A cigarra e a formiga

11.814 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11.814
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4.666
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
237
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A cigarra e a formiga

  1. 1. Num dia soalheiro de Verão, a Cigarra cantava feliz. Enquanto isso, uma Formiga passou por perto. Vinha afadigada, carregando penosamente um grão de trigo que arrastava para o formigueiro.
  2. 2. - Por que não ficas aqui a conversar um pouco comigo, em vez de te afadigares tanto ? – perguntou-lhe a Cigarra. - Preciso de arrecadar comida para o Inverno – respondeu a Formiga. – Aconselho-te a fazeres o mesmo.
  3. 3. - Por que me hei-de preocupar com o Inverno ? Comida não nos falta… - respondeu a Cigarra, olhando em redor. A Formiga não respondeu, continuou o seu trabalho e foi-se embora.
  4. 4. Quando chegou o Inverno, a Cigarra não tinha nada para comer. No entanto, viu que as Formigas tinham muita comida porque a tinham guardado no Verão. Distribuíam-na diariamente entre si e não tinham fome como ela.
  5. 5. A Cigarra resolveu ir ter com a Formiga e pediu-lhe que lhe emprestasse alguma coisa. - É só até chegar aos Verão ! – prometia a Cigarra – Juro que em Agosto devolverei tudo e ainda algo mais. A Formiga perguntou-lhe: - Então, o que fizeste tu todo o Verão, enquanto eu recolhia? - Eu cantava…cantava de noite e de dia. Então a formiga respondeu bruscamente: - Cantavas?! Bravo! Pois agora dança!
  6. 6. A Cigarra resolveu ir ter com a Formiga e pediu-lhe que lhe emprestasse alguma coisa. - É só até chegar aos Verão ! – prometia a Cigarra – Juro que em Agosto devolverei tudo e ainda algo mais. A Formiga perguntou-lhe: - Então, o que fizeste tu todo o Verão, enquanto eu recolhia? - Eu cantava…cantava de noite e de dia. Então a formiga respondeu bruscamente: - Cantavas?! Bravo! Pois agora dança!

×