SlideShare uma empresa Scribd logo

Doenças+exantemática

blogped1
blogped1

"Flash Pediátrico" apresentado no Internato em Pediatria I da UFRN. Tema: Doenças exantemáticas.

1 de 16
UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE
          CENTRO DE CIÊNCIAS DA SÁUDE
        HOSPED- INTERNATO EM PEDIATRIA I




DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
 DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER


                MARÇO DE 2012
CASO CLÍNICO
•   Identificação: L.G.B.M., masculino, 06 meses, natural e procedente de Natal;

•   Peso:10,510kg (P>97);

•   Vacinação: atualizada;

•   Alimentação: Aleitamento materno complementar;

•   QP: “ Manchas avermelhadas no corpo há 3 dias”;

•   HDA: Mãe relata febre há 05 dias, não aferida, que cedia com o uso de
    Paracetamol. Há 03 dias a febre cessou, a partir de então apresentou um
    quadro de exantema maculopapular, inicialmente em face que evoluiu para
    tronco. Nega queda do estado geral ou uso de fármacos;

•   Exame físico: Exantema maculopapular de coloração rosácea, em
    face, tórax e dorso. Apresentando áreas lesadas intercalando-se com áreas
    sadias.



DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER                             DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
EXANTEMAS
      QUALQUER ALTERAÇÃO DA COR OU ESTRUTURA DA PELE

           ANAMNESE:                              DISTRIBUIÇÃO:

          •   Idade;                              •   Cefalocaudal;
          •   Procedência;                        •   Centrípeta;
          •   Imunidade;                          •   Centrífuga.
          •   Fontes de contágio;
          •   Uso de medicamentos e história de
              alergia;
          •   Pródromos.


           EVOLUÇÃO:                              EXAME FÍSICO:

          •   De um tipo para outro;              •   Estado geral;
          •   Tempo;                              •   Adenomegalias;
          •   Confluência.                        •   Sinais patognomônicos.


DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER                            DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
CLASSIFICAÇÃO
                                      • Maculopapular:

       • Morbiliforme: áreas lesadas intercaladas com áreas sadias;

        • Escarlatiniforme: uniforme, micropapular, aspecto de lixa;

           • Rubeoliforme: pele lesada intercalando com pele sã;

                            • Urticariforme: mal delimitadas

                                      • Papulovesicular;

                                 • Petequial ou purpúrico;

                                  • Nodular ou ulcerativo.



DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER                            DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
EXANTEMA MACULOPAPULAR




               MORBILIFORME           RUBEOLIFORME

DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER           DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
EXANTEMA MACULOPAPULAR




             ESCARLATINIFORME         URTICARIFORME




DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER         DOENÇAS EXANTEMÁTICAS

Recomendados

Doenças exantemáticas
 Doenças exantemáticas Doenças exantemáticas
Doenças exantemáticasKarina Pereira
 
Estadiamento Puberal : Critérios de Tanner
Estadiamento Puberal : Critérios de TannerEstadiamento Puberal : Critérios de Tanner
Estadiamento Puberal : Critérios de Tannerblogped1
 
Prova 1 - dermatologia (lesões elementares, semiologia, exames e sinais)
Prova 1 - dermatologia (lesões elementares, semiologia, exames e sinais)Prova 1 - dermatologia (lesões elementares, semiologia, exames e sinais)
Prova 1 - dermatologia (lesões elementares, semiologia, exames e sinais)Guilherme Sicuto
 
Semiologia 02 roteiro prático de anamnese e exame físico
Semiologia 02   roteiro prático de anamnese e exame físicoSemiologia 02   roteiro prático de anamnese e exame físico
Semiologia 02 roteiro prático de anamnese e exame físicoJucie Vasconcelos
 
Pneumonias Conceito Classificações Fisiopatologia Manifestações Clínicas Diag...
Pneumonias Conceito Classificações Fisiopatologia Manifestações Clínicas Diag...Pneumonias Conceito Classificações Fisiopatologia Manifestações Clínicas Diag...
Pneumonias Conceito Classificações Fisiopatologia Manifestações Clínicas Diag...Alexandre Naime Barbosa
 
Doenças exantematicas na infancia
Doenças exantematicas na infanciaDoenças exantematicas na infancia
Doenças exantematicas na infanciaLeonardo Savassi
 
2011 02 doenças exantemáticas na infância
2011 02 doenças exantemáticas na infância2011 02 doenças exantemáticas na infância
2011 02 doenças exantemáticas na infânciaLeonardo Savassi
 
Lesões Cutâneas do RN
Lesões Cutâneas do RNLesões Cutâneas do RN
Lesões Cutâneas do RNLaped Ufrn
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

IVAS na infância
IVAS na infânciaIVAS na infância
IVAS na infânciablogped1
 
SINAIS EM RADIOLOGIA TORÁCICA 2.0
SINAIS EM RADIOLOGIA TORÁCICA 2.0SINAIS EM RADIOLOGIA TORÁCICA 2.0
SINAIS EM RADIOLOGIA TORÁCICA 2.0Brenda Lahlou
 
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU) Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU) blogped1
 
HIV/Aids em 2019 Epidemiologia, Fisiopatologia, Tratamento e Prevencao
HIV/Aids em 2019 Epidemiologia, Fisiopatologia, Tratamento e PrevencaoHIV/Aids em 2019 Epidemiologia, Fisiopatologia, Tratamento e Prevencao
HIV/Aids em 2019 Epidemiologia, Fisiopatologia, Tratamento e PrevencaoAlexandre Naime Barbosa
 
Exame físico do Tórax
Exame físico do TóraxExame físico do Tórax
Exame físico do Tóraxpauloalambert
 
Síndromes ictéricas
Síndromes ictéricasSíndromes ictéricas
Síndromes ictéricaspauloalambert
 
Exame Físico Ectoscopia (Davyson Sampaio Braga)
Exame Físico Ectoscopia (Davyson Sampaio Braga)Exame Físico Ectoscopia (Davyson Sampaio Braga)
Exame Físico Ectoscopia (Davyson Sampaio Braga)Davyson Sampaio
 
Apresentação caso clínico
Apresentação caso clínicoApresentação caso clínico
Apresentação caso clínicojaninemagalhaes
 
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)Laped Ufrn
 
Técnicas de abordagem familiar
Técnicas de abordagem familiarTécnicas de abordagem familiar
Técnicas de abordagem familiarLeonardo Savassi
 
Sindrome do abdome agudo
Sindrome do abdome agudoSindrome do abdome agudo
Sindrome do abdome agudopauloalambert
 
Profilaxia Raiva Ministerio Saude Brasil 2011
Profilaxia Raiva Ministerio Saude Brasil 2011Profilaxia Raiva Ministerio Saude Brasil 2011
Profilaxia Raiva Ministerio Saude Brasil 2011Alexandre Naime Barbosa
 
Dengue Casos Clínicos - Professor Robson
Dengue Casos Clínicos - Professor RobsonDengue Casos Clínicos - Professor Robson
Dengue Casos Clínicos - Professor RobsonProfessor Robson
 

Mais procurados (20)

IVAS na infância
IVAS na infânciaIVAS na infância
IVAS na infância
 
SINAIS EM RADIOLOGIA TORÁCICA 2.0
SINAIS EM RADIOLOGIA TORÁCICA 2.0SINAIS EM RADIOLOGIA TORÁCICA 2.0
SINAIS EM RADIOLOGIA TORÁCICA 2.0
 
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU) Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
 
HIV/Aids em 2019 Epidemiologia, Fisiopatologia, Tratamento e Prevencao
HIV/Aids em 2019 Epidemiologia, Fisiopatologia, Tratamento e PrevencaoHIV/Aids em 2019 Epidemiologia, Fisiopatologia, Tratamento e Prevencao
HIV/Aids em 2019 Epidemiologia, Fisiopatologia, Tratamento e Prevencao
 
Exame físico do Tórax
Exame físico do TóraxExame físico do Tórax
Exame físico do Tórax
 
Síndromes ictéricas
Síndromes ictéricasSíndromes ictéricas
Síndromes ictéricas
 
Exame Físico Ectoscopia (Davyson Sampaio Braga)
Exame Físico Ectoscopia (Davyson Sampaio Braga)Exame Físico Ectoscopia (Davyson Sampaio Braga)
Exame Físico Ectoscopia (Davyson Sampaio Braga)
 
Apresentação caso clínico
Apresentação caso clínicoApresentação caso clínico
Apresentação caso clínico
 
Ascite
AsciteAscite
Ascite
 
Exame físico geral
Exame físico geralExame físico geral
Exame físico geral
 
Exame físico geral
Exame físico geralExame físico geral
Exame físico geral
 
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
Infecção do Trato Urinário na Infância (ITU)
 
Técnicas de abordagem familiar
Técnicas de abordagem familiarTécnicas de abordagem familiar
Técnicas de abordagem familiar
 
Apendicite aguda
Apendicite agudaApendicite aguda
Apendicite aguda
 
Sindrome do abdome agudo
Sindrome do abdome agudoSindrome do abdome agudo
Sindrome do abdome agudo
 
Profilaxia Raiva Ministerio Saude Brasil 2011
Profilaxia Raiva Ministerio Saude Brasil 2011Profilaxia Raiva Ministerio Saude Brasil 2011
Profilaxia Raiva Ministerio Saude Brasil 2011
 
Fácies - Profa. Rilva Muñoz
Fácies - Profa. Rilva MuñozFácies - Profa. Rilva Muñoz
Fácies - Profa. Rilva Muñoz
 
Curvas de Crescimento: orientações para Profissionais de Saúde
Curvas de Crescimento: orientações para Profissionais de SaúdeCurvas de Crescimento: orientações para Profissionais de Saúde
Curvas de Crescimento: orientações para Profissionais de Saúde
 
Dengue Casos Clínicos - Professor Robson
Dengue Casos Clínicos - Professor RobsonDengue Casos Clínicos - Professor Robson
Dengue Casos Clínicos - Professor Robson
 
7ª aula classes de medicamentos
7ª aula   classes de medicamentos7ª aula   classes de medicamentos
7ª aula classes de medicamentos
 

Destaque

Questões doenças exantemáticas professor robson
Questões doenças exantemáticas   professor robsonQuestões doenças exantemáticas   professor robson
Questões doenças exantemáticas professor robsonProfessor Robson
 
Folder das Doenças Exantemáticas
Folder das Doenças ExantemáticasFolder das Doenças Exantemáticas
Folder das Doenças ExantemáticasProfessor Robson
 
Enfermedades ExantemáTicas
Enfermedades ExantemáTicasEnfermedades ExantemáTicas
Enfermedades ExantemáTicasTamara Chávez
 
Enfermedades exantematicas de la infancia
Enfermedades exantematicas de la infanciaEnfermedades exantematicas de la infancia
Enfermedades exantematicas de la infanciaLin Blac
 
Varicela na infância
Varicela na infânciaVaricela na infância
Varicela na infânciaBruno Machado
 
Doença de Kawasaki
Doença de KawasakiDoença de Kawasaki
Doença de Kawasakiblogped1
 
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 29
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 29Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 29
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 29Professor Robson
 
Doenças infantis
Doenças infantisDoenças infantis
Doenças infantisvaiagora
 
Dermatoses neonatais de importância clínica: notificação no prontuário do rec...
Dermatoses neonatais de importância clínica: notificação no prontuário do rec...Dermatoses neonatais de importância clínica: notificação no prontuário do rec...
Dermatoses neonatais de importância clínica: notificação no prontuário do rec...blogped1
 
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 11
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 11Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 11
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 11Professor Robson
 
6542111 neoplasias-de-tireoide
6542111 neoplasias-de-tireoide6542111 neoplasias-de-tireoide
6542111 neoplasias-de-tireoidedbmtr
 
Fiebre Escarlatina y faringoamigdalitis
Fiebre Escarlatina y faringoamigdalitisFiebre Escarlatina y faringoamigdalitis
Fiebre Escarlatina y faringoamigdalitisDianaAlonso7
 
Manual de Alterações Fisiológicas do Recém - Nascido
Manual de Alterações Fisiológicas do Recém - NascidoManual de Alterações Fisiológicas do Recém - Nascido
Manual de Alterações Fisiológicas do Recém - Nascidoblogped1
 

Destaque (20)

Questões doenças exantemáticas professor robson
Questões doenças exantemáticas   professor robsonQuestões doenças exantemáticas   professor robson
Questões doenças exantemáticas professor robson
 
Folder das Doenças Exantemáticas
Folder das Doenças ExantemáticasFolder das Doenças Exantemáticas
Folder das Doenças Exantemáticas
 
Enfermedades exantemáticas de la infancia
Enfermedades exantemáticas de la infanciaEnfermedades exantemáticas de la infancia
Enfermedades exantemáticas de la infancia
 
Enfermedades ExantemáTicas
Enfermedades ExantemáTicasEnfermedades ExantemáTicas
Enfermedades ExantemáTicas
 
Enfermedades Exantematicas
Enfermedades ExantematicasEnfermedades Exantematicas
Enfermedades Exantematicas
 
Enfermedades exantematicas de la infancia
Enfermedades exantematicas de la infanciaEnfermedades exantematicas de la infancia
Enfermedades exantematicas de la infancia
 
Varicela na infância
Varicela na infânciaVaricela na infância
Varicela na infância
 
Doença de Kawasaki
Doença de KawasakiDoença de Kawasaki
Doença de Kawasaki
 
Graça
GraçaGraça
Graça
 
Escarlatina aula
Escarlatina aulaEscarlatina aula
Escarlatina aula
 
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 29
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 29Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 29
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 29
 
Doenças infantis
Doenças infantisDoenças infantis
Doenças infantis
 
Dermatoses neonatais de importância clínica: notificação no prontuário do rec...
Dermatoses neonatais de importância clínica: notificação no prontuário do rec...Dermatoses neonatais de importância clínica: notificação no prontuário do rec...
Dermatoses neonatais de importância clínica: notificação no prontuário do rec...
 
Doença de Kawasaki
Doença de Kawasaki  Doença de Kawasaki
Doença de Kawasaki
 
Suprarrenal clase
Suprarrenal claseSuprarrenal clase
Suprarrenal clase
 
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 11
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 11Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 11
Serviço de infectologia pediátrica caso clínico 11
 
Enfermedades exantemáticas
Enfermedades exantemáticasEnfermedades exantemáticas
Enfermedades exantemáticas
 
6542111 neoplasias-de-tireoide
6542111 neoplasias-de-tireoide6542111 neoplasias-de-tireoide
6542111 neoplasias-de-tireoide
 
Fiebre Escarlatina y faringoamigdalitis
Fiebre Escarlatina y faringoamigdalitisFiebre Escarlatina y faringoamigdalitis
Fiebre Escarlatina y faringoamigdalitis
 
Manual de Alterações Fisiológicas do Recém - Nascido
Manual de Alterações Fisiológicas do Recém - NascidoManual de Alterações Fisiológicas do Recém - Nascido
Manual de Alterações Fisiológicas do Recém - Nascido
 

Semelhante a Doenças+exantemática

Leptospirose Rodrigo.pptx
Leptospirose  Rodrigo.pptxLeptospirose  Rodrigo.pptx
Leptospirose Rodrigo.pptxFilipeBezerra15
 
Síndromes da Deleção 13q -Relato
Síndromes da Deleção 13q -RelatoSíndromes da Deleção 13q -Relato
Síndromes da Deleção 13q -RelatoBrunno Rosique
 
Resumo doenças exantemáticas
Resumo doenças exantemáticasResumo doenças exantemáticas
Resumo doenças exantemáticasLívia Zadra
 
Profilaxia da raiva humana 2012 reduzido parte 1
Profilaxia da raiva humana 2012   reduzido parte 1Profilaxia da raiva humana 2012   reduzido parte 1
Profilaxia da raiva humana 2012 reduzido parte 1Hosana maniero
 
Sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos - caprinos e ovinos
Sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos - caprinos e ovinosSanidade e enfermidade de caprinos e ovinos - caprinos e ovinos
Sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos - caprinos e ovinosMarília Gomes
 
Aula sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos
Aula   sanidade e enfermidade de caprinos e ovinosAula   sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos
Aula sanidade e enfermidade de caprinos e ovinosCutrim Junior
 
Chikungunya
Chikungunya Chikungunya
Chikungunya Claupaiva
 
Chikungunya
Chikungunya Chikungunya
Chikungunya Claupaiva
 
Coqueluche
Coqueluche  Coqueluche
Coqueluche blogped1
 
Caso clínico leishmaniose visceral
Caso clínico leishmaniose visceralCaso clínico leishmaniose visceral
Caso clínico leishmaniose visceralProfessor Robson
 
Tosse na infância
Tosse na infânciaTosse na infância
Tosse na infânciablogped1
 
Exame do Recém-Nascido
Exame do Recém-NascidoExame do Recém-Nascido
Exame do Recém-NascidoEnayad
 
Doenças de suídeos OIE
Doenças de suídeos OIEDoenças de suídeos OIE
Doenças de suídeos OIEMarília Gomes
 
Micoses pulmonares e sistemicas
Micoses pulmonares e sistemicasMicoses pulmonares e sistemicas
Micoses pulmonares e sistemicasManzelio Cavazzana
 
Saúde da família e Dengue - Intensivo Estado
Saúde da família e Dengue - Intensivo EstadoSaúde da família e Dengue - Intensivo Estado
Saúde da família e Dengue - Intensivo EstadoIsmael Costa
 

Semelhante a Doenças+exantemática (20)

Febre chikungunya
Febre chikungunya Febre chikungunya
Febre chikungunya
 
Caso clinico plect
Caso clinico  plectCaso clinico  plect
Caso clinico plect
 
Leptospirose Rodrigo.pptx
Leptospirose  Rodrigo.pptxLeptospirose  Rodrigo.pptx
Leptospirose Rodrigo.pptx
 
Síndromes da Deleção 13q -Relato
Síndromes da Deleção 13q -RelatoSíndromes da Deleção 13q -Relato
Síndromes da Deleção 13q -Relato
 
Resumo doenças exantemáticas
Resumo doenças exantemáticasResumo doenças exantemáticas
Resumo doenças exantemáticas
 
Profilaxia da raiva humana 2012 reduzido parte 1
Profilaxia da raiva humana 2012   reduzido parte 1Profilaxia da raiva humana 2012   reduzido parte 1
Profilaxia da raiva humana 2012 reduzido parte 1
 
Sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos - caprinos e ovinos
Sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos - caprinos e ovinosSanidade e enfermidade de caprinos e ovinos - caprinos e ovinos
Sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos - caprinos e ovinos
 
Aula sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos
Aula   sanidade e enfermidade de caprinos e ovinosAula   sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos
Aula sanidade e enfermidade de caprinos e ovinos
 
Infeccoes perinatais torch
Infeccoes perinatais torchInfeccoes perinatais torch
Infeccoes perinatais torch
 
Chikungunya
Chikungunya Chikungunya
Chikungunya
 
Chikungunya
Chikungunya Chikungunya
Chikungunya
 
Coqueluche
Coqueluche  Coqueluche
Coqueluche
 
Caso clínico leishmaniose visceral
Caso clínico leishmaniose visceralCaso clínico leishmaniose visceral
Caso clínico leishmaniose visceral
 
PNEUMONIAS.pptx
PNEUMONIAS.pptxPNEUMONIAS.pptx
PNEUMONIAS.pptx
 
Tosse na infância
Tosse na infânciaTosse na infância
Tosse na infância
 
Sindromes-Exantematicas.pdf
Sindromes-Exantematicas.pdfSindromes-Exantematicas.pdf
Sindromes-Exantematicas.pdf
 
Exame do Recém-Nascido
Exame do Recém-NascidoExame do Recém-Nascido
Exame do Recém-Nascido
 
Doenças de suídeos OIE
Doenças de suídeos OIEDoenças de suídeos OIE
Doenças de suídeos OIE
 
Micoses pulmonares e sistemicas
Micoses pulmonares e sistemicasMicoses pulmonares e sistemicas
Micoses pulmonares e sistemicas
 
Saúde da família e Dengue - Intensivo Estado
Saúde da família e Dengue - Intensivo EstadoSaúde da família e Dengue - Intensivo Estado
Saúde da família e Dengue - Intensivo Estado
 

Mais de blogped1

Roteiro de Consulta de Puericultura
Roteiro de Consulta de PuericulturaRoteiro de Consulta de Puericultura
Roteiro de Consulta de Puericulturablogped1
 
Febre amarela: Nota Informativa
Febre amarela: Nota InformativaFebre amarela: Nota Informativa
Febre amarela: Nota Informativablogped1
 
Internato em Pediatria I da UFRN - Relatório 2016
Internato em Pediatria I da UFRN - Relatório 2016Internato em Pediatria I da UFRN - Relatório 2016
Internato em Pediatria I da UFRN - Relatório 2016blogped1
 
ABCDE do Desenvolvimento Neuropsicomotor (DNPM) no Primeiro Ano de Vida
ABCDE do Desenvolvimento Neuropsicomotor (DNPM) no Primeiro Ano de VidaABCDE do Desenvolvimento Neuropsicomotor (DNPM) no Primeiro Ano de Vida
ABCDE do Desenvolvimento Neuropsicomotor (DNPM) no Primeiro Ano de Vidablogped1
 
Diagnóstico diferencial de bócio na infância
Diagnóstico diferencial de bócio na infânciaDiagnóstico diferencial de bócio na infância
Diagnóstico diferencial de bócio na infânciablogped1
 
PÚRPURA DE HENOCH- SCHONLEIN
PÚRPURA DE HENOCH- SCHONLEIN PÚRPURA DE HENOCH- SCHONLEIN
PÚRPURA DE HENOCH- SCHONLEIN blogped1
 
Psoríase na infância
Psoríase na infânciaPsoríase na infância
Psoríase na infânciablogped1
 
Revised WHO classification and treatment of childhoold pneumonia at facilities
Revised WHO classification and treatment of childhoold pneumonia at facilitiesRevised WHO classification and treatment of childhoold pneumonia at facilities
Revised WHO classification and treatment of childhoold pneumonia at facilitiesblogped1
 
Sinusite Bacteriana Aguda
Sinusite Bacteriana AgudaSinusite Bacteriana Aguda
Sinusite Bacteriana Agudablogped1
 
Otite Média Aguda (OMA) / Acutes Otites Media
Otite Média Aguda (OMA) / Acutes Otites MediaOtite Média Aguda (OMA) / Acutes Otites Media
Otite Média Aguda (OMA) / Acutes Otites Mediablogped1
 
Paralisia Facial
Paralisia FacialParalisia Facial
Paralisia Facialblogped1
 
Nota informativa 149 - Mudanças no Calendário Nacional de Vacinação - 2016
Nota informativa 149 - Mudanças no Calendário Nacional de Vacinação - 2016Nota informativa 149 - Mudanças no Calendário Nacional de Vacinação - 2016
Nota informativa 149 - Mudanças no Calendário Nacional de Vacinação - 2016blogped1
 
Giant congenital juvenile xanthogranuloma
Giant congenital juvenile xanthogranulomaGiant congenital juvenile xanthogranuloma
Giant congenital juvenile xanthogranulomablogped1
 
Tonsillitis in children: unnecessary laboratpry studies and antibiotic use.
Tonsillitis in children: unnecessary laboratpry studies and antibiotic use.Tonsillitis in children: unnecessary laboratpry studies and antibiotic use.
Tonsillitis in children: unnecessary laboratpry studies and antibiotic use.blogped1
 
Hipoglicemia Neonatal
Hipoglicemia  Neonatal Hipoglicemia  Neonatal
Hipoglicemia Neonatal blogped1
 
Síndromes Neurocutâneas : Revisão e Leitura Conceitual
Síndromes Neurocutâneas : Revisão e Leitura ConceitualSíndromes Neurocutâneas : Revisão e Leitura Conceitual
Síndromes Neurocutâneas : Revisão e Leitura Conceitualblogped1
 
Malformações extra-cardíacas em pacientes com cardiopatias congênitas atendid...
Malformações extra-cardíacas em pacientes com cardiopatias congênitas atendid...Malformações extra-cardíacas em pacientes com cardiopatias congênitas atendid...
Malformações extra-cardíacas em pacientes com cardiopatias congênitas atendid...blogped1
 
Icterícia neonatal
 Icterícia neonatal  Icterícia neonatal
Icterícia neonatal blogped1
 
Picnodisostose
PicnodisostosePicnodisostose
Picnodisostoseblogped1
 
Internato em Pediatria I - 2015 - Sob a ótica Discente
Internato em Pediatria I - 2015 - Sob a ótica DiscenteInternato em Pediatria I - 2015 - Sob a ótica Discente
Internato em Pediatria I - 2015 - Sob a ótica Discenteblogped1
 

Mais de blogped1 (20)

Roteiro de Consulta de Puericultura
Roteiro de Consulta de PuericulturaRoteiro de Consulta de Puericultura
Roteiro de Consulta de Puericultura
 
Febre amarela: Nota Informativa
Febre amarela: Nota InformativaFebre amarela: Nota Informativa
Febre amarela: Nota Informativa
 
Internato em Pediatria I da UFRN - Relatório 2016
Internato em Pediatria I da UFRN - Relatório 2016Internato em Pediatria I da UFRN - Relatório 2016
Internato em Pediatria I da UFRN - Relatório 2016
 
ABCDE do Desenvolvimento Neuropsicomotor (DNPM) no Primeiro Ano de Vida
ABCDE do Desenvolvimento Neuropsicomotor (DNPM) no Primeiro Ano de VidaABCDE do Desenvolvimento Neuropsicomotor (DNPM) no Primeiro Ano de Vida
ABCDE do Desenvolvimento Neuropsicomotor (DNPM) no Primeiro Ano de Vida
 
Diagnóstico diferencial de bócio na infância
Diagnóstico diferencial de bócio na infânciaDiagnóstico diferencial de bócio na infância
Diagnóstico diferencial de bócio na infância
 
PÚRPURA DE HENOCH- SCHONLEIN
PÚRPURA DE HENOCH- SCHONLEIN PÚRPURA DE HENOCH- SCHONLEIN
PÚRPURA DE HENOCH- SCHONLEIN
 
Psoríase na infância
Psoríase na infânciaPsoríase na infância
Psoríase na infância
 
Revised WHO classification and treatment of childhoold pneumonia at facilities
Revised WHO classification and treatment of childhoold pneumonia at facilitiesRevised WHO classification and treatment of childhoold pneumonia at facilities
Revised WHO classification and treatment of childhoold pneumonia at facilities
 
Sinusite Bacteriana Aguda
Sinusite Bacteriana AgudaSinusite Bacteriana Aguda
Sinusite Bacteriana Aguda
 
Otite Média Aguda (OMA) / Acutes Otites Media
Otite Média Aguda (OMA) / Acutes Otites MediaOtite Média Aguda (OMA) / Acutes Otites Media
Otite Média Aguda (OMA) / Acutes Otites Media
 
Paralisia Facial
Paralisia FacialParalisia Facial
Paralisia Facial
 
Nota informativa 149 - Mudanças no Calendário Nacional de Vacinação - 2016
Nota informativa 149 - Mudanças no Calendário Nacional de Vacinação - 2016Nota informativa 149 - Mudanças no Calendário Nacional de Vacinação - 2016
Nota informativa 149 - Mudanças no Calendário Nacional de Vacinação - 2016
 
Giant congenital juvenile xanthogranuloma
Giant congenital juvenile xanthogranulomaGiant congenital juvenile xanthogranuloma
Giant congenital juvenile xanthogranuloma
 
Tonsillitis in children: unnecessary laboratpry studies and antibiotic use.
Tonsillitis in children: unnecessary laboratpry studies and antibiotic use.Tonsillitis in children: unnecessary laboratpry studies and antibiotic use.
Tonsillitis in children: unnecessary laboratpry studies and antibiotic use.
 
Hipoglicemia Neonatal
Hipoglicemia  Neonatal Hipoglicemia  Neonatal
Hipoglicemia Neonatal
 
Síndromes Neurocutâneas : Revisão e Leitura Conceitual
Síndromes Neurocutâneas : Revisão e Leitura ConceitualSíndromes Neurocutâneas : Revisão e Leitura Conceitual
Síndromes Neurocutâneas : Revisão e Leitura Conceitual
 
Malformações extra-cardíacas em pacientes com cardiopatias congênitas atendid...
Malformações extra-cardíacas em pacientes com cardiopatias congênitas atendid...Malformações extra-cardíacas em pacientes com cardiopatias congênitas atendid...
Malformações extra-cardíacas em pacientes com cardiopatias congênitas atendid...
 
Icterícia neonatal
 Icterícia neonatal  Icterícia neonatal
Icterícia neonatal
 
Picnodisostose
PicnodisostosePicnodisostose
Picnodisostose
 
Internato em Pediatria I - 2015 - Sob a ótica Discente
Internato em Pediatria I - 2015 - Sob a ótica DiscenteInternato em Pediatria I - 2015 - Sob a ótica Discente
Internato em Pediatria I - 2015 - Sob a ótica Discente
 

Doenças+exantemática

  • 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO DE CIÊNCIAS DA SÁUDE HOSPED- INTERNATO EM PEDIATRIA I DOENÇAS EXANTEMÁTICAS DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER MARÇO DE 2012
  • 2. CASO CLÍNICO • Identificação: L.G.B.M., masculino, 06 meses, natural e procedente de Natal; • Peso:10,510kg (P>97); • Vacinação: atualizada; • Alimentação: Aleitamento materno complementar; • QP: “ Manchas avermelhadas no corpo há 3 dias”; • HDA: Mãe relata febre há 05 dias, não aferida, que cedia com o uso de Paracetamol. Há 03 dias a febre cessou, a partir de então apresentou um quadro de exantema maculopapular, inicialmente em face que evoluiu para tronco. Nega queda do estado geral ou uso de fármacos; • Exame físico: Exantema maculopapular de coloração rosácea, em face, tórax e dorso. Apresentando áreas lesadas intercalando-se com áreas sadias. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 3. EXANTEMAS QUALQUER ALTERAÇÃO DA COR OU ESTRUTURA DA PELE  ANAMNESE:  DISTRIBUIÇÃO: • Idade; • Cefalocaudal; • Procedência; • Centrípeta; • Imunidade; • Centrífuga. • Fontes de contágio; • Uso de medicamentos e história de alergia; • Pródromos.  EVOLUÇÃO:  EXAME FÍSICO: • De um tipo para outro; • Estado geral; • Tempo; • Adenomegalias; • Confluência. • Sinais patognomônicos. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 4. CLASSIFICAÇÃO • Maculopapular: • Morbiliforme: áreas lesadas intercaladas com áreas sadias; • Escarlatiniforme: uniforme, micropapular, aspecto de lixa; • Rubeoliforme: pele lesada intercalando com pele sã; • Urticariforme: mal delimitadas • Papulovesicular; • Petequial ou purpúrico; • Nodular ou ulcerativo. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 5. EXANTEMA MACULOPAPULAR MORBILIFORME RUBEOLIFORME DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 6. EXANTEMA MACULOPAPULAR ESCARLATINIFORME URTICARIFORME DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 7. EXANTEMA SÚBITO • Roséola infantum; • Agente etiológico: Herpes vírus 6 e 7; • PI:5 a 15 dias; • Idade: 6 meses a 03 anos; • Quadro clínico: febre alta por 2 a 5 dias, seguido de exantema maculopapular difuso. Lesões discretas e não coalescentes, inicialmente em tronco, de curta duração (24-72h). • Irritabilidade e EG preservado; • Podem ocorrer: alterações respiratórias e gastrointestinais. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 8. RUBÉOLA • Assintomáticos (25-52%); • PI:14 a 21 dias; • Período de contágio: 7 dias antes e 7 dias após; • Idade: escolar e adulto jovem; • Quadro clínico: Exantema macular discreto, início em face; • Pródromos; • Sinal de Theodor e mancha de Forccheimer. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 9. RUBÉOLA DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 10. SARAMPO • PI:7 a 12 dias; • Período de contágio: 5 dias antes e depois do exantema; • Idade: pré-escolar e escolar; • Quadro clínico: • Pródromos: febre, tosse, coriza e conjuntivite por 3 a 4 dias; •Exantema maculopapular, crânio- caudal, inicia em região retroauricular; • Manchas de Koplik: 2 a 4 dias antes e depois do exantema; •Complicações: pneumonia, diarréia, encefalite. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 11. ERITEMA INFECCIOSO • Agente etiológico: parvovírus B19; •PI:14 dias; • Idade: 5 a 12 anos; • Quadro clínico: • Pródromos: febre baixa, odinofagia; •Exantema maculopapular malar que evolui para tronco e extremidades; • Face esbofeteada. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 12. ESCARLATINA • Agente etiológico: Streptococcus pyogenes, grupo A de Lancefield; •PI:2 a 4 dias nos casos de faringite e 7 a 10 dias por piodermite; • Idade: pré-escolar e escolar (3-12 anos); • Quadro clínico: • Pródromos: febre, odinofagia, mal-estar, vômitos (12-48h); • Exantema difuso, micropapular, aspecto de lixa. Inicia-se na região torácica, rápida disseminação para tronco, pescoço e membros, poupa palma das mãos e plantas dos pés; •Sinal de Filatov; •Língua saburrosa; •Língua em framboesa; •Sinal de Pastia; •Descamação em dedo de luva. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER CASO CLÍNICO - ERISIPELA
  • 13. ESCARLATINA DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 14. ESCARLATINA DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS
  • 15. DENGUE •PI:3 a 6 dias; • Período prodrômico: cerca de 3 dias; • Período exantemático: do 3º ao 7º dia; • Quadro clínico: • Maioria maculopapular - 30% surge após declínio da febre; • Pode acometer região palmo-plantar; • Prurido; • Pode ser morbiliformre escarlatiniforme e petequial. DDA. CARLA ANDRÉA PONTES STAUDINGER DOENÇAS EXANTEMÁTICAS