica
VIVER EM
SEGURANÇA
Emanuel de Aquino Lopes
Quase metade d...
7JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
ComunidadeFitness
Muita gente reclama que não
tem tempo ou dinheiro...
JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 20158
Variedades
Era só mais uma festa de fim de ano
como tantas outras q...
9JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Mudanças sutis podem tornar as ati-
vidades do cotidiano mais produ...
10 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Saúde
Embora possam atingir qual-
quer pessoa em qualquer idade,
...
11JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Feminíssima
Não há nada mais clássico
do que a dupla calça jeans e...
12 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Fábio Santos
Nenhum marasmo... Mais
uma vez as luzes da noite che...
13JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
12
esportes
BRASILEIRÃO / SPORT X CORINTHIANS
MarlonCosta/FuturaPr...
14 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
n Insatisfeitos com a derrota na
partida de ontem, os jogadores
d...
15JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Divirta-se DIÁRIO DE S. PAULO - SEGUNDA-FEIRA / 30 DE NOVEMBRO DE ...
16 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Acontece 394

77 visualizações

Publicada em

Acontece

Publicada em: Design
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
77
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Acontece 394

  1. 1. DIÁRIO DE S. PAULO - SEGUNDA-FEIRA / 30 DE NOVEMBRO DE 201512 esportes BRASILEIRÃO / SPORT X CORINTHIANS MarlonCosta/FuturaPress Nem lembrava mais como eraJoão Pontes joao.pontes@diariosp.com.br O Corinthians passou porumasituaçãoin- comum neste Cam- peonato Brasileiro: jogou mal e saiu de campo derrotado. Ontem, na Arena Pernambuco, o Sport colocouoclubepaulistanaro- da e carimbou a faixa de cam- peão brasileiro do adversário comavitóriapor2a0. Os gols que resultaram na quinta derrota do Corinthians em37partidasforamanotados pelozagueiroMatheusFerraze peloatacanteAndré.Valelem- brarqueotimecomandadopor Tite não era derrotado desde o dia 16 de setembro, quando acabousuperadopeloInterna- cional,por2a1,noBeira-Rio. Além de perder uma inven- cibilidadededezjogosnocam- peonato — oito vitórias e dois empates —, o Timão desperdi- çou a chance de estabelecer já nestarodadaa melhorcampa- nhadahistóriadospontoscor- ridos no formato com 20 clu- bes, iniciada em 2006. Agora, no próximo domingo, o clube precisaaomenosempatarcom o Avaí, em Itaquera, para que- brarorecordede80pontosque elemesmoeoCruzeirodetêm. POUCO INSPIRADO/ Aprovei- tando-se de um relaxamento naturaldorivalapósahistórica goleada sobre o São Paulo, o Sportcontrolouasaçõeseabriu oplacarlogonoprimeirotem- po. Renê levantou a bola na área e Matheus Ferraz, livre de marcação, testou no gol, sem chancededefesaparaWalter. Previsível, o campeão brasi- leiro, que escalou cinco titula- res — Fagner, Uendel, Gil, Jad- son e Love — terminou a pri- meiraetapasemameaçarogol de Danilo Fernandes, goleiro reveladonabasedoTimão. Jogando ainda melhor na etapafinal,oSportseguiupres- sionando.Naprimeirachance, EduDracenasaiujogandoerra- do,ElberchutoucruzadoeAn- dréperdeuoportunidadeincrí- vel dentro da pequena área. Pouco depois, em finalização de fora da área, Marlone acer- touumabombanatrave. Detantoinsistir,oclubeper- nambucano matou o jogo nos acréscimos. Marlone recebeu passe de Renê em posição de impedimentoecruzouname- didaparaAndréfecharaconta. POSIÇÃO LEGAL Aproveitando um vacilo da zaga corintiana, que não fez a linha de impedimento da forma correta, Matheus Ferraz (à direita) anotou o primeiro gol da partida Timão perde jogo para o Sport e uma invencibilidade de dez confrontos no Brasileirão. Última derrota havia sido em 16 de setembro SÃO PAULO ® Defesa da verdade e do desenvolvimento de São Miguel e região -  2031-2364 e 2513-0928 - raleste@gmail.com ANO XX - No 394 Capela de São Miguel Aracanjo, construída no século XVI pelos índios jesuítas. É uma das mais antigas capelas de São Paulo. No coração de São Miguel Paulista, um marco histórico do Brasil. DISTRIBUIÇÃO GRATUITATIRAGEM: 40 MIL 16 à 30 de Novembro de 2015 PÁGINA 6 PÁGINA 3 PÁGINA 4 PÁGINA 13 PÁGINA 5 Fonte: G1 O Ministério Pú- blico entrou com uma ação civil pública por improbidade adminis- trativa contra o prefei- to Fernando Haddad (PT) por uso irregular do dinheiro arrecada- do com as multas de trânsito. O Ministé- rio Público diz que o prejuízo é de R$ 617 milhões. Em nota, a Prefeitura afirmou que os recursos foram apli- cados corretamente, com transparência, de acordo com o Código Brasileiro de Trânsito e com as leis municipais. MP move ação contra Haddad por uso do dinheiro das multas de trânsito Domingo de cidadania e lazer no Parque Sabesp Cangaíba Hospital de Clínicas Jardim Helena Ganha destaque pela qualidade e o bom atendimento no setor da saúde João Doria se reúne com militantes do PSDB e lideranças no Jardim Helena Nem lembrava mais como era!
  2. 2. 2 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Atualidades Circulação: São Miguel, ITAQUERA, vILA Jacuí, jd. helena, v. curuça E GUARULHOS Diretor: Divaldo Rosa Adm. e Financeiro: Ademyr Rodrigues Depto. Comercial: João Vitor, Ariane Andrade e Eduardo Rocha Jornalista FL: Silmara G. Nunes Revisão: Suseli Corumba Fotos: Eduardo Rocha Diagramador: Sergio Avante Depto. Jurídico: Agilson M. Oliveira Distribuição: Mart Press Distribuidora Impressão: As matérias assinadas são de exclusiva responsabilidade dos colaboradores e não representam, necessariamente, a opinião do Jornal. Os nomes dos colaboradores e representantes comercias não mantém vínculo empregatício com a empresa. A J O R L E S T E O jornal Acontece Agora é Filiado à Associação dos Jornais da Zona Leste Av. dos Guachos, 166 - Vila Curuça Cep: 08030-360 Itaim Paulista – SP E-mail: raleste@gmail.com site: www.grupoacontece.com.br REDAÇÃO E PUBLICIDADE 2031-2364 | 2513-0928Patente: PROC. 830024034 Classe 16 RPI RM 2087 Tiragem: 40.000 exemplares cnpj: 03.115.443/0001-16 Em defesa da verdade e do desenvolvimento de São Miguel e Região Uma parceria entre: Rede Bom Dia, Diário de S. Paulo e Jornal Acontece Agora Ed. 394 - 2a Quinzena de Novembro/2015 Banca Braguinha Rua Santa Rosa de Lima, 874 Banca Cultural Av. Marechal Tito, 1300 - São Miguel Banca da Estação Rua Conceição de Almeida, 248 Vila Mara Banca do Mercadão Av. Marechal Tito, 567 São Miguel Banca do Tom Rua São G. do Rio das Pedras, 800 Banca Naguno Pça. Francisco Pereira, 80 - V. Curuçá Banca Nova Geração Av. Marechal Tito, 686 São Miguel Banca Oliveira Av. Oliveira Freire, 604 Padaria Nova Unida Av. Pires do Rio, 2681 - São Miguel Revistaria Cavoa Rua Cavoá, 425 - Vila Curuçá Sebo Papel & Caneta Rua Pedro Soares de Andrade, 221 - Vila Rosaria Subprefeitura de São Miguel R. Dona Ana Flora Pinheiro de Souza, 76 - Vila Jacuí AS MELHORES MARCAS PARA VOCÊ ESCOLHER 2031-2927 - 2297-4540 Rua Arlindo Colaço, 342 Esquina da Rua Serra Dourada (Calçadão) São Miguel - SP Face: kacimba_tennis@hotmail.comE-mail: kacimba1@hotmail.com.br Poupar o dinheiro ou usá-lo para pagar dívidas são soluções apontadas. Veja como tirar o melhor proveito do be- nefício em tempos de crise. No final do ano, o tão esperado 13º salário traz uma renda adicional ao bol- so dos trabalhadores. E, neste ano, com o desaquecimento da economia, muitos brasileiros devem usar o dinheiro para quitar dívidas ou até guardar uma parte para investir, já que em meio ao cenário econômico incerto, é prudente ter uma reserva em caso de perda de emprego ou outros imprevistos. Os patrões tinham até o dia 30 para pagar a primeira parcela do 13º salário. Já a segunda parcela deve ser paga até o dia 18 de dezembro, pois dia 20, que é a data estipulada em lei, cai 13º pode ser usado para ‘salvar’ a vida financeira em um domingo. O pagamento de dívi- das será o destino do 13º salário de 74% dos assalariados em 2015, segundo uma pesquisa divulgada pela Anefac. Veja al- guns passos para usar o 13º para aliviar a vida financeira. O dinheiro do 13º deveria ser pri- meiramente pensado para pagar dívi- das pendentes, empréstimos ou para investir. Se o consumidor tem apenas uma dívida em aberto, é mais fácil re- solver o problema. Caso exista mais de uma, o ideal é escolher aquela que está atrasada ou optar pelo valor com juros mais altos como, por exemplo, cheque especial e cartão de crédito. Muito es- perada pelos assalariados, essa renda extra chega para acabar com as dívidas, quitar impostos, comprar presentes e até para ser aplicada em algum fundo de rendimento. Especialmente neste ano, quando muito se fala em crise, o 13º certamente será muito bem-vindo em qualquer que seja a situação. Quem mais tem motivos para come- morar o salário são os endividados, pois usarão esse dinheiro para cobrir o em- préstimo do banco, pagar a fatura do car- tão de crédito, empréstimos e qualquer outra pendência que os meses anteriores tenham deixado. Mas a pessoa com dí- vidas deve tomar cuidado: é preciso ter controle para não considerar o 13º a so- lução de todos os problemas financeiros e utilizá-lo para novos gastos ou tê-lo como um “impulsionador” de novas dí- vidas. Antes de gastar qualquer centavo do 13º, coloque no papel o valor total que irá receber e as suas pretensões de gastos. Primeiro veja se a conta fecha. Pode pa- recer uma dica boba, mas a maioria das pessoas não faz isso e no final vê que en- tre recebido e gasto existe um déficit, e o que era para ser uma renda extra, torna- -se uma dívida extra. Mesmo os mais organizados e que não estão endividados têm muitos com- promissos financeiros no começo de cada ano, como IPVA, IPTU, material escolar, matrículas, parcelamentos no cartão de crédito e dívidas dos presentes e viagens de final de ano. Além disso, im- previstos podem acontecer. É preciso ser muito cauteloso em 2016, pois a previsão para a economia do nosso país é de retra- ção. Além disso, não podemos esquecer que o Brasil ainda depende do mercado externo. Por isso, seja previdente, evite despesas e aumente seu pé de meia. Os mais organizados conseguem am- pliar sua poupança, iniciar um curso pro- fissionalizante, adquirir um novo bem desejado e até apostar em algum empre- endimento. Apenas esses podem investir em alguma nova oportunidade, seja fi- nanceira, profissional ou mesmo pessoal, com tranquilidade e sem remorsos. Para os demais, é hora de colocar na ponta do lápis o que irá receber nas pró- ximas semanas e calcular todas as pen- dências. Mesmo que não sobre nada e até falte, é preciso considerar a melhoria das condições e iniciar uma temporada de economia. O 13º salário deve ser en- carado não como a solução de todos os problemas, mas como um excelente in- centivo que, somado à privação do que é supérfluo, pode representar um 2016 bem mais tranquilo.
  3. 3. 3JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Destaque Local O Grupo Acontece de Jor- nais e Revista promoveu um dia recheado de grandes atra- ções, lazer e entretenimento para toda a comunidade do bairro Cangaíba. Aproxima- damente 700 pessoas passaram pelo parque. Com um tempo bastan- te agradável, o Parque Sabesp Cangaíba foi palco de diversas atrações artísticas voltadas para a diversão e lazer de todos que por ali passavam. Domingo de cidadania e lazer no Parque Sabesp Cangaíba e passou o dia inteiro cortando as madeixas dos convidados, “sempre que posso faço questão de participar de eventos como estes, ver a alegria no rosto des- tas pessoas me enche de alegria e satisfação”, frisa a profissional. Além disto, todos que por ali passavam tiveram um dia de consciência da importância do uso racional da água promovi- da pela equipe da Sabesp que também teve participação no evento. Água à vontade, pipoca nado para nossas crianças. Faço questão de trazer meu neto para participar desde pequeno”. O cantor e compositor Car- lão Guerreiro da Leste, além de uma brilhante apresentação, ele contagiou a todos com seu ritmo Hip Hop Nostalgia. “É maravilhoso poder participar, acredito que temos que fazer nossa parte para um país me- lhor e mais justo, trazer diver- são, lazer e entretenimento para as famílias carentes de nossos bairros é sempre uma iniciativa que quero estar envolvido”. Idevanir Arcanjo, jornalista e presidente da Associação Jar- dins das Camélias, sabe bem a importância que tem este tipo de evento para a comunidade e, ao ser convidado, não pensou duas vezes em apoiar o projeto. “É um prazer participar de uma iniciativa como esta que o Gru- po Acontece está proporcionan- do. Eu acredito que manifesta- ções populares e culturais têm que ser algo constante nas co- munidades mais carentes onde o aparelho público não chega e o governo não vê que as ma- nifestações populares têm que ser mais valorizadas e incenti- vadas, espero que isto repercuta de uma maneira positiva e que venhamos a ter mais atividades como estas. Divaldo Rosa está de parabéns pela iniciativa”. Em entrevista com o idea- lizador deste projeto, o diretor do Grupo Acontece Divaldo Rosa explicou que a ideia ser- viu como um laboratório para outros eventos de cidadania nos parque públicos da zona leste, o principal intuito era aproxi- mar a comunidade do acesso ao lazer e diversão. “Como uma atividade inicial para fazer uma avaliação, pensamos fazer este dia de lazer no Parque do Can- gaíba. Escolhemos lá por saber que é um parque ótimo, bonito e bem cuidado, localizado em um ponto estratégico que tem exercício físico para a terceira idade, sanitários e rota de pas- seio que segue o percurso da tu- bulação de água já existente. Há também  painéis  que orientam sobre o uso racional da água. O parque tem rampas para garantir a  acessibilidade a por- tadores de deficiência. Quanto à flora do local, houve a preser- vação de 470 árvores (remanes- centes da Mata Atlântica) e o plantio de outras 120, das mais variadas espécies, além de 2.078 espécies arbustivas e trepadeiras. Endereço: Avenida Cangaí- ba, esquina com Rua Engº Costa Ourique, Cangaíba. Grupo Ex-quadrilha do Samba Cantor Sertanejo Eddy Nas atrações principais do domingo de lazer, as crianças puderam participar ativamente de todas as atividades realiza- das no dia, entre brincadeiras, como pique- esconde, pega-pe- ga, amarelinha, futebol, dança, elas também puderam pular na cama elástica, mergulhar na pis- cina de bolinha, fazer escultura de balão e ainda tiveram seus rostos desenhados e pintados. E para melhorar a formosura e le- vantar a autoestima, a profissio- nal de beleza, Dayane Almeida, fez questão de apoiar o evento e algodão doce, também foram distribuídos durante todo o dia. Quem acompanhava o even- to pôde contemplar diversos shows artísticos, com artistas de grande conceito na região Leste. Entre as principais atrações, o evento contou com a participa- ção do Grupo Ex-quadrilha do Samba, Trio Amizade, cantor sertanejo Eddy, Dj Bibi e Carlão Guerreiro da Leste. Em um ritmo bastante ani- mado, enquanto os músicos se apresentavam, quem passava ao redor do Parque Cangaíba ficava curioso para saber o por- quê de tanta agitação, “nossa, hoje está muito legal e diverti- do, poxa se soubesse teria vindo mais cedo. Pensei que fosse al- gum evento político. Achei bem bacana a iniciativa dos shows aqui no parque”, enfatizou a dona de casa Marlucy Pereira. O aposentado Claudio Bar- boza de 70 anos fez questão de levar seu netinho Kaue, de 07 meses, para acompanhar o evento. “Hoje está sendo ma- ravilhoso, nunca tivemos isto aqui, espero que de agora em diante tenhamos sempre even- tos como este, isto alegra nossa semana inteira e faz um bem da- Cantor e compositor Carlão Guerreiro da Leste Trio Amizade pouca movimentação e acerta- mos em cheio, pois o evento foi um sucesso e com certeza tera- mos outros” frisa ele. Sobre o Parque: o Par- que Sabesp Cangaíba tem uma ampla área verde de proteção ambiental, administrado pela Sabesp (Companhia de Sane- amento Básico do Estado de São Paulo S.A.), a área de lazer foi inaugurada em março desde ano. Sua infraestrutura é com- posta por  quadra de esportes e arquibancada, playground, bancos e mesa para jogar dama/ xadrez, praça com mirante, bi- cicletário, equipamentos de
  4. 4. 4 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Comunidade Confira os serviços que se- rão prestados Unidade será instalada na subprefeitura do bairro, loca- lizada na Rua Dona Ana Flora Pinheiro de Souza, 76, Vila Ja- cuí  (próxima à Universidade Cruzeiro do Sul). O serviço se iniciará dia 01/12/2015 e fica- rá disponível até 19/12/2015. Serviços: • Emissão de Carteira de Identidade; • Atestado de Antecedentes Criminais; • Boletim de Ocorrência Policial; Com uma ampla experiên- cia e uma história brilhante de uma carreira profissional de sucesso, o médico José Krautha- mer é um dos grandes nomes na área da saúde. Proprietário do Hospital de Clinicas Jardim Helena, o médico empresário tornou-se referência e durante todos estes anos de um trabalho incansável dedicado à saúde pública, o médico conquistou em sua caminhada a admiração, respeito e credibilidade por to- dos da região leste. Vindo de uma família da cidade de Recife, chegou na Ca- pital Paulista no ano de 1977, porém sempre procurando aprimorar seus conhecimentos, Hospital de Clínicas Jardim Helena Ganha destaque pela qualidade e o bom atendimento no setor da saúde Krauthamer optou por estudar Especialização Hospitalar e Sis- tema de Saúde, com base nisto, obteve melhores resultados e qualificação no segmento. Durante estes anos, o médi- co José Krauthamer economi- zou verbas e investiu na compra de um terreno em São Miguel, para que no futuro ele pudesse consolidar seu sonho de cons- truir um hospital para atender a população da zona leste. Sempre pensando no bem estar e na qualidade de aten- dimento dos pacientes, atual- mente o Hospital de Clínicas Jardim Helena possui uma am- pla infraestrutura e conta com 57 leitos. Todos os ambientes são modulados e práticos para que as adaptações e mudanças necessárias sejam feitas de for- ma eficiente. O corpo de profissionais pos- sui mais de 50 médicos com es- pecialidades nas áreas de pedia- tria, clínica médica, ortopedia, otorrino, cardiologia, dermato- logia, entre outras. Cerca de 500 atendimentos diários são feitos no hospital. Os pacientes têm a possibilidade de realizar exames como: mamografia, ecocardio- grama, exames laboratoriais, to- mografia, ultrassom, e outros. Serviços Hospital de Clinicas Jardim Helena - R. Erva Ando- rinha, 123 - Jardim Helena, São Miguel Paulista - Tel.: 2582-8500 A unidade móvel do Poupatempo chegará a São Miguel em dezembro • Consulta a créditos do programa Nota Fiscal Paulista; • Consulta sobre Licenciamento de Veículo; • Formulário Renavam; • Serviços relacionados a infrações de trânsito; • 2ª via de contas; • Entre outros. Para mais informações – como documentos neces- sários para a execução dos serviços –, ligue para 0800- 772-3633 ou acesse o  portal Poupatempo.
  5. 5. 5JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Politica Na última sexta-feira cerca de 80 lideranças dos diretórios do PSDB da Zona Leste, empre- sários, comerciantes e lideran- ças comunitárias se reuniram no Jardim Helena com o empre- sário João Doria, pré candidato a prefeito pelo PSDB para ouvir as suas propostas para a cidade de São Paulo . A iniciativa do encontro partiu do diretório do PSDB no Jardim Helena, presidida por Dr. Júlio Batista, que destacou a importância do PSDB sair na frente pela eleição da prefeitura de São Paulo. João Doria é um empresário bem sucedido no ramo de tu- rismo e comunicação e ocupou cargos importantes na gestão Mario Covas, quando foi Secre- tário de Turismo e presidente da Paulistur e presidente da Embratur no Governo Federal. Apos fazer a composição da mesa o dirigente tucano passou a palavra ao convidado João Doria que agradeceu a presença de todos pois saíram do acon- chego dos seus lares para co- nhecer as suas idéias e projetos para uma cidade melhor. Doria ainda afirmou ser um homem de muita fé, autêntico, determi- nado e acima de tudo verdadei- ro. “Eu aprendi na minha vida a ser verdadeiro e autêntico, sou católico, sou uma pessoa de fé e garanto que energia e determinação não me faltam. Para você ser um bom prefeito que comanda uma cidade com 12 milhões de habitantes e com tantos problemas, ou você tem energia e pulso para comandar ou você vai ser um Fernando Haddad, que não conhece a ci- dade e seus problemas e vive apenas na literatura. Eu acredito que o prefeito desta cidade pre- cisa ler menos e praticar mais. Ir ao encontro dos problemas para resolvê-los”, disse o empresário. Doria falou também do compromisso que tem com a volta dos mutirões e garantiu que não pretende se reeleger, ele disse que se for eleito vai traba- lhar muito para fazer os 04 anos de mandato corresponder a 08 anos de desenvolvimento para a cidade. “A volta dos mutirões é um dos compromissos que eu já assumi e reafirmei, inspirado no líder que eu aprendi a gostar e a respeitar, Mário Covas, um ho- mem que tanto nos ensinou que é possível ter vida comunitária e participativa. Porque mais do que fazer, o segredo está em ser exemplo de como fazer. E toda esta transformação é feita coleti- vamente, à medida em que você pode fazer isto mostrando que é possível agir, atuar e trabalhar pelo bem de todos” garantiu ele. Doria ainda ressaltou as manchetes e repercussões dos escândalos de corrupção envol- vendo nome de petistas. “Nós do PSDB estamos do lado da- queles que souberam construir uma história DECENTE de vida política, ou seja, justamente o que falta ao PT, um partido que é uma mentira e não é do tra- balhador. Um partido que falta com a verdade e não representa os trabalhadores, porque não é partido dos trabalhadores e sim o partido dos ladrões e corrup- tos, nosso repúdio a eles. Não são políticos do PSDB que estão na cadeia, são do PT, inclusive ministros e senador, líder do governo. Não são tesoureiros do PSDB, mas sim do PT que estão na prisão. Nosso caminho é o da dignidade e verdade com o povo brasileiro”, finaliza João Doria sendo muito aplaudido por todos os presentes. O delegado do diretório do PSDB no Jardim Helena, Mar- João Doria se reúne com militantes do PSDB e lideranças no Jardim Helena cos Geraldo Bispo, mais conhe- cido como Marquinhos do Jar- dim Helena, usando a palavra, frisou a importância de poder voltar a acreditar na mudança política e se mostrou satisfeito com o encontro da militância do PSDB. “Estou muito feliz hoje, porque faz muito tempo que não vejo uma reunião como esta. Pessoas que tinham aban- donado o partido e hoje estou vendo aqui presente. Hoje vejo esta retomada da militância que luta por uma mudança no qua- dro da política, estamos todos com sede de mudança. Eu acho que chegou a vez desta mu- dança mesmo e que Doria seja muito bem-vindo, São Miguel está de portas abertas para você. Desejo que você seja diferente, pois São Paulo precisa mudar”, afirmou Marquinhos. Para Daniel Anemberg, pré candidato a vereador pelo PSDB, João Doria vai fazer a diferença e dar um choque de gestão na cidade. “Ele é traba- lhador, não tem hora e nem dia, já liguei pra ele às 7 horas e uma hora da manhã e ele sem- pre atende. Precisamos de um prefeito que queira trabalhar e retomar o desenvolvimento da nossa cidade”. “Meu voto quem ganha é João Doria, por conhecer sua história e saber de seu com- prometimento e credibilidade como empresário bem sucedido e homem público aprovado na gestão de Mario Covas”, enfati- zou Geraldo Malta. Entre todos os militantes presentes, o evento contou com a participação da Vilma, Cida da Garagem, Maria Chic Chic, Luizão, Wellington Negão, Ro- bertão, Jairo, Veluci, Fernando Malta, dentre outros. O en- contro aconteceu por volta das 20h na Pizzaria Tutto Bene, no Jardim Helena.
  6. 6. 6 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Politica VIVER EM SEGURANÇA Emanuel de Aquino Lopes Quase metade dos moto- ristasembriagadosquecausam acidentes em São Paulo ficam impunes. O motorista embria- gado pode recorrer em várias instâncias mesmo que no ba- fômetro o teste tenha dado resultado positivo. A punição para este tipo de crime ainda é muito branda e as autoridades de trânsito, em sua maioria, acreditam que somente a pena de prisão pode conter vários desses criminosos que, usan- do seus veículos como verda- deiras armas, ceifam vidas de forma fria, muitas vezes sem um mínimo de comoção. São milhares de vítimas todos os anos, mutilados ou mortos por envolvimento em acidentes de trânsito, cujo cenário guarda uma violência latente carac- terística dos grandes centros urbanos. Tem casos em que o Justiça e motoristas embriagados condutor embriagado se recu- sa a fazer o teste de bafômetro e mesmo conduzido até a De- legacia Policial, ali paga uma fiança e liberado, responde em liberdade, aproveitando-se da já conhecida morosidade da Justiça. Educação, fiscalização e punição dos crimes de trân- sito compõem um conjunto de medidas que podem induzir maior rigor no tratamento da questão. Uma lei mais dura é necessária. *Emanuel de Aquino Lopes é Coronel da Reserva da Poli- cia Militar, Mestre em Ciên- cias Policiais de Segurança e Ordem Pública, especiali- zado em Direitos Humanos pela Fundação Getúlio Var- gas, Professor de Pós Gra- duação na Faculdade Zumbi dos Palmares, membro do Núcleo de Projetos Estraté- gicos – ISAE Amazônia e do Luxembourg Brasil Business Council. (email: majaquino@ yahoo.com.br) Por Idevanir Arcanjo No mês de novembro foi realizado a reunião dos mi- litantes ativistas paulistanos do PROS. Na ocasião foi apresentada a diretoria exe- cutiva, seus membros e co- ordenadores das comissões temáticas, suas prerrogativas segundo o estatuto nacional do partido Republicano da Ordem Social. A próxima ação está agen- dada para dia 14 de dezembro na Câmara de Vereadores de São Paulo, onde se reunirão todos os militantes filiados, simpatizantes e ativistas para definir estrutura organizativa regional e setorial. O Partido Republicano da Ordem Social – PROS, tem por objetivo a participação no processo eleitoral em todos os níveis da federação, indi- Suspeita é de uso irregular do dinheiro arrecadado. Prefeitura diz que recursos foram utilizados adequadamente O Ministério Público en- trou com uma ação civil pú- blica por improbidade admi- nistrativa contra o prefeito Fernando Haddad (PT) por uso irregular do dinheiro ar- recadado com as multas de trânsito. O Ministério Público diz que o prejuízo é de R$ 617 milhões. Em nota, a Prefeitura afirmou que os recursos fo- ram aplicados corretamente, com transparência, de acordo com o Código Brasileiro de Trânsito e com as leis muni- cipais. A ação é contra o prefeito Haddad, o secretário munici- pal de transportes, Jilmar Tat- to; o secretário de finanças, Marcos Cruz; e o secretário- -adjunto de finanças, Rogério Ceron. De acordo com os pro- motores, a prefeitura  não aplicou regularmente o valor arrecadado com as multas de trânsito. A ação pede o bloqueio de bens do prefeito e dos três se- cretários, a devolução de mais de R$ 617 milhões por má aplicação do dinheiro público e ainda indenização de R$ 185 milhões por danos morais à população de São Paulo. Segundo o MP, o dinheiro deveria ter sido usado exclusi- Consolidada direção MunicipaldoPROSSãoPaulo vidualmente ou coligado, nos termos da lei e pelas normas estabelecidas na legislação federal em vigor, com o fim de eleger representantes nos diversos órgãos da adminis- tração pública, seja no poder legislativo ou no poder execu- tivo. Tem como estrutura in- terna a democracia e a disci- plina, tendo como objetivos a consolidação dos direitos in- dividuais e coletivos; o exercí- cio democrático participativo e representativo; a soberania nacional; a construção de uma ordem social justa e garantida pela igualdade de oportunida- des; a realização para o desen- volvimento humano, devendo o trabalho prevalecer sobre o capital e com o equilíbrio da distribuição da riqueza nacio- nal entre todas as classes so- ciais e em todas as regiões. MP move ação contra Haddad por uso do dinheiro das multas de trânsito vamente em segurança e edu- cação de trânsito, como prevê o Código Brasileiro de Trânsi- to (CBT). Só no ano passado, foram mais de 10,6 milhões de multas aplicadas aos motoris- tas, o que destinou quase R$ 900 milhões aos cofres públi- cos. Mas, segundo o Ministério Público, o dinheiro foi usado na construção de terminais de ônibus e ciclovias. E qua- se 70% serviu para pagar sa- lários, encargos e tributos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Multas A CET aplicou 6.098.229 multas no primeiro semes- tre deste ano aos motoristas infratores na cidade de São Paulo. Isso representa um au- mento de 22% em relação ao primeiro semestre de 2014. O radar que mais aplicou multas neste período está localizado na Avenida dos Bandeirantes com a Washington Luís, na altura do viaduto João Julião da Costa Aguiar, no sentido Imigrantes, na Zona Sul de São Paulo. Segundo levantamento re- alizado pela produção do Bom Dia São Paulo, a Prefeitura te- ria arrecadado cerca de R$ 7,5 milhões apenas com as multas aplicadas com este radar, con- siderando que os motoristas foram penalizados com uma infração leve no valor de R$ 53,20. A velocidade máxima no local é de 60 km/h, e os radares flagram excesso de ve- locidade, rodízio e zona máxi- ma de restrição a caminhões e fretados. Fonte: G1
  7. 7. 7JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 ComunidadeFitness Muita gente reclama que não tem tempo ou dinheiro para po- der se exercitar. Esquecem, po- rém que existem uma série de exercícios que podem ser feitos em casa e em um espaço dimi- nuto, como as flexões de braço. A flexão de braço é um dos exer- cícios mais simples que existe e também é um dos mais eficien- tes.  Tanto para ganhar, como para enrijecer os músculos. Ain- da não se convenceu? Confira ai motivos pra você fazer flexões de braço todos os dias: Dá disposição para começar o dia Você é daqueles que demo- ra para engatar no trabalho? Se feitas pela manhã, as flexões vão distribuir o sangue pelo seu cor- po, te aquecendo e dando mais disposição. Pode ser feito em qualquer lugar Mora em uma apartamento pequeno? Dá para fazer flexão. Foi viajar a trabalho? Também. Tá na casa da vó? Também dá. Flexão é um dos exercícios mais simples e fáceis de serem efeitos. Basta ir para o chão e se exer- citar. Define o peito O peito talvez seja a região favorita para muitos marmanjos exercitarem na academia.  Não é a toa. A região é uma das que mais chama atenção em ho- mem, tanto para o bem, no caso Simão Pedro Modernizar, num curto perí- odo de tempo, o maior parque de iluminação pú- blica da América Latina, remodelando todas as suas 617 mil luminárias para a tecnologia LED, ampliar esse parque em mais 70 mil pontos, conectar todas as luminárias a um centro de controle opera- cional através de um sistema de telegestão para manuten- ção e controle do consumo de energia. Esse é o objetivo da Parceria Público-Privada que a Prefeitura de São Paulo lan- çou hoje, republicando o Edital de concorrência internacio- nal para contratar esse serviço público de enorme relevância para grandes cidades como a nossa, pois valoriza os espaços públicos, dialogando com as demandas de melhor segurança urbana e economia de recursos ambientais. A ideia de utilizar o ins- trumento de uma PPP para a iluminação pública veio já em 2013, com a análise da situa- ção em que encontramos nosso Parque. De um lado, o serviço mais reclamado na Ouvidoria Municipal, o grande consumo de energia elétrica, altos gastos e dificuldades para a manuten- ção, enorme demanda de am- pliação entre outros problemas. De outro, as informações dispo- níveis sobre novas tecnologias de gestão e das luminárias e os instrumentos da Cosip – Con- tribuição sobre a Iluminação Pública e do Fundip – Fundo da Iluminação Pública. Ou seja, um outro modelo era necessá- rio e possível, sem onerar mais os contribuintes e usando exa- tamente os mesmos recursos já pagos pelos mesmos. Para fazer a modelagem, a Secretaria de Serviços resolveu fazer um Chamamento Público ao setor privado, já em 2013, para que este oferecesse sua experti- se apresentando estudos sobre o assunto, que resultou em 11 projetos de 24 empresas consor- ciadas ou isoladas. Contratamos a empresa municipal SPNegócios, para nos dar a assessoria técnica que também contou com o apoio do Banco Mundial; realizamos 2 audiências públicas e responde- mos cerca de 400 questões técni- cas levantadas por uma enorme gama de interessados no assunto. O consórcio ganhador da concorrência e futuro parceiro da municipalidade, terá que in- vestir, num período de 5 anos, R$ 1,7 bilhão, para trocar, no primeiro ano, 10% das luminá- rias da Cidade por LED e am- pliar o atual parque em mais 70 mil pontos de iluminação, construir o Centro de Controle Operacional e iniciar a implan- tação do sistema de telegestão. Nos outros 4 anos, terá que tro- car 22% das luminárias por ano até completar o parque e fazer a ampliação de mais 5% por ano para responder o crescimento da demanda que é constante. A iluminação em LED traz grandes vantagens para nossas cidades. A primeira é o baixo consumo de energia elétrica. São Paulo consome no seu par- que atual 44,6 GWh por mês e paga por isso à concessionária de energia de R$ 13,5 milhões. Isso cairá pela metade com o novo sistema, configurando um enorme ganho para nosso Meio Ambiente, que também é bene- ficiado pelo fato de não entrar metais pesados na composição desse tipo de lâmpada. E aqui também reside outra vantagem, pois a busca de economia de energia resultará em garantia de melhores ganhos e sobras para novos investimentos em proje- tos especiais. Do ponto de vista da sensação de segu- rança a iluminação com LED é muito grande. Já pudemos constatar isso nas avenidas da Marginal Pinheiros, na avenida 23 de maio, sob o Minhocão e agora na comunidade de Helió- polis, locais que tiveram suas luminárias remo- deladas com a nova tec- nologia ainda dentro do contrato atual. Impres- sionante ouvir os depoimentos dos cidadãos que trafegam por essas vias e que moram nesse bairro de como seus espaços se valorizaram e melhoraram. Trabalhamos nesse tempo todo, sob a liderança do Pre- feito Fernando Haddad, para oferecer um grande projeto para nossa Cidade, para que a concorrência seja ampla e re- sulte na melhor proposta para São Paulo continuar avançando e modernizando a gestão e os serviços de sua iluminação pú- blica, resultando numa sensível melhora da qualidade de vida de sua gente. Simão Pedro Chiovetti, mes- tre em sociologia política, foi deputado estadual pelo PT/SP por 3 Mandatos (2003 a 2014), é o Secretário de Serviços da Pre- feitura de São Paulo. Por uma Metropole melhor iluminadaMotivos pra você fazer flexões de braço diariamente de um cara sarado; quanto para o mal, no caso daquele que tem “tetinha”. A flexão tradicional trabalha a região peitoral de for- ma focada e ajuda a fortalecer os músculos, dando para você uma melhor aparência. Um exercício completo O peito pode ser o objetivo principal, mas muita coisa aca- ba sendo trabalhada no meio do caminho, a começar com o bíceps e o tríceps. Outra região que acaba sendo desenvolvida com o tempo é o abdômen que é trabalhado no esforço para que você fique com o tronco na postura correta. Melhora sua postura Por fortalecer os membros superiores e das costas, com o tempo, você tende a ter um por- te mais atlético. Com os mús- culos desenvolvidos, seu corpo começa a ser melhor sustenta- do, corrigindo naturalmente problemas de postura e dando uma disfarçada na barriguinha. Tem diversas variações Para terminar, as flexões possuem os mais diferentes ti- pos de variações.  Você  pode aproximar mais as mãos e os braços da costela, dando prio- ridade ao tríceps, ou podemos afastar mais os braços, dando maior prioridade ao peitoral, pode fazer com uma mão, ba- tendo palma… Do jeito que preferir e curtir mais.
  8. 8. JORNAL BOM DIA ACONTECE - 01 à 15 DE NOVEMBRO DE 20158 Variedades Era só mais uma festa de fim de ano como tantas outras que acontecem nas empresas nesta época do ano. Mas a confraternização saiu do roteiro previs- to quando uma funcionária, que tinha bebido além da conta, se empolgou na pista de dança e resolveu tirar a calci- nha e colocá-la na cabeça. Obviamente, a cena virou assunto entre os funcio- nários, não só na própria celebração como nos corredores da empresa nos anos seguintes. A dúvida da moça de- sinibida era saber se a tal situação teria influenciado no fato de ela não ter sido promovida após cinco anos na empre- sa. É claro que outros fatores podem ter influenciado na ausência de promoção, mas dificilmente a imagem de alguém se recupera depois de passar por uma situ- ação como essa, avalia um profissional sobre o episódio, acrescentando que o mais indicado no caso da funcionária era tentar a sorte numa nova empresa. Erros que queimam o filme na fes- ta de fim de ano da empresa: Apesar de extrema, esta situação é bem ilustrativa de como um deslize na confraternização da firma pode ser prejudicial para a car- reira de alguém. O fato de você ter boas amizades no trabalho não transforma a festa da empresa num evento de amigos ou mesmo numa balada, na qual você tem liberdade para se comportar. É um O que queima seu filme na festa da empresa Apesar do clima de confraternização, a comemoração de fim de ano dos funcionários de uma empresa não deixa de ser um evento profissional, no qual devem ser evitados os excessos. evento profissional, isso precisa ficar claro. Ainda que ainda que as empre- sas usam esses momentos para avaliar aspectos comportamentais de seus fun- cionários. Pirando no open bar: fartas, de gra- ça e dos mais variados tipos, as bebidas alcoólicas disponíveis nas festas fazem muita gente perder a linha. O álcool costuma dar o start para todos os outros problemas. A pessoa bebe demais e aca- ba falando ou fazendo o que não deve. Em último caso, se a pessoa não conse- gue se conter, é melhor ficar na água ou no refrigerante. Soltando a língua:  Por mais que o ambiente de festa estimule a conversa, certos assuntos devem ser evitados neste tipo de evento. As pessoas já começam errando ao falar mal da própria festa, é claro que a empresa não vai gostar. Da mesma forma, a confraternização não é lugar para falar mal dos colegas, do patrão ou dos subordinados, pega mal. Também não vale aproveitar o papo descontraído com o (a) chefe para pedir um aumento ou promoção para ele (a). Derrapando na pista: você pode até ter um molejo igual a da Beyonce mes- mo assim é melhor se conter um pouco na pista de dança da confraternização. Não tem problema em dançar e se di- vertir, mas não precisa dar um show e chamar mais atenção do que qualquer outra coisa da festa. Errando o figurino:  As pessoas acham que podem se vestir como em suas casas ou em uma balada, mas isso não é verdade, roupas muito curtas, roupas com mensagens agressivas e ex- cessos podem pegar mal, fazendo com que se torne alvo das conversas, citando alguns excessos na hora de se vestir para a festa da empresa. Não é amor, é cilada:  é comum o surgimento de relacionamentos no ambiente de trabalho, mas a confra- ternização não é o melhor lugar para expô-los. Quem faz o contrário fica em evidência na empresa, correndo o risco de ter a fama não ter o trabalho como foco principal. Se surgir algo na festa não tem problema. Porém, o casal deve ser discreto e combinar de se encontrar depois.
  9. 9. 9JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Mudanças sutis podem tornar as ati- vidades do cotidiano mais produtivas. Durante a correria do dia a dia acabamos deixando de lado nossa organização e até mesmo nosso tempo livre. A consequên- cia disso pode ser vista em como desem- penhamos nosso trabalho. Além disso, cultivar bons relacionamentos dentro da empresa e chegar cedo podem fazer a di- ferença na sua rotina de trabalho de ma- neira positiva. Veja maneiras de começar bem o seu trabalho hoje: Organize-se: com os milhares de e-mails e notificações que recebemos diariamente fica difícil ter tempo e se concentrar em completar outras tarefas. A dica é checar o seu e-mail a cada meia hora ou uma hora e saber selecionar aqueles que são importantes e aqueles que devem ir para o lixo. Pare de tentar fazer mui- tas coisas ao mesmo tempo: as pessoas que fazem muitas atividades ao mesmo tempo acabam não prestando a atenção em nenhuma das coisas que es- tão fazendo. Coloque-se no lugar do seu chefe: procure descobrir a maneira de pensar do seu chefe, as empresas que ele esteve antes, como ele quer que seu traba- lho seja feito e tente ficar um passo à frente. Cultive bons relacionamen- tos com pessoas de outras áre- as: sua empresa pode ser um lugar mui- to político. Aprenda a relacionar-se com os diversos departamentos dela, sejam os Imagine a seguinte cena: crianças ber- rando, esperneando e chorando porque seus desejos não foram atendidos. Se você tem um filho, provavelmente já passou por essa situação, pois as birras na infân- cia são comuns. Quando elas acontecem, os pais precisam encontrar maneiras de acalmar os pequenos. Nessa hora, a tera- pia do abraço é uma técnica eficaz.  Trata-se de uma forma de interven- ção para lidar com os momentos de frus- tração das crianças. Durante as birras, a ideia é abraçar. Isso porque o abraço de- monstra compreensão, cria afeto e se- gurança entre pais e filhos e proporciona sensações boas no corpo. Terapia do abraço contra as birras: primeiro, é importante que os pais saibam o porquê das birras infantis. Elas acontecem quando as crianças são contrariadas, ouvem um “não”. Nesse momento, a frustração aparece no com- portamento: gritos, choros, pontapés, brinquedos sendo atirados no chão.  Por serem muito novas, as crianças expressam seus sentimentos dessa forma, afinal, ainda não sabem argumentar. Re- correm às demonstrações de fúria com o intuito de serem atendidas. É por isso que, quando os pais cedem às vontades dos fi- lhos – mesmo que o “não” seja necessário – eles entenderão as birras como uma for- ma de conseguirem o que desejam.   Então, como os pais podem agir? A terapia do abraço é uma alternativa. A partir dela, é possível mostrar para a criança que ela não está sozinha e que suas frustrações são compreendidas, o Maneiras de começar bem o seu trabalho funcionários de recursos humanos e tec- nologia da informação, sejam as equipes de segurança e limpeza. Talvez eles sai- bam mais sobre seu ambiente de trabalho do que você imagina. Saiba ouvir: ouvir atentamente o que os outros dizem pode ser muito útil e mostra para os seus colegas de trabalho que você valoriza o que eles têm a dizer. Chegue cedo: quinze minutos podem fazer a diferença. Ao chegar mais cedo você poderá adiantar as tarefas do dia e ter alguns minutinhos a mais na hora do almoço. Dê a si um tempo de des- canso: permita-se um tempo longe de e-mails e projetos. Viajar irá expandir seus horizontes culturais e permitirá que você volte mais disposto e focado. Ser claro e preciso: tome atitu- des com clareza e precisão em todas as atividades do seu trabalho. Pesquise: faça uma pesquisa e pre- pare-se antes de qualquer apresentação. Seja humilde: procure descrever suas realizações sem sensacionalismo. Aprenda a usar a terapia do abraço contra as birras que fortalece sua autoestima.  Como essa demonstração de carinho e suporte libera a oxitocina no corpo, que aumenta asensação de felicidade, e a re- lação entre pais e filhos é aprimorada. Benefícios do abraço: não su- bestime o poder do abraço, pois ele é capaz de fazer alterações no funciona- mento químico do cérebro e propor- cionar benefícios ao corpo. A vantagem de utilizar essa forma de contato com os filhos é que, quanto maior a ligação afetiva  entre as duas pessoas, mais efi- caz é o abraço.   Até mesmo pesquisas comprovam seus benefícios. Segundo um  estudo  no estado de Rhode Island, nos Estados Unidos, o vínculo afetivo e forte que a mãe tem com o filho ajudar a reduzir o estresse dos pequenos, além de contribuir para o desenvolvimento de habilidades na vida adulta.  Além disso, de acordo com um estu- do de 2014 da Carnegie Mellon Universi- te, nos Estados Unidos, os abraços atuam como uma espécie de “apoio social”, e o aumento da frequência com que eles ocor- rem pode diminuir os efeitos do estresse – o que também protege contra doenças. Você não dorme bem? Recentes pes- quisas mostram que ficamos menos ca- pazes - e mais propensos a morrer jovens -   quando não dormimos o suficiente. Um estudo recente da Universidade do Estado de Washington, nos EUA, con- cluiu que dormir pouco acaba com nos- sas habilidades de tomada de decisão, especialmente em situações de crise. A diferença entre a vida e a morte em muitos casos de emergências, como, por exemplo, ser assaltado, é ter a capacidade de se adaptar e de tomar decisões ante o evento inesperado. Infelizmente, isso é uma habilidade que se perde quando não dormimos o suficiente. Aqui estão algu- mas maneiras, amparadas em teses e ex- periências científicas, para ter um tempo de sono suficiente. Equilibre seus níveis de me- latonina: a melatonina nos faz dormir. E os níveis deste hormônio aumentam quando ficamos no escuro e diminuem com a chegada da luz. Se você quer apro- veitar melhor seu sono, certifique-se de deitar quando lá fora estiver escuro. Esteja consciente de estimu- lantes: isto pode parecer um exemplo óbvio. Todo mundo sabe que deve evi- tar a cafeína quando tem problemas de sono, certo? Errado. Muitas pessoas bus- cam a cafeína quando não dormem bem na noite anterior. Mas ela, apesar de lhe estimular durante o dia com sono, lhe impede de dormir bem na noite seguinte. Tabaco e chocolate também são dois dos grandes vilões do sono que muitas vezes esquecemos. Exercício: se você se exercita todos os dias, certamente vai dormir melhor. Isso é fato. Mas não faça exercícios uma ou duas horas antes de deitar, isso pode deixa-lo muito excitado para adormecer. Cronograma: não basta agendar um horário para o seu sono e cumpri- -lo, especialmente para aqueles que estão sobrecarregados com as tarefas diárias. Você precisa otimizar sua programação em todas as outras áreas também. Você nunca dormirá o suficiente durante a noi- te se sua rotina estiver sobrecarregada. Em vez de pensar que as crises duran- te o dia são passageiras, enfrente-as com consciência: Coisas ruins acontecem. Procure dormir mais, e as razões para você tentar... Variedades
  10. 10. 10 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Saúde Embora possam atingir qual- quer pessoa em qualquer idade, as infecções urinárias afetam mais as mulheres porque a ure- tra feminina (canal que liga a vagina à bexiga) tem apenas três centímetros contra 25cm (em média) da masculina. O facto de ser mais curta facilita o aces- so das bactérias à bexiga e con- sequentemente a inflamação da bexiga e/ou nos rins. Conheça as soluções da medicina tradicional chinesa para este problema. Qualquer infecção no nos- so organismo demonstra uma diminuição ou fraqueza do sis- tema imunitário, representando um risco para a saúde e uma maior necessidade de vigilância relativamente aos sinais e aos sintomas que surgem. A infec- ção urinária corresponde a um quadro infeccioso localizado em qualquer parte do sistema urinário, podendo adquirir di- versas designações conforme o local afetado. Assim, se a in- fecção afeta os rins designa-se pielonefrite, a bexiga (cistite), a uretra e os ureteres (ureterite). Apesar de uma infecção urinária poder afetar homens e mulheres, são, no entanto, as úl- timas que são mais propensas a contraí-las pelo fato de a uretra feminina ser menor que a mas- culina, o que facilita a entrada das bactérias até à bexiga. No en- tanto, além do tamanho da ure- tra feminina, há outros aspetos que ajudam a explicar a maior probabilidade de o sexo femini- no contrair infecções urinárias. A importância da pre- venção: de acordo com a me- dicina chinesa, mais importante que tratar uma patologia, é pre- veni-la. Pretende-se alertar para a importância de detectar pre- cocemente os sinais de alerta de forma a adquirir hábitos e com- portamentos que tornem pos- sível manter o organismo são. Quanto mais cedo se detectam os sinais, menos a doença evolui e mais rapidamente se consegue controlar a sua evolução mini- mizando os riscos para a saúde. Como principais sinais de alerta destaca-se: 1) aumento da frequência urinária ao longo do dia; 2) alteração da cor da urina (torna-se mais escura); 3) cheiro mais intenso (mau cheiro ou simplesmente cheiro mais intenso que o habitual); 4) numa última fase, surge o ardor ao urinar, podendo ou não ser acompanhado de dor. Pelo fato de a medicina chinesa ser também uma me- dicina preventiva, considera- -se importante deixar algumas recomendações que ajudam a minimizar o risco de contrair infecções urinárias. Apesar de os homens poderem igualmente ter infecções urinárias, é muito menos provável que as tenham, pelo que se recomenda essen- cialmente ao universo femini- no, uma maior precaução para evitar infecções urinárias. Beber, entre 1,5L a 2L de água ao longo do dia de modo a eliminar as bactérias existen- tes; Optar por uma alimentação saudável onde seja privilegiado o consumo de frutas e de legu- mes que fortaleçam o sistema imunitário; Evitar alimentos pi- cantes, ácidos e com condimen- tos fortes; Cuidar da sua higiene íntima, privilegiando hábitos de higiene importantes. Infecções urinárias: um mal feminino? Há tempos a escola era um sinônimo de extensão do lar e carregava o peso de valores e o respeito que nos eram ensi- nados sob nosso teto, por mais humilde que fosse. A sociedade valorizava esta instituição; os professores eram vistos como reais mestres e res- peitados com toda autoridade que tinham pelo título que car- regam; orgulhavam-se de ser transmissores do saber; encon- travam em cada aluno um pro- fissional brilhante em potencial; viam em cada rosto os médicos, advogados, arquitetos e até fu- turos professores, todos dispos- tos a mudar o mundo... Hoje, escola virou depósito de criança, família tornou-se apenas pessoas com quem con- vivemos e professores torna- ram-se insignificantes. Torna-se cada vez mais di- fícil encontrar um aluno com o “dom profissional estampado”, isto porque a própria sociedade nos mostra que o TER é melhor que o SER, e pra quem nada contra a corrente – seja ela en- sinar ou aprender – só resta a sensação de ser um estranho no ninho. Para nós, professores, é ain- da pior, ao sair para trabalhar não sabemos como será nosso dia, não sabemos como encon- traremos nossos alunos. Foi-se o tempo que nossa maior pre- ocupação era com o aprendiza- do, em época de TDA’s, TH’s, TDAH’s e tantas outras siglas, ensinar tem se tornado cada vez mais difícil. Nossos alunos che- gam com problemas reais que muitas vezes são pesados de- mais para sua pouca idade. Como trabalhar com alunos que nos confiam muitas vezes seus maiores medos? Como di- zer a um adolescente que a vio- lência desmedida de seu pai não é sua culpa? Como trabalhar o psicológico de um adolescente com depressão fortíssima que o leva à autoflagelação? Como acolher alunos violentos que simplesmente transferem sua frustação e raiva para aque- les (nós) com quem passam a maior parte dos seus dias? O pior é passar por isso to- dos os dias, nossa formação aca- dêmica não nos ensina a lidar com isso. Ser professor deixou de ser ensinar regras e fórmulas, pas- sou a ser como um barco de resgate em meio à tempestade. Tentamos todos os dias lançar boias salva-vidas... E, se antigamente nos or- gulhávamos de formar uma “TURMA” inteira; hoje nossa maior alegria é saber que ensi- namos alguma coisa aos nossos alunos, nem que seja o verda- deiro significado da expressão “SER AMADO”. Katharine F. Gomes - Coordena- dora Pedagógica Colégio Fênix. Educação O valor do ensino básico
  11. 11. 11JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Feminíssima Não há nada mais clássico do que a dupla calça jeans e ca- miseta. Mas para não correr o risco de enjoar do visual, reu- nimos truques certeiros que vão injetar estilo neste combo casual. Prepare o salto, o blazer e o casaco; eles vão fazer toda a diferença! Jeans e camiseta é um com- bo infalível para ocasiões que permitem casualidade. Não à toa, são peças indispensáveis para qualquer guarda-roupa. Mas como qualquer look, essa combinação pode, sim, enjoar. E o segredo para não torná-la maçante é recorrer a alguns truques de styling. Práticos sem deixar de lado a versatilidade, os cabelos mé- dios têm um tamanho que agra- da grande parte das mulheres, a ponto de virarem um hit.  Eles ficam lindos tanto soltos quanto em penteados estilosos. O me- lhor de tudo é que não precisa cair de cama de madrugada para variar o look. Pelo contrário, em dez minutos é possível ficar bonita de diferentes maneiras e arrasar.  Para isso, basta ape- nas seguir algumas dicas. Seja qual for o compromisso do dia, ou apenas para estar linda para você mesma, cuidar dos cabelos além de ser tudo-de-bom, dei- xa o visual valorizado. O pen- teado pode dar o tom do look, seja ele mais descolado, fashion ou romântico.  Vale abusar de acessórios para dar o toque fi- nal, ou simplesmente brincar com a textura do cabelo. Alguns produtos como creme para pen- tear, mousse, gel e texturizador são ótimos aliados. Pensando em agilizar ainda mais o seu dia, e deixar os seus cabelos sempre incríveis, montamos uma gale- ria cheia de inspirações tops, e abaixo alguns passos a passos super rápidos ensinados por ex- perts. É para usar muito! Rabo de cavalo lateral baixo com trança Esse penteado não tem erro e vai da tarde de comprinhas no shoppingaobarzinhocomasami- gas. Reparta o cabelo para o lado que mais gosta e no outro, faça uma trança apertada, bem rente à cabeça. Depois, com um elástico, una o cabelo e a trança na lateral da nuca. Use uma mecha para co- brir, dando uma volta na base do rabo de cavalo e prendendo com grampos. A parte da frente você pode deixar uma franja solta ou prender no momento em que ali- nhar o rabo de cavalo. Natural com um toque a mais Para  um  penteado  rápi- do  e  sofisticado  em  um  cabe- lo  médio  vale usar o babyliss largo criando textura  ou um spray. Colocar o cabelo todo para o lado, e prender uma mecha que vai da sobrancelha até a orelha oposta, prendendo com dois grampos em X. O vi- sual fica bem despojado, e está super em alta. Não precisa fazer o babyliss em todo o cabelo, só algumas mechas. Efeito Molhado Uma opção muito interes- sante e rápida, é escovar os fios ou passar a chapinha, jogar o ca- belo para trás da orelha, e passar o gel apenas na parte de cima, dando o efeito molhado. Franjas com mechas ou tranças torcidas Essa é uma boa opção para que tem cabelo repicado e franja curta.  Separe aquela mechinha da lateral e torça por inteiro. Prenda com um grampo deixan- do a ponta da mecha livre para se misturar ao resto do cabelo. Você também pode fazer uma trança ao invés de torcer. Fica muito estiloso! Romântico semi – preso Um cabelo com ar de prin- cesa e rápido de fazer, seguin- do as instruções de Kátia. Faça babyliss em todo cabelo e se- pare uma mecha de cada lado da franja e vá torcendo elas até chegar à altura do meio da nuca. Prenda com um elástico trans- parente, rápido e prático. Penteados rápidos para cabelos médios Jeans e camiseta: maneiras simples de atualizar o básico A seguir, inspire-se nas fashionistas minimalistas, que são especialistas em deixar a dupla mais interessante e ar- rase! 1. O poder da terceira peça: o casaco pode se tornar o maior aliado da dupla jeans e camiseta. Com shape oversized ou prints de impacto, eles dei- xam o visual sofisticado no ato. 2.  Vá de salto: outro item que levanta o visual bá- sico imediatamente é o salto alto. Opte por uma sandália ou sapato de design marcante e fique pronta para um happy hour com as amigas. 3. Customize a calça jeans: rasgos ou aplicações deixam o denim com um as- pecto mais despojado e pronto para qualquer passeio. 4. Lance mão do tênis branco: o sneaker clarinho, que se tornou a grande sensa- ção da temporada, é perfeito para arrematar a produção ca- sual na medida. 5. Pronta para o ca- sual friday: quando a oca- sião pede um look mais arru- madinho, mas não exige tanta formalidade, jeans e camiseta entram em cena ao lado de um belo blazer. Nos pés, vale tanto um scarpin clássico, quanto um brogue de pegada masculina.
  12. 12. 12 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Fábio Santos Nenhum marasmo... Mais uma vez as luzes da noite che- ga á iluminar a grande metró- pole que não sossega e nem repousa. Desde o Centro ve- lho de Sampa até os últimos bairros mais periféricos se- guem em si seu ritmo frené- tico compulsivo e necessário que dá a razão pela qual essa cidade tem esse nome: “A CI- DADE DO TRABALHO”. O Brilho da lua ilumina essa ci- dade como luz de neon... Cada passo dado em cada esquina lhe vem outros bri- lhos que provem das luzes dos semáforos e das lanternas dos veículos. Luzes de apartamen- tos dos mais altos edifícios predominantes vêm dar o ar de sua graça indicando que mais um trabalhador chega para seu merecido descanso. Uma freada brusca, o barulho da Buzina do resgate, da poli- cia e os roncos de motores fa- zem parte da “orquestra sinfô- nica urbanista.” Aquele menino que sai correndo do portão da escola na hora da saída em direção a sua casa cheia de esperan- ça na certeza que seu vídeo game estará lhe esperando. E ele lhe pega se perguntan- do: o que há de ser amanhã e depois de amanhã?A menina que não brinca mais de bone- ca e nem de casinha repen- tinamente se vê uma mulher e nas ruas perambula toda cheia de brilho e glamour sob os holofotes da noite... A vizinha que não sai da janela por nada observa o vai e vem em seu bairro, onde aquele comerciante da esquina lutador e perseverante não vê a hora de encerrar suas ativi- dades e correr para os braços de sua família que a essa altura estão em casa esperando. O senhorzinho aposenta- do na pracinha jogando seu dominó com seu radio de pi- lha ao lado sempre na expec- tativa de ouvir boas noticias que outrora em sua juventude não lhe importava. Telefones não param de tocar em seu escritório, mensagens a todo instante no WHATSAPP,o metrô lotado onde estudantes anseiam por passar naquela prova ou naquele concurso publico feito. Aquele desempregado que retorna de mais uma entrevis- ta de emprego com poucos ou sem nenhum real no bolso. As pessoas seguindo a receita da “vida normal contemporânea “o cliente no bar pede mais um copo de ilusão,deixando de lado o stress de uma jor- nada de trabalho de 9 horas. Correria paulistana que não da espaço para solidão e fanta- sias... Mais um dia amanhece e a passos largos caminham as pessoas em direção ao seu tra- balho. O padeiro e o faxineiro já estão apostos o jornaleiro abre a banca , mais uma no- ticia no jornal nos esperan- do. Um “bom dia” de muitas pessoas sai da boca com cer- ta dificuldade... Assim é caos urbanista necessário da nossa cidade! Fábio Santos, Colunista, For- mado em Logística e Modelo Fotográfico. Cotidiano O “Caos” urbano necessário Quem já passou pela expe- riência de perder alguém pró- ximo sabe que a dor do luto pode aumentar ainda mais quando chega o momento de organizar os pertences de quem faleceu, principalmente se for um parente como mãe, filho, marido ou mulher. Personal pós-luto: entrar no quarto, mexer nas roupas, abrir gavetas - o que parece ser simples para uns, é praticamente impossível para outros. Pensando em ajudar pessoas que têm essa dificulda- de, uma empresa de organiza- ção doméstica, criou o serviço de personal organizer pós-luto. Ajuda para doar per- tences do parente: se- gundo a personal organizer o serviço consiste em ajudar a pessoa no processo de avalia- ção sobre o que vai ser guarda- do e o que vai ser descartado, organizando todos os itens e encaminhando para a doação o que não for mantido. Momento delicado: “é um momento muito delica- do e complicado de lidar com a perda. Por conta disso, exis- te uma certa dificuldade das pessoas em desapegar das coi- sas pertencentes ao falecido”, conta a personal organizer. “Muitos deixam as coisas in- tactas para não ter de enfren- tar esse momento doloroso de se desvincular dos itens.” A partir de R$ 950: o serviço, que custa em média R$ 950 pela diária, tem dura- ção de cerca de três dias, em que dois profissionais vão até a casa da pessoa e dão con- selhos sobre quais objetos devem ser guardados e quais podem ser descartados - tudo isso com a autorização de quem sofreu a perda.  Personal pós-luto... Personal organizer pós-luto pode aliviar a dor de quem perdeu alguém e não consegue mexer nos pertences do falecido
  13. 13. 13JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 12 esportes BRASILEIRÃO / SPORT X CORINTHIANS MarlonCosta/FuturaPress Nem lembrava mais como eraJoão Pontes joao.pontes@diariosp.com.br O Corinthians passou porumasituaçãoin- comum neste Cam- peonato Brasileiro: jogou mal e saiu de campo derrotado. Ontem, na Arena Pernambuco, o Sport colocouoclubepaulistanaro- da e carimbou a faixa de cam- peão brasileiro do adversário comavitóriapor2a0. Os gols que resultaram na quinta derrota do Corinthians em37partidasforamanotados pelozagueiroMatheusFerraze peloatacanteAndré.Valelem- brarqueotimecomandadopor Tite não era derrotado desde o dia 16 de setembro, quando acabousuperadopeloInterna- cional,por2a1,noBeira-Rio. Além de perder uma inven- cibilidadededezjogosnocam- peonato — oito vitórias e dois empates —, o Timão desperdi- çou a chance de estabelecer já nestarodadaamelhorcampa- nhadahistóriadospontoscor- ridos no formato com 20 clu- bes, iniciada em 2006. Agora, no próximo domingo, o clube precisaaomenosempatarcom o Avaí, em Itaquera, para que- brarorecordede80pontosque elemesmoeoCruzeirodetêm. POUCO INSPIRADO/ Aprovei- tando-se de um relaxamento naturaldorivalapósahistórica goleada sobre o São Paulo, o Sportcontrolouasaçõeseabriu oplacarlogonoprimeirotem- po. Renê levantou a bola na área e Matheus Ferraz, livre de marcação, testou no gol, sem chancededefesaparaWalter. Previsível,ocampeãobrasi- leiro,queescaloucincotitula- res — Fagner, Uendel, Gil, Jad- son e Love — terminou a pri- meiraetapasemameaçarogol de Danilo Fernandes, goleiro reveladonabasedoTimão. Jogando ainda melhor na etapafinal,oSportseguiupres- sionando.Naprimeirachance, EduDracenasaiujogandoerra- do,ElberchutoucruzadoeAn- dréperdeuoportunidadeincrí- vel dentro da pequena área. Pouco depois, em finalização de fora da área, Marlone acer- touumabombanatrave. Detantoinsistir,oclubeper- nambucano matou o jogo nos acréscimos. Marlone recebeu passe de Renê em posição de impedimentoecruzouname- didaparaAndréfecharaconta. POSIÇÃO LEGAL Aproveitando um vacilo da zaga corintiana, que não fez a linha de impedimento da forma correta, Matheus Ferraz (à direita) anotou o primeiro gol da partida Timão perde jogo para o Sport e uma invencibilidade de dez confrontos no Brasileirão. Última derrota havia sido em 16 de setembro Esportes
  14. 14. 14 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 n Insatisfeitos com a derrota na partida de ontem, os jogadores do Corinthians deixaram a Arena Pernambuco lamentando o de- sempenho na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. “Não conseguimos criar muitas chances de gol e não fomos feli- zes nas finalizações. As coisas não deram certo”, reconheceu o zagueiro Edu Dracena. Escalado no time titular pelo segundo jogo seguido, após ter se recuperado de lesão, o lateral- direito Fagner destacou as falhas na marcação e fez questão de elogiar a atuação do time man- dante. “Faltou acertar a marca- ção, o Sport tem muita qualidade e sai jogando desde o goleiro com o pé. Hoje (ontem) eles con- seguiram fazer gols e encaixar a marcação, por isso, saímos com a derrota”, explicou. Artilheiro do Corinthians no Campeonato Brasileiro ao lado de Vagner Love, ambos com 13 gols, o meia Jadson levou o terceiro cartão amarelo contra o Sport e será desfalque no último jogo do clube na temporada, no próximo domingo, diante do Avaí. Elencoadmiteatuaçãoruim: ‘Ascoisasnãoderamcerto’ Sport 4-5-1 DaniloFernandes;SamuelXavier,Matheus Ferraz,DurvaleRenê;Rithelyn(Ronaldo), Wendeln(NetoMoura),Élber(Maikon Leite),MarloneneDiegoSouzan;Andrén T:Falcão Corinthians 4-4-2 Walter;Fagner,EduDracena,GileUendel; Cristian(Lincom),BrunoHenrique, Rodriguinhon(Malcom)eJadsonn; RomeroeVagnerLove(Danilo) T:Tite BRASILEIRÃO>2o - TURNO—37a - RODADA Onde:ArenaPernambuco,emRecife Juiz:RicardoMarquesRibeiro(MG) Gols:MatheusFerrasaos23minutosdo 1o - tempo;Andréaos45do2o - Rendaepúblico:R$836.300/19.048 2-0 Tite e Edu Dracena bem que tentaram, mas o time não se entendeu DanielAugustoJr./Ag.Corinthians 5,5 WALTER Não tinha como evitar os gols anotados pelo clube pernambucano. 5,0 FAGNER Foi pouco efetivo no campo de ataque. Tam- bém faltou caprichar nos cruzamentos. 4,0 EDU DRACENA Saiu jogando errado e quase entregou um gol no começo do segundo tempo. Sorte que o ata- cante André perdeu uma chance clara. 5,5 GIL Teve muito trabalho na marcação. Chegou atra- sado em alguns lances. 5,0 UENDEL Assim como Fagner, o lateral-esquerdo do Ti- mão contribuiu pouco no campo de ataque. 4,5 CRISTIAN Sentiu a falta de ritmo atuando como titular. Saiu jogando errado al- gumas vezes e deixou espaços na marcação. Lincom entrou no fim do jogo. SEM NOTA 5,0 BRUNO HENRIQUE Apareceu pouco para o jogo e não conseguiu ser um elemento surpresa no campo de ataque. 5,0 RODRIGUINHO Não conseguiu distribuir o jogo com qualidade. Também faltou mobilida- de para se livrar da mar- cação do Sport. Malcom entrou e participou pou- co da partida. 5,0 5,5 JADSON Ficou sobrecarregado para armar o time por causa das ausências de Elias e Renato Augusto. Bem marcado, não criou jogadas de perigo e ain- da levou cartão amarelo. 6,0 ROMERO Mostrou muita vontade. Correu o tempo inteiro, mas não repetir a exce- lente atuação do clássico contra o São Paulo. 4,5 VAGNER LOVE Jogou em ritmo de férias, facilitando a vida dos za- gueiros. Danilo não en- trou bem no jogo e pe- gou pouco na bola. 4,5 5,5 TITE As três substituições não melhoraram o time. ATUAÇÕES|CORINTHIANS SPORT Mesmo entrando em campo sem chance de conquistar uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores, o time de Falcão foi para cima e dominou o campeão quase o jogo inteiro. Diego Souza, Marlone e André deram muito trabalho para o Timão. Briga contra a queda aquece rodada final GoiásbateChapecoenseeevitaquedaantecipada. Cincoclubesdefinemfuturonopróximodomingo Chapecoense/Divulgação Na luta pela vitória, defesa goiana mostra empenho para parar Túlio Com o título já garantido pelo Corinthians desde a semana passada, a emoção da últimarodadadoBrasileirãovai ficarporcontadabrigaparaes- capardorebaixamento.Nape- núltimarodada,quemaindati- nha chance de tentar perma- necernaSérieAfezasuaparte. A exemplo do Vasco (leia na página18),oGoiás,penúltimo colocado, venceu a Chape- coense, por 3 a 1, fora de casa, chegoua38pontoseaindares- piraparaseguirnaelite. O Esmeraldino está a dois pontos do Avaí, último fora da zona da degola. Erik abriu o placareozagueiroFredmarcou duasvezes.Túliodiminuiupara a Chapecoense. “O grupo está deparabénsepoderemosten- tar a permanência (na Série A)”,vibrouodefensor. No próximo domingo, o Goiás recebe o São Paulo. Mas além do próprio resultado, o Esmeraldino depende de tro- peços de Vasco e Figueirense, ambos com 40 pontos cada. O Coritiba, com 43, está mais “tranquilo”porquesoma11vi- tórias,contradezdoCruz-Mal- tinoedoscatarinenses. Único já rebaixado na com- petição, o Joinville não teve a mesmasorteelevoude3a0do Cruzeiro,noMineirão. BRIGAPELOVICE/Arodadafi- naltambémvaiterbriganoto- po da tabela. No primeiro jogo depoisdasaídadeLevirCulpi,o Atlético-MGfoisuperadopelo Grêmio,emPortoAlegre.Com oresultado,ovice-campeãosó será definido no domingo. O Tricolorgaúchotem65pontos, umamenosdoqueoGalo. Nazonaintermediáriadata- bela,oAtlético-PRfez3a0no Flamengo,naArenadaBaixa- da. Roberto e Cleberson (duas vezes)anotaramosgols. OUTROS JOGOS TÉCNICO GORDIOLA SABE TUDO DE TÁTICA (OU PENSA QUE SABE) Fale com ele pelo e-mail gordiola @diariosp.com.br SeeufosseoTite, jáestariacomos pésesticadosem algumapraia.Mas nãomeinventede irparaaEuropa estudartáticas, hein,tchê?!Deixa oTimãocomigo queeudouconta! Esportes
  15. 15. 15JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015 Divirta-se DIÁRIO DE S. PAULO - SEGUNDA-FEIRA / 30 DE NOVEMBRO DE 201528 horóscopopor João Bidu ÁRIES (21/3 a 20/4) Com a lua em seu paraíso astral, você conta com a sorte em tudo o que fizer. Além disso, também esbanja simpatia ao lidar com colegas ou clientes. Bom momento para contatar pessoas. TOURO (21/4 a 20/5) Comece o dia dando mais atenção aos familiares e aos assuntos domésticos. Se anda pensando em fazer uma refor- ma ou mesmo mudar de residência, vá em frente! Você vai ficar mais solto. GÊMEOS (21/5 a 20/6) Você vai se expressar com desenvoltu- ra e pode fazer ótimos contatos. Trocar ideias com os colegas pode ser interes- sante, além de facilitar o trabalho em equipe. Jogo de cintura facilita a vida. CÂNCER (21/6 a 21/7) Você começa a semana com boas oportunidades de engordar sua conta bancária. Se pensa em pedir um au- mento, é um bom momento para tocar no assunto. Mas terá de se esforçar. LEÃO (22/7 a 22/8) Com a lua em seu signo, você vai se sentir mais seguro para batalhar pelos seus interesses. Explore seus pontos fortes, converse e reúna o pessoal em torno das suas ideias. VIRGEM (23/8 a 22/9) Hoje, vale a pena rever algumas coisas e fazer as mudanças que achar neces- sárias. Procure cuidar das suas coisas sem muito alarde e não comente com os outros sobre suas finanças. LIBRA (23/9 a 22/10) Vale a pena correr atrás dos seus so- nhos e renovar a esperança. Amplie seus interesses! Tome a iniciativa no trabalho ou na vida pessoal e conte com o apoio dos amigos. ESCORPIÃO (23/10 a 21/11) Comece o dia traçando planos mais ambiciosos para você. É hora de bata- lhar pelo que deseja com unhas e den- tes, ainda mais se anda de olho em um aumento ou um cargo que paga mais. SAGITÁRIO (22/11 a 21/12) Os estudos contam com a proteção das estrelas. Deixe seu lado curioso e aven- tureiro falar mais alto: você pode apren- der mais do que imagina, seja com os amigos ou por conta própria. CAPRICÓRNIO (22/12 a 20/1) Hoje, você terá mais ânimo para fazer mudanças. Bom momento para dar aquela mexida no visual se já vinha pensando no assunto. Ouça sua intui- ção, que estará mais afiada. AQUÁRIO (21/1 a 19/2) Os relacionamentos vão ganhar desta- que e você vai alcançar melhor resulta- do se optar por agir em equipe hoje. Unir-se aos colegas também é uma boa estratégia nos estudos. PEIXES (20/2 a 20/3) Sua disposição para o trabalho deve crescer: mesmo que precise ralar do- brado, não vai desistir. Se pensa em trocar de emprego, terá mais chance de ser bem-sucedido hoje. Cruzadas passatempo Soluções Sete erros Sudoku O conteúdo de Passatempo é fornecido pela www.coquetel.com.br Preencha os espaços vazios com algarismos de 1 a 9. Os algarismos não podem se repetir nas linhas verticais e horizontais, nem nos quadrados menores (3.3).
  16. 16. 16 JORNAL BOM DIA ACONTECE - 16 à 30 DE NOVEMBRO DE 2015

×