SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 44
Baixar para ler offline
FACULDADE SUMARÉ PROFESSOR DONIZETE TECNOLOGIA  DA EDUCAÇÃO
As aparências enganam
ALESSANDRA  SOUZA  RA 0723384 BIANCA RODRIGUES  RA 0723606 MARIA A. H. NADER  RA 0721379 ROSANA NOVAIS  RA 0723392 ESTRELANDO
História que o povo conta........   ,[object Object],[object Object],Minha nossa senhora... Qui luga grande !
Chegando em São Paulo, Amanda começa a morar de favor na casa de uma prima, que conseguiu arrumar um bico de doméstica para ela. O pouco dinheiro que Amanda juntava, mandava para os filhos lá no  s ert ão  de Goiás. O tempo foi se passando, e Amanda cansada de levar essa vida difícil, decide pegar o dinheiro que estava juntando  há  algum tempo e resolve fazer um curso superior, pois já tinha feito o ensino médio em Goiás, e assim arrumaria um emprego melhor para ajudar seus filhos   Seja o que Deus quiser
No primeiro dia, o professor pede que Amanda se apresente a sala.........   Você pode se apresentar ,  por favor? Meu nome é Amanda ,  vim recentemente de Goiás para tentar a vida aqui em São Paulo.
Amanda se entrosa facilmente com o grupo. Nossa! Dois filhos ? É ,  ficaram  com minha  mãe. ?
Amanda tinha que fazer um trabalho da faculdade, e  ficou  no grupo de P é rola e Betina... Então, tem inicio uma grande amizade entre as três...
As garotas convidaram Amanda para ir a um barzinho para discutirem sobre o trabalho. De começo,  ela  recusa o convite, mas acaba  caindo  na lábia de Betina e aceita ir... Gente eu não entendo nada desse assunto! Temos que pesquisar … 3- Desde quando ela pesquisa ?
Depois de muita  enrolação , as meninas mudam o rumo da conversa e começam a dar conselhos a Amanda.   Sabe Amanda, você deveria se arrumar um pouco mais.. . Como assim? Acho que tem que ser um pouco mais ousada. Você é tão bonita! Vamos  ao  banheiro, que vou te dar uns toques...
Chegando no banheiro.... Bom, a Pérola já começou a se enfeitar . Há!há!  Eu não tenho jeito pra isso ! Vamos te ajudar...
Vamos soltar esse cabelo, e dar um jeitinho nessa blusinha.. Agora faz o favor de encolher essa barriga!  Pra você é fácil né? o magrela...   ? Há!Ha.. Engraçadinha!
Agora, sim, já colocou um batom, t á  mais bonita!!! Só vocês mesmo.... Chega de blá blá blá.... Vamos voltar pro bar e paquerar uns gatinhos...
Não se contentando com a mudança visual de Amanda ,  as meninas começam a ensiná-la a mudar sua postura. Betina! Acho que tem alguém se achando. . . A h… Pérola, to feliz, esto me achano mais bunita... Está mesmo. Só falta mudar um pouco o sotaque, e corrigir a postura....
Amanda começa a se soltar... Será que eu arrumo um gatinho hoje? Duvido .   E sse bar é muito parado. Eu já desisti... Bom ,..  quem quer, corre atrás meu bem... Eu vou dar uma saída. Não esperem por mim.
Betina se levanta e sai do bar. Chegando ao estacionamento, paquera um cliente que acaba de chegar. P siu... Oi..... Olá, bonitão! Tá afim de um encontro hoje? Não.. Não.. .   E stou atrasado p a ra uma reunião ..  Co m  licença..
Ela insistiu..... Pensa bem... Eu tenho certeza que você vai amar... Bom, sendo assim... Vou terminar a reunião. Daqui a 30 minutos, passo na primeira rua e te pego, ok ?  Gostosa!!!
30 minutos depois..... Pensei que não viria... Não perderia isso por nada....
Mais um dia, na faculdade... Bom dia ,  Amanda ! Bom dia...
E, como sempre, Pérola chega atrasada... Droga...
Em sala de aula, o professor pergunta como está o andamento do trabalho... E a í  classe .   O s grupos que terminaram o trabalho, já podem ir me entregando....
Pérola, tenta convencer o professor a dar mais um tempo para que possa m  entregar o trabalho, pois não conseguiram terminá -lo ... Preciso me encontrar com você hoje, sem falta.  Tudo bem, mas tira a mãozinha boba daí.. Minha mulher tá na área... Pode deixar que eu vou... na mesma hora e no mesmo local... agora vai...
As meninas se encontram para estudar, mas, como sempre, rola a maior festa .... E ai? Vamos pro barzinho hoje? A h!   E u vou ,  pois da outra vez o rapaz que trabalha lá me paquerou  Eu não posso. Já tenho um compromisso,   mas se der eu apareço l á,  ok ?
Amanda chegou no barzinho, mas não encontrou Betina .   E quanto isso, começa a conversar com seu novo amigo... Você est á  tão diferente da  ú ltima vez que eu te vi aqui no barzinho! O que aconteceu? 2- Foi influência das meninas. Elas disseram que eu precisava mudar um pouco o visual!
S e eu te contar um segredo, você não vai ficar com raiva? Claro que não, jamais... Suas amigas ,  são prostitutas ! O quê ?!
Amanda ficou super chateada. Tentou ligar para Betina, mas não conseguiu. Então, resolve u  ir embora... Antes de Amanda ir, Gustavo disse que havia se apaixonado por ela e que se ela aceitasse se casar com ele, mandaria buscar seus filhos para morar com eles. D roga !   C aiu na secretária eletrônica.... V ou me casar com o Gustavo e voltar a ser quem eu era... Isso não sou eu.. Fiquei tanto tempo sem ligar pros meus filhos... Após o  s inal deixe seu  recado....
Enquanto isso, Betina.... Fica mais um pouco comigo ,  amor! Eu não posso, meu bem. Você não quer um carro novo? Então preciso trabalhar.. . A gente se vê em casa  então,  tá ?
Na profissão ,  Betina e Pérola dividem a mesma praça....
A Betina já atendeu 4 clientes, e eu apenas 2. Isso não é justo....
Enquanto Betina espera chegar mais um cliente, aparece uma colega da faculdade... Betina! O que faz aqui? Estou tentando trabalhar Ruth . Não est á  vendo ?
Eu não acredito que você trabalha nisso, Betina. Pára com essa vida... Você é bonita, faz faculdade, pode arrumar um emprego digno... Sai dessa... Eu sei bem o que faço da minha vida, Ruth.  O brigada pelo conselho! Um emprego honesto não paga o que eu gasto...
Enquanto  rolava a conversa, Pérola  pegou  o cliente de Betina, e  foram  para o motel..
Betina, cansada de esperar, liga para um outro cliente e marca um encontro mais tarde....
Na faculdade, Amanda chama as meninas para conversar  juntamente com a reitora da faculdade e deixa bem claro que não queria mais andar com elas, não pelo fato de serem prostitutas, mas por tê-la  manipulado de tal forma, que quase perdeu a sua identidade... O que vocês fazem fora da faculdade não me interessa ,  só não quero safadeza aqui dentro, ouviram? Sim, senhora! Cara, você viu essa?
No passar dos dias...... Betina!!! O quê ? V em aqui...
Começa uma discussão.... Eu já tinha te avisado que não queria você roubando meus clientes da faculdade... Seus clientes? Você bebeu....
Eu já te avisei, não vou falar de novo! Tira o dedo do meu rosto. Tá ficando louca? Não tenho culpa se eles preferem me procurar...
Você merece isso … Plaff.. Ahhh ...
Inicia-se uma briga.... Sua loca... Eu não tenho medo de você ! Aiiiii !
Pérola sai do banheiro, mas diz que se Betina não fosse embora da faculdade, acabaria com a raça dela. poin Cretina ! Filha da…
Betina decide ir embora... Essa vagabunda conhece gente da pesada. Acho melhor trocar de ponto, mas um dia ela me paga !
Pérola, satisfeita por ter colocado Betina pra correr, comemora seu ponto com seu cliente preferido... Tá no papo...
As aparências enganam...
F m i

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (19)

A arte da_amizade ok
A arte da_amizade    okA arte da_amizade    ok
A arte da_amizade ok
 
Cap 8
Cap 8Cap 8
Cap 8
 
Feliz 29 anos amor!
Feliz 29 anos amor!Feliz 29 anos amor!
Feliz 29 anos amor!
 
A amiga verdadeira
A amiga verdadeiraA amiga verdadeira
A amiga verdadeira
 
Michele
MicheleMichele
Michele
 
O DETETIVE CEGO - Livro erótico
O DETETIVE CEGO - Livro eróticoO DETETIVE CEGO - Livro erótico
O DETETIVE CEGO - Livro erótico
 
Tese Doutorado Ana Barandas - versao final
Tese Doutorado Ana Barandas - versao finalTese Doutorado Ana Barandas - versao final
Tese Doutorado Ana Barandas - versao final
 
QUEM SOU EU? ALUNOS DO NOGUEIRA..
QUEM SOU EU? ALUNOS DO NOGUEIRA..QUEM SOU EU? ALUNOS DO NOGUEIRA..
QUEM SOU EU? ALUNOS DO NOGUEIRA..
 
CENAS DE SEXO
CENAS DE SEXOCENAS DE SEXO
CENAS DE SEXO
 
Episodio 2 uma questão de identidade
Episodio 2  uma questão de identidadeEpisodio 2  uma questão de identidade
Episodio 2 uma questão de identidade
 
Autobiografia
AutobiografiaAutobiografia
Autobiografia
 
O amor é míope
O amor é míopeO amor é míope
O amor é míope
 
Rendida por você parte l ll e lll (1)
Rendida por você parte l ll e lll (1)Rendida por você parte l ll e lll (1)
Rendida por você parte l ll e lll (1)
 
Um amor cego
Um amor cegoUm amor cego
Um amor cego
 
Carlos Drummond
Carlos DrummondCarlos Drummond
Carlos Drummond
 
Eveelyn limaã !
Eveelyn limaã !Eveelyn limaã !
Eveelyn limaã !
 
Autobiografia
AutobiografiaAutobiografia
Autobiografia
 
Amigos loucos
Amigos loucosAmigos loucos
Amigos loucos
 
Leninha Saudade Eterna
Leninha Saudade EternaLeninha Saudade Eterna
Leninha Saudade Eterna
 

Destaque

Habilidade: Inferir uma ideia implícita no texto
Habilidade: Inferir uma ideia implícita no textoHabilidade: Inferir uma ideia implícita no texto
Habilidade: Inferir uma ideia implícita no textoAline Fernandes
 
SEMIÓTICA | CONCEITOS DE SIGNO
SEMIÓTICA | CONCEITOS DE SIGNOSEMIÓTICA | CONCEITOS DE SIGNO
SEMIÓTICA | CONCEITOS DE SIGNOAndrea Dalforno
 
Inferências - pressuposto e subentendido
Inferências - pressuposto e subentendidoInferências - pressuposto e subentendido
Inferências - pressuposto e subentendidoAna Lúcia Moura Neves
 
Semiótica - ícone, índice e símbolo
Semiótica - ícone, índice e símboloSemiótica - ícone, índice e símbolo
Semiótica - ícone, índice e símboloBruno Santos
 
Signos | Semiótica: símbolo, índice e ícone
Signos | Semiótica: símbolo, índice e íconeSignos | Semiótica: símbolo, índice e ícone
Signos | Semiótica: símbolo, índice e íconeThaís Rodrigues
 

Destaque (7)

Habilidade: Inferir uma ideia implícita no texto
Habilidade: Inferir uma ideia implícita no textoHabilidade: Inferir uma ideia implícita no texto
Habilidade: Inferir uma ideia implícita no texto
 
SEMIÓTICA | CONCEITOS DE SIGNO
SEMIÓTICA | CONCEITOS DE SIGNOSEMIÓTICA | CONCEITOS DE SIGNO
SEMIÓTICA | CONCEITOS DE SIGNO
 
Inferência
InferênciaInferência
Inferência
 
Pressuposto e subentendido
Pressuposto e subentendidoPressuposto e subentendido
Pressuposto e subentendido
 
Inferências - pressuposto e subentendido
Inferências - pressuposto e subentendidoInferências - pressuposto e subentendido
Inferências - pressuposto e subentendido
 
Semiótica - ícone, índice e símbolo
Semiótica - ícone, índice e símboloSemiótica - ícone, índice e símbolo
Semiótica - ícone, índice e símbolo
 
Signos | Semiótica: símbolo, índice e ícone
Signos | Semiótica: símbolo, índice e íconeSignos | Semiótica: símbolo, índice e ícone
Signos | Semiótica: símbolo, índice e ícone
 

Mais de Donizete Soares

Encontros e Desencontros
Encontros e DesencontrosEncontros e Desencontros
Encontros e DesencontrosDonizete Soares
 
Por que viemos para a PUC
Por que viemos para a PUCPor que viemos para a PUC
Por que viemos para a PUCDonizete Soares
 
A Educação no Brasil no Período da Segunda República
A Educação no Brasil no Período da Segunda RepúblicaA Educação no Brasil no Período da Segunda República
A Educação no Brasil no Período da Segunda RepúblicaDonizete Soares
 
Violência doméstica contra a Mulher
Violência doméstica contra a MulherViolência doméstica contra a Mulher
Violência doméstica contra a MulherDonizete Soares
 
Violência contra a Mulher
Violência contra a MulherViolência contra a Mulher
Violência contra a MulherDonizete Soares
 
A operária e as laranjas Tec N2 A Imirim 2008d
A operária e as laranjas   Tec N2 A   Imirim 2008dA operária e as laranjas   Tec N2 A   Imirim 2008d
A operária e as laranjas Tec N2 A Imirim 2008dDonizete Soares
 
Universitárias à beira de um ataque de nervos
Universitárias à beira de um ataque de nervosUniversitárias à beira de um ataque de nervos
Universitárias à beira de um ataque de nervosDonizete Soares
 
Uma palavra pode mudar uma vida
Uma palavra pode mudar uma vidaUma palavra pode mudar uma vida
Uma palavra pode mudar uma vidaDonizete Soares
 

Mais de Donizete Soares (20)

Proposta de cursos
Proposta de cursosProposta de cursos
Proposta de cursos
 
* Formação política
* Formação política* Formação política
* Formação política
 
Preconceito
PreconceitoPreconceito
Preconceito
 
Poemas de Brecht
Poemas de BrechtPoemas de Brecht
Poemas de Brecht
 
Criancas do futuro
Criancas do futuroCriancas do futuro
Criancas do futuro
 
Encontro inesperado
Encontro inesperadoEncontro inesperado
Encontro inesperado
 
Encontros e Desencontros
Encontros e DesencontrosEncontros e Desencontros
Encontros e Desencontros
 
Por que viemos para a PUC
Por que viemos para a PUCPor que viemos para a PUC
Por que viemos para a PUC
 
A Educação no Brasil no Período da Segunda República
A Educação no Brasil no Período da Segunda RepúblicaA Educação no Brasil no Período da Segunda República
A Educação no Brasil no Período da Segunda República
 
Violência doméstica contra a Mulher
Violência doméstica contra a MulherViolência doméstica contra a Mulher
Violência doméstica contra a Mulher
 
Violência doméstica
Violência domésticaViolência doméstica
Violência doméstica
 
Violência contra a Mulher
Violência contra a MulherViolência contra a Mulher
Violência contra a Mulher
 
A Carta
A CartaA Carta
A Carta
 
A operária e as laranjas Tec N2 A Imirim 2008d
A operária e as laranjas   Tec N2 A   Imirim 2008dA operária e as laranjas   Tec N2 A   Imirim 2008d
A operária e as laranjas Tec N2 A Imirim 2008d
 
A gande invenção
A gande invençãoA gande invenção
A gande invenção
 
Enterre o John!
Enterre o John!Enterre o John!
Enterre o John!
 
Universitárias à beira de um ataque de nervos
Universitárias à beira de um ataque de nervosUniversitárias à beira de um ataque de nervos
Universitárias à beira de um ataque de nervos
 
Superação
SuperaçãoSuperação
Superação
 
Na úLtima hora
Na úLtima horaNa úLtima hora
Na úLtima hora
 
Uma palavra pode mudar uma vida
Uma palavra pode mudar uma vidaUma palavra pode mudar uma vida
Uma palavra pode mudar uma vida
 

As aparências enganam

  • 1. FACULDADE SUMARÉ PROFESSOR DONIZETE TECNOLOGIA DA EDUCAÇÃO
  • 3. ALESSANDRA SOUZA RA 0723384 BIANCA RODRIGUES RA 0723606 MARIA A. H. NADER RA 0721379 ROSANA NOVAIS RA 0723392 ESTRELANDO
  • 4.
  • 5. Chegando em São Paulo, Amanda começa a morar de favor na casa de uma prima, que conseguiu arrumar um bico de doméstica para ela. O pouco dinheiro que Amanda juntava, mandava para os filhos lá no s ert ão de Goiás. O tempo foi se passando, e Amanda cansada de levar essa vida difícil, decide pegar o dinheiro que estava juntando há algum tempo e resolve fazer um curso superior, pois já tinha feito o ensino médio em Goiás, e assim arrumaria um emprego melhor para ajudar seus filhos Seja o que Deus quiser
  • 6. No primeiro dia, o professor pede que Amanda se apresente a sala......... Você pode se apresentar , por favor? Meu nome é Amanda , vim recentemente de Goiás para tentar a vida aqui em São Paulo.
  • 7. Amanda se entrosa facilmente com o grupo. Nossa! Dois filhos ? É , ficaram com minha mãe. ?
  • 8. Amanda tinha que fazer um trabalho da faculdade, e ficou no grupo de P é rola e Betina... Então, tem inicio uma grande amizade entre as três...
  • 9. As garotas convidaram Amanda para ir a um barzinho para discutirem sobre o trabalho. De começo, ela recusa o convite, mas acaba caindo na lábia de Betina e aceita ir... Gente eu não entendo nada desse assunto! Temos que pesquisar … 3- Desde quando ela pesquisa ?
  • 10. Depois de muita enrolação , as meninas mudam o rumo da conversa e começam a dar conselhos a Amanda. Sabe Amanda, você deveria se arrumar um pouco mais.. . Como assim? Acho que tem que ser um pouco mais ousada. Você é tão bonita! Vamos ao banheiro, que vou te dar uns toques...
  • 11. Chegando no banheiro.... Bom, a Pérola já começou a se enfeitar . Há!há! Eu não tenho jeito pra isso ! Vamos te ajudar...
  • 12. Vamos soltar esse cabelo, e dar um jeitinho nessa blusinha.. Agora faz o favor de encolher essa barriga! Pra você é fácil né? o magrela... ? Há!Ha.. Engraçadinha!
  • 13. Agora, sim, já colocou um batom, t á mais bonita!!! Só vocês mesmo.... Chega de blá blá blá.... Vamos voltar pro bar e paquerar uns gatinhos...
  • 14. Não se contentando com a mudança visual de Amanda , as meninas começam a ensiná-la a mudar sua postura. Betina! Acho que tem alguém se achando. . . A h… Pérola, to feliz, esto me achano mais bunita... Está mesmo. Só falta mudar um pouco o sotaque, e corrigir a postura....
  • 15. Amanda começa a se soltar... Será que eu arrumo um gatinho hoje? Duvido . E sse bar é muito parado. Eu já desisti... Bom ,.. quem quer, corre atrás meu bem... Eu vou dar uma saída. Não esperem por mim.
  • 16. Betina se levanta e sai do bar. Chegando ao estacionamento, paquera um cliente que acaba de chegar. P siu... Oi..... Olá, bonitão! Tá afim de um encontro hoje? Não.. Não.. . E stou atrasado p a ra uma reunião .. Co m licença..
  • 17. Ela insistiu..... Pensa bem... Eu tenho certeza que você vai amar... Bom, sendo assim... Vou terminar a reunião. Daqui a 30 minutos, passo na primeira rua e te pego, ok ? Gostosa!!!
  • 18. 30 minutos depois..... Pensei que não viria... Não perderia isso por nada....
  • 19. Mais um dia, na faculdade... Bom dia , Amanda ! Bom dia...
  • 20. E, como sempre, Pérola chega atrasada... Droga...
  • 21. Em sala de aula, o professor pergunta como está o andamento do trabalho... E a í classe . O s grupos que terminaram o trabalho, já podem ir me entregando....
  • 22. Pérola, tenta convencer o professor a dar mais um tempo para que possa m entregar o trabalho, pois não conseguiram terminá -lo ... Preciso me encontrar com você hoje, sem falta. Tudo bem, mas tira a mãozinha boba daí.. Minha mulher tá na área... Pode deixar que eu vou... na mesma hora e no mesmo local... agora vai...
  • 23. As meninas se encontram para estudar, mas, como sempre, rola a maior festa .... E ai? Vamos pro barzinho hoje? A h! E u vou , pois da outra vez o rapaz que trabalha lá me paquerou Eu não posso. Já tenho um compromisso, mas se der eu apareço l á, ok ?
  • 24. Amanda chegou no barzinho, mas não encontrou Betina . E quanto isso, começa a conversar com seu novo amigo... Você est á tão diferente da ú ltima vez que eu te vi aqui no barzinho! O que aconteceu? 2- Foi influência das meninas. Elas disseram que eu precisava mudar um pouco o visual!
  • 25. S e eu te contar um segredo, você não vai ficar com raiva? Claro que não, jamais... Suas amigas , são prostitutas ! O quê ?!
  • 26. Amanda ficou super chateada. Tentou ligar para Betina, mas não conseguiu. Então, resolve u ir embora... Antes de Amanda ir, Gustavo disse que havia se apaixonado por ela e que se ela aceitasse se casar com ele, mandaria buscar seus filhos para morar com eles. D roga ! C aiu na secretária eletrônica.... V ou me casar com o Gustavo e voltar a ser quem eu era... Isso não sou eu.. Fiquei tanto tempo sem ligar pros meus filhos... Após o s inal deixe seu recado....
  • 27. Enquanto isso, Betina.... Fica mais um pouco comigo , amor! Eu não posso, meu bem. Você não quer um carro novo? Então preciso trabalhar.. . A gente se vê em casa então, tá ?
  • 28. Na profissão , Betina e Pérola dividem a mesma praça....
  • 29. A Betina já atendeu 4 clientes, e eu apenas 2. Isso não é justo....
  • 30. Enquanto Betina espera chegar mais um cliente, aparece uma colega da faculdade... Betina! O que faz aqui? Estou tentando trabalhar Ruth . Não est á vendo ?
  • 31. Eu não acredito que você trabalha nisso, Betina. Pára com essa vida... Você é bonita, faz faculdade, pode arrumar um emprego digno... Sai dessa... Eu sei bem o que faço da minha vida, Ruth. O brigada pelo conselho! Um emprego honesto não paga o que eu gasto...
  • 32. Enquanto rolava a conversa, Pérola pegou o cliente de Betina, e foram para o motel..
  • 33. Betina, cansada de esperar, liga para um outro cliente e marca um encontro mais tarde....
  • 34. Na faculdade, Amanda chama as meninas para conversar juntamente com a reitora da faculdade e deixa bem claro que não queria mais andar com elas, não pelo fato de serem prostitutas, mas por tê-la manipulado de tal forma, que quase perdeu a sua identidade... O que vocês fazem fora da faculdade não me interessa , só não quero safadeza aqui dentro, ouviram? Sim, senhora! Cara, você viu essa?
  • 35. No passar dos dias...... Betina!!! O quê ? V em aqui...
  • 36. Começa uma discussão.... Eu já tinha te avisado que não queria você roubando meus clientes da faculdade... Seus clientes? Você bebeu....
  • 37. Eu já te avisei, não vou falar de novo! Tira o dedo do meu rosto. Tá ficando louca? Não tenho culpa se eles preferem me procurar...
  • 38. Você merece isso … Plaff.. Ahhh ...
  • 39. Inicia-se uma briga.... Sua loca... Eu não tenho medo de você ! Aiiiii !
  • 40. Pérola sai do banheiro, mas diz que se Betina não fosse embora da faculdade, acabaria com a raça dela. poin Cretina ! Filha da…
  • 41. Betina decide ir embora... Essa vagabunda conhece gente da pesada. Acho melhor trocar de ponto, mas um dia ela me paga !
  • 42. Pérola, satisfeita por ter colocado Betina pra correr, comemora seu ponto com seu cliente preferido... Tá no papo...
  • 44. F m i