A ARTE E O CORPO<br />O ESTÁDIO MUNICIPAL DE BRAGA<br />
O autor e arquitecto do projecto:<br />Eduardo <br />de Souto Moura<br />Outros intervenientes —, Daniel Monteiro (arquite...
O novo estádio de Braga fica na encosta do Monte Castro, um dos pontos mais elevados da cidade.<br />Com duas arquibancada...
O ENCONTRO ENTRE  O CORPO ARQUITECTÓNICO E O CORPO NATURAL<br /><ul><li>Adaptação ao espaço envolvente
Ligação com o meio
Requalificação do espaço envolvente</li></li></ul><li>Os corredores de acesso<br />
Os Cabos de aço por cima das bancadas<br />
A sala por baixo do relvado<br />
“Eu deduzi, não percebendo muito de futebol, que tinha de fazer um palco verde para 22 pessoas mais 3 árbitros, com 105 câ...
OS CORPOS<br />ESPECTADORES  QUE VIVEM E SOFREM O JOGO<br />
MAIS CORPOS<br />Os jogadores, o árbito, os treinadores, jornalistas, etc.<br />
“O estádio é uma surpresa porque é fotogénico. Isto é, se eu entro por cima, pela praça, mete medo porque é impressionante...
A HARMONIA<br />A ESTÉTICA<br />A BELEZA<br />
“Mal foi aprovado que o estádio iria ser feito como eu sugeria, fui a Epidauros, na Grécia, porque o tema era aquele. Eu n...
Teatro do Epidauro<br />
Canal de Corinto<br />
Olímpia<br />Estádio Olímpico<br />
A preocupação com o fisico, o corpo, o belo<br />
O Belo<br />A Natureza<br />O Corpo<br />A Harmonia<br />O Homem<br />
A <br />Grécia<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O Estádio Municipal de Braga

3.661 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.661
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
87
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Estádio Municipal de Braga

  1. 1. A ARTE E O CORPO<br />O ESTÁDIO MUNICIPAL DE BRAGA<br />
  2. 2. O autor e arquitecto do projecto:<br />Eduardo <br />de Souto Moura<br />Outros intervenientes —, Daniel Monteiro (arquitecto paisagista), AFA (engenharia de estruturas) e Soares da Costa (empreiteiro geral), entre outros<br />
  3. 3. O novo estádio de Braga fica na encosta do Monte Castro, um dos pontos mais elevados da cidade.<br />Com duas arquibancadas e lugar para 30 mil pessoas, o estádio foi considerado uma "obra de arte" pelo presidente do Comité de Estádios e Segurança da Uefa, Ernie Walker. <br />
  4. 4.
  5. 5.
  6. 6.
  7. 7. O ENCONTRO ENTRE O CORPO ARQUITECTÓNICO E O CORPO NATURAL<br /><ul><li>Adaptação ao espaço envolvente
  8. 8. Ligação com o meio
  9. 9. Requalificação do espaço envolvente</li></li></ul><li>Os corredores de acesso<br />
  10. 10. Os Cabos de aço por cima das bancadas<br />
  11. 11. A sala por baixo do relvado<br />
  12. 12. “Eu deduzi, não percebendo muito de futebol, que tinha de fazer um palco verde para 22 pessoas mais 3 árbitros, com 105 câmaras a filmar, para ser transmitido para todo o mundo e cujos direitos são de milhões de contos. O que eu tinha de fazer era um estúdio de televisão. E o melhor estúdio de televisão é aquela imagem americana dos estádios verticais dos jogos de boxe, com luz de cima, tudo concentrado ali e com as melhores imagens possíveis para a transmissão.” <br />“Começamos a viajar e era informação, cinema, televisão, Suíça, UEFA, FIFA, regulamentos, segurança, etc. Uma simples guarda era um problema, pois tinha que suportar as cargas tremendas de uma multidão em tumulto, e tinha de ser calculada pelos engenheiros.”<br />Eduardo de Souto Moura<br />
  13. 13. OS CORPOS<br />ESPECTADORES QUE VIVEM E SOFREM O JOGO<br />
  14. 14. MAIS CORPOS<br />Os jogadores, o árbito, os treinadores, jornalistas, etc.<br />
  15. 15. “O estádio é uma surpresa porque é fotogénico. Isto é, se eu entro por cima, pela praça, mete medo porque é impressionante. Tem a praça que se prolonga visualmente sobre a cobertura onde estão as fixações dos cabos, que parecem uma espécie de leões. Depois, desço e entro num espaço fechado, sob a pala, e logo mais adiante encontro-me num jogo de escadas como num ambiente do Piranesi. Realmente, se se entrar pela praça, o estádio tem um caráter, se se entrar por baixo ou se se subir encontram-se as galerias com os buracos, à Kahn, com uma perspectiva que varia de piso para piso. A imagem mais forte do estádio são os montantes da arquibancada poente metidos dentro da pedra e que são fixados com cabos que entram 25 metros no terreno. Esses montantes vão segurar a cobertura de 220 metros que tem de agüentar um vento com 200 km/hora. É impressionante a tensão provocada pela pedra entre cada dois montantes. É o betão a querer socorrer-se da pedra e a pedra a responder, os dois estão"de mão dada".Temos jornalistas separados, jogadores separados, público separado, árbitros separados, VIPs separados, super-VIPs ainda mais separados, equipas separadas, e hooligans separados. E agora um tipo pega num lápis, arranja cinco cores e diz assim, VIPs a vermelho, os outros a azul. E depois pensa ao contrário: então, o que acontece quando acaba o jogo? É preciso entregar a taça, o super-VIP tem de estar com a equipa, os jornalistas têm de filmar e fotografar... Existem circuitos separados mas bastidores onde todos se encontram. Dessas dificuldades é que se extrai o encanto, a complexidade das coisas.”<br />Eduardo de Souto Moura<br />
  16. 16. A HARMONIA<br />A ESTÉTICA<br />A BELEZA<br />
  17. 17.
  18. 18. “Mal foi aprovado que o estádio iria ser feito como eu sugeria, fui a Epidauros, na Grécia, porque o tema era aquele. Eu não fazia a mínima idéia do que era a relação com a paisagem, como se faziam os cenários de filtragem... Não há arquitectura aberta, mas há filtros. Há os bosques, que para além de garantirem a acústica criavam um primeiro limite e davam um ambiente, e há a paisagem com a silhueta ao fundo. Coisas que os gregos faziam muito bem. E fui a Corinto, ver o canal. Foi nesses sítios e nas visitas que fiz aos estádios, que fui encontrando as sugestões para Braga.”<br />ESM<br />
  19. 19. Teatro do Epidauro<br />
  20. 20. Canal de Corinto<br />
  21. 21. Olímpia<br />Estádio Olímpico<br />
  22. 22. A preocupação com o fisico, o corpo, o belo<br />
  23. 23. O Belo<br />A Natureza<br />O Corpo<br />A Harmonia<br />O Homem<br />
  24. 24. A <br />Grécia<br />
  25. 25. O Mediterrâneo<br />A História<br />A Cultura<br />A Arte<br />Os Espaços Abertos e o Clima Ameno<br />A Montanha<br />

×