Água e ClimaÁgua e Clima –– As lições da crise emSão PauloAs lições da crise emSão Paulo
“Mudanças Climáticas: Efeitos Sob...
Mudanças Climáticas: Efeitos Sobre a Vida e Impactos
nas Grandes Cidades
A água expressa de forma intensa os impactos do c...
79,15%
73,78 %
63,91%.
44,75%
41,22%
A pedido de Época,
o site ReclameAqui
realizou a enquete,
elaborada com a
SOS Mata At...
No Brasil as políticas afirmativas tiveram inicio com a
Constituição de 1988. A Legislação de RecursosA Legislação de Recu...
• O desmatamento leva a degradação da
água, aumenta os custos com
tratamento para abastecimento e agrava
a escassez.
• Qua...
Desmatamento na bacia do CantareiraDesmatamento na bacia do Cantareira
Resta apenas 488 km2
= 21,5 % de vegetação nativa
n...
Cobertura Floresal por MunicípiosCobertura Floresal por Municípios 
Minas Gerais: 
Camanducaia (19,6% de vegetação nativa)...
Mudanças Climáticas: Efeitos Sobre a Vida e Impactos 
nas Grandes Cidades
Falta Planejamento Estratégico e Integrado
A “ma...
70% das doenças são causadas por contato com a água poluída.
PoluiçãoPoluição compromete a qualidade da e disponibilidade ...
Ocupações Irregulares eOcupações Irregulares e usos do solousos do solo inadequados para mananciaisinadequados para mananc...
Evolução dos índices de Coleta e
Tratamento do Projeto Tietê
Evolução Parcial Comparativa - IQA 2010 - 2014
Dados: índices 2010 % 2014 %
17 rios Ótima 0 0 0 0
27 córregos Boa 5 4,44 1...
• A restauração da cobertura florestal nas áreas de
mananciais é fundamental para a recuperação das
reservas de água.
• Ma...
Agradecimento
Obrigada
Malu Ribeiro
malu@rededasaguas.org.br
www.facebook.com/TieteVivo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Àgua e Clima em São Paulo

275 visualizações

Publicada em

Apresentação de Malu Ribeiro, da SOS Mata Atlantica
malu@rededasaguas.org.br
www.facebook.com/TieteVivo

Publicada em: Meio ambiente
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
275
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Àgua e Clima em São Paulo

  1. 1. Água e ClimaÁgua e Clima –– As lições da crise emSão PauloAs lições da crise emSão Paulo “Mudanças Climáticas: Efeitos Sobre a Vida e Impactos nas Grandes Cidades”
  2. 2. Mudanças Climáticas: Efeitos Sobre a Vida e Impactos nas Grandes Cidades A água expressa de forma intensa os impactos do clima Enchentes ou secas prolongadas afetam populações de áreas urbanas e rurais. Porém nossas metrópoles e cidades não estão preparadas para evitar as “tragédias anunciadas.” “Todos estamos sendo afetados. Formados essencialmente por água e carbono, personificamos os grandes desafios globais e locais da água e do clima”, alerta Ban Ki- moon ..
  3. 3. 79,15% 73,78 % 63,91%. 44,75% 41,22% A pedido de Época, o site ReclameAqui realizou a enquete, elaborada com a SOS Mata Atlântica. 17.111 pessoas do Estado de •São Paulo.
  4. 4. No Brasil as políticas afirmativas tiveram inicio com a Constituição de 1988. A Legislação de RecursosA Legislação de Recursos HídricosHídricos avançou em mecanismos de gestão e governança e instrumentos como planos de bacias, outorga e cobrança pelo uso da água; Código Florestal – 1965 destacava a função ecológica das áreas de preservação permanente e o papel das Reservas Legais como banco genético e de manutenção da biodiversidade. O novo Código Florestal reduziu a faixa de proteção ciliar. Atentos ao impacto que esse retrocesso poderá trazer à água, Comitês e Organismos de Bacias, de regiões de escassez hídrica deliberaram pela manutenção das faixas de APP de acordo com a legislação anterior. Agora temos o desafio de implantar o CAR – Cadastro Ambiental Rural e promover a recuperação e a legalização das propriedades Políticas Afirmativas para Gestão Ambiental
  5. 5. • O desmatamento leva a degradação da água, aumenta os custos com tratamento para abastecimento e agrava a escassez. • Qualidade: Degradação por erosão, sedimentação, eutrofização, contaminação e poluição. • Quantidade: Diminuição da infiltração de água, rebaixamento dos lençóis freáticos e esgotamento de mananciais durante a estiagem. • A ANA – Agencia Nacional de Água calcula que os prejuízos decorrentes, apenas da sedimentação nos corpos d’água no Brasil superam R$ 2 bilhões/ano. • O MMA anunciou na Rio+20 que precisaríamos investir R$ 25 bilhões para garantir o acesso à água até 2015. Um hectare bem conservado = 10 mil litros de águaUm hectare bem conservado = 10 mil litros de água 100 hectares bem conservados produzem água para satisfazer o consumo de mais de 2.600 pessoas
  6. 6. Desmatamento na bacia do CantareiraDesmatamento na bacia do Cantareira Resta apenas 488 km2 = 21,5 % de vegetação nativa na bacia hidrográfica e nos 2.270 km2 do conjunto de seis represas que formam o Sistema Cantareira. Dos 5.082 km de rios que formam o sistema, apenas 23,5% (1.196 km) contam com vegetação nativa em área superior a um hectare em seu entorno. Outros 76,5% (3.886 km) estão sem matas ciliares, em áreas alteradas, ocupadas por pastagens, agricultura e silvicultura, entre outros usos. A Fundação SOS Mata Atlântica doará 1 milhão de mudas de espécies nativas para a recuperação de até 400 ha de áreas, que podem promover a conservação de 4 milhões de litros de água por ano No Paraíba do Sul resta 26, 4% da cobertura florestal
  7. 7. Cobertura Floresal por MunicípiosCobertura Floresal por Municípios  Minas Gerais:  Camanducaia (19,6% de vegetação nativa),  Extrema (15,2%),  Itapeva (7,9%) e  Sapucaí Mirim (42%) São Paulo: Bragança Paulista (3,2%),  Caieiras (50,2%),  Franco da Rocha (40,8%),  Joanópolis (18,8%),  Mairiporã (36,6%),  Nazaré Paulista (24,7%),  Piracaia (17,7%) e  Vargem (17,9%).   
  8. 8. Mudanças Climáticas: Efeitos Sobre a Vida e Impactos  nas Grandes Cidades Falta Planejamento Estratégico e Integrado A “macrometropole” paulista vem dando sinais de alerta há décadas. Desde 1991 São Paulo implementou o Sistema de Gerenciamento de Recursos Hídricos e adotou a bacia hidrográfica como unidade de planejamento. Em 2003 contratou o Plano Diretor de Aproveitamento da Água para garantir segurança hídrica até 2035.
  9. 9. 70% das doenças são causadas por contato com a água poluída. PoluiçãoPoluição compromete a qualidade da e disponibilidade de Águacompromete a qualidade da e disponibilidade de Água
  10. 10. Ocupações Irregulares eOcupações Irregulares e usos do solousos do solo inadequados para mananciaisinadequados para mananciais Por pressão popular novas ZEIS permitirão a regularização de ocupações em áreas de manancial. Nova Palestina
  11. 11. Evolução dos índices de Coleta e Tratamento do Projeto Tietê
  12. 12. Evolução Parcial Comparativa - IQA 2010 - 2014 Dados: índices 2010 % 2014 % 17 rios Ótima 0 0 0 0 27 córregos Boa 5 4,44 15 13,2 03 represas Regular 50 44 37 32,6 02 lagos Ruim 18 15,84 29 16,7 63 corpos hidricos Péssima 15 13,2 7 6,16 34 municípios Índices 88 100% 88 100% Total de pontos 88 A qualidade da água na baciaA qualidade da água na bacia
  13. 13. • A restauração da cobertura florestal nas áreas de mananciais é fundamental para a recuperação das reservas de água. • Mas, para que traga resultados efetivos precisa ser somada a uma ação firme e integrada : • Implementar instrumentos econômicos como o Pagamento por Serviços Ambientais e a cobrança pelo uso da água a todos os usuários. • Aprovar e implementar os Planos Municipais da Mata Atlântica e as Leis Específicas para as áreas de manancial e conservação hídrica; • Fortalecer comitês e consórcios de bacias hidrográficas; • Acabar com rios de Classe 4 . • Universalizar o saneamento; • Combater o desperdício e Um pacto pela águaUm pacto pela água
  14. 14. Agradecimento Obrigada Malu Ribeiro malu@rededasaguas.org.br www.facebook.com/TieteVivo

×